Você está na página 1de 6

Análise Combinatória

I - Princípio Fundamental da Contagem


São métodos de cálculo para serem aplicados em situações semelhantes às: Determinar o número de pessoas
presentes em grandes eventos, o número de grãos de areia de uma praia e o número de moléculas de determinada
substância.

Exemplos:
1) Quantos números naturais de três algarismos podem ser formados com os algarismos 1, 2, 6, 8, e 9?
Resposta: 5·5·5 = 125
2) Quantos números naturais de três algarismos distintos podem ser formados com os algarismos 1, 2, 6, 8, e 9?
Resposta: 5·4·3 = 60
3) Qual é a quantidade de números naturais compreendidos entre 300 e 3.000 que podemos representar
utilizando somente os algarismos 1, 2, 3, 5, 7 e 8, de modo que não figurem algarismos repetidos?
Resposta: (4·5·4) + (2·5·4·3) = 80 + 120 = 200 números

Exercícios fixação
Questão 1. Arnaldo planeja ir à praia e deseja utilizar uma camiseta, uma bermuda e um chinelo. Sabe-se que ele
possui 5 camisetas, 6 bermudas e 3 chinelos. De quantas maneiras distinta Arnaldo poderá vestir-se?

Questão 2. Uma prova possui 5 questões de múltipla escolha, onde cada uma possui 4 opções distintas. De
quantas maneiras a prova pode ser resolvida?

Questão 3*. Quantos números de seis algarismos distintos podemos formar usando os dígitos 1, 2, 3, 4, 5 e 6,
nos quais o 1 e o 2 nunca ocupam posições adjacentes (juntos), mas o 3 e o 4 sempre ocupam posições
adjacentes?

II – Fatorial
Multiplicações de números naturais consecutivos, como, por exemplo, 11·10·9·8·7·6·5·4·3·2·1.
Para facilitar operações desse tipo, podemos lançar mão da notação n! (lê-se: “fatorial de n”) para indicar o
produto dos números naturais consecutivos  n, (n-1), (n-2),...,1.

Propriedade fundamental dos fatoriais:


n! = n·(n-1)
Exemplos:
a) 5! = 5·4·3·2·1 = 120
b) 7! = 7·6·5·4·3·2·1 = 5040 <<<< Observações: 1! = 1 e 0! = 1 >>>>
EXERCICIOS
( )
Questão 1. Simplifique a expressão a seguir de acordo com as regras do Fatorial de um número:
( )
Questão 2.

Questão 3. Calcule o valor das


frações abaixo:
( ) ( )
a) b) c) ( )
d) ( )
e) ( )
III. Tipos de Agrupamentos

Permutação simples
Permutar é sinônimo de trocar, Permutação simples de um conjunto de n elementos (Pn) é qualquer sequência
de elementos distintos formada por todos os elementos disponíveis. Seu cálculo é dado por:

Pn = n!
Exemplo 1:
Quantos anagramas podemos formar a partir da palavra ANEL?
_____ _____ _____ _____
• Há quatro possibilidades para a primeira posição, três para a segunda, duas para a terceira e uma para a quarta
posição.
• Pelo princípio fundamental da contagem, temos 4·3·2·1 = 4! = 24
• Podemos formar 24 anagramas com a palavra ANEL.

Exemplo 2.
Com as letras: ABCDEFGHI:

a. Quantos são os anagramas possíveis?


Resposta: P(9)=9!
b. Quantos são os anagramas possíveis, começando por A?
Resposta: P(8)=8! A __ __ __ __ __ __ __ __
c. Quantos são os anagramas possíveis, começando por AB?
Resposta: P(7)=7! A B __ __ __ __ __ __ __
d. Quantos são os anagramas possíveis, começando por ABC?
Resposta: P(6)=6! A B C __ __ __ __ __ __
e. Quantos são os anagramas possíveis, começando por uma das letras A, B ou C?
Começando por uma das letras A,B,C: P(8)=8!
Resposta: comecando por A: P(8)=8! Começando por B: P(8)=8! Começando por C: P(8)=8!
N= 3 × P(8) = 3 × 8!
f. Quantos são os anagramas possíveis, começando pelas três letras do grupo ABC?
Começando pelas letras do grupo ABC: P(6) = 6! = 120  A B C __ __ __ __ __ __
E as letras A,B,C podem trocar de posição também, assim entram numa permutação P(3)
Resposta: N= P(3) × P(6) = 6×120 = 720

