Você está na página 1de 5

Escola Básica e Secundária Rodrigues de Freitas

Ano letivo 2019/2020


Curso Profissional Técnico de Receção – 10.º D

Estrutura e organização de unidades de alojamento

EMPREENDIMENTOS TURÍSTICOS

Empreendimentos turísticos são os estabelecimentos que se destinam a prestar serviços de alojamento


temporário, restauração ou animação de turistas, dispondo para o seu funcionamento de um adequado conjunto
de estruturas, equipamentos e serviços complementares.

Tipologias de Empreendimentos Turísticos

Os empreendimentos turísticos podem ser:


• Estabelecimentos hoteleiros
• Aldeamentos turísticos
• Apartamentos turísticos
• Conjuntos turísticos (resorts)
• Empreendimentos de turismo de habitação
• Empreendimentos de turismo no espaço rural
• Parques de campismo e de caravanismo
• Empreendimentos de turismo natureza

 Estabelecimentos hoteleiros
São estabelecimentos hoteleiros os empreendimentos turísticos destinados a proporcionar, mediante
remuneração, serviços de alojamento e outros serviços acessórios ou de apoio, com ou sem fornecimento de
refeições, e vocacionados a uma locação diária.
Existem três grupos de estabelecimentos hoteleiros com as seguintes categorias:
• Hotéis
• Hotéis-apartamentos
• Pousadas

 Aldeamentos Turísticos
São aldeamentos turísticos os empreendimentos turísticos constituídos por um conjunto de instalações
funcionalmente interdependentes com expressão arquitetónica coerente, situadas em espaços com continuidade
territorial, ainda que atravessados por estradas e caminhos municipais, linhas ferroviárias secundárias, linhas de
água e faixas de terreno afetos a funções de proteção e conservação de recursos naturais, destinados a
proporcionar alojamento e serviços complementares de apoio a turistas.
Escola Básica e Secundária Rodrigues de Freitas
Ano letivo 2019/2020
Curso Profissional Técnico de Receção – 10.º D

 Apartamentos Turísticos
São apartamentos turísticos os empreendimentos turísticos constituídos por um conjunto coerente de
unidades de alojamento, mobiladas e equipadas, que se destinem a proporcionar alojamento e outros serviços
complementares e de apoio a turistas.

 Conjuntos Turísticos (resorts)


São conjuntos turísticos (resorts) os empreendimentos constituídos por núcleos de instalações funcionalmente
interdependentes, situados em espaços com continuidade territorial, ainda que atravessados por estradas e
caminhos municipais, linhas ferroviárias secundárias, linhas de água e faixas de terreno afetos a funções de
proteção e conservação de recursos naturais, destinados a proporcionar alojamento e serviços complementares de
apoio a turistas, sujeitos a uma administração comum de serviços partilhados e de equipamentos de utilização
comum, que integrem pelo menos dois empreendimentos turísticos, sendo obrigatoriamente um deles um
estabelecimento hoteleiro de cinco ou quatro estrelas, um equipamento de animação autónomo e um
estabelecimento de restauração.

 Empreendimentos de Turismo de Habitação


São empreendimentos de turismo de habitação os estabelecimentos de natureza familiar instalados em
imóveis antigos particulares que, pelo seu valor arquitetónico, histórico ou artístico, sejam representativos de uma
determinada época, nomeadamente palácios e solares, podendo localizar -se em espaços rurais ou urbanos.

 Empreendimentos de Turismo no Espaço Rural


São empreendimentos de turismo no espaço rural os estabelecimentos que se destinam a prestar, em espaços
rurais, serviços de alojamento a turistas, dispondo para o seu funcionamento de um adequado conjunto de
instalações, estruturas, equipamentos e serviços complementares, tendo em vista a oferta de um produto turístico
completo e diversificado no espaço rural.
Os empreendimentos de turismo no espaço rural podem ser classificados nos seguintes grupos:

• Casas de campo: imóveis situados em aldeias e espaços rurais que se integrem, pela sua traça, materiais de
construção e demais características, na arquitetura típica local;

• Agro – turismo: imóveis situados em explorações agrícolas q permitam aos hóspedes o acompanhamento e
conhecimento da atividade agrícola, ou a participação nos trabalhos aí desenvolvidos de acordo com as regras
estabelecidas pelo seu responsável;

• Hotéis rurais: estabelecimentos hoteleiros situados em espaços rurais que, pela sua traça arquitetónica e
materiais de construção, respeitem as características dominantes da região onde estão implantados, podendo
instalar-se em edifícios novos.

