Você está na página 1de 4

Escola Secundária Domingos Rebelo

MATEMÁTICA – 10º Ano


Ficha de apoio às aulas de Lógica Bivalente
osições e valores lógicos
2018-2019
.

A origem da Lógica – palavra que deriva do grego e significa etimologicamente ciência do raciocínio –

situa-se na Grécia antiga, sabendo-se que Aristóteles, antes de 300 a. C., havia já identificado bastantes
regras de silogismo, isto é, formas elementares do raciocínio dedutivo.

Apesar de algumas tentativas importantes, como a do matemático e filósofo alemão Leibniz (1646-1716)
que procurou criar uma linguagem universal para toda a Ciência, só no século XIX a lógica aristotélica foi
verdadeiramente retomada e começou a ser completada. O papel de percursores da lógica moderna é
geralmente atribuído aos matemáticos ingleses Boole (1815-1864) e De Morgan (1806 -1878) que iniciaram
a algebrização da logica, introduzindo o conjunto dos valores lógicos, {V, F}, e estudando as operações
lógicas, suas propriedades e regras de cálculo.

Hoje, a lógica estuda-se aprofundadamente, como disciplina própria, embora em muitos estudos com
ligação estreita e aplicação às teorias matemáticas. Entretanto, a par da lógica clássica, surgiram e são
atualmente alvo de investigação outras lógicas.

A inclusão de algumas noções de lógica no programa de Matemática do 10º ano não tem, contudo, o
propósito do tratamento aprofundado da lógica nem do seu estudo como disciplina própria. Pretende-se
apenas – a par de chamar a atenção para formas não válidas de raciocínio dedutivo – introduzir algumas
noções e símbolos (e regras obre o seu emprego) que contribuem para a unificação da linguagem Matemática,
para lhe conferir maior rigor e evitar ambiguidades.

Proposições e valores lógicos

 Um termo ou designação é uma expressão que nomeia ou designa um ente.


 Uma proposição é toda a expressão que é suscetível de ser verdadeira ou
falsa.
 O universo dos valores lógicos é {V, F} correspondente a verdade ou
falsidade.
 Duas proposições p e q dizem-se equivalentes quando e apenas quando p e
q têm o mesmo valor lógico e escreve-se: p ⇔ q

Princípio da não contradição

Uma proposição não pode ser simultaneamente verdadeira e falsa.

1
Princípio do terceiro excluído

Uma proposição é verdadeira ou é falsa.

Operações lógicas

2
Propriedades das operações lógicas

33
Propriedades da Conjunção

 Idempotência: p ∧ p ⇔ p

● Comutativa: p ∧ q ⇔ q ∧ p

● Associativa: (p ∧ q) ∧ r ⇔ p ∧ (q ∧ r)

● Elemento neutro na conjunção: p ∧ V ⇔ V ∧ p ⇔ p

 Elemento absorvente da conjunção: p ∧ F ⇔ F ∧ p ⇔ F

Propriedades da Disjunção
 Idempotência: p ∨ p ⇔ p

● Comutativa: p ∨ q ⇔ q ∨ p

● Associativa: (p ∨ q) ∨ r ⇔ p ∨ (q ∨ r)

● Elemento neutro na conjunção: p ∨ F ⇔ F ∨ p ⇔ p

 Elemento absorvente da conjunção: p ∨ V ⇔ V ∨ p ⇔ V

Propriedade distributiva:

 A conjunção é distributiva em relação à disjunção:

𝑝 ∧ (𝑞 ∨ 𝑟) ⟺ (𝑝 ∧ 𝑞) ∨ (𝑝 ∧ 𝑟)

 A disjunção é distributiva em relação à conjunção:

𝑝 ∨ (𝑞 ∧ 𝑟) ⟺ (𝑝 ∨ 𝑞) ∧ (𝑝 ∨ 𝑟)

Primeiras Leis de De Morgan

 ~ (𝑝 ∧ 𝑞) ⟺ ~ 𝑝 ∨ ~ 𝑞
 ~ (𝑝 ∨ 𝑞) ⟺ ~ 𝑝 ∧ ~𝑞