Você está na página 1de 4

Dia do Senhor

BRANCA

34º DOMINGO DO TEMPO COMUM


SOLENIDADE DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO, REI DO UNIVERSO
24 DE NOVEMBRO DE 2019 - DIOCESE DE JATAÍ - GO - ANO C - ANO II - Nº 239

2. SAUDAÇÃO Jesus Cristo, Filho Unigênito,/


RITOS INICIAIS CP.: Em nome do Pai e do Filho e Senhor Deus, Cordeiro de Deus,
do + Espírito Santo. Filho de Deus Pai./ Vós que tirais
T.: Amém! o pecado do mundo, tende pie-
A.: Irmãos e irmãs, sejam bem-vin- CP.: A graça de nosso Senhor dade de nós./ Vós que tirais o pe-
dos! A Solenidade de Cristo, Rei do Jesus Cristo, o amor do Pai e a cado do mundo, acolhei a nossa
Universo, que celebramos hoje, comunhão do Espírito Santo es- súplica./ Vós que estais à direita
conclui o ano litúrgico iniciado no tejam convosco. do Pai, tende piedade de nós./
primeiro domingo do Advento, em T.: Bendito seja Deus que nos Só vós sois o Santo, só vós, o Se-
novembro do ano passado. Neste reuniu no amor de Cristo! nhor,/ só vós, o Altíssimo, Jesus
período contemplamos o Cristo Cristo,/ com o Espírito Santo, na
que se fez homem por nós, por 3. ATO PENITENCIAL glória de Deus Pai.
nós anunciou e tornou presente o CP.:No dia em que celebramos a 5. ORAÇÃO
Reino do Pai e, para nos dar esse vitória de Cristo sobre o pecado
Reino de modo definitivo, por nós e a morte, também nós somos CP.: Oremos. (Pausa)
entregou-se na cruz, morreu e convidados a morrer ao pecado Deus eterno e todo-poderoso, que
ressuscitou, dando-nos de modo e a ressurgir para uma vida nova. dispusestes restaurar todas as coi-
definitivo o seu Espírito Santo. Reconheçamo-nos necessitados sas no vosso amado Filho, Rei do
Hoje, depois de termos contem- da misericórdia do Pai (Pausa). universo, fazei que todas as cria-
plado todo este mistério, procla- Confessemos os nossos peca- turas, libertas da escravidão e ser-
mamos o Senhor Jesus como Rei dos, cantando: vindo à vossa majestade, vos glo-
do Universo. No Brasil, iniciamos a rifiquem eternamente. Por nosso
Campanha para a Evangelização 1. Eu confesso a Deus e a vós, ir- Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na
e acolhemos, de modo particular, mãos, tantas vezes pequei, não unidade do Espírito Santo.
os leigos e leigas que, assumindo fui fiel: pensamentos e palavras, T.: Amém!
seu Batismo, desempenham com atitudes, omissões. Por minha
muito amor e dedicação a missão culpa, tão grande culpa! LITURGIA DA PALAVRA
que Deus lhes confiou. Senhor, piedade! Cristo, pieda- A.: Neste último domingo do ano
de! Tem Piedade, ó Senhor! (Bis) litúrgico, a Palavra de Deus nos leva
1. CANTO DE ABERTURA
Tu anseias, eu bem sei, a salva- 2. Peço à Virgem Maria, nossa Mãe, a conhecer a realeza de Jesus. Ouça-
e a vós, meus irmãos, rogueis por mos com atenção as leituras de hoje.
