Você está na página 1de 4

Campus São Paulo

CC1K1 – Cálculo I
Professor Marcio Vieira de Almeida – e-mail: marcioalmeidasp@gmail.com
Lista 08 – Derivadas como taxa de variação – Cinética Química

Exercício 1. Foi realizado um experimento no laboratório de química, tal ensaio visava a


produção de gás oxigênio pela decomposição do gás pentóxido de dinitrogênio:

Os dados experimentais representados na tabela abaixo forma coletados para o


experimento envolvendo essa transformação a 55 ºC.
Concentração em 10-4 mol/L
Tempo (s) N2O5 NO2 O2
0 200 0 0
100 168 64 16
200 142 116 29
300 120 160 40
400 101 198 49
500 86 228 57
600 72 256 64
700 61 278 70

Observe os valores acima e responda:

a) O que acontece com as concentrações molares do N2O5, NO2 e O2 ao longo do


tempo? Explique.
______________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________
b) Qual a proporção em que reagentes são consumidos e a proporção que os produtos
são formados?
______________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________

c) Com os dados da tabela, construa um único gráfico da concentração molar das


espécies N2O5, NO2 e O2 versus tempo (s).

d) Observe o gráfico construído por você, e responda: O que acontece com a inclinação
de todas as curvas no início e no final, como isso está relacionado com a rapidez da
reação ao longo do tempo?
______________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________

e) Calcule a rapidez média de consumo de N2O5 e de formação de NO2 nos intervalos


de tempo:

- 0 a 100 s. - 200 s a 300 s.


- 400 s a 500 s. - 600 s a 700 s.

Exercício 2. O dado mostrado na tablea diz respeito à lactonização do ácido


hidroxovalérico a 25 ºC. É dada a concentração C (t) desse ácido em mols por litro de t
minutos.

(a) Encontre a taxa de variação média para os seguintes intervalos de tempo:


(i)2≤𝑡≤6 ( ii ) 2 ≤ 𝑡 ≤ 4 ( iii ) 0 ≤ 𝑡 ≤ 2
(b) Desenhe os pontos da tabela e trace por eles uma curva suave com uma
aproximação ao gráfico da função concentração. Então trace a tangente em t = 2 e use-a
para estimar a taxa de reação instantânea quando t = 2.
Exercício 3. Use o gráfico para indicar os valores máximos e mínimos absolutos e locais
da função.

Exercício 4. Em cada um dos itens, esboce o gráfico de uma função f que é contínua
em [1, 5] e tem as propriedades dadas.

a) Mínimo absoluto em 2, máximo absoluto em 3, mínimo local em 4.


b) Mínimo absoluto em 1, máximo absoluto em 5, máximo local em 2, mínimo
local em 4
c) Máximo absoluto em 5, mínimo absoluto em 2, máximo local em 3, minima
local em 2 e 4.

Exercício 5. Use o gráfico de f para


estimar os valores de c que satisfazer a
conclusão do Teorema Valor Médio
para o intervalo [0, 8].

Exercício 6. Use o gráfico dado em cada item para encontrar o seguinte:


(a) Os maiores intervalos abertos em que f está crescendo.
(b) Os maiores intervalos abertos em que f está decrescendo.
(c) Os maiores intervalos abertos em que f tem concavidade para cima.
(d) Os maiores intervalos abertos em que f tem concavidade para baixo.
(e) As coordenadas dos pontos de inflexão.

Você também pode gostar