Você está na página 1de 50

Flor da Vida

Quando perguntamos como o Unive rso foi criado, os cientistas dizem que tudo
surgiu do nada, a partir de uma grande explosão que eles chamam de “Big Bang” e
os religiosos dizem que Deus criou o Unive rso e tudo o que nele há, mas o modo
como a Bíblia descreve a criação seria impossível e nós vamos mostrar por quê. Já
que não divulgam amplamente uma explicação detalhada sobre a orige m ou
desenvolvimento inicial do Unive rso, nós vamos fazer isto agora.

Neste tópico, vamos analisar o padrão da criação. Tudo no Universo é geométrico,


sejam pessoas, árvores, gatos, planetas, sistemas solares, estrelas… Qualquer coisa
no Universo pode ser medida numa escala geométrica. Dito isto, é importante
salientar que a criação também é geométrica.

Essencialmente, isto significa que tudo, no Universo, se forma a partir deste


padrão único:

Eu não estou inventando isto. Esta única imagem vai mudar tudo. No tópico “As
Chaves do Nosso Passado” eu mencionei que os antigos egípcios e até civilizações
mais antigas tinham conhecimento sobre um entendime nto básico mais profundo
do Universo: a Flor da Vida, o padrão da criação de tudo que existe, mesmo de
coisas intangíveis como e moções, pensamentos, música, no seu aspecto completo…
Tudo advé m desta image m.
Existem 13 sistemas de informação que se formam a partir da Flor da Vida.

Hoje eu vou mostrar como a realidade física, que é apenas 1 dos 13 sistemas, pode
manifestar-se a si própria. No início isto pode rá não fazer sentido, mas se você ler
este tópico até o fim, observando com a mente abe rta e tentando ver de uma forma
diferente e nova, você pode rá entender, mas aprendendo sobre geometria sagrada
simplesmente por observar você está absorvendo uma quantidade minúscula de
informação. Se você realmente quiser aprender mais, precisa começar a desenhá-la
você mesmo. Não estou brincando. Ao fazer isto, você começará a ver as coisas de
uma nova forma, começará a compreender o porquê das coisas serem feitas da
forma em que o são.

A Flor da Vida era conhecida pelo mundo afora e m te mpos antigos. Foi
encontrada no Egito, Israel, Grécia, Índia, China, Turquia, Irlanda, Alemanha e
Islândia.
Também foi registrado ter sido encontrada na Inglaterra, Tibete, Japão, Suécia,
Lapônia, Yucutan e, se eu não me engano, e m mais 14 países. Esta coisa está em
toda parte e em todo o mundo tem sempre o mesmo nome: A FLOR DA VIDA.

Para perceber a Flor da Vida, primeiro te mos de falar sobre como ela se formou.
Isto pode tornar-se muito complicado, por isso vou tentar explicar de forma
simples.

Vamos utilizar a imagem do Terceiro Olho porque ele representa a Consciência.

Imagine a Consciência (ou o que chamam de Espírito), flutuando no vazio, ou seja,


no nada.
E então a Consciência, não o corpo físico ne m a mente, mas apenas a Consciência e
mais nada… Depois a escuridão, essencialmente nada à volta da Consciência…
para o infinito.

A Consciência decide faze r algo, por isso se expande em toda a sua volta, tão longe
quanto consegue sem se movime ntar, ela cria uma esfera à sua volta, este é o
primeiro círculo dentro da FLOR DA VIDA.

Depois, a Consciência te m uma percepção do que existe à sua volta em 360 graus,
Ela move-se para um ponto mais exterior da esfera, em qualquer lugar,

E repete o que fez na primeira vez.

Cria-se esta image m:

Que, por s ua vez, cria a “VESICA PISCIS”.

Dentro da Vesica Piscis está uma vasta e incrível quantidade de conhecimento


sobre largura, proporção e profundidade.
Também está a raiz quadrada de 2, 3 e 5, que são números que continuam para
sempre.

Mas o mais interessante é que dentro da Vesica Piscis também está a informação
geométrica sobre a LUZ.

A Consciência não tem outra escolha senão repetir o processo.


A Consciência não tem falhas, portanto, ela se move sem falhas, criando o próximo
círculo aqui ou ali, exatamente a um raio de distância do outro círculo próximo a
ele.

