Você está na página 1de 8

...

DETERMINAÇÃO DOS ESFÓRÇOS HIDRÁULICOS


PRÉ-DIMENSIONAMENTO -TUBULAÇÃO FORÇADA:CREITÉRIO USBR EM 03 - WELDED STEEL PENSTOCKS

DADOS HIDRÁULICOS

...
H QUEDA BRUTA : 10 m.c.a.
Q VAZÃO: 12 m³/s V VELOCI.: 2.44 m/s

DADOS MECÂNICOS
TUBULAÇÃO
ØDIÂMETRO INT: 2.50 m L MONTANTE : 40.00 m α MONTANTE : 45.00 º Cos: 0.71 Sen: 0.71
E ESPESSURA: 10.00 mm L JUSANTE : 2.00 m α JUSANTE : 45.00 º Cos: 0.71 Sen: 0.71

JUNTA DE DILATAÇÃO
b PORTA GAXETAS : 50.00 mm t PRENSSA GAXETA: 20.00 mm f COEFICIENTE DE ATRITO: 0.20

...
BLOCOS DE APOIO
LESPAÇAMENTO ENTRE BLOCOS: 11.14 m
P TUB.: 24.66 tf P AGUA.: 196.35 tf P TOTAL.: 221.01 tf f COEFICIENTE DE ATRITO: 0.20

ESFÓRÇOS LONGITUDINÁIS
F1FORÇA HIDROSTÁTICA NO TUBO: 49.09 tf Ʃ DE MONTANTE Ʃ DE JUSANTE
F2QUANTIDADE DE MOVIMENTO TUBO: 0.61 tf Ʃ FMONTANTE 204.1 tf Ʃ FJUSANTE 44.3 tf
F3PESO DO TUBO MONTANTE: 125.02 tf ÉSFÓRÇOS EM X E Y
F4PESO DO TUBO JUSANTE: 7.81 tf X Y
F5FORÇA DE ATRITO BLOCOS: 26.96 tf 113.00 -113.00

...
F6FORÇA HIDROSTÁTICA GAXETA: 1.58 tf
F7FORÇA DE ATRITO NA GAXETA: 0.80 tf

ESFÓRÇOS
DIAGRAMA DE ESFÓRÇOS
F1

F2
Ʃ FMONTANTE
F3

F1
F5
Ʃ FJUSANTE
F6 F2

F7 F4

F6
F6

F7
...
..

..

...
DETERMINAÇÃO DOS ESFÓRÇOS HIDRÁULICOS
PRÉ-DIMENSIONAMENTO -TUBULAÇÃO FORÇADA:CREITÉRIO USBR EM 03 - WELDED STEEL PENSTOCKS
ESPAÇAMENTO ENTRE BERÇOS DE APOIO E BLOCOS DE ANCORAGEM
HB 60 mca Queda Bruta V 3.47 m/s Velocidade de escoamento
Q 3.3 m³/s Vazão α 1E-05 1/°C Coeficiente de variação térmica

∅ 1.1 m Diâmetro do conduto p 1124 kgf/m Carga Linear


e 6.35 mm Espessura do conduto LS 7.1977 m Distânica entre berços de apoio
Dα 30 °C Variação térmica LB 41.667 m Distância entre Blocos
Dt 15 mm Dilatação permitida pela junta

L_S=182,61∙∛(((∅+2∙e)^4-∅^4)/p) L_B=∆_α/(α∙∆_t )

DADOS DA DA TUBULAÇÃO E BERÇOS DE APOIO E BLOCOS DE ANCORAGEM

L MONTANTE 40.00 m comprimento da tubulação a montante do bloco de ancoragem


L JUSANTE 2.00 m comprimento da tubulação a jusante do bloco de ancoragem
θ MONTANTE 15 ° Cos θ 0.9659 Sen θ 0.2588 ângulo, em relação a horizontal, da tubulação de montante
θ JUSANTE 20 ° Cos θ 0.9397 Sen θ 0.342 ângulo, em relação a horizontal, da tubulação de jusante

DADOS DA JUNTA DE DILATAÇÃO


50 20
t prenssa gaxeta 20 mm
b porta gaxeta 50 mm
LS - berços apoio 7.1977 m

m coef. Atrito 0.2

LMO -
N. 40,00
m

2,0
0
m

m
7,197679
721

θ MON= 15 °

θ JUS= 20 °
FORÇAS ATUANTES NA TUBULAÇÃO
P_TOTAL=P_TUBO+P_ÁGUA= 6.8904 + 38.013 = 44.904 tf

F1 57.02 tf Força hidrostática na tubulação

F2 1.23 tf Força referente a quantidade de movimento

F3 9.30 tf Força referente ao peso da tubulação de montante

F4 0.77 tf Força referente ao peso da tubulação de jusante

F5 7.89 tf Força de atrito no bloco

F6 4.22 tf Força hidrostática na tubulação

F7 2.15 tf Força de atrito na gaxeta

Σ FORÇAS DE MONTANTES

FM FY 0,66 tf
81.81 tf

Σ FORÇAS DE JUSANTE

FJ 63.85 tf θMon 15 ° FX 19,02 tf

FORÇA EM X FORÇA EM Y °
θJus 20

FX 19.02 tf FY 0.66 tf

F1

F2

F3 Ʃ FMONTANTE

F1
F5
F6 F2

F7 F4 Ʃ FJUSANTE

Y (+)
F6

F7
X (+)
P_TUBO+P_ÁGUA=P_TOTAL
P_TUBO+P_ÁGUA=P_TOTAL
0.6199 + 3.4201 = 4.04