Exemplo 3.
Há 10 pessoas em um local, sendo 3 com camisas verdes, 3 com camisas amarelas, 2 com camisas azuis e 2 com
camisas brancas. De quantos modos podemos perfilar todas essas 10 pessoas de modo que os grupos com as camisas
de mesma cor fiquem juntos?
Temos 4 grupos de camisas, logo permutaresmo os grupos de cores : P(4)
as equipes podem permutar as suas posições dentro do grupo, respectivamente, P(3), P(3), P(2) e P(2).
Resposta: N=P(4)×P(3)×P(3)×P(2)×P(2)=3456
Exercícios de fixação
1.(Unitau 95) O número de anagramas da palavra BIOCIÊNCIAS que terminam com as letras AS, nesta ordem é:
a) 9! b) 11! c) 9!/(3! 2!) d) 11!/2! e) 11!/3!
2.(Fatec 95) Seis pessoas, entre elas João e Pedro, vão ao cinema. Existem seis lugares vagos, alinhados e
consecutivos. O número de maneiras distintas como as seis podem sentar-se sem que João e Pedro fiquem juntos é
a) 720 b) 600 c) 480 d) 240 e) 120

3.(Fuvest 93) A figura a seguir representa parte do mapa de uma


cidade onde estão assinalados as casas de João(A), de Maria(B), a
escola(C) e um possível caminho que João percorre para,
passando pela casa de Maria, chegar à escola. Qual o número
total de caminhos distintos que João poderá percorrer,
caminhando somente para o Norte ou Leste, para ir de sua casa à
escola, passando pela casa de Maria?

4.(Ita 98) O número de anagramas da palavra VESTIBULANDO,


que não apresentam as cinco vogais juntas, é:
a) 12!
b) (8!) (5!)
c) 12! - (8!) (5!)
d) 12! - 8!
e) 12! - (7!) (5!)

5.(Unesp 2005) Considere todos os números formados por 6 algarismos distintos obtidos permutando-se, de
todas as formas possíveis, os algarismos 1, 2, 3, 4, 5 e 6.
a) Determine quantos números é possível formar (no total) e quantos números se iniciam com o algarismo 1.
b) Escrevendo-se esses números em ordem crescente, determine qual posição ocupa o número 512346 e que
número ocupa a 242• posição.

Arranjo Simples: (A ordem dos elementos importa? R: ANHAN de “ANRRANJO”).

Usamos a notação “An,p”, lê-se arranjo simples de n elementos tomados p a p,


n: total de possibilidades para cada elemento
p: quantidade de elementos do arranjo, sendo que p ≤ n.

Exemplo 1
Quantas sequências de três letras distintas podem ser formadas usando as letras a, b, c, d, e, f, g e h?

• Temos 8 possibilidades, a, b, c, d, e, f, g e h, então n = 8.


• Para sequência de três letras, temos 3 elementos no arranjo, então p = 3.
• Cálculo: A8,3 = 8·7·6 = 336
Exemplo 2.

A quantidade de números de dois algarismos distintos que se formam com 2, 3, 5, 7 e 9 é igual a:


Solução. Números com dois algarismos distintos quer dizer que uma vez usado um algarismo em
determinada ordem, ele não poderá mais aparecer. No caso há cinco algarismos a serem utilizados.

Algarismo 1 Algarismo 2
5 numeros 4numeros
Logo há 5 x 4 = 120 possibilidades.
Exemplo 3.

O número de placas de veículos que poderão ser fabricadas utilizando-se das 26 letras do alfabeto latino e
dos 10 algarismos arábicos, cada placa contendo três letras e quatro algarismos, não podendo haver
repetição de letras e algarismos, é:
Solução. Nesse caso há sete espaços ocupados. As escolhas entre letras e números são simultâneas.

1ª letra 2ª letra 3ª letra 1ª algarismo 2ª algarismo 3ª algarismo 4ª algarismo


26 possib. 25 possib. 24 possib. 10 possib. 9 possib. 8 possib. 7 possib.

Logo, há (26 x 25 x 24) x (10 x 9 x 8 x 7) = 78624000 possibilidades.

Em uma sala há 8 cadeiras e 4 pessoas. O número de modos distintos das pessoas ocuparem as cadeiras é:
1680 8! 8.4! 8!/4 32

i) O total de arrumações entre pessoas e espaços é: 8 x 7 x 6 x 5 x 4 x 3 x 2 x 1


ii) O número de repetições das letras E nas arrumações é: 4 x 3 x 2 x 1
8 x7 x6 x5 x4 x3x2 x1
Logo o número de possibilidades é:  1680
4 x3x2 x1

Exercícios de fixação.
1. Uma pessoa vai retirar dinheiro num caixa eletrônico de um banco mas, na hora de digitar a senha,
esquece-se do número. Ela lembra que o número tem 5 algarismos, começa com 6, não tem algarismos
repetidos e tem o algarismo 7 em alguma posição. O número máximo de tentativas para acertar a senha é?

