Você está na página 1de 2

Amazônia o extrativismo vegetal no sul de Roraima 1943-1988

 O livro trabalha a questão do extrativismo vegetal no sul de Roraima dentro do período que
se estende desde território do rio branco ate criação do atual estado de Roraima dado pela
constituição de 1988.
 A pesquisa é realizada na meso região sul, em que é nítida a diferença geográfica entre a
mesmo região sul e norte, a meso região sul é caracterizada por florestas, matas.
 A historia da Amazônia esta ligada as drogas do sertão, uma das atividades era o extrativismo
vegetal.
 O extrativismo em geral é utilizado para designar toda atividade de coleta de produtos
naturais, seja como origem mineral ou vegetal.
 A obra é dividida em quatro partes.
 1˚, a Amazônia brasileira, espaço vivido, ou seja o espaço das relações sociais mais
imediatas e da identidade cultural, é ainda um objeto especifico com significado próprio, a
definição engloba uma região ecologicamente famosa, na qual residem pessoas que nela
trabalham e exercem atividades produtivas que modificam a natureza inicial, a ocupação
humana e as conseqüências irremediáveis disso se dão a partir do século xvi com a chegada
dos primeiros europeus.
 O extrativismo vegetal foi desenvolvido como uma das principais atividades econômicas do
território.
 As conseqüências e as transformações dessa atividade no cenário amazônico no sul de
Roraima.
 Durante a época colonial, havia o interesse de ocupação e de coletas das drogas do sertão,
após o boom gumifero, se deu o desenvolvimento agrícola, a partir daí a economia
extrativista foi considerada um entrave ao desenvolvimento socioeconômico.
 A partir da década de 70, por meio de programas de integração e colonização implantados
na região, passou-se a dar mais incentivo a agricultura.
 Nesse contexto, a política rodoviária, iniciada após a década de 50 do século XX, foi reforçada
nas décadas seguintes e consequentemente permitiu aceso aos recursos naturais.
 A Amazônia passa então a ser visto como uma fronteira de recursos, com amplas
possibilidades econômicas.
 A atividade extrativista desenvolvida como foi dito através das drogas do sertão, traz reflexos
na epoca do ciclo da borracha e passam a transformar toda uma paisagem geográfica,
cidades construídas nas margens do rio branco, fazendas de criação de gado dependentes
do ciclo da borracha.
 Portanto quando essas atividades perdem a inserção no mercado internacional, faz com que
a economia desenvolvida as margens do rio branco entre em um ritmo cada vez mais
decrescente.
 A partir de 1988 em que os territórios de se tornam estados essa atividade passa a ser
reverter novamente, pois distribuíam terras principalmente para os nordestinos com vista
ao fortalecimento da produção local de alimentos e da ocupação humano de vasto território.
 Fatores que contribuíram para o desenvolvimento dessas atividades foram a criação das
estradas BR 174 e 210 no período do regime militar,com o objetivo de integrar a Amazônia
ao território brasileiro e as diferentes formas de atividade econômicas e as conseqüências
da pratica extrativista.
 Nesse âmbito coloca como a região sul de Roraima que engloba 4 municipios, mucajai,
caracarai, são João da baliza, são Luiz e suas devidas importâncias climáticas e ao ramo
madeireiro e a lacuna deixada na questão de desenvolvimento sustentável.