Você está na página 1de 25

4444U444444144441114

k " k düdk i

Missa em ação de graças


4,
pelas Bodas de Diamante

MANUÊLINO g- MARIA

1919 1979
3:-
3:-
,e
***********************************************4!
MISSA DE MAS DE DIAMANTE MA-,;dMONIAIS
„ - •

RITOS .INIC1. AIS

Canto de pntrada
Procissào da familia)
f", virterk
- Estamos reunidos, juntos ao aítar do
Senlz-r, para a celebraçao da Santà
Ab,

Mis.k3,á em aço de grças peias. bençs


derramadas sobre/Manuelino e Maria
que, ra5 60 anos, se uniram pelo ma -
.trimd. ni6„3
Filhos - O Senhor reunpu nossa família para
lebrk o amor de noásos pais. Eles
- sao ara nos, aquilo que a terra e
.
ar, t? a3ua sao para as primtotas da
prifivera, nos seus mais tenros anos,
donos o alimente, o estemulo, o arrí-
paro/.
Todo
eb..tffigiabob5mmilem,.2.
Bed • ZF Deus que nos relln'hA
, .
amor de tdristo.
Celebrante - Meus irmos, celebremos hoje na ale-
gría do amor e da amizade as Bodas
de Diamante de "Manuelino e Maria "
Vimos agradecer ao bom Deus, por Jesus
Cristo, o maravilhoso dom destes 60 a-
nps bem vividos, na alegria e no sofri
mento no trabalho e na solicitude ,na
e na paz.
e
jj A graça e a paz lhe sejam dadas em pie
nitude„
Rito Penitencíal-
Webrente:- Senhor que viestes sevar os coraçoes
arrependidos.
QdQ - Senhor, tende piedade de ni;s.
flatsi:- Cristo que viestes chamar os pecadores,
tende piedade de nás.
Todos: - Senhor, tende piedade de nos.
Celebrente:- Senhor que intercedeis por nos junto ao
Pais tende piedade de nãs.
fi Senhor, tende piedade de nos.
HOGOS:
tende piedade de nos. Vos que ti-
rai2 o pecado do mundo, acolhei a
'nossa suplica. Vos que estais a
direita do Pai, tende piedade •de
nos. So Vos sois o Santo: so 1/' (')s
‘, 4
ó Senhor, so Vos, o altissimo
4 .
Jegsus Cristo com o Espe ra() Santo
na gl ória de Deus Pai.
^,
praça°
eJrante: DeOls, que unistes estes vossos
"Manuelino e Maria" pelo
laç indissolúvel do matrimonio e
conservastes os seus coraçoes uni
dos nos sofrimentos e nas alegrias,
aum(Jntai e purificai o seu amor uni
versa 1. Por Nosso Senhor Jesus Cris
to, vosso filho, na unidade do Espi
rito Santo.,.

Todo- Amem.
Cel Deu '
, nosso Pai, tenha compaixao de
mosfl nos conserve no amor de Cristo
e n s de o Espírito Santo, fonte de
un o e de caridade.

prante:- G1(;,,lia a Deus nas alturas.


1..eteimu

e paz na terra aos homens por Ele


amgsios. Senhor Deus, rei dos cus
P
Deti's Pai todo-poderoso: nos vos
bOdizemos, nos vos adoramos ,nos
voá damos graças por vossa imensa
giria. Senhor Jesus Cristo. Fi-
lh4 unigenito, Senhor Deus, Cordel
ro de Deus, Filho de Deus Pai.
Vos que tirais o pecado do mundo,
••



41TURGI's DA'PAÇAV A

Come ntador - (Leitura da Carta de São Paulo aos Efesios)


