Você está na página 1de 3

Universidade de São Paulo

FACULDADE DE FILOSOFIA, LETRAS E CIÊNCIAS HUMANAS


Departamento de Linguística Graduação em Linguística
Curso: Morfologia (2019/2) 09/19/2019
Professora: Ana Paula Scher Monitores: Douglas Ruffa Antônio, Cesar Marangoni e Jorge Pedroso

TAREFAS MORFOLOGIA – AULA 6

1) Observe a lista de palavras do inglês abaixo. Procure o significado de cada uma delas em um
bom dicionário e faça uma glosa, como nos exemplos. Depois disso, identifique os afixos
flexionais (que criam uma nova forma de uma palavra já existente), os afixos derivacionais
(que criam uma palavra nova), as raízes (elementos que formam bases ou radicais), os radicais
(elementos aos quais se aplicam morfemas flexionais) e as bases (elementos aos quais se
aplicam morfemas derivacionais ou outras bases). Apresente seus resultados,
organizadamente, em um quadro. No inglês, é comum que um mesmo elemento seja raiz,
radical e base, ao mesmo tempo.

Ex: a) caretaking: care-tak-ing


cuidado-tomar-sufixo nominalizador
b) distinctiveness distinct-ive-ness
distinto-sufixo adjetivador-sufixo nominalizador

fatiths frogmarched
faithfully bookshops
unfaithful window-cleaners
faithfulness hardships
weekend teapot
hairdresser kindhearted

2) Usando os dados abaixo, tente formular uma regra de formação de palavra para o sufixo –vel
no português. Considere a categoria à qual ele se associa e a parte do discurso à qual pertence
a palavra resultante desse processo. Há restrições fonológicas ou semânticas? (pense nas
propriedades do verbo que admite o adjetivo em –vel: quantos argumentos ele tem? Que tipo
de argumentos são esses? Compare com esse mesmo tipo de propriedades nos verbos que não
admitem a forma em –vel) Depois, desenhe as árvores para as palavras inconfundível e
reanalisável

lavável *chegável
corrigível *caível
amável *piscável
segmentável *bocejável
atingível
sustentável
explicável

3) A língua austronésia Leti tem um processo que deriva nomes a partir de verbo. Esses nomes
significam o ato de V-ar. Observe os dados abaixo:

kakri (chorar) kniakri (o ato de chorar)


pali (flutuar) pniali (o ato de flutuar)
sai (subir) sniali (o ato de subir)
Universidade de São Paulo
FACULDADE DE FILOSOFIA, LETRAS E CIÊNCIAS HUMANAS
Departamento de Linguística Graduação em Linguística
Curso: Morfologia (2019/2) 09/19/2019
Professora: Ana Paula Scher Monitores: Douglas Ruffa Antônio, Cesar Marangoni e Jorge Pedroso

teti (cortar) tnieti (o ato de cortar)


vaka (perguntar) vniaka (o ato de perguntar)
va-nunsu (amassar) vnianunsu (o ato de amassar)

a) Divida as palavras do Leti na segunda coluna em morfemas, e dê o significado de cada


morfema;
b) Que regra morfológica cria nomes a partir de verbos em Leti? Que tipo de regra é essa?
c) Agora considere as seguintes formas:

atu (saber) niatu (conhecimento)


odi (carregar) niodi (ato de carregar)
osri (caçar) niosri (ato de caçar)

Identifique os morfemas das palavras da segunda coluna e discuta as alterações necessárias na regra
morfológica que vc sugeriu para a pergunta (b0, de forma que os novos dados sejam contemplados.

4) As seguintes palavras, tiradas de Yu (2004:620), são características do discurso de Homer


Simpson do desenho animado The Simpsons. Nesses dados, Homer Simpson parece exibir um
processo de infixação:

saxomaphone (saxofone) Missimassippi (Mississipi)


telemaphone (telefone) Alamabama (Alabama)
wondermaful (maravilhoso) diamalectic (dialético)
feudamalism (feudalimo) Michamalengelo (Michaelangelo)
secrematery (secretária) terrimatory (território)

Você diria que esses casos podem ser tomados como semelhantes aos casos reais de infixação? Se
sim por que sim; se não, por que não? De qualquer modo, tente formular uma regra para o processo
de infixação observado na fala de Homer Simpson.

5) Quantos significados distintos seria possível encontrar para o composto paper towel dispenser
factory building committee report?

6) Observe os dados abaixo e responda as questões que seguem:

a) boyhood brotherhood manhood maidenhood


girlhood sisterhood womanhood maidhood
b) *judgehood *governorhood *colonelhood *ministerhood
*directorhood *authorhood *prisonerhood *generalhood

i) Procure o significado das palavras acime em um bom dicionário;


ii) Qual é o significado de hood nos exemplos acima?
iii) Discuta o papel da distinção entre bases nativas e não nativas do inglês na boa formação
dos exemplos com hood.
iv) Como você justificaria a boa formação de parenthood, statehood e nationhood?
Universidade de São Paulo
FACULDADE DE FILOSOFIA, LETRAS E CIÊNCIAS HUMANAS
Departamento de Linguística Graduação em Linguística
Curso: Morfologia (2019/2) 09/19/2019
Professora: Ana Paula Scher Monitores: Douglas Ruffa Antônio, Cesar Marangoni e Jorge Pedroso

Referências
BOOIJ, G. The grammar of words: an introduction to Morphology, Oxford: OUP, 2007.
GONÇALVES, C.A. Iniciação aos estudos morfológicos. p.45. Editora Contexto, São Paulo: 2011
HASPELMATH, M & SIMS, A. D. Understanding Morphology. London: Hodder Education, an
Hachette UK Company, 2010, 2nd Edition.
KATAMBA, F. Morphology. New York: St. Martin's Press, 1993
LIEBER, R. Introducing Morphology. Cambridge: CUP, 2010.
NIDA, E. Morphology. The University of Michgan Press, 1949.
VIKNER, C.; S. VIKNER. Hierarchical Morphological Structure and Ambiguity. In M. Birkelund;
M. M. Hansen; C. Norén (eds.), L'énonciation dans tous ses états - Mé- langes offerts à Henning
Nølke, Peter Lang Verlag, Berne, 541-560, 2008.
www.hum.au.dk/engelsk/engsv/papers/vikn08b.pdf.