Você está na página 1de 8

2/2017

Material Complementar 3 – Redação


Pré-Vestibular

O texto argumentativo: como argumentar  A partir da causa e da consequência apresentadas, você


deverá desenvolver seus argumentos em busca de uma
Para se entender o que é uma redação dissertativa, devemos solução possível e coerente para o problema.
distinguir os dois tipos de dissertação existentes: a dissertação  Por meio desse mecanismo também pode feito um
expositiva e a dissertação argumentativa. desenvolvimento de um texto, com dois parágrafos, um para
 Dissertação expositiva – como o próprio nome já sugere, as causas e outro para as consequências.
é um tipo de texto em que se expõem as ideias ou pontos de vista. O
objetivo é fazer com que o leitor os considere coerentes e não fazê-lo Como argumentar?
concordar com eles. Em diversas situações do dia a dia, usamos a argumentação:
 Dissertação argumentativa – esse é o tipo de dissertação uma conversa entre amigos ou uma negociação no ambiente de
mais comum e conhecida por todos. Nela o intuito é convencer o trabalho pode ter como objetivo convencer nosso interlocutor de que
leitor a concordar com a ideia ou ponto de vista exposto. Isso se faz estamos cheios de razão acerca de algum tópico. No texto
por meio de várias maneiras de argumentação, utilizando-se de dados, dissertativo, expressamos o que conhecemos sobre determinado tema
estatísticas, provas, opiniões relevantes, etc. e tentamos convencer o leitor sobre a nossa opinião. “Argumentar é,
Além do processo de apresentação do tema e suas em última análise, convencer ou tentar convencer mediante a
delimitações, no primeiro parágrafo, há algumas maneiras de se organizar apresentação de razões, em face da evidência das provas e à luz de
uma dissertação, que podem ajudar na hora de iniciar o seu texto: um raciocínio coerente e consistente” (2007, p. 380). Na
argumentação, é preciso demonstrar raciocínio consistente e
1. Você pode transformar o tema em um questionamento, e ao evidência por meio de provas.
longo do texto tentar responder da melhor maneira possível a Os manuais de redação costumam trazer a seguinte
essa questão. orientação: evite generalizações. É inadequado utilizar expressões
Ex: TEMA: O desmatamento na Floresta Amazônica como “Todo mundo sabe que…”. Como isso pode ser comprovado?
Questão abordada por você: A Floresta Amazônica, maior As declarações que exprimem opinião só tem validade quando esta
floresta tropical do mundo, sofre algum dano com a frequente puder ser fundamentada por evidência de fatos.
prática do desmatamento em seu território? São cinco os tipos mais comuns de evidência: os fatos, os
Observações: exemplos, as ilustrações, os dados estatísticos e o testemunho.
 Mediante um questionamento, encontram-se vários Os fatos são o elemento mais importante da argumentação,
argumentos, dos quais dois são escolhidos para mesmo porque eles podem representar o senso comum dentro do
preencherem a introdução e para o desenvolvimento da texto argumentativo. O candidato pode, por exemplo, dizer que “as
introdução textual. drogas são um problema de segurança pública” e fundamentar sua
opinião citando casos em que o uso de entorpecentes provocou algum
2. Outra maneira de desenvolver o seu texto é expondo os contra- tipo de violência.
argumentos, ou seja, expondo as antíteses possíveis à sua tese. Os exemplos são fatos representativos de determinada
Ex: TEMA: Eutanásia situação. A estudante Isadora Faber é um exemplo típico – e
Tese/opinião: A eutanásia realmente deve ser proibida, pois divulgado na mídia – de resistência à precariedade da educação
ninguém pode violar o direito à vida. brasileira. A menina virou assunto nas redes sociais depois de ter
Antítese/contra-argumento: Com a legalização da eutanásia publicado uma página para denunciar a má qualidade da escola em
um hospital poderia estar se utilizando do espaço que um que estudava.
paciente desenganado está ocupando para atender a alguém que A ilustração acontece “quando o exemplo se alonga em
tem reais chances de sobrevivência. uma narrativa detalhada e entremeada de descrições” (Othon, 2007,
Observações: p. 381). Ela pode ser hipotética ou real. A primeira é uma invenção
do redator, que narra aquilo que poderia acontecer; a segunda,
 Ao apresentar seu contra-argumento você deve estar
descreve um fato verdadeiro que sustente determinada declaração.
preparado para convencer o leitor de que ele não tem
Pode ser feita por referência a fatos históricos (alusão histórica),
fundamentos, e deve estar munido de informações
obras de ficção de cunho social, cujo enredo pode ser resumido como
convincentes para que possa fazê-lo.
estratégia ilustrativa.
 No caso de temas muito polêmicos, o melhor é se isentar Os dados estatísticos também são fatos. É preciso, no
totalmente de opiniões e fundamentar seus argumentos em entanto, cautela ao usá-los como suporte à argumentação. Nem
fatos, estatísticas e opiniões em massa. sempre o candidato tem acesso aos dados totais da pesquisa e sua
 Essa proposta dá margem à construção de um parágrafo de argumentação acaba por parecer falha.
crítica à tese e de outro de defesa a ela. A ordem dos fatos O testemunho de autoridade pode ser o fato apresentado
no desenvolvimento textual é a seguinte: 2º §: contra- por intermédio de terceiros. Um bom exemplo disso é a citação que
argumento; 3º §: argumento ou tese; 3º §: conclusão de fizemos acima sobre o professor Othon Moacir Garcia. Esse
acordo com a tese. Importante lembrar que, na conclusão, depoimento pode ser feito em discurso direto (com a presença das
essa tese deve ser defendida. aspas e idêntica à fala do original) ou em discurso indireto (por meio
da fala do argumentador).
3. Outra alternativa seria fazer uma relação entre causa e consequência, A comparação é o paralelo que se chocam. É possível
para que assim se possa ir do início ao fim do problema, olhá-lo comparar países, doenças, épocas etc. Desde que sejam elementos
como um todo e com isso ir construindo uma opinião. opostos, há o ensejo para comparação. É recomendado que não haja
EX: comparações de muitos elementos.
TEMA: A Violência nas escolas públicas A citação é a apresentação de filmes, documentários,
Causa: O pouco incentivo aos esportes e às artes nas escolas por desenhos, livros e até mesmo de frases que defendam a tese é
parte do governo. considerada, portanto, uma ferramenta argumentativa. A citação pode
Consequência: Os jovens passam muito tempo nas ruas, em ser indireta (sem menção definida a autoria ou outros elementos
contato com armas e drogas. textuais mais profundos) e direta (com elementos mais profundos). A
Observações: citação direta pode ser feita em discurso direto ou discurso indireto.
A Intervenção modificadora representa a solução, ao final
dos desenvolvimentos, o que pode ser uma forma de argumentação.
1
2/2017