oh, irmaos, que stia-ã vídã - sejam dirigidas pelo
amor, assim como Deus nos amou e deu sua vida
por nos.
Maridos, amem suas mulheres, assim como Cristo
amou a Igreja e deu sua vida por ela. Ele fez
isso para consagrar sua Igreja a Deus, lavado
-a com agua e purificando-a com sue palavre.
E fez isso tambell para poder apresentar a si
mesmo a sua Igreja em toda a sua beleza, per
feita, sem rugas ou qualquer defeito.
Os homens devem amar suas mulheres assim
como amam seus propreos corpos. O homem que
ama sua esposa ame,a si mesmo. Porque nielguem
odiou seu prprio corpo. Ao contrário, o ali
( 22 )
e amigos, verdadeira felicidade.
Todos: Amem.
;,,
Todos: "Manuelino e Maria" que Deus vos conserve
no vosso amor, para que a paz de Círsto
habite em Vos e permaneça sempre em vossa
casa,
O casal Amem.
Celebrante:- O Senhor esteja convosco!
Todos: Ele esta no meio de nos!
Cetebrante:- Abençoe-vos Deus, TodoPoderoso,
Pai, Filho e Espírito Santo.
Tocos: Amem.
Celebrante:- Vamos em paz e o Senhor nos acompanhe!
Todos- AMÉM.
( 4)
menta e cuida dele, como Cristo faz com a Igre
ja, pois somos membros de seu corpo; somos de
sua carne e de seus ossos.
Eis porque o,homem deixara pai e me e
se unir.; ; sua mulher, ser;o os dois uma so
carne .
115. uma grande verdade revelada nesta
sagem da Escritura; que cada marido ame sua e •
pose como a si mesmo, e que a esposa respeite
seu marido.
Palavra do Senhorl
Graças a Deus.

Aciamaçao ao Evan2elho: Canto


- EVANGELHO
lebreTt :- O Senhor esteja convosco!
Ele esta no meio ,de !
C'te: Evnelho,d Jesus Cristo.
teúu
-ndo o 11 9-12)
(
Todos: Giria a vs, Senhor!
Celebr:Inte:- Naquele tempo disse Jesus aos seus
discipulos: "Assim como o Pai me
amou tamb'jm eu vos amei. Permanecei
em meu amor, Se observais os meus
mandamentos, permanecereis no meu
amor, como eu guarde; os preceito
de meu Pai e permaneço em seu ~rd
Eu vos digo, para que a minha ale-
gria esteja em vs, e vossa alegnía
0
seja plena, Este e o meu preço4to
amai-vos uns 'sof,. outros como eu vos
amei, Ningum tem maior amor do que
aquele que dã a vida por zeus amís.gms".
~
Palavra de Salvaçao é
Todos: GIria a vis, Senhor;
(6 )
RENOVAÇÃO DO COMPROMISSO

estando todos de pe, dira o


Celebrante.- "Manuelino e Maria" hã 60 anos con
traistes o sagrado vinculo de Matri-
mSnio. Relembrando, hoje aquele mo-
mento, dai um ao outro a mo direita
e renovai o vosso compromisso diante
de Deus e sua Igreja aqui reunida.
O esposo: %carie", novamente prometo ser fiei na
alegria e na tristeza, na saúde e na
doença, amando te e respeítando-te to
dos os dias da minha vida.
"Manuelino", novamente te prometo ser fiel
na alegria e na tristeza, na sede e
na doença, amando-te e respeitando-te
todos dias da minha vida.
Celebrante:- Deus vos conserve por longos anos e
derrame sare veSs as suas bençaos.
A esposa coloca a aliança no dedo do marido, di-
zendo:
"Manuelino", recebe novamente esta aliança,
em sinal do meu amor e da minha fidelidace.
Em nome do Pai e do Filho e do Espir ito Santo.
Preces da Familia
Celebrante:- Meus irmos, porque somos uma so
familia na g, e na caridade, ele-
vemos ao Pai a nossa prece comuni-
teria:
Filhos: Para que Deus, retribua, na medi-
da de sua infinita bondade, todos
os atos de ren(incia e de carinho
praticados por nossos Pais ao lon-
go destes 60 anos de responsabilida
des conjugais, rezemos ao Senhor.
Todos : - Senhor, escutai a nossa prece.
Netos: Para que Vovo e Vovo continuem represen
tendo a nossa tradiçaio familiar como
lula mSter de uma geraçao.
Bençao das Alianças

Celebrante,:- Abençoai, Senhor estas alianças,


sinel de amor e fidelidade para
os vossos fílhos "Manuelino e
Maria': Que lhes recordem o sa-
grado vinculo que os uniu h5 60
anos, conservando-os sempre no seu
amor ê Por Cristo Senhor nosso.

Todos : Ame;;*
Entre9a das ai
O marido coloca a aliança no dedó da esposa, di-
_
2endo:
"Maria", recebe novamente esta aliança em
sinal do meu amor e da minha fidelidades
Em nome do Pai e do Filho e do Espirito
Santo.
(9)
rezemos ao Senhor!
Senhor, escutai a nossa prece.
Filhos. Pelos parentes e amigos, cuja pre-
sença agradecemos, para que parti-
cipem das graças hoje, concedidas
a estes esposos, rezemos ao Senhor!

