Você está na página 1de 2

Eguns

Egun: palavra que quer dizer: osso. Egun - É um espírito sem luz, ou pouca luz, de
um desencarnado. Depois de certo tempo toma a forma e sua roupagem (branca).

Eguns - espíritos dos antepassados. O seu culto é forte no Brasil, onde as suas
aparições são cercadas de mistério: eles adentram o local repentinamente, de baixo de
uma grande coberta de pano colorida, de onde não se pode ver nada. Os braços e
pernas ficam ocultos, assim como o rosto. Alguns falam que não há nada debaixo da
vestimenta. Os mais evoluídos falam (em Iorubá), mas a maioria rosna e geme. São
conduzidos pelo Ojé e sua varinha (inxan).

Existe uma tribo indígena no nordeste brasileiro, os Pankarurus que se valem da


mesma prática. No caso deles os eguns são chamados de Encantados. A semelhança
adveio da formação cultural: possuem antepassados negros, os escravos fugidos e
posteriormente libertados.

Axexê: Cerimônia fúnebre realizada com pessoas iniciadas no Candomblé em ritual


secreto.

Padê de Egun: Feito como o Ipadé: omi (água), oti (Cachaça), efun (espécie de pó
vermelho), epô (azeite de dendê) e Oyin (mel de abelhas), misturados. Acompanha
uma cuba para a colocação dos respeitos a cerimônia, que são as moedas correntes.

Ilê de Egun: É feito na terra pura, não se usa cimento.

Vestes de Egun: são as roupas jogadas pelo lado de fora para Egun se paramentar e
sair do Ilê e transmitir o axé para os adoxu; sendo que não se pode aproximar de
Egun, não se deve tocá-lo e nem se deixar tocar por ele, pois queima o nosso corpo.
Quando isso ocorre, deve-se providenciar imediatamente um ebó. Certos Eguns usam
como vestes, panos pesados e estampados com cores berrantes. O Egun de Oxalá
vem de branco, em cetim ou fazenda brilhosa com bastantes franjas.

Jogo de Egun: é feito pelo Oju-Ifá para se saber quem será a pessoa escolhida para
herdar o cargo do barracão. Este jogo é feito por eliminação. Em caso de o (a) falecido
(a) não haver transmitido o cargo em vida quem assume é o filho mais velho ou a
ekedji mais velha, ou a rombona interinamente a direção da casa. Mas quem assume
em definitivo é a pessoa escolhida pelo jogo (Ifá). O Jogo de Egun é completamente
diferente do Jogo de Orixá.

Vumbi = funeral.

Contra-Egun: tranças de palha-da-costa usado para afastar os Eguns.

Yle-sain: santuário onde ficam assentadas as almas em potes. Só é permitida a


entrada de homens.
Kiumbas: espíritos atrasadíssimos pertencentes ao baixo-espiritismo. São
obsessores, chamados também de Rabos de Encruza. Estão no 7º e último plano
espiritual hierárquico. São vigiados e controlados pelos Exus.

Sociedade dos Eguns: Sociedade Secreta, com a finalidade de cultuar os espíritos


dos antepassados, os Eguns. Suas cerimônias são realizadas no dia 2 de Novembro
na Ilha de Itaparica, próximo a Salvador/BA. Somente os nagôs, com exceção dos
Ijexás fazem invocações aos mortos.

Alguns Babás invocados:


Babá Osobojo: Nanã com Oxalá.
Babá Sengbé: Ogun.
Babá Oyali: Oyá.
Babá Lampalá: Oyá.
Babá Bangbusé: Xangô.
Babá Adimodo: Xangô.
Babá Arisogi: Oyá.
Babá Agabaolá.
Baba Gibale: Oyá.

Você também pode gostar