Você está na página 1de 139

QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

• De acordo com o comando a que cada um dos itens a seguir se refira, marque, na folha de respostas,
para cada item: o campo designado com o código C, caso julgue o item CERTO; ou o campo designado
com o código E, caso julgue o item ERRADO. A ausência de marcação ou a marcação de ambos os
campos não serão apenadas, ou seja, não receberão pontuação negativa. Para as devidas marcações,
use a folha de respostas, único documento válido para a correção das suas provas.
• Nos itens que avaliam noções de informática, a menos que seja explicitamente informado o contrário,
considere que todos os programas mencionados estão em configuração padrão, em português, e que
não há restrições de proteção, de funcionamento e de uso em relação aos programas, arquivos, diretó-
rios, recursos e equipamentos mencionados.
• Sempre que utilizadas, as siglas subsequentes devem ser interpretadas conforme a significação asso-
ciada a cada uma delas, da seguinte forma: ADC = ação declaratória de constitucionalidade; ADPF =
arguição de descumprimento de preceito fundamental; CF = Constituição Federal de 1988; CLT = Con-
solidação das Leis do Trabalho; CNMP = Conselho Nacional do Ministério Público; CPC = Código de
Processo Civil; MP = Ministério Público; MPDFT = Ministério Público do Distrito Federal e dos Territórios;
MPT = Ministério Público do Trabalho; MPU = Ministério Público da União; OAB = Ordem dos Advogados
do Brasil; STF = Supremo Tribunal Federal; STJ = Superior Tribunal de Justiça; TST = Tribunal Superior
do Trabalho.

CONHECIMENTOS BÁSICOS

LÍNGUA PORTUGUESA 30 Segurava-me a cabeça entre as mãos e sentia-se


(Lucas Gonçalves/Tereza Cavalcanti/Márcio feliz em acariciar-me a face intumescida, como
Wesley) se as equimoses fossem um presente que eu lhe
tivesse dado.
1 Bárbara gostava somente de pedir. Pedia e engor-  Às vezes relutava em aquiescer às suas exigências,
35 vendo-a engordar incessantemente. Entretanto,
dava.
não durava muito a minha indecisão. Vencia-me a
 Por mais absurdo que pareça, encontrava-me
insistência do seu olhar, que transformava os mais
sempre disposto a lhe satisfazer os caprichos. insignificantes pedidos numa ordem formal. (Que
5 Em troca de tão constante dedicação, dela recebi
ternura lhe vinha aos olhos, que ar convincente o
frouxa ternura e pedidos que se renovavam con- 40 dela ao me fazer tão extravagantes solicitações!)
tinuamente. Não os retive todos na memória, pre-  Houve tempo – sim, houve – em que me fiz duro
ocupado em acompanhar o crescimento do seu e ameacei abandoná-la ao primeiro pedido que
corpo, se avolumando à medida que se ampliava recebesse.
10 sua ambição. Se ao menos ela desviasse para  Até certo ponto, minha advertência produziu o
45 efeito desejado. Bárbara se refugiou num mutismo
mim parte do carinho dispensado às coisas que
agressivo e se recusava a comer ou conversar
eu lhe dava, ou não engordasse tanto, pouco me comigo. Fugia à minha presença, escondendo-se
teriam importado os sacrifícios que fiz para lhe no quintal e contaminava o ambiente com uma tris-
contentar a mórbida mania. teza que me angustiava. Definhava-lhe o corpo,
15 Quase da mesma idade, fomos companheiros 50 enquanto lhe crescia assustadoramente o ventre.
inseparáveis na meninice, namorados, noivos e, um  Desconfiado de que a ausência de pedidos em
minha mulher poderia favorecer uma nova es-
dia, nos casamos. Ou melhor, agora posso confes-
pécie de fenômeno, apavorei-me. O médico me
sar que não passamos de simples companheiros.
tranquilizou. Aquela barriga imensa prenunciava
 Enquanto me perdurou a natural inconsequência 55 apenas um filho.
20 da infância, não sofri com as suas esquisitices.
Murilo Rubião, Bárbara, in O pirotécnico Zacarias. São Paulo:
Bárbara era menina franzina e não fazia mal que Ática, 1981
adquirisse formas mais amplas. Assim pensando,
muito tombo levei, subindo a árvores, onde os 1 Para que o esposo de Bárbara não se importas-
olhos ávidos da minha companheira descobriam se com os pedidos feitos por ela, seria necessá-
25 frutas sem sabor ou ninhos de passarinho. Apa- rio que ela desse a ele parte do carinho que era
dado aos bens materiais e engordasse menos.
nhei também algumas surras de meninos aos
quais era obrigado agredir unicamente para reali- 2 A condição física de Bárbara preocupava seu esposo.
zar um desejo de Bárbara. E se retornava com o Tanto que ele era atento a essa questão desde a infân-
rosto ferido, maior se lhe tornava o contentamento. cia, uma vez que eles se conhecem desde a meninice.

Cargo: Agente e Escrivão 2


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

3 Na linha 9, o emprego do acento grave é facultativo.  O processo se desenrolava sem ele, ou pelo me-
nos sem que ele pudesse conhecer a acusação,
4 O pronome “os”, empregado na linha 7, poderia as imputações, os depoimentos e as provas. Era
ser deslocado para depois da forma verbal “reti- 10 impossível ao acusado ter acesso às peças do
ve”, da seguinte forma: retive-os. processo, impossível conhecer a identidade dos
denunciadores, impossível saber o sentido dos
5 Na linha 4, o pronome “lhe” pode ser empregado depoimentos antes de recusar as testemunhas,
após a forma verbal “satisfazer”, da seguinte for- impossível fazer valer, até os últimos momentos
15 do processo, os fatos justificativos, impossível ter
ma: satisfazer-lhe.
um advogado, seja para verificar a regularidade
6 Na linha 4, o pronome “lhe” exerce a função de do processo, seja para participar da defesa.
 Por seu lado, o magistrado tinha direito de rece-
objeto indireto.
ber denúncias anônimas, de esconder ao acusado
20 a natureza da causa, de interrogá-lo de maneira
7 O acento grave indicativo de crase presente na
 capciosa, de usar insinuações. Ele constituía, so-
linha 11 poderia ser suprimido, sem prejuízo à
zinho e com pleno poder, uma verdade com a qual
correção gramatical.
investia o acusado; e essa verdade os juízes a
recebiam pronta sob a forma de peças e relatórios
8 Na linha 13, o sintagma “os sacrifícios” exerce a fun-
25 escritos; para eles, esses documentos sozinhos
ção de complemento verbal na oração em que ocorre.
 comprovavam; só encontravam o acusado uma
vez para interrogá-lo antes de dar a sentença
9 Nas linhas 4, 12 e 13, o pronome “lhe” exerce a
 A forma secreta e escrita do processo confere
mesma função sintática.
com o princípio de que em matéria criminal o es-
30 tabelecimento da verdade era para o soberano e
10 As vírgulas empregadas na linha 12 poderiam ser
 seus juízes um direito absoluto e um poder exclu-
substituídas por travessões ou parênteses, sem
sivo. Ayrault supunha que esse procedimento (já
prejuízo semântico-sintático ao texto.
estabelecido no que tange ao essencial no século
11 Em “mórbida mania” (l.14), o segundo vocábulo clas- XVI) tinha por origem o medo dos tumultos, das gri-
35 tarias e aclamações que o povo normalmente faz,
sifica-se, sintaticamente, como adjunto adnominal.
 o medo de que houvesse desordem, violência e
12 O pronome relativo “que”, na linha 9 do texto, in- impetuosidade contra as partes, talvez até mes-
troduz oração subordinada restritiva. mo contra os juízes; o rei queria mostrar com isso
que a “força soberana” de que se origina o direi-
40 to de punir não pode em caso algum pertencer à
Abaixo, estão presentes trechos adaptados do texto.
multidão.
Julgue-os em certo ou errado em relação à norma culta.
FOUCAULT, Michel. Vigiar e punir, Petrópoles: Vozes, 1996
(com adaptações)
13 Quase da mesma idade, fomos companheiros in-
separáveis na meninice, namorados, noivos e, um
Considerando os aspectos interpretativos e linguísti-
dia, casamos-nos. Ou melhor, agora posso confes-
cos do texto acima, julgue os itens de 16 a 30.
sar que não passamos de simples companheiros.

16 Infere-se do texto que a Inglaterra não aderiu ao


14 Se ao menos ela desviasse para mim parte do
rito secreto do processo criminal por ser um país de
carinho dispensado às coisas que eu lhe dava,
vanguarda no que se referia aos direitos humanos.
ou não engordasse tanto, pouco me teria impor-
tado os sacrifícios que fiz para lhe contentar a 17 O texto apresenta traços da tipologia injuntiva,
mórbida mania. pois há uma intenção de prescrever formas hu-
manistas de condução do processo criminal.
15 Por mais absurdo que pareça, encontravam-me
sempre disposto a lhe satisfazer os caprichos. 18 No trecho “todo o processo criminal” (l. 3), a su-
pressão do artigo prejudicaria as relações se-
1 Durante a Idade Média, na França, como na maior mânticas, mas preservaria a correção gramatical.
parte dos países europeus – com notável exce-
ção da Inglaterra –, todo o processo criminal, até 19 A substituição da palavra “capciosa” (l. 21) por
a sentença, permanecia secreto: ou seja, opaco insidiosa preservaria o sentido original do texto.
5 não só para o público, mas para o próprio acu-
sado. 20 Depreende-se da leitura do texto que atualmente,

Cargo: Agente e Escrivão 3


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

na maior parte dos países ocidentais, o processo tagonistas da crise que levou à destituição do
penal é marcado pelo acesso dos acusados às pro- presidente João Goulart, à direita e à esquerda,
vas e pelo direito ao contraditório e à ampla defesa. não terem feito a devida autocrítica. O primeiro
10 passo para isso seria admitirem que o golpe
21 Na linha 28, a forma verbal “confere” poderia es- poderia ter sido evitado, porque legitimar suas
tar flexionada no plural, sem prejuízo à correção causas justifica as terríveis consequências de 20
gramatical do texto, desde que fosse inserido o anos de ditadura.
artigo a imediatamente após a conjunção e.  Sim, havia um processo de radicalização
15 política em curso desde o suicídio de Getúlio
22 Embora houvesse mudança do sentido original Vargas, em 1954. Com o interregno do governo
do texto, o último trecho poderia ser assim rees- de Juscelino Kubitschek, que também enfrentou
crito, sem prejuízo à correção gramatical: com ameaças de golpe, a crise se aprofundou, depois
isso, o rei queria mostrar como a força soberana da surpreendente renúncia de Jânio Quadros, em
20 1961. O vice-presidente eleito, João Goulart,
que se origina do direito de punir não pode, em
caso algum, pertencer ao povo. representava as forças que haviam apoiado o
general Henrique Teixeira Lott e foram derrotadas
23 A substituição de “interrogá-lo” por interrogar-lhe nas eleições de 1960. Jango só tomou posse
porque houve uma ampla mobilização popular,
prejudicaria a correção gramatical do período. 25 liderada por seu cunhado e então governador
gaúcho, Leonel Brizola, por meio de uma cadeia
24 De acordo com o autor do texto, o fato de o sobe-
de rádios, e mediante o compromisso de gover-
rano e seus juízes terem direito absoluto ao pro-
nar com o Congresso, que havia adotado o parla-
cesso decorre do receio da falta de ordem e da
mentarismo como regime de governo. Esse era o
violência que o povo podia manifestar. 30 ponto de equilíbrio, fragilíssimo, que havia. O
plebiscito que restabeleceu o presidencialismo,
25 No trecho “tinha direito de receber denúncias
em 1963, rompeu-o irremediavelmente. Daí em
anônimas, de esconder ao acusado a natureza
diante, a crise somente se aprofundou.
da causa, de interrogá-lo da maneira mais cap-
 O golpismo faz parte da gênese da política
ciosa, de usar insinuações” (l. 18-21), a preposi- 35 brasileira, desde a Constituição de 1824, outor-
ção de, em todas as ocorrências, deve-se à re- gada por D. Pedro I, depois de fechar a Assem-
gência do termo “direito”. bleia Constituinte de 1823 a golpes de sabre, na
Noite da Agonia. É uma decorrência do fato de
26 Na linha 5, a conjunção “mas” estabelece ideia de que a formação do Estado nacional antecedeu à
oposição entre os direitos do acusado e o do público. 40 própria nação. A ideia de que o Estado pode tudo
e cabe a ele promover as grandes transformações
27 Na linha 3, é facultativo o emprego da vírgula econômicas e sociais está sempre acompanhada
após o travessão, pois este já indica a pausa sin- da certeza de que a sociedade é atrasada e inca-
tática de que o período necessita. paz. No nosso caso, remonta aos 30 anos da
45 regência do Marquês de Pombal, no século XVIII,
28 A substituição de “Por seu lado” (l. 18) por No en- e se tornou uma característica permanente da
tanto preservaria a correção e a coerência do texto. vida nacional após a chegada da família real, com
D. João VI, em 1808.
29 Os termos “secreto” (l. 4) e “um direito absoluto e um
Luiz Carlos Azedo, in Correio Braziliense,
poder exclusivo” (l. 31-32) desempenham, no contex- 31/3/2019, p. 4, com adaptações.
to em que ocorrem, a mesma função sintática.
Levando em conta aspectos linguísticos e estruturais
30 As palavras “juízes” e “constituía” são acentua- do Texto Gran-PCDF2019A, julgue os itens seguintes
das em função da mesma regra. de 31 a 45 como Certo (C) ou Errado (E).

