Você está na página 1de 1

Resumo do filme “Crianças Invisíveis”.

O filme “Crianças Invisíveis” conta a história de setecrianças em sete diferentes


países, inclusive o Brasil, e tem o objetivo de mostrar as situações diárias
vivenciadas pelas crianças, onde vivem uma vida miserável, com a ausência de
bens materiais, afetividade, carinho, ou seja, crianças que vivem a margem das
drogas, armas, pais viciados, malandragem, consumismo, discriminação
relacionada a uma infância perdida, esquecida e negligenciada pelos adultos e
ainda aborda sobre a exploração infantil. Cada país possui um protagonista que
irá abordar um dos temas acima mencionados, e no caso do Brasil, a história de
Bilu e João foi retratada. O filme mostra o cotidiano dos irmãos que moram em
uma favela e se divertem enquanto fazem pequenos bicos, recolhendo papelão,
latinhas de alumínio e outros objetos recicláveis para ajudar no sustento da
família. Apesar da vida sofrida, Bilu e João eram solidários um com o outro,
demonstravam carinho e afetividade, driblavam as adversidades encontradas
pelo longo caminho da fome, da falta de dinheiro, repartindo o pouco que tinham
um com o outro. O filme nos permite refletir acerca de como estão sendo tratadas
as crianças que se encontram dentro de minorias invisíveis aos olhos de uma
sociedade desigual, onde uns detém o poder e outros sofrem as consequências
deste. Também pode refletir que a desigualdade permeia por todos os
indivíduos, sejam crianças, adultos, os mais velhos, que são esquecidos,
marginalizados, oprimidos. Dentro da sociedade todos exercemos um papel, o
papel do Assistente Social é de lutar pela garantia dos direitos que norteiam a
Constituição de 88, o ECA e a LOAS, para que assim seja efetiva a construção
da cidadania, que impeça a exclusão social.