Você está na página 1de 3

Gêneros e tipos textuais

Saiba o que são os gêneros e tipos textuais, sua finalidade na comunicação, os tipos e gêneros
textuais e como o conteúdo é cobrado em provas de concurso.

A comunicação é o processo que envolve troca de informações entre interlocutores usando


signos e regras semióticas para se completar. A ação básica de transmitir e receber outra
mensagem de volta configura um processo social primário possibilitado pela linguagem.

Por meio da linguagem, é possível interagir com outros indivíduos, bem como alterar o
discurso conforme o contexto. Observe que, ao longo do dia, é possível que estejamos
envolvidos em diferentes tipos de situações, cada uma exigindo um comportamento linguístico
adequado.

O resultado é o surgimento dos tipos e gêneros textuais. São situações nas quais o falante ou
escritor baseia a construção de determinado discurso visando atender, de forma efetiva, o
contexto no qual está inserido. Vejamos, a seguir, o que são tipos e gêneros textuais, suas
diferenças e relações, além de como isso pode cair na sua prova.

Diferença entre gêneros e tipos textuais

Os tipos textuais configuram-se como modelos fixos e abrangentes que objetivam a distinção e
definição da estrutura, bem como aspectos linguísticos de narração, dissertação, descrição e
explicação. Os tipos textuais apresentam estrutura definida e número limitado de
possibilidades, de cinco a nove tipos.

Os gêneros textuais, por sua vez, apresentam maior diversidade e exercem funções sociais
específicas. Ademais, são passíveis de modificações ao longo do tempo, mesmo que
preservando características preponderantes. Quer um exemplo prático? A carta! Até pouco
tempo, era um dos principais meios de comunicação escrita à distância.

Mas, com o advento da tecnologia, acabou perdendo espaço para o e-mail. No entanto, certos
elementos linguísticos foram preservados, como remetente, destinatário, saudações e
cumprimentos finais. É interessante pontuar que os aspectos gerais dos tipos são
concretizados em situações de comunicação dos gêneros textuais.

O que são os tipos textuais

Os tipos textuais, ou tipologias textuais, são a forma sob a qual o texto se apresenta
determinando a estrutura padrão que rege como cada um será construído. A tipologia textual
é classificada de acordo com objetivo, estrutura e finalidade do texto.

Podemos classificar os tipos textuais nas seguintes categorias:

 texto explicativo prescritivo: instrui o receptor com relação a determinado


procedimento sem permitir, assim, sua liberdade de ação.

 texto explicativo injuntivo: também conhecido como texto instrucional, busca


orientar o receptor com o uso de verbos no imperativo no sentido de persuadi-lo.
 texto dissertativo argumentativo: exposição de tema ou assunto com o uso de
argumentos defendendo então um determinado ponto de vista.

 texto dissertativo expositivo: exposição de uma ideia usando conceitos, comparações,


definições, descrições e informações.

 texto descritivo: relato e exposição de acontecimento, lugar ou pessoa sendo, assim,


rico em adjetivos que possam transmitir imagens.

 texto narrativo: apresentações ações em determinado tempo e espaço. Sua estrutura


é composta por apresentação, desenvolvimento, clímax e desfecho.

O que são os gêneros literários?

Os gêneros literários compõem a classificação que abrange somente os textos literários. AO


agrupamento é feito de acordo com a forma, características formais comuns nas obras
literárias, critérios estruturais, semânticos e contextuais. Sendo assim, podemos encontrar
gêneros literários dramático, lírico, épico, narrativo, entre outros.

O que são os gêneros textuais?

Os gêneros textuais são estruturas que se posicionam em funções sociais específicas e, por
isso, ocorrem vieram da necessidade de interação e comunicação do ser humano, além das
variações apresentadas pelos diferentes contextos de discurso. O uso dos gêneros é ativado
sempre que um falante é inserido em algum tipo de situação comunicativa.

E como isso acontece? Um determinado gênero textual, mesmo que de forma inconsciente, é
selecionado pelo falante de forma a atender às necessidades daquela situação. A intenção é
transmitir a mensagem ao interlocutor de forma efetiva, o que acontece desde as mensagens
de WhatsApp até ofícios organizacionais.

Tal variabilidade, de certa forma, impede a enumeração fixa dos tipos de gênero textual. No
entanto, certas peculiaridades comuns facilitam seu agrupamento, como a característica
inerente de tipos estáveis de enunciados, estruturas e conteúdos temáticos que facilitam sua
definição.

Podemos citar alguns gêneros textuais e, inclusive, separá-los dentro de determinadas


categorias de tipos textuais:

Gêneros textuais em textos narrativos:


 Conto
 Biografia
 Fábula
 Romance
 Lenda
 Novela
 Carta
Gêneros textuais em textos expositivos:
 Resumo
 Resenha
 Reportagem
 Notícia
 Monografia
 Verbete de dicionário
 Cardápio

Gêneros textuais em textos descritivos:


 Diário
 Relato de viagem

Gêneros textuais em textos injuntivos:


 Receita
 Manual de instruções
 Regras de jogo
 Bula
 Lista de compras

Gêneros textuais em textos argumentativos:


 Artigo de opinião
 Crônica
 Editorial
 Carta (se endereçada à sociedade, como uma carta aberta)

Gêneros textuais em textos prescritivos:


 Ofício
 Regulamento

Você também pode gostar