Em vestibulares privados, admite-se a confecção de um parágrafo Do ponto de vista sociológico, no entanto, seu significado é bem
integralmente interventivo. preciso: democracia é aquele regime político no qual o Estado é
Observações: administrado pelo conjunto de todos os cidadãos, diferente da
1 – Hierarquia argumentativa: não existe hierarquia entre monarquia (na qual a administração cabe a um só) e da
os processos argumentativos, isto é, considera-se que todos tenham o aristocracia (na qual a administração cabe a uma elite)
mesmo valor. A exceção é FATO, pois esse recurso argumentativo
fato é considerado o único que possui valor reduzido, uma vez que 5. Democracia direta
todos os candidatos conseguirão escrevê-lo. Para compreender a democracia, é preciso saber que ela
2 - Quantidade de processos argumentativos por teve diversos modelos ao longo da história. Hoje, nós vivemos
parágrafo: cada parágrafo deve apresentar, no mínimo, um processo uma democracia representativa ou indireta, um modelo no qual
argumentativo e, no máximo, três. A construção de um parágrafo com os cidadãos não determinam diretamente, por si mesmos, os
ausência de recursos argumentativos representa um texto baseado no rumos do Estado, mas sim através da eleição de representantes,
“achismo” ou senso comum, ao passo que o registro de um parágrafo como deputados ou senadores. O modelo de democracia onde o
com mais de três instrumentos argumentativos, torna-o desgastante. povo escolhe por si mesmo, sem intermediários, como o Estado
3 – Repetição de processos argumentativos: embora exista irá funcionar, é chamado de democracia direta ou participativa.
aceitação em relação à repetição de processos argumentativos ao Este modelo vigorou na Grécia antiga e muitos o defendem
longo do texto, é indicado que haja variação deles. na atualidade.

Recursos argumentativos 6. Cultura


Muitas palavras variam de significado de acordo com o
1ª PARTE contexto em que são usadas. É o caso da palavra “cultura”. Em
19 Conceitos fundamentais de Sociologia e nosso dia-a-dia, usamos esse termo para classificar as diferentes
Filosofia para sua redação Enem atividades humanas em superiores ou inferiores. Assim, dizemos
que certa pessoa tem muita cultura ou que tal gênero de música
A argumentação necessita de teoria e ideias, embasadas na não é cultura. Em sociologia não é assim. Do ponto de vista
realidade. A esse processo denomina-se de argumento de autoridade. sociológico, cultura é o conjunto de todos os elementos da vida
Entre outros, doutrinas científicas representam valiosos argumentos de humana que não são naturais. Simples: se não é algo
autoridade. Segue uma lista de algumas doutrinas de grande importância. espontâneo, natural para o homem (como respirar ou fazer sexo),
então é cultural.
1. Direitos humanos
Formulada pela primeira vez no contexto das 7. Cultura material e imaterial
guerras religiosas do século XVII, a noção de direitos Dente os elementos que compõem a cultura, é necessários
humanos tornou-se um paradigma para a atuação do distinguir dos tipos: a cultura material e a cultura imaterial. A
Estado moderna e é, inclusive, critério de correção do Enem. cultura material é composta por aqueles elementos culturais que
Dito de modo simples, acreditar em direitos humanos são palpáveis, tais como objetos de decoração, móveis, templos,
significa acreditar que todo ser humano, simplesmente pelo fato construções, vestes, etc. Por sua vez, a cultura imaterial é
de ser uma pessoa, possui certos direitos, certas composta por aqueles elementos culturais não palpáveis, tais
prerrogativas básicas que não lhe podem ser negadas de modo como a língua, a fé religiosa, a dança folclórica, a música típica,
nenhum, independentemente de sua cor, raça, cultura, etc.
posição social, religião, visão de mundo, orientação sexual
ou qualquer outra condição específica. 8. Diversidade cultural
Se compreendemos o conceito de cultural tal como ele é
2. Direitos civis, políticos e sociais visto pela sociologia, automaticamente percebemos que existem
Como se vê, o conceito de direitos humanos é bastante inúmeras culturas. De fato, há os mais diferentes modos
amplo e, à primeira vista, vago. Tendo isso em vista, humanos de crer, de dançar, de se divertir, de organizar as
tradicionalmente dividem-se os direitos humanos em três relações sociais, de prestar culto, de falar, de escrever, etc. O
grandes tipos. Os direitos civis são aqueles que visam preservar fato, porém, é que não há apenas diversas culturas espalhadas
a integridade do indivíduo diante dos outros, garantindo a sua pelo mundo. Frequentemente há também uma grande variedade
autonomia e imunidade de qualquer coação externa. É o caso dos de culturas habitando conjuntamente o mesmo território. Esta
direitos à vida, à propriedade privada e à liberdade de expressão. coexistência de diferentes modelos culturais em uma mesma área
Os direitos políticos são aqueles que visam permitir a é chamada de diversidade cultural.
participação política do indivíduo, seu poder de tomar parte na
administração pública. É o caso dos direitos ao voto e à ocupação 9. Estratificação social
de cargos públicos. Por fim, os direitos sociais são aqueles que Toda sociedade humana é um organismo complexo. A vida
visam garantir a posse, por parte dos indivíduos, de certos bens social não se trata de uma simples junção de indivíduos mais ou
considerados essenciais para sua qualidade de vida. É o caso dos menos idênticos, mas sim das mais diferentes pessoas ocupando
direitos à saúde, à educação e ao trabalho. os mais diferentes papéis e posições sociais. Essa hierarquia
social, essa divisão da sociedade em estratos, em grupos sociais
3. Cidadania com status diferenciado é chamada em sociologia de
Cidadania é um dos conceitos mais fundamentais quanto se estratificação social. Naturalmente, há diversos modelos de
trata de política. Diferente do simples habitante, que é apenas o estratificação nas mais diferentes sociedades.
sujeito é parte da população de um país, o cidadão é aquele que
é parte de uma comunidade política, ou seja, que possui direitos 10. Minorias
políticos, que tem capacidade de influenciar nos rumos do A divisão da sociedade em camadas, a estratificação social,
Estado. Nesse sentido, no Brasil atual, uma criança é apenas uma naturalmente leva a grupos sociais
habitante, mas não uma cidadã. De fato, ela mora no Brasil, mas historicamente marginalizados, que ocupam uma posição de
não tem qualquer possibilidade de influenciar o Estado inferioridade social. Esses grupos são chamados em sociologia
brasileiro, já que nem direito ao voto tem. de minorias. Perceba-se, porém, que minorias não é aqui
um conceito quantitativo. Não se trata de grupos sociais
4. Democracia com poucas pessoas, mas sim de grupos sociais com
Quanto mais uma palavra é usada, mais ela corre o risco de menor status na sociedade. Nesse sentido, por exemplo,
ter seu significado esvaziado e acabar não dizendo coisa alguma. as mulheres são consideradas uma minoria na
Foi mais ou menos o que aconteceu com a palavra democracia. sociedade brasileira. Isso não faria sentido em termos
2
2/2017