ção. / Tens desejo de banir a es- mim a Deus Pai que nos perdoa e
curidão. /Abre, pois, de par em nos sustenta em sua mão. Por seu 6. PRIMEIRA LEITURA (2 Sm 5, 1-3)
par, teu coração / e deixa a luz amor, tão grande amor! Leitura do Segundo Livro de Sa-
do céu entrar. muel. - Naqueles dias, 1Todas as
CP.: Deus todo-poderoso tenha tribos de Israel vieram encontrar-
Deixa a luz do céu entrar, /Dei- compaixão de nós, perdoe os -se com Davi em Hebron e disse-
xa a luz do céu entrar, /abre nossos pecados e nos conduza à ram-lhe: “Aqui estamos. Somos
bem as portas do teu coração/ e vida eterna.
deixa a luz do céu entrar. teus ossos e tua carne.2Tempo
T.: Amém! atrás, quando Saul era nosso rei,
2. Cristo, a luz do céu, em ti quer 4. HINO DE LOUVOR eras tu que dirigias os negócios de
habitar, /para as trevas do peca- (Preferencialmente cantado) Israel. E o Senhor te disse: ‘Tu apas-
do dissipar, /teu caminho e co- Glória a Deus nas alturas, e paz na centarás o meu povo Israel e serás
ração iluminar, /e deixa a luz do terra aos homens por Ele amados. o seu chefe’”. 3
Vieram, pois, todos
céu entrar Senhor Deus, rei dos céus, Deus os anciãos de Israel até ao rei em
3. Que alegria andar ao brilho Pai todo-poderoso:/ Nós vos Hebron. O rei Davi fez com eles
dessa luz! / Vida eterna e paz no louvamos, nós vos bendizemos,/ uma aliança em Hebron, na pre-
coração produz! /Oh! Aceita ago- nós vos adoramos, nós vos glo- sença do Senhor, e eles o ungiram
ra o Salvador Jesus, /e deixa a luz rificamos,/ nós vos damos graças rei de Israel. - Palavra do Senhor.
do céu entrar. por vossa imensa glória./ Senhor T.: Graças a Deus!
Página 01
SALMO RESPONSORIAL: Sl 121 (122) (Lc 23,35-43) Naquele tempo, 35Os 2. Pelos governantes de todas as na-
Quanta alegria e felicidade: va- chefes zombavam de Jesus dizen- ções, para que aprendam de Cristo
mos à casa do Senhor! do: “A outros ele salvou. Salve-se a que o poder só tem sentido quan-
si mesmo, se, de fato, é o Cristo de do é para o serviço e promoção do
1. Que alegria, quando ouvi que Deus, o Escolhido! ” 36Os soldados bem comum, nós vos pedimos:
me disseram: / “Vamos à casa do também caçoavam dele; aproxi-
Senhor!”/ E agora nossos pés já se 3. Por todos nós aqui reunidos,
mavam-se, ofereciam-lhe vinagre, para que sejamos cada vez mais
detêm, / Jerusalém, em tuas por- 37
e diziam: “Se és o rei dos judeus,
tas. misericordiosos com os que so-
salva-te a ti mesmo! ” 38Acima dele frem, testemunhando o reino de
2. Para lá sobem as tribos de Is- havia um letreiro: “Este é o Rei Deus, nós vos pedimos:
rael, / as tribos do Senhor. / Para dos Judeus”. 39Um dos malfeitores
louvar, segundo a lei de Israel,/ o crucificados o insultava, dizendo: 4. Pelos desempregados, princi-
nome do Senhor./ A sede da justi- “Tu não és o Cristo? Salva-te a ti palmente pelos pais de família
ça lá está/ e o trono de Davi. mesmo e a nós! ” 40Mas o outro o que se encontram desolados e
repreendeu, dizendo: “Nem se- tristes por não poder colocar em
8. SEGUNDA LEITURA: (Cl 1, 12-20) quer temes a Deus, tu que sofres suas mesas o pão de cada dia,
Leitura da Carta de São Paulo a mesma condenação? 41Para nós, nós vos pedimos:
aos Colossenses. - Irmãos: 12Com é justo, porque estamos receben- (Preces espontâneas)
alegria dai graças ao Pai, que vos do o que merecemos; mas ele não CP.: Senhor Jesus Cristo, Rei do Uni-
tornou capazes de participar da fez nada de mal”. 42E acrescentou: verso, sede favorável a estes vossos
luz, que é a herança dos santos. “Jesus, lembra-te de mim, quando filhos que somente em vós con-
13
Ele nos libertou do poder das entrares no teu reinado”. 43Jesus fiam; reforçai neles a fé e fazei que
trevas e nos recebeu no reino lhe respondeu: “Em verdade eu te sempre estejam dispostos a profes-
de seu Filho amado, 14por quem digo: ainda hoje estarás comigo sá-la. Por Cristo, nosso Senhor.
temos a redenção, o perdão dos no Paraíso”. - Palavra da Salvação. T.: Amém!
pecados. 15Ele é a imagem do T.: Glória a vós, Senhor!
