Você está na página 1de 8

NT E

ADOLESCE
DA CR IANÇA E DO
ESTATUTO
90.
ULHO DE 19
9, DE 13 DE J
LEI Nº 8.06

cente
a ou adoles
uma crianç
Art. 5º Nenh er f o rm a d e
l qu
to de q ua
se rá o b je o, ex p l o raç
ã o,
d isc ri m i na çã
n eg l i gê n ci a, es s ã o, punido na
o pr
rueldade e
violência, c tado, por aç
ão ou
qualquer aten
forma da lei entais. a!
s seus direit
os f un da m
esta págin
omissão, ao os, mudar
Vamos, junt

Realização:
o
teg raçã FUNDACEM
In r
icula
Curr h
16

Secretaria de
Desenvolvimento Social
e Combate à Pobreza
LIDIVALDO REAICHE RAIMUNDO BRITTO
PROCURADOR - GERAL DE JUSTIÇA
PRESIDENTE DE HONRA

Comissão Organizadora
DES. MANOEL MOREIRA
PRESIDENTE

VALMIR ASSUNÇÃO
SECRETÁRIO DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À POBREZA – SEDES
VICE-PRESIDENTE

GILBERTO BAHIA DE OLIVEIRA


JUIZ DE DIREITO
COORDENAÇÃO ADMINISTRATIVA

WALMIR MOTA
DIRETOR DA FUNDAC E VICE-PRESIDENTE DO CONSELHO ESTADUAL DOS
DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE - CECA
COORDENAÇÃO DOS CONSELHOS DE DIREITO

LÍCIA MARIA DE OLIVEIRA


PROCURADORA DE JUSTIÇA – COORDENADORA DO CAOPJIJ
COORDENAÇÃO PELO MINISTÉRIO PÚBLICO

MARIA CARMEN DE ALBUQUERQUE NOVAES


DEFENSORA PÚBLICA
COORDENAÇÃO PELA DEFENSORIA PÚBLICA

ANTÔNIA LUZIA SILVA SANTOS


PRESIDENTE DA ASSOCIAÇÃO DOS CONSELHOS TUTELARES DO ESTADO DA BAHIA
COORDENAÇÃO DOS CONSELHOS TUTELARES

MILLEN CASTRO MEDEIROS DE MOURA


PROMOTOR DE JUSTIÇA – COORDENADOR DO NAIC
COORDENAÇÃO DA COMISSÃO CIENTÍFICA

JOSÉ CÉSAR MONTES


PRESIDENTE DA FUNDACEM – FUNDAÇÃO CÉSAR MONTES
COORDENAÇÃO GERAL

Comissão Científica
FABRÍCIO VASCONCELLOS SOARES
GILBERTO BAHIA DE OLIVEIRA
JANINA SCHUENCK SACRAMENTO BRANTES
JOSÉ CÉSAR MONTES
MILLEN CASTRO MEDEIROS DE MOURA – COORDENADOR
MONIA LOPES DE SOUZA GHIGNONE
NÚBIA ROLIM DOS SANTOS
PEDRO ARAÚJO CASTRO
SOLANGE PINTO MEINKING
Congressistas,

Reflexão e ação: esses são os objetivos deste grandioso evento que, ao comemorar os 18
anos do Estatuto da Criança e do Adolescente, pretende congregar agentes de toda a rede de
proteção não só para celebrar os avanços até aqui alcançados, mas principalmente para
traçar estratégias e firmar compromissos destinados à efetiva implementação dos direitos
infanto-juvenis.

Assim sendo, além do debate profundo, encetado durante os painéis com participação ativa
dos congressistas, os quais também responderão a uma enquete sobre as mais urgentes
conquistas a serem materializadas (reflexão), pretende-se que, ao final, representantes das
instituições envolvidas firmem termo de compromisso para concretizar, a partir deste ano, o
desafio por eles escolhido (ação).

Alcançada a maioridade, o Estatuto passa da ufania própria da adolescência para uma


postura mais adequada à idade adulta: a atividade prática, o fortalecimento do Sistema de
Garantia de Direitos, especialmente dos dois colegiados criados pela nova sistemática.

