Você está na página 1de 59

Operação com nºs racionais na forma decimal

Nome:
3º ano
Ano: 5º

a.Quem representou o
Nº decimal da maneira
correta?_____________

Por quê?
____________________
____________________
____________________
____________________
b.Como lemos os números que os alunos representaram?
_________________________________________________________________________

c.Qual dos números apresentados é maior? _________ Qual é menor?__________


d.Todos os números apresentam o algarismo 3. Então, o que os diferenciam?______________
e.Em que situações cotidianas esses números costumam aparecer?
__________________________________________________________________________

f.Qual a importância da vírgula nos números decimais?


___________________________________________________________________________

2.
a.Onde está a altura de Maria na reta? ________________

b.Onde está a altura de Karina?______________________

c.Quais seriam as possíveis alturas de Mariana?___________________________________

3. Leia e responda:

a.Como você fez para encontrar a altura da colega de Mariana?


______________________________________________________________
________________________________________________________

b.Qual a altura da colega de Mariana em centímetros? _______


E em metros?______________

c.Por que foi utilizada a vírgula logo após o primeiro algarismo


do número que representa a altura da colega de Mariana?
______________________________________________________________

________________________________________________________

4.

a. Como chegou a essas conclusões?_____________________________________________


________________________________________________________________________
b. Se a medida da altura de Mariana não terminasse em zero, quais poderiam ser as alterna-
tivas de resposta? (seriam várias)_______________________________________________

c. Por que colocou os números próximos aos que já estavam na reta (exemplo: 1,30 perto de
1,28)?_________________________________________________________________

d. Qual o primeiro passo para encontrar os números decimais na reta numerada?


___________________________________________________________________________

e. O que devemos comparar primeiro quando vamos representar o número decimal na reta
numerada: décimos ou centésimos? Por quê?_____________________________________
_________________________________________________________________________
f. Se retirássemos a vírgula, o que aconteceria com os números apresentados na reta?
_________________________________________________________________________
g. Para que serve a vírgula nos números apresentados na reta?
_________________________________________________________________________

5. Observe a solução apresentada pelo aluno Guilherme.

a. Quantos centímetros medem a cole-ga


de Mariana?____________

b. Que operação matemática Guilher-me


utilizou para resolver esta situa-
çãoproblema?_______________

c. Que outra operação poderia ter uti-


lizado?____________________

d.Se Guilherme continuasse a colocar números na reta, qual seria o próxi-


mo número que colocaria? ________________

e.Por quê?_____________________________________________

f.Como seriam as medidas da reta apresentada, se fossem em centímetros?

________________________________________________________________

6. Observe a solução apresentada pela aluna Ana.


a.Quantos centímetros mede a colega de Maria-
na?___________
b.Como representamos, em metros, a medida de
uma régua de 30 centímetros?________
c.Se quisesse representar a medida das três réguas
juntas (90 centímetros), em metros, colocamos
algum número à esquerda da vírgula?
____________________________

d)Por quê?__________________________________________________

e) Quantos centímetros medem a colega de Mariana?____________

f)Que estratégia Ana utilizou para marcar os números em sua reta


numérica?
_______________________________________________________________

g)O que você percebeu ao representar os números na reta numérica?

________________________________________________________________

 A partir de qual o ponto da reta você começou a marcar os pontos de parada dos
ciclistas?
Por quê?
___________________________________________________________________________

Quantas paradas os ciclistas fizeram, ao todo?_______________________________

Quantos trechos de 2,5 km os ciclistas precisam percorrer para completar os 10 km?_______

Como você fez para localizar o número na reta?____________________________________


_____________________________________________________________________

JOGO ESCADA DECIMAL


Regras: Os alunos decidem quem começa.

Todas as fichas estarão viradas para baixo. O aluno iniciante deverá escolher duas delas.
Após a escolha, deve desvirar as fichas e colocá-las em ordem crescente. Caso acerte a
ordenação, ele sobe para o primeiro degrau da escada. Caso erre, permanece onde está.
Em seguida, o outro jogador fará o mesmo.
Para subir para o próximo degrau serão viradas três fichas, assim como no primeiro
degrau, e estas devem ser colocadas em ordem crescente. Acertando, subirá para o próximo
degrau.
Conforme forem subindo os degraus da escada, o número de fichas que eles devem pegar
para ordenar aumenta, e o jogador só sobe para o próximo degrau se acertar a ordenação de
todas fichas.
Ganha o jogo quem chegar primeiro ao topo da escada.

Vamos observar agora dois momentos do jogo e discutirmos como cada


criança ordenou os números:
Miranda Raquel
1,36 1,3 1,12 1,81

Discussão da Solução
As duas acertaram a ordenação dos números que
sortearam?

Miranda

1,56 1,78 1,8


Raquel

1,9 1,24 1,45


Miranda não acertou, pois ela colocou o 1,3 depois do 1,36. E 1,3 é igual a 1,30 e assim
depois da vírgula teremos 30 centésimos que é menor que 36 centésimos. Assim, os dois têm
apenas um inteiro, e 1,3 é menor que 1,36. Logo, ela não subiu o degrau.

Raquel fez tudo certo. Eu imaginei como se fosse a altura de duas pessoas.
Uma pessoa que mede 1,81m é maior que outra que mede 1,12m. Logo, ela
subiu o degrau.

Agora Miranda acertou. Primeiro eu olhei o número antes da vírgula das três fichas. As três
começam com 1, ou seja, tem um inteiro. Depois eu observei o algarismo que vem depois da
vírgula, os décimos. Eu tinha o 5, o 7 e o 8. Assim eu coloquei em ordem do menor para o
maior, sem nem precisar olhar o segundo número depois da vírgula, os centésimos.

Nesta rodada Raquel errou, pois ela colocou o 1,9 como sendo o menor número. Acho que
ela olhou todos os algarismo depois da vírgula juntos para ordenar, mas ela devia olhar em
ordem: primeiro o que vem depois da vírgula, representando os décimos, para depois olhar o
segundo algarismo, que corresponde aos centésimos. Desse jeito, o 1,9 é o maior número das
fichas que ela pegou. Raquel não percebeu que 1,9 é igual a 1,90

● Primeiro devemos observar o número inteiro, ou seja, o


que está localizado antes da vírgula.
1,56 1,78
> Neste caso os dois números inteiros são iguais.
● Depois olhamos os décimos (o primeiro algarismo depois
da vírgula).
1,56 1,78
> Agora já conseguimos saber que 1,78 é maior que 1,56.
● Somente se o número inteiro e os décimos forem iguais
que observaremos os centésimos, que é o segundo
algarismo depois da vírgula.
1,56 1,59
> Neste exemplo, 1,59 é maior que 1,56.
Cinco atletas estavam participando de uma corrida de 100 m:
Maria, Larissa, Roberta, Ângela e Alessandra.
Observe o tempo que cada uma fez ao término da prova:
-Maria fez em 10,121 segundos;
-Larissa completou em 10,11 segundos;
-Roberta terminou em 10,099 segundos;
-Ângela fez em 10,1 segundos;
-Alessandra chegou com 10,2 segundos;

Ordene as competidoras da vencedora a que chegou por


último.
1. Reúnam em trios para que ler o trecho do livro: Arqueologia: uma
atividade muito divertida!

A Arqueologia é o estudo da sociedade humana por meio de tudo que é feito ou alterado pelo ser
humano, como pedras usadas como machados, barro secado e transformado em um prato de
cerâmica, ou mesmo um osso de animal consumido como alimento e que foi usado como colar.
Tudo que é material e usado pelo homem é estudado pela Arqueologia [...]
O arqueólogo busca os vestígios de construções e objetos feitos ou usados pelo homem
(chamados de artefatos).
Os lugares onde esses restos estão são chamados de sítios arqueológicos [...] Para descobrir um
sítio é necessário andar e observar o que se encontra no solo: restos de tijolos, cerâmica, pedras [...]
pode escavar-se o lugar, ou seja buscar o que está debaixo da terra.
A escavação deve ser feita numa área delimitada, por exemplo, em quadrículas, de alguns metros
[...] os objetos encontrados são registrados conforme os estratos ou camadas dos solos [...]
No laboratório, as peças são estudadas, desenhadas e armazenadas.
FUNARI, Pedro Paulo. TOLEDO, Vera. TEGA, Glória.

a. Após a leitura questionarem:


O arqueólogo trabalha com fontes escritas ou com fontes não escritas.
Que tal um desafio para desvendar a História humana com base em fontes não escritas.

Após as discussões, distribua tiras de papel sulfite (ou similar) aos alunos.
Duas para cada trio. Projete ou elabore no quadro uma tabela associativa, dividindo-a em três
colunas, intituladas, respectivamente, de:
“Objetivo do arqueólogo”, Técnicas do arqueólogo” e “Desafios do arqueólogo”.

