Você está na página 1de 4

FICHA DE AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA N.

º 1

NOME: _____________________________________ N.º: ______ TURMA: _________ DATA: __________

GRUPO I

Leia o excerto do Canto X d’Os Lusíadas que se apresenta de seguida.

90 Em todos estes orbes, diferente


Curso verás, nuns grave e noutros leve;1
Ora fogem do Centro longamente,
Ora da Terra estão caminho breve,2
Bem como quis o Padre omnipotente,
Que o fogo fez e o ar, o vento e neve,
Os quais verás que jazem mais a dentro
E tem co Mar a Terra por seu centro.

91 Neste centro, pousada3 dos humanos,


Que não sòmente, ousados, se contentam
De sofrerem da terra firme os danos,
Mas inda o mar instábil exprimentam,
Verás as várias partes, que os insanos
Mares dividem, onde se apousentam
Várias nações que mandam vários Reis,
Vários costumes seus e várias leis.4

LUÍS DE CAMÕES, Os Lusíadas, leitura, prefácio e notas de


Álvaro Júlio da Costa Pimpão, apresentação de Aníbal Pinto
de Castro, 5.ª ed., Lisboa, Ministério dos Negócios
Estrangeiros, Instituto Camões, 2003.

(1) nuns grave e noutros leve: percursos mais lentos ou mais rápidos dos vários planetas.
(2) caminho breve: refere-se às órbitas dos planetas em torno da Terra.
(3) pousada: morada.
(4) várias leis: várias religiões.

Apresente, de forma clara e bem estruturada, as suas respostas aos itens que se seguem.

1. As estâncias apresentadas correspondem ao momento em que Tétis, após o banquete oferecido


aos portugueses, se dirige com Vasco da Gama até ao cume de um monte e lhe explica como
funciona «a grande máquina do Mundo, / Etérea e elemental» (estância 80).

1.1. Indique a conceção do Universo que é apresentada neste episódio, justificando a sua resposta
com excertos do texto.

2. Mostre que a referência feita por Tétis aos habitantes do planeta Terra corresponde à
caracterização do herói que a epopeia camoniana constrói.

3. Identifique o recurso estilístico presente nos dois versos finais da estância 91, referindo-se ao
seu valor expressivo: «Várias nações que mandam vários Reis, / Vários costumes seus e várias
leis.»
B

Leia o excerto da narrativa «As terríveis aventuras de Jorge de Albuquerque Coelho (1565)», adaptada
por António Sérgio.

Vários amigos de Albuquerque Coelho, vendo que ele pensava em reembarcar na nau, quiseram dis-
suadi-lo de tal proceder pelos maus princípios que já tivera; mas nem ele, nem os demais passageiros,
quiseram dar ouvidos a tais prognósticos, e tornaram a embarcar na Santo António, que largou enfim da vila
de Olinda a 29 de junho de 65.
5 Cinco dias depois da largada mudou o vento de maneira súbita, tornando-se tão contrário e de tal
violência que trataram de alijar fazenda ao mar, por isso que a nau lhes mareava mal, pela muita carga com
que dali partira. Pela tarde piorou ainda, e o casco abriu água. Davam à bomba continuamente, às seis mil
zonchaduras1 entre noite e dia. Pouco depois, um pé de vento quebrou o gurupés2.
Finalmente, já nos doze graus de latitude norte, o vento acalmou. Andaram dezanove dias em calma-
10 rias, acompanhadas de trovoadas. Resolveram, então, demandar uma das ilhas de Cabo Verde, em cuja
latitude se encontravam, para tirarem a água que no navio entrava e repararem a avaria do gurupés.

ANTÓNIO SÉRGIO (adapt.),História trágico-marítima:


narrativas de naufrágios da época das Conquistas, Lisboa, Livraria Sá da Costa, 1962.

(1) zonchaduras: bombeamentos; ato de dar à bomba.


(2) gurupés: mastro colocado na proa da nau na diagonal e direcionado para a frente.

Apresente, de forma clara e bem estruturada, as suas respostas aos itens que se seguem.

1. Identifique os obstáculos colocados na partida da nau Santo António, explicando que tipo de
comentário está implícito na enumeração desses mesmos obstáculos.

2. Indique as características do relato de viagem que pode encontrar neste excerto.

GRUPO II

Leia o excerto que se apresenta. Consulte as notas, caso considere necessário.

