Você está na página 1de 3

Universidade de Uberaba

Pró-Reitoria de Ensino Superior – PROES


Pró-Reitoria de Educação a Distância - PROEAD

Sistema de avaliação dos cursos EAD - Resolução Nº063/09

Caro (a) aluno(a).

Ao longo de seu curso, inúmeros são os instrumentos avaliativos que visam integrar os
vários momentos de estudos individuais e coletivos. São esses instrumentos que
possibilitam ao professor, ao preceptor e a você reconhecerem os conhecimentos que
estão sendo construídos durante o processo de ensino aprendizagem.

Nesse sentido, é que a Universidade de Uberaba, pela Resolução 63/09, implementa


novas regras para o sistema de avaliação.

Compreendendo a importância de dar visibilidade, segurança e clareza dos critérios


avaliativos adotados é que, em linhas gerais, apresentamos a síntese do sistema de
avaliação dos cursos de graduação EAD.

____________________________________

De acordo com a Resolução Nº 063/09, segue as informações a respeito do sistema de


avaliação que será utilizado para todas as turmas, em cada início de etapa, a partir de
janeiro de 2010:

Artigo 3º - A avaliação da aprendizagem nos cursos EAD será realizada de acordo com
o artigo 4º, do Decreto nº 5.622 – MEC, de 19 de dezembro de 2005, que regulamenta
a oferta de cursos a distância no país:

A avaliação do desempenho do estudante para fins de


promoção, conclusão de estudos e obtenção de diplomas ou certificados dar-se-à no
processo mediante:

 Cumprimento das atividades programadas;

 Realização de exames presenciais.


Artigo 4º - A avaliação da aprendizagem será feita abrangendo os aspectos de
frequência e aproveitamento do aluno, eliminatórios por si mesmos, nos termos da
legislação vigente, sendo o aproveitamento final expresso numericamente em escala
de 0 (zero) a 10 (dez) pontos.

Artigo 5º - Será considerado aprovado o aluno que obtiver a frequência exigida nos
momentos presenciais obrigatórios previsto no projeto pedagógico de cada curso e
média igual ou superior a 7,0 (sete) em cada um dos componentes curriculares da
etapa.

 Parágrafo único. São considerados momentos presenciais obrigatórios as


provas que compõem a avaliação continuada presencial dos alunos, o exame
final, os estágios obrigatórios, a defesa de trabalhos de conclusão de curso, as
práticas em laboratórios de ensino, oficinas e seminários previstos no Projeto
Pedagógico do curso.

Artigo 6º - A avaliação da aprendizagem ocorrerá ao longo de cada etapa, por meio da


avaliação continuada a distância, constituída pelas atividades de estudos e reestudo, e
por meio da avaliação continuada presencial, contendo, no mínimo, duas provas
presenciais.

§1º - A distribuição dos pontos será feita da seguinte forma:

 100 (cem) pontos nas atividades de estudo que compõem a avaliação


continuada a distância (AD), com peso 1 (um);

 100 (cem) pontos na primeira prova presencial (AP1), com peso 2 (dois);

 100 pontos na segunda presencial (AP2), com peso 2 (dois).

A nota final obtida pelo aluno será apurada com o seguinte procedimento1:

AD(100.1) AP1(100.2) AP2(100.2)


NF 10
50

• § 2º - O aluno que obtiver nota final igual ou superior a 7,0 (sete) estará
aprovado no componente curricular.

1
Legenda do procedimento adotado: NF = nota final; AD = avaliação de estudos a
distância/ avaliação continuada de estudos a distância; AP1 = Avaliação Presencial 1;
AP2 = Avaliação Presencial 2.
O aluno que obtiver nota final igual ou superior a 4,0 (quatro) e inferior a 7,0 (sete)
será submetido ao Exame Suplementar (ES), que consistirá em uma prova presencial,
abrangendo todo o conteúdo do componente curricular naquela etapa.

A média final do aluno será o resultado da média aritmética da nota final somada à
nota do exame suplementar dividida por 2:

Média final: NOTA FINAL + EXAME SUPLEMENTAR = 10


2
§ 3º O aluno que não obtiver média final igual ou superior a 7,0 estará reprovado no
componente curricular e entrará em regime de dependência naquele
componente, devendo cursá-lo na etapa imediatamente seguinte.

As dúvidas que por ventura surgirem, devem ser discutidas com seu(a) preceptor(a) ou
CPR que, em última instância, se reportarão à gestão do seu curso.

Atenciosamente,

Coordenação de Desenvolvimento Operacional Pedagógico dos cursos EAD