Você está na página 1de 3

A Rússia assim como o Brasil é um país em desenvolvimento, ou seja, é

comum notarmos que esse país possui muitas desigualdades sociais e até
mesmo pobreza, principalmente depois da segunda guerra mundial,
embora seja também um país mais rico que o Brasil.

É uma federação presidenciável com eleições


periódicas, o que corresponde a uma democracia
produz matéria prima e também tecnologias de
ponta, como já dito há muita desigualdade fazendo
com que a maior parte das riquezas fiquem nas
mãos dos ricos.

Estrutura social da sociedade russa contemporânea

Tatiana I. Zaslávskaia

Tarefas e métodos da pesquisa

COLOCAÇÃO DO PROBLEMA - A transformação institucional da sociedade russa,


ocorrida nos últimos anos, teve sérios reflexos na sua estrutura social. Mudaram e
continuam a mudar as relações de propriedade e poder, reestruturam-se os
mecanismos de estratificação social, e ocorre uma intensa mudança das elites. No
cenário social, surgem novos grupos sociais, camadas de massa são
marginalizadas, amplia-se o fosso social. As relações econômicas criminalizam-se
cada vez mais. Em conseqüência, muda o sistema de interesses, de métodos de
comportamento e de interações sociais dos diversos grupos. Esses fenômenos, que
à primeira vista parecem isolados um do outro, representam na realidade facetas
diferentes do processo de transformação da sociedade. Por isso, é importante
estudá-los, não apenas em particular, mas também em sua interligação. A tarefa
fundamental dos cientistas sociais é a descrição da sociedade russa como um
sistema social integrado, que se encontra em transformação, antes de mais nada,
por influência de forças motrizes internas. As características mais importantes
desse sistema são, em primeiro lugar, a estrutura social, isto é, a composição, a
posição e as relações dos grupos determinadores do seu desenvolvimento, e, em
segundo, a estratificação da sociedade, ou a distribuição dos grupos mencionados
na escala hierárquica dos status sociais.
Aspectos físicos da Rússia
A Rússia é um país muito grande, e por causa dessas enormes dimensões,
encontram-se na Rússia diversas formações de relevo e vegetação, bem como grande
variedades de climas.
Os principais tipos de vegetação da Rússia são a Taiga e a Tundra. A Tundra é uma
vegetação de elevada latitude, formada por musogos e líquens, se encontra em um tipo de solo
chamado permafrost e sofre ação direta do aquecimento global. A Taiga é uma vegetação de
grande porte de folhas finas em formato de agulhas, é intensamente desmatada para
fabricação de móveis, casas e extração de celulose.
A Rússia possui mais de 120 mil rios, a maioria deles ficam congelada no inverno. Os
principais rios são: Dnieper, Volga, Don, Amu Daria, Syr Daria, Lena, Ob e Ienissei.
O relevo é variado, dominam planícies e vales. As planícies Leste-Européia e Oeste-
Siberiana, divididas pelos montes Urais, são os maiores do planeta.
Quatro zonas climatérias: ártica, subártica, temperada e subtropical, determinam o
clima da Rússia. As estações da Rússia são 4: inverno longo e nevoso, primavera temperada,
verão curto e quente e outono chuvoso.