Você está na página 1de 4

Escola

Secundária
de Paredes

9.º Ano de Escolaridade Turma K


Probabilidades

A saber . . .

ˆ Uma experiência é aleatória quando não é possı́vel prever o seu resultado, antes de realizar a experiência

ˆ Espaço de resultados ou espaço amostral: Conjunto constituı́do por todos os resultados possı́veis de uma
experiência. Representa-se por Ω, ou E ou S

ˆ Acontecimentos

– Acontecimento possı́vel: acontecimento constituı́do por, pelo menos um caso possı́vel


– Acontecimento impossı́vel: acontecimento que não contém qualquer elemento do espaço de resultados
– Acontecimento certo: acontecimento constituı́do por todos os elementos do espaço de resultados
– Acontecimento elementar: acontecimento constituı́do por um só elemento do espaço de resultados
– Acontecimento composto: acontecimento constituı́do por mais do que um elemento do espaço de
resultados

Regra de Laplace

Numa experiência aleatória de espaço de resultados Ω finito, a probabilidade de um acontecimento A

dessa experiência aleatória, é dado por:

N úmero de casos f avoráveis a A


P (A) =
N úmero de casos possíveis

1. Uma roleta está dividida em oito setores circulares geometricamente iguais e numerados de 1 a 8
Admite que quando a roleta para, após ter sido posta em movimento, a seta indica um setor e todos os
setores têm igual probabilidade de ocorrer

1.1. Indica o espaço de resultados da experiência


1.2. Indica, nesta experiência, um acontecimento: 6 7

1.2.1. elementar 5 8

1.2.2. composto mas não certo


4 1
1.2.3. certo
3 2
1.2.4. impossı́vel
Figura 1

1.3. Considera os acontecimentos:

A : ”sair um setor com número múltiplo de três”


B : ”sair um setor com número par”
1.3.1. Indica o acontecimento contrário de B

1.3.2. Representa em extensão cada um dos acontecimentos

Professor Francisco Cabral Página 1 de 4 9ºK Probabilidades


1.4. Determina a probabilidade de sair um setor com um número par
Apresenta o resultado sob a forma de fração irredutı́vel

1.5. Determina a probabilidade de sair um setor que seja divisor de seis


Apresenta o resultado sob a forma de fração irredutı́vel

2. Num saco estão as doze figuras e os quatro ases de um baralho de cartas completo (um baralho de cartas
completo tem 52 cartas)
O Rodrigo retira, ao acaso, uma carta do saco e observa o tipo de carta que saiu

2.1. Determina a probabilidade de a carta retirada pelo Rodrigo ser um rei


Apresenta o resultado sob a forma de fração irredutı́vel

2.2. Qual é a probabilidade de a carta retirada pelo Rodrigo não ser do naipe de copas
Apresenta o resultado sob a forma de fração irredutı́vel

3. Na tabela que se encontra abaixo, está a distribuição dos alunos de uma turma do sétimo ano de uma
escola secundária

12 anos 13 anos 14 anos


Rapaz 4 6 3
Rapariga 3 8 4

Tabela 1

3.1. De entre os alunos da turma, escolhe-se um ao acaso


Qual é a probabilidade de esse aluno:
3.1.1. ser rapaz e ter 12 anos?

3.1.2. ter pelo menos 13 anos?

3.1.3. não ter mais do que 13 anos e ser rapariga?

Professor Francisco Cabral Página 2 de 4 9ºK Probabilidades


4. Na figura 2 está um alvo. O quadrado exterior tem de lado 4 cm e o quadrado interior tem de lado 2 cm.
Os dois quadrados têm o mesmo centro
Todos os pontos do alvo têm igual probabilidade de serem atingidos
O Rodrigo lança um dardo e acerta no alvo

Numa das opções está a probabilidade de ter acertado na região


colorida de cinzento
Em qual delas?
1
(A)
3
1
(B)
2
1
(C)
4
3 Figura 2
(D)
4

5. Na figura 3 está uma caixa com três bolas numeradas de 1 a 3


3
1 2
.
Figura 3

5.1. Extraem-se, sucessivamente e com reposição, duas bolas da caixa e registam-se os números obtidos
5.1.1. Completa a tabela de dupla entrada seguinte de modo a determinar o número de casos possı́veis

1 2 3
1
2
3

Tabela 2

5.1.2. Determina a probabilidade de as duas bolas terem números pares

5.1.3. Qual é a probabilidade de pelo menos uma das bolas ter um número primo?

5.2. Extraem-se, sucessivamente e sem reposição, duas bolas da caixa e multiplicam-se os números obtidos
5.2.1. Completa a tabela seguinte de modo a determinar o número de casos possı́veis

× 1 2 3
1
2
3

Tabela 3

Professor Francisco Cabral Página 3 de 4 9ºK Probabilidades


5.2.2. Determina a probabilidade de o produto dos dois números ser um número ı́mpar

5.2.3. Qual é a probabilidade de o produto dos dois números ser um número superior a 2?

6. Numa caixa estão b bolas brancas e p bolas pretas


O Rodrigo introduziu na caixa uma bola preta. Depois, ao acaso, retirou uma bola da caixa

Em qual das opções está a expressão que dá o valor da probabilidade de


a bola retirada da caixa ser preta?
p
(A)
p+b
p+1
(B)
p+b ... ...
b+1
(C)
p+b+1 Figura 4
p+1
(D)
p+b+1

7. Numa caixa estão 15 bolas brancas e 6 bolas pretas, tal como se apresenta na figura 5
O Rodrigo retirou, sucessivamente e sem reposição, duas bolas da caixa

Figura 5

7.1. Qual é a probabilidade de as duas bolas serem pretas?


Apresenta o resultado sob a forma de fração irredutı́vel

7.2. Determina a probabilidade de as duas bolas terem cores diferentes


Apresenta o resultado sob a forma de fração irredutı́vel

Professor Francisco Cabral Página 4 de 4 9ºK Probabilidades