quantitativos, já que há mais brasileiras do que brasileiros, mas perpétua. Se hoje isso não é mais possível, a culpa não se
faz sentido em virtude da posição de inferioridade que as encontra na natureza humana, mas sim na criação da
mulheres historicamente assumiram no Brasil. propriedade privada, que, instaurando conflitos de interesses
entre os homens, os corrompeu e dividiu.
11. Movimentos sociais
Em sociedades democráticas, especialmente naquelas 16. As virtudes segundo Aristóteles
marcadas por grande diversidade, é natural a formação de grupos Em nosso dia-a-dia, frequentemente julgamos as pessoas
sociais organizados que têm em vista pressionar o Estado para a por seu comportamento e, quando reconhecemos nelas atitudes
realização de certas demandas específicas. Esses grupos são positivas, as elogiamos. Esses hábitos bons, tais como a
chamados de movimentos sociais. Geralmente associados a coragem, a justiça e sinceridade, são chamados de virtudes. Mas
minorias, os movimentos sociais não se confundem com os como podemos identificar uma virtude? O que diferencia um
partidos. Estes entram na política oficial, participam de eleições, hábito bom de um mau? Para o filósofo Aristóteles, a virtude está
etc. Os movimentos sociais, por sua vez, são tão somente sempre em um ponto de equilíbrio. Ou seja, ela se encontra
grupos de pressão, procurando fazer uma espécie de ponte sempre na justa medida entre dois vícios opostos, um por falta e
entre as agendas de certas parcelas da sociedade e o outro por excesso. Assim, por exemplo, a virtude da paciência,
poder público. São exemplos de movimentos sociais o que é a capacidade de suportar situações adversas, está entre
movimento negro, os coletivos feministas, os grupos LGBT, o vício da ira, que é falta de paciência, e o vício da frouxidão, que
as associações pró-vida, etc. é excesso de paciência.

12. O poder segundo Foucault 17. A justiça segundo Aristóteles


Coisa importante para se utilizar em redação no Enem é não Vimos que, para Aristóteles, as virtudes são, de modo geral,
apenas saber conceitos genéricos, tais como democracia, mas hábitos bons, atitudes constantes que estão sempre em um ponto
sim compreender como certos conceitos são utilizados por de equilíbrio entre hábitos maus. Este mesmo princípio vale para
autores específicos. É o caso da noção de poder em Michel aquela que é uma das principais virtudes, a justiça. Sendo a
Foucault. Para Foucault, o poder não é apenas um aspecto da vida justiça a virtude que regula nosso relacionamento com os outros,
do homem, mas sim a base inevitável de todas as relações consiste ela não em trata a todos igualmente, mas sim em dar a
humanas. Todas as relações humanas são relações de poder, pois cada um o que lhe é devido: aos iguais tratar igualmente, aos
todas as relações humanas envolvem elementos de domínio desiguais tratar desigualmente, na medida de sua
e disputa. Por isso, é tolice imaginar que o poder se concentra desigualdade. Assim, sendo um hábito virtuoso, a justiça estaria
apenas em grandes instituições, como o Estado e a Igreja. Além na justa medida entre o vício de praticar injustiça e o vício de
disso, é necessário lembrar que, diante de qualquer exercício de sofrer injustiça.
poder, forma-se automaticamente um contra-poder, uma
resistência. 18. A alienação para Karl Marx
O filósofo Karl Marx é conhecido, sobretudo, como um dos
13. O agir comunicativo segundo Habermas maiores críticos do capitalismo. De fato, para o pensamento
Nenhuma afirmação é mais comum do que a definição de marxista, o sistema capitalista é um sistema de exploração, onde
que o homem é um ser racional. Mas o que significa efetivamente alguns poucos proprietários dos meios de produção se beneficiam
isso? Para o filósofo Jürgen Habermas, há duas formas básicas injustamente do suor e do trabalho de uma multidão de proletários.
de racionalidade. Por um lado, a racionalidade instrumental é A condição na qual os trabalhadores são colocados pela exploração
aquela que consiste em calcular custos e benefícios. É nesse que que sofrem é chamada por Marx de alienação. Ela consiste no fato
chamamos uma pessoa econômica ou organizada de racional. de que o trabalhador não se identifica mais consigo mesmo, não se
Por outro lado, a racionalidade comunicativa, ou agir reconhece mais no fruto de seu trabalho. Em suma, o seu trabalho
comunicativo, é aquele que consiste na capacidade de deliberar é percebido acima de tudo como um peso, como um estorvo, como
em conjunto com os outros, mediante a troca de argumentos e de algo que não tem qualquer significado para além do salário
razões. Segundo Habermas, essa segunda forma de racionalidade recebido no fim do mês.
tem sido excessivamente desvalorizada, quando, na verdade, ela
é essencial tanto para a vida ética quanto para a sustentação da 19. A modernidade líquida em Bauman
democracia. Segundo o autor Bauman, a modernidade líquida é a própria
contemporaneidade em que as relações se esvaem e se tornam
14. O estado de natureza para Hobbes cada vez menos concretas. A sociedade anterior vivia a
Ao observarmos o mundo ao nosso redor, repleto de tanta modernidade sólida, ou seja, tinha seus papéis sociais bem
violência, é natural nos perguntarmos: de onde vem tanta estabelecidos, as relações de trabalho eram mais claras e as
maldade? Para o filósofo Thomas Hobbes, há violência entre os noções de consumo e agilidade não obtinham destaque. A
homens, pois o ser humano é naturalmente mau e egoísta. liquidez dos nossos tempos está basicamente nos
Segundo ele, todos nós somos movidos pela busca incessante por relacionamentos interpessoais que passaram a ter a mesma lógica
satisfação. Isso faz com que sempre coloquemos os nosso do consumo, isto é quanto mais e mais rápido for melhor, por
interesses acima dos interesses dos outros. Daí a famosa isso o autor chama esse tipo de associação de conexão, pela
frase hobbesiana: “O homem é o lobo do homem”. De facilidade de conectar e desconectar. Em suma modernidade
acordo com o pensador britânico, o único modo de impedir líquida é a forma de vida de nossa sociedade capitalista que leva
a guerra de todos contra todos, consequência inevitável do estado a volatilidade do consumo à todas as esferas sociais.
de natureza do homem, é através da instauração do Estado, Disponível em: https://descomplica.com.br/blog/noticias-enem-e-vestibular/redacao-
enem-filosofia-sociologia/ Acesso em 19/03/2017
instituição pública encarregada da manutenção da ordem
mediante o uso da força.
20. A obsolescência programada
Trata-se de uma estratégia de empresas que programam o
15. A teoria do bom selvagem de Rousseau
tempo de vida útil de seus produtos para que durem menos do que a
Indo na direção diametralmente a de Thomas Hobbes, Jean-
tecnologia permite. Assim, eles se tornam ultrapassados em pouco
Jacques Rousseau elaborou uma perspectiva bastante diferente
tempo, motivando o consumidor a comprar um novo modelo. Os
sobre o problema da violência, perspectiva que, tal como a de
casos mais comuns ocorrem com eletrônicos, eletrodomésticos e
Hobbes, influencia muitos até hoje. Segundo o filósofo
automóveis. É algo relativamente novo: até a década de 20, as
iluminista, o homem é naturalmente bom, a sociedade é que o
empresas desenhavam seus produtos para que durassem o máximo
corrompe. Para ele, se vivêssemos com selvagens, tal como
possível. A crise econômica de 1929 e a explosão do consumo em
éramos em nosso estado de natureza, guiados por nossos
massa nos anos 50 mudaram a mentalidade e consagraram essa
sentimentos naturais, viveríamos em paz e tranquilidade
3
2/2017