Deus invisível, o primogênito de
toda a criação, 16pois por causa 10. HOMILIA LITURGIA EUCARÍSTICA
dele foram criadas todas as coi- 11. PROFISSÃO DE FÉ A.: Coloquemos no altar do Senhor,
sas no céu e na terra, as visíveis (Símbolo niceno-constantinopolitano) com o pão e o vinho, nosso desejo
e as invisíveis, tronos e domi- Creio em Deus Pai todo-podero- de sermos agentes de salvação e
nações, soberanias e poderes. so, criador do céu e da terra. 1) E promotores do Reino de Deus. Can-
Tudo foi criado por meio dele e em Jesus Cristo, seu único Filho, temos:
para ele. 17Ele existe antes de to- nosso Senhor, 2) que foi concebi- 13. CANTO DE PREPARAÇÃO
das as coisas e todas têm nele a do pelo poder do Espírito Santo; DAS OFERENDAS
sua consistência. 18Ele é a Cabeça 1) nasceu da Virgem Maria; pa-
do corpo, isto é, a Igreja. Ele é o deceu sob Pôncio Pilatos, 2) foi No teu altar, Senhor, coloco a mi-
Princípio, o Primogênito dentre crucificado, morto e sepultado. 1) nha vida em oração.
os mortos; de sorte que em tudo Desceu à mansão dos mortos; 1. A alegria de te amar e ser ama-
ele tem a primazia, 19porque ressuscitou ao terceiro dia, 2) su- do, quero em tuas mãos depositar.
Deus quis habitar nele com toda biu aos céus; está sentado à direi-
a sua plenitude 20e por ele recon- ta de Deus Pai todo-poderoso, 1) 2. O desejo de ser bom e genero-
ciliar consigo todos os seres, os donde há de vir a julgar os vivos so, faz-me viver com mais amor.
que estão na terra e no céu, rea- e os mortos. 2) Creio no Espírito 3. Os amigos que me deste e que
lizando a paz pelo sangue da sua Santo; na Santa Igreja católica; 1) são teus: tudo entrego a ti, Senhor.
cruz. - Palavra do Senhor. na comunhão dos santos; na
T.: Graças a Deus! CP.: Orai, irmãos e irmãs, para
remissão dos pecados; 2) na res- que nosso sacrifício seja aceito
9. ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO surreição da carne, na vida eterna. por Deus, Pai todo poderoso.
T.: Amém! T.: Receba ó Senhor por tuas
Aleluia, aleluia, aleluia! mãos este sacrifício, para gló-
É bendito aquele que vem vin- 12. ORAÇÃO COMUNITÁRIA
ria do seu nome, para nosso
do, que vem vindo, em nome do CP.: A Cristo, Rei do Universo e Se- bem e de toda a Santa Igreja.
Senhor; e o Reino que vem, seja nhor de nossa história, elevemos
bendito, ao que vem e a seu Rei- nossos pedidos, suplicando: 14. ORAÇÃO SOBRE AS
no, o louvor! T.: Cristo, Rei do Universo, ouvi-nos! OFERENDAS
CP.: O Senhor esteja convosco! 1. Fortalecei os que governam CP.: Oferecendo-vos estes dons
T.: Ele está no meio de nós! que nos reconciliam convosco,
vossa Igreja, o Papa Francisco nós vos pedimos, ó Deus, que o
e nosso bispo Nélio para que vosso próprio Filho conceda paz
CP.: Proclamação do Evangelho guiem com firmeza o vosso povo
de +Jesus Cristo, segundo Lucas. e união a todos os povos. Por
e sejam testemunhas da vossa Cristo, nosso Senhor.