A primeira coluna (Objetivo do arqueólogo) deverá estar preenchida com a frase:


“Descobrir como os seres humanos da Pré-História chegaram à América”.

Solicite aos alunos do trio que discutam entre si e que utilizem uma das tiras de papel para
escrever uma possível técnica e outra tira para escrever um possível desafio que os
arqueólogos enfrentam para alcançar o objetivo proposto.

Caso perceba que os alunos estão com dificuldades, explique que o preenchimento destas
tiras de papel está diretamente relacionado às discussões sobre as duas perguntas que foram
propostas anteriormente.
Por fim, peça para que os alunos afixem na tabela suas tiras de papel e escolha dois alunos de
trios diferentes para que apresentem à turma um comentário sobre as tiras que afixaram na
segunda e na terceira coluna.

1.Compare a pintura rupestre e egípcia abaixo e responda:

Pintura Rupestre em Lascaux Pintura Funerária Egípcia


a) Relacione as imagens ao modo de vida caçador-coletor e ao agrícola.

__________________________________________________________________________

__________________________________________________________________________

b) Identifique quatro tecnologias desenvolvidas pelo homem após a Revolução Agrícola.

__________________________________________________________________________

__________________________________________________________________________

2.Descreva a guerra no início da Idade do Ferro de acordo com o relevo assírio abaixo.
Relevo Assírio descrevendo a conquista de uma cidade.
__________________________________________________________________________

__________________________________________________________________________

__________________________________________________________________________

__________________________________________________________________________

3) Observando a evolução do tamanho do cérebro e do volume da massa encefálica


identifique quatro mudanças biológicas e evolutivas que ocorreram nos australopitecos que
se tornaram essenciais no desenvolvimento do homem.

__________________________________________________________________________

__________________________________________________________________________

__________________________________________________________________________

__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________

__________________________________________________________________________

__________________________________________________________________________

Em meio a este cenário, a escola tem a responsabilidade de discutir, refletir e pesquisar


assuntos que dê aos alunos condições de conhecer seus direitos e deveres, observar os
acontecimentos cotidianos para tornarem-se cidadãos mais conscientes. Assim surge a
necessidade de instrumentalizar e proporcionar condições para que nossos alunos possam
firmar e construir sua cidadania.

Leia os textos e faça conforme se pede.

TEXTO 1 DIREITOS DE TER DIREITOS

Está aí a importância de saber direito o que é cidadania. É uma palavra usada todos os
dias e tem vários sentidos. Mas hoje significa, em essência, o direito de viver decentemente.
Cidadania é o direito de ter uma idéia e de poder expressá-la. É poder votar em quem
quiser sem constrangimento. É processar um médico que comete um erro. É devolver um
produto estragado e receber o produto de volta. É o direito de ser negro sem ser
descriminado, de praticar uma religião sem ser perseguido.
Há detalhes que parecem insignificantes, mas revelam estágios de cidadania:
respeitar o sinal vermelho no trânsito, não jogar papel na rua, não destruir telefones públicos.
Por trás destes comportamentos, está o respeito a coisa pública (ao que é de todos).
O direito de ter direitos é uma conquista da humanidade. Da mesma forma que a
anestesia, as vacinas, o computador, a máquina de lavar, a pasta de dentes, o transplante de
coração.
Foi uma conquista dura. Muita gente lutou e morreu para que tivéssemos o direito de
votar. E outras batalharam para que você pudesse votar aos dezesseis anos. Lutou-se pela
idéia de que todos os homens merecem a liberdade e de que todos são iguais diante da lei.
(Gilberto Dimenstein)

TEXTO 2 O REIZINHO MANDÃO


O príncipe era um sujeitinho muito mal-educado, Os conselheiros do rei ficavam desesperados,
mimado, destes que as mães deles fazem todas as tentavam dar conselhos a ele, que afinal é pra isso
vontades, e eles ficam pensando que são os donos do que os conselheiros existem.
mundo. Eles explicavam que um rei tem de fazer leis
Precisava ver que reizinho chato que ele ficou! importantes, para tornar o povo mais feliz.
Mandão; teimoso, implicante, xereta! Mas o reizinho não queria saber de nada.
Ele era tão xereta, tão mandão que queria mandar Era só um conselheiro qualquer abrir a boca para
em tudo o que acontecia no reino. dar um conselho , e ele ficava vermelhinho de raiva,
Quando eu digo tudo, era tudo mesmo! batia o pé no chão e gritava de maus modos:
A diversão do reizinho era fazer leis e mais leis. - Cala a boca! Eu é que sou o rei. Eu é que mando!
E as leis que ele fazia eram as mais absurdas do Podia ser ministro, embaixador, professor. E tantas
mundo. vezes ele mandava, que o papagaio dele acabou
Olhem só esta lei: aprendendo a dizer “Cala a boca” também.
“Fica terminante mente proibido cortar a unha do Tinha horas que era até engraçado. O reizinho gritava
dedão do pé direito em noite de lua cheia!” “cala a boca” de cá, e o papagaio gritava “cala a boca” de
Agora, por que é que o reizinho queria mandar no lá.
dedão das pessoas, isso ninguém jamais vai saber. As pessoas, então, foram ficando cada vez mais
Outra lei que ele fez: quietas, cada vez mais caladas.
“É proibido dormir de gorro na primeira quarta-feira E de tanto ficarem caladas as pessoas foram
do mês.” esquecendo como é que se falava.
Agora, por que é que ele inventou essas tolices, isso Até que chegou um dia que o reizinho percebeu que
ninguém sabia. ninguém mais no reino sabia falar.
Eu tenho a impressão de que era mesmo mania (Ruth Rocha
de mandar em tudo.
Estudo do texto. Responda com atenção.

1.No primeiro parágrafo do texto, a autora fala de um príncipe. Já no sexto parágrafo,


ele fala de um reizinho.O príncipe e o reizinho, de que ele fala são a mesma pessoa?
Explique.

______________________________________________________________________

______________________________________________________________________

________

2.Por que a autora classifica como absurdas as leis que o reizinho fazia?

______________________________________________________________________
____

3.Procure no dicionário os sinônimos da palavra absurdo e copie o que combina com o


sentido do texto.

______________________________________________________________________
____

4.Segundo os conselheiros, que tipos de lei um rei precisava fazer?

______________________________________________________________________
____

5.Pense em alguns problemas que temos em nosso país e converse com seus familiares
sobre possíveis soluções para eles.

a.

Saúde:_________________________________________________________________

__

______________________________________________________________________

____

b.

Moradia:_______________________________________________________________

__
______________________________________________________________________

____

c.Emprego/

desemprego:______________________________________________________

______________________________________________________________________

____

6.Procure, pesquise... informações sobre as leis do nosso país e responda as perguntas .


a. Onde ficam registradas as leis?

_______________________________________________

Quem as cria?

____________________________________________________________

Como?

__________________________________________________________________

______________________________________________________________________

__

______________________________________________________________________
__

b.De que modo são escolhidas as pessoas que fazem as leis?

______________________________________________________________________
____

c.Qual a profissão que essas pessoas assumem quando são selecionadas?

______________________________________________________________________
____

d.Como se muda uma lei que já está pronta?

_______________________________________
______________________________________________________________________

____

______________________________________________________________________
____

7- Copie do texto O Reizinho Mandão palavras com estes dígrafos:


Qu- __________________________________________
Gu:________________________

5- Agora, procure no texto palavras polissílabas com encontros consonantais.


______________________________________________________________________

____

______________________________________________________________________

____

8- Analise esta frase para retirar dela o que for pedido:


Os conselheiros do rei ficavam desesperados, tentavam dar conselhos a
ele(...)

a- Os substantivos que estão no:


Plural:___________________________________Singular:_______________________
____

b- A palavra desesperados é substantivo?_________ É o que?____________________


c- Quais são os verbos da frase?
________________________________________________
Em que tempo eles estão?
___________________________________________________
9- Releia o texto O reizinho Mandão, sublinhe todas as expressões em que aparecem
aspas(“ ”).
TEXTO 3 O CIDADÃO BRASILEIRO

No Brasil, considera-se um cidadão todo indivíduo dotado de direitos e deveres em uma


sociedade. Entre os seus direitos estão votar nos governantes que fazem as leis, ter acesso
aos serviços públicos (por exemplo, hospitais e escolas), organizar-se livremente em
associações, manifestar suas idéias religiosas e políticas, etc. Em troca, o cidadão tem
deveres como pagar impostos e cumprir as leis.
a - Você vem agindo como um cidadão? Justifique.
______________________________________________________________________

____

______________________________________________________________________

____

b- Quais as ações de cidadania que você pratica?


