Você está na página 1de 3

RESOLUÇÃO UNESP Nº 62, DE 06 DE SETEMBRO DE 2019.

Altera a Resolução Unesp 18, de 29-03-2018 que dispõe sobre o Programa de


Aperfeiçoamento e Apoio à Docência no Ensino Superior - PAADES, da
Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" - Unesp, o qual se destina
à formação de Pós-graduandos para a atividade docente na graduação

O Reitor da Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho", com fundamento no inciso
IX do artigo 24 do Regimento Geral da Unesp e tendo em vista o deliberado pelo Conselho de
Ensino, Pesquisa e Extensão (Cepe), Despacho 129-2019-CEPE/SG, em sessão de 13-08-2019,
baixa a seguinte Resolução:

Artigo 1º - Os dispositivos abaixo especificados da Resolução Unesp 18, de 29-03-2018, passam


a vigorar com a seguinte redação:

I – Artigo 2º, caput:

“Artigo 2º – O PAADES será desenvolvido em disciplina(s) de graduação da Unesp, não podendo


exceder 8 horas de atividades semanais.”

II – Artigo 4º, caput, incisos I e II e §§ 1º a 4º:

“Artigo 4º – As atividades a serem desenvolvidas pelos estudantes estarão previstas no Projeto


de Participação no PAADES de que trata o artigo 5º desta Resolução, e abrangerão os seguintes
grupos de atividades supervisionadas:

I - Grupo A - Atividades de Docência;

II - Grupo B - Atividades de Apoio à Docência.

§1º - Poderão se inscrever às atividades do grupo a apenas doutorandos com título de mestre ou
especialização; para as atividades do grupo B, poderão se inscrever mestrandos e doutorandos.
Em ambos os casos o candidato deverá estar matriculado há no mínimo seis meses no programa.

§2º - Os estudantes participantes do PAADES A poderão desenvolver atividades de ensino


(práticas, de laboratório e teóricas), sob a supervisão de um docente responsável na preparação
das atividades; e, dentro do limite de horas estabelecido, ministrar aulas, realizar plantões de
dúvidas e auxiliar em atividades de aulas práticas, de exercício ou de reforço, na elaboração e na
correção de listas de exercícios, provas e projetos e na elaboração de material didático.
§3º - Os estudantes participantes do PAADES B poderão atuar realizando plantões de dúvidas,
colaborando no planeja-mento da disciplina, auxiliando em aulas práticas, de exercício ou de
reforço, atuando em atividades de elaboração e correção de listas de exercícios, provas e
projetos, elaboração de material didático, podendo, também, ministrar aulas na(s) disciplina(s) em
que atuam, sob a supervisão do docente responsável, até o limite de 20% da carga horária da
disciplina.

§4º - O horário das atividades a serem desenvolvidas pelo estudante deve ser compatível com o
horário de suas atividades acadêmicas, de modo a não prejudicar, em hipótese alguma, o seu
desempenho escolar.”

III – Artigo 5º, caput, inclusão dos §§ 3º e 4º:

“Artigo 5º – A inscrição do candidato ao PAADES será feita no departamento de ensino ao qual


estiver ligada a disciplina em que o estágio será desenvolvido, ou ao Conselho de Curso, onde
não há departamento, com a ciência do orientador e do coordenador do programa de pós-
graduação.”

...

§3º – Os estudantes inscritos no PAADES A só poderão iniciar suas atividades nas disciplinas
após terem participado de oficina de apoio didático ou de terem cursado disciplinas equivalentes
em cursos de licenciatura.

§4º – A substituição de participação do estudante na oficina de apoio didático por disciplina


equivalente deve ser analisada pelo IEP3.”

IV - Artigo 6º, caput, inclusão dos §§ 1º e 2º:

“Artigo 6º – Os estudantes com bolsa da CAPES - DS são obrigados a desenvolver atividades


PAADES B, durante o mestrado, por no mínimo um semestre, e PAADES A ou B, durante o
doutorado, por no mínimo dois semestres. Essas atividades deverão ser consideradas como
estágio docência exigido pela CAPES.

§1º – Estudantes não bolsistas ou bolsistas de outros órgãos de fomento poderão também
participar do PAADES.

§2º – As atividades desenvolvidas pelos alunos dentro do Programa PAADES, que excedam o
tempo exigido em estágio docência, poderão ser creditadas como atividades complementares.”

Artigo 2º – Esta Resolução entra em vigor na data de sua publicação.


(Proc. 824-2018-Runesp)

Pub. DOE nº 170, de 07/09/2019, p. 57

FIM DO DOCUMENTO

Este texto não substitui o publicado no Diário Oficial do Estado de São Paulo