Você está na página 1de 11

17/10/2019

Chile
Área: 756.950 km²

População: 17.574.003 (2017)


Mulheres: 51,1%
Homens: 48,9%

0-14 anos: 20,1% 15-64 anos: 68,5% 65+ anos:


11,4%

Definições
Lei 20.422/2010:

Artigo 5º. - Pessoa com deficiência é aquela que tendo uma ou


mais deficiências físicas, mentais, seja por causa psíquica ou
intelectual, ou sensorial, de caráter temporal ou permanente, ao
interagir com diversas barreiras presentes no seu entorno, vê
restringida sua participação plena e efetiva na sociedade, em
igualdade de condições com as demais.

1
17/10/2019

Estatística
II Estudio Nacional de la Discapacidad (2015)
População de dois anos de idade ou mais (16.991.337)

2
17/10/2019

Adultos

Crianças e
Adolescentes

3
17/10/2019

Educação - Adultos

Educação - Crianças
e Adolescentes

4
17/10/2019

Breve Histórico
Escudero (2009):

1. Período do Surgimento da Educação Especial e os Grandes Esforços (1852-


1926): primeira escola para surdos (1852), em Santiago.
2. Período do Desenvolvimento dos Principais Precursores da Educação Especial
(1927-1964): se destaca atenção particular para crianças “indigentes” por meio
de internatos.
3. Período da Consolidação e das Grandes realizações científicas (1964-1980):
investimentos na formação de professores em Educação Especial, surgem
cursos e grupos de pesquisa, aprovação de decretos com Planos e Programas
de Estudos para Educação Especial, departamento específico no Ministério da
Educação, aumento de escolas especiais e de grupos diferenciais nas escolas
regulares.

Breve Histórico
➢ Começou-se a demonstrar preocupação com a aprendizagem de pessoas com
deficiência mental
➢ Início do período militar (1973): série de medidas transformaram a política
educacional, destacando-se a formalização de Planos e Programas para
Educação Especial
➢ Centro de Perfeccionamiento, Experimentación e Investigaciones Pedagógicas:
subprograma chamado Desenvolvimento da Educação Diferencial
➢ Relatório El fracaso escolar básico y sus consecuencias en la educación, salud y
economía: resultou no I Seminário sobre Educação Especial e criação de
comissão com o objetivo de buscar soluções para os problemas levantados
durante o evento

5
17/10/2019

Breve Histórico
➢ Resultado: estabelecimento de centros de diagnósticos, criação de cursos de
especialização para formar professores e de um Centro de Formação e
Especialistas na Universidade do Chile (Santiago), aumento de criação de
escolas especiais privadas e associações
➢ Decreto 457/1976 e Decreto 1861/1979: Grupos Diferenciais nas escolas
básicas e nos liceus de Ensino Médio, com o objetivo de reduzir os índices de
repetência e evasão, possibilitando atendimento diferenciado paralelo ao
regular aos alunos com dificuldades de aprendizagem
➢ Maior contato entre professor de sala regular e professor do grupo diferencial
➢ 1978: inclusão de conceitos chaves pelo Ministério da Educação como o
princípio de integração e adoção da terminologia necessidades educativas
especiais

Breve Histórico
➢ Década de 80: mudança de perspectiva, incorporação de alunos com
deficiências sensoriais ao ensino regular com redução na quantidade de
disciplinas e avaliação diferenciada
➢ Fim do período militar (1990): ênfase na equidade nas políticas educacionais
(UNESCO e UNICEF)
➢ Integrar os alunos com deficiência à educação regular, perspectiva inclusiva,
abandonar o enfoque médico e centrado no aluno e suas dificuldades,
aumentando o foco na escola como um todo
➢ UNESCO e UNICEF: encontros e elaboração de declarações e compromissos
com objetivo de universalizar o acesso à educação, fomentar a equidade,
reduzir as desigualdades e suprimir as discriminações

6
17/10/2019

Marcos Legais e Normativos


➢ Decreto 490/1990: Estabelece normas para integrar alunos com deficiência em
estabelecimentos de educação regular
➢ Lei 19.284/1994: Estabelece normas para plena integração social de pessoas
com deficiência
➢ Decreto 1/1998: Regulamenta o capítulo II título IV da Lei nº 19.284 que
estabelece normas para a integração escolar de alunos e alunas com
necessidades educativas especiais
➢ 2004: elaborado um Informe pela Comissão de Especialistas da área (Ministério
da Educação), Novas Perspectivas e Visão da Educação Especial
➢ Documento apresenta marco conceitual da EE, seguindo a tendência mundial
de promover a participação de todos os alunos na escola regular, incorporar
gradualmente -> integração

Marcos Legais e Normativos


➢ Política Nacional de Educação Especial (2005)
➢ Educação Especial: modalidade do sistema educativo que desenvolve sua ação
de maneira transversal nos distintos níveis, tanto dos estabelecimentos de
educação regular como especial, provendo um conjunto de serviços, recursos
humanos, técnicos, conhecimentos especializados e ajuda para atender as
necessidades educativas especiais que possam apresentar alguns alunos de
maneira temporal ou permanente ao longo de sua escolaridade
➢ Exige práticas pedagógicas inovadoras e flexíveis
➢ Adaptações curriculares são modificações que se dão em distintos elementos
do currículo
➢ Modificações também incluem a forma de ensinar e as interações dentro da sala
de aula