______________________________________________________________________

____

______________________________________________________________________

____

c- Ser solidário é ser cidadão?

__________________________________________________

______________________________________________________________________
____
______________________________________________________________________
____

d-Para você, quais são seus deveres na comunidade que vive em relação à :

Escola:________________________________________________________________

____

Família:

__________________________________________________________________

Comunidade

:_______________________________________________________________

e- Quais são os valores que encontramos na escola e na comunidade?


______________________________________________________________________

____
______________________________________________________________________

____

f- Quais deles você pratica?


____________________________________________________

g-Faça um desenho mostrando uma situação de desrespeito à cidadania.

Nome/Ano:

E assim, quem fosse pequeno, da voz


Texto 1 IGUALDADE - O REI fraca, malvestido, ele nunca, nunca era
ouvido.
Pessoas grandes e fortes o rei enxergava bem. O rei não fazia nada contra tal situação:
Mas se fossem pequeninas, e se falassem pois nem mesmo acreditava nessa
baixinho, o rei não via ninguém. modificação.
Por isso seus funcionários tinham de ser E se não via os pequenos e sua voz não
escolhidos entre os grandes e falantes, sempre escutava, por mais que eles reclamassem o
muito bem- nutridos. Que tivessem muita rei nem mesmo notava.
força, e que fossem bem nascidos. (RUTH ROCHA)
DISCUTINDO O TEXTO. Responda com atenção.

1. Quem seriam as pessoas grandes e fortes que o rei enxergava bem?

______________________________________________________________________

____

2.E os pequenos, de voz fraca e malvestidos?

______________________________________________________________________

____

3.Quem era o rei? Por que ele não fazia nada contra tal situação?
______________________________________________________________________

____

4.Copie do texto palavras terminadas com consoante e que sejam:

a) Substantivos no singular:

___________________________________________________

b) Adjetivos no plural:

_______________________________________________________

c) Verbos:

_________________________________________________________________

5.Vamos examinar esta frase?Nela a palavra vestido é substantivo, adjetivo ou verbo?

E assim, quem fosse pequeno, da voz fraca, mal vestido,ele nunca, nunca era ouvido.

Explique:______________________________________________________________

______________________________________________________________________

________

Texto 2 ESPERTEZA

O rei recebeu Pedro muito bem e nem desconfiou de nada:


Texto 3 CIDADANIA
_ Muito bem, frei Damião, está pronto para responder às minhas perguntas?
Pedro fez que sim com a cabeça.
A história da cidadania confunde-se em muito com a história das lutas pelos direitos humanos. é
Então o rei começou:
um referencial de conquista da humanidade, através daqueles que sempre lutam por mais direitos,
_Está vendo aquele morro, detrás do meu palácio?
maior liberdade, melhores garantias individuais e coletivas, e não se conformam frente às
Pedro olhou pela janela e viu.
dominações arrogantes, seja do próprio Estado ou de outras instituições ou pessoas que não
_Pois me diga, meu bom frade, quantos cestos são precisos para carregar toda aquela terra para
desistemTextode privilégios, de opressão e de injustiçasCIDADANIA
contra uma maioria desassistida e que não se
o outro lado do4palácio?
consegue fazer ouvir, exatamente por que se lhe nega a cidadania plena cuja conquista, ainda que
_ Depende, Majestade!
tardia, não será obstada.social
É a participação Ser cidadão é ter
e política. É oconsciência
exercício dos de direitos
que é sujeito
e dos de direitos.
deveres.
_Depende de que, frei Damião?
Direitos à vida, de
É adepende
adoção à liberdade,corretas
à propriedade, à igualdade, enfim, direitos civis, políticos e sociais.
_ Pois do atitudes
tamanho do cesto, noMajestade.
dia-a-dia, tais
Se ocomo
cestosolidariedade,
for do tamanhocooperação,
do morro, respeito
basta um.
Mas este
aosSeoutros.é um dos lados da moeda.
É viver dignamente, respeitando
for a metade do morro, é preciso dois.a si e ao outros, e não concordar com as injustiças.
Cidadania
É REFLETIR pressupõe
sobre também deveres. O cidadão tem detrapacear,
ser cônscio
etc. das suas
-Então me diga lá, meuosbomvalores
irmão,morais:
onde éNãoquementir, roubar,docobiçar,
fica o centro Universo?
responsabilidades enquanto parte integrante de um grande e complexo organismo que é a
coletividade,
Cidadania éaonação, direitoode:
Estado, para cujo bom funciona-mento todos têm dede:
É ter dever dar sua parcela de
contribuição.
1. morar decentemente; 1. não jogar lixo na rua.
Somente
2. estudar; assim se chega ao objetivo final, coletivo: a justiça emquebrar
2. não seu sentido mais amplo, ou seja,
o orelhão
o3.bem comum diferenciando o certo do errado tendo ética. 3. ser solidário com as pessoas carentes;
ter lazer
A cidadania
4. ter atendimentoesteve e está em
necessário nospermanente
problemas construção.
de saúde. 4. respeitar as leis
1.Procure no dicionário, escreva o significado de cada palavra e após formar frases com

elas.

cidadania

:____________________________________________________________________

cidadão:__________________________________________________________________

____

respeito:__________________________________________________________________

____

conduta:__________________________________________________________________

____

voto:_____________________________________________________________________

____

Frases :

1.
2.
3.
4.
5.

Vamos aprender a refletir na hora de escolher o que comprar e porque


comprar?

2. Acompanhado(a) de um responsável, assistir na TV, uma propaganda ou, usar


panfletos de propaganda de variados produtos para responder as perguntas:

Nome do produto? ______________________________________

Ela é abusiva ou enganosa? Por

quê____________________________________________
______________________________________________________________________

____

O produto é supérfluo? Por

quê? ______________________________________________

É um produto essencial a sobrevivência das pessoas? Por que?

_______________________

______________________________________________________________________
____

O preço: à vista: R$_________________ à prazo:R$_____________________

3. Ocupando-se de panfletos de propaganda, elaborar e resolver 4 problemas


envolvendo os preços de variados produtos das propagandas .Usar as 4 operações.
Envolver no mínimo 2 operações e cada problema .

4.Em casa, com ajuda de um adulto em casa, Despesa mensal da


preencher a tabela ao lado. Com base nos dados,
elaborar situações problema envolvendo as 4 família
operações. Despesas Valor (r$)
GÁS
Obs.: Considerar uma renda familiar fictícia no TELEFONE
valor de 2 salários mínimos. = R$ EN. ELÉTRICA
____________________ ÁGUA
ALIMENTAÇÃO
REMÉDIOS
TRANSPORTE
VESTUÁRIO
LAZER
__________________________________________
__________________________________________
__________________________________________
__________________________________________
__________________________________________
__________________________________________
__________________________________________
__________________________________________
( ) quais os tipos de lazer que você costuma realizar...............................

33-Com um valor mensal de R$800,00,como você gastaria?


34- Com a ajuda de um adulto (responsável) assistir uma propaganda e responder:
Qual o produto......................O preço: a vista.........................a prazo.........................
É um produto essencial a sobrevivência das pessoas?...................................por
que?....................................................................................................................................
A propaganda é abusiva ou enganosa?..............................................................................

27- Leitura por um professor de um texto em forma de prosa, referindo-se a política e


aos políticos. Posteriormente explicar o significado de alguns conceitos e palavras
desconhecidas.

28- Leitura de um texto jornalístico sobre a participação dos candidatos à presidência


da República, os programas do horário eleitoral gratuito.

Leitura com ajuda dos responsáveis, para posterior discussão em sala de aula.

29 Cinema é cultura e todo cidadão deve ter acesso aos bens culturais de seu país

30--
“BRASIL: UM SONHO VERDE-AMARELO !!!???”

