Você está na página 1de 5

02/10/2010

Resumo: Sistemas de preparo do solo,


sistemas de semeadura, espaçamento e
densidade de semeadura

MANEJO FÍSICO DO SOLO

Introdução
Objetivos:
→ práticas distintas em função do ecossistema de cultivo;
→ para manejar eficientemente o solo deve-se adotar algumas práticas
agronômicas e alguns critérios como condição de umidade e
necessidade de descompactação

Práticas Agronômicas
→ seleção de glebas em função da capacidade de uso da terra;
rotação de cultura;

Considerações para realizar o preparo do solo


→ condição de umidade;
→ necessidade de descompactação

1
02/10/2010

SISTEMAS DE PREPARO DO SOLO NO ECOSSISTEMA DE TERRAS


ALTAS (sistema de sequeiro e sistema irrigado por aspersão)

1. Área Bruta (Sistema de sequeiro)

2. Área já cultivada (Sistemas de sequeiro e irrigado por aspersão)

2.1. Preparo com arado de disco = aração + 2 a 3 gradagem

2.2. Preparo com grade aradora = 2 passagens ou 1 + 1 ou 2 niveladas

2.3. Preparo com arado de aiveca (“Aração invertida”) = arado de


aivecas + grade aradora ou niveladora

2.4. Preparo mínimo = arado escarificador (rolo descompactador) →


permite solo seco

2.5. Plantio direto

SISTEMAS DE PREPARO DO SOLO NO ECOSSISTEMA DE VÁRZEAS


(Sistema de várzeas úmidas e irrigado por inundação)

1. Sistema de várzeas úmidas (Drenagem final do período + roçada ou


fogo + incorporação), porém não faz o aplainamento. Preparo de solo
propriamente dito (idem ao Ecossistema de Terras Altas)

2. Sistema irrigado por inundação (limpeza de canais + reforma de


taipas + roçada + incorporação + aplainamento)

2.1. Solo seco


Idem ao Ecossistema de terras altas

2.2. Solo parcial ou totalmente inundado


→ Pré-germinado
→ Mudas

2
02/10/2010

1ª Fase
→ aração e destorroamento com grade de disco ou enxada rotativa, em
solo seco – a lama é formada após inundação;

→ aração em solo úmido seguindo-se o destorroamento, sob inundação


com enxada rotativa ou com as próprias rodas do trator, adaptadas para
tal finalidade;

→ uso de enxada rotativa, preferencialmente em solo inundado, repetindo


a operação, caso necessário, para proporcionar melhor incorporação
dos resíduos vegetais (cultura anterior e plantas daninhas)

2ª Fase
→ renivelamento e o alisamento utilizando-se pranchões alisadores feitos
de madeira, tracionados por trator ou micro;

→ nessa condição de solo (-) lastro e água nos pneus

SISTEMA DE SEMEADURA, ESPAÇAMENTO E DENSIDADE

1. Sistema de sequeiro
→ semeadura a lanço → 400 sementes/m2 (prof. 4 cm);

→ semeadura em linha em solo preparado → 150-200 sementes


viáveis/m2 (40-60 cm);

→ plantio direto → espaçamentos + reduzidos em função controle de


água → 150-200 sementes viáveis/m2 (40-60 cm)

2. Sistema irrigado por aspersão


→ semeadura em linha em solo preparado, cultivares específicos → (20-
40 cm) → (175-350 sementes/m2);

→ plantio direto → idem ao anterior

3
02/10/2010

3. Sistema de várzeas úmidas

a) Solo seco
→ semeadura em linha em solo preparado e plantio direto (30-40 cm)
e 200 sementes/m2;

→ semeadura em covas 20-30 x 20-30 cm → 10-12 sementes/cova

b) Solo úmido (lama)


→ plantio de mudas → (20-30 x 20-30 cm) → 3 mudas/cova e prof. 3-5
cm

4. Sistema irrigado por inundação


a) Solo seco
a1) Semeadura a lanço (rapidez, economia)
→ grade disco (prof. 3 cm)
→ grade dente (prof. 3 cm)

a2) Semeadura em linhas com preparo do solo


→ 20 cm e 380-400 sementes/m2 → (prof. 3 cm)

a3) Plantio direto


→ dessecação
→ 20 cm e 380-400 sementes/m2 → (prof. 3 cm)

a4) Semeadura em cultivo mínimo


→ preparo com grade até 60 dias antes da semeadura;
→ dessecação e plantio direto;
→ 17 cm e 380-400 sementes/m2 → (prof. 3 cm)

4
02/10/2010

b) Solo úmido

b1) Semente pré-germinada em solo preparado


→ adubação na lama;
→ lanço manualmente;
→ lâmina 10 cm;
→ 3-5 dias drenados, lâmina acompanha

b2) Semente pré-germinada em plantio direto – MIX


→ dessecação;
→ adubação a lanço;
→ lâmina – idem

b3) Transplantio

b3.1.) Produção de mudas


Manual
→ canteiro em terra 100 m2/ 1ha → sementes pré-germinadas em linhas ou
lanço (10-15 cm e 200-250 sementes/m2);
→ lâmina de água → controle planta daninha;
→ idade 6 folhas

Mecânico
→ bandejas ou canteiros de alvenaria (conjunto de mudas forma tapete);
→ transplante com 4 folhas

b3.2.) Transplante manual ou mecânico (20 vezes superior)


→ 4-6 fileiras;
→ 3 a 5 mudas por cova;
→ 20-30 x 20 x30 cm