Você está na página 1de 3

8ºAno

NOME: _______________________________________________________ n.º______ t: _____


Rub. Prof. _______________ Enc. Educ. _______________AVALIAÇÃO:_______________________
Depois de leres o conto "História da Gata Borralheira" de Sophia de Mello B. Andresen, coloca à
frente das afirmações a resposta " Verdadeiro" ou "Falso" consoante o que leste no conto.

1. O Conto “História da Gata Borralheira”, de Sophia de Mello Breyner, é um conto popular.


2. Sophia de Mello Breyner Andresen é autora de muitos contos populares.
3. A protagonista do conto lido é a Cinderela.
4. A protagonista do conto chama-se Lúcia.
5. O Baile ocorreu numa noite de Agosto.
6. Do jardim via-se a casa, grande, cor-de-rosa e antiga.
7. Lúcia era uma jovem de dezasseis anos.
8. Lúcia foi ao baile com os pais e irmãos.
9. A filha da dona da casa não apresentou Lúcia às amigas.
10. Lúcia ficou só, ninguém a convidou para dançar.
11. O vestido de Lúcia era de seda azul.
12. Lúcia achou o seu vestido muito bonito.
13. Lúcia sempre sonhara ir a um baile.
14. Lúcia encontrou no sótão uns sapatos rotos.
15. Um rapaz alto e moreno sorriu para Lúcia.
16. Lúcia dançava no meio da sala quando caiu.
17. Com vergonha, Lúcia decidiu ir viver só.
18. Depois Lúcia casou com um homem muito rico.
19. E passaram 15 anos.
20. Numa manhã de Maio Lúcia recebe um convite.
21. Lúcia mandou fazer uns sapatos bordados a ouro.
22. A meio da noite ela voltou à sala onde se escondera há anos atrás.
23. Ao clarear do dia, encontraram Lúcia desmaiada no chão.
24. Lúcia tinha um sapato esfarrapado no pé direito.

BOM TRABALHO!

A professora:
Resolução da Ficha de leitura: "História da Gata Borralheira", in Histórias da Terra e do Mar, de
Sophia de Mello Breyner Andresen, Texto Editora, 1992

1. Não, é um conto de autor.

2. Não, é uma escritora de contos de obras de autor.

3. Não.

4. Sim.

5. Falso - "Era uma jovem noite de Junho, ..." - Pág. 9

6. Verdadeiro - "Do jardim via-se a casa, uma casa grande, cor-de-rosa e antiga..." - Pág. 9

7. Falso - "Lúcia tinha dezoito anos e era este o seu primeiro baile." - Pág. 10

8. Falso - "Tinha vindo com a sua Tia, que era sua madrinha." - Pág. 10

9. Falso - "A filha da dona da casa apresentou Lúcia às amigas." - Pág. 12

10. Verdadeiro - "Lúcia ficou sozinha. Ninguém a tinha convidado para dançar." - Pág. 12

11.Falso - "O vestido era de seda lilás." - Pág. 15

12.Falso - "Lúcia achou o vestido muito feio..." - Pág. 15

13.Verdadeiro - "Sempre sonhara ir a um baile." - Pág. 16

14. Verdadeiro - "Em casa fez uma busca ao sótão....os sapatos estavam em mau estado com o
forro azul roto nas biqueiras e aqui e além manchas de bolor." - Pág. 17

15. Verdadeiro - "Estava a dançar com um rapaz alto, bonito, moreno." - Pág. 23

16. Falso - "Estavam agora dançando no meio da sala...quando o sapato esquerdo escorregou do
pé de Lúcia." - Pág. 27

17 Falso - "Daí a dias Lúcia foi viver com a Tia." - Pág. 35

18. Verdadeiro - "Casou com um homem rico que depois de ter casado com ela se tornou cada vez
mais rico." - Pág. 35

19. Falso - "E assim passaram 20 anos." - Pág. 36

20. Verdadeiro - "E nesse vigésimo ano, em certa manhã de Maio, Lúcia recebeu um convite." -
Pág. 36

21. Falso - "...dizia-se que Lúcia mandara fazer uns sapatos bordados de brilhantes verdadeiros." -
Pág. 37

22. Verdadeiro - " Era já o meio da noite quando disse a si própria: - Agora tenho de voltar àquela
sala onde há vinte anos me fui esconder." - Pág. 39

23. Falso - "Quando ao clarear do dia encontraram Lúcia morta na varanda..." - Pág. 43

24. Falso - "Mas o inexplicável era o facto dela ter no pé esquerdo um sapato forrado de seda
azul..." - Págs. 43/44