MENINO MULTICOLORIDO
Eu sou um menino multicolorido.
É, eu sou de todas as cores por dentro.
Sou misturado. Meu sangue é feito do sangue de muitas raças.
Minha mãe disse que quem tem avós de raças diferentes é mis . . . mis . . . Esqueci! É
um nome complicado. Prefiro pensar que sou multicolorido. Tenho sangue de francês,
de negro, de espanhol e de índio.
Por fora eu sou branquinho, de cabelo claro. Por dentro, sou europeu, preto, mulato,
mestiço.
Acho que é por esse motivo que eu gosto tanto dos índios do Brasil.
Gosto deles porque eu sou um pedaço índio e porque eles estão deixando de ser índio
por inteiro. É que as pessoas brancas aqui do Brasil, já faz tempo, que estão enganando
e destruindo eles, os donos da terra.
Eu vi na televisão os índios xavantes em Brasília. Eles estavam querendo que o
presidente ajudasse todos eles a não desaparecerem.
Fiquei muito aborrecido. Vai chegar o dia em que não vai ter mais índio no Brasil.
Nesse dia, o Brasil vai ficar bem pequenino e não vai mais ser tão bonito, porque quem
faz a nação são as pessoas da terra.
Nesse dia, eu vou ficar triste para sempre. Sei que vou ficar branquinho de raiva.
Alberto Rodrigues Alves

. Leitura silenciosa; leitura oral pelo professor; leitura individual pelos alunos.
Discussão em torno das idéias apresentadas no texto.
30. Estudo do texto
1) “Eu sou um menino multicolorido. É, sou de todas as cores por dentro.”
A palavra “cores” significa ___________________ .

2) Segundo o próprio menino, como ele era “por dentro”? E por fora?

3) “Acho que é por esse motivo que eu gosto tanto dos índios do Brasil.”
O motivo a que ele se refere é
( ) Os índios são os donos da terra.
( ) Tenho sangue de índio.
( ) Os índios são bons.

4) Segundo o texto, os índios estão deixando de ser índio por inteiro. Por que isso está
acontecendo?

5) Os nossos índios vão acabar.


Transcrever o trecho que mostra as conseqüências desse fato.

6) Copie do texto a frase que fala da reação do menino diante do desaparecimento dos
índios.

7) Você também é nação brasileira. Procurar no texto uma frase que afirme isso.

8) O texto diz que os índios são os verdadeiros donos da terra. Você concorda com isso?
Por quê?

31- Produção

1) Escolher um trecho do texto que você achou interessante e fazer a ilustração


correspondente.

2) Você deverá redigir uma carta ao “povo brasileiro” , escolhendo uma das opções
propostas:

a) Você é uma criança indígena que manifesta-se publicamente nessa comemoração do


“descobrimento” do Brasil pelos portugueses.

b) Você é uma criança que tem consciência dos problemas brasileiros, e manifesta-se
publicamente, expressando seus sentimentos e suas preocupações.

Apresentação dos trabalhos: todos os trabalhos deverão ser apresentados em sala de


aula e expostos em mural no pátio da escola.

31- Texto:
Leitura do texto:
Começa hoje, com a participação dos candidatos à presidência da República, os
programas do horário eleitoral gratuito.

32- Resolver situações problema com dados pesquisados em casa. Com ajuda de um
adulto, responda:
Gastos da minha família em:
( ) gás, ( ) alimentação, ( )energia elétrica ( ) água, ( ) remédios, ( ) telefone,
( )transporte, ( ) vestuário, Lazer ( ) quais os tipos de lazer que você costuma
realizar...............................

33-Com um valor mensal de R$800,00,como você gastaria?

34- Com a ajuda de um adulto (responsável) assistir uma propaganda e responder:


Qual o produto......................O preço: a vista.........................a prazo.........................
É um produto essencial a sobrevivência das pessoas?...................................por
que?....................................................................................................................................
A propaganda é abusiva ou enganosa?..............................................................................

35- Assista ao filme “ Um Sonho Possível”.


a)Identifique o personagem principal e o descreva e através de um pequeno texto.
Fale sobre um ato de cidadania mostrado na história.
b) Discutir- discriminação racial, importância da família, cidadania, superação,
importância dos estudos...

c) Produção de texto individual

36- Assista ao filme “ A Fábrica de chocolate” Direção: Mel Stuart - Gênero do


filme:Comédia/Fantasia/Musical -(Willy Wonka & the Chocolate Factory, 1971 )

Observe os personagens, são crianças e o motivo pelo qual cada um perdeu o prêmio.
Destaque os valores mostrado pelas crianças durante o enredo.
Sinopse: Um grupo de crianças vence o concurso das barras de chocolate Wonka e tem
acesso à misteriosa, mágica e fantástica fábrica de chocolate, onde segredos bizarros da
fabricação do produto estavam até então trancafiados a sete chaves.

38- Assista ao filme “ A Bússola Dourada” .


Discuta no grande grupo o que o filme mostra de diferente que não ocorre na nossa
vida .
Na sequencia os alunos devem escrever um texto falando de três situações da sociedade
brasileira que poderiam ser diferente.

O título do texto será: Um Mundo Diferente.

39- Pesquisa na internet sobre: A FUNÇÃO E A IMPORTÂNCIA DO PROFESSOR

Leia os textos e faça conforme se pede.


SÍMBOLOS OLÍMPICOS
Nome/Ano:

1) A partir da leitura e compreensão em sala de aula, complete as frases.

a) As Olimpíadas receberam esse nome porque aconteciam em uma cidade da


Grécia chamada ___________________________

b)Nesta cidade, ficava localizada uma montanha muito alta, onde segundo a
Mitologia Grega era a morada dos deuses.
Essa montanha recebia o nome de M ___ ___ ___ ___ - O ___ ___ ___ ___ O.

c) As Olimpíadas surgiram para homenagear Z ___ ___ ___, o deus mais


poderoso dos deuses da Mitologia Grega.

d) A primeira Olimpíada ocorreu estádio P ___ ___ A ___ ___ ___ ___ ___ I
___ em Atenas.

2) Colora o número de quadrinhos correspondente ao número de anos que é o


intervalo entre uma edição e outra dos Jogos Olímpicos.

3) Colora os anéis olímpicos de acordo com suas cores originais.

4) Conheça algumas modalidades olímpicas por meio do desenho animado


“Pateta nas Olimpíadas”. Para isto, acesse o Vídeo completo disponível na
Fonte:
YouTube <https://www.youtube.com/watch?v=SnPUgHjo2DY
Descobrimos que, além da Filosofia, muitas outras coisas nasceram na Grécia.
Dentre elas, estão as Olimpíadas. Aprendemos isso quando assistimos ao
desenho animado “O Pateta nas Olimpíadas”.

Em relação ao desenho, responda as seguintes questões:


Quais modalidades foram apresentadas pelo Pateta no
desenho? _______________________________________________________
_______________________________________________________________
__
_______________________________________________________________
_________________________________________________________
2) Quais modalidades você já conhecia?
_______________________________________________________________
__________________________________________________________
_______________________________________________________________
__________________________________________________________
3) Escreva o nome destas modalidades esportivas.
a)

b)
Imagem a. Disponível em: <http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/pateta-
para-colorir/pateta-1.php>. Acesso em: 03 de nov. 2014.
Imagem b. Disponível em:
<http://ielindasimagens.blogspot.com.br/2011_12_01_archive.html>. Acesso
em: 03 de nov. 2014.
4) Desenhe no espaço abaixo, a modalidade esportiva que você mais
gosta de praticar.

3º Momento: aproximadamente 60 minutos.

Olimpíadas antigas x Olimpíadas modernas

Professor, é importante relatar aos seus alunos, que as olimpíadas como


conhecemos hoje, não são como as que se iniciaram há muitos séculos atrás.
A pouco mais de 15 séculos, no ano de 393, o imperador bizantino Teodósio I,
o Grande, varria do mapa a maior competição atlética do planeta, os Jogos
Olímpicos. Celebrados desde 776 a.C. às margens do rio Alfeu e dedicados
aos deuses gregos, os Jogos, que congregavam cidadãos dos diversos
estados do mundo helênico, entraram na temida lista de "cultos pagãos" e
tiveram sua realização sumariamente proibida pelo soberano.
Ela é retomada em 1896 pelo Barão de Coubertin. Segundo o barão, “o
importante não é vencer, mas competir”.
Na antiguidade, além de competições esportivas, existiam as competições
artísticas e musicais. Não se preocupavam tanto com dinheiro, mas com o
prazer e a alegria de representar os seus países. Abaixo, vejamos uma foto da
1ª edição dos jogos modernos.
Imagem disponível em: <http://veja.abril.com.br/historia/olimpiada-
1896/especial-jogos-olimpicos-era-moderna-atenas.shtml>. Acesso em: 03 de
nov. 2014.
Na contemporaneidade (nos dias atuais), as competições são exclusivamente
esportivas (as artísticas e musicais desapareceram). Os atletas continuam
sentindo prazer e alegria em representar os seus países, mas hoje, são de alto
nível. Muitos nem possuem condições de participar dos jogos se não contarem
com a ajuda de empresários para financiar seus treinos e viagens. Esse
incentivo, fez com que muitos atletas virassem profissionais, ou seja, adquirem
o seu sustendo praticando sua modalidade esportiva. Como treinam muito,
buscam constantemente alcançar cada vez mais os recordes.
1ª imagem. Disponível em: <http://usainbolt.com/2013/08/usain-wins-world-
championships-100m-title/>. Acesso em: 03 de nov. 2014.
2ª imagem. Disponível em:
<http://www.telegraph.co.uk/sport/othersports/athletics/10320520/Usain-Bolt-
reconsidering-plans-to-retire-after-2016-Rio-Olympic-Games.html>. Acesso em:
03 de nov. 2014.

