Você está na página 1de 4

Proposta Media Training

O que é Assessoria de Comunicação


A Assessoria de Comunicação (ASCOM) é a área responsável por facilitar
o relacionamento institucional com a imprensa e a comunidade. Na medida em
que uma instituição cresce, ganha mais visibilidade, portanto, precisa prezar por
sua sustentação por meio de uma boa reputação. Por mais que a qualidade e a
credibilidade estejam imbuídas na instituição, estas qualidades precisam ser
comunicadas ao público.
A ASCOM cria narrativas em torno dos serviços da Universidade, que
podem torna-se notícias nos veículos de comunicação. A promoção da
instituição ocorre por meio de mídia espontânea, espaços não pagos dentro dos
grandes veículos de comunicação. Além disso, alimenta e monitora redes sociais
e site da instituição.
As atividades desenvolvidas no campo jornalístico correspondem ao envio
de releases, material informativo distribuído na imprensa, afim de gerar notícias
sobre a instituição no âmbito do ensino, pesquisa e extensão.

O que é media training


É o treinamento de mídia, processo prático para treinamento de porta-
vozes de uma organização, visando a capacitação destes para o relacionamento
com a imprensa. No processo de media training todos os aspectos que envolvem
a comunicação com os meios de comunicação e o público são levados em
consideração. O porta-voz deve sempre estar com o pensamento alinhado à
instituição, por isso é necessário conhecer todo funcionamento da organização,
pois não é aconselhável deixar dúvidas ao público.

Tipos de Entrevistas
TV
Nas entrevistas para televisão os porta-vozes deverão se preocupar com
a postura, o vestuário (traje) evitando cores e estampas chamativas ou com
manchas. O corpo também se comunica, a expressão corporal é muito
importante, por isso o gestual deve ser levado em consideração, atentar para os
movimentos do corpo, principalmente das mãos. Roupas muito decotadas e
justas, devem ser evitadas pelas mulheres.
Embora o contato visual com a câmera seja valido, no momento de
responder as perguntas o ideal é que o contato maior seja com o jornalista,
lembrando que a entrevista é uma conversa em que o telespectador apenas
assiste, não participa. O porta voz precisa atentar para a postura, deve encontrar
uma postura ideal, de forma que esteja confortável e equilibrado.

Rádio
É importante lembrar que o rádio possui longo alcance, atingindo setores
diferentes da sociedade. Geralmente as pessoas ouvem o rádio fazendo outras
atividades, assim é necessário ser objetivo, vá direto ao assunto, falar
pausadamente e repetir as informações principais. Ao contrário do impresso, por
ser instantâneo as informações podem passar despercebidas pelo ouvinte. É
importante evitar termos técnicos, pois grande parte dos ouvintes não estão
familiarizados. Se houver necessidade de usar siglas, que sejam identificadas,
exemplo (Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação-PROPGI).

Jornais/Revistas
Seja paciente, geralmente as entrevistas são gravadas em áudio, fale com
calma, pronunciando bem as palavras para que possa ser entendido e para que
o jornalista possa fazer anotações.

Sites
Seja acessível e esteja disponível, as entrevistas para internet ocorrem de
forma muito mais instantânea e urgente em comparação aos outros veículos de
comunicação. Por possuir essas características é bem mais passível de correção
que os demais, caso alguma informação tenha sido passada equivocadamente
pode ser solicitado ao veículo que faça a correção.

Telefone
Entrevistas também podem ocorrer por telefone, geralmente vindas de
jornais, revistas e sites. Nessas entrevistas fale com clareza e pausadamente
para que o jornalista tenha tempo de anotar as suas respostas.

E-mail
As entrevistas por e-mail, são solicitadas muitas vezes, também, por
jornais, revistas e sites. Nesses casos é ideal prezar pela objetividade, ir direto
ao assunto. Se você não for a pessoal ideal para falar do assunto, encaminhe o
jornalista à pessoa certa.

Dicas para todas as entrevistas


 Chegue sempre com antecedência para receber as orientações
necessárias do veículo de comunicação;
 Seja simpático;
 Converse antes com o jornalista para se familiarizar;
 Mantenha a calma;
 Cumprimente sempre (bom dia, boa tarde, boa noite);
 Não pegue o microfone, este é o instrumento de trabalho do repórter, ele
irá direcionar no memento certo;
 Se não souber, não responda, responda apenas as perguntas da sua área
de conhecimento;
 Fale sempre com clareza e objetividade;
 Ao terminar agradeça.

Palavras chaves
Lembrando que tudo deve contribuir para a sustentação da universidade,
em momentos oportunos, quando couber, inserir palavras chaves nas repostas
de forma a fortalecer a instituição.
 Universidade Regional;
 Autônoma;
 Em crescimento;
 Excelência no ensino;
 (.....)
Oficina
Entrevista
Situação hipotética

Uma entrevista foi marcada às 12h para televisão, o objetivo é divulgar os


resultados de uma pesquisa. Esperava-se, que os dados estivessem prontos na
manhã em que a entrevista seria concedida, porém não ficaram prontos a tempo.
Não é mais possível desmarcar a entrevista, você precisa comparecer.

Formular perguntas.....

Crise
Situação hipotética

Uma entrevista foi marcada na universidade, no dia e hora o repórter


comparece, o assusto seria sobre a I Semana Acadêmica de Pesquisa, Inovação
e Extensão. Ao chegar o repórter recebe a informação de dois alunos sobre corte
no auxílio de bolsas de extensão.
Ele faz a primeira pergunta relacionada a Semana Acadêmica, mas
direciona a segunda para o corte de bolsas. O porta voz não tem conhecimento
do assunto. Como agir?

Testar a paciência do entrevistado.


Formular perguntas......

Sugestão
Banco de dados

Montar banco de dados dos professores pesquisadores, com suas respectivas


formações, especializações, e-mail, número de telefone e endereço, de forma a
facilitar o encaminhamento de entrevistas para a imprensa, quando solicitado a
Ascom. Orienta-los a entrar em contato com a Ascom, quando a entrevista for
solicitada a eles, sem ter passado pela Assessoria de Comunicação.

Você também pode gostar