Atenta a essa necessidade, a FUNDACEM atreve-se a convocar todos os agentes defensores


dos direitos das crianças e dos adolescentes para esta jornada, dos quais são convidados
especiais os Conselheiros Tutelares e os de Direitos da Bahia, aos quais homenageia com
inscrições gratuitas, para juntos cerrarmos fileiras em prol desta nobre causa.

O desafio está lançado!

Reservem já suas inscrições.

Bom Congresso a todos!

César Montes
PROGRAMAÇÃO

11/08 (Segunda-feira)
Credenciamento – 7:30
Sessão solene de abertura e homenagens – 8:30
Apresentação de case institucional – 10:00
Conferência Magna – 10:15
CAUSAS DA PROBLEMÁTICA PSICO–SOCIAL DA INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA E METODOLOGIAS PARA SUA SOLUÇÃO
Francesco Gnisci Bruno
Psicólogo Social, ex-Professor Universitário na Argentina e no Peru, ex-Vice-Presidente da Associação Internacional de
Médicos para a Prevenção da Guerra Nuclear secção da IPPNW, na qual lhe foram outorgados o Prêmio UNESCO Educação
para a Paz 1984 e o Prêmio Nobel da Paz 1985, Membro da Comissão Modificadora do Código Penal Italiano 1989,
desenvolvendo, há 20 anos, em todo o território italiano, o Projeto Problemática da Degradação Social e Humana que Afeta o
Desenvolvimento da Juventude.
Almoço – 12:00
Painel 1 – Diálogo com os Conselhos – 14:00
SISTEMA DE GARANTIA DE DIREITOS: O DESAFIO DE ATUAR EM REDE
Afonso Armando Konzen
Procurador de Justiça (RS), Coordenador do Curso de Especialização em Direito da Criança e do Adolescente da Fundação
Escola Superior do MP-RS
Hélia Barbosa
Defensora Pública e Coordenadora Estadual da ABMP (BA)
Natanael Ramos dos Santos
Conselheiro Tutelar de Itamaraju (BA), Presidente do Fórum Permanente dos Conselhos Tutelares da Bahia
Pedro Araújo Castro
Promotor de Justiça (BA), Membro do NAIC - Núcleo de Apoio para Implantação, Estruturação e Fortalecimento dos Conselhos
de Direitos, Tutelares e Fundos Municipais dos Direitos da Criança e do Adolescente
Intervalo – 15:45
Painel 2 – Diálogo com os Conselhos – 16:00
CONSELHOS DE DIREITOS: NESSES 18 ANOS, O QUE (NÃO / JÁ) REALIZAMOS?
Vera Lúcia Deboni
Juíza de Direito do Centro Integrado de Atendimento da Criança e do Adolescente de Porto Alegre (RS), 2ª Secretária da ABMP -
Associação Brasileira de Magistrados, Promotores de Justiça e Defensores Públicos da Infância e da Juventude
Ana Elizabeth Costa Gomes
Ex-Conselheira Tutelar de Santo Antônio de Jesus (BA), Ex-Presidente do Fórum Estadual dos Conselhos Tutelares (BA)
Wanderlino Nogueira Neto
Membro da Seção Brasil do DCI – Defense of Children International, Ex-Procurador-Geral de Justiça (BA)
Reunião da ABMP com associados – 16:00
Encerramento – 18:00
12/08 (Terça-feira)
Painel 3 – Diálogo com os Conselhos – 8:00
CONSELHOS TUTELARES: UMA CONQUISTA A SER FORTALECIDA
Carlos Nicodemos Oliveira Silva
Advogado, Coordenador Executivo da Organização de Direitos Humanos Projeto Legal, Consultor do CONANDA para a nova
Resolução que estabelece os parâmetros de criação e funcionamento dos Conselhos Tutelares
Antônia Luzia Silva Santos
Conselheira Tutelar de Salvador (BA), Presidente da Associação dos Conselhos Tutelares do Estado da Bahia
Denis Pestana
Promotor de Justiça (PR), Autor do Livro “Manual do Conselheiro Tutelar”
Monia Lopes Ghignone
Promotora de Justiça (BA), Membro do NAIC - Núcleo de Apoio para Implantação, Estruturação e Fortalecimento dos
Conselhos de Direitos, Tutelares e Fundos Municipais dos Direitos da Criança e do Adolescente
Intervalo – 9:45
Painel 4 – Diálogo com os Conselhos – 10:00
ORÇAMENTO CRIANÇA E ADOLESCENTE: CONSTRUÇÃO E EXECUÇÃO
Dalia Zaro Queiroz
Juíza de Direito (BA)
Márcio Soares Berclaz
Promotor de Justiça (PR), Coordenador Estadual da ABMP (PR)
Millen Castro Medeiros de Moura
Promotor de Justiça (BA), Coordenador do NAIC – Núcleo de Apoio para Implantação, Estruturação e Fortalecimento dos
Conselhos de Direitos, Tutelares e Fundos Municipais dos Direitos da Criança e do Adolescente
Almoço – 12:00
Painel 5 – Diálogo com os Conselhos – 14:00
FUNDO DA INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA: VANTAGENS PARA OS MUNICÍPIOS
Lícia Maria de Oliveira
Procuradora de Justiça (BA), Coordenadora do Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Justiça da Infância e
Juventude (BA)
Murillo José Digiácomo
Promotor de Justiça (PR), integrante do Centro de Apoio Operacional das Promotorias da Criança e do Adolescente (PR)
Walmir Mota
Presidente da FUNDAC, Membro do CECA – Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente (BA)
Intervalo – 15:45
Palestra – 16:00
FORMAÇÃO DA PERSONALIDADE E VIOLÊNCIA
Núbia Rolim dos Santos
Promotora de Justiça (BA), Membro do NAIC - Núcleo de Apoio para Implantação, Estruturação e Fortalecimento dos
Conselhos de Direitos, Tutelares e Fundos Municipais dos Direitos da Criança e do Adolescente
Solange Pinto Meinking
Mestre em Psicanálise, Diretora da FUNDACEM
Conferência de Encerramento – 16:30
ECA: A LUTA PASSADA, A REALIDADE PRESENTE E AS PERSPECTIVAS FUTURAS
Cesare De Florio la Rocca
Fundador e Presidente do Projeto Axé (BA), ex-Representante Adjunto do UNICEF no Brasil
Wanderlino Nogueira Neto
Membro da Seção Brasil do DCI – Defense of Children International, Ex-Procurador-Geral de Justiça (BA)
ASSINATURA DO COMPROMISSO 18 ANOS DO ECA – 17:45
Pacto a ser firmado com as autoridades locais, na presença do Prêmio Nobel Francesco Gnisci Bruno
Encerramento – 18:00
INFORMAÇÕES GERAIS

