Você está na página 1de 2

PAPMEM Jul/2019

Uso de Planilhas no Ensino Médio EXERCÍCIOS Professor: Carlos Nehab

Exercício 01
Analise a planilha abaixo, onde estão realizadas diversas operações de adição de frações. Nas colunas F e H
são digitadas as frações que desejamos adicionar (numerador e denominador em células diferentes...) e, nas
colunas subsequentes, as diversas etapas da realização das adições.
Note que foram simuladas duas situações: uma quando se usa como denominador comum o produto dos
denominadores das frações e outra, quando se usa o MMC...
Desejamos que você crie fórmulas adequadas na coluna D (para o cálculo do denominador comum) e nas
colunas J e subsequentes, de forma a modelar as duas formas indicadas de adição. Note que as colunas S e
T somente devem exibir conteúdo caso haja a possibilidade de simplificação da fração obtida na coluna R.
Naturalmente que nas colunas F e H o usuário digita as frações que desejar...
Você certamente vai usar a função MMC e, nas colunas S e T, a função condicional...
Obs: as linhas de grade foram exibidas para facilitar a compreensão da montagem da planilha.

Exercício 02
Se os valores do Dividendo e do Divisor de uma Divisão Inteira estão armazenados nas células A1 e B1 de
uma planilha, determine fórmulas adequadas para se obter o Quociente e o Resto nas células D1 e E1.
Use, se necessário, células auxiliares (com cálculos intermediários), mas lembre-se: sua estratégia tem que
funcionar para os casos em que o Dividendo e/ou o Divisor são negativos! Lembre-se que as funções MOD e
QUOCIENTE não funcionam me aderência ao conceito de divisão inteira.

Exercício 03
Na planilha a seguir, cada figura das sequências A, B, C e D são formadas por uma certa quantidade de
bolinhas.
PAPMEM Jul/2019
Uso de Planilhas no Ensino Médio EXERCÍCIOS Professor: Carlos Nehab

Admita que as sequências QA(n), QB(n), QC(n) e QD(n) indicam, em função de n, a quantidade de bolinhas da
n-ésima figura de cada série. Você é capaz de obter expressões fechadas para QA(n), QB(n), QC(n) e QD(n)?
Pois bem, é isso que desejamos... Seja esperto para determinar leis de formação (há várias) que proporcio-
nam as transições do tipo QA(k)  QA(k+1), QB(k)  QB(k+1), QC(k)  QC(k+1) e QD(k)  QD(k+1).

Exercício 04
Para calcular os valores sucessivos da sequência

√3, √3 + √3, √3 + √3 + √3, √3 + √3 + √3 + √3, ...


e assim sucessivamente, podemos utilizar os recursos de uma planilha. Realize os desafios a seguir:
a) Crie, na coluna A de uma planilha, os 20 primeiros termos desta sequência, iniciando na primeira linha.
b) Sabe-se que se o número de radicais cresce indefinidamente, os termos desta sequência se aproximam
cada vez mais de (1 + √13)/2 (na verdade, mais do que isso - este é o limite da sequência). Crie, então,
na coluna B, a diferença entre cada termo da sequência e L. Exiba tais diferenças no formato científico.

Exercício 05 (Opcional – só para os FORTES, mas o mestre ficará    se ninguém resolvê-lo).


O matemático James Joseph Sylvester estabeleceu o seguinte procedimento para escrever qualquer fração
positiva F, menor do que 1, como soma de frações unitárias (frações egípcias – com numerador igual a 1).
I. Ache a maior fração unitária “que cabe em F” ou seja, a maior fração egípcia menor ou igual a F;
II. Calcule o que “sobra” de F após extrair a tal fração egípcia;
III. Repita os passos I e II para o “que sobra”;
Por exemplo, 2/7 = 1/4 + 1/28 e 3/19 = 1/7 + 1/67 + 1/8911
Modele em uma planilha, à luz da dica do Sylvester, as sucessivas frações egípcias cuja soma iguala uma
fração positiva armazenada em uma dada célula.

Você também pode gostar