Ce ebrante:- Deus Eterno e Todo Poderoso lançai


vosso olhar paternal sobre "Manueli-
no e Maria", que vem agiu render-vos
graças em sua alegria,. Por N.S.J.C.N.S..
Todos:

LITURGIA EUCARiST1CA
Ofer-grio
- CANTO
Preparaçao do P;o:
Celebrante:- Bendito sejais, Senhor Deus do Universo
pelo pao que recebemos da vossa bondade,
fruto da terra e do trabalho do homem
que agora vos apresentamos, e para nos se
vai tornar pao da vida.
Todos:
, Bendito seja Deus para sempre.
Preparaçao do Vinho:
Celebrante:- Pelo mistrio desta Sgua e deste vinho
possamos participar da divindade do vos-
so Filho, que se dignou assumira nossa
humanidade.
Bendito sejais, Senhor Deus do univer-
so pelo vinho que recebemos da vossa bon-
dade, fruto da videira e do trabalho GO

homem, que agora vos apresentamos, e para,


ns se vai tornar vinho da salvaçao.
Todos: Bendito seja Deus. para sempre!
Ora sobre as ofereAdas

Celebrante.- Orai, irmos, papa;:61y9 o nosso sacrifIcío


seja aceito por Deus Pai todo poderoso.
Todc.J; Receba e Senhor por tuas mos este sacri-
.
f:cios, para g lora
s do seu nome, pare o
vosso bem ode toda a santa Igreja.
Celerante:- Acolhei, o Deus, nestas oferendas de pàè 'o
e vinho, a h6Pstia viva dos trabalhes, das
alegrias e dos sofrimentos dos jubilandos
no decurso dos 60 anos de sua vida matri-
monial. Por Nosso Senhor Jesus Cristo
VOSSO Filho, na unidade de Espiríto Santo.
ofao'''* Amem.
Prefacio

Ceiebante:- O Senhor esteja convosco.


Todos Ele esta no meio de clOS.
Celeante:- Coraçes ao Alto!
Todos O nosso corno esta em Deus.
Celeb7ante: - Demos graças ao Senhor, nosso Deus.
Todos É nosso dever e nossa salvaçao.
Celebra t .- Na verdade, o Pai, Deus eterno e todo-podero-
so, e nosso dever dapvcs graças, e nossa sal-
-
vaçao dar,evos gloria em todo tempo e lugar.
De tal modo elevastes o homem, criado pela
vossa bondade, que deixastes na uníao co
homem e da mulher, a imagem do vosso amor.
E aos que por amor criastes no cessais de
chamar lei do amor, para que possam par-
ticipar do vosso amor eterno.
A
E o sacramento de matrimonio, sendo um sinal
do vosso amor, santifica o amor humano, por
meio do Cristo, Senhor nosso. Por ele, com
todos os anjos e santos proclamamos a vossa
&orla, dizendo e uma so voz:
-Todu' Santo, Santo, Santo, Senhor Deus
do universo! O cs&J e a terra pro-
clamam e vossa gicf)ria. Hosana nas alturas!
Bendito o que vem em nome do Senhor! Hosa-
na nas alturas.

Oraçao Eucarlstica:
C ante:- Senhor, Vc;s ue sempre quisestes
ficar muito perto de ns, vivendo
conosco no Cristo, faiando conosco'
por Ele, mandai vosso Espírito San
to a fim de que as nossas ofertas

(
muuem no 1,orpo e no Sangue
de N. S. Jesus Cristo.
Todor,; Mandai vosso Espírito Samtc
Ceiente- Noite em que ia ser entregue,
ceando com os seus doze apostolos,
Jesus, tendo o pgo em suas mos
olhou para o ceu e deu graças, par
tiu o pao e o entregou a sus dis-
clpulos, dizendo:
TOMAI E COMEI, TODOS VÓS; ISTO É O
MEU CORPO, QUE É DADO'POR VÓS.
Do mesmo modo, no fim da ceia, to-
,
mou o cl ice em suas maos, deu graças
novamente e o entregou a seus d#scspu-
los, dizendo:
TOMAI E BEBEI, TODOS VÓS ESTE É O
CÁLICE DO MEU SANGUE, O SANGUE DA
NOVA E ETERNA ALIANÇA, QUE É DERRA
MADO POR vbs E POR TODOS OS HOMENS
PARA O PERDÃO DOS PECADOS. FAZEI
ISTO PARA CELEBRAR A MINHA MEMÓRIA.
Tudo isto e Mistrio da Icb.
Anunciamos Senhor, a vossa morte e
proclamamos a vossa ressurretçao
vinde, Senhor Jesus!
Cel -1nte:- Recordamos, o Pai, neste momeátol, a
Paixo de Jesus, nosso Senhor, sua
Ressurreíçao e Ascençao; nos quere-
mos a Vcçs oferecer este Po que a
menta e que d vida, este Vinho que
nos salva e da coragem.
Recebei, (; Senhor, a nossa oferta!
Em quando recebemos 1:)(:) e Vinho,
Corpo e Sangue dele oferecidos,
Espirito nos una n m so Corpo
para sermos um so povo em seu amor.
Enviai, Senhor, o Vosso Espírito Santo.
6\)
Ce Protegei vossa Igreja que caminha
nas estradas do mundo rumo ao ceu,
cada dia renovando a esperança de
chegar junto a kgs, na vossa paz.
0 H
•r
.
Caminhamos na estrada de Jesus.
Celc , ite:- Dai ao santo Padre, o Papa Jogo Paulo 11,

