Você está na página 1de 1

ROTEIRO PARA INTERCESSÃO NOS EVENTOS

1. Por se tratar de uma batalha espiritual os membros da equipe de intercessão devem preparar-se no período
que anteceder o evento através das práticas espirituais (jejum, sacramento da penitência, participação da
celebração eucarística, adoração, meditação do santo terço, oração pessoal e leitura orante da Bíblia). Aliás, estas
práticas devem estar presentes no dia-a-dia de qualquer intercessor.
2. No início da intercessão sugere-se que se proceda da seguinte maneira:
a) Iniciar com a oração de São Miguel Arcanjo.
b) Orar o Magnificat (Lc 1,46-55).
c) Clamar a armadura do Cristão proclamando a Palavra de Ef 6,10-17.
d) Pedir a Jesus o dom da humildade (2 Cor 10,4-5).
e) Clamar pela proteção do sangue de Jesus sobre todos os servos, suas casas, famílias, trabalhos, etc. (1Pd 1,18-
19; Rm 5,9).
f) Pedir a proteção de Maria Santíssima como mãe e intercessora junto a Jesus e a proteção de todos os anjos e
santos de Deus.
g) Fazer em seguida um breve momento de oração de perdão individual.
h) Orar uns pelos outros pedindo o Batismo no Espirito Santo, para que todos sejam canais sem obstruções.
3. Em seguida faz-se um grande louvor, ora-se em línguas com manifestação dos carismas (dom do discernimento,
palavra de sabedoria, palavra de ciência, visualizações etc.). Estes carismas devem ser utilizados durante toda a
extensão da reunião durante o evento.
4. Exercer a intercessão profética e de concórdia: a palavra de ciência e de sabedoria ajudará a orar pelas
situações que forem surgindo. Para isso é preciso fazer silêncio e escuta depois do momento de louvor ou da
oração em línguas. As orações da equipe de intercessão deverão ser inspiradas no poder do Espírito Santo, usando
os carismas de ciência, profecia, sabedoria e discernimento.
5. A Bíblia deve ser usada como referência para a oração e para algumas confirmações na Sagrada Escritura.
6. As profecias, palavras de ciência, visualizações e moções devem ser bem discernidas entre os intercessores
fazendo-se uso do discernimento reflexivo. Em seguida estes direcionamentos deverão ser escritos de forma
coerente, concisa e objetiva e encaminhados para a coordenação geral do evento.
7. Rezar o rosário de São Miguel Arcanjo às 8h, às 12h, às 15h e às 18h durante todos os dias do evento.
8. Em seguida proclamar Eclo. 36, 1-19 orando com esta palavra em favor dos participantes, dos pregadores, das
equipes, etc.:
9. Após proclamar Eclo 36, voltar para o item 3 e continuar intercedendo pelo evento.
10. Ao final de cada dia do evento a intercessão deve terminar com louvores e orações de ação de graças, crendo
que todas as orações já chegaram diante de Deus. É importante ressaltar que mesmo encerrada a intercessão no
evento, o intercessor continua intercedendo em seu coração e em suas orações pessoais, devendo ficar atento,
pois o Senhor poderá lhe conceder palavras, discernimentos e moções durante este período e até mesmo quando
estiver dormindo o Senhor poderá lhe falar em sonhos.
Observação:
- No momento da Missa, os intercessores devem participar dela. A Missa é a maior intercessão existente, pois é o
memorial da paixão, morte e ressurreição de Nosso Senhor Jesus Cristo. Neste caso o Santíssimo deverá ser
recolhido e depositado no sacrário.
- Durante os momentos de Adoração ao Santíssimo Sacramento com todos os participantes, os intercessores
também deverão participar.
- Durante os intervalos para a alimentação deve-se fazer um rodízio, tomando o cuidado para manter no mínimo
três intercessores na sala de intercessão que deverão continuar as orações conforme o roteiro sugerido.
- A equipe deve ser composta por no mínimo seis e no máximo 12 intercessores.
Amados irmãos e irmãs intercessores, é preciso que nos convençamos de que a base de tudo o que realizamos na
RCC está na oração de intercessão. Aprouve a Deus estabelecer assim. Se desejarmos contemplar conversões em
nossos eventos e em nossos Grupos de Oração, precisamos desenvolver profundo amor e paixão pelas almas
perdidas e insistir neste mister até que, voluntariamente, comecemos a ver em nossas reuniões de oração e
eventos da RCC lágrimas sendo vertidas em prol dos pecadores perdidos. Não há fórmulas, métodos ou estratégias
mais eficazes para a conversão de pecadores do que a fervorosa intercessão.