TEXTO GRAN-PCDF2019A 31 Os termos “dos militares” (L. 5) e “de Jânio Qua-


dros” (L. 19) exercem, no contexto em que se
1 O golpe militar de 1964, autodenominado Revo- inserem, a mesma função sintática e possuem
lução Redentora, continua sendo um grande valor semântico restritivo.
trauma para a sociedade brasileira. Essa conclu-
são é óbvia, diante das declarações do presidente 32 A referência do pronome demonstrativo “isso” (L. 10)
5 Jair Bolsonaro e das “rememorações” dos militares pode ser localizada em trecho anterior do texto, e
nos quartéis. A principal razão é o fato de os pro- corresponde a “não terem feito a devida autocrítica”.

Cargo: Agente e Escrivão 4


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

33 Considerando as relações coesivas e morfossintáti- da seguinte maneira: Derrotadas nas eleições


cas do texto, é coerente subentender o complemen- de 1960, as forças pelas quais fora apoiado o
to nominal “do trauma” logo após “razão” (L. 6). general Henrique Teixeira Lott estavam repre-
sentadas pelo vice-presidente João Goulart.
34 A forma verbal impessoal (sem sujeito) “havia”
ocorre nas linhas 14, 21, 28 e 30. 45 Na linha 6, a grafia dos, em lugar de “de os”, faria
surgir um errôneo sujeito preposicionado.
35 Justifica-se a flexão de terceira pessoa plural em
“admitirem” (L. 10) pelo fato de que essa forma QUEM SÃO OS SENHORES DE DAVOS?
verbal apresenta sujeito indeterminado no texto.
1 Para entender os senhores de Davos, temos de
36 A palavra “que” foi empregada com três diferen- recorrer à história da filosofia e ao filósofo Pitá-
tes classificações, respectivamente, nas linhas goras, o homem que, primeiro, conseguiu esta
10, 17 e 21, porém com a mesma classificação proeza extraordinária do pensamento humano:
5 dissociou o número da coisa numerada. Antes
na linha 28 e nas ocorrências das linhas 30 e 31.
de Pitágoras, era necessário que duas vacas e
37 O pronome “o” em “rompeu-o” (L. 32) refere-se a dois bois se apresentassem diante do comer-
“parlamentarismo” (L. 28-29) e exerce função de ciante para que ele pudesse concluir que duas
complemento direto da forma verbal. vacas mais dois bois perfaziam um total de quatro
10 animais. Se vacas e bois, cansados de ser conta-

38 Entre as ocorrências do termo sintático conheci- dos, resolvessem pastar no campo, as aritméticas
do como aposto, podem ser citadas no texto: Jair dos comerciantes desmaiariam.
 Pitágoras veio e disse: “Façamos abstração dos
Bolsonaro (L. 5) e João Goulart (L. 20), mas não
números, pensemos números abstratamente.”
o trecho “no século XVIII” (L. 45). 15 O filósofo separou os números das vacas nume-
radas e deu certo: as contas podiam ser feitas,
39 O trecho “O primeiro passo para isso seria admiti-
mesmo na ausência dos animais, pouco dispostos.
rem que o golpe poderia ter sido evitado” (L. 9-11)
Foi um extraordinário avanço para o ser humano...
pode ser reescrito, mantendo-se as relações coe-
e para as vacas, que puderam pastar em paz.
sivas e a correção gramatical, da seguinte forma: 20 Hoje, neste mesmo instante em que estamos aqui
Para isso, o passo inicial seria a admissão de
reunidos discutindo os malefícios da globalização,
que se poderia ter evitado o golpe.
o que estarão fazendo os Senhores de Davos?
Estão fazendo exatamente o contrário de Pitágo-
40 A locução verbal “haviam apoiado” (L. 21) indi- ras – estão reificando, coisificando os números...
ca que o apoio recebido por Teixeira Lott se deu 25 e fazendo abstração dos seres humanos.
antes da derrota desse general. Tal anterioridade  Os Senhores de Davos pensam no lucro abstrato
justifica o emprego do mais-que-perfeito compos- e esquecem a fome concreta. Os números pas-
to “haviam apoiado”. sam a ser o sujeito da História: alíquotas, juros,
índices Dow Jones e Nasdaq, dividendos... Não a
41 O emprego dos particípios “evitado” (L. 11), “der- 30 saúde, a educação, o trabalho, a habitação e o
rotadas” (L. 22), “liderada” (L. 25), “outorgada” (L. lazer, porque estas são preocupações humanitá-
35-36) e “acompanhada” (L. 42) caracteriza, con- rias e não econômicas.
textualmente, voz passiva verbal.  Essa visão de Economia Abstrata opera tre-
menda divisão da Humanidade, que se torna
42 A reescrita de “a crise somente se aprofundou” (L. 35 tríade: a Primeira Humanidade, que controla o
33) como a crise só foi aprofundada traria pre- Deus-Mercado, verdadeira senhora do mundo; a
juízo à correção gramatical e à coerência textual. Segunda Humanidade, que, a qualquer título, está
dentro do Mercado; e a Terceira Humanidade,
43 A referência do pronome demonstrativo “esse” descartável, inútil, encontre-se ela nos extremos
(L. 29) é coerentemente localizada na ideia de 40 da África ou no ventre dos Estados Unidos.
adoção do parlamentarismo, expressa na linha  Não quero parodiar filósofos, não quero imitar
precedente do texto. Descartes, mas creio que hoje devemos dizer: “Eu
estou no mercado, logo existo”. Ai de quem não pu-
44 Pode-se reescrever o trecho “O vice-presidente der pronunciar essa frase terrível: será condenado
eleito, João Goulart, representava as forças que 45 à Terceira Humanidade e será, com ela, descar-
haviam apoiado o general Henrique Teixeira Lott tado!
e foram derrotadas nas eleições de 1960” (L. 20-
23), sem incorrer em transgressão gramatical,

Cargo: Agente e Escrivão 5


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

 Nós queremos a Paz, não a Guerra! Queremos 5 O fato se passa numa terça-feira de carnaval,
Paz, sim, mas nunca a Passividade! Queremos mas não faço alegoria. Não me refiro velada-
conter a metástase da globalização. mente a um pierrô malvado que sequestra uma
indefesa colombina... É carnaval, mas estou
Augusto Boal. Revista Caros Amigos. (com adaptações). sentado à minha mesa de trabalho e é a trinta
10 centímetros de mim, sob a borda da janela, que
Considerando as ideias do texto, julgue as assertivas se processa esse assassinato.
a seguir.  Detenho-me e observo. A mariposa se agita pre-
sa por fios invisíveis, e já da sombra surge a
46 O texto, predominantemente narrativo, apresenta aranha, pequenina, dedilhante. A princípio sou
a história da filosofia e de Pitágoras. 15 pura curiosidade: a aranha é muito menor que a
mariposa, que irá fazer? Aproxima-se, faz uma
47 O emprego do tempo e modo verbais de “faça- volta em torno dela, detém-se em certos pontos,
mos” e de “pensemos” (l. 13 e 14) indica uma su- move afanosamente as pernas. A mariposa se
gestão para o raciocínio que se segue. agita menos, enleada. É quando intervém em
20 mim o sentimento: a aranha vai devorá-la! O seu
48 A argumentação do texto reforça a ideia de que a trabalho agora é sinistro: sobe na mariposa, tece-
visão dos Senhores de Davos de economia abs- -lhe na cabeça, procura virá-la, muda de posição
trata é justa e igualitária. – upa! – vira-a. Parece um homem trabalhando,
amarrando sua presa.
49 Depreende-se que a visão de economia dos Senho- 25 Ouço distante o rumor de um bloco que passa
res de Davos divide satisfatoriamente a humanidade. lá na rua dos fundos. O Rio inteiro está mergu-
lhado na folia, e é como se a aranha aproveitasse
50 A conjunção “mas” (l. 42) pode ser substituída essa distração para cometer o seu crime silen-
sem prejuízo à gramática ou ao sentido do texto cioso. Por acaso, um dos habitantes da cidade
por qualquer dos seguintes: porém, contudo, to- 30 – eu – ficou em casa, e com isso a aranha não
davia e conquanto. contava. Sou a testemunha. Mais que isso: posso
evitar o crime. Bastaria um gesto meu e a mari-
Julgue os itens que se seguem, relativos às estruturas posa estaria salva. Devo fazê-lo?
linguísticas do texto.  Enquanto isso, a aranha continua sua faina
35 sinistra. Agora arrasta a mariposa, já imobilizada,
51 Em “à história” (l. 2), caso o vocábulo “história” para aquele canto da sombra, sob o parapeito,
fosse empregado no plural, o acento indicativo de donde saíra momentos antes. Percebo na aranha
crase deveria ser mantido. uma inteligência quase humana. Pobre mariposa,
e o carnaval troando lá fora! Vou salvá-la. Ergo a
40 mão, mas vacilo como uma divindade irresoluta.
52 A alteração da flexão de plural do pronome “qual-
quer” (l. 37) para a forma plural – quaisquer – Um segundo, minha mão onipotente detém-se
acarretaria incorreção gramatical ao texto. erguida no ar.
 Enfim, para que servem as mariposas?
53 A substituição da forma verbal “esquecem” (l. 27) por  – Para que as aranhas as comam – responde-me
45 a aranha sem interromper seu serviço.
esquecer-se não demandaria outras alterações no
texto para que mantenha a correção gramatical.  – Sim, mas para que servem as aranhas?
 – Para comer as mariposas.
54 Em “que se torna tríade” (l. 34 e 35), o desloca-  – Ora bolas, mas para que servem as aranhas e
mento do pronome “se” para logo após a forma as mariposas?
50 A aranha já não se dignou responder. A essa altura
verbal “torna” prejudicaria a correção gramatical
do período. sumira com a mariposa sob o parapeito da janela.
Alguém, providencialmente, bate à porta do escri-
55 A oração introduzida pelo elemento “que” (l. 8) fun- tório e me chama à realidade dos homens.
ciona como complemento do verbo “concluir” (l. 8).
Ferreira Gullar. A estranha vida banal.
TESTEMUNHO
Com base no texto, julgue os itens seguintes.
1 VEJO UMA ARANHA caçar uma mariposa – eis o
problema. Mato a aranha? Deixo a aranha viva e 56 Com o diálogo no final do texto, conclui-se que a ara-
salvo a mariposa? Deixo a aranha devorar a mari- nha terá uma atitude altruísta em relação à mariposa.
posa?

