Você está na página 1de 4

4 LEIS ESPIRITUAIS

Você já ouviu falar em quatro leis espirituais? São leis que governam o nosso
relacionamento com Deus.

1 – Primeira Lei: DEUS AMA VOCÊ E TEM UM PLANO PARA SUA VIDA:

“Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito,
para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.” (João
3:16)
“Eu vim para que tenham vida, e a tenham plenamente” (João 10:10)

Mas por que nem todos tem essa vida abundante e parecem não estar vivendo
sob um plano de Deus?
Aí é que vem a segunda lei.

2 – Segunda Lei: TODOS SOMOS PECADORES E ESTAMOS SEPARADOS


DE DEUS.

O pecado nada mais é do que “errar o alvo”, desobedecer, rebelar-se. Quando


o homem decide seguir o próprio caminhar por sua única e exclusiva vontade e
ser indiferente a Deus, podemos chamar essa atitude de pecado. E este causa
a separação entre Deus e o homem.
“Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus;” (Rom. 3:23),
“Porque o salário do pecado é a morte” (Rom. 6:23);

“Mas as vossas iniquidades fazem separação entre vós e o vosso Deus; e os


vossos pecados encobrem o seu rosto de vós, para que não vos ouça.” (Isaías
59:2).
Deus é perfeito e santo, o homem, pecador. Há um grande abismo entre os
dois. Como uni-los novamente?
A resposta está na terceira lei.

3 – Terceira Lei: JESUS CRISTO É A ÚNICA SOLUÇÃO PARA O PECADO.

“Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao


Pai, senão por mim.” (João 14:6);

“Mas Deus prova o seu amor para conosco, em que Cristo morreu por nós,
sendo nós ainda pecadores.” (Rm 5:8).

Jesus cruzou o caminho solitário até a cruz e ali morreu por toda a
humanidade, pagando o preço do pecado.
Se há solução, então porque o homem continua separado de Deus? Porque
não basta apenas saber essas três leis, é preciso ir para a quarta lei espiritual.

4 – Quarta Lei: PRECISAMOS RECEBER JESUS COMO SALVADOR E


SENHOR.

“Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de


Deus, aos que creem no seu nome;” (João 1:12),
“A saber: Se com a tua boca confessares ao Senhor Jesus, e em teu coração
creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, serás salvo.” (Rm 10:9);

“Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom
de Deus.” (Ef. 2:8).

“Eis que estou à porta e bato. Se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta,
entrarei…” (Apocalipse 3:20).
Estes dois circulos representam dois tipos de vida:
VIDA CONTROLADA PELO “EU”

O “EU” no centro da vida


CRISTO do lado de fora da vida.

Ações e atitude controladas pelo “EU “, resultando em discórdias e


frustrações.

VIDA CONTROLADA POR CRISTO

CRISTO no centro da vida


O “EU” fora do centro.

Qual dos dois círculos representa melhor sua vida?


Qual deles você gostaria que representasse sua vida?

Somente fazendo um convite individual para conhecer verdadeiramente Jesus


Cristo, o homem poderá experimentar o amor e o plano de Deus para sua vida.
E como pode fazer isso?
É simples: basta reconhecer que Jesus é o único que pode perdoar os seus
pecados e que pode mudar o rumo da sua vida. Que não mais quer seguir
sozinho, por conta de sua própria vontade, mas quer ter uma vida controlada
por Cristo.
Onde estiver, faça essa oração:
“Senhor Jesus, eu te agradeço por ter morrido na cruz por mim e ter perdoado
os meus pecados, dando-me vida eterna. Sei agora que preciso de ti. Abro a
porta do meu coração e da minha vida para que o Senhor seja meu Salvador e
Senhor. Faça de mim aquilo que deseja. Realiza o teu plano maravilhoso em
minha vida.”

Se você fez essa oração de todo o seu coração e crer naquilo que falou, pode
ter certeza que Jesus entrará definitivamente em sua vida.