 Parques de Campismo e de Caravanismo


São parques de campismo e de caravanismo os empreendimentos instalados em terrenos devidamente
delimitados e dotados de estruturas destinadas a permitir a instalação de tendas, reboques, caravanas ou
autocaravanas e demais material e equipamento necessários à prática do campismo e do caravanismo, podendo
ser públicos ou privativos, consoante se destinem ao público em geral ou apenas aos associados ou beneficiários
das respetivas entidades proprietárias ou exploradoras.
Escola Básica e Secundária Rodrigues de Freitas
Ano letivo 2019/2020
Curso Profissional Técnico de Receção – 10.º D

 Empreendimentos de Turismo Natureza


São empreendimentos de turismo de natureza os estabelecimentos que se destinem a prestar serviços de
alojamento a turistas, em áreas classificadas ou noutras áreas com valores naturais, dispondo para o seu
funcionamento de um adequado conjunto de instalações, estruturas, equipamentos e serviços complementares
relacionados com a animação ambiental, a visitação de áreas naturais, o desporto de natureza e a interpretação
ambiental.
Os empreendimentos de turismo de natureza adotam qualquer das tipologias de empreendimentos turísticos,
devendo obedecer aos requisitos de instalação, classificação e funcionamento previstos para a tipologia adotada.

EMPREENDIMENTOS TURÍSTICOS: ESTRUTURA ORGANIZACIONAL

Os empreendimentos turísticos, tal como muitas outras empresas, estão organizados por departamentos,
de forma a garantir uma maior eficácia e eficiência dos serviços prestados pelo empreendimento. A
departamentalização dos serviços, facilita a organização, quer no que diz respeito às tarefas e funções de cada
colaborador, como também a nível de rentabilidade. Na maioria dos empreendimentos turísticos de dimensão e
complexidade razoável, é possível detetar uma estrutura composta por dois tipos de departamentos:
 Departamentos operacionais: estão diretamente ligados à prestação de serviços aos clientes, como por
exemplo o departamento de alojamento ou de alimentação de bebidas;
 Departamentos auxiliares ou de apoio: desempenham funções de apoio aos departamentos operacionais,
como por exemplo o departamento de administração geral, marketing, manutenção.

 Departamento de alojamentos
O departamento de alojamentos é normalmente o principal departamento operacional de um
empreendimento turístico, seja em termos de volumes de receitas, de pessoal ao serviço ou área ocupada. Este
departamento encontra-se frequentemente dividido em duas secções:
Escola Básica e Secundária Rodrigues de Freitas
Ano letivo 2019/2020
Curso Profissional Técnico de Receção – 10.º D

a) Receção: dedicada a todas as funções associadas ao acolhimento dos hóspedes, à gestão do plano de
ocupação das unidades de alojamento, registo e tratamento administrativo das reservas, de todas as
tarefas associadas ao acompanhamento e apoio aos hóspedes durante a sua estadia, funções de caixa,
telefonista, entre outras de menor relevo;

 Dependendo da sua dimensão, a secção de receção pode subdividir-se numa série de subsecções como sejam a
portaria (que incluirá o serviço de porteiro, bagageiro, consierge), front office (que integra serviços como
receção, caixa, telefones) ou back office (dedicado normalmente ao serviço de gestão de reservas).

b) Andares: dedicada ao serviço de alojamento (limpeza e higienização das unidades de alojamento,


arrumação, decoração, climatização e fornecimento de vários produtos de acolhimento para serviço dos
hóspedes.

 Também de acordo com a dimensão do empreendimento, a secção de andares pode incluir algumas
subsecções como por exemplo rouparia (dedicada à gestão das roupas de quarto, podendo ter também a seu
cargo o tratamento de roupa do departamento de F&B ou dos uniformes do pessoal) ou a lavandaria (com a
função de lavar, passar e dar todo o tratamento necessário à roupa de quartos, podendo também prestar este
serviço ao departamento de F&B).
Escola Básica e Secundária Rodrigues de Freitas
Ano letivo 2019/2020
Curso Profissional Técnico de Receção – 10.º D

 Departamento de Food & Beverage (F&B)


O departamento de F&B constitui, regra geral, o segundo mais importante departamento operacional de um
hotel.
Este departamento está normalmente subdividido em várias secções associadas em três grupos:

 Produção cozinha
pastelaria

 Pontos de venda restaurante


bares
banquetes
room service

 Secções de apoio copa


despensa

 Departamento comercial
O departamento comercial é um departamento auxiliar ou de apoio, na medida em que não gera receita direta.
As atividades desenvolvidas estão relacionadas com a comunicação da empresa com o exterior.

 Serviços administrativos
Os serviços administrativos têm como principais funções planificar, prever e gerir a parte financeira do
empreendimento.

 Serviços técnicos
Os serviços técnicos englobam os serviços de manutenção do empreendimento turístico, tais como a reparação
de equipamentos e sua conservação. Este departamento pode muitas vezes funcionar no regime de prestação de
serviços.

 Aprovisionamento
Este departamento assegura que os produtos necessários para o bom funcionamento do hotel e dos vários
departamentos, estão sempre disponíveis em armazém.

Você também pode gostar