Cargo: Agente e Escrivão 6


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

57 O pronome pessoal “eu” (l. 30) desempenha a “Existem” (l. 26).


função sintática de sujeito do verbo ficar.
63 Sem prejuízo para a correção gramatical do tex-
58 O vocábulo “que” (l. 7) retoma por coesão a ex- to, a forma verbal “se limitam” (l. 1 e 2) poderia
pressão “pierrô malvado” (l. 7) e ambos exercem ser flexionada no singular.
a mesma função sintática nas orações em que
se inserem. 64 O verbo “pensam” (l. 5) deveria estar na 1ª pes-
soa do plural (pensamos) para concordar com o
59 A expressão “o sentimento” (l. 20) exerce função sintá- núcleo do sujeito da oração em que se insere:
tica de complemento direto da forma verbal “intervém”. “nós”.

60 Ao contrário de “hífens” e “hímens”, a palavra “ara- 65 As palavras “impotência” e “espécie” são acentu-
nha”, quando empregada no plural, não é acentuada. adas de acordo com a mesma regra de acentu-
ação gráfica.
1 A maioria dos comentários sobre crimes ou se
limitam a pedir de volta o autoritarismo ou a culpar 1 Os juízes que se deparam com o tema dos con-
a violência do cinema e da televisão por excitar flitos familiares e da violência doméstica assis-
a imaginação criminosa dos jovens. Poucos de tem a situações de violência extrema, marcadas
5 nós pensam que vivemos em uma sociedade que pelo abuso das relações de afeto e parentesco,
estimula, de forma sistemática, a passividade, o 5 pela deslealdade nas relações íntimas de afeto
rancor, a impotência, a inveja e o sentimento de  e confiança. A violência doméstica exclui e segre-
nulidade nas pessoas. Não podemos interferir na ga os integrantes da família, pois as vítimas são
política, porque nos ensinaram a perder o gosto muitas vezes consideradas responsáveis pelas
10 pelo bem comum; não podemos tentar mudar agressões que sofrem. É a mulher agredida quem
nossas relações afetivas, porque isso é assunto 10 “gosta de apanhar”, é a criança espancada quem
de cientistas; não podemos, enfim, imaginar “provoca” os pais. Obviamente os membros da
modos de viver mais dignos, mais cooperativos e família ficam apavorados diante da possibilidade
solidários, porque isso é coisa de “obscurantista, da agressão e da exclusão e temem pela própria
15 idealista, perdedor ou ideólogo fanático”, e o vida quando dependem da família para sobreviver
mundo é dos fazedores de dinheiro. 15 emocional ou materialmente. Assim, todos são
 Somos uma espécie que possui o poder da ima- atingidos pela agressão a um deles dirigida.
ginação, da criatividade, da afirmação e da agres-  Importa destacar que a violência intrafamiliar pode
sividade. Se isso não pode aparecer, surge, no  se dar tanto de forma omissiva, pela ausência de
20 lugar, a reação cega ao que nos impede de criar, cuidados necessários ao desenvolvimento do in-
de colocar no mundo algo de nossa marca, de 20 divíduo, de alimentação regular e abrigo, quanto
nosso desejo, de nossa vontade de poder. Quem comissiva, pela prática de atos que violam a
sabe e pode usar – com firmeza, agressividade, liberdade e a integridade física e psíquica da
criatividade e afirmatividade – a sua capacidade vítima, agressões físicas ou verbais. Esses atos
25 de doar e transformar a vida, raramente precisa são capazes de gerar sentimento de insegurança
matar inocentes de maneira bruta. Existem mil 25 nos membros da família. No âmbito doméstico,
outras maneiras de nos sentirmos potentes, de as agressões decorrem da vontade de dominar e
nos sentirmos capazes de imprimir um curso subjugar o mais fraco, da luta por poder dentro
à vida que não seja pela força das armas, da de casa. A maior parte dos ataques tem motivos
30 violência física ou da evasão pelas drogas, legais banais, como o espancamento de mulheres que
ou ilegais, pouco importa. 30 se recusam a preparar o almoço ou a esquentar a
comida dos companheiros, ou, como no caso das
Jurandir Freire Costa. In: Quatro autores em busca do Brasil.
Rio de Janeiro: Rocco, 2009, p. 43 (com adaptações).
crianças, o choro excessivo.
 O processo judicial restaura a verdade dos fatos.
A respeito das ideias e das estruturas linguísticas do O agressor é sentado no banco dos réus e é tra-
35 tado como tal. A vítima tem o direito de expor a
texto, julgue os itens seguintes.
dor, o sofrimento e exigir a reparação devida.
61 Depreende-se do texto que o autor culpa o cine- Muitas vezes não se persegue o encarceramento
ma e a televisão por incentivar a violência entre do agressor, mas apenas a responsabilização
os jovens. pelos atos, de natureza cível ou criminal. O juiz
40 observa as partes com os olhos da lei, da equi-

62 A expressão “mil outras maneiras” (l. 26 e 27) dade, da justiça. A justiça analisa tais casos
exerce a função de complemento da forma verbal dia após dia, noite após noite, e os diversos

Cargo: Agente e Escrivão 7


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

 agentes envolvidos no amparo e proteção às ví- REDAÇÃO OFICIAL


timas desenvolvem sensibilidade especial para o (Lucas Gonçalves)
45 tema. E, movidos pela empatia com os mais fracos
nas relações sociais e familiares, buscam ajudar Com relação a aspectos gerais de forma e de lingua-
a restabelecer a linguagem de respeito entre os gem das comunicações oficiais, julgue os itens que se
membros da comunidade familiar, propiciando seguem, conforme a 3ª edição do Manual de Reda-
 o resgate dos sentimentos que a mantêm coesa ção da Presidência da República de 2018 (MRPR).
50 e saudável.
76 Na nova edição do MRPR, fica extinta a distinção
Theresa Karina de Figueiredo Gaudêncio Barbosa. Paz em casa.
dos documentos do padrão ofício e passa-se a
In: Correio Braziliense, 26/02/2015 (com adaptações). utilizar o termo ofício nos três casos.

Quanto às ideias e aos aspectos linguísticos do texto, 77 O documento conhecido como Ofício Conjunto
julgue os itens que se seguem. Circular ocorre quando mais de um órgão envia,
conjuntamente, o mesmo expediente para um
66 O texto, predominantemente descritivo, apresen- único órgão receptor.
ta características sobre a violência doméstica.
78 O documento conhecido como comunicação in-
67 Está evidente na leitura do texto que as vítimas terministerial é aquele que se dirige a mais de
são geralmente tratadas por seus agressores um Ministro.
como culpadas pelos ataques que sofrem.
79 Visto que se trata de autoridades do poder públi-
68 Depreende-se das ideias do texto que os agentes co, o pronome de tratamento adequado para se
envolvidos com o tema dos conflitos familiares se referir a Ministros de Estado e a Governadores
identificam com as vítimas, buscando reparar o deve ser Vossa Excelência.
respeito entre os membros da família.
80 Ao apresentar uma medida provisória, o Presiden-
69 O sujeito da oração iniciada pela forma verbal te da República deve apresentar tal medida me-
“assistem” (l. 2-3) é indeterminado. diante ofício, pois esta é uma exigência do princí-
pio da publicidade das comunicações oficiais.
70 A conjunção “mas” (l. 38) pode ser substituída
sem prejuízo gramatical ou para o sentido do tex- 81 O novo manual prevê o documento conhecido como
to por qualquer dos seguintes: porém, contudo, ofício conjunto circular, que deve ser utilizado quan-
todavia e conquanto. do mais de um órgão envia, conjuntamente, o mes-
mo expediente para um único órgão receptor.
71 No trecho “proteção às vítimas” (l. 43 e 44), o uso
do sinal indicativo de crase é opcional, razão pela
82 O MRPR disciplina o uso dos fechos para todas
qual a sua supressão não acarretaria prejuízo
as autoridades, inclusive para as estrangeiras
para a correção gramatical do texto.
que estão em território nacional.

72 A preposição “para” (l. 14), que expressa finalida-


83 Nas comunicações oficiais, como forma de de-
de, introduz uma oração circunstancial.
monstração de respeito, deve-se empregar a for-
ma de tratamento Doutor ao se dirigir ao Delega-
73 A partícula “se” é empregada, no trecho “Muitas
do de Polícia.
vezes não se persegue o encarceramento do
agressor” (l. 37 e 38), como índice de indetermi-
84 Como não existe padrão definido para a estrutu-
nação do sujeito, o que confere maior formalida-
ra das mensagens enviadas por meio de correio
de ao texto.
eletrônico, não há orientações acerca da lingua-
gem a ser empregada nessas comunicações.
74 A oração iniciada pela conjunção “que” (l. 17) fun-
ciona como complemento direto da forma verbal
“destacar” (l. 17). 85 O presidente da República deve encaminhar a
medida provisória ou realizar a indicação de au-
75 O emprego da forma verbal “restaura” (l. 33), no toridades mediante ofício, pois esta é uma exi-
indicativo, introduz uma certeza para o raciocínio gência do princípio da publicidade das comuni-
que se segue. cações oficiais.

Cargo: Agente e Escrivão 8


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

86 O MRPR estabelece um padrão oficial de lingua- Um advogado presente no julgamento de três suspei-
gem, o qual indica que os textos oficiais devem tos (André, Beto e Carlos) tentou adivinhar a sentença
ser redigidos de maneira formal e impessoal. final e sugeriu que:
P: André seria condenado por corrupção.
87 Como vocativo das comunicações destinadas a Q: Beto seria absolvido.
delegados de polícia, recomenda-se evitar o títu- R: Carlos seria condenado por tráfico de drogas.
lo acadêmico Doutor e usar o pronome Senhor.
Com base no texto, julgue os itens 99 ao 108:
88 Emprega-se o fecho Atenciosamente em comuni-
cações oficiais dirigidas a autoridades de mesma
99 A expressão “Se André não foi condenado por
hierarquia ou de hierarquia inferior à do remetente.
corrupção, porém Carlos foi condenado por tráfi-
co de drogas, então Beto não foi absolvido” pode
89 Nas comunicações oficiais, é imprescindível evi-
ser simbolizada por (~P ∧ R) ↔ (~Q).
tar qualquer tipo de uso de linguagem técnica.
P: André seria condenado por corrupção.
90 Na nova edição do MRPR, ficou abolida aquela dis-
Q: Beto seria absolvido.
tinção entre ofício, aviso e memorando para pas-
R: Carlos seria condenado por tráfico de drogas.
sar-se a utilizar o termo ofício nas três hipóteses.
100 Considerando que as proposições P e Q são
91 Para a indicação de autoridades ou o encaminha-
ambas verdadeiras, então a proposição “Beto foi
mento de medida provisória, o expediente utiliza-
absolvido, caso André não tenha sido condenado
do deve ser a mensagem.
por corrupção” é falsa.
92 Decorre do princípio da moralidade que deve
101 Considerando que a proposição Q é falsa, então
haver marcas de prescrições pessoais em docu-
a proposição “Beto foi absolvido, logo ele voltará
mentos oficiais.
a trabalhar a partir de amanhã” é verdadeira.
93 O princípio da moralidade, que rege toda a Admi-
102 A proposição (P ∧ Q) → (P ∨ Q) é uma tautologia.
nistração Pública, deve nortear a elaboração das
comunicações oficiais.
103 P1: Se André foi condenado por corrupção então

94 Nas comunicações oficiais, há sempre um único Beto foi absolvido.


comunicador, o serviço público, sendo os recep- P2: Se André não foi condenado por corrupção en-
tores dessas comunicações o próprio serviço pú- tão Carlos não foi condenado por tráfico de drogas.
blico ou o conjunto de cidadãos ou instituições, P3:Carlos foi condenado por tráfico de drogas.
estes tratados de forma heterogênea. C: Beto foi absolvido.
O argumento formado pelas premissas P1, P2,
95 O vocativo a ser empregado em comunicações P3 e a conclusão C é um argumento válido.
oficiais a um secretário de segurança é Senhor
104 A negação da proposição “Beto foi absolvido ou
Secretário.
André foi condenado por corrupção” pode ser ex-
96 Os documentos que contenham mais de uma pá- pressa por “Beto não foi absolvido nem André foi
gina poderão ser impressos em ambas as faces condenado por corrupção”.
das folhas de papel, desde que invertam as pá-
105 A negação da sentença “O policial entende que
ginas ímpares.
o réu tem culpa” é “O policial entende que o réu
97 Em documentos que compõem o padrão ofício, não tem culpa”.
deve ser utilizada a fonte Calibri ou Carlito para
106 A expressão “Se Antônio José é policial civil, en-
escrita dos textos.
tão José Antônio não é policial civil” é equivalente
a “Se José Antônio não é policial civil, então Antô-
RACIOCÍNIO LÓGICO
nio José é policial civil”.
(Josimar Padilha/Marcelo Leite)
107 A sequência a seguir é formada pela repetição
98 A proposição “A morte é uma consequência da das letras da palavra PCDF.
vida aqui nesse mundo.” pode ser simbolizada “P, C, D, F, P, C, D, F, P, C, D, F, P...”
por P → Q, onde P e Q são proposições simples. A letra que estar localizada na 134ª posição
será “C”.