Cada ve z que a Consciência se move noutra esfera, mais e mais conhecimento se


origina da imagem que é criada.
A primeira imagem a ser criada é esta abaixo, tem dois nomes: A SEMENTE DA
VIDA ou O PADRÃO DE GÊNESIS. E por uma boa razão.

Vamos analisar um pouco o livro de Gênesis.

Cada um destes movimentos ou criação de círculos pode m ser vistos como um


outro dia. No primeiro movimento, a segunda esfera criou conhecimento, não
apenas sobre proporções matemáticas, mas sobre a Luz.
A primeira frase de Gênesis diz: “A Te rra estava sem forma e vazia e o Espírito de
Deus MOVEU-SE sobre a face das águas.” E na frase seguinte, Deus diz “Que se
FAÇA LUZ”.

A chave está na orde m, o movimento aconteceu primeiro e a luz surgiu


imediatamente após.

Mas e quanto as águas? Lembre-se que a Bíblia mudou muito ao longo do te mpo.
Os antigos egípcios diriam que a forma como as nossas Bíblias mode rnas começam
a criação é impossível, especialmente se pensarmos sobre isto do ponto de vista da
Física.

Imagine um espaço escuro infinito que se expande para sempre em todas as


direções.

Você está flutuando neste espaço com nada e não consegue cair. Para onde cairia
se não existe nada?

De um ponto de vista estritamente físico ou matemático, o próprio movime nto ou


energia cinética é absolutamente impossível no vazio. Você não consegue sequer
rodar porque o movimento não se torna real a não ser que haja outro objeto no
espaço à sua volta.

Por isso os antigos egípcios diriam que antes de Deus se mover sobre a face das
águas, Ele teria de criar algo para se mover em relação a esse algo.

Você sabe de onde vem a idéia da Santíssima Trindade? Alguns religiosos diriam
que é o Pai, o Filho e o Espírito Santo, outros diriam que representa Ninrode,
Semiramis e Tamuz ou Osíris, Isis e Horus e que isso é coisa do diabo. Bem, vamos
deixar as especulações e devaneios de lado e ir direto à resposta lógica.
No padrão de Gênesis, depois de 3 esferas, obtém-se a Sagrada Trindade.

Outra coisa interessante que consta, não apenas nas Bíblias cristãs, mas em muitas
Bíblias pelo mundo afora, é que no quarto dia de Gênesis, exatamente metade da
criação ficou completa. Começando do primeiro movimento, exatamente metade
dos círculos foi formada no quarto dia.

Quinto dia de Gênesis, 6 círculos, mais informações.

E depois, no sexto dia, um milagre geométrico acontece:


O Último círculo forma uma flor de seis pétalas completa.

É a isto que muitas das primeiras Bíblias se referiam quando diziam “No início
eram seis”. A nossa Bíblia atual até diz que a criação se formou em 6 dias e isto se
encaixa pe rfeitamente. Este é o padrão de Gênesis e por isso é chamado de “O
PADRÃO DE GÊNESIS”. É també m o início da criação do Universo onde
vivemos.

Estes movimentos originais da Consciência são muito importantes, mas vamos ver
uma coisa ainda melhor.

Outra imagem que advém deste padrão é esta, a chamada ÁRVORE DA VIDA:
Muitos reconhecem isto como a Kabbalah Hebraica ou Cabala Judaica.

Mas a Cabala não deu origem a esta imagem e existem provas. A Árvore da vida
não pertence a nenhuma cultura, ne m mesmo aos egípcios que gravaram a Árvore
da Vida em dois conjuntos de três pilares no Te mplo de Karnak, e m Luxor, há
mais de 5 mil anos atrás.

Está fora de qualquer raça ou religião, tal como todas estas imagens. Existem
padrões que estão intimame nte ligados com a natureza, també m se vê que cada
círculo da ÁRVORE DA VIDA ou é do comprime nto ou da largura da Vesica
Piscis.
A segunda image m alé m de Gênesis na Flor da Vida é o OVO DA VIDA.

Ele é formado durante o movimento do segundo vórtice e, quando está completo,


cria uma imagem como esta:

Uma forma tridimensional que se pode segurar na mão.

Se unir-se os centros, vê-se um cubo.


Mas que m se importa com isso? Bem, os antigos egípcios se importavam porque
eles se interessavam pela criação, pela vida e pela morte. Eles chamavam este
aglomerado de esferas de OVO DA VIDA.