tática. Descubra como essa estratégia “secreta” dos fabricantes 16. "Aqueles que não conseguem lembrar o passado estão
estimula consumo desenfreado. condenados a repeti-lo" - George Santayana
A) Vida breve 17. "A história não nos pertence: nós pertencemos a ela" - Hans-
Atualmente, a principal justificativa das empresas para criar Georg Gadamer
novos modelos de um produto é o avanço da tecnologia. Mas há 18. "Quanto aos homens, não é o que eles são que me interessa, mas
quem duvide dessa explicação. O iPad 4 foi lançado apenas sete o que eles podem se tornar" - Jean-Paul Sartre
meses após o 3, por exemplo. Será que houve mesmo tantos 19. "O sentido fundamental da liberdade é liberdade dos grilhões" -
progressos em tão pouco tempo? Uma ONG brasileira ligada aos Isaiah Berlin
direitos do consumidor chegou a processar a Apple 20. "O que faríamos sem uma cultura?" - Mary Midgley
B) Impacto ambiental 21. "A arte é uma forma de vida" - Richard Wollheim
A troca regular de produtos aumenta a produção de lixo. E 22. "Os Estados não são agentes morais; as pessoas são" - Noam
o lixo eletrônico contém metais pesados que podem contaminar Chomsky
o ambiente. Além disso, a obsolescência programada estimula a 23. "A sociedade é dependente da crítica às suas próprias tradições" -
produção, o que gera mais gastos de energia e de matérias- Jürgen Habermas
primas, além da emissão de poluentes. Antes de trocar 24. "Que tipo de mundo podemos preparar para os nossos
seu celular, pense bem: você realmente precisa de outro, só bisnetos?" - Richard Rorty
porque é novo? (Um designer holandês planeja lançar um celular 25. "Se podemos contar uns com os outros, não precisamos depender
modular: você só troca as partes que precisam ser atualizadas. de mais nada" - Richard Rorty
Confira em phonebloks.com) 26. "Sem um fim social o saber será a maior das futilidades." -
C) Na pista pra negócio Gilberto Freyre
Hoje, há duas versões do fenômeno. Uma delas é a 27. "A educação tem raízes amargas, mas os seus frutos são doces." -
obsolescência percebida: o consumidor considera o produto que Aristóteles
tem em casa “velho” porque novos modelos são lançados a toda 28. "É no problema da educação que assenta o grande segredo do
hora. Você notou que, mesmo no início de 2015, já era possível aperfeiçoamento da humanidade." - Immanuel Kant
comprar um carro versão 2016? Isso desvaloriza modelos 29. "A boa educação é moeda de ouro. Em toda a parte tem valor." -
anteriores e estimula a troca, mesmo que o veículo de 2015 ainda Padre Antônio Vieira
funcione bem 30. "Toda a educação, no momento, não parece motivo de alegria, mas
Disponível em: http://mundoestranho.abril.com.br/tecnologia/o-que-e-obsolescencia- de tristeza. Depois, no entanto, produz naqueles que assim foram
programada/ Acesso em 21/07/2017
exercitados um fruto de paz e de justiça." - Bíblia (Hebreus 12:11)
31. "A vida deve ser uma constante educação." - Gustave Flaubert
2ª PARTE 32. "O resultado mais sublime da educação é a tolerância." - Helen Keller
Citações filosóficas variadas 33. "Feliz aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina." -
Cora Coralina
O uso de citações literárias ou filosóficas na construção da
34. "A educação é a arma mais poderosa que você pode usar para
redação, quando incluídas no contexto correto, agregam riqueza ao
mudar o mundo." - Nelson Mandela
texto. Uma citação bem utilizada informa ao corretor que o candidato tem
35. "Devemos promover a coragem onde há medo, promover o
conhecimentos que vão além do que está presente nos textos de apoio,
acordo onde existe conflito, e inspirar esperança onde há
além de aprimorar a argumentação com falas de mestres no assunto.
desespero." - Nelson Mandela
Porém, é de suma importância que os estudantes usem citações
36. "A maior necessidade de um Estado é a de governantes
filosóficas em sua redação com cuidado. Se usá-la fora de contexto ou
corajosos." - Johann Goethe
errar a autoria, será muito prejudicado na sua nota final.
37. "Se a educação sozinha não transforma a sociedade, sem ela
Abaixo, há alguns exemplos de citações interessantes que
tampouco a sociedade muda." - Paulo Freire
podem ser usadas em diferentes contextos nas suas redações.
38. "Ninguém liberta ninguém. As pessoas se libertam em
comunhão." - Paulo Freire
1. “Toda hora é hora de fazer o que é certo.” - Martin Luther King
39. "Não há saber mais ou saber menos: Há saberes diferentes." -
2. “O ser humano é aquilo que a educação faz dele.” - Immanuel Kant
Paulo Freire
3. “Eduquem as crianças e não será necessário castigar os
40. "Ninguém é sujeito da autonomia de ninguém." - Paulo Freire
homens.” - Pitágoras Disponível em: http://www.acrobatadasletras.com.br/2016/07/40-citacoes-filoso ficas-
4. "A injustiça num lugar qualquer é uma ameaça à justiça em todo para-usar-em-sua-redacao.html Acesso em 19/03/2017
o lugar." - Martin Luther King
5. "O que me preocupa não é o grito dos maus. É o silêncio dos 3ª PARTE
bons." - Martin Luther King 15 alusões literárias para usar em sua redação
6. "Todos os homens têm, por natureza, desejo de conhecer" -
Aristóteles A prova de redação, principalmente no Enem, é
7. "Os fins justificam os meios" - Maquiavel | "O mundo se tornou extremamente interdisciplinar. Espera-se que o candidato não só
mais parecido com aquele de Maquiavel" - Bertrand Russell domine a língua portuguesa e as técnicas de construção de um texto,
8. "O homem nasce livre e por toda parte encontra-se acorrentado" - como também transpareça o conhecimento do tema proposto e suas
Jean-Jacques Rousseau consequências no mundo atual.
9. "A vontade geral deve emanar de todos para ser aplicada a Ao mencionar um livro ou fazer uma comparação entre o
todos" - Jean-Jacques Rousseau. tema proposto e um fato histórico do passado, o candidato deixa claro
10. "Deixe a mulher compartilhar dos direitos e ela emulará as aos corretores que seus conhecimentos vão além do que está presente
virtudes do homem" - Mary Wollstonecraft nos textos de apoio, o que certamente agrega mais profundidade e
11. "Todo homem toma os limites de seu próprio campo de visão complexidade no desenvolvimento da redação. Eis algumas
como os limites do mundo" - Arthur Schopenhauer alusões literárias de grande importância.
12. "Sobre seu próprio corpo e mente, o indivíduo é soberano" - John
Stuart Mill 1. Harry Potter, de J.K. Rowling
13. "A história de todas as sociedades até hoje existentes é a história Resumo: A vida do menino Harry Potter não tem um pingo
da luta de classes" - Karl Marx de magia. Ele vive com os tios e o primo, que não gostam nem
14. "Deve o cidadão, por um momento sequer, renunciar à sua um pouco dele. O quarto de Harry é, na verdade, um armário sob
consciência em favor do legislador?" - Henry David Thoreau a escada, e ele nunca comemorou um aniversário sequer em onze
15. "O homem é uma corda estendida entre o animal e o super- anos. Até que, um dia, Harry recebe uma carta misteriosa,
homem: uma corda sobre um abismo" - Friedrich Nietzsch entregue por uma coruja: um convite para estudar num lugar
incrível chamado Escola de Magia e Bruxaria Hogwarts. Lá ele

