Você está na página 1de 1

É possível um retrocesso na história da democracia brasileira?

Introdução

Desde que o Brasil se tornou república, seu sistema político passou por diversas crises, como na chamada
“república velha” controlada pelas oligarquias cafeeiras, na era Vargas e até na ditadura militar. A conquista
da liberdade que temos hoje se deu através de muitas lutas e da perseverança e coragem dos que nos
antecederam, assim, ver grupos em manifestações pedindo a volta dos militares ao poder é assustador e
representa um claro retrocesso na democracia brasileira, algo que não podemos permitir.

Aspecto político

Uma idéia bastante difundida entre os adeptos da volta do regime é que na época em que a ditadura ocorria,
apenas criminosos sofriam tortura. Tal pensamento não passa de um senso comum totalmente sem
fundamentação, que, aliás, foi massacrado pelos resultados apresentados pela Comissão Nacional da
Verdade, que mostram inúmeros casos de violação dos direitos humanos e de famílias que até hoje não têm
notícias sobre parentes desaparecidos nessa época.

Aspecto Social/Econômico

Diante da falência nas instituições governamentais e da recessão econômica em que o país se encontra,
protestar e exigir um maior empenho do governo para com essa situação é algo tipicamente democrático e
que faz parte dos direitos dos cidadãos, porém, atentar contra a democracia é abrir mão da liberdade de
expressão e transparência política.

Durante a ditadura, o PIB brasileiro de fato aumentou, porém para isso, os militares retiraram recursos
destinados às políticas sociais e deixaram um enorme rombo na economia, fato que pode ser comprovado
pela inflação altíssima enfrentada pelo país no final da década de 80 e início dos anos 90. Pensar em um
regime ditatorial hoje, em um mundo que tem uma economia interligada é afugentar investidores, prejudicar
as empresas de capital aberto e afundar ainda mais o país em problemas.

Conclusão

Considerar a volta dos militares é algo possível, porém improvável. O Brasil ocupa hoje a 11ª colocação no
ranking das nações mais ricas do planeta, além de nossa economia ser interligada principalmente à norte-
americana. Atentar contra o regime democrático deveria ser considerado crime. Os que apóiam tal ato são
meramente pessoas sem formação histórica adequada que não possuem a mínima noção das barbáries
ocorridas nesse período, assim, a solução para os problemas deve partir da própria democracia. O mundo já
sofreu muito com governos autoritários, não podemos permitir esse retrocesso em nosso país.