Cargo: Agente e Escrivão 9


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

108 As agentes de polícia Ana, Bia e Clara, passando Considere as seguintes proposições.
em frente a uma farmácia, resolveram se pesar,
porém a balança somente marcava peso correto • P1: Se a empresa privada causar prejuízos à
acima de 100 kg. Então, tiveram a ideia de pesa- sociedade brasiliense e se o governo do DF não
rem juntas, pois qualquer dupla assim formada interferir na sua gestão, o governo do DF será
irá pesar mais que 100 kg. Ao pesarem as du- visto como fraco.
plas, constatou-se que: • P2: Se o governo do DF for visto como fraco, a
Ana e Bia juntas pesam 105 kg; popularidade do governo do DF cairá.
Ana e Clara juntas pesam 110 kg;
Bia e Clara juntas pesam 115 kg. Tendo como referência essas proposições, julgue o
Assim, o peso de Clara será 60 kg. item seguinte, a respeito da lógica de argumentação.

Na 26ª D.P., localizada em Samambaia-DF, serão 114 O argumento em que as proposições P1 e P2 são
formadas equipes para a investigação de tráfico de as premissas e a conclusão é a proposição “Se
drogas na região. Considerando que nessa delegacia a empresa privada causar prejuízos à sociedade
existem 3 delegados, entres eles o delegado André; brasiliense e se o governo do DF não interferir
12 agentes, entre eles os agentes Beto e Carlos; 4 na sua gestão, a popularidade do governo do DF
escrivães, entre eles a escrivã Daniela; e que todos cairá. ” é um argumento válido.
os policiais poderão participar das equipes, julgue os
itens 109 e 110 a seguir: 115 Um shopping de Brasília realizou uma pesqui-
sa sobre a preferência do público quanto à pre-
109 Caso a equipe tenha somente 4 agentes, sendo miação para quem realizar compras de final de
que na equipe esteja sempre presente o agente ano nas lojas parceiras. Nessa pesquisa, foram
Beto, assim poderão ser formadas mais de 160 entrevistadas 250 pessoas, entre homens e mu-
equipes distintas. lheres, escolhidas aleatoriamente. Desse grupo,
100 eram mulheres, e dessas 40 não preferem
110 No dia 30 de março, será formada uma equipe carro como premiação. Se o total de pessoas
com 2 agentes para acompanhar o delegado An- pesquisadas que têm preferência por carro foi de
dré, sendo que um agente irá trabalhar no perí- 170 pessoas, o número de homens que não têm
odo matutino (das 8:00 às 12:00) e o outro no preferência por carro como premiação de final de
período vespertino (das 14:00 às 18:00). Consi- ano é igual a 40.
derando essas informações, é possível que se-
jam formadas mais de 130 equipes distintas. 116 Um shopping de Brasília realizou uma pesquisa
sobre a preferência do público quanto à premia-
Uma pesquisa realizada na 15ª Delegacia Policial, ção para quem realizar compras de final de ano
localizada em Ceilândia-DF, sobre as ocorrências no nas lojas parceiras. Nessa pesquisa, foram entre-
período de 10 a 14 de março do ano corrente, cons- vistadas 250 pessoas, entre homens e mulheres,
tatou que, das 500 pessoas presas no período, 300 escolhidas aleatoriamente. Desse grupo, 100
foram presas por roubo; 250 por tráfico de drogas e eram mulheres, e dessas 40 não preferem carro
100 foram presas por outros delitos. Com base nessa como premiação. Se o total de pessoas pesqui-
informação julgue os itens 111 e 112 a seguir: sadas que têm preferência por carro foi de 170
pessoas, a probabilidade de sortear uma pessoa
111 Menos de 148 pessoas foram presas pelos cri- entrevistada e essa não preferir carro, sabendo
mes de roubo e tráfico de drogas. que foi um homem, é superior a 30%.

112 Ao escolher aleatoriamente uma pessoa que foi


117 Considerando os conjuntos Alfa, Bravo e Charlie
presa no período mencionado, a chance de ela
e suas intersecções, não existem elementos na
ter sido detida por tráfico de drogas, porém não
intersecção dos 3 conjuntos. O número de ele-
ter sido presa por roubo, é de 20%.
mentos dos conjuntos Alfa, Bravo e Charlie são
respectivamente 35, 32 e 33. O total de elemen-
Julgue o item que segue, a respeito de lógica proposicional.
tos que pertencem a apenas um desses conjun-
tos é igual a 46. O número total de elementos
113 Se A e B forem proposições simples, então a pro-
desses 3 conjuntos é superior a 75.
posição ¬[A ∨ (¬B) ]↔[ (¬A) ∧B] é uma tautologia.
118 Considere falsa a afirmação “Renato é policial
militar e Claudia é policial civil”, e verdadeira a
afirmação “se Renato é policial militar, então

Cargo: Agente e Escrivão 10


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

Claudia é policial civil”. Nessas condições, é ne- afirmar que a reposta para a pergunta seria “não”.
cessariamente falso que Renato é policial militar.
124 Ana, Marcos e Priscila são advogados que atuam
119 A negação lógica da sentença “se estou de dieta, en- exclusivamente em uma das seguintes áreas do
tão fecho a boca” é “estou de deita e fecho a boca”. direito: família, trabalhista ou criminal, mas não
necessariamente nessa ordem. Sabendo que
Considere que haja elementos em todas as seções e Ana não atua na área de família, Marcos ou Pris-
interseções do diagrama. cila atuam na área trabalhista, e Priscila e Ana
não atuam na área trabalhista, deduzimos ser
verdade que Antônia atua na área da família, Má-
rio na área trabalhista, e Paula na área criminal.

125 De acordo com a sequência (7; 5; 10; 8; 16; 14;


28; 26; 52; . . .) e sua lei de formação, a diferença
entre o 16º e o 13º termo dessa sequência, nessa
ordem, é superior a 200.

Uma equipe da Polícia Civil do DF precisa descobrir a


posição correta de um esconderijo e, para tal, dispõe
120 A partir dessas informações, é correto afirmar
somente do pedaço de um bilhete rasgado.
que qualquer elemento de D que não é elemento
de B é também elemento de C ou elemento de A.
Considere verdadeiras as seguintes informações:
I – Se Neide é juíza, então Daiane é advogada.
II – Se Eduardo é administrador judiciário, então
Claudia é delegada.
III – Daiane é advogada se, e somente se, Mário
for desembargador.
IV – Todo administrador judiciário é formado em
Administração.
A equipe situa-se na posição desse poço que se en-
contra dentro de um terreno de área circular de raio
121 Sabendo-se que Mário não é desembargador e
igual a 100 passos e não possui bússola para indicar o
que Eduardo não é formado em Administração,
norte. Além disso, é noite. O bilhete rasgado não deixa
é correto afirmar que Neide não é juíza se, e so-
claro se o número de passos a ser dado é de múltiplos
mente se, Claudia não for delegada.
de três ou de oito. Entretanto, a equipe é formada por
peritos que entendem de métodos de contagem e que
122 Considerando que (∀x)A(x) e (∃x)A(x) são propo-
decidem usar o princípio da inclusão-exclusão: “Sen-
sições, é correto afirmar que a proposição (∀x)
do A e B conjuntos cujo número de elementos é dado
A(x) → (∃x)A(x) é avaliada como V em qualquer
conjunto em que x assuma valores. por n (A) e n (B), respectivamente, então n (A ∪ B) =
n(A) + n(B) – n(A ∩ B), em que n(A ∪ B) é o número
André, Policial Civil do DF, é aficionado a raciocínio de elementos que pertence a pelo menos um dos con-
lógico e, em certo dia, realizou o seguinte desafio aos juntos A e B”.
seus colegas de trabalho:
126 Com base nesse princípio, o número máximo de
Pegou quatro cartões, escreveu um número em um tentativas que a equipe terá de realizar para en-
lado, e no outro uma letra, segundo ilustrado abaixo. contrar o esconderijo é superior a 45.

127 Suponha que, no Sindicato do Policiais Civis do


DF, trabalhem 5 peritos em tecnologia da infor-
mação. Uma nova rede de computadores será
projetada e implementada para modernização
Então, afirmou: “Todos os cartões que têm uma vogal dos processos. Para tanto, será montada uma
numa face têm um número par na outra”. E perguntou equipe com 4 analistas, sendo 2 responsáveis
para seus colegas: “Para verificar se tal afirmação é ver- unicamente por projetar a rede, e outros 2 res-
dadeira, é suficiente virar o primeiro e o último cartão?” ponsáveis unicamente por instalar e configurar a
rede. Dessa forma, a quantidade de equipes dis-
123 Com relação ao questionamento de André, podemos

Cargo: Agente e Escrivão 11


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

tintas que podem ser formadas para a execução 133 A proposição “Alguém que será considerado cul-
da tarefa é superior a 35. pado ou condenado sem julgamento” é uma pro-
posição logicamente equivalente à negação da
Um argumento constituído por uma sequência de três proposição acima.
proposições – P1, P2 e P3, em que P1 e P2 são as
premissas e P3 é a conclusão – é considerado válido Julgue o item a seguir acerca de contagens.
se, a partir das premissas P1 e P2, assumidas como
verdadeiras, obtém-se a conclusão P3, também ver- 134 Em uma competição de tiro ao alvo, os julgamen-
dadeira por consequência lógica das premissas. A tos das provas são feitos em comissões compos-
respeito das formas válidas de argumentos, julgue o tas por 3 juízes de uma turma de 5 superiores.
próximo item. Nessa situação, a quantidade de maneiras dife-
rentes de se consti­tuírem essas comissões são
Considere a seguinte sequência de proposições. superioras a 12.
P1: Existem políticos que são psicólogos.
P2: Nenhum político é imprudente. 135 Uma mesa circular tem 8 lugares, que serão ocu-
P3: Nenhum psicólogo é imprudente. pados pelos 8 participantes de uma reunião. Nes-
sa situação, o número de formas diferentes para
128 Nessas condições, é correto concluir que o ar- se ocupar esses lugares com os participantes da
gumento de premissas P1 e P2 e conclusão P3 reunião é superior a 8000.
é válido.
136 Segundo o controle de qualidade de uma empre-
Considere as proposições P, Q e R a seguir. sa vendedora de armas de fogo, a probabilidade de
uma arma pistola ponto (.) 40 apresentar falha é de
P: Se Joana é analista judiciária ou procuradora de 0,10. Três pessoas compram uma pistola .40. A pro-
justiça, então Jane foi aprovada em concurso público. babilidade de somente duas dessas pessoas terem
Q: Joana foi aprovada em concurso público. comprado a arma com falha é superior a 0,03.
R: Joana é analista judiciária ou procuradora de justiça.
137 A probabilidade da união de dois eventos, X e
129 Nesse caso, se P e Q forem V, então R também Y, é conhecida, sendo igual a 80%, enquanto a
será V. probabilidade da união de seus complementares
é igual a 70%. Assim, se a probabilidade de X é
Julgue o item a seguir, relativo a raciocínio lógico. igual a 40%, então P (Y) é igual a 70%.