SECRETARIA EXECUTIVA
FUNDACEM - Fundação César Montes
2ª Travessa Gersino Coelho, 10 - Matatu - Brotas - CEP: 40.255-171 - Salvador - Bahia
Tel.: (71) 3489-1042 / 3492-9026 / 3481-6567 - Telefax: (71) 3244-8427 / 3381-0726
www.fundacem.org.br e-mail: fundacem@fundacem.org.br

LOCAL DO EVENTO
Centro de Convenções da Bahia – Av. Simon Bolivar s/nº Salvador -Bahia

BANCO OFICIAL
Banco Bradesco Agência: 3545-9 Conta Corrente: 28228-6
Em nome da FUNDACEM CNPJ Nº 06.150.141/0001-77
(Os depósitos devem ser identificados em nome de cada congressista)

TAXA DE INSCRIÇÃO DO CONGRESSO

Serão gratuitas exclusivamente as inscrições de Conselheiros Tutelares e Conselheiros de Direitos da


Bahia. Para usufruírem desse benefício, eles deverão encaminhar suas fichas de inscrições e
comprovante de pleno exercício do mandato, via fax, para a Secretaria Executiva da FUNDACEM, até
03/08/2008.

Até 03/08 A partir de 04/08

Público em geral R$ 150,00 R$ 200,00

*Estudantes R$ 75,00 R$100,00


* (100 vagas reservadas)

OBSERVAÇÕES:

1- As inscrições para estudantes somente serão consideradas com comprovação.