Provavelmente você ainda não acredite em mim, mas esta forma é a estrutura
morfogenetica que criou o seu corpo.

A sua existência física inteira depende da estrutura do OVO DA VIDA e tudo em


você foi criado a partir desta forma, tudo, desde a cor dos seus olhos até o
comprimento dos seus dedos.

Esta é uma inteira lição por si só, por isso vamos avançar por agora.

Por todo mundo, a Flor da Vida sempre foi feita exatamente da mesma forma. Este
padrão pode continuar para sempre, contudo, eles sempre pararam depois de 19
círculos. Sabe por que?

Porque eles não que riam que você visse o que eu estou prestes a te mostrar.
Naquela época, esta imagem e conhecimento e ram tão sagrados ou valiosos que
eles não podiam pe rmitir que se tornasse conhecimento comum. Naquele tempo,
era apropriado manter isto em segredo, mas agora, ou usamos esta informação ou
caímos mais fundo na escuridão.

Em Biologia, os ouvidos têm uma “zona pelúcida” em toda a sua volta.

Estes círculos à volta da Flor da Vida são a zona pelúcida da Flor da Vida.

Você deve remover isto, depois completar as esferas que foram cortadas pela zona
pelúcida.
Com mais um passo, teremos o segredo.

Termina-se o desenho adicionando-se os últimos círculos que faltam e obtém-se


isto:

Esta imagem é o FRUTO DA VIDA:

Este padrão de 13 círculos é uma das mais sagradas formas que existem. É
chamado de fruto porque é o resultado (fruto) de onde a fábrica dos detalhes da
realidade foi criada.
Lembra quando falamos sobre a energia masculina e feminina (leia o tópico
“Energia Masculina e Fe minina”)? Como você pode ver, esta image m é feminina,
não te m linhas retas. Contudo, quando se combina linhas masculinas com estes
círculos femininos, algo espantoso acontece.

Desenhe linhas retas desde o centro de cada círculo até cada outro círculo desta
imagem.

Se fizer isto, você vai obter uma image m que é conhecida por todo o Unive rso
como o CUBO DE METATRON.

É um dos sistemas de informação mais importantes do Universo, um dos padrões


básicos da criação.

Mas o que é o CUBO DE METATRON? Bem, qualque r pessoa que tenha estudado
geometria sagrada ou até mesmo geometria regular sabe que existem 5 formas
únicas no Unive rso e elas são cruciais para compreender tanto a geometria regular
quanto a geometria sagrada. São os Sólidos Platônicos.
Um sólido platônico te m certas caracte rísticas por definição.

1) Todas as suas faces são do mesmo tamanho. Um cubo, o mais conhecido dos
sólidos platônicos, tem um quadrado e m cada face, por isso todas as suas faces são
do mesmo tamanho;

2) As bordas de um sólido platônico têm todos o mesmo comprimento, todas as


bordas do cubo tê m o mesmo comprimento;

3) Têm apenas um tamanho de ângulos interiores entra as faces. No caso do cubo,


este ângulo é de 90 graus;
4) Quando colocado dentro de uma esfera, todos os pontos irão tocar a borda da
esfera perfeitame nte.

Com esta definição, existem apenas 5 formas que se encaixam nesta descrição.
Quais são? O Tetraedro, o Hexaedro, o Octaedro, o Dodecaedro e o Icosaedro.
Todas estas formas se encontram dentro do CUBO DE METATRON.

É també m a partir deste conhecimento que se originou a Alquimia. Os antigos


alquimistas e grandes mentes como Pitágoras, o pai da Grécia, consideraram que
cada forma te m um aspecto elementar próprio. O tetraedro era considerado fogo,
o hexaedro era terra, o octaedro era ar, o icosaedro era água e o dodecaedro era
éter.

Éter, também conhecido como Prana, e Energia Tachyon são a mesma coisa. Ele
está em toda parte e é acessível em qualquer ponto do espaço, te mpo e dimensão.
Este é o grande segredo da tecnologia da “energia do ponto zero”.
A esfera é o vazio, estes seis elementos são os tijolos da construção do Unive rso e
eles criam as qualidades do Universo.

Resumindo, este é o primeiro sistema de informação que se forma do Fruto da


Vida através do Cubo de Metatron.