2. Determinar quantos são os números de três algarismos, múltiplos de 5, cujos algarismos das centenas
pertencem a {1,2,3,4} e os demais algarismos a {0,5,6,7,8,9}.

3. (Cesgranrio 95) Durante a Copa do Mundo, que foi disputada por 24 países, as tampinhas de Coca-Cola traziam
palpites sobre os países que se classificariam nos três primeiros lugares (por exemplo: 1º lugar, Brasil; 2º lugar, Nigéria;
3º lugar, Holanda).
Se, em cada tampinha, os três países são distintos, quantas tampinhas diferentes poderiam existir?
a) 69 b) 2024 c) 9562 d) 12144 e) 13824
Combinação Simples:
O conceito de combinação está associado à noção de escolher subconjuntos onde a
ORDEM NÂO IMPORTA.

 n = Número de elementos do conjunto.


 P = Quantidade de elementos por subconjunto.

Exemplo 1: Utilizando a combinação simples e considerando o conjunto J ={A, B, C, D} encontre quantos


subconjuntos e possível formar tomando os elementos de 2 em 2.

 Conjunto: J = {A, B, C, D}
 n=4
 p=2

Exemplo2: As diretorias de 4 membros que podemos formar com 10 sócios de uma empresa são:
5040 40 2 210 5400
Repare que não foi colocada uma hierarquia na diretoria. Isto é, compor uma diretoria com ABCD OU ACDB, é a
mesma coisa. Precisamos, então retirar as repetições.

10! 10 x9 x8 x7 x6! 10 x9 x8 x7 5040


C104      210
4!.6! 4!.6! 4! 24

Exemplo 3: Com um conjunto de 10 peças distintas, o número de grupos diferentes, de três peças, que podem ser
formadas, é:
3! 7! 10! 720 120
Solução. O grupo de peças ABC não é diferente do grupos ACB, BAC, etc. Logo como a ordem não importa,
10! 10 x9 x8 x7! 10 x9 x8
temos: C10     10 x12  120 .
3

3!.7! 3!.7! 3x2 x1


Exemplo 4: Em uma circunferência são marcados 7 pontos distintos: A, B, C, D, E, F e G. Com estes pontos, quantas
cordas podem ser traçadas?
42 14 21 7 28
Solução. Observe pelo desenho que a corda AD é a mesma que DA indicando que a ordem de ligação dos pontos
7! 7 x6 x5! 7 x6
não importa. Logo, temos: C7     21 cordas.
2

2!.5! 2!.5! 2
Exemplo 5: Num hospital há 3 vagas para trabalhar no berçário, 5 no banco de sangue e 2 na radioterapia.
Se 6 funcionários se candidatam para o berçário, 8 para o banco de sangue e 5 para a radioterapia, de
quantas formar distintas essas vagas podem ser preenchidas ?

30 240 1120 11200 16128000


Solução. As escolhas dos funcionários para as vagas serão de acordo com a especialização. Haverá um produto
6! 8! 5!
entre as combinações possíveis: C63  C85  C52  x x  20 x56 x10  11200
3!.3! 5!.3! 2!.3!

Exemplo 6: O numero de triângulos determinados por 7 pontos distintos, 4 sobre uma reta e 3 sobre uma
paralela á primeira, é:
60 30 20 10 5
Solução. Observe pelo desenho que para formar um triângulo podemos escolher a base com dois pontos em “r” e
o vértice em “s” ou ao contrário.
4! 3!
i) Base em “r” e vértice em “s”: C4 .C3   6 x3  18
2 1
x
2!.2! 1!.2!
3! 4!
ii) Base em “s” e vértice em “r”: C3 .C4   3x4  12
2 1
x
2!.1! 1!.3!
Logo, há 18 + 12 = 30 triângulos.
Exercícios de fixação

1. (Unitau 95) O número de maneiras que se pode escolher uma comissão de três elementos
num conjunto de dez pessoas é:
a) 120. b) 210. c) 102. d) 220. e) 110.

2. De um acervo que contém três quadros de Anita Malfati e oito de Di Cavalcanti, pretende-
se formar exposições constituídas de um quadro de Anita Malfati e três quadros de Di
Cavalcanti. Quantas exposições diferentes são possíveis?

a) 56 b) 168 c) 93 d) 59 e) 140

3. (Mackenzie 96) Num grupo de 10 pessoas temos somente 2 homens. O número de comissões de 5
pessoas que podemos formar com 1 homem e 4 mulheres é:

a) 70. b) 84. c) 140. d) 210. e) 252.


4. (Mackenzie 97) Os polígonos de k lados (k múltiplo de 3), que podemos obter com vértices nos 9 pontos
da figura, são em número de:

a) 83 b) 84 c) 85 d)168 e)169