Mas, em busca desses recordes, por vezes, recorrem ao recurso de


substâncias prejudiciais ao organismo humano e proibidas pelos organizadores
dos eventos, mas que ampliam sua força, velocidade ou habilidade no
momento da competição. Para além de prejudicar a saúde dos atletas, isso é
errado porque não permite que todos os atletas tenham as mesmas condições
de competir. Essa irregularidade recebe o nome de Doping.
Professor, para ilustrar, apresente três casos de Doping no esporte:

a) Ben Johnson: o canadense nascido em Falmouth, na Jamaica, foi


considerado o homem mais rápido do planeta Terra ao quebrar o recorde
mundial dos 100m por duas vezes na segunda metade dos anos 1980, quando
travava árdua disputa com o norte-americano Carl Lewis. A Olimpíada de 1988
seria decisiva para àquela rivalidade.

No dia 24 de setembro daquele ano, Jonhson disparou, deixou Lewis


assustadoramente para trás e cruzou a linha de chegada da pista em Seul, na
Coreia do Sul, após 9s79. Quebrara o recorde mundial, que já era dele (9s83),
e deixara o mundo estupefato. Tudo mudaria 48 horas depois, quando o exame
antidoping do canadense deu positivo.
b) Diego Maradona: responsável direto pelo título da Argentina na Copa do
Mundo de 1986, no México, e maior astro do esporte no país, o camisa 10 foi
protagonista de dois casos de doping. O primeiro em março de 1991, o
segundo pouco mais de três anos depois, durante o Mundial de 1994, nos
Estados Unidos.
Após levar o Napoli aos títulos do Italiano em 1986/1987 e 1989/1990 e
também ao da Copa da Uefa de 1989, o craque parou com a seleção argentina
nas semifinais da Copa de 1990, na Itália. Em março do ano seguinte, testou
positivo para cocaína em exame após jogo contra o Bari e acabou punido em
15 meses longe do futebol.
No início de 1994, a expectativa era a de que Maradona, fora de forma, fosse
anunciar a aposentadoria. Mas ele conheceu um fisiculturista em Buenos Aires
que prometeu deixá-lo em forma de novo, o que cumpriu, a ponto de o jogador
voltar a defender a seleção da Argentina e ir para a Copa.
Mas no dia 30 de junho daquele ano saiu o resultado do exame feito cinco dias
antes, após o jogo contra a Nigéria, pelo Mundial. O resultado deu positivo
para efedrina, substância usada para emagrecer, e a Fifa o puniu com 15
meses longe do futebol.
c) Marion Jones
Aos 24 anos, a norte-americana ganhou cinco medalhas na Olimpíada de
2000, em Sydney, sendo três delas de ouro, nos 100m, 200m e 4x400m.
Ganhou status de lenda viva. A atleta já era acusada de usar substâncias
proibidas desde a época de colegial, o que aumentou após a sua performance
na Austrália, mas, assim como Armstrong, ela sempre negou.

Em 5 de outubro de 2007, enfim, Jones admitiu o uso do esteróide entre


setembro de 2000 e julho de 2001. “Eu deixo o atletismo, que adorei
profundamente”, afirmou em entrevista naquele dia, sete antes de completar 32
anos. Teve de devolver suas medalhas olímpicas e foi dada como
desclassificada nas provas relativas.
Fonte: Blog Testosterona no esporte. Informações e imagens disponíveis em:
<http://www.testosteronasports.blog.br/2013/01/19/top-5-casos-de-doping-no-
esporte/>. Acesso em: 03 de nov. 2014.

Professor, para concluir esta aula, fale sobre a alteração nas premiações das
Olimpíadas.
Nos jogos modernos, a premiação deixa de ser simbólica como anteriormente
era (coroa de louros) e passa a ser por meio de medalhas e prêmios em
dinheiro.
Fonte: Sítio disponível em: <http://veja.abril.com.br/historia/olimpiada-
1896/especial-jogos-olimpicos-era-moderna-atenas.shtml>. Acesso em: 03 de
nov. 2014.

1) Escreva duas diferenças das Olimpíadas antigas com as Olimpíadas


modernas.
_______________________________________________________________
_________________________________________________________
_______________________________________________________________
_________________________________________________________
2) Ligue com um traço azul, a 1ª coluna de acordo com a 2ª:

a) Pessoa que proibiu os Jogos Olímpicos


Barão de Coubertin
b) Pessoa que resgatou os Jogos Olímpicos
Teodósio, o Grande.

3) O que você tem a dizer às pessoas que utilizam substâncias que fazem
mal à saúde como o cigarro e a bebida
alcoólica? ______________________________________________________
_______________________________________________________________
____
_______________________________________________________________
__________________________________________________________

4) Faça dois desenhos: o 1º de uma pessoa saudável, o 2º de uma pessoa


doente e explique o motivo de estarem nestas condições:

Pessoa saudável Pessoa doente

4º Momento: aproximadamente 60 minutos.

Praticando o que aprendemos: realizando nossa Olimpíada

Professor, neste último momento, propicie um espaço onde os alunos possam


praticar o que aprenderam. Realize uma Olimpíada com os alunos. Eles
realizarão uma das atividades apresentadas pelo Pateta no 2º momento desta
aula. Dê preferência para os esportes coletivos.
Para isso, faça o planejamento juntamente com a a turma. Definam algumas
questões importantes:
 Dia, horário e local de realização;
 Redigir a autorização da escola para a realização do evento;
 Fazer o planejamento dos jogos (tabela) e materiais que serão
necessários;
 Fazer a distribuição dos alunos nas modalidades que serão
disputadas;
 Dentre outras.

Ao término dos jogos, premie todos os alunos/atletas que participaram das


competições, pois, nos espelhando no Barão de Coubertin, podemos também
dizer que “o importante não é vencer, mas competir”. Neste aspecto, todos são
merecedores de prêmios. Contudo, o prêmio não será troféus ou medalhas,
mas a coroa de louros, utilizado pelos gregos antigos para conceder honrarias
aos vencedores das batalhas, artistas e atletas. Veja a seguir a sugestão de
como confeccionar a coroa:
Instruções para confeccionar a coroa:

Professor, aproveite esta atividade para trabalhar com gênero textual "Texto
instrucional". Explore com os alunos as características deste tipo de texto.
Reproduza o texto para eles e providencie o material necessário ou enviei
como atividade de casa, mas solicite que os pais os auxiliem, pois a atividade
de dobrar e cortar o arame deve ser feita por um adulto.

Coroa de louro
Material necessário:
 Um pedaço de arame que circule a cabeça de uma criança;
 Folha de papel alumínio ou cartolina verde ou folhas de plástico
artificiais;
 Folha de papel de seda;
 Cola.

1) Dobre o arame floral formando um círculo que encaixe na sua cabeça. Use o
cortador de arame para cortar o arame se precisar. Dobre as pontas do arame
para que as partes pontudas não cutuquem sua cabeça.
2) Cole papel de seda verde em volta do arame para que o arame não fique
exposto e para dar uma base, de forma que as folhas de louro fiquem firmes.
3) Corte as folhas no papel alumínio ou na cartolina verde, ou use folhas
artificiais compradas numa loja de artesanato.
4) Cole ou prenda as folhas no papel de seda numa única linha ao redor da
coroa. Todas as folhas precisam estar apontando na mesma direção.
5) Coloque a coroa na cabeça, com a parte aberta para trás. Segure com os
grampos se necessário.
Instruções disponíveis em: <http://www.ehow.com.br/coroa-usadas-
imperadores-romanos-como_13758/>. Acesso em: 03 de nov. 2014.

Professor, na premiação, proponha que cada aluno premie o colega com a


coroa que ele confeccionou, assim estará trabalhando com importantes valores
além daqueles trabalhados no decorrer dos jogos. Registre este momento, por
meio de filmagem ou fotos e depois avalie com os alunos.
Recursos Complementares
Maiores informações para o professor.
 Mito de Prometeu. Disponível em:
<http://www.infoescola.com/mitologia-grega/prometeu/>. Acesso em:
03 de nov. 2014.
 Como fazer uma coroa de louros. Disponível em:
<http://www.ehow.com.br/coroa-usadas-imperadores-romanos-
como_13758/>. Acesso em: 03 de nov. 2014.

