Você está na página 1de 2

BIOÉTICA E DIREITOS HUMANOS: QUAL O LIMITE DOS ESTUDOS

CIENTÍFICOS EM SERES HUMANOS?

Pierre Gonçalvez de Oliveira Filho (M, Docente do Centro Universitário de Patos – UNIFIP,
pierre_subjetividade@yahoo.com.br)
Délis Sousa Benevides (Graduanda em Psicologia pelo UNIFIP)
Marcos Vitor Costa Castelhano (Graduando em Psicologia pelo UNIFIP)
Bruna Martins Benvinda Wanderley (Graduanda em Psicologia pelo UNIFIP)
Clara Keely Monteiro Silva (Graduanda em Psicologia pelo UNIFIP)

A bioética é considerada uma reflexão interdisciplinar que visa intervir e difundir seus
conhecimentos relacionados a vida e ao viver, esse espectro não se limita a uma única
perspectiva ou teoria, que é ampla em relação a suas vertentes e óticas, discorrendo sobre
diversas temáticas, entre elas, os estudos científicos em seres humano e o limite desta prática.
Dessa forma, através das normas e reflexões partidas dos Direitos Humanos, consolidadas ao
fim da Segunda Guerra Mundial, a bioética visa compreender qual a melhor forma de realizar
estudos científicos em seres humanos, objetivando evitar atrocidades em nomes das ciência
que ocorreram naquele período. O presente trabalho teve como objetivo fazer relação entre a
bioética e Direitos Humanos. Para tanto, foi realizada uma pesquisa narrativa nos bancos de
dados Google Acadêmico e Scielo. Os resultados encontrados indicaram que essa vertente
reflexiva procura visualizar cada questão ética em sua totalidade, objetivando a construção de
uma ciência eficiente e coesa, em que, respeite o sujeito em sua subjetividade e como cidadão
dotados de direitos e deveres. Portanto, a bioética não nega a importância dos estudos
científicos em seres humanos em sua totalidade, mas rejeita qualquer desenvolvimento
metodológico que não respeite o sujeito à partir da ótica dos direitos humanos. Demonstrando
a pertinência desta temática, que se enquadra de maneira significativa nas questões acadêmicas
atuais e seus limites morais e éticos, existem temáticas que são indispensáveis quando se fala
em bioética, salientando que existem direitos que precisam ser assegurados na realização de
qualquer pesquisa.
Palavras-chaves: Bioétia; Direitos Humanos; Estudos Científicos