T.: Glória a vós, Senhor! misericórdia, nós vos pedimos: T.: Amém!
Página 02
15. ORAÇÃO EUCARÍSTICA III - CP.: Na noite em que ia ser entre- Francisco, o nosso Bispo Nélio,
MR (P. 482) PREFÁCIO: CRISTO, REI DO gue, ele tomou o pão, deu graças, com os bispos do mundo inteiro,
UNIVERSO – MR (P. 384) e o partiu e deu a seus discípulos, o clero e todo o povo que con-
CP.: O Senhor esteja convosco. dizendo: TOMAI, TODOS, E CO- quistastes.
T.: Ele está no meio de nós. MEI: ISTO É O MEU CORPO, QUE T.: Lembrai-vos, ó Pai, da vossa
SERÁ ENTREGUE POR VÓS. Igreja!
CP.: Corações ao alto.
T.: O nosso coração está em Deus. CP.:Do mesmo modo, ao fim da 3C.: Atendei às preces da vossa
CP.: Demos graças ao Senhor, nos- ceia, ele tomou o cálice em suas família, que está aqui, na vossa
so Deus. mãos, deu graças novamente, e presença. Reuni em vós, Pai de
T.: É nosso dever e nossa salvação. o deu a seus discípulos, dizen- misericórdia, todos os vossos fi-
do:TOMAI, TODOS, E BEBEI: ESTE lhos e filhas dispersos pelo mun-
CP.: Na verdade, é justo e neces- É O CÁLICE DO MEU SANGUE, do inteiro.
sário, é nosso dever e salvação O SANGUE DA NOVA E ETERNA T.: Lembrai-vos, ó Pai, dos vos-
dar-vos graças, sempre e em todo ALIANÇA, QUE SERÁ DERRAMA- sos filhos!
o lugar, Senhor, Pai Santo, Deus DO POR VÓS E POR TODOS PARA
Eterno e Todo-Poderoso. Com 4C.: Acolhei com bondade no
óleo de exultação, consagrastes REMISSÃO DOS PECADOS. FAZEI vosso reino os nossos irmãos e
sacerdote eterno e rei do univer- ISTO EM MEMÓRIA DE MIM. irmãs que partiram desta vida
so vosso Filho único, Jesus Cristo, CP.: Eis o mistério da fé! N. e todos os que morreram na
Senhor nosso. Ele, oferecendo-se T.: Salvador do mundo, salvai- vossa amizade. Unidos a eles, es-
na Cruz, vítima pura e pacífica, -nos, vós que nos libertastes peramos também nós saciar-nos
realizou a redenção da humani- pela cruz e ressurreição! eternamente da vossa glória, por
dade. Submetendo ao seu poder Cristo, Senhor nosso.
toda criatura, entregará à vossa CC.: Celebrando agora, ó Pai, a me-
mória do vosso Filho, da sua pai- T.: A todos saciai com vossa glória!
infinita majestade um reino eter-
no e universal: reino da verdade e xão que nos salva, da sua gloriosa CP.: Por ele dais ao mundo todo
da vida, reino da santidade e da ressurreição e da sua ascensão ao bem e toda graça.
graça, reino da justiça, do amor céu; e enquanto esperamos a sua CP.: Por Cristo, com Cristo, em
e da paz. Por essa razão, hoje e nova vinda, nós vos oferecemos Cristo, a vós, Deus Pai todo-pode-
sempre, nós nos unimos aos an- em ação de graças este sacrifício roso, na unidade do Espírito San-
jos e arcanjos, aos querubins e de vida e santidade. to, toda a honra e toda a glória,
serafins, e a toda a milícia celeste, T.: Recebei, ó Senhor, a nossa
oferta! agora e para sempre.
cantando (dizendo) a uma só voz: T.: Amém!