Avaliação
Professor, a avaliação deverá ser um processo contínuo de reflexão, em todas
as atividades propostas. O Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa
nos aponta para a necessidade de uma avaliação formativa que leve em
consideração todo o processo de construção do conhecimento pelos
alunos. Fonte: Brasil. Secretaria de Educação Básica. Diretoria de Apoio à
Gestão Educacional. Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa:
Avaliação no Ciclo de Alfabetização: Reflexões e Sugestões, Brasília: MEC,
SEB, 2012. Assim, observe a participação e o envolvimento dos alunos ao
longo do trabalho e verifique se eles: apreenderam o conceito de olimpíadas;
se conheceram como surgiu as olimpíadas; descobriram algumas curiosidades
sobre os Jogos; conheceram um pouco sobre mitologia grega; conheceram os
princípios dos Jogos olímpicos; aprenderam sobre os símbolos dos jogos;
conheceram e praticaram algumas modalidades olímpicas; descobriram as
diferenças e semelhanças dos jogos antigos com os modernos; formularam
hipóteses sobre o tema da aula; reconheceram que a leitura é uma forma de
auxiliar na resolução de problemas; desenvolveram a leitura e a escrita por
meio de atividades sobre o tema; desenvolveram atitudes de interação, de
colaboração e de troca de experiências em grupos; respeitaram os diferentes
pontos de vista que as pessoas possuem sobre o assunto.
Opinião de quem acessou
FRAÇÕES
Nome/Ano:
LEIA, OBSERVE AS IMAGENS, OLHE AO SEU REDOR E
PERCEBA TUDO O QUE APRESENTA SIMETRIA E
DESENHE.
SIMETRIA
Nome:

AGORA É A SUA VEZ ! DESENHE FIGURAS QUE TENHA:


ARTE BARROCA NO BRASIL
Nome/ Ano

Leia os dois textos atentamente para realizar o que se pede:

O barroco originou-se na Itália no início do século XVII e irradiou-se por todos os


países da Europa. Aos poucos chegou também ao continente americano, trazido pelos
colonizadores portugueses e espanhóis.
Na arte barroca predominam as emoções e não o racional. É uma época de conflitos
espirituais e religiosos. O estilo barroco busca conciliar o bem e o mal, Deus e o Diabo,
céu e terra, pecado e pureza, alegria e tristeza, espírito e matéria, paganismo e
cristianismo.
A Igreja Católica foi a maior propagandista das diretrizes do novo estilo. No princípio,
a pintura barroca se caracterizou por mostrar pessoas carregadas de emoção e
sentimentos e pelo jogo dos claros e escuros. Com o passar do tempo, os pintores
barrocos começaram utilizar mais cores e dar maior luminosidade as obras.
Características da Pintura Barroca:
– Predominância do emocional sobre o racional.
– Violentos contrastes de luz e sombra.
– Pintura com efeitos ilusionistas, a aparência da profundidade às vezes é tão perfeita
que dá a impressão que se vê o céu real e não o céu pintado na parede ou tela.
– Os temas pintados eram cenas momentâneas carregadas de intensidade dramática.
– Composição assimétrica, em diagonal, substituindo a unidade geométrica e o
equilíbrio da arte renascentista.
Caravaggio
Michelangelo Merisi é um pintor italiano que nasceu em 1571, em Milão. Ele
ficou conhecido como Caravaggio, devido ao nome da cidade que viveu com a família. O
pintor foi um grande representante da pintura barroca e definiu a técnica do "claro-
escuro", na contramão do renascimento.
A obra de Caravaggio teve um impacto tão forte nos jovens artistas da época que
seus traços passaram a ser imitados. Sua pintura retrata os personagens bíblicos com as
feições das pessoas comuns que ele observava nas ruas de Roma. Ele utilizava modelos
comuns como prostitutas, mendigos e crianças de rua para retratar passagens Bíblicas.
Mas o artista não teve um fim muito feliz. Em vida, foi tido como louco e à sua
obra não foi dada a devida importância. Caravaggio enfrentou momentos de miséria,
produzindo seus quadros em série e os vendendo na rua. O pintor morreu em 1610, tendo
uma vida curta, sem chegar aos 40 anos de idade. Somente após três séculos, em 1920,
seu legado foi reconhecido.
Pintores que se destacaram:
Caravaggio, Velásquez, Rubens, Van Dyck, Rembrandt, Brueghel e outros
Fonte: “Fazendo Arte com os Mestres III” – Autora Ivete Raffa

O estilo barroco chegou ao Brasil pelas mãos dos colonizadores, sobretudo


portugueses. Seu desenvolvimento pleno se deu no século XVIII, cem anos após o
surgimento do Barroco na Europa, estendendo-se até as duas primeiras décadas do século
XIX.
As primeiras manifestações do espírito barroco foram presenciadas não só em
fachadas e frontões, mas também, principalmente, na decoração de algumas igrejas no
final do século XVII. A talha barroca dourada em ouro, de estilo português, espalhou-se
pelas regiões do Rio de Janeiro, Bahia e Pernambuco. O foco então se voltou para a
região de Minas Gerais, desenvolvida à custa da descoberta de minas de ouro (1695) e
diamante (1730). Não por acaso, dois dos maiores artistas barrocos brasileiros
trabalharam exatamente neste período: Mestre Valentim (1745-1813), no Rio de Janeiro e
o Aleijadinho, em Ouro Preto e adjacências. E foi na suavidade do estilo rococó mineiro
(a partir de 1760) que se encontrou a expressão mais original do Barroco Brasileiro.
No Brasil, a arquitetura religiosa foi o maior expoente da arte barroca. As igrejas
eram maravilhosamente decoradas com entalhes em madeira cobertos de ouro, teto
pintado com cenas bíblicas, esculturas de santos, altares com anjos, colunas, flores e
muitos outros elementos decorativos.
Você entendeu o texto?

1.Em qual período se deu a arte Barroca no Brasil?

______________________________________________________________________

______________________________________________________________________

________

2. Como a arte barroca chegou ao Brasil?

______________________________________________________________________

______________________________________________________________________

______________________________________________________________________
______________________________________________________________________

________________

3.Por que Minas Gerais se tornou o centro da arte barroca brasileira?

______________________________________________________________________

______________________________________________________________________

______________________________________________________________________

____________

4. Descreva como eram decoradas as igrejas no período barroco brasileiro.

______________________________________________________________________

______________________________________________________________________

______________________________________________________________________

____________

5. Quem era Michelangelo Merisi?

______________________________________________________________________

______________________________________________________________________

________

6. Porque ele ficou conhecido como Caravaggio?

______________________________________________________________________

______________________________________________________________________

________

7. Que tipo de modelo ele usava nas pinturas?

______________________________________________________________________

______________________________________________________________________
______________________________________________________________________

____________

8. Como foi o fim da vida do pintor?

______________________________________________________________________

______________________________________________________________________

______________________________________________________________________

____________

9. O Barroco brasileiro apresenta profundas diferenças regionais, isso se deve:

I. A riqueza e o consequente desenvolvimento econômico de cada região ;


II. A influência artística recebida por cada região ;
III. Por ser uma região pobre e pouco desenvolvida, São Paulo produziu obras mais
modestas
IV. Nas regiões mineradoras e açucareiras, encontramos igrejas com talhas douradas e
esculturas refinadas, feitas por artistas de renome.

a) Todas estão corretas b) Somente a II é correta


c) Somente a I, III e IV estão corretas. d) Somente a IV é correta
PESQUISA: ARTE BARROCA NO BRASIL

Nome/ Ano
DATA DE ENTREGA DA PESQUISA E ATIVIDADES : dia 23/08/19.

A EXPOSIÇÃO DO PAINEL COM AS ATIVIDADES ARTÍSTICAS,


conforme instruções na pág. 438 deverá ser apresentada dia 23/08/19.

FOTO OU GRAVURA DE UMA OBRA DE ALEIJADINHO:


Trazer com antecedência à professora para também compor o nosso mural.

ACESSE os sites que estão indicados na pág. 436 de seu COC 5/6 para conhecer
as obras do Barroco em Minas Gerais e na Bahia e logo enriquecer seus
conhecimentos sobre a ARTE BARROCA NO BRASIL.
LP: Coesão textual: o pronome na construção do texto

Nome:

A coesão textual trata-se da ligação, da conexão entre as palavras de um texto, por


meio de elementos formais, que assinalam o vínculo entre os seus componentes.
A coesão textual pode se estabelecer por meio de diversos elementos linguísticos.
Dentre esses elementos, os pronomes assumem grande relevância,
principalmente, pelo fato de ser por meio deles que se faz a retomada do referente,
isto é, aquilo a que o texto se refere. Todos os tipos de pronomes podem funcionar
como recurso de referência a termos ou expressões anteriormente empregados.

