Você está na página 1de 2

PORTUGUÊS – 8º ANO

FICHA DE VERIFICAÇÃO DA LEITURA DO CONTO «O TESOURO»


Nome: _____________________________________________________________________________
Nº _________ Turma: ________
Rodeia a opção que considerares correta.
1. O autor do conto «O Tesouro» é
a) Miguel Torga 11. A preocupação de Guanes, mal chegou a Retortilho foi
b) Mário Dionísio a) comprar um capão assado, pois gostava muito.
c) Eça de Queirós b) procurar meios de ficar sozinho com o tesouro.
c) escolher um vinho de muita qualidade para a refeição.
2. Os irmãos de Medranhos
a) eram fidalgos e ricos. 12. Foi Rui que decidiu o que iriam fazer, porque era
b) passavam necessidades. a) o mais rápido.
c) visitavam com frequência parentes e amigos. b) o mais inteligente.
c) o mais ambicioso.
3. Nas noites de Inverno, nos Paços de Medranhos, os três irmãos
aqueciam-se 13. Rostabal aceitou a sugestão de Rui para matar o irmão, porque
a) diante da vasta lareira negra. a) não gostava de trabalhar.
b) na estrebaria. b) não simpatizava com ele.
c) com mantas esfarrapadas. c) ouviu a Rui argumentos fortes para cometer esse crime.

4. Na mata de Roquelanes, eles encontraram um cofre que 14. Guanes morreu


a) resolveu alguns dos seus problemas. a) com golpes de espada.
b) foi roubado, mais tarde, por ladrões. b) com golpes de navalha.
c) acabou por se tornar num presente envenenado. c) envenenado.

5. Esse cofre encontrava-se 15. Rui, quando se sentiu seguro do seu tesouro, planeou mandar
a) num estábulo abandonado. rezar missas pelos seus irmãos, porque
b) dentro de um poço. a) fizera uma promessa.
c) por trás de uma moita de espinheiros, numa cova de b) estava arrependido do que tinha feito.
rocha. c) queria dar de si uma boa imagem.

6. Cada um dos irmãos ficou com uma chave do cofre, porque 16. Para justificar o desaparecimento dos seus irmãos, Rui diria
a) confiavam uns nos outros. que
b) nunca brigaram entre si. a) tinham ido viajar para parte incerta como costumavam fazer.
c) receavam, apesar de irmãos, ser atraiçoados. b) tinham morrido a pelejar contra os turcos, como era tradição
naquela família.
c) ele próprio iria viver para outro local onde seria desconhecido e
7. Logo que descobriram o tesouro, os três irmãos
não teria necessidade de dar explicações a ninguém.
a) deram gritos de euforia.
b) sentiram uma enorme desconfiança.
17. Guanes trouxera apenas duas garrafas de vinho, para três
c) ficaram lívidos.
convivas, porque
a) o dinheiro que levara não dava para mais.
8. No dia em que encontraram o tesouro, os irmãos de Medranhos
b) queria ficar muito rico e poderoso.
andavam
c) queria envenenar os irmãos.
a) à caça, apenas para se divertirem.
b) à procura de tortulhos.
18. " - Socorro! Alguém! Guanes! Rostabal!" Este grito de Rui
c) na mata, por absoluta necessidade.
revela que
a) afinal ele via nos irmãos uns amigos.
9. Qual dos três irmãos gostava de frequentar tavernas e jogar aos
b) já nem sabia o que dizia.
dados?
c) ele estava louco.
a) Rui.
b) Guanes.
19. A moralidade deste conto pode resumir-se no seguinte
c) Rostabal
provérbio
a) “Grão a grão, enche a galinha o papo.”
10. Um dos irmãos partiu para fazer compras; entretanto, os
b) “Quem tudo quer, tudo perde.”
outros dois ficaram a
c) “Mais vale tarde que nunca.”
a) planear a reconstrução do seu palácio.
b) meditar, em silêncio, na sorte que tiveram.
20. Na perspetiva do tesouro, este conto considera-se
c) planear algo de sinistro.
a) uma narrativa aberta.
b) uma narrativa fechada.
c) uma narrativa acabada.