130 Caso a proposição simples “Servidores públicos


138 Para uma população de 10 indivíduos suspei-
são idosos” tenha valor lógico falso, então o va-
tos de terem cometido um crime, é retirada uma
lor lógico da proposição “Servidores públicos são
amostra de 3 indivíduos, sem reposição. Assim, o
idosos, logo eles devem repousar” será falso.
número de amostras possíveis é superior a 700.
131 Representando por A e B as proposições “Mário
139 Considerando como falsa a declaração: “Se eu
tem tempo suficiente para estudar ” e “Mário será
não comer bolo de baunilha, então não comerei
aprovado nesse curso da Polícia Civil”, respecti-
de flocos, mas comerei de chocolate”, a declara-
vamente, então a proposição “Mário ser aprova-
ção “O cliente não comeu bolo de baunilha, mas
do nesse curso da Polícia Civil é condição neces-
comeu bolo de chocolate” será verdadeira.
sária para que ele tenha tempo suficiente para
estudar” é equivalente a A→ B.
Considerando N como o conjunto dos números natu-
Considerando a proposição P: “Se Josias se dedicar rais, Z como o conjunto dos números inteiros, Q como
o bastante, então alcançará o que desejar”, julgue o o conjunto dos números racionais, R como o conjunto
item a seguir. dos números reais e XC como o complementar do con-
junto X, julgue os itens acerca dos conjuntos numéri-
132 A negação da proposição P pode ser correta­mente cos, de suas operações, propriedades e aplicações,
expressa por “Josias não se dedicou o bastante, das operações com conjuntos e da compreensão das
mas, mesmo assim, alcançou o que desejava” estruturas lógicas e dos respectivos diagramas.

Considere a seguinte proposição: “Ninguém será con- 140 O valor do item acerca dos conjuntos numérico
siderado culpado ou condenado sem julgamento”. Jul- (π ∈ R) ^ (√3 ∈ Q)) é V.
gue o item acerca dessa proposição.
141 (NC N C) = (R – Z).

Cargo: Agente e Escrivão 12


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

142 É correto afirmar que o diagrama abaixo repre-


senta corretamente a afirmação: “Se não é um
número real, então não é um número natural”.

Sabendo que cada um dos 40 funcionários de uma em-


presa tem pelo menos uma das habilidades A, B ou C; A partir dessas informações, é correto afirmar que
nenhum deles tem as três habilidades; 21 deles não “qualquer elemento de D que não é elemento de
têm a habilidade A; 20 deles não têm a habilidade B e B é também elemento de C ou elemento de A.”
24 deles não têm a habilidade C; julgue o seguinte item:
149 Dadas as proposições:
143 O número de funcionários dessa empresa que Todo candidato bem preparado faz uma boa prova.
tem duas das habilidades A, B ou C é superior Alguns candidatos que fazem boa prova são
a 20. aprovados no concurso.
É correto inferir que qualquer candidato bem pre-
144 Sejam dadas as proposições simples abaixo: parado é aprovado no concurso.

A: Brasília é a capital do Brasil. Nas figuras da sequência a seguir, a letra A sempre


B: Jair Bolsonaro foi eleito Presidente do Brasil ocupa uma posição que será chamada de ponta. Já a
nas eleições de 2018. letra B sempre ocupa uma posição que será chamada
de fundo. Na 4ª figura da sequência, as duas letras
Considerando os valores lógicos de A e B, pode-se afir- estão em posições consecutivas, o que acontece tam-
mar que a proposição a condicional A → B é verdadeira. bém na 5ª figura e não acontece nas três primeiras
figuras.
145 Considere as proposições:

Se Ana é costureira, então Bruno não é pedreiro.


Se Bruno não é pedreiro, então César é servente.
Se César é servente, então Débora não é faxineira.
Se Débora não é faxineira, então Eliana é cozinheira.
Se Eliana é cozinheira, então Francisco não é
mecânico.
Francisco é mecânico.

A partir dessas afirmações, é correto concluir que Cé-


sar não é servente.

146 Julgue o item: A proposição composta “Se Rafael


é inteligente e Fabrício é chato, então Rafael
é inteligente ou Fabrício é chato” representa
uma tautologia. Julgue o item:

147 Julgue o item: A negação da proposição com- 150 Sabendo que essa sequência foi criada com um
posta “Gosto de ouvir clássicos e amo cantar padrão lógico e que é ilimitada, então o número
forró ou troco isso por uma praia” é dada por de vezes em que as duas letras estão em posi-
“Não gosto de ouvir clássicos e não amo cantar ções consecutivas, nas cento e nove primeiras
forró ou não troco isso por uma praia.” figuras, é igual a 28 vezes.

148 Considere que haja elementos em todas as se- Um anagrama (do grego ana = voltar ou repetir + gra-
ções e interseções do diagrama. phein = escrever) é uma espécie de jogo de palavras
que resulta do rearranjo das letras de uma palavra ou
expressão para produzir outras palavras ou expres-

Cargo: Agente e Escrivão 13


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

sões, utilizando todas as letras originais exatamente 156 Um azulejista deve cobrir uma parede de forma re-
uma vez. Um exemplo conhecido é a personagem Ira- tangular de dimensões 3 m por 4,5 m. Ele dispõe
cema, anagrama de América, no romance de José de de azulejos de forma quadrada com lado medindo
Alencar. Com base nessas informações, julgue o item 15 cm. Nessas circunstâncias, o número mínimo de
a respeito do princípio da contagem, de permutações, peças de azulejo que o azulejista vai precisar para
de combinações e do cálculo de probabilidade. cobrir totalmente a parede é igual a 600.

151 Há mais de 160.000 anagramas possíveis de se- 157 Se somarmos três unidades ao dobro do núme-
rem obtidos a partir da palavra “ASSISTENTE”. ro x, obteremos o mesmo resultado que alcan-
çamos ao subtrair duas unidades do triplo do
Uma investigadora e um escrivão às vezes viajam du- mesmo número x. Dessa forma, o quádruplo do
rante suas férias. Estando de férias, a probabilidade número x é inferior a 18.
de ela viajar para o Rio de Janeiro é de 0,54; de viajar
para a Bahia é de 0,32; a probabilidade de viajar para 158 A lógica bivalente não obedece ao princípio do
o Rio de Janeiro e para a Bahia é 0,18. Estando ele terceiro excluído, segundo o qual toda proposi-
de férias, a probabilidade de ele viajar para São Paulo ção ou é verdadeira ou é falsa, não havendo uma
é de 0,51; de viajar para Minas Gerais é de 0,38; a terceira opção.
probabilidade de viajar para São Paulo e para Minas
Gerais é de 0,16. Com base nessas informações, jul- 159 Julgue o item que segue, a respeito de lógica
gue o item. proposicional.
A sentença “É justo aprender, durante toda a
152 A probabilidade de, durante as férias deles, a vida, a língua portuguesa?” é uma proposição ló-
investigadora não viajar (nem para o Rio de Ja- gica composta.
neiro nem para a Bahia) e de o escrivão viajar
(para São Paulo ou para Minas Gerais) é inferior 160 As proposições P e Q a seguir referem-se ao de-
a 25%. poimento sobre determinado ilícito penal:
P: “O acusado não é inocente.”
153 Julgue: Em um presídio com 750 detentos,
Q: “O acusado não estava na cena do crime.”
sabe-se que 130 deles foram condenados por
A proposição “Caso o acusado não esteja na
latrocínio, 180 por estupro e 30 por latrocínio e
cena do crime, o acusado é inocente” pode ser
estupro. Nesse caso, escolhendo-se aleatoria-
representada simbolicamente por Q↔(~P).
mente um detento desse presídio, a probabilida-
de de ele ter cometido estupro, mas não latrocí-
161 Se as proposições “A declaração da vítima foi
nio é inferior a 0,25.
feita espontaneamente” e “A declaração da ví-
tima incrimina o acusado” forem falsas, então a
De acordo com a situação hipotética abaixo, julgue o
proposição “Se a declaração da vítima foi feita
item.
espontaneamente então a declaração da vítima
incrimina o acusado” será verdadeira.
154 A cada 5 dias, independentemente de ser dia de
semana, final de semana ou feriado, determinada
162 A proposição (P ^ Q) → (P v Q) é uma tautologia,
tarefa é realizada por uma equipe da polícia civil
de determinado estado. Considere que a realiza- isto é, todos os elementos de sua tabela-verdade
ção dessa tarefa tenha que ocorrer no dia 3 de fe- são V (verdadeiro).
vereiro de 2019. Sabendo que o mês de fevereiro
de 2019 tem 28 dias, que os meses de março e 163 Considere as afirmações verdadeiras:
maio de 2019 têm 31 dias, cada um, e que o mês – Todo servidor público tem graduação.
de abril de 2019 tem 30 dias, o primeiro dia do – Todo policial civil é servidor público.
mês de junho de 2019 em que essa tarefa tam- Assim qualquer policial civil tem graduação.
bém deverá ser realizada será o dia 6.
164 A negação da expressão “O técnico do Flamen-
Em relação a problemas aritméticos, geométricos e go garante que o time será campeão” é expressa
matriciais, julgue os próximos itens. por “O técnico do Flamengo garante que o time
não será campeão”.
155 Um número é composto por 3 algarismos, sendo
que o algarismo da centena é o 7 e o da unidade 165 Se A, B e C são proposições, então a proposição
é o 4. A soma dos possíveis algarismos da deze- ~[ (A ∧ B) → C] é equivalente a A ∧ B ∧ (~C).
na desse número de modo que ele seja divisível
por 3 é superior a 13.

Cargo: Agente e Escrivão 14


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

166 Se P, Q, R e S são proposições, então a propo- cdf.txt no terminal de comandos. É correto afirmar que
sição (P ∧ Q) → (R v S) é equivalente a ((~R) ∧ serão dadas todas as permissões ao dono.
(~S)) → ((~P) v (~Q)).
174 No Linux, ao digitar o comando TOUCH, será
No mês de agosto, a 26ª delegacia de polícia, localizada criado um arquivo vazio.
na Samambaia-DF, registrou as seguintes ocorrências:
– Roubo: 500 175 No Painel de Controle do Windows 10, as opções
– Agressão: 600 de configurações das ferramentas de acessibili-
– Outras ocorrências: 700 dade, como Teclado Virtual e Reconhecimento
Considere também que, em algumas ocorrências de de Fala, encontram-se na categoria “Facilidade
roubo, ocorreu também agressão, e que no total ocor- de Acesso”.
reram 1.700 ocorrências no mês de agosto.
176 No Word 2016/365, palavras sublinhadas em ver-
167 O número de ocorrências que envolveram roubo melho tracejado estão gramaticalmente erradas
e agressão é superior a 98. e palavras sublinhadas de azul tracejado estão
ortograficamente erradas.
168 As ocorrências que envolveram apenas roubo fo-
ram superiores a 400. 177 No Libre Office Writer 5.0, é possível inserir uma
tabela com modelos de estilos, através do Menu
Uma diligência composta por 1 delegado, 3 agentes e 1 Inserir > Tabela. Na janela que se abre, escolhe-
perito será formada a partir de 4 delegados, 10 agentes -se estilo desejado, número de linhas e colunas,
e 3 peritos. Com base no texto, julgue os itens a seguir. nome e confirma-se através do botão Inserir.

178 As nuvens do tipo comunitárias são as que per-


169 O total de equipes que poderão ser formadas é
mitem que duas ou mais empresas do mesmo
superior a 1.400.
setor possam compartilhar uma estrutura de nu-
vem, assim diminuindo custos com estrutura físi-
170 Considerando que entre os policiais sejam sor-
ca e energia elétrica.
teados dois prêmios distintos, o número máximo
que essa distribuição pode ser efetuada é supe-
rior a 280.

171 Suponha-se que as letras da palavra POLÍCIA te-


nham sido registradas em bolas que foram coloca-
das em uma urna. Selecionando-se uma dessas
bolas e sabendo se tratar de uma consoante, a
probabilidade de ser a letra L é inferior a ¼.

Ana, Bruna e Carmem são policiais civis. Uma delas


é agente de polícia, outra é perita e a terceira é dele-
gada. Uma dessas policiais ocupa a sua função há 5
anos, outra, há exatos 7 anos, e a outra, há exatos 10
anos. Sabe-se, ainda, que:
– Ana não é agente de polícia e não exerce a função há
exatos 5 anos; De acordo com a figura acima e conhecimentos sobre
– A delegada ocupa a função há exatos 10 anos; tecnologias da Internet, Intranet, Extranet e do nave-
– Bruna não é perita nem é a policial que ocupa a fun- gador Microsoft Edge, julgue os itens 179 a 183.
ção há exatos 7 anos;
– Carmem ocupa a função há exatos 7 anos. 179 A página exibida é considerada segura unica-
mente por ser de uma instituição de segurança
172 Ana é a policial que ocupa essa função há mais pública do Distrito Federal.
tempo.