Santo, Santo, Santo, Senhor, CC.: Olhai com bondade a ofe-
Deus do universo! O céu e a ter- renda da vossa Igreja, reconhe- RITO DE COMUNHÃO
ra proclamam a vossa glória. cei o sacrifício que nos reconcilia
Hosana nas alturas! Bendito o convosco e concedei que, ali- CP.: Rezemos, com amor e con-
que vem em nome do Senhor! mentando-nos com o Corpo e o fiança, a oração que o Senhor Je-
Hosana nas alturas! Sangue do vosso Filho, sejamos sus nos ensinou:
repletos do Espírito Santo e nos T.: Pai Nosso que estais nos
CP.: Na verdade, vós sois santo, ó tornemos em Cristo um só corpo Céus, santificado seja o vosso
Deus do universo, e tudo o que e um só espírito. Nome, venha a nós o vosso Rei-
criastes proclama o vosso louvor, T.: Fazei de nós um só corpo e no, seja feita a vossa vontade
porque, por Jesus Cristo, vosso Fi- um só espírito! assim na terra como no Céu. O
lho e Senhor nosso, e pela força pão nosso de cada dia nos dai
do Espírito Santo, dais vida e san- 1C.: Que ele faça de nós uma ofe-
renda perfeita para alcançarmos a hoje, perdoai-nos as nossas
tidade a todas as coisas e não ces- ofensas assim como nós per-
sais de reunir o vosso povo, para vida eterna com os vossos santos:
a Virgem Maria, Mãe de Deus, São doamos a quem nos tem ofen-
que vos ofereça em toda parte, dido, e não nos deixeis cair em
do nascer ao pôr-do-sol, um sa- José, seu esposo, os vossos Após-
crifício perfeito. tolos e Mártires, N. e todos os san- tentação, mas livrai-nos do
T.: Santificai e reuni o vosso povo! tos, que não cessam de interceder mal.
por nós na vossa presença. CP.: Livrai-nos de todos os ma-
CC.: Por isso, nós vos suplicamos: T.: Fazei de nós uma perfeita
santificai pelo Espírito Santo as les, ó Pai, e dai-nos hoje a vossa
oferenda! paz. Ajudados pela vossa miseri-
oferendas que vos apresentamos
para serem consagradas, a fim de 2C.: E agora, nós vos suplicamos, córdia, sejamos sempre livres do
que se tornem o Corpo e + o San- ó Pai, que este sacrifício da nossa pecado e protegidos de todos os
gue de Jesus Cristo, vosso Filho e reconciliação estenda a paz e a perigos, enquanto, vivendo a es-
Senhor nosso, que nos mandou salvação ao mundo inteiro. Con- perança, aguardamos a vinda do
celebrar este mistério. firmai na fé e na caridade a vossa Cristo Salvador.
T.: Santificai nossa oferenda, ó Igreja, enquanto caminha nes- T.: Vosso é o reino, o poder e a
Senhor! te mundo: o vosso servo o Papa glória para sempre!
Página 03
CP.: Senhor Jesus Cristo, disses-3. Embora tão fraco e pequeno, 1. Por causa daquele reino, mil
tes aos vossos apóstolos: “Eu voscaminho sereno com a força que vezes eu me enganei,/ Tomando
deixo a paz, eu vos dou a minha vem de ti. A cada momento que o caminho errado, errando quan-
paz”. Não olheis os nossos peca- passa, revivo esta graça de ser teu do acertei./ Chegava ao cair da
dos, mas a fé que anima a vossa sinal aqui. tarde, e eu quase sem dormir./
Igreja; dai-lhe, segundo o vosso 19. ORAÇÃO Buscando este certo reino e a
desejo, a paz e a unidade. Vós, CP.: Oremos. (Pausa) lembrança dele a me perseguir.
que sois Deus, com o Pai e o Es- Alimentados pelo pão da imorta- 2. Um filho de carpinteiro que
pírito Santo. lidade, nós vos pedimos, ó Deus, veio de Nazaré/ Mostrou-se tão
T.: Amém! que, gloriando-nos de obedecer verdadeiro, pôs vida na minha
CP.: A paz do Senhor esteja sem- na terra aos mandamentos de fé,/ Falava de um novo reino, de
pre convosco! Cristo, Rei do Universo, possamos flores e de pardais,/ De gente ar-
T.: O amor de Cristo nos uniu! viver com ele eternamente no rastando a rede, que eu tive sede
Reino dos céus. Por Cristo, nosso da sua paz.