Na Alquimia, eles raramente discute m o éter. Na escola pitagórica, esta forma era
considerada tão sagrada que quem sequer usasse a palavra dodecaedro fora da
escola seria morto imediatamente. Duze ntos anos mais tarde, Platão discutiria o
tema, mas com muito cuidado.

O dodecaedro está perto da borda externa do seu campo de energia e é a mais alta
forma de consciência.

Ainda há muito para falar aqui, mas é melhor não ir mais longe sobre isto, por
enquanto. De qualquer forma, você conhece a Tabela Periódica dos Elementos?

Cada um dos elementos desta tabela tem uma relação geométrica com uma destas
5 formas.
Os acadêmicos conte mporâneos ridicularizaram esta idéia até a década de 80,
quando o professor Robert Moon, da Universidade de Chicago, de monstrou que
toda a tabela periódica de elementos e literalmente tudo no mundo físico é baseado
nestas mesmas 5 formas.

De fato, através da Física, Química e Biologia, os padrões geométricos sagrados da


criação estão sendo redescobertos. Outro exemplo é o Ovo da Vida, que mostrei
anteriormente.

Espero que isto te ajude a compreender quão incrível e importante descoberta isto
realmente é.

Tudo que a ciência moderna sabe sobre os elementos e a realidade está


diretamente relacionado aos Sólidos Platônicos,

Que se formaram do Cubo de Metatron,


Que se formou do Fruto da Vida,

Que se formou da Flor da Vida,

Que é feita pela Consciência.

Note que não há um ancião barbudo, de cabelos brancos, movendo -se sobre a face
das águas. Tudo foi feito pela Consciência.

Que r você já esteja convencido (a) ou não, esta é a peça que faltava no quebra-
cabeças. Lembre-se: Este é apenas 1 dos 13 sistemas de informação que criaram o
Universo. Vou mostrar o segundo sistema de informação que criou o Unive rso no
tópico “Matemática do Criador“, que é o próximo desta sequência. Vou ence rrar o
assunto no tópico “Evolução“. Recomendo que você leia estes tópicos para
entender melhor como ocorreu a criação. Se você quer estudar isto mais
profundamente por si mesmo, um bom recurso é o livro “O Antigo Segredo da
Flor Da Vida”.

Vou terminar com algo que penso que você vai gostar. Mesmo depois dos tópicos
“As Chaves do Nosso Passado” e “A História da Humanidade – Parte 1“, eu
percebi que alguns leitores ainda estão céticos. Você acredita que extraterrestres
têm vindo a Terra e têm nos ajudado já faz muito te mpo? Não acredita?

E agora? A image m acima é da Flor da Vida num agro-círculo (círculos das


colheitas). Lembre-se: A Flor da Vida não está apenas ligada a todas as coisas no
Universo, mas também à Consciência.

Na image m abaixo, podemos ver a Vesica Piscis num círculo das colheitas.

Aqui estão Outros:


Ao criar estes círculos das colheitas, os extraterrestres têm afetado e ajudado a
consciência do planeta.

Fontes:

The Ancient Secret of the Flower of Life – Drunvalo Melchizedek

Intro to Secret Geometry – spiraloflight.com

Platonic Solids + Robert Moon – 21stcenturysciencetech.com

The Serpent of Light – Drunvalo Melchizedek


Dimensões
No final do tópico “Flor da Vida”, mostrei alguns círculos das colheitas
espetaculares, geometricamente perfeitos em forma da FLOR DA VIDA.

A maioria das pessoas não acredita, não gosta ou não se interessa muito, por isso
estou mostrando estes desenhos feitos por Leonardo Da Vinci, o que prova que ele
estudou a forma da FLOR DA VIDA.
De fato, foram encontrados mais de 200 desenhos dele, todos estudando diferentes
ângulos e proporções, repletos de descrições de cada um. O editor do livro que
publicou estes desenhos perdidos não sabia realmente o que eram, então, ele
limitou-se a dizer “Isto é a forma como ele surgiu com estas invenções”. Da Vinci foi
capaz de inventar coisas complexas e desenhos porque ele estudo u a proporção
divina.

Da Vinci era um Mestre Maçom e é quase certo que teria obtido o seu
conhecimento original deles. Será a FLOR DA VIDA, entre outras coisas, a
informação secreta que os Maçons têm guardado e m segredo nos últimos mil anos?
Neste tópico, eu ia falar sobre espirais e sequências que se encontram por todo o
Universo, o que é muito importante, mas no último minuto, decidi mudar o te ma
porque quero te mostrar outra coisa.

