Você está na página 1de 4

INSTITUTO DE ENSINO GÊNESIS

UNIDADE CUBATÃO

Curso Operador de Processos Químicos

Wildes de Jesus S Ambires

FUNÇÕES QUÍMICAS INORGÂNICAS

Cubatão

2019
1. INTRODUÇÃO
Imagine-se chegando a um supermercado em que todos os itens das
prateleiras estivessem sem nenhuma organização: massas misturadas com bebidas,
produtos de limpeza e higiene, carnes, verduras e assim por diante. Com certeza você
demoraria horas e horas para encontrar o produto desejado. Essa situação ajuda-nos
a entender como a organização em grupos com características semelhantes é
importante e facilita a vida das pessoas.

Na Química, ocorre o mesmo. Com o passar do tempo e com a descoberta de


milhares de substâncias inorgânicas, os cientistas começaram a observar que alguns
desses compostos poderiam ser agrupados em famílias com propriedades
semelhantes: as funções inorgânicas.

1.1. Funções Químicas Inorgânicas


Na Química Inorgânica, as quatro funções principais são: ácidos, bases, sais
e óxidos. As primeiras três funções são definidas segundo o conceito de Arrhenius.

Ácidos:

São compostos covalentes que reagem com água sofrem ionização e formam
soluções que apresentam como único cátion o hidrônio (H3O1+) ou, conforme o
conceito original e que permanece até hoje para fins didáticos, o cátion H1+.

a) Equações de ionização de ácidos

H2SO4 → H3O1+ + HSO41- ou H2SO4 → H1+ + HSO4-


HCl → H3O1+ + Cl1- ou HCl → H1+ + Cl1-
b) Ácidos principais:

 Ácido Sulfúrico (H2SO4)


 Ácido Fluorídrico (HF)

 Ácido Clorídrico (HCl)

 Ácido Cianídrico (HCN)

 Ácido Carbônico (H2CO3)

 Ácido fosfórico (H3PO4)


 Ácido Acético (H3CCOOH)
 Ácido Nítrico (HNO3)

Bases

São compostos capazes de dissociar-se na água, liberando íons, mesmo


em pequena porcentagem, e o único ânion liberado é o hidróxido (OH1-).

Sais

São compostos capazes de se dissociar na água, liberando íons, mesmo


em pequena porcentagem, dos quais pelo menos um cátion é diferente de
H3O1+ e pelo menos um ânion é diferente de OH1-.

Óxidos
São compostos binários formados por apenas dois elementos químicos,
e o oxigênio é o elemento mais eletronegativo.
A teoria da Dissociação Iônica proposta pelo sueco Svante Arrhenius, pois ela é
a base da classificação das funções inorgânicas principais. Em 1884, Arrhenius
realizou vários experimentos para explicar a condutividade de algumas soluções.

Ele descobriu que a condutividade elétrica das soluções dependia da


existência de íons, que eram os responsáveis por transportar a carga. Arrhenius
chegou, então, à conclusão de que as soluções iônicas transportavam corrente
elétrica porque os seus íons, que antes estavam em um aglomerado iônico, eram
separados quando colocados em água. A esse fenômeno ele deu o nome
de dissociação iônica.

2. CONCLUSÃO

Ao termino desta pesquisa, podemos concluir que o as substâncias químicas


foram divididas em grupos, que nada mais são que conjuntos de substâncias que
apresentam propriedades químicas semelhantes, por possuírem estruturas
semelhantes.
Sendo as duas principais funções: funções orgânicas e funções inorgânicas.

3. REFERÊNCIAS

Brasilescola: https://brasilescola.uol.com.br/quimica/funcoes-inorganicas.htm

Mundoesducação:https://mundoeducacao.bol.uol.com.br/quimica/funcoes-
inorganicas.htm