1. Sobre as tirinhas que seguem, em dupla, realizarem em as atividades


propostas.

Tirinha 1
http://www.planetaeducacao.com.br/novo/imagens/artigos/enem_02.jpg

a. Identifique o pronome demonstrativo usado na


tirinha._________________________________________

b. Qual é o pronome no texto?_________________________________

Tirinha 2

http://apatossauros.files.wordpress.com/2007/10/calvinharodotira354.gif

a. Os pronomes empregados na tirinha.______________________________________________

b. Observe a fala do Calvin no primeiro quadrinho: a quem se refere o pronome ela?


___________________

c. Pronome possessivo é o tipo de pronome que faz uma referência às pessoas do discurso indicando
uma relação de posse.

Identifique o pronome possessivo empregado na tira.______________________________


d. Observe a fala de Harodo no primeiro quadrinho; “Você sabe o que há de errado com sua mãe?”

Quando um pronome possessivo é empregado, ele pode estar se referindo a um objeto que já foi citado
e que por isso não precisa ser repetido, ou a um objeto que sequer foi citado, nesse caso, ele tem
função adjetiva.

Qual dessa situações ocorre na fala de Haroldo? Explique.

__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________

Tirinha 3 do Calvin:
http://2.bp.blogspot.com/_z1JyBxIESm8/SBBu0CQ3ehI/AAAAAAAACjk/jt_EwEOyG9c/s400/calvin.jpg

1.Pronome pessoal é a palavra que substitui o substantivo e indica a pessoa do discurso.

a. Identifique um pronome pessoal empregado na tirinha. ______________________

A quem ele se refere?_________________________________

b. Se o Calvin estivesse falando dele e de Haroldo, como ficaria a fala do primeiro quadrinho?
Transcreva-a fazendo as alterações.

__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________

c. Explique o emprego do pronome demonstrativo isso na fala da mãe do Calvin, no segundo


quadrinho.
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________

2. No terceiro e quarto quadrinhos, identifique:


a. um pronome possessivo adjetivo (1ª. pessoa do discurso)._____________________________
b. um pronome interrogativo.__________________________

Tirinha 4 do Calvin:

1. Os pronomes pessoais se dividem em retos, que funcionam como sujeito, e oblíquos que
funcionam como objeto, isto é, complemento de verbos.

a. Identifique um pronome oblíquo na fala de Calvin, no primeiro


quadrinho._________________________

b. Identifique os pronomes demonstrativos usados na fala da mãe de Calvin, no terceiro quadrinho.


______________________________________________________

2. Observe a fala de Calvin, no terceiro quadrinho e responda:

a. A quem se refere o pronome você? _____________________________________


b.Como esse pronome se classifica?_______________________________________
b. Como se classifica o pronome nenhum? _________________________________
c. A quem se refere o pronome ele?_______________________________________

Ler o conto, “Partilha” , de Rubem Braga e após a leitura, responder às questões propostas na
sequência.

Partilha
Os irmãos se separam e então um diz assim:
“Você fique com o que quiser, eu não faço questão de nada; mas se você não se incomoda, eu
queria levar essa rede. Você não gosta muito de rede, quem sempre deitava nela era eu.
O relógio da parede eu estou acostumado com ele, mas você precisa mais de relógio do que eu. O
armário grande do quarto e essa mesa de canela e essa tralha de cozinha, e o guarda-comida também.
Tudo isso é seu. O retrato de nossa i rmã você fica com ele também: deixa comigo o de mãe, pois foi a
mim que ela deu: você tinha aquele dela de chapéu, e você perdeu. O tinteiro de pai é seu; você
escreve mais carta; e até que escreve bonito, você sabe que eu li sua carta para Júlia.
Essas linhas e chumbadas, o puçá e a tarrafa, tudo fica sendo seu; você não nem empatar um
anzol, de maneira que para mim é mais fácil arrumar outro aparelho no dia que eu quiser pescar.
Agora, tem uma coisa, o canivete. Pensei que você tivesse jogado fora, mas ontem estava na sua
gaveta e hoje eu acho que está no seu bolso, meu irmão.
Ah, isso eu faço questão, me dê esse canivete. O fogão e as cadeiras, a estante e as prateleiras, os
dois vasos de enfeite, esse quadro e essa gaiola com a coleira e o alçapão, tudo é seu; mas o canivete é
meu. Aliás, essa gaiola fui eu que fiz com esse canivete me ajudando. Você não sabe lidar com
canivete, você na sua vida inteira nunca soube descascar uma laranja direito, mas para outras coisas
você é bom. Eu sei que ele está no seu bolso.
Eu estou dizendo a você que tudo que tem nesta casa, menos o retrato de mãe – a rede mesmo eu
não faço questão, embora eu goste mais de rede e fui sempre eu que consertei o punho, assim como
sempre fui eu que consertei a caixa do banheiro e a pia do tanque, você não sabe nem mudar um
fusível, embora você ganhar mais dinheiro do que eu; eu vi o presente que você deu para Júlia, ela me
mostrou, meu irmão; pois nem a rede eu faço questão, eu apenas acho direito ficar com o retrato de
mãe, porque o outro você perdeu.
Me dê esse canivete, meu irmão. Eu quero guardar ele como recordação. Quem me perguntar por
que eu gosto tanto desse canivete, eu vou dizer: é porque é lembrança do meu irmão. Eu vou dizer que
é lembrança do meu irmão que nunca soube lidar com um canivete, assim como de repente não soube
mais lidar com seu próprio irmão. Ou então me dá vergonha de contar e eu digo assim: esse canivete é
lembrança de um homem bêbado que antigamente era meu amigo, como se fosse um irmão. Eu estarei
dizendo a verdade, porque eu acho que você nunca foi meu irmão.
Eu sou mais velho que você, sou mais velho pouca coisa, mas sou mais velho, de maneira que
posso dar conselho: você nunca mais na sua vida, nunca mais puxe canivete para um homem; canivete
é serventia de homem, mas é arma de menino, meu irmão. Quando você estiver contrariado com um
homem, você dê tiro nele com sua garrucha; pode até matar à traição; nós todos nascemos para morrer.
De maneira que, se você morresse agora, não tinha importância; mas eu não estou pensando em matar
você, não. Se eu matasse, estava certo, estava matando um inimigo; não seria como você que levantou
a arma contra seu irmão.
Bem, mas veja em que condições você me dá esse canivete; um homem andar com uma coisa suja
dessas no bolso; não há nada, eu vou limpar ele, nem pra isso você presta, mas para outras coisas você
é bom.
Agora fique sossegado, tudo que tem aí é seu. Adeus, e seja feliz, meu irmão.”

Fonte: BRAGA, Rubem. In Elenco de cronistas modernos. Rio de Janeiro, José Olympio, 1994.

Sobre o texto:
Com os conhecimentos que você adquiriu sobre o emprego dos pronomes, após ler o texto, responda:

1.Leia e observe esta passagem do texto:

“Ah, isso eu faço questão, me dê esse canivete. O fogão e as cadeiras, a estante e as prateleiras, os
dois vasos de enfeite, esse quadro e essa gaiola com a coleira e o alçapão, tudo é seu; mas o canivete é
meu. Aliás, essa gaiola fui eu que fiz com esse canivete me ajudando.”

a. Observando os pronomes demonstrativos, pode-se dizer que os objetos mencionados ( canivete,


quadro, gaiola, coleira, etc) estão próximos a quem?
__________________________________________________

b. Reescreva o trecho acima, considerando que os objetos estejam distantes do falante.

__________________________________________________________________________________

__________________________________________________________________________________

__________________________________________________________________________________

__________________________________________________________________________________

____________________

2. O emprego de vários tipos de pronomes, principalmente possessivos e demonstrativos relacionam-


se com o assunto do conto - partilha familiar de bens? Justifique sua resposta.

__________________________________________________________________________________

__________________________________________________________________________________

__________

3.Nesse texto, aparecem vários pronomes. Pinte-os. Escolha um exemplo de cada tipo e classificar.