No docume ntário “New Theory of Everything”, o Físico de Partículas Garrett Lisi


fala sobre uma espantosa descoberta no campo científico. Eu vou falar das suas
descobertas e depois falaremos sobre dimensões.

Ao examinar corais, Garrett descobriu que cada cabeça de um coral tem milhares
de diferentes pólipos.

Estes pólipos constante mente crescem e ramificam-se em vizinhos geneticamente


idênticos.

Ao fazer experiências com calor, ele descobriu que cada pólipo é parte de um todo,
uma única unidade de ser, mas cada um experimenta a s ua própria realidade
individualme nte, assim como todos nós somos um, mas cada um de nós vive sua
própria expe riência. A partir das suas descobertas com os co rais, eles foram
capazes de observar a Mecânica Quântica.

A Matemática da Mecânica Quântica mostra exatamente como o nosso Universo


funciona.
E vemos que tudo, na realidade, está apenas ramificando-se continuamente em
novas possibilidades, tal como os corais.

Enquanto humanos, estamos experimentando, individualmente, apenas uma dessas


possibilidades, como os pólipos individuais.

O que a Física nos diz é que tudo se resume à geometria e às interações entre
partículas elementares. As coisas só pode m acontecer quando estão perfeitamente
equilibradas, então Garrett começa a mostrar-nos algumas partículas subatômicas
e as coisas que constituem os elétrons, prótons e nêutrons.
Nós sempre consideramos o átomo como a menor partícula, mas nunca pensamos
sobre que m cria as partículas. Garret mostra-nos como as partículas que criam
outras partículas realmente funcionam. Ele mostra que quando observamos o seu
movimento, isto é como elas se parecem nas menores escalas do Universo e como
este funciona. É muito lindo.

Agora, observe isto:

Esta é uma das formas em que estas cargas se ramificam entre elas. Como
podemos ver, flue m num padrão hexagonal.
O mesmo padrão que encontramos na Flor da Vida expandida.

Depois, se rodarmos este padrão numa base de carga em 6 dime nsões, veremos que
formam ainda outro padrão.

Muitos reconhecem isto como a forma da estrela de Davi, mas o seu verdadeiro
nome é estrela tetraedro,

Que se alinha pe rfeitamente com o FRUTO DA VIDA.


Todo este padrão criado pelas partículas é mapeado através de locais precisos
sobre uma forma esférica de 200 dime nsões a que os cientistas chamam E8.

Rodando também esta forma, podemos ver como existem praticame nte
possibilidades infinitas destas partículas elementares interagirem umas com as
outras.
Os detalhes da realidade começam a tomar forma. Agora, enquanto a forma roda
em 8 dimensões, podemos ver uma variedade de diferentes padrões.

Observe este em particular:


Ele se parece muito com o CUBO DE METATRON, não é mesmo?

No coração da Física de partículas está a pura e bela Geometria.

Agora mesmo, provavelmente você está começando a ve r onde a geometria


sagrada se encaixa no meio disto. Como é que estas formas se originaram? Se rá
que se formaram ao acaso? Ou apenas a primeira forma veio de outro lugar?
No tópico “Flor da Vida” falamos sobre esta original e perfeita simetria
geométrica que criou o Universo.

Como aprendemos, esta forma não só é a raiz de todas as proporções matemáticas,


da Luz e dos Sólidos Platônicos, como também é a fonte de todo sistema musical do
Universo, incluindo sistemas usados ou desconhecidos pelo home m moderno.
Também é a fonte de padrões de energia e de… Bem, é a fonte de TUDO!
Absolutame nte tudo se forma a partir da FLOR DA VIDA. Acre dito que isto é o
que está na base do que cria a formação de toda partícula subatômica e,
provavelmente, vai ainda mais fundo do que Garrett está nos mostrando.

Agora pode mos começar a falar sobre dimensões. Estas rodas são alguns dos
símbolos conhecidos mais antigos:

Os únicos locais onde foram encontradas é em tetos de certos túmulos egípcios


muito antigos.
Elas são sempre encontradas em conjuntos de 4 ou 8 e ningué m sabe o que são,
mesmo os egiptólogos mais famosos não faze m idéia.