T.: Cordeiro de Deus, que tirais Senhor.
o pecado do mundo, tende pie- T.: Amém! 3. O filho de carpinteiro falava
dade de nós! (bis) / Cordeiro de de um mundo irmão,/ De um Pai
Deus, que tirais o pecado do que era companheiro; de amor e
RITOS FINAIS libertação./ Lançou-me um olhar
mundo, dai-nos a paz!
profundo, gelando o meu cora-
CP.: Quem come minha Carne e 20. AVISOS DA COMUNIDADE ção,/ Depois me falou do mundo,
bebe meu Sangue permanece e me deu o selo da vocação.
em mim e eu nele. Eis o Cordei- 21. BÊNÇÃO FINAL (MR – p. 527)
ro de Deus, que tira o pecado do CP.: O Senhor esteja convosco. 24 - LEITURAS DA SEMANA
mundo. T.: Ele está no meio de nós! Seg: Dn 1,1-6.8-20; Cânt.: Dn
3,52.53.54-55.56-57 (R/.52b); Lc
T.: Senhor, eu não sou digno CP.: A paz de Deus, que supera todo 21,1-14. Ter: Dn 2,31-45; Cânt.: Dn
(a) de que entreis em minha entendimento, guarde vossos cora- 3,57-59.60-61(R/.59b); Lc 21,5-11.
morada, mas dizei uma pala- ções e vossas mentes no conheci- Qua: Dn 5,1-6.13-14.16-17.23-28;
vra e serei salvo (a)! mento e no amor de Deus, e de seu Dn 3,62-63.64-65.66-67(R/.59b); Lc
17. CANTO DA COMUNHÃO Filho, nosso Senhor Jesus Cristo. 21,12-19. Qui: Dn 6,12-28; Cânt.:
(Letra e melodia: www.diocesedejatai.org)
T.: Amém! Dn 3,68-70.71-72.73-74(R/.59b);
Lc 21,20-28. Sex: Dn 7,2-14; Cânt.:
1- Um dia escutei teu chamado, CP.: Abençoe-vos Deus todo-pode- Dn 3,75-77.78-79.80-81 (R/.59b); Lc
divino recado, batendo no cora- roso + Pai e Filho e Espírito Santo. 21,29-33. Sáb: André* Ap, festa. Rm
ção. Deixei deste mundo as pro- T.: Amém. 10,9-18; Sl 18(19A), 2-3.4-5 (R/5a);
messas, e fui bem depressa no Mt 4,18-22. 1º Domingo do Adven-
22. DESPEDIDA to. Leituras (Ano A): Is 2,1-5; Sl 121
rumo da tua mão. CP.: Ide em paz, e o Senhor vos (122), 1-2.4-5 (R/.cf.1); Rm 13,11-14a;
Tu és a razão da jornada! Tu és acompanhe. Mt 24,37-44 (Vigilância).
minha estrada, meu guia e meu T.: Graças a Deus.
fim. No grito que vem do teu 23. CANTO FINAL
povo, te escuto de novo chaman- Por causa de um certo reino, es-
do por mim. (Bis) tradas eu caminhei,/ Buscando,
2. Os anos passam ligeiro, me sem ter sossego, o reino que eu
fiz um obreiro, do reino de paz e vislumbrei. Brilhava a estrela
amor. Nos mares do mundo eu d´alva e eu quase sem dormir.
navego e às redes me entrego, Buscando este certo reino e a
tornei-me teu pescador. lembrança dele a me perseguir.
Rua C nº 20 - Vila Renovação - Rio Verde-GO - Fone: (64) 3613 - 5770 - CNPJ. 02.832.606/0001-19 - Redação: Oníria Guimarães
- Coord. Jesus Catarino de Oliveira - Colaboração: Pe. Vanderlei, Fernando Henrique e Pe. Jalmo Filho - Arte Gráfica: JC Oliveira

Página 04