Você está na página 1de 4

CENTRO UNIVERSITÁRIO ANHANGUERA DE SÃO PAULO

UNIVERSIDADE ANHANGUERA DE SÃO PAULO


Rua Siqueira Bueno, 929 - Belenzinho

CURSO: DIREITO
DISCIPLINA: DIFEITO CIVIL – PESSOAS E BENS TURMA: 1º semestre
ANO: 2019/2 AVALIAÇÃO: B1
DOCENTE: ROBERTO PELLINI DATA: ___/___/______
ALUNO: RA:
INSTRUÇÕES: PONTUAÇÃO:
1 – Prova sem consulta;
2 – Respostas à caneta preta ou azul; Respostas a lápis serão desconsideradas;
3 – Tempo mínimo de permanência: 60 minutos

GABARITO: QUESTÕES OBJETIVAS


1 2 3 4 5 6 7 8 9 10

QUESTÕES OBJETIVAS: 50 pontos cada questão

1- Escolha o conjunto de palavras que complete adequadamente as lacunas que resultarão no


conceito de Direito Positivo: Podemos dizer que o Direito Positivo é o conjunto de normas
______________ e obrigatoriamente impostas a _______________os indivíduos de uma
comunidade. Varia de povo para povo e vai se __________________ao longo do tempo,
acompanhando a ___________ da sociedade.
Escolha uma:

a) agrupadas; alguns; mantendo; evolução.


b) agrupadas; todos; mantendo; estagnação.
c) escritas; todos; modificando; evolução.
d) escritas; alguns; modificando; evolução.

1- Se os requisitos para a formalização dos negócios jurídicos não forem observados, teremos
atos nulos ou anuláveis, por apresentarem defeitos.

Diante da assertiva, informe:


Escolha uma:
a) Esta afirmação é parcialmente incorreta.
b) Esta afirmação é totalmente incorreta.
c) Esta afirmação está totalmente correta
d) Esta afirmação está correta em partes.
e) Esta afirmação não se refere à matéria estudada.

2- Complete com a opção correta:


Quando admitida em Estado estrangeiro, a obrigatoriedade da lei brasileira se inicia ________ após
oficialmente publicada.
Escolha uma:
a) 3 meses
b) 1 mês.
c) 45 dias
d) 2 meses.
e) 6 meses.

3- No que tange à eficácia das leis no tempo e no espaço, analise as seguintes assertivas:
I – As leis de outro país terão eficácia no Brasil, quando não ofenderem a soberania nacional, ainda
que atentem contra os bons costumes.
II – A lei nova, que estabeleça disposições gerais e especiais a par das já existentes, não revoga e
nem modifica a lei anterior.
III – A lei, quando promulgada, tem como característica a vigência temporária, para que possa ceder
lugar àquelas que virão para revogá- las.
IV – Quando se corrige um texto de lei em vigor, podemos considerar o que foi corrigido como lei
nova. Da análise, podemos considerar como corretas:
Escolha uma:
a) II e IV.
b) Apenas III.
c) Apenas IV
d) I e II
e) I, II e IV.

4- No que diz respeito à pessoa, qual o conceito correto para personalidade?


Escolha uma:
a) É a aptidão específica para contrair obrigações nas esferas civil e penal.
b) É a aptidão para, por si só, exercer os atos da vida civil.
c) É a aptidão para contrair direitos na esfera civil.
d) É a aptidão genérica para adquirir direitos e contrair obrigações ou deveres na ordem civil.

5- Assinale a alternativa incorreta sobre o início da personalidade civil do homem e direitos da


personalidade:
Escolha uma:
a) Integram os direitos da personalidade o direito à vida, à integridade físico-psíquica, à
identidade, à honra, à imagem, à liberdade, à privacidade e outros reconhecidos à pessoa.
b) Os direitos da personalidade são inatos, absolutos, intransmissíveis, indisponíveis,
irrenunciáveis, ilimitados, imprescritíveis, impenhoráveis e inexpropriáveis.
c) Os direitos da personalidade destinam-se a resguardar a dignidade humana, mediante
sanções, que devem ser suscitadas pelo ofendido.
d) A personalidade civil inicia-se com a concepção, estendendo-se aos nascituros.

6- Assinale a alternativa correta sobre o término da existência humana em campo jurídico:


Escolha uma:
a) O término da existência humana se dá aos 70 anos, com a imputabilidade.
b) O término da existência humana se dá com a declaração de partilha.
c) O término da existência humana se dá com a morte.
d) O término da existência humana se dá com a extinção dos bens
7- O Código Civil protege os absolutamente incapazes de forma irrestrita, mas aos maiores de
16 anos, que já têm discernimento para manifestar sua vontade, exige-se, em contrapartida,
que o menor aja sempre de forma correta. Esta hipótese é chamada de:
Escolha uma:

a) Perda dos direitos de cidadão.


b) Perda de discernimento.
c) Perda do vínculo familiar.
d) Perda da proteção legal.
e) Perda da confiança.

8- Analise as assertivas:
I. Os atos da vida civil praticados isoladamente, sem seu representante, por pessoa absolutamente
incapaz, devido a moléstias, antes da interdição, serão sempre considerados válidos.
II. A pretensão de que a sentença de interdição retroaja para declarar a nulidade do negócio jurídico
praticado antes dela, por incapacidade já manifesta, não poderá ser acolhida.
III. Aqueles que, mesmo por causa transitória, não puderem exprimir sua vontade, não podem ter
seus atos considerados válidos.
Agora, assinale a alternativa correta:
Escolha uma:
a) I e II são verdadeiras.
b) I e III são verdadeiras.
c) Apenas II é verdadeira
d) Apenas III é verdadeira.
e) Apenas I é verdadeira.

9- A maioridade civil começa:


Escolha uma:
a) Aos 21 anos completos.
b) Aos 16 anos completos
c) Aos 14 anos completos.
d) Aos 18 anos completos.
e) Aos 12 anos completos.

QUESTÕES DISSERTATIVAS: 100 pontos cada

10- “O Direito não é suficiente e apropriado para assuntos de pensamento, consciência e


religião. Os comportamentos e atitudes do homem são regidos por sua consciência. A
consciência é a capacidade que o homem possui de estabelecer juízos de valor (julgar)
moralmente os atos realizados. O juízo moral pressupõe um ponto de vista voltado para o
interior. Só diz respeito ao sujeito. A moral é unilateral e o Direito é bilateral.”
Diante do texto, estabeleça a distinção entre moral e Direito.
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________
11- Cliente foi obrigado a cumprir lei, admitida em território estrangeiro, 1 (um) mês, depois de
oficialmente publicada. Isso está correto? Como orientá-lo?
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________

12- Imagine um juiz que se encontra em uma situação de decisão, mas que as normas positivas
disponíveis para o caso concreto estejam obscuras para a sua imparcial avaliação. Através de
qual método e formas deverás ser decretada a sentença nesse caso?
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________

13- A respeito do conflito das leis no tempo, pode a mesma retroagir para atingir fatos já
consumados? Fundamente sua resposta:

__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
______________________________________________________________________

14- O artigo 496 do Código Civil prevê que "é anulável a venda de ascendente a descendente,
salvo se os outros descendentes e o cônjuge do alienante expressamente houverem
consentido.". Nesse sentido, pense na diferença entre capacidade e legitimidade para
resolver o presente problema: Um pai (considerado ascendente) é genericamente capaz, está
legitimado a vender a um descendente sem o consentimento do seu cônjuge e dos demais
descendentes?
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
____________________________________________________________