Mas isto, na verdade, é a prova de que os antigos egípcios não só compreendiam a


FLOR DA VIDA, como eles a viveram.

Agora, vou te mostrar o que significavam estas rodas e vamos deixar para analisar
os detalhes destas revelações em tópicos futuros porque ainda há muito sobre o que
falar primeiro. Que fique já registrado, a revelação se parece com isto:

Nas paredes, juntamente com estas rodas, estão desenhos de 7 pessoas com cabeças
de animais.
Eles são chamados de Neters

E cada um deles tem uma oval laranja/ve rmelha e m cima de suas cabeças. Isto é
chamado de “ovo da metamorfose”.

Os Neters nos mostram uma época quando nós atravessamos uma certa fase de
ressurreição, não como um tipo comum de ressurreição, mas sim uma rápida
mudança biológica para uma dife rente forma de vida.

Como podemos ver aqui, eles estão mudando de direção 90 graus e ao fazer isso,
eles estão mudando de dimensão.
Os níveis dime nsionais estão separados por 90°, as notas musicais estão separadas
por 90°, os Chakras também por 90°. É um número que aparece continuamente.

Provavelmente neste ponto, deveríamos definir uma compreensão comum sobre o


que são as dimensões, como por exemplo, 3° dimensão, 4° dimensão, 5° dime nsão…
Do que estamos falando?

A maioria das pessoas pensa em dimensão em termos de tempo e espaço, o eixo do


X, Y e Z, com o tempo tornando-se a 4° dimensão. Isto não é o que estamos
falando. O que estamos vendo como os vários níveis dimensionais tem mais a ver
com música e harmônica do que qualquer outra coisa.

Um piano te m oito teclas brancas desde C a C, que é a familiar oitava.

E pelo meio existem 5 teclas pretas. Tudo junto cria o que se chama “Escala
Cromática”, que consiste em 13 notas.
Na verdade, 12 notas, com a 13° sendo a 1° na oitava seguinte.

Então, de uma C para a seguinte existem 13 passos, não 8. Isto també m se


relaciona com o sistema de 7, 8 e 13 chakras que mencionei no tópico “A
Importância dos Chakras”.
Com isto presente, quero mostrar uma onda sinusoidal.

As ondas sinusoidais correspondem à luz, ao espectro eletromagnético e à vibração


do som.

Nós estamos muito familiarizados com isto.

Em toda a realidade onde nos encontramos, todas as coisas estão baseadas em


ondas sinusoidais.
Não há exceções a isto, exceto, talvez, para a Consciência e para o Vazio. A Física
Quântica e a Mecânica Quântica olham para tudo o que é real em uma de duas
formas. Você pode olhar para qualquer coisa, como o computado r e m que está
lendo este post, ou pode esquecer esta idéia completamente e observar isto como
uma vibração, uma forma de onda, como os campos eletromagnéticos, ou até o
som.

Se você olhar para isso como átomos, as leis pode m ser vistas para corresponder a
este modelo, mas se olhar para isso como formas de onda, as leis també m parecem
corresponde r a este modelo. Ambos os sistemas se formam a partir da FLOR DA
VIDA.

Um deles sendo aquele que acabamos de ver, do FRUTO DA VIDA até o CUBO
DE METATRON e por aí afora.
E o outro sendo esta magnífica confusão de imagem:

Tudo, neste mundo, é uma forma de onda, ou pode ser visto como som, todas as
coisas, o nosso corpo, os planetas… Absolutamente tudo é uma forma de onda.

Se você escolher esta forma particular de olhar a realidade e então sobrepor esta
visão sobre a realidade das harmônicas da música, podemos começar a falar sobre
dime nsões.

Os níveis dime nsionais não são mais do que dife rentes valores de comprimentos de
onda. A única dife rença entre esta dimensão e qualquer outra é o comportamento
da sua forma de onda básica. É como um aparelho de rádio, gira o ponteiro,
sintoniza um comprimento de onda (freqüência). É a mesma coisa com as
dime nsões.

Se você mudasse o comprimento da onda da sua consciência (e fazendo isso, você


muda todos os padrões do seu corpo para um comprimento de onda diferente deste
Universo), você literalmente desapareceria deste mundo e reapareceria naquele em
que se “sintonizasse”.