4
2/2017

vai encontrar não só amigos, esportes praticados em vassouras lançado, em 1955, por uma editora parisiense, gerou opiniões
voadoras e magia para todo lado, como também seu destino: ser antagônicas: houve quem definisse o livro como um dos
um aprendiz de feiticeiro até o dia em que terá que enfrentar a melhores do ano; houve quem o considerasse pornografia pura.
pior força do mal, o bruxo que assassinou seus pais. Mas, para Nos Estados Unidos, onde só viria a ser publicado em 1958,
isso, Harry precisará passar por uma série de desafios e enfrentar rapidamente conquistou o topo das listas de mais vendidos.
inúmeros perigos. O protagonista é o obsessivo Humbert, professor de meia-
Contexto em que pode ser usado: Aceitação do diferente. idade. Da cadeia, à espera de um julgamento por homicídio, ele
Eu mesma já citei Hermione Granger em uma redação como narra, num misto de confissão e memória, a irreprimível e
exemplo de uma pessoa que, apesar de todas as suas qualidades, desastrosa atração por Lolita, filha de 12 anos de sua senhoria.
sofre com o preconceito por causa de suas origens (nos livros, a Contexto em que pode ser usado: Qualquer tema que
personagem é nascida trouxa, fato interpretado como "ruim" por envolva pedofilia e aliciamento de menores de idade.
alguns bruxos de sangue puro). A perseguição aos nascidos
trouxas pode ser usada como gancho para tratar da aceitação do 6. A Cor Púrpura, de Alice Walker
diferente e combate ao preconceito. Resumo: Neste livro conhecemos a história de uma garota
chamada Celie, de 14 anos, que é abusada sexualmente pelo
2. 1984, de George Orwell próprio pai e tem dois filhos com ele.
Resumo: Winston, herói de '1984', último romance de 'Querido Deus': assim começa a maior parte das cartas
George Orwell, vive aprisionado na engrenagem totalitária de escritas por Celie. Negra, semianalfabeta, vivendo no Sul dos
uma sociedade completamente dominada pelo Estado, onde tudo Estados Unidos, subjugada a um homem que ela pensa ser seu
é feito coletivamente, mas cada qual vive sozinho. Ninguém pai, forçada a viver longe dos dois filhos e com um marido a
escapa à vigilância do Grande Irmão, a mais famosa quem não ama, Celie vive entre cuidar da família e planejar uma
personificação literária de um poder cínico e cruel ao infinito, vida diferente da sua para a irmã, Nettie. As duas irmãs
além de vazio de sentido histórico. De fato, a ideologia do passariam trinta anos sem notícias uma da outra, Celie confiando
Partido dominante em Oceania não visa nada de coisa alguma seus pensamentos a Deus, seu único correspondente. Até que sua
para ninguém, no presente ou no futuro. O’Brien, hierarca do amizade com Shug Avery, cantora de sucesso e amante de seu
Partido, é quem explica a Winston que 'só nos interessa o poder marido, lhe dá outra perspectiva da vida. Em oposição à solidão,
em si. Nem riqueza, nem luxo, nem vida longa, nem felicidade - pobreza, brutalidade e violência, Celie descobre novas maneiras
só o poder pelo poder, poder puro.' de sentir: beleza, conforto, desejo, saudade, esperança, amor e
Contexto em que pode ser usado: O livro conta a história de consciência de si.
um mundo dominado por ditadores. Você pode usá-lo em Ganhador do Prêmio Pulitzer de 1983.
qualquer tema que envolva os direitos à liberdade de expressão Contexto em que pode ser usado: Qualquer tema que
e privacidade e no combate à censura. envolva racismo e machismo.

