Você está na página 1de 2

DIREITO DO TRABALHO – 2º BIMESTRE

Repousos Remunerados
• -Repousos semanais: 24 hs em 1 dia na semana e feriados
-Origem religiosa: costume de destinar um dia para homenagem religiosa, ação de graça,
pela colheita; se incorpora na cultura do processo produtivo, modifica o dia de descanso
conforme a influencia da religião.
-Hebreus-sabado
-Cristão: católico: domingo
-Outros cristãos: sábado
-Maometanos: sexta-feira
-Indígenas: terça-feira
-China: segunda-feira
-O respeito a cultura religiosa perduru durante a idade média, o problema veio com o auge
da Revolução Indl: os descansos foram suprimidos, houve nes]cessidade de lei para
reestabelecer, pq suprimiu dos trabalhadores os descanso, por causa do sistema capitalistya
que interferiu no descanso semanal. A legislação veio interferir- 1ºs: Inglaterra e França
-1851 Enciclica Rerum Novarum: orientou o descanso para finalidade de religião, era
necessário o dia de descanso para o ser humano se voltar para a religião
- OIT: nenhum trabalhados poderia prescindir do descanso semanal, as razoes são as
mesmas que motivaram a diminuição da jornada: física, enconomica e social;
• Natureza Juridica
-dupla: obrigação do empregador de conceder, e direito do trabalhdor para reestabelecer sua
energia, previsto em lei, para não diminuir quantidade e qualidade de vida
-Hoje, contexto: Repouso de 24 hs na semana, é remunerado, o empregador não pode
descontar
-dto de não prestar serviços durante 24 hs consecutivas, uma vez na semana, em dia pré
fixado sem prejuízo da remunaração
-Art 67, CLT: Será assegurado a todo empregado um descanso semanal de 24 (vinte e
quatro) horas consecutivas, o qual, salvo motivo de conveniência pública ou necessidade
imperiosa do serviço, deverá coincidir com o domingo, no todo ou em parte.
Parágrafo único - Nos serviços que exijam trabalho aos domingos, com exceção quanto aos
elencos teatrais, será estabelecida escala de revezamento, mensalmente organizada e
constando de quadro sujeito à fiscalização.
Art 7º, XV,CF: XV - repouso semanal remunerado, preferencialmente aos domingos;
-é direito fundamental do trabalhador, assegura o dto ao descanso
- art 67 descanso semanal aos domingos: salvo motivo de conveniência pública ou
necessidade imperiosa do serviço deverá coincidir com o domingo, no todo ou em parte. – na
época da CLT era mais fácil, menos cadeia de produção, a CF veio depois fala que é
preferencialmente aos domingos; depois veio lei que permitiu se trabalhar aos domingos
Lei 605/1949: regula repouso semanal remunerado, e autoriza trabalhar aos domingos para
algumas empresas, na medida do possível deve o trabalhador usufruir de seu descanso
remunerado aos domingos: foi um leque que se abriu.
• Duração
24 hs consecutivas – seja domingo ou não
- a remuneração depende da freqüência durante a semana, se o trabalhador faltar sem
justificativa sofre desconto da remuneração. A falta vai se descontar do repouso, pq ele não
pode descansar qd quer, sua falta implica na dedução do salário não é desconto ilícito;
• Aplicação
-A todos os trabalhadores celetistas urbanos- iniciativa provada, ou pública quando func é
contratado com ctt celetista;
- A todos os trabalhadores celetistas rurais;
-trabalhadores avulsos: art 7º: assegura aos avulsos todos os dtos dos empregados. Avulso
não tem vinculo, nem com sindicato, nem com empresa, nem com OGMO
-trabalhador domestico: não tem dto a hora extra, mas tem dto ao repouso semanal
remunerado
-estagiário: tem dto a repouso semanal remunerado
-residente medico: lei especial, considera para fins de previdência que ele é contribuinte
autônomo. A lei não prevê descanso semanal, prevê até 60 hs semanais ( mais que 44 hs),
se for pela lei não tem descanso: a lei é perversa, na prática é impossível.
• Dia do descanso
Art 67: regra é aos domingos
Lei 605/1949: preferencialmente aos domingos
Art 7º, XV: preferencialmente aos domingos
• Conclusoes
a) a empresa não autorizada a funcionar aos domingos: repouso aos empregados
sempre nesse dia
b) empresa ou uma de suas atividades autorizada a funcionar aos domingos, repouso
dos empregados organizado em escalas que permitam de

Interesses relacionados