Você está na página 1de 7

UNIÕES MÓVEIS PARA ELEMENTOS

UNIÕES MÓVEIS:
PARAFUSOS

Outros padrões
O padrão unificado não é o único, mas é o mais
utilizado. Outros padrões que merecem ser citados
são:
Whitworth: esse era o padrão utilizado nos EUA e
na Inglaterra antes da adoção do padrão
unificado; o que difere este padrão do unificado é
o fato do ângulo da rosca ser de 55° ao invés dos
60°.
UNIÕES MÓVEIS PARA ELEMENTOS

UNIÕES MÓVEIS:
PARAFUSOS

Outros padrões
NPT: a rosca NPT possui a mesma inclinação do
sistema unificado, diferindo por possuir uma
inclinação de 1º47'27" na direção axial da rosca; a
rosca NPT é considerada uma rosca cônica o que a
torna recomendável para: tubulações de ar
comprimido, gás. vapor, água e similares. A sua
especificação é feita de forma similar a do padrão
unificado utilizado nos EUA e Inglaterra.
UNIÕES MÓVEIS PARA ELEMENTOS

UNIÕES MÓVEIS:
PARAFUSOS

Tensão de tração
Se um parafuso ou uma barra rosqueada é submetida
a uma carga de tração pura, é de se esperar que a sua
resistência seja limitada pela área do seu diâmetro
menor (dr).
F F

F F
UNIÕES MÓVEIS PARA ELEMENTOS

UNIÕES MÓVEIS:
PARAFUSOS

Tensão de tração
A tensão devida a uma carga de tração F é definida
como:
F
σt =
At
UNIÕES MÓVEIS PARA ELEMENTOS

UNIÕES MÓVEIS:
PARAFUSOS

Tensão de Cisalhamento
F
A

B
UNIÕES MÓVEIS PARA ELEMENTOS

UNIÕES MÓVEIS:
PARAFUSOS

Tensão de Cisalhamento
A tensão devida a uma carga cisalhante F é definida
como:
F
σc =
At
UNIÕES MÓVEIS PARA ELEMENTOS

UNIÕES MÓVEIS:
PARAFUSOS

Área sob tração


Assim área sob tração At é definida como:

π .dr 2
At =
4