ser bem firme na F, na caridade, e a D.


Juvenal Roriz nosso bispo, muita luz para
guiar o seu rebanho.
Todo..
r -- Caminhamos na estrada de Jesus.
Cele Esperamos entrar na vida eterna com a
Virgem, Me deDeus e da Igreja, os
epostoios e todos os Santos que na vi-
da souberam amar Cristo e seus irmaos.
Todo. Esperamos ef-trar na vide eterna.
Celebrante:- A todos os que chamastes para a outra
vida na vossa amizade, e aos marcados
com o sinal eag, abrindo vossos bra-
ços, acolhei-os. Que vivam para sempre
bem felizes no Reino que para todos pre
parastes.
Todos: A todos dai a luz que no se avaga.
Ceiebrante:- E a ns que agora estamos reunidos
e somos povo santo e pecador, dai
força para construirmos juntos o
vosso Reino que tamfom nosso.
Por Cristo, com Cristo, em Cristo,
a V&,- o Pai todo-poderoso, toda a
honra e toda a gloría agora e para sempre
na unidade do Espírito Santo.
Todos:.
or nMigNIZOO Amem.
( 1 8)
Pai Nossos (circulo em torno do altar de
toda a famIlia)
Celer_ppt:
e:- De mos dadas, pois somos irmos, fiíhos
do mesmo Pai e estamos unidos na mesma
alegria destas bodas, rezemos confiantes
a °raça° que Jesus nos enínou:
Todo Pai nosso, que estais no cus
Celennte:- A paz do Senhor esteja sempre convosco!
Todw O amor de Cristo nos uniu=
Cele, ante:- Meus irmos, saudaí-vos uns aos outros
em Cristo. (concelebrantes e filhos cumprimentam
o casal).

Fraçao do Pao:
To& Cordeiro de Deus, que tirais o pecado
do mundo, tende piedade de ris.
( 3 vezes
Comunhao Eucarostíca:
Celebrante:- FeHzes os convidados para a Ceia
,
Senhor!
"Eis o Cordeiro deDeus, ue tira o pecado
mundo";
Todos: Senhor, e no sou digno de que
entrei:, em minha morada, mas dizei
uma palavra e serei salvo.
Canto da Comunh;o
Celebrante:- Livraí-nos de todos os males, o
Pai, è dai-nos hoje a vossa paz
. .
ajudados pela vossa miserucordla,
sejamos sempre livres do pecado e
protegidos de todos os perigos ,
enquanto, vivendo a esperança,
( 20 )
aguardamos e vinda de Cristo Salvador.
Todos: ,
Vosso e o reino, o poder e a gloria pa-
ra sempre!
Celebrante:- Senhor Jesus Cristo que díssestes
aos vossos Apostelos: "Eu vos deixo
a paz, eu vos dou a minha paz. No
offieís os nossos pecados mas a
que anima a vossa Igreja; daí-lhe segun
do o vosso desejo, a paz e a unidade.
Vos que sois Deus com o Pai e o E
porito Santo.

. Todos:
- AMÉM&
( 2 )
Depois _da Comunhao:

Celebrante:- Oremos 6 Deus, que acolhestes


mesa da vossa famllía, o casas 1-
"Manuelino e Maria" conceder-lhes presse
guir com firmeza e alegria na mtua
comunhao, para que eles possam no amor,
caminhar at V6's, por Jesus Cristo
Vosso Filho, na unidade do E. Santo.
Todos: Amem.

ençao - inal

Celebr te:- Oremos: "Manuelino e Maria", Deus to


do-poderoso, vos conceda a sua paz.
O Espírito Santo derrame sem cessar
sobre vos, vossos fíihos, familiares