E SE A NOSSA GALÁXIA FOR UM TÚNEL


ATRAVÉS DO ESPAÇO/TEMPO?
Cientistas mostram que é possível

Um grupo de cientistas provou que, em teoria, a Via Láctea poderá conter um wormhole, como
o do filme Interstellar.1 «Mas fizemo-lo muito antes de o filme sair», sublinha um dos autores do
estudo.
Um grupo de cientistas italianos, indianos e norte-americanos mostrou num estudo que é possível que
5 a nossa galáxia contenha um túnel que permite viajar através do tempo e do espaço, tal como no filme
Interstellar.
«Obviamente, não estamos a dizer que a nossa galáxia é de certeza um wormhole, mas simplesmente que,
de acordo com os modelos teóricos, a hipótese é uma possibilidade», contou um dos responsáveis pelo estudo,
Paolo Salucci, num comunicado da SISSA (Escola Internacional para Estudos Avançados), em Trieste, Itália.
10 O estudo, publicado na revista científica Annals of Physics, confirma que é possível que existam túneis
deste género, chamados wormholes, «na maioria das galáxias espirais», como é o caso da nossa, a Via Láctea.
Wormhole é a palavra inglesa usada para descrever uma espécie de túnel através do espaço e do tempo ,
através do qual seria possível viajar para surgir noutro lugar e noutra altura no Universo. Trata-se de um
conceito hipotético que existe na Física há muito tempo, mas que, recentemente, tem tido mais destaque
15 graças ao filme Interstellar.
«O que tentámos fazer no nosso estudo foi resolver a mesma equação em que trabalha a astrofísica
do filme, Murph»,2 conta Paolo Salucci. «Mas fizemo-lo muito antes de o filme sair. É um problema muito
interessante para o estudo da matéria escura.»
Salucci explica que os cientistas obtiveram os seus resultados combinando um mapa muito detalhado
20 da distribuição da matéria escura na Via Láctea, que a SISSA obteve num estudo realizado em 2013, com o
mais recente modelo do Big Bang que explica a origem do Universo. «O resultado que obtivemos é que a
nossa galáxia poderia realmente conter um destes túneis, e que o túnel poderia ser do tamanho da própria
galáxia. Mas há mais ainda», explica o autor. «Poderíamos mesmo viajar por este túnel, visto que, pelos nos-
sos cálculos, seria navegável.» O mais importante da hipótese desenvolvida por este grupo de cientistas,
25 porém, é que representa uma reflexão complexa acerca da natureza da matéria escura, diz Salucci.
A matéria escura é um dos mistérios da cosmologia atual. A matéria visível no cosmos representa
menos de 10 % de toda a matéria existente no Universo. Os restantes 90 % são compostos por matéria
invisível, daí ser chamada «escura», cuja composição exata é desconhecida, bem como a chamada «energia
escura», que está distribuída por todo o espaço e tende a acelerar a expansão do Universo.
30 Para testar a hipótese de Paolo Salucci de forma experimental, seria preciso comparar duas galáxias.
O mais fácil seria comparar a Via Láctea com a Nuvem de Magalhães, que orbita em torno dela. No entanto,
Salucci sublinha que «ainda estamos muito longe de qualquer possibilidade real de fazer uma comparação
dessas».
Além de Paolo Salucci, que falou para o comunicado da SISSA, o autor principal do estudo é Farook
35 Rahaman, da Universidade de Jadavpur, na Índia.

http://www.dn.pt/inicio/ciencia/interior.aspx?content_id=43550977,
consultado em 30 de janeiro de 2015.

(1) Interstellar: filme épico de 2014, realizado por Christopher Nolan, acerca dos avanços da Ciência e da conquista do
espaço. Num mundo em que o planeta Terra se torna difícil de habitar devido às constantes pragas que assolam os
campos, uma equipa de astronautas é enviada por um portal que permite viajar através do tempo e do espaço e tenta
descobrir planetas que reúnam condições de habitabilidade para os humanos, evitando a extinção da Humanidade.
(2) Murph: personagem feminina do filme Interstellar, filha do piloto da nave Enduran ceque viaja pelo Universo. Ela
tenta resolver a equação que permitirá perceber como se pode criar a força da gravidade numa estação orbital.

1. Para responder a cada item, de 1.1 a 1.5, selecione a opção que permite obter uma afirmação
adequada ao sentido do texto. Escreva o número do item e a letra que identifica a opção
escolhida.

1.1. O texto apresentado pode ser definido como


(A) uma apreciação crítica de um filme.
(B) uma exposição sobre astrofísica.
(C) um artigo de divulgação científica.
(D) uma síntese de um artigo publicado na revista Annals of Physics.
1.2. O texto foi publicado com um objetivo
(A) científico.
(B) artístico.
(C) académico.
(D) jornalístico.
1.3. O título do texto tem como objetivo
(A) mostrar o carácter interrogativo da Ciência.
(B) despertar a atenção do leitor.
(C) conferir objetividade ao texto.
(D) marcar a natureza sensacionalista da experiência descrita.
1.4. O recurso à afirmação de Paolo Salucci (linhas 7-8) pretende
(A) comprovar a veracidade do título do artigo.
(B) apresentar, de forma resumida, o estudo sobre a Via Láctea.
(C) contrariar a informação apresentada no título.
(D) demonstrar a veracidade científica do filme Interstellar.
1.5. Pela leitura do artigo, é possível afirmar que
(A) a Via Láctea contém um túnel através do qual é possível viajar no Universo.
(B) o estudo de Salucci e Rahaman combinou dados sobre a matéria visível e a galáxia Nuvem
de Magalhães.
(C) os resultados do estudo de Salucci e Rahaman têm origem na combinação de dados sobre a
matéria escura e informações sobre os modelos do Big Bang.
(D) o estudo de Paolo Salucci pode ser comprovado através da comparação de sistemas solares
e galáxias.

2. Classifique, quanto ao seu processo de formação, a palavra «wormhole».

3. Retire do texto quatro vocábulos do campo lexical de «cosmologia».

4. Identifique as funções sintáticas presentes na expressão «[…] a hipótese é uma possibilidade


[…]» (linha 8).

5. Classifique as orações presentes na expressão «[…] é possível que a nossa galáxia contenha um
túnel […]» (linhas 4-5).

GRUPO III

Os textos lidos anteriormente têm como tópicos o Universo, a sua constituição e as viagens enquanto meio
de descoberta. Com base na sua experiência de leitura de textos relacionados com a exploração marítima
e/ou espacial, desenvolva uma exposição sobre a importância das viagens de descoberta para o
desenvolvimento do conhecimento científico da Humanidade.
Construa um texto bem estruturado, com um mínimo de cento e vinte (120) e um máximo de cento e
cinquenta (150) palavras.

Você também pode gostar