Foi teorizado que a margem de comprimento de onda e m que estamos vivendo


atualmente é de 7,23 cm. Existem algumas razões para isto:

1) Num sentido espiritual, o comprimento da onda 7,23 é “OM”, o som do


Universo dos Hindus. Talve z seja por isso que OM é uma fe rramenta tão poderosa
na meditação.

2) Se pegarmos 100 pessoas e medirmos a distância entre os seus olhos, o


comprimento médio é de 7,23 cm.
O mesmo acontece com a distância que vai da ponta do queixo à ponta do nariz,

Da distância que atravessa as palmas das nossas mãos

E a distância entre os nossos chakras.

Este comprime nto de 7,23 está por todo o nosso corpo e m várias formas porque
nós emergimos nesta dimensão particular.

3) Os Laboratórios Bell descobriram este comprime nto de onda quando estavam


programando o sistema de microondas nos EUA.
Eles encontraram estática no sistema porque escolheram um comprimento de onda
ligeiramente maior do que 7,23 para o seu sistema. De forma a se livrarem da
estática, eles fize ram algo de que nós, como planeta, ainda estamos sofrendo. Eles
subiram a energia até 50 mil ve zes mais do que normalme nte precisamos. Isso
criou um campo muito forte, para que o comprimento de 7,23 não interferisse.

É por essas razões que eu acredito que 7,23 seja o comprime nto de onda da nossa
dime nsão.

À medida que se sobe nos níveis dimensionais, o comprimento de onda torna-se


cada vez me nor, mas com cada vez mais energia. À me dida que se desce nos níveis,
o comprimento de onda torna-se cada vez mais comprido, mas com cada vez mais
energia e muito mais denso.

Tal como num piano, existe um espaço entre as notas, para que quando se tecle
uma nota, haja um local bem específico para a próxima nota.

Neste Universo de formas de onda em que vivemos, há um local be m definido onde


existe o próximo nível dime nsional. É um comprime nto de onda específico em
relação ao de agora. A maioria das culturas no Cos mos têm um conhecimento
básico disto e compreende m como mudar de dimensão. Entretanto, devido a ce rtos
eventos que aconteceram na Terra há 13 mil anos atrás, esquecemos tudo, mas
estamos prestes a relembrar.

Se mostrarmos cada nota da escala cromática como um círculo, te mos 13 círculos.

Cada círculo representa uma tecla branca ou preta e o círculo sombreado no final
seria a 13° nota, que começa a próxima oitava.
Este círculo re presenta a terceira dimensão. É aqui que nós estamos e este círculo
próximo dele seria a quarta.

É tipicamente aqui que estão os seres canalizados (leia o tópico “Canalização”).


Também é aqui que se explora quando se está praticando projeção astral ou
sonhos lúcidos (leia o tópico “Catalepsia Projetiva”).

Percebeu que o sistema musical vai para cima e para baixo infinitamente, oitavas
sobre oitavas, sobre oitavas?

Teoricame nte, também é assim que funciona o Universo, um espectro infinito de


Universos em ambas as direções indo para cima e para baixo infinitame nte.
Pensávamos que o nosso Universo fosse grande, mas tudo que existe em nosso
Universo, tão longe quanto conseguimos ver… Isso é apenas uma dime nsão. Ainda
há muito mais.

Talvez você já tenha ouvido falar sobre 144 dimensões e como o núme ro 144 se
relaciona com outros assuntos espirituais. Isto é porque existem 12 notas numa
oitava
e 12 tons extras entre cada nota,

12 x 12 = 144 níveis dimensionais.

Para ser específico, existem 12 dimensões principais e 132 dimensões secundárias


dentro de cada oitava,

Embora, na verdade, esta progressão continue para sempre.


O diagrama que temos observado re presenta uma oitava, a 13° nota repete -se e
então, existe outra oitava depois disso.

Estamos chegando ao fim deste tópico, mas antes que ro comentar uma coisa.

Em um episódio da série “Ancient Aliens” (Alienígenas do Passado), um dos


nativos que se comunica com seres de dimensões superiores disse ao homem que o
estava entrevistando:

“Eles sempre estiveram aqui, até aqui mesmo onde estamos sentados, mas você
simplesmente não os vê porque eles estão numa freqüência diferente.”

Ninguém entendeu o que ele queria dizer, mas agora que leu este tópico, você pode
entender.

Você também pode gostar