Você está na página 1de 2

CIEP - 426

ALUNO:
Nº:
DISCIPLINA: Filosofia
PROFESSOR: Dermeval
ANO ESCOLAR: 3º
TURMA: DATA: NOTA:

Recuperação de Filosofia – 4º Bimestre


1. Leia o texto abaixo e assinale a alternativa correta:
"Para Marx, esse conceito básico, não é puramente teórico, porque se manifesta na vida real quando o
produto do trabalho deixa de pertencer a quem produziu. Isso ocorre porque na economia capitalista
prevalece a lógica do mercado, em que tudo tem um preço, ou seja, adquire um valor de troca,
diferentemente de quando fabricamos o que é necessário para a existência, tais como, casas, roupas ou
livros, produtos que tem utilidade vital, valor de uso."
O texto se refere ao conceito de:
a) Alienação.
b) Ideologia.
c) Reificação.
d) Fetichismo.
e) Mais-valia.

2. Alienação do Consumo
O ato do consumo é um ato humano por excelência, no qual o homem atende a suas necessidades orgânicas
(de subsistência), culturais (educação e aperfeiçoamento) e estéticas. Quando nos referimos às
necessidades, não se trata apenas das que facilitam o crescimento humano em suas múltiplas e
imprevisíveis direções e dão condições para a transcendência. Nesse sentido, as necessidades de consumo
variam conforme a cultura e também dependem de cada indivíduo. No ato do consumo, participamos como
pessoas inteiras, movidas pela sensibilidade, imaginação, inteligência e liberdade. Por exemplo, quando
adquirimos uma roupa, diversos fatores são considerados: precisamos proteger nosso corpo: ou ocultá-lo
por pudor; ou “revelá-lo” deforma erótica: usamos de imaginação na combinação das peças, mesmo quando
seguimos as tendências da moda; desenvolvemos um estilo próprio de vestir; não compramos apenas uma
peça, pois gostamos de variar as cores e os modelos. Enfim, o consumo não alienado supõe, mesmo diante
de influências externas, que o indivíduo mantenha a possibilidade de escolha autônoma, não só para
estabelecer suas preferências como para optar por consumir ou não. Além disso, o consumo consciente
nunca é um fim em si, mas sempre um meio para outra coisa qualquer. (ARANHA, Maria Lúcia de Arruda;
MARTINS, Maria Helena Pires. Filosofando: introdução à filosofia. São Paulo: Moderna, 1993)
De acordo com o texto, o consumo pode ser alienado ou não. Depende de ele ser exercido com liberdade
ou sem ela. O problema é como ser livre e autônomo na sociedade em que vivemos, na qual o consumo é
induzido e necessidades artificiais são criadas pela propaganda. Analise as sentenças abaixo e assinale a
correta.
a) A moda apresenta sempre as novidades de consumo, ela coloca muitas possibilidades, mesmo assim o
consumidor alienado sabe escolher o melhor para satisfazer suas necessidades de consumo.
b) O problema da sociedade de consumo é que as necessidades são artificialmente estimuladas, sobretudo
pelos meios de comunicação de massa, levando as pessoas a consumirem de maneira alienada.
c) A obsolescência dos objetos é cada vez mais rápida, fala-se inclusive em obsolescência programada,
mas isso não pode ser visto como uma forma de induzir ao consumo alienado, pois se deve unicamente à
alta concorrência no mercado e à evolução constante da tecnologia.
d) A liberdade, para o filósofo Sartre, é o que de fato distingue o ser humano dos outros seres no mundo; e
o consumo alienado, por defender a liberdade de escolha, vem afirmando esse aspecto da condição
humana. .
3. (IESP) Ao discorrer sobre ideologia, Marilena Chauí afirma que “(...) a coerência ideológica não é obtida
malgrado as lacunas, mas, pelo contrário, graças a elas. Porque jamais poderá dizer tudo até o fim, a
ideologia é aquele discurso no qual os termos ausentes garantem a suposta veracidade daquilo que está
explicitamente afirmado”. (CHAUÍ, Marilena. O que é ideologia. São Paulo: Brasiliense, 1981, p. 04).
I. O fundamento último do mundo capitalista não são interesses quaisquer, mas os interesses econômicos
de classe.
II. Na maioria das sociedades capitalistas, as desigualdades são ocultadas pelos princípios ideológicos que
afirmam a importância dos seguintes elementos: o progresso, o “vencer na vida”, o individualismo, a mínima
presença do Estado na economia e a soberania popular por meio da representação.
III. Ideologia corresponde às idéias que predominam em uma determinada sociedade, portanto expressa a
realidade tal qual ela é na sua objetividade.
IV. Uma pessoa pode elaborar uma ideologia, construir uma “questão” individual sem interferências
anteriores e influências comunitárias para a sua sustentação. Assim, com base em sua própria ideologia,
ela poderá refletir e agir em sua sociedade. Considerando o fragmento do texto de Marilena Chauí e as
afirmativas acima baseadas no conceito de ideologia para Karl Marx.
Assinale a alternativa abaixo que apresenta apenas as afirmativas corretas:
a) I e III.
b) I e II.
c) II e IV.
d) Todas as afirmativas estão corretas.
e) todas as afirmativas estão erradas.

4. (UnB/CESPE) Com referência a ideologia, assinale a opção correta.


a) É um conjunto de ideias, valores, concepções ou opiniões acerca de pontos não-sujeitos a discussões.
b) Constitui, de acordo com Marilena Chaui, um corpo não sistematizado de representações e normas que
nos ensinam a pensar e agir em sociedade.
c) Implica, em sua visão negativa, assumir que as diferenças de classe e os conflitos sociais são ocultos ou
justificados em nome de uma sociedade justa e harmônica.
d) É para Marx, de tal maneira insidiosa, que somente aqueles que a utilizam como instrumento de
dominação percebem o seu caráter ilusório.
5. (UnB/CESPE) Quando se fala em ideologia como visão distorcida das relações sociais, forma alienada
de ver a realidade, queremos mostrar, por meio do pensamento marxiano, que “a função principal da
ideologia é ocultar e dissimular as divisões sociais e políticas, dar-lhes a aparência de indivisões e de
diferenças naturais entre os seres humanos”. Quando Chaui refere-se a dar falsas aparências e dissimular
relações sociais, ela, sobretudo, ressalta a concepção marxista de ideologia construída em cima
principalmente de uma crítica às visões sobre o mesmo tema que tinham os jovens hegelianos. Marcelo
Dorneles Michel. Ideologia e ocultamento no pensamento marxiano. Internet: http://www.ucpel.tche.br/ A
partir desse texto, assinale a opção correta a respeito das ideias de Marx.
a) O conceito de alienação da produção refere-se apenas à ocultação dos lucros obtidos a partir da
exploração do trabalho assalariado.
b) A alienação filosófica acontece quando o Estado representa os interesses da burguesia hegemônica.
c) A democracia representativa é instrumento de alienação das classes trabalhadoras, na medida em que o
Estado representa apenas os interesses das classes dominantes.
d) A recuperação da condição humana só poderá ocorrer por meio da transformação e evolução contínua
do capitalismo.