Você está na página 1de 26

Aula 06 - ECO030

ECO030
Princı́pios de Comunicações
Os Canais de Comunicações e o Ruı́do Elétrico

Prof.: Yuri Victor Lima de Melo

Universidade Federal do Ceará (UFC)


Departamento de Computação (DC)
Engenharia de Computação
yurivictor.lm@gmail.com

2017
Aula 06 - ECO030

Sumário

1 Conceito de Canal

2 Tipos e Caracterı́sticas dos Canais

3 Propriedades dos Canais de Comunicações

4 Principais Distúrbios nos Canais de Comunicações

5 Distúrbios Especı́ficos do Canal Rádio

6 O Ruı́do Elétrico
Aula 06 - ECO030
Conceito de Canal

1 Conceito de Canal

2 Tipos e Caracterı́sticas dos Canais

3 Propriedades dos Canais de Comunicações

4 Principais Distúrbios nos Canais de Comunicações

5 Distúrbios Especı́ficos do Canal Rádio

6 O Ruı́do Elétrico
Aula 06 - ECO030
Conceito de Canal

Introdução
Canal é o meio fı́sico entre o transmissor e receptor por onde transitam os sinais
elétricos ou eletromagnéticos da informação. Em telecomunicações o termo canal
possui dois principais significados:
1 Usado para especificar um meio de comunicação: fio, rádio ou fibra óptica.
2 Segmento do espectro de frequências com largura de banda ou faixa ocupada por
uma transmissão de rádio.
Aula 06 - ECO030
Tipos e Caracterı́sticas dos Canais

1 Conceito de Canal

2 Tipos e Caracterı́sticas dos Canais

3 Propriedades dos Canais de Comunicações

4 Principais Distúrbios nos Canais de Comunicações

5 Distúrbios Especı́ficos do Canal Rádio

6 O Ruı́do Elétrico
Aula 06 - ECO030
Tipos e Caracterı́sticas dos Canais

Canal Fio
Consiste em pelo menos dois fios condutores elétricos usados para conduzir os sinais da
informação. Os principais materiais são:
Cabo de Par Trançado
Cabo Coaxial
Aula 06 - ECO030
Tipos e Caracterı́sticas dos Canais

Canal Rádio
Segmento do espectro de frequência ocupado pela onda eletromagnética (campo
elétrico + campo magnético) de um equipamento emissor. A onda de rádio se propaga
no espaço livre transportando os sinais elétricos da informação. As caracterı́sticas do
canal são:
O canal mais fácil de se ocupar (não precisa ser construı́do).
Necessita ter transceptores.
Problemas de distúrbios e interferência.
Aula 06 - ECO030
Tipos e Caracterı́sticas dos Canais

Canal de Fibra Óptica


A fibra óptica é um elemento monofilar de estrutura cristalina, condutor de luz, que
transporta a informação sob a forma de energia luminosa. O canal de fibra óptica
possui algumas vantagens sobre os demais canais, dentre elas:
Não irradia nem sofre interferências de sinais eletromagnéticos externos.
Atenuação de baixo valor.
Permite elevadas taxas de transmissão de dados.
Aula 06 - ECO030
Propriedades dos Canais de Comunicações

1 Conceito de Canal

2 Tipos e Caracterı́sticas dos Canais

3 Propriedades dos Canais de Comunicações

4 Principais Distúrbios nos Canais de Comunicações

5 Distúrbios Especı́ficos do Canal Rádio

6 O Ruı́do Elétrico
Aula 06 - ECO030
Propriedades dos Canais de Comunicações

Atenuação da Intensidade do Sinal


O sinal vai perdendo energia ao se propagar no canal de comunicação e chega ao
receptor com intensidade atenuada.

Limitação em Largura de Banda


Todo canal é limitado pela largura de banda. Sendo a largura do canal limitada, o
espectro do sinal da fonte deve ser menor ou, no máximo, igual a largura do canal. Se
esse requisito não for respeitado, ocorrerá distorção do sinal.

Nota
Dentre os canais, o canal de fibra óptica possui a maior largura de banda.
Aula 06 - ECO030
Propriedades dos Canais de Comunicações

Retardo
Retardo (delay ) é o nome dado ao tempo gasto para o sinal atravessar o canal de
comunicação. Se esse requisito não for respeitado, ocorrerá distorção do sinal. O
retardo tem valor significativo em enlaces longos, como nos enlaces via satélites
(provocando efeito de eco).
Aula 06 - ECO030
Principais Distúrbios nos Canais de Comunicações

1 Conceito de Canal

2 Tipos e Caracterı́sticas dos Canais

3 Propriedades dos Canais de Comunicações

4 Principais Distúrbios nos Canais de Comunicações

5 Distúrbios Especı́ficos do Canal Rádio

6 O Ruı́do Elétrico
Aula 06 - ECO030
Principais Distúrbios nos Canais de Comunicações

O Ruı́do Elétrico
O rúido elétrico existe na forma de corrente elétrica, quando gerado internamente em
dispositivos eletrônicos e na forma de onda eletromagnética, no espaço livre. O ruı́do
se soma ao sinal no canal de comunicação.
Aula 06 - ECO030
Principais Distúrbios nos Canais de Comunicações

Distorção do Sinal
A distorção consiste, praticamente, na alteração da forma do sinal. Os diferentes
valores de atenuações impostas às diferentes frequências que formam o sinal geram
distorções. No canal de fio, devido à capacitância e à indutância distribuı́das, a partir
de poucos metros da fonte começará a ocorrer distorção.