INFORMÁTICA 180 Ao clicar no botão/link , o usuário


(Fabrício Melo) é remetido ao sistema de WebMail institucional
da PCDF, onde somente usuários devidamen-
173 Utilizando um sistema operacional de ambiente Linux, te autorizados mediante login e senha poderão
um usuário digitou o comando chmod 755 relatoriop- acessar. Geralmente são servidores da PCDF. É

Cargo: Agente e Escrivão 15


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

correto afirmar que o ambiente acessado é um


exemplo de uma Extranet.

181 É correto inferir que a página da PCDF oferece


o Modo de Leitura, recurso do navegador que
limpa a visualização de textos e fotos na web,
livrando-se de anúncios e conteúdo desnecessá-
rio, deixando só o que importa.

182 Caso um usuário queira impedir o acesso a ou-


tras páginas da WEB, permitindo apenas o aces-
so ao site da PCDF, o Firewall seria a ferramenta
mais indicada para efetuar o bloqueio.

183 SITUAÇÃO HIPOTÉTICA: Um usuário acessou


o site acima através da URL https://www.pcdf.
gov.br, mas foi direcionado para um site falso da
PCDF, porém idêntico. ASSERTIVA: É correto 188 A opção CONFIGURAÇÕES exibida na figura
afirmar que o DNS que remeteu à página falsa pode ser acessada pela combinação de teclas
pode ter sido vítima de um ataque conhecido
+ I.
como PHARMING ou DNS CACHE POISONING.
189 A opção Telefone permite a um usuário configurar um
184 Worm é um programa capaz de se propagar au-
telefone para continuar no seu computador as tarefas
tomaticamente pelas redes, inserindo cópias de
iniciadas no telefone celular. Com o smartphone vincu-
si mesmo em outros programas ou arquivos.
lado, o usuário pode, por exemplo, abrir uma página es-
pecífica pelo navegador do celular e continuar a leitura
185 Um sistema infectado por RANSOMWARE, que
no computador com o sistema operacional Windows 10.
torna inacessíveis os dados armazenados em um
equipamento, geralmente usando  criptografia, e
190 No prompt de comando de qualquer sistema ope-
que exige pagamento de resgate para restabele-
cer o acesso ao usuário, poderia ter seus dados racional Linux, como o Red Hat, o aparecimento
facilmente restabelecidos se usasse uma política do caractere $ no prompt de comando significa
de becape consistente. que o usuário que esteja conectado é o usuário
comum. E o aparecimento do caractere # signifi-
186 Considere que a rotina de backup de um órgão ca que é o superusuário root.
público seja realizada diariamente, às 20h, da se-
guinte maneira: 191 O comando pwd, no Linux Ubuntu, é usado para
mostrar a pasta corrente.
domingo backup completo
segunda-feira e terça-feira backup incremental 192 O protocolo HTTP:// é utilizado para a navegação
quarta-feira backup diferencial nas páginas da WWW, operando na camada 7
quinta-feira a sábado backup incremental (sete) do modelo OSI e na porta 80 (oitenta) da rede.

Na quinta-feira, 15h, um dos servidores do órgão 193 Dentre as várias definições propostas para
solicitou ao técnico de informática que recuperas- computação em nuvem, uma que é aceita pelo merca-
se alguns arquivos que foram apagados por en- do é aquela proposta pelo NIST (Instituto Nacional de
gano. É correto afirmar que, para a recuperação Padrões e Tecnologia do Departamento de Comércio
de todos os arquivos, o técnico terá que usar o Norte-Americano). De acordo com a definição do
backup de domingo e quarta-feira. NIST, o modelo de serviço que abrange o fornecimen-
to de capacidade de processamento, armazenamen-
187 No Google, ao digitar: concursos PCDF -concursos to, redes e outros recursos de computação fundamen-
PMDF, o Google irá retornar resultados do concur- tais é o PAAS (Plataforma como Serviço na Nuvem).
so da PCDF menos os concursos da PMDF.
194 No GOOGLE, ao se pesquisar: segurança +pa-
De acordo com a figura abaixo e conhecimentos sobre trimonial, será procurada a palavra segurança,
o Windows 10 – PRO (configuração padrão e portu- dando ênfase aos resultados em que aparecem
guês), julgue os itens 191 e 192. a palavra patrimonial.

Cargo: Agente e Escrivão 16


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

195 O navegador Google Chrome oferece uma ferra- De acordo com a figura abaixo, julgue o item 200, a
menta de remoção de softwares nocivos em suas respeito do MS-Power Point 2016.
configurações, conhecida como CleanUp.

De acordo com a figura abaixo, julgue os itens 199 e 200


a respeito do Mozilla Firefox versão 66 e conhecimentos
relacionados a navegação na Internet, Intranet e Extra-
net.

200 Caso o usuário deseje aplicar um efeito de en-


trada do tipo esmaecer na caixa de texto que
196 O botão , localizado na barra de URL, indi- contém Redes de computadores, poderá fazê-lo
ca o novo recurso de Favoritos do Mozilla Fire- por meio da Guia Transições, Grupo Animação,
fox, que permite salvar a página no dispositivo opção Esmaecer.
para poder acessá-la posteriormente até mesmo
quando estiver sem um acesso à Internet. 201 O Libre-Office Writer 6.0 utiliza como padrão o
formato de arquivo .ODT e é compatível com os
197 O Firefox, em sua versão mais recente, não permite formatos do Word 2016, .DOCX e .DOC, além de
o envio da aba apresentada na figura para um outro exportar documentos no formato .PDF.
dispositivo, como um smartphone, por exemplo.
202 Um ataque de ransomware comumente ocorre por
De acordo com a figura abaixo, julgue o item 198 a meio da exploração de vulnerabilidades de sistemas
respeito do MS-Word 2016. e protocolos; a forma mais eficaz de solucionar um
ataque desse tipo e recuperar os dados “seques-
trados” (criptografados) é a utilização de técnicas
de restauração dos arquivos, por meio de becapes
criados em sistemas de nuvens computacionais.

Sobre conceitos de segurança da informação, julgue


os itens 203 a 205.

203 De acordo com a cartilha de segurança do CERT.


BR, a política de segurança define os direitos e as
responsabilidades de cada um em relação à se-
gurança dos recursos computacionais que utiliza
e às penalidades as quais está sujeito, caso não a
cumpra. É considerada como um importante me-
canismo de segurança, tanto para as instituições
como para os usuários, pois com ela é possível
198 O texto da figura contém 3 (três) parágrafos e
deixar claro o comportamento esperado de cada
está alinhado à esquerda. um. Desta forma, casos de mau comportamento
que estejam previstos na política podem ser trata-
199 No MS-Excel 2016, a função =SUB(A1:C4) irá dos de forma adequada pelas partes envolvidas.
subtrair o intervalo da célula A1 até C4.
204 A verificação ou autenticação em duas etapas
(two-factor authentication, também chamada de
aprovação de login, verificação ou autenticação
em dois fatores ou, ainda, verificação ou auten-
ticação em dois passos) adiciona uma segunda
camada de proteção no acesso a uma conta,

Cargo: Agente e Escrivão 17


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

dificultando que ela seja indevidamente acessa- De acordo com a figura abaixo e os conhecimentos
da, mesmo com o conhecimento da senha. É um relacionados ao MS-WORD 2019/365, julgue os itens
recurso obrigatório, nas políticas de segurança, 211 e 212.
oferecido por diversos serviços de Internet, como
Webmail, redes sociais, Internet Banking e de ar-
mazenamento em nuvem.

205 Suponha que se deseje implantar o esquema de


acesso ao sistema da PCDF utilizando a autentica-
ção baseada em dois fatores diferentes. Para tanto,
os possíveis fatores são: PIN e frase de segurança.

Sobre conceitos relacionados a Internet, Intranet, Ex-


tranet e Navegadores, julgue os itens 206 a 210.

206 Apesar do modelo OSI e toda sua nomenclatura


serem as referências para as redes, a arquitetu-
ra TCP/IP é a que foi realmente implementada e
está em uso até os dias de hoje tanto nas redes 211 Na frase selecionada, GranOnline foi sublinhado
internas (Intranets) como na Internet. O modelo em vermelho por ser um termo com erro ortográ-
OSI contempla 4 camadas, enquanto o modelo fico ou termo desconhecido. Para adicionar o ter-
TCP/IP contempla 7 camadas. mo GranOnline ao dicionário do Word, para não
mais sublinhá-lo, é possível por meio da ferra-
207 A Intranet é uma rede de computadores que dis- menta Verificar Documento, encontrada na Guia
ponibiliza um conjunto de serviços análogo à Inter- Revisão, Grupo Revisão de Texto.
net, também baseada na pilha de protocolos TCP/
IP. Porém, a Intranet é restrita a uma instituição. 212 Os cabeçalhos e os rodapés são áreas nas mar-
gens superior e inferior de cada página em um
208 Os cookies são programas, enviados pelo site ao documento. Você pode adicionar, editar ou excluir
navegador, na primeira vez que um internauta o cabeçalhos e rodapés. Para inserir um cabeçalho
visita. Em seu próximo acesso, o navegador re- no documento, é possível por meio da Guia Exibir,
envia os dados ao site para que suas informa- Grupo Cabeçalho e Rodapé, botão Cabeçalho.
ções sejam configuradas de forma automática.
De acordo com a figura a seguir e os conhecimentos
209 O navegador que é apresentado na janela abai- relacionados ao MS-EXCEL 2019/365, julgue o item
xo, MS-EDGE, irá substituir o I.E e está repleto seguinte.
de novos recursos. Um dos mais comentados é
o Adicionar Anotações, que permite fazer anota-
ções, escrever, rabiscar e realçar diretamente em
páginas da Web.

213 A fórmula digitada na célula F4 irá gerar o resul-


tado 85.
210 Uma VPN (rede pública construída sobre uma
rede privada) é um túnel seguro entre dois ou
De acordo com a figura a seguir e os conhecimentos
mais dispositivos. As VPNs são usadas para pro-
relacionados ao MS-EXCEL 2019/365, julgue o item:
teger o tráfego web privado da espionagem, in-
terferência e censura.

Cargo: Agente e Escrivão 18


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

Desfragmentador de Disco é executado por agen-


damento, mas você também pode analisar e des-
fragmentar os discos e as unidades manualmente.

220 No CMD do Windows 10 e no Terminal do Linux


Ubuntu, o comando dir irá exibir o conteúdo de
um diretório (pasta).

Sobre conceitos relacionados a Segurança da Infor-


mação, julgue os itens 224 a 226.

221 Na Internet os boatos circulam em redes sociais,


grupos de mensagens e e-mails. Você pode recebê-
los, por exemplo, via spam, em seu feed de notícias
ou repassados por seus amigos e familiares.
214 Na célula G1, ao digitar a fórmula: =PCDF+3, o No início os boatos eram conhecidos como hoaxes
resultado de G1 será um erro de valor, #NOME!. e circulavam por e-mail. Outro nome às vezes utili-
zado é corrente, que é aquele boato que pede para
Sobre o Sistema Operacional Linux, julgue o próximo item. ser compartilhado com muitas pessoas. Atualmen-
te, um termo muito utilizado é fake news, geralmen-
215 Os arquivos e diretórios no sistema operacional te associado a notícias que tentam se passar por
Linux possuem atributos descritos conforme es- reportagens jornalísticas verdadeiras e que pos-
trutura apresentada a seguir: suem conteúdo falso, impreciso ou distorcido.

222 Sniffing é uma técnica que consiste em alterar


campos do cabeçalho de um e-mail, de forma a
aparentar que ele foi enviado de uma determina-
Nessa estrutura, os atributos de números 2 e 4 da origem quando, na verdade, foi enviado de
correspondem, respectivamente ao PROPRIE- outra. Ataques desse tipo são bastante usados
TÁRIO (USER) e aos OUTROS (OTHERS). para propagação de códigos maliciosos, envio
de spam e em golpes de phishing. Atacantes
Sobre o Sistema Operacional Windows 10, julgue o item. utilizam-se de endereços de e-mail coletados de
computadores infectados para enviar mensagens
216 Caracteres como \ / : * ? “ < > | não podem ser e tentar fazer com que os seus destinatários acre-
utilizados nos nomes no Windows 10. ditem que elas partiram de pessoas conhecidas.