3. Laranja Mecânica, de Anthony Burgess 7. Extraordinário, de R. J. Palacio


Resumo: Narrada pelo protagonista, o adolescente Alex, Resumo: August Pullman, o Auggie, nasceu com uma
esta brilhante e perturbadora história cria uma sociedade futurista síndrome genética cuja sequela é uma severa deformidade facial, que
em que a violência atinge proporções gigantescas e provoca uma lhe impôs diversas cirurgias e complicações médicas. Por isso, ele
reposta igualmente agressiva de um governo totalitário. A nunca havia frequentado uma escola de verdade... até agora. Todo
estranha linguagem utilizada por Alex - soberbamente mundo sabe que é difícil ser um aluno novo, mais ainda quando se
engendrada pelo autor - empresta uma dimensão quase lírica ao tem um rosto tão diferente. Prestes a começar o quinto ano em um
texto. Ao lado de '1984', de George Orwell, e 'Admirável Mundo colégio particular de Nova York, Auggie tem uma missão nada fácil
Novo', de Aldous Huxley, 'Laranja Mecânica' é um dos ícones pela frente: convencer os colegas de que, apesar da aparência
literários da alienação pós-industrial que caracterizou o século incomum, ele é um menino igual a todos os outros.
XX. Adaptado com maestria para o cinema em 1972 por Stanley Contexto em que pode ser usado: Temas que envolvam o
Kubrick, é uma obra marcante: depois da sua leitura, você jamais combate ao preconceito e aceitação do diferente.
será o mesmo.
Contexto em que pode ser usado: Pode ser usado em 8. Americanah, de Chimamanda Ngozi Adichie
diferentes contextos. Apesar do ar futurístico empregado na obra, Resumo: Lagos, anos 1990. Enquanto Ifemelu e Obinze
a violência exacerbada presente no livro pode ser comparada vivem o idílio do primeiro amor, a Nigéria enfrenta tempos
diretamente à violência urbana que vemos diariamente nos sombrios sob um governo militar. Em busca de alternativas às
jornais dos dias de hoje (infelizmente, sem muitas diferenças). universidades nacionais, paralisadas por sucessivas greves, a
Você também pode usar em temas que envolvam controle jovem Ifemelu muda-se para os Estados Unidos. Ao mesmo
mental e supressão de direitos básicos, como a liberdade de tempo que se destaca no meio acadêmico, ela depara pela
expressão. primeira vez com a questão racial e com as agruras da vida de
imigrante, mulher e negra.
4. Homem Invisível, de Ralph Ellison Contexto em que pode ser usado: Em temas que envolvam
Resumo: Um clássico da literatura norte-americana. O imigração, preconceito racial e desigualdade de gênero.
homem invisível é a história de um jovem negro que sai do sul
racista dos Estados Unidos e vai para o Harlem, em Nova York, 9. Eu sou Malala, de Malala Yousafzai
nos primeiros anos do século XX. Com o passar do tempo, entre Resumo: Quando o Talibã tomou controle do vale do Swat,
experiências frequentemente contraditórias, o protagonista uma menina levantou a voz. Malala Yousafzai recusou-se a
conhece um mundo muito diferente daquele que idealizara. permanecer em silêncio e lutou pelo seu direito à educação. Mas
Invisível para brancos racistas, e também para negros radicais, em 9 de outubro de 2012, uma terça-feira, ela quase pagou o
ele deseja apenas ser como é, e não um “homem invisível”, onde preço com a vida.
todos veem o que o rodeia e não a ele próprio. Malala foi atingida na cabeça por um tiro à queima-roupa
Contexto em que pode ser usado: Qualquer tema que dentro do ônibus no qual voltava da escola. Poucos acreditaram
envolva racismo e diferentes formas de preconceito. que ela sobreviveria.
Mas a recuperação milagrosa de Malala a levou em uma
5. Lolita, de Vladimir Nabokov viagem extraordinária de um vale remoto no norte do Paquistão para
Resumo: Lolita é uma das obras mais polêmicas da as salas das Nações Unidas em Nova York. Aos dezesseis anos, ela
literatura contemporânea universal. Muito arrojado para a moral se tornou um símbolo global de protesto pacífico e a candidata mais
vigente na época, o romance de Vladimir Nabokov (1899-1977) jovem da história a receber o Prêmio Nobel da Paz.
foi inicialmente recusado por várias editoras. Ao ser finalmente
5
2/2017