Nota
Nas comunicações digitais, a recuperação do sinal digital distorcido pode levar a
inteligibilidade da voz.
Aula 06 - ECO030
Principais Distúrbios nos Canais de Comunicações

Sinais Interferentes ou Espúrios


Sinais interferentes de outras comunicações que invadem o canal em uso, atrapalham e
dificultam as comunicações em andamento (e.g linha cruzada). Também podem
ocorrer nas comunicações rádio de forma ocasional ou proposital. Quando um sinal de
outra conversação interfere, esse sinal é considerado sinal espúrio ou indesejável.
Aula 06 - ECO030
Distúrbios Especı́ficos do Canal Rádio

1 Conceito de Canal

2 Tipos e Caracterı́sticas dos Canais

3 Propriedades dos Canais de Comunicações

4 Principais Distúrbios nos Canais de Comunicações

5 Distúrbios Especı́ficos do Canal Rádio

6 O Ruı́do Elétrico
Aula 06 - ECO030
Distúrbios Especı́ficos do Canal Rádio

Ondas de Multipercurso
Nas comunicaçãoes rádio, em particular nas rádio móveis, uma parte da energia
irradiada pela antena transmissora forma uma onda direta, aquele que segue direto à
antena receptora; o restante da energia se dispersa em ondas secundárias com reflexão
no solo, paredes e prédios.
Aula 06 - ECO030
Distúrbios Especı́ficos do Canal Rádio

Ondas de Multipercurso
As ondas secundárias de diferentes percursos, chegam à antena receptora com
diferentes intensidades, defasadas entre si e da onda principal. Para o receptor o sinal
instantâneo resultante é a soma vetorial dos sinais. Esse sinal varia intensidade a cada
instante, aumenta e diminui, passa por um nulo, esse comportamento é chamado de
desvanecimento ou fading.
Aula 06 - ECO030
Distúrbios Especı́ficos do Canal Rádio

Outros Distúrbios
Existem outros distúrbios especı́ficos do canal rádio, tais como:
Ação da chuva sobre as ondas de rádio.
Efeito Doppler.
Dutos.
Aula 06 - ECO030
O Ruı́do Elétrico

1 Conceito de Canal

2 Tipos e Caracterı́sticas dos Canais

3 Propriedades dos Canais de Comunicações

4 Principais Distúrbios nos Canais de Comunicações

5 Distúrbios Especı́ficos do Canal Rádio

6 O Ruı́do Elétrico
Aula 06 - ECO030
O Ruı́do Elétrico

Importância e Conceito do Ruı́do


O ruı́do elétrico ou simplesmente ruı́do (noise), merece tratamento especial pela
importância da sua existência: é o inimigo número um das comunicações. As palavras
chaves do ruı́do são:
Agitação dos elétrons
Comportamento aleatório
Amplitudes variáveis
Fases variáveis
Todo espectro de frequência
Aula 06 - ECO030
O Ruı́do Elétrico

Importância e Conceito do Ruı́do


É possı́vel classificar da seguinte forma:
O ruı́do externo (Captado pela antena e amplificador)
Ruı́do atmosférico
Ruı́do cósmico
Ruı́do provocado pelo homem
O ruı́do interno (Gerado pelos equipamentos)
Ruı́do Térmico
Ruı́do Branco
Ruı́do Cor de Rosa
Aula 06 - ECO030
O Ruı́do Elétrico

Ruı́do Branco
Denominou-se ruı́do branco (white noise) aquele presente em todo espectro de
frequência com densidade espectral constante. O ruido branco possui:
Distribuição gaussiana
Média zero
Variança σ

Nota
O ruı́do branco é tomado por modelo de ruı́do para facilitar os estudos em
telecomunicações. Costuma ser designado pela sigla AWGN (Additive White Gaussian
Noise).
Aula 06 - ECO030
O Ruı́do Elétrico

Ruı́do Branco
Aula 06 - ECO030
O Ruı́do Elétrico

Relação Sinal Ruı́do


Em eneganharia de telecomunicações é de suma importância a relação sinal-ruı́do
expressa em dB. é obtida do logaritmo da relação entre a potência do sinal e a
potência do ruı́do, na recepção:
 
Potência do Sinal
SNR = 10log10
Potência do Ruı́do
Aula 06 - ECO030
O Ruı́do Elétrico

ECO030
Princı́pios de Comunicações
Os Canais de Comunicações e o Ruı́do Elétrico

Prof.: Yuri Victor Lima de Melo

Universidade Federal do Ceará (UFC)


Departamento de Computação (DC)
Engenharia de Computação
yurivictor.lm@gmail.com

2017

Você também pode gostar