Você está na página 1de 6

Os escritores antigos escreveram tantas fábulas [coisas

imaginarias] que se pensava ser impossível navegar até


ao Oriente. Ptolemeu [escritor da Antiguidade Clássica]
descreveu o Índico como um lago fechado *...+. Ora,
claramente se mostra ser isto falso *...]. Como a
experiência é a madre de todas as cousas, por ela
soubemos radicalmente a verdade.
Duarte Pacheco Pereira, Esmeraldo de Situ Orbis, 1505
(adaptado). Documento 7

1.1 Apresenta três razões pelas quais Itália foi o


“berço”do Renascimento.
Razõ es:
. A abundância de vesti ́gios materiais da cultura greco-romana, além de bibliotecas com
manuscritos da Antiguidade clássica que permitiam aos intelectuais da época
inspirarem-se neles.
. Existência de inúmeras escolas e universidades que incutiam o saber humanista.
. A Itália era composta por vários Estados autónomos que rivalizavam entre si pela
construção de palácios e igrejas idênticos aos do peri ́odo clássico.
. Os Estados Italianos eram prósperos centros de comércio, o que permitiu que os seus
burgueses e pri ́ncipes se dedicassem ao mecenato.

1.2 III.1.2 Explica três das caracteri ́sticas principais deste


novo movimento cultural.

Renascimento: movimento de renovação cultural, intelectual e arti ́stico, que surgiu na


Itália, no século XV e que exprime uma nova mentalidade, em voga na Europa dos
séculos XV e XVI. Caracterizou-se pela valorização das capacidades do ser humano
(antropocentrismo) e pelo regresso (“renascer”) aos valores estéticos (arti ́sticos),
literários e culturais da Antiguidade Clássica (Gregos e Romanos).
O Classicismo: valorização da cultura clássica (Gregos e Romanos).
A arquitectura, pintura, escultura e literatura clássicas vão servir de inspiração aos humanistas.
O Humanismo: a vontade de desenvolver e valorizar as capacidades do Homem levou os
intelectuais a recuperar o estudo e investigação do próprio homem e das li ́nguas clássicas,
através das obras dos escritores, historiadores e filósofos da Antiguidade (modelos de
sabedoria.
O Antropocentrismo: o Homem ocupa o centro das atenções.
O Espi ́rito Cri ́tico: capacidade de cada um pensar por si.
A tolerância e individualismo: respeitando a diversidade de opiniõ es e reconhecendo o valor
da razão e da consciência individuais.
Valorização da Experiência, “do saber de experiência feito”, isto é, do saber que pode ser
observado e provado através da experiência.
O naturalismo e a curiosidade cienti ́fica, com a vontade de conhecer e representar mais
profundamente a realidade do Homem, da Natureza e do Universo.

III.2. Atenta no documento 8.

Documento 8 O Homem Vitruviano, de Leonardo Da Vinci


GRUPO IV (Arte Renascentista)
III.2.1 Distingue os conceitos de Teocentrismo e
Antropocentrismo.
Teocentrismo: (do grego Theos = Deus + centro), Deus como centro do estudo e do
pensamento do Homem.
Antropocentrismo: (do grego Anthropos = Homem + centro), o Homem como centro
do estudo e do pensamento humano.

Documento 9 Madona del Cardellino, de Rafael


IV.1. Observa atentamente a pintura do documento 9.

IV.1.1 Aponta os elementos que te permitem considerar a


obra do documento 9 como renascentista.
Caracteri ́sticas da Pintura Renascentista presentes na pintura do documento:
Profundidade e espessura das pessoas ou objectos (perspectiva), representaçaõ do nu,
composição em pirâmide, naturalismo (presença de paisagem natural)...

Documento 10 A Pietà , de Miguel  ngelo

IV.2. Analisa a escultura do documento 10.


IV.2.1 Descreve a escultura do documento 10, referindo as
suas principais características.
Caracteri ́sticas da Escultura Renascentista presentes na escultura do documento:
Racionalidade, Harmonia, Equili ́brio, Realismo, Representaçaõ do Nu, Expressão de
Sentimentos (tristeza), Rigor Anatómico...

IV.3. A arquitectura renascentista chegou a Portugal


tardiamente. No entanto, foram introduzidos na
decoração novos motivos, caracteri ́sticas especi ́ficas de
um estilo português. Analisa o documento 11.
Estilo Manuelino
Caracteri ́sticas presentes na janela representada:

Elementos naturalistas: Fragmentos de Algas


Elementos mari ́timos: Cabos, Correntes de  ncoras, Cordas Si ́mbolos Nacionais: Esfera
Armilar, Escudo Real
Documento 11

IV.3.1 Identifica o estilo artístico em que incluis a janela do


documento 11.

IV.3.2 Apresenta três razões que justifiquem a tua


resposta à questão anterior.

Você também pode gostar