Eu sou Malala é a história de uma família exilada pelo lo, ele cai e se machuca na região do rim, dando início à uma
terrorismo global, da luta pelo direito à educação feminina e dos doença, que por fim o levará à morte.
obstáculos à valorização da mulher em uma sociedade que Contexto em que pode ser usado: Apesar de toda a
valoriza filhos homens. subjetividade do livro, a forma como todos os "amigos" do
O livro acompanha a infância da garota no Paquistão, os protagonista Ivan Ilitch, e até mesmo sua esposa, trataram sua
primeiros anos de vida escolar, as asperezas da vida numa região morte (preocupando-se mais com suas posses e o cargo de
marcada pela desigualdade social, as belezas do deserto e as trabalho que deixaria vago quando morresse) pode ser usada
trevas da vida sob o Talibã. como gancho para uma crítica ao individualismo e falta de
Contexto em que pode ser usado: Temas que envolvem a luta senso de coletividade.
pelo direito à educação e o combate à desigualdade de gênero.
15. Fahrenheit 451, de Ray Bradbury
10. A Peste, de Albert Camus Resumo: Escrito após o término da Segunda Guerra
Resumo: Romance que destaca a mudança na vida da Mundial, em 1953, 'Fahrenheit 451', de Ray Bradubury é um
cidade de Oran depois que ela é atingida por uma terrível peste, texto que condena não só a opressão anti-intelectual nazista, mas
transmitida por ratos, que dizima sua população. Narrado do principalmente o cenário dos anos 1950, revelando sua
ponto de vista de um médico envolvido nos esforços para conter apreensão numa sociedade opressiva e comandada pelo
a doença, o texto de Albert Camus ressalta a solidariedade, a autoritarismo do mundo pós-guerra. O livro se propõe a
solidão, a morte e outros temas que auxiliam na compreensão dos descrever um governo totalitário, num futuro incerto, mas
dilemas do homem moderno. próximo, que proíbe qualquer livro ou tipo de leitura, prevendo
Contexto em que pode ser usado: Embora seja claramente uma que o povo possa ficar instruído e se rebelar contra o status quo.
metáfora da Segunda Guerra Mundial, se interpretado no sentido Tudo é controlado e as pessoas só têm conhecimento dos fatos
literal você poderá citar este livro em temas que envolvam saúde por aparelhos de TVs instalados em suas casas ou em praças ao
pública, a importância do saneamento básico nos meios urbanos ar livre. A leitura deixou de ser meio para aquisição de
e o acesso da população à informação como medidas profiláticas conhecimento crítico e tornou-se tão instrumental quanto a vida
essenciais na prevenção e combate às epidemias. dos cidadãos, suficiente apenas para que saibam ler manuais e
operar aparelhos.
11. Jogos Vorazes, de Suzanne Collins Contexto em que pode ser usado: Temas que envolvam a
Resumo: a trilogia Jogos Vorazes se passa em um futuro opressão, a censura e o cerceamento da liberdade de
pós-guerras e destruição, em um local antes conhecido como expressão. Também pode ser usado como gancho para tratar
América do Norte e agora chamado de Panem. O novo país é sobre a importância da leitura e do acesso à cultura e
dividido em treze Distritos, que são controlados pela Capital, educação.
totalmente autoritária. Tudo que é produzido nos Distritos Disponível em: http://www.acrobatadasletras.com.br/2017/01/15-alusoes-literarias-
para-usar-em-sua-redacao.html Acesso em 19/03/2017
abastece obrigatoriamente a Capital, sendo terminantemente
proibido que os Distritos consumam o que produzem. Um dia, o
Distrito 13 se rebela, mas acaba sendo destruído. Para punir os 4ª PARTE
demais Distritos e evitar novas rebeliões, a Capital cria os Jogos Grandes filósofos da sociedade e seu
Vorazes, um reality show anual em que cada região do país deve pensamento em forma de citações
ceder, por meio do sorteio chamado Colheita, um menino e uma
ALBERT EINSTEIN: foi um físico e teórico alemão. Entre
menina entre 12 e 18 anos para entrar numa arena para lutar.
seus principais trabalhos desenvolveu a teoria da relatividade geral, ao
Apenas um sobrevive.
lado da mecânica quântica um dos dois pilares da física moderna.
Contexto em que pode ser usado: Em temas que envolvam
1. O mundo é um lugar perigoso de se viver, não por causa daqueles
opressão de grupos minoritários, fome, pobreza e também
que fazem o mal, mas sim por causa daqueles que observam e
sobre os efeitos da guerra entre os homens.
deixam o mal acontecer.
2. Duas coisas são infinitas: o universo e a estupidez humana. Mas,
12. Quarto de Despejo, de Carolina Maria de Jesus
no que respeita ao universo, ainda não adquiri a certeza absoluta.
Resumo: O diário da catadora de papel Carolina Maria de
3. Triste época! É mais fácil desintegrar um átomo do que um
Jesus deu origem à este livro, que relata o cotidiano triste e cruel
preconceito.
da vida na favela. A linguagem simples, mas contundente,
4. O mundo não está ameaçado pelas pessoas más, e sim por
comove o leitor pelo realismo e pelo olhar sensível na hora de
aquelas que permitem a maldade.
contar o que viu, viveu e sentiu nos anos em que morou na
5. No meio da dificuldade encontra-se a oportunidade.
comunidade do Canindé, em São Paulo, com três filhos.
6. A educação é o que sobra depois que gente se esquece do que
Contexto em que pode ser usado: Temas que envolvam a
aprendeu na escola.
pobreza, a fome, a desigualdade social e o racismo.
ARISTÓTELES: foi um filósofo grego, aluno de Platão e
13. Vidas Secas, de Graciliano Ramos
professor de Alexandre, o Grande.
Resumo: Vidas Secas, romance publicado em 1938, conta
1. O ignorante afirma, o sábio duvida, o sensato reflete.
a história do vaqueiro Fabiano que, juntamente com sua mulher,
2. A dúvida é o princípio da sabedoria.
Sinha Vitória, seus dois filhos e, é claro, a cadela Baleia,
3. Ter muitos amigos é não ter nenhum.
enfrentam uma vida miserável em meio à seca nordestina, sendo
4. A cultura é o melhor conforto para a velhice.
obrigados a se deslocar de tempos em tempos como retirantes
5. A felicidade não se encontra nos bens exteriores.
para áreas menos castigadas e com maiores possibilidades de
6. O homem prudente não diz tudo quanto pensa, mas pensa tudo
sobrevivência.
quanto diz.
Contexto em que pode ser usado: Qualquer tema que
7. O egoísmo não é amor por nós próprios, mas uma desvairada
envolva a desigualdade social, a fome e a pobreza, e a
paixão por nós próprios.
importância do acesso aos direitos básicos.
PLATÃO: foi um filósofo e matemático do período
14. A Morte de Ivan Ilitch, de Liev Tolstói
clássico da Grécia Antiga, autor de diversos diálogos filosóficos e
Resumo: Esta obra mostra a história de um burocrata
fundador da Academia em Atenas, a primeira instituição de educação
medíocre, Ivan Ilitch, um juiz respeitado que depois de conseguir
superior do mundo ocidental. Juntamente com seu mentor, Sócrates,
uma oferta para ser juiz em uma outra cidade, compra um
e seu pupilo, Aristóteles, Platão ajudou a construir os alicerces da
apartamento lá, para ele, sua mulher, sua filha e seu filho
filosofia natural, da ciência e da filosofia ocidental.
morarem. Ao ir para o apartamento, antes de todos, para decorá-
1. Tente mover o mundo - o primeiro passo será mover a si mesmo.