Sobre conceitos de Nuvem Computacional, julgue o item. 223 Uma função de resumo é um método criptográfico
que, quando aplicado sobre uma informação, inde-
217 Análise de dados ou business intelligence são pendentemente do tamanho que ela tenha, gera um
cenários comuns a PAAS (plataforma como ser- resultado único e de tamanho fixo, chamado hash.
viço na nuvem).
De acordo com a figura abaixo, e sobre conceitos re-
lacionados à Rede, Internet, Intranet, Extranet e Nave-
Sobre conceitos de Linux Ubuntu e Windows 10, jul-
gadores, julgue os itens 224 a 228.
gue os itens de 218 a 220.

218 No Windows é possível salvar em uma mesma


pasta os seguintes arquivos: PCDF.docx e pcdf.
docx. Já no Linux, não será possível, pois será
considerado, pelo Sistema Operacional, arquivos
com o mesmo nome.

219 A fragmentação faz com que o disco rígido exe-


cute um trabalho extra que pode tornar o com-
putador lento. O Desfragmentador/Otimizador
de Disco do Windows 10 reorganiza os dados
fragmentados para que os discos e as unidades
possam funcionar de maneira mais eficiente. O

Cargo: Agente e Escrivão 19


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

De acordo com a figura abaixo e sobre conhecimentos


224 O ícone , localizado na barra de endereços relacionados ao Libre Office 6.1, julgue os itens 231 e
do Firefox, refere-se ao POCKET, que permite 232.
salvar diversos conteúdos, como blogs, fontes
de notícias, páginas web e vídeos, em um único
lugar com o clique de um botão, para que você
possa acessar todo esse conteúdo mais tarde em
qualquer dispositivo.

225 Ao clicar no ícone , localizado na barra de en-


dereços do Firefox, o usuário terá acesso a um
recurso que poderá permitir ou bloquear permis-
sões especiais. Dentre as permissões, existe a
permissão para o site acessar a sua localização.

226 O Firefox é um navegador oferecido gratuitamen-


te pela Mozilla e que, por ser de código aberto,
pode ser instalado em qualquer computador.
231 Na opção Salvar Como do Menu Arquivo, é pos-
227 O IP 200.252.60.24 é um exemplo de IPv4 restri- sível salvar o documento no formato .pdf.
to a uma rede privada (LAN).
232 No Libre Office Impress, quando você quiser que
228 Em uma rede, o switch é um aparelho muito se- todos os seus slides contenham as mesmas fon-
melhante ao hub, mas tem uma grande diferen- tes e imagens (como logotipos), poderá fazer es-
ça: os dados vindos do computador de origem sas alterações em um só lugar – no Slide Mestre,
somente são repassados ao computador de des- e elas serão aplicadas a todos os slides.
tino. Isso porque os switchs criam uma espécie
de canal de comunicação exclusiva entre a ori- Sobre conceitos de Linux e Windows 10, julgue os
gem e o destino. itens de 233 a 235.

De acordo com a figura abaixo e conhecimentos re- 233 O Windows 10 utiliza o sistema de arquivos
lacionados ao MS-WORD, EXCEL e POWER POINT NTFS (New Technology File System), o qual usa
2019/365, julgue os itens 229 e 230. o mecanismo de Journaling, que funciona como
uma espécie de tabela de anotações. Toda vez
que uma aplicação precisa escrever no disco, ela
informa isso ao núcleo, que, por sua vez, coloca
essa informação na tabela do Journaling. Logo,
quando o sistema cai, é verificado item por item
para ver se todas as operações foram concluídas
de forma satisfatória. Caso contrário, as tarefas
pendentes são concluídas.

234 Uma das novidades do Windows 10 é o Paint 3D,


nova versão do clássico aplicativo de desenho e
edição de imagens da Microsoft.

235 No Linux, o diretório /etc – armazena os arquivos


de configuração do sistema como se fossem o
229 O termo selecionado, GranOnline, está forma-
arquivo de registro do Windows.
tado com as especificações de fonte, tamanho,
alinhamento e estilo padrão do Word 2019/365. Sobre conceitos relacionados à Segurança da Infor-
mação, julgue os itens de 236 a 238.
230 No Excel 2019/365, estão preenchidas as células
236 Os Vírus metamórfico é um vírus que pode se
A1=8 e A4=2. O uso da fórmula =MOD(A1;A4) irá
transformar com base na capacidade de conver-
retornar como resultado o número 0.
ter, editar e reescrever seu próprio código. Con-
siderado um dos vírus de computador mais infec-

Cargo: Agente e Escrivão 20


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

cioso, quando não é detectado rapidamente, pode 243 Uma rede mesh é composta de vários nós/rote-
causar graves danos ao sistema. As verificações adores, que passam a se comportar como uma
dos antivírus têm dificuldade para detectar esse única e grande rede, possibilitando que o cliente
tipo de vírus, pois ele pode mudar sua estrutura in- se conecte em qualquer um destes nós. Os nós
terna, reescrevendo-se e reprogramando-se cada têm a função de repetidores, e cada nó está co-
vez que infecta um sistema de computadores. nectado a um ou mais dos outros nós. Dessa ma-
neira é possível transmitir mensagens de um nó a
237 O Ransomware Locker impede que o usuário te- outro por diferentes caminhos, tendo a vantagem
nha acesso aos dados armazenados no equipa- de serem redes de fácil implantação e bastante
mento infectado, geralmente usando criptografia. tolerantes a falhas.
Além de impedir o acesso aos dados, o ransomwa-
re também costuma buscar outros dispositivos co- De acordo com a figura a seguir e os conhecimentos
nectados, locais ou em rede, e criptografá-los. relacionados ao MS-WORD, EXCEL e POWER POINT
2019/365, julgue os itens 244 e 245.
238 Situação hipotética: o Agente da PCDF Leonar-
do irá enviar um documento, com a sua assina-
tura digital, para o Delegado Gilson. Assertiva:
Para assinar o documento, o Agente Leonardo
utilizará a chave pública do Delegado Gilson. Ao
receber o e-mail, o Delegado Gilson irá utilizar
a sua chave privada para conferir o documento.

De acordo com a figura abaixo e sobre conceitos rela-


cionados à Rede, Internet, Intranet, Extranet e Nave-
gadores, julgue os itens de 239 a 243.

244 Situação Hipotética: O usuário deseja inserir o


efeito de animação “Aparecer” na figura exibida
no slide da apresentação. Assertiva: Com a figu-
ra selecionada, basta ir à Guia Transições, Grupo
Animação, efeito Aparecer.

245 Ao inserir um gráfico na apresentação, será exibi-


da uma janela do Excel, onde será possível editar
os dados do gráfico para sua personalização.

De acordo com a figura abaixo e sobre os conhecimen-


tos relacionados ao Libre Office 6.1, julgue os itens 246
239 Ao digitar na barra URL: chrome://extensions, o e 247.
usuário terá acesso a informações sobre as ex-
tensões instaladas em seu Google Chrome, po-
dendo até mesmo removê-las caso necessário.

240 Ao clicar no ícone , localizado à direita da bar-


ra URL, o usuário terá acesso ao gerenciamento
da sua conta no Google.

241 O Google Chrome oferece a possibilidade de


configurar a página de Inicialização e a página
Inicial. Página de Inicialização é página que se
abre ao iniciar o navegador. Página Inicial é pági-
na que se abre ao clicar no botão .

242 O IP 2001:0DG8:AD1F:25E2:CADE:CAFE:F0CA 246 Na célula B20, da planilha crimes2019, está in-


:84C1 é um exemplo de IPv6 válido. serido o total de crimes violentos de 2019. Para
fazer a inserção desse valor na planilha cri-

Cargo: Agente e Escrivão 21


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

mes2018, basta digitar na célula B20 da planilha Acerca da LODF, julgue o item.
crimes2018 a seguinte fórmula: crimes2019.B20.
255 O direito de obter cópia de atos, contratos, e cer-
247 Ao digitar na célula B21 a fórmula: tidões, para a defesa de direitos, na LODF, deve
=MODO(B3:B14) e pressionar a tecla ENTER, ser observado pelo administrador, no prazo de 15
será exibido 100 como resultado. dias úteis, sob pena de responsabilização.

LODF Em conformidade com a Lei Orgânica do Distrito Fe-


(Denise Vargas) deral, julgue o item abaixo:

Sobre a Lei Orgânica do Distrito Federal, julgue os 256 Manter, com a cooperação técnica e financeira da
itens abaixo: União, programas de educação, prioritariamente
de ensino fundamental e pré-escolar, é assunto
248 Ao ser criada uma Região Administrativa, o Go- da competência comum entre a União e o DF.
vernador deverá, também, ofertar projeto de lei
para a criação do respectivo Conselho Tutelar. Julgue o item a seguir, considerando apenas o dispos-
to na Lei Orgânica do Distrito Federal:
249 Caso o Governador do DF resolva nomear para
257 É vedada a delegação de atribuições entre os Pode-
dirigir a PCDF o seu amigo que é delegado do
res do Distrito Federal, salvo quanto à Lei Delegada.
RJ, não há impedimento, conforme a LODF.

ATUALIDADES + RIDE
À luz da LODF, julgue os itens:
(Rebecca Guimarães/Israel Batista)
250 Qualquer cidadão, para a defesa de seus interes-
Sobre o cenário geral do Brasil e do mundo contempo-
ses pessoais, pode requerer certidões e cópias de
contratos, devendo a Administração entregá-las no râneo, analise os itens seguintes.
prazo de até 30 dias, sob pena de responsabilidade.
258 A ONU (Organização das Nações Unidas) se de-
251 Os procuradores da Câmara Legislativa pleitea- dica não apenas a questões relacionadas à políti-
ram a oferta de um projeto de lei que equiparasse ca e à segurança mundial, mas também se volta,
a sua remuneração à dos Procuradores do Distri- entre outros, para assuntos referentes à educa-
to Federal. O pleito foi encampando e foi ofertado ção, aos refugiados, à cultura, à agricultura e ao
um PL aprovado, sancionado e convertido em lei. meio ambiente.
A lei em tela viola vedação prevista na LODF.
259 O petróleo, vital para a economia mundial con-
temporânea, é a grande riqueza do Oriente Mé-
Acerca da Lei Orgânica do Distrito Federal, julgue os dio e o destaque geoeconômico e político dessa
itens a seguir: região no cenário global.

252 Marcos, condenado em segunda instância por 260 Característica importante no espaço das eco-
improbidade administrativa, pode ser nomeado nomias contemporâneas é a presença de uma
para ocupar cargo de provimento comissionado estrutura de distribuição setorial da população
no Distrito Federal.  economicamente ativa concentrada no setor se-
cundário, devido ao grande desenvolvimento das
253 Aplica-se aos integrantes das carreiras de Delega- atividades tecnológicas na produção.
do de Polícia do Distrito Federal e de Polícia Civil
do Distrito Federal, no que couber, a lei que trata 261 O Acordo de Paris, elaborado em 2015 e referen-
de direitos e garantias dos servidores públicos ci- dado por praticamente todas as nações do pla-
vis do Distrito Federal. neta em 2016, é mais um exemplo de proposta
ambiental que ignora completamente o drama
dos países mais pobres.
Julgue o item abaixo, considerando o disposto na
LODF. 262 Um dos problemas estratégicos do Brasil con-
temporâneo é sua logística de transportes que
254 A LODF identifica, de forma expressa, todos os ór- segue fundamentada no modal sobre trilhos,
gãos de segurança pública que atuam no DF, atri- meio caracterizado por ser obsoleto e extrema-
buindo à PCDF o papel de polícia judiciária da União. mente caro.

