Você está na página 1de 5

DEFUMAÇÃO

Defuma com as ervas da Jurema.

Defuma com as ervas da Jurema.


Defuma com arruda e guiné. (2x)
Alecrim, benjoim e alfazema.
Vamos defumar filhos de fé (2x)
Defuma...

Nossa Senhora Incensou a Jesus Cristo

Nossa Senhora incensou a Jesus Cristo


Jesus Cristo incensou aos filhos seus
Eu incenso, eu incenso essa casa
Na fé de Oxóssi, de Ogum e Oxalá (2x)
Estou incensando, estou defumando
A casa do Bom Jesus da Lapa (2x)

Nossa Senhora incensou a Jesus Cristo...


Jesus Cristo incensou aos filhos seus
Eu incenso, eu incenso essa casa
Na fé de Oxóssi, de Ogum e Oxalá (2x)
Estou incensando, estou defumando
A casa do Bom Jesus da Lapa (2x)

Nossa Senhora incensou a Jesus Cristo...


Jesus Cristo incensou aos filhos seus
Eu incenso, eu incenso essa casa
Na fé de Oxóssi, de Ogum e Oxalá (2x)

HINO DA UMBANDA

Refletiu a luz divina


Com todo seu esplendor
É no reino de Oxalá.
Aonde há paz e amor
Luz que refletiu na terra
Luz que refletiu no mar
Luz que veio, de Aruanda
Para nos iluminar
A Umbanda é paz e amor
É um mundo cheio de luz
É a força que nos dá vida e a grandeza nos conduz.
Avante filhos de fé,
Como a nossa lei não há,
Levando ao mundo inteiro
A Bandeira de Oxalá! (2x)
Refletiu a luz divina...
HINO DOS ORIXAS

Penso no dia que logo vai nascer


E o meu peito se enche de emoção
A esperança embate o meu ser
Eu sou feliz e gosto de viver.
Pela beleza dos raios da manhã
Eu te saúdo Mamãe Iansã
Pela grandeza das ondas do mar
Me abençoe Mamãe Iemanjá
A mata virgem tem seu semeador
Ele é Oxóssi Oke Oke Aro!
Na cachoeira eu vou me refazer
Nas águas claras de Oxum ai eio
Se a injustiça faz guerra de poder
Valha-me a espada de Ogum, Ogunhê
Não há doença que venha me vencer
Sou protegido (a) de Obaluaê
Eu sou de Paz
Mas sou um lutador
A minha lei quem dita é Xangó
A alegria já tem inspiração
Na inocência de Cosme e Damião
Não tenho medo
Vou ter medo de que?
Tenho ao meu lado Nanã Boruque
E essa luz que vem de OXALÁ
Tenho certeza vai me iluminar...
Penso no dia que logo vai nascer
E o meu peito se enche de emoção
E essa luz que vem de OXALÁ
Tenho certeza vai nós ILUMINAR! (4x)

Oração das 7 Linhas de Umbanda


Oxalá,
Mestre Supremo,
Vós que refletis o princípio criador,
Que sois o vento solar, a ciência do verbo sublime;
Que fazeis a supervisão de todos os Orixás na Terra,
Sendo a Luz do Senhor Deus Pai,
A consciência cósmica movedora dos universos, abençoe-nos.
Iemanjá,
Rainha dos Mares,
Vós que simbolizais em vossas cristalinas águas,
Toda a verdade e pureza dos mundos terrestre e astral,
No poderio de vosso reino líquido,
Símbolo da procriação e da maternidade, valei-nos.
Xangô,
Poderoso Orixá da Justiça,
Da lei correta, do direito aplicado eticamente,
Dono das pedreiras, raios e trovoadas,
Juntamente com Iansã, Oxum e Obá.
Dos locais virgens onde vos encontrais, intercedei por nós.
Ogum,
Que sois o Orixá das guerras espirituais,
Do ferro e dos metais,
O Senhor das batalhas astrais,
Que atendeis nas lutas relativas às demandas materiais,
Rogai por nós.
Oxóssi,
Rei das Matas, florestas e selvas virgens,
Caçador de almas perdidas,
Defensor da fauna e da flora silvestre, que,
Juntamente com Ossãe,
A deusa das ervas medicinais,
Protegeis a pureza e a essência do ambiente
Astral de nossas matas, sede por nós.
Yorimá,
Grandioso chefe da linha de Pretos-Velhos,
Ancestrais de nossos escravos humildes,
Compreensivos e dominadores das curas pelas ervas,
Simpatias e sábios conselhos reeducativos,
Aliviai-nos em nossas dores e sofrimentos.
“Ibeiji, Iori e Erê Superior,
Que simbolizais a simplicidade,
A graça infantil e a inocência das crianças,
Segundo a orientação do Mestre Oxalá,
De que o reino dos Céus pertence aos pequeninos,
Que são isentos de maldade”,
Ajudai-nos no que for possível.
Assim seja.
Amém.
CREDO UMBANDISTA

Creio em Olorum,
Onipotente e Supremo;
Creio nos Orixás e nos Espíritos Divinos
Que nos trouxeram para a Vida
Por vontade deste majestoso Pai.
Creio nas Falanges Espirituais,
Orientadores os Homens na vida terrena;
Creio na Lei da Reencarnação e na Justiça Divina,
Segunda a Lei do Carma;
Creio na comunicação do Guias Espirituais,
Encaminhando-nos para a Caridade
E a prática do bem;
Creio na Invocação, na Prece e na Oferenda,
Com atos de fé,
E creio na Umbanda,
Como religião redentora,
Capaz de nos levar pelo caminho da Evolução
Até nosso Pai Olorum.
Gloria a Olorum.

PAI NOSSO DE UMBANDA

Pai Nosso que estais nos céus,


Nas matas, nos mares,
E em todos os mundos habitados.
Santificado seja o Teu nome,
Pelos teus filhos, pela natureza,
Pelas águas pela luz e pelo ar que respiramos.
Que o Teu Reino,
Reino do Bem, do Amor, e da Fraternidade,
Nos una a todos e a tudo que criastes,
Em torno da Sagrada Cruz,
Aos pés do Divino Salvador e Redentor.
Que a Tua vontade nos conduza
Sempre para o culto do Amor e da Caridade.
Dai-nos hoje e sempre a vontade firme
Para sermos virtuosos e úteis aos nossos semelhantes.
Dai-nos hoje o pão do corpo,
O fruto das matas e a água das fontes
Para o nosso sustento material e espiritual.
Perdoa, se merecermos, as nossas faltas
E dá o sublime sentimento do perdão
Para os que nos ofendam.
Não nos deixeis sucumbir, ante a luta, dissabores, ingratidões,
Tentações dos maus espíritos, e ilusões pecaminosas da matéria.
Enviai Pai, um raio de Tua Divina Complacência,
Luz e Misericórdia para os Teus filhos pecadores que aqui habitam,
Pelo Bem da Humanidade, nossa irmã.
Assim seja!

SAUDAÇÃO ÀS SETE LINHAS DE UMBANDA


Quando os caboclos
Trazem as folhas da Jurema.
E os Pretos Velhos
Trazem arruda e guiné.

Eles vêm trabalhar na lei de Umbanda.


Tem licença de Aruanda
Pra salvar a quem tem fé. (2x)
O sabiá canta alegre na palmeira.
E Xangô lá na pedreira
Os seus filhos vêm salvar.

Meu pai Ogum


Empunhando a sua espada
Manda um toque de alvorada
Toda a linha vai chegar. (2x)
Quando os caboclos...

Tambor vai chamar quem mora longe

Tambor, tambor
Vai chamar quem mora longe, é tambor (2x)
É Oxóssi na Mata
Xangô na Pedreira
Ogum no Humaitá
Mamãe Oxum nas Cachoeiras.

Tambor, tambor...

Tambor, tambor...

Você também pode gostar