Você está na página 1de 3

Fundação Centro de Ciências e Educação Superior a Distância do Estado do Rio de Janeiro

Centro de Educação Superior a Distância do Estado do Rio de Janeiro

AVALIAÇÃO A DISTÂNCIA - AD1 – 2019/2


Disciplina: Gestão de Destinos Turísticos
Docente: Leandro Martins Fontoura
Tutora: Milena Almeida

Nome:
Polo:
Matrícula:
1. Com base no texto “Destino turístico como construção coletiva: os atores
envolvidos e sua necessidade de articulação”, explique por que o turismo é um
sistema de atividade e processos autônomos e ao mesmo tempo interdependentes
e, ainda, a importância de uma organização coletiva para sua gestão no âmbito
local. (2,5)

Interpretação aula 03

2. De acordo com o texto “O posicionamento dos destinos turísticos nos ambientes


macro, meso e micro do sistema turístico”, classifique as sentenças em
verdadeiro ou falso: (2,5)

( F ) Com a implantação do Programa de desenvolvimento do Turismo no


Nordeste/NE, os investimentos e os fluxos turísticos tornaram-se homogêneos. As
capitais, os destinos litorâneos e não litorâneos recebem igualmente os recursos, tanto
público como privado.
Interpretação pág 17 e 18. “O autor percebeu que, de modo geral, os resultados dos
investimentos públicos (aeroportos, vias litorâneas) e privados (notadamente os
empreendimentos hoteleiros) no estado do Ceará são condições para atração e
distribuição dos fluxos turísticos no Nordeste. Contudo, observa que esses fluxos
permanecem concentrados principalmente nas capitais nordestinas e pouco alcançam
outros destinos litorâneos, menos ainda os não litorâneos.”
( F ) O Sistema turístico é composto por vários elementos, que não estão isolados entre
si, mas se relacionam e são mutuamente dependentes. O ambiente é um elemento do
sistema turístico, apesar disso, não exerce influência sobre ele.

Resp.: pág 5 O Sistema turístico é composto por vários elementos, que não estão
isolados entre si, mas se relacionam e são mutuamente dependentes. O ambiente do
sistema, segundo Beni (2001), é composto pelos objetos que não fazem parte do
sistema, mas que, apesar disso, exercem influência sobre ele.

( F ) Segundo Leiper (1990), um dos elementos que constituem o sistema é o setor


turístico, onde se sentem os impactos da atividade e na qual as estratégias de
planejamento e gestão serão executadas;

Resp.: pág 4 - Segundo Leiper (1990), o elemento que constitui o sistema, onde se
sentem os impactos do turismo e na qual as estratégias de planejamento e gestão serão
executadas, é a região de destino.

( V ) Segundo o texto, há uma relação direta entre o desenvolvimento econômico e o da


atividade turística. Em diferentes escalas do ambiente (macro, meso e micro) é possível
perceber uma disposição desigual dos recursos. As regiões mais desenvolvidas
economicamente dominam a atividade turística, como a estrutura, o mercado, o fluxo e
a receita, tornando os destinos heterogêneos.
Resp.: interpretação da pág 8 à 18.

( F ) O ambiente do sistema turístico (SISTUR), segundo Beni (2001), é formado


apenas pelos subsistemas: social, econômico.

Resp.: pág 2 – “Como foi demonstrado por Beni (2001), o ambiente do sistema turístico
(SISTUR) é composto por quatro subsistemas: ecológico, econômico, social e cultural.”

3. O texto “Formação de uma entidade de gestão coletiva do Destino Turístico”


conclui que o processo de associação é a base da constituição dos grupos sociais.
Num Destino Turístico, existem muitas e diferentes organizações, que podem se
agrupar e formar um novo Grupo, necessariamente secundário, denominado
Instituição. As organizações podem se associar para resolver problemas de
governança, isto é, de gestão coletiva e compartilhada de problemas e recursos
comuns. Diante disso, descreva com suas palavras, as cinco formas básicas
abordadas no texto que a instituição pode assumir, e cite exemplos reais sobre
cada uma delas. (2,5)
Aula 04 - As cinco formas básicas que esta instituição pode assumir são as seguintes: a)
associação, que é uma forma de organização mais genérica e é a base para as outras; b)
a OSCIP, que é um tipo específico de associação, de caráter privado, isto é, dos
membros do grupo, mas de finalidade pública; c) os conselhos, que são instrumentos de
gestão descentralizados e compartilhados entre o poder público e a sociedade civil
organizada; d) os fóruns e comitês, que são formas mais momentâneas para debate
coletivo e validação de ideias e para resolução de problemas específicos,
respectivamente; e) os consórcios, que são tipos específicos de parcerias entre
entidades, em geral, públicas e o poder público estatal.

4. Assinale a alternativa correta: (2,5)


(a) Para Wanke (2001), a estratégia de posicionamento logístico é composta de
quatro categorias de decisão organizacionais, que devem ser tomadas de forma
coerente e devem ser articuladas entre si: 1) a coordenação do fluxo de produtos;
2) a política de produção; 3) a alocação de estoques; 4) a política de transportes.

Errada, São cinco categorias: 1) a coordenação do fluxo de produtos; 2) a política de


produção; 3) a alocação de estoques; 4) a política de transportes; 5) o dimensionamento
da rede.

(b) O processo de agregação de valor no Turismo é feito pela combinação de um


conjunto de microprodutos turísticos, resultantes de cada uma das empresas do
setor. Surge de forma espontânea e, assim, não necessita de gestão.

Errada, não surge de forma espontânea e necessita de gestão.

(c) Segundo Goulart (2000), as atividades do PCP podem ser divididas em quatro
fases, que são hierarquizadas segundo sua precedência. Tal abordagem considera
diferentes horizontes de planejamento: longo, médio e curto.

Errada, Tal abordagem hierarquizada considera diferentes horizontes de planejamento:


longo, médio, curto e curtíssimo prazo.

(d) A função do planejamento e controle da produção é gerenciar as quantidades de


cada recurso que serão processados na produção de determinado bem (produto ou
serviço), assim como o tempo necessário para sua execução e sua disposição
espacial.

Certa