2 - As inscrições no Congresso somente serão consideradas: a) após a confirmação do envio da FICHA DE


INSCRIÇÃO via fax junto com o depósito bancário identificado na conta oficial da FUNDACEM;
b) ou com o efetivo pagamento, em dinheiro ou cheque, à Secretaria Executiva da FUNDACEM.

3 - Em hipótese alguma, serão devolvidos valores pagos a título de inscrição para o Congresso.

AGÊNCIA DE TURISMO OFICIAL DO EVENTO


ALCANCE VIAGENS
Alameda Benevento, 72 - Sala 10 - Ed. Empresarial Benevento - Pituba - CEP: 41860-595 - Salvador-Bahia
Tel (71) 3355-8700
www.alcanceviagens.com.br - e-mail: zelada@alcanceviagens.com.br
FICHA DE INSCRIÇÃO
ECA 18 ANOS – CONGRESSO DA INFÂNCIA E JUVENTUDE:
PROTEÇÃO INTEGRAL SEMPRE!
(Escrever em letras de forma)

Nome:

Endereço:

Bairro:

Cidade:

Estado: CEP:

Cart. de Identidade nº: Órgão Exp.:

CPF:

Estado Civil: Data de Nascimento: / /

Tel.: (Trabalho) Tel.: (Residencial)

Celular:

Profissão:

E-mail: (Escrever em letras de forma ou maiúsculas, legíveis)


Destaque aqui

Assinatura

Observação: Enviar por telefax: (71) 3381-0726 ou (71) 3244-8427


ou e-mail: fundacemssa@yahoo.com.br ou fundacem@fundacem.org.br
sistema de
garantia
dos direitos

2ª Travessa Gersino Coelho, 10


Brotas - CEP: 40.255-171 - Salvador - Bahia
Tel.: (71) 3489-1042 / 3492-9026 / 3481-6567 estruturação
Telefax: (71) 3244-8427 / 3381-0726 dos conselhos
de direitos
www.fundacem.org.br
e-mail: fundacem@fundacem.org.br

É dever da família, da sociedade e do Estado assegurar à criança e ao adolescente, políticas


com absoluta prioridade, o direito à vida, à saúde, à alimentação, à educação, ao públicas
lazer, à profissionalização, à cultura, à dignidade, ao respeito, à liberdade e à convivência
familiar e comunitária, além de colocá-los a salvo de toda forma de
negligência, discriminação, exploração, violência, crueldade e opressão.
( CF Art. 227 )
fundo
A criança e o adolescente gozam de todos os direitos fundamentais inerentes à da
pessoa humana, sem prejuízo da proteção integral de que trata esta Lei, infância
assegurando-se-lhes, por lei ou por outros meios, todas as oportunidades e e adolescência
facilidades, a fim de lhes facultar o desenvolvimento físico, mental, moral, espiritual
e social, em condições de liberdade e de dignidade.

É dever da família, da comunidade, da sociedade em geral


e do poder público assegurar, com absoluta prioridade, a violência
efetivação dos direitos referentes à vida, à saúde, à doméstica
alimentação, à educação, ao esporte, ao lazer, à
profissionalização, à cultura, à dignidade, ao respeito à
liberdade e à convivência familiar e comunitária.

IMPRESSO orçamento
ESPECIAL público
Apoio:
80200217/DR/BA

A.B.P.S
CORREIOS
estruturação
dos conselhos
tutelares

personalidade
do ser
ea
violência
UNIBAHIA
Unidade Baiana de Ensino, Pesquisa e Extensão Conselho Tutelar do Estado da Bahia

causas e
problemas
psico-sociais da
infância e
ASSOCIAÇÃO DO
juventude
MINISTÉRIO PÚBLICO
DO ESTADO DA BAHIA
AMPEB
novas
metodologias
para soluções
ASSOCIAÇÃO DOS CONSELHOS TUTELARES DO ESTADO DA BAHIA – ACTEBA das causas
e problemas
FÓRUM ESTADUAL DOS CONSELHOS TUTELARES DO ESTADO DA BAHIA – CTEB da infância
e juventude