_____________________________ _____________________________

_____________________________ _____________________________

_____________________________ _____________________________

_____________________________ _____________________________

_____________________________ __________________
_____________________________ _____________________________

_____________________________ ____
Leia e observe a função dos pronomes para a
construção de sentidos nas diferentes situações
comunicativas, após classificar os pronomes destacados
em:

Pessoal do caso reto


Pessoal do caso oblíquo
Demonstrativo
Tratamento
Possessivo
Indefinido
Interrogativo
Relativo

"Eu penso em você _____________ "Já sei namorar


Desde o amanhecer Já sei chutar a bola
Até quando eu me deito." _________ Agora só me falta ____________
(Tribalistas) Ganhar." (Tribalistas)

"Cada paralelepípedo "Você ___________________


Da velha cidade É algo assim
Essa noite vai ________________ É tudo pra mim
Se arrepiar." É como eu sonhava,
(Chico Buarque ) baby." (Tim Maia)

"Meu filho vai ter ______________ "E o que foi prometido,


Nome de santo Ninguém prometeu."
Quero o nome mais __________________
Bonito." (Legião Urbana (Legião Urbana)
"Eu vou contar pra todos
"Quem me chamou ____________ a história de um rapaz,
Quem vai querer_______________ Que tinha há muito tempo _____
voltar pro ninho a fama de ser mal"
Redescobrir, seu lugar." (Roberto Carlos)
(Guilherme Arantes)

LP: Linguagem verbal, não verbal, mista e digital


Anápolis, _______/_______/________ Ano:
Nome:

Vamos iniciar o estudo sobre a Linguagem Digital


ouvindo a música: “Pela Internet” de Gilberto Gil, seguido
da leitura do texto e realização das atividades.

Criar meu web site Eu quero entrar na rede


Fazer minha home-page Promover um debate
Com quantos gigabytes Juntar via Internet
Se faz uma jangada Um grupo de tietes de Connecticut
Um barco que veleje
De Connecticut acessar
Que veleje nesse infomar
Que aproveite a vazante da infomaré O chefe da milícia de Milão
Que leve um oriki do meu velho orixá Um hacker mafioso acaba de soltar
Ao porto de um disquete de um micro em Taipé Um vírus pra atacar programas no Japão

Um barco que veleje nesse infomar Eu quero entrar na rede pra contactar
Que aproveite a vazante da infomaré Os lares do Nepal, os bares do Gabão
Que leve meu e-mail até Calcutá Que o chefe da polícia carioca avisa pelo celular
Depois de um hot-link Que lá na praça Onze tem um videopôquer para
Num site de Helsinque se jogar.
Para abastecer

Leia e questione-se!!!?
1. Na atualidade, o uso da internet está influenciando o jovem
de forma positiva ou negativa?
2. Os estudantes têm usado a Web como ferramenta educacional
ou apenas como diversão e entretenimento?
3. Você acredita que a linguagem utilizada na internet atrapalha
a linguagem culta?

Falando sobre...

A Internet, um dos meios mais acessíveis e dinâmicos na esfera comunicacional,


por sua linguagem virtual e universal, propagou-se de maneira extraordinária pelo
mundo inteiro, ajudando a fortalecer o progresso da globalização por se tratar de uma
linguagem única, possibilitando um maior contato entre as culturas.
Segundo Galli, “o desenvolvimento e a utilização da Internet acabaram produzindo,
entre seus usuários, uma linguagem própria, repleta de termos típicos, ou seja, todo
usuário, de uma maneira ou de outra, acaba compreendendo o conjunto da rede e os
termos que determinam seus conteúdos e funcionamento.” Muito tem se falado das
formas de linguagem no século XXI, até mesmo no que diz respeito ao interesse das
pessoas pela nossa maravilhosa Língua Portuguesa. Mas, possivelmente, na atualidade,
um dos grandes desafios esteja por conta do chamado “Internetês” ou simplesmente da
nova linguagem digital.
A nova linguagem atinge diretamente os jovens que, por sua vez, por estarem em
pleno desenvolvimento institucional, podem sim ser prejudicados. É fato que a
necessidade de agilidade na digitação requer certas adaptações.
Mas será que isso influencia nosso dia a dia ?
A Escrita Digital é marcada por abreviaturas, alongamentos de vocábulos, uso
repetido de sinais de exclamação, interrogação, reticências, etc.
Uma adequada compreensão da natureza das mensagens trocadas pela Internet só
pode ser produto de uma análise dos diferentes gêneros que circulam na rede. Assim,
um profissional utiliza linguagem formal mais relaxada, mais próxima da conversação
oral.
Nas redes sociais há uma mescla de linguagem falada e escrita. As mensagens
trocadas por esses meios aproximam-se da fala, pois, além de não planejadas, permitem
também que o destinatário receba o texto à medida que é produzido. Os sujeitos
constroem o texto cooperativamente. A prova mais comum de que há sim uma
influência durante uma escrita formal. Fica aqui um alerta e uma dica: cuidado com a
utilização da linguagem no dia a dia em momentos formais, ‘NAUM” vá cometer certos
erros .

Rede Social: O que é?

Uma rede social é uma estrutura social composta por pessoas ou organizações,
conectadas por um ou vários tipos de relações, que partilham valores e objetivos
comuns. As redes sociais online podem operar em diferentes níveis, como, por exemplo,
redes de relacionamentos (facebook, orkut, myspace, twitter), redes profissionais
(LinkedIn), redes comunitárias (redes sociais em bairros ou cidades), redes políticas,
dentre outras, e permitem analisar a forma como as organizações desenvolvem a sua
atividade, como os indivíduos alcançam os seus objetivos ou medir o capital social – o
valor que os indivíduos obtêm da rede social.
As redes sociais têm adquirido importância crescente na sociedade moderna. São
caracterizadas primariamente pela autogeração de seu desenho, pela sua horizontalidade
e sua descentralização. Um ponto em comum, dentre os diversos tipos de rede social, é
o compartilhamento de informações, conhecimentos, interesses e esforços em busca de
objetivos comuns. A intensificação da formação das redes sociais, nesse sentido, reflete
um processo de fortalecimento da Sociedade Civil, em um contexto de maior
participação democrática e mobilização social .
Entendendo a canção:

01 – De que se trata esta canção?


_______________________________________________________________

_______________________________________________________________

_______

02 – O autor nos mostra que a tecnologia pode estar a serviço de quem?

______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
________

03 – Que referências (lugares) a “navegação” aparecem na canção?

______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
________

04 – Que termos retirados da informática encontramos na canção?

______________________________________________________________________
__________________________________________________-
____________________________

05-Na construção da letra da música foram empregados vários recursos da linguagem


poética. Faça a relação das expressões que para exemplificá-los.

1.Rima; ( ) “Os lares do Nepal, os bares do Gabão.


2. Jogos sonoros: Aliteração ( )“Fazer minha home-page com quantos gigabytes
(repetição de consoantes); se faz uma jangada.”

3.Assonância (repetição de vogais). ( ) Infomaré (mistura de “informática” com


“mar/maré”.
4. Metáfora. ( ) Acessar / soltar – Milão / Japão.
5.Informar é um neologismo: palavra ( ) Com quantos paus se faz uma canoa.
nova, derivada ou formada de outra já
existentes.
6.Onde se encontra cada uma das ( ) “Que aproveite a vazante da infomaré”.
localidades citadas na canção?
( )
7. No verso: •Taipé – [É a capital e um município especial de
Taiwan].
“Com quantos
•Calcutá – [É a capital e maior cidade do estado
gigabytes se faz
uma jangada”, de Bengala Ocidental, na Índia].
lembra um ditado •Helsinque – [É a capital da República da
popular. Qual? Finlândia e a maior cidade do país].
•Milão – [Fica na Itália. Capital da região da
Lombardia, província de Milão].
•Japão – [É um país do Extremo Oriente, formado
por um arquipélago].
•Nepal – [É um país asiático da região dos
Himalaias].
•Gabão – [Oficialmente República Gabonesa, é
um país que se situa na África].
•Praça Onze – [É uma sub-região da Zona
Central da cidade do Rio de Janeiro].
•Connecticut – [É é o 3° menor Estado
Americano em extensão territorial].
06 – Tanto no título “Pela Internet” como no final da canção, o autor faz uma
homenagem a Donga, parodiando a música “Pelo Telefone” (1° samba brasileiro), que
na sua época, teve o papel que cabe hoje à Internet. Na paródia, o telefone é substituído
pelo celular.
Cite os versos finais:

______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
________

07 – Qual é o principal objetivo da música ?


______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
________

08 – A partir do vocabulário de vírus que ataca e destrói informações cria que


expressões?

______________________________________________________________________
____

09 – Os quatro cantos do mundo foram escritos para nos mostrar o quê?

______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
________

10 – Ao falar em “infomar” e “infomaré” referimos a que?

______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
________

11. Você leu, questionou-se e certamente conseguirá escrever respondendo as


perguntas...

1. Na atualidade, o uso da internet está influenciando o jovem


de forma positiva ou negativa?
2. Os estudantes têm usado a Web como ferramenta educacional
ou apenas como diversão e entretenimento?
3. Você acredita que a linguagem utilizada na internet atrapalha
a linguagem culta?

______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
________
______________________________________________________________________
______________________________________________________________________
________