6
2/2017

2. Quem comete uma injustiça é sempre mais infeliz que o injustiçado. SARTRE: foi um filósofo, escritor e crítico francês,
3. Deve-se temer a velhice, porque ela nunca vem só. Bengalas são conhecido como representante do existencialismo. Acreditava que os
provas de idade e não de prudência. intelectuais têm de desempenhar um papel ativo na sociedade. Era um
4. Devemos aprender durante toda a vida, sem imaginar que a artista militante, e apoiou causas políticas de esquerda com a sua vida
sabedoria vem com a velhice. e a sua obra.
5. Só pelo amor o homem se realiza plenamente. 1. Detesto as vítimas quando elas respeitam os seus carrascos.
6. Não devemos de forma alguma preocupar-nos com o que diz a 2. A violência, seja qual for a maneira como ela se manifesta, é
maioria, mas apenas com a opinião dos que têm conhecimento sempre uma derrota.
do justo e do injusto, e com a própria verdade. 3. A violência faz-se passar sempre por uma contra-violência, quer
dizer, por uma resposta à violência alheia.
SÓCRATES: foi um filósofo ateniense do período clássico 4. O inferno são os outros.
da Grécia Antiga. Creditado como um dos fundadores da filosofia
ocidental, é até hoje uma figura enigmática, conhecida principalmente SANTO AGOSTINHO: foi um dos mais importantes
através dos relatos em obras de escritores que viveram mais tarde, teólogos e filósofos dos primeiros anos do cristianismo cujas obras
especialmente dois de seus alunos, Platão e Xenofont. foram muito influentes no desenvolvimento do cristianismo e
1. Sábio é aquele que conhece os limites da própria ignorância. filosofia ocidental.
2. O ideal no casamento é que a mulher seja cega e o homem surdo. 1. Não basta fazer coisas boas - é preciso fazê-las bem.
3. O amigo deve ser como o dinheiro, cujo valor já conhecemos 2. Prefiro os que me criticam, porque me corrigem, aos que me
antes de termos necessidade dele. elogiam, porque me corrompem.
4. Existe apenas um bem, o saber, e apenas um mal, a ignorância. 3. O mundo é um livro, e quem fica sentado em casa lê somente
5. Três coisas devem ser feitas por um juiz: ouvir atentamente, uma página.
considerar sobriamente e decidir imparcialmente. 4. O dom da fala foi concedido aos homens não para que eles
enganassem uns aos outros, mas sim para que expressassem seus
IMMANUEL KANT: foi um filósofo prussiano. pensamentos uns aos outros.
Amplamente considerado como o principal filósofo da era moderna.
1. A sabedoria das mulheres não é raciocinar, é sentir. NICOLAU MAQUIAVEL: foi um historiador, poeta,
2. A amizade é semelhante a um bom café; uma vez frio, não se diplomata e músico italiano do Renascimento. É reconhecido como
aquece sem perder bastante do primeiro sabor. fundador do pensamento e da ciência política moderna, pelo fato de
3. Podemos julgar o coração de um homem pela forma como ele ter escrito sobre o Estado e o governo como realmente são e não como
trata os animais. deveriam ser. Os recentes estudos do autor e da sua obra admitem que
4. O homem não é nada além daquilo que a educação faz dele. seu pensamento foi mal interpretado historicamente.
5. É no problema da educação que assenta o grande segredo do 1. Eu creio que um dos princípios essenciais da sabedoria é o de se
aperfeiçoamento da humanidade. abster das ameaças verbais ou insultos.
6. Age sempre de tal modo que o teu comportamento possa vir a ser 2. Quando um homem é bom amigo, também tem amigos bons.
princípio de uma lei universal. 3. O primeiro método para estimar a inteligência de um governante
é olhar para os homens que tem à sua volta.
ÉMILE DURKHEIM: foi um sociólogo, psicólogo social 4. Os homens esquecem mais rapidamente a morte do pai do que a
e filósofo francês. Formalmente, criou a disciplina acadêmica da perda do património.
sociologia e, com Karl Marx e Max Weber, é comumente citado como 5. Mas a ambição do homem é tão grande que, para satisfazer uma
o principal arquiteto da ciência social moderna e pai da sociologia. vontade presente, não pensa no mal que daí a algum tempo pode
1. Nosso egoísmo é, em grande parte, produto da sociedade. resultar dela.
2. O indivíduo se mata para parar de sofrer. 6. Os fins justificam os meios.
3. A religião não é somente um sistema de ideias, ela é antes de
tudo um sistema de forças. ROUSSEAU: foi um importante filósofo, teórico político,
escritor e compositor autodidata suíço. É considerado um dos
MAX WEBER: foi um intelectual, jurista e economista principais filósofos do iluminismo e um precursor do romantismo.
alemão considerado um dos fundadores da Sociologia. 1. Geralmente aqueles que sabem pouco falam muito e aqueles que
1. A palavra política significa elevação para a participação no poder sabem muito falam pouco.
ou para a influência na sua repartição, seja entre os Estados, seja 2. É sobretudo na solidão que se sente a vantagem de viver com
no interior de um Estado ou entre os grupos humanos que nele alguém que saiba pensar.
existem. 3. A natureza fez o homem feliz e bom, mas a sociedade deprava-o
2. Somente quem tem a vocação da política terá certeza de não e torna-o miserável.
desmoronar quando o mundo, do seu ponto de vista, for 4. Os homens dizem que a vida é curta, e eu vejo que eles se
demasiado estúpido ou demasiado mesquinho para o que ele esforçam para a tornar assim.
deseja oferecer. Somente quem, frente a todas as dificuldades, 5. Quanto mais do mundo vi, menos pude moldar-me à sua
pode dizer "Apesar de tudo!" tem a vocação para a política. maneira.
3. A idade não é decisiva; o que é decisivo é a inflexibilidade em 6. Quem quer agradar a todos não agrada a ninguém.
ver as realidades da vida, e a capacidade de enfrentar essas 7. Prefiro ser um homem de paradoxos que um homem de
realidades e corresponder a elas interiormente. preconceitos.

KARL MARX: foi um filósofo, sociólogo, jornalista e THOMAS HOBBES: foi um matemático, teórico político
revolucionário socialista. e filósofo inglês, autor de Leviatã (1651) e Do cidadão (1651).
1. Os filósofos limitaram-se a interpretar o mundo de diversas 1. Aqueles que concordam com uma opinião chamam-lhe opinião;
maneiras; o que importa é modificá-lo. mas os que discordam chamam-lhe heresia.
2. A religião é o ópio do povo. 2. O homem é lobo do homem, em guerra de todos contra todos.
3. As revoluções são a locomotiva da história. 3. Qualquer governo é melhor do que a ausência de governo. O
4. As ideias dominantes numa época nunca passaram das ideias da despotismo, por pior que seja, é preferível ao mal maior da
classe dominante. Anarquia, da violência civil generalizada, e do memo
5. O trabalhador só se sente à vontade no seu tempo de folga, permanente da morte violenta.
porque o seu trabalho não é voluntário, é imposto, é trabalho 4. Conhecimento é poder.
forçado.
6. O capitalismo gera o seu próprio coveiro. VOLTAIRE: foi um escritor, ensaísta, deísta e filósofo
iluminista francês.
7
2/2017

1. Uma discussão prolongada significa que ambas as partes estão


erradas.
2. Todas as grandezas do mundo não valem um bom amigo.
3. Todo o homem é culpado do bem que não fez.
4. É melhor correr o risco de salvar um homem culpado do que
condenar um inocente.
5. Posso não concordar com nenhuma das palavras que você disser,
mas defenderei até a morte o direito de você dizê-las.
6. Não prestamos para nada se só formos bons para nós próprios.

MONTESQUIEU: foi um político, filósofo e escritor


francês. Ficou famoso pela sua teoria da separação dos poderes,
atualmente consagrada em muitas das modernas constituições
internacionais.
1. Liberdade é o direito de fazer tudo o que as leis permitem.
2. A injustiça que se faz a um, é uma ameaça que se faz a todos.
3. A amizade é um contrato segundo o qual nos comprometemos a
prestar pequenos favores a alguém a fim de ele nos prestar
grandes.
4. Até a virtude precisa de limites.
5. As viagens dão uma grande abertura à mente: saímos do círculo
de preconceitos do próprio país e não nos sentimos dispostos a
assumir aqueles dos estrangeiros.
6. A ignorância é a mãe das tradições.

ROSA LUXEMBURGO: foi uma filósofa e economista


marxista, polaco-alemã. Tornou-se mundialmente conhecida pela
militância revolucionária ligada à Social-Democracia da Polônia
(SDKP), ao Partido Social-Democrata da Alemanha (SPD) e ao
Partido Social-Democrata Independente da Alemanha (USPD).
Participou da fundação do grupo de tendência marxista do SPD, que
viria a se tornar mais tarde o Partido Comunista da Alemanha (KPD).
1. Quem não se movimenta, não sente as correntes que o prendem.
2. Há todo um velho mundo ainda por destruir e todo um novo
mundo a construir.
3. A massa não é apenas objeto da ação revolucionária; é sobretudo
sujeito.
4. A liberdade apenas para os partidários do governo, apenas para
os membros do partido, por muitos que sejam, não é liberdade.
A liberdade é sempre a liberdade para o que pensa diferente.