Cargo: Agente e Escrivão 22


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

Sobre o Distrito Federal e sua composição social, polí- Tendo o texto acima como base, julgue os itens abaixo.
tica e econômica, analise os itens abaixo.
269 Os muçulmanos representam aproximadamente
263 A indústria é a atividade econômica fundamen- 10% dos 21 milhões de habitantes do Sri Lanka,
tal no PIB da região, com representação de mais que tem o budismo como grande maioria, segui-
de 60% no quadro econômico, principalmente no do do hinduísmo.
Distrito Federal.
270 O Sri Lanka, país asiático, faz fronteira com a Ín-
264 Mesmo com uma das maiores economias do dia e Bangladesh.
país, Brasília ainda carece de infraestrutura em
saneamento básico. Assim, inexistem núcleos Segundo os termos da Lei Federal, o Brasil atualmen-
urbanos no Distrito Federal que contem com co- te possui três RIDEs, cada uma criada por lei com-
plementar específica e regulamentada por decretos
bertura total de abastecimento de água potável.
distintos. Elas estão situadas nas regiões conurbadas
do Distrito Federal e entorno (Lei n. 94/1998), Grande
265 A RIDE-DF, criada pela Lei Complementar n.
Teresina (Lei n. 112/2001) e em Petrolina/Juazeiro (Lei
94/1998, é uma instituição com finalidades regio-
n. 113/2001).
nais, daí a inexistência de organismos do exe-
cutivo federal em sua gestão que é exclusiva de
Tendo o texto acima como base, julgue os itens abaixo.
MG, GO e DF.
271 Mimoso e Água fria são municípios pertencentes
Após uma reunião reservada no Salão Oval e um al- à RIDE-DF.
moço de trabalho, Trump e Bolsonaro deram declara-
ções à imprensa no jardim da Casa Branca. "Eu estou 272 O COARIDE (Conselho Administrativo da RIDE)
apoiando os esforços deles (do Brasil) para ingressar está diretamente ligado à SUDECO.
(na OCDE)", disse o presidente norte-americano, sem
entrar em detalhes. 273 A RIDE DF possui uma população que já ultra-
passa 4.5 milhões de habitantes. Depois do DF,
Tendo o texto acima como base, julgue os itens abaixo. que possui quase 3 milhões de pessoas, o muni-
cípio mais populoso é Luziânia.
266 A primeira vez que o Brasil apresentou um pedido
formal para ingressar na OCDE foi em 2017, duran- O Conselho Administrativo da Região Integrada de
te o governo do ex-presidente Michel Temer (MDB). Desenvolvimento do Distrito Federal e Entorno (CO-
ARIDE) é o Conselho Administrativo da RIDE, criado
267 Para apoiar a entrada do País na OCDE, os EUA pela Lei Complementar n. 94, de 19 de fevereiro de
solicitaram que o Brasil deixasse a lista de paí- 1998, e regulamentado pelo Decreto n. 7469, de 04 de
ses autoproclamados "em desenvolvimento" na maio de 2011, para coordenar as atividades a serem
Organização Mundial de Comércio (OMC). desenvolvidas na RIDE. A respeito do COARIDE, jul-
gue os itens a seguir.
268 O presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, se com-
prometeu, em sua visita aos EUA, a retirar a exi- 274 Segundo a composição do COARIDE, o ministro
gência de visto para a entrada de norte-america- do Desenvolvimento Social será o presidente do
nos, canadenses e franceses no Brasil. Conselho.

275 As Atividades de Secretaria-Executiva do COARIDE


Atentados no Sri Lanka
são exercidas pela Diretoria de Implementação de
Programas e de Gestão de Fundos da SUDECO.
Oito explosões foram registradas em Co-
lombo e nas regiões de Katana e Batticaloa. 276 Compete ao COARIDE coordenar as ações da
Entre os alvos estavam três igrejas, onde aconteciam União, Estados, Distrito Federal e Municípios que
as missas da Páscoa. Os hotéis cinco-estrelas Shan- compõem a RIDE, visando ao desenvolvimento e
gri-La, Kingsbury, Cinnamon Grand e um quarto hotel, à redução de suas desigualdades regionais.
todos em Colombo, também foram atingidos. Uma ex-
plosão ainda foi registrada em um complexo de casas. Em 1892, o Congresso aprovou a Comissão Explo-
radora do Planalto Central do Brasil, formada pelo
engenheiro belga Luís Cruls, diretor do Observatório
Astronômico do Rio de Janeiro, e outros 21 membros,
entre cientistas, técnicos e militares. Segundo um dos

Cargo: Agente e Escrivão 23


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

participantes, Floriano Peixoto lhes garantiu mudar a 282 A RIDE-DF foi a segunda RIDE criada no Brasil,
capital ainda em seu mandato (1891-1894), nem que ti- através da aprovação no Congresso Nacional da
vesse de instalar o governo em barracas de campanha. Lei Complementar n. 94/1998.
Essa 1ª Missão Cruls partiu do Rio de Janeiro em junho
de 1892, repetindo exatamente o roteiro de Varnhagen, 283 O COARIDE (Conselho Administrativo da RIDE), cria-
por ferrovia até Uberaba, no Triângulo Mineiro, ponto do para coordenar os programas e as ações da RIDE,
final dos trilhos da Cia. Mogiana de Estradas de Ferro. se reunirá em caráter ordinário trimestralmente.
Dali, seguiu a cavalo — com quase 10 toneladas de
bagagens e equipamentos, em 200 baús de madeira 284 A RIDE-DF é composta pelo DF, 29 municípios
— até Pirenópolis, Santa Luzia (Luziânia) e Formosa. goianos e 4 mineiros. Recentemente, entraram os
Após monumental coleta de informações, medições, municípios mineiros de Cabeceira Grande e Buritis.
levantamentos etc., ali lançou quatro marcos definindo
uma área entre as três cidades — o retângulo Cruls, A construção de Brasília envolveu organização e arro-
de 160 por 90 km — abrangendo nascentes das ba- jo por parte de JK. A nova capital tornou-se símbolo de
cias dos maiores rios brasileiros. modernidade, embora fosse cercada pela miséria: as
famílias de “candangos” que a construíram não tinham
http://doc.brazilia.jor.br
condições de morar nela.
A respeito dos condicionantes físicos do Distrito Fede-
ral, julgue os itens abaixo. Tendo o texto como base, julgue os itens a seguir.

277 A área geográfica do atual DF contempla, do ponto 285 A construção de uma nova capital no Planalto
de vista hidrográfico, um tripartite divisor: o rio Ma- Central era um tópico que já constava da Cons-
ranhão, que se dirige para a bacia Tocantins-Ara- tituição de 1891. A ideia era de que a sede do
guaia; São Bartolomeu, direcionado para o São governo ficasse longe do litoral e próximo ao cen-
Francisco; e Preto, que corre para o Amazonas. tro geográfico do país, visando não só protegê-la,
mas também incentivar a ocupação do grande
278 O lago Paranoá foi idealizado no projeto do Plano
vazio demográfico que era o interior da nação.
Piloto de Lúcio Costa. Foi criado para umedecer
uma boa parte da cidade e fornecer abasteci-
286 Brasília era a metassíntese do Plano de Metas
mento hídrico para Brasília.
do presidente JK, daí o dinamismo da obra e a
projeção de uma cidade futurista que incorporas-
279 O ponto mais alto do Distrito Federal é o Pico do
se as mais modernas técnicas de arquitetura e
Roncador, com 1.341 metros, localizado na Serra
urbanismo, tomando-se uma referência para o
do Sobradinho, em Brazlândia.
resto do mundo.
De acordo com a configuração atual da RIDE/DF, jul-
287 Foi realizado um concurso nacional para escolher
gue os itens abaixo:
os responsáveis pela elaboração do plano piloto
da cidade. O vitorioso foi o urbanista e arquiteto
280 Mimoso de Goiás e Água Fria de Goiás são mu-
Oscar Niemeyer.
nicípios pertencentes à RIDE.

281 Em 2018, doze novos municípios foram inseridos


Acerca do Distrito Federal, julgue os itens que se seguem.
na RIDE.
288 Situado na Região Centro-Oeste, é a menor uni-

As Regiões Integradas de Desenvolvimento (RIDES) dade federativa brasileira e a única que não tem
surgem como uma resposta às possibilidades de municípios, sendo dividida em 31 regiões admi-
transformação social preconizadas pela Constituição nistrativas, totalizando uma área de 14.400 km².
de 1988, apontando para um modelo no qual o Estado
289 O caráter híbrido do Distrito Federal é observável
deixa de ser o provedor absoluto de bens e serviços
por sua Câmara Legislativa, mistura de Câmara
públicos e responsável único pela promoção do de-
Municipal (Poder Legislativo Municipal) e Assem-
senvolvimento econômico e social e passa a adotar
bleia Legislativa (Poder Legislativo Estadual).
estratégias de descentralização, de forma que novos
atores e arranjos institucionais e territoriais começam
De acordo com as características físicas do DF, julgue
a participar do processo de desenho e implementação
os itens abaixo.
de políticas públicas. A respeito da Região Integrada
de Desenvolvimento do Distrito Federal e Entorno
(RIDE/DF), julgue os itens a seguir. 290 O DF é um verdadeiro dispersor de águas, co-
laborando com o abastecimento de três grandes

Cargo: Agente e Escrivão 24


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

bacias hidrográficas brasileiras: Tocantins-Ara- membros egressos do Ministério Público e da


guaia, São Francisco e Paraná. Advocacia, os quais formarão o quinto constitu-
cional, bem assim por membros escolhidos me-
291 O clima do Distrito Federal é classificado como diante eleições diretas.
tropical semiúmido, com duas estações bem de-
finidas, uma estação de fria e chuvosa (inverno) e 299 São princípios institucionais do Ministério Público,
outra estação de quente e seca (verão). da Advocacia Pública e da Defensoria Pública a uni-
dade, a indivisibilidade e a independência funcional.
292 A estação ecológica de Águas Emendadas foi de-
clarada, em 1992, pela UNESCO, área nuclear Julgue o item a seguir, acerca da Administração Pública.
da Reserva da Biosfera do Cerrado. A Estação
Ecológica está localizada em Planaltina. 300 As ações de ressarcimento ao erário, incluindo aquelas
relativas a ilícitos civis, são consideradas imprescritíveis.
293 A segunda principal barragem responsável pelo
abastecimento hídrico do Distrito Federal é a bar- Com base nos direitos e deveres individuais e coleti-
ragem do Paranoá. Esta fica atrás apenas da bar- vos, julgue os itens seguintes.
ragem do Descoberto, localizada em Ceilândia.
301 Há direitos fundamentais cuja titularidade perten-
A respeito dos aspectos sociais e humanos do Distrito ce somente a estrangeiros, não se estendendo
Federal, julgue os itens abaixo. aos brasileiros.

302 A gravação clandestina se insere entre aquelas


294 A população de Brasília, que já ultrapassa a marca
consideradas proscritas pelo ordenamento jurídico.
de três milhões de habitantes, é a terceira maior
população entre as cidades brasileiras, ficando
atrás apenas de São Paulo e Rio de Janeiro. Os direitos da nacionalidade são tratados em capítulo
próprio dos Direitos e Garantias Fundamentais. Sobre
o tema, julgue as assertivas colocadas a seguir.
295 Apesar de a região Nordeste ter sido a principal
região emissora de imigrantes para a construção
303 Com base no poder de autotutela da Administra-
da Capital Federal, foi o estado de Minas Gerais
ção, pode a autoridade administrativa decretar o
o maior emissor de imigrantes entre os 26 esta-
cancelamento da naturalização nas hipóteses em
dos brasileiros.
que o peticionário utilize documentos falsos em seu
pedido de naturalização às autoridades brasileiras.
296 A maior parte da população do Distrito Federal é
composta por mulheres. As mulheres do DF são
304 Desde que requeira, será considerado brasileiro
conhecidas por registrarem as mais altas taxas
naturalizado o originário de quaisquer países que
de escolaridade e as menores taxas de fecundi-
resida no Brasil há mais de quinze anos e não
dade do Brasil.
possua condenação penal em nosso país. A par-
tir daí, será possível inclusive ocupar o cargo de
297 O Distrito Federal é conhecido por ter um dos
Ministro de Estado da Justiça.
maiores índices de desigualdade do Brasil. Essa
desigualdade reflete grande concentração de No tocante aos princípios fundamentais e ao Poder
renda nas mãos de uma minoria. Legislativo, analise as proposições a seguir.

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS 305 O repúdio ao terrorismo e ao racismo se apresen-


ta como um dos princípios adotados pelo