7
17/10/2019

Marcos Legais e Normativos


➢ Lei nº 20.422/2010 - Estabelece normas sobre igualdade de oportunidades e
inclusão social de pessoas com deficiência
➢ Parágrafo 2º. - Educação e inclusão escolar
➢ O Estado garantirá às pessoas com deficiência o acesso aos estabelecimentos
públicos e privados do sistema de educação regular ou aos estabelecimentos de
educação especial
➢ As escolas contemplarão planos para alunos com necessidades educacionais
especiais e incentivarão a participação de toda a equipe de escolar
➢ Estabelecimentos de ensino regular devem incorporar inovações e adequações
curriculares, de infraestrutura e materiais de apoio necessários
➢ As escolas especiais poderão prover recursos especializados e prestar serviços
e assessorias aos estabelecimentos de educação regular

8
17/10/2019

Marcos Legais e Normativos


➢ Propuestas para avanzar hacia un sistema educativo inclusivo en Chile: Un
aporte desde la educación especial (2015)
➢ Elaborado por uma comissão de especialistas constituída por membros do
MINEDUC em colaboração com universidades, fundações, associações e
organizações multilaterais
➢ Mudança conceitual: documento baseia-se na discussão acerca do termo
inclusão em relação ao direito e redução de “barreiras que limitam o acesso,
progresso, participação, aprendizagem e desenvolvimento integral de todas as
pessoas” (MINEDUC, 2015, p. 5)
➢ Preocupação com o acesso escolar e com a participação dos estudantes no
sistema educacional e as formas de apoio que receberão
➢ Qualidade educacional e justiça social

Educação Especial e Inclusiva no Chile Hoje


➢ Segue a Política de Educação Especial (2005)
➢ Serviços: Escolas Especiais e Centros de Capacitação Profissional, atendendo
alunos com deficiências diversas (motoras, sensoriais, intelectuais, etc)
➢ Escolas regulares:

Projeto de Integração Escolar (PIE), organização que envolve professores,


outros profissionais e organização curricular para integração escolar de
estudantes com necessidades educacionais transitórias ou permanentes,
funciona majoritariamente em escolas municipais;

Grupos Diferenciais para alunos que apresentem dificuldades de aprendizagem


no dia-a-dia; aqui ainda aparecem as escolas e classes hospitalares para crianças
que se encontram hospitalizadas

9
17/10/2019

Educação Especial e Inclusiva no Chile Hoje


➢ Público-alvo:
Aluno que apresenta necessidades educacionais especiais: aluno que precisa de
ajuda e recursos adicionais, sejam recursos humanos, materiais ou pedagógicos,
para conduzir seu processo de desenvolvimento e aprendizagem, e contribuir a
alcançar as finalidades da educação.

Necessidades educacionais de caráter permanente ou transitório

➢ Adaptações e flexibilizações:
Necessário que professores de educação especial e outros profgissionais atuem
como apoio ao ensino regular. Equipe multidisciplinar para atuar na avaliação e
definição das necessidades educacionais dos estudantes.

Educação Especial e Inclusiva no Chile Hoje


➢ A educação especial no Chile se caracteriza por atender predominantemente
aos estudantes com necessidades especiais permanentes nas escolas especiais
➢ Baseia-se nos conceitos de integração e de atenção à diversidade
➢ Integração escolar: processo gradual e parcial. Escolas especiais são tratadas
como instituições que têm uma grande tradição no setor e devem ser
fortalecidas, inclusive com financiamento do Estado
➢ Educação especial engloba classes hospitalares: modalidade de atendimento
que oferece educação compensatória aos alunos e alunas da educação básica,
regular e especial que devido à sua condição de saúde necessitam permanecer
em hospitais ou tratamento ambulatorial por um longo período (mínimo três
meses).

10
17/10/2019

Educação Especial e Inclusiva no Chile Hoje


➢ Decreto 83/2015 - Diversificação do ensino
➢ Desenho Universal de Aprendizagem (DUA): “resposta à diversidade, cujo fim é
maximizar as oportunidades de aprendizagem de todos os estudantes,
considerando a ampla gama de habilidades, estilos de aprendizagem e
preferências”
➢ Princípios:
➢ Proporcionar múltiplos meios de apresentação e representação
➢ Proporcionar múltiplos meios de execução e expressão
➢ Proporcionar múltiplos meios de participação e compromisso

Conclusão
➢ A Educação Especial no Chile mantém o caráter de conhecimento específico de
seus professores e de necessidades próprias dos estudantes. Além disso, as
novas indicações curriculares remetem para o desenho universal associado ao
currículo nacional, com planos individualizados quando “necessário”,
valorizando as noções de diversificação e flexibilidade no currículo. Por outro
lado, mantém o sentido de gestão privada da Educação Especial mediante a
ação de instituições não públicas e não regulares que atuam no setor.
➢ Refere-se ao seu alunado com o termo “com necessidades educacionais
especiais”, onde há os grupos “transitórios” e “permanentes”, na qual a
tendência é a maior presença dos transitórios nas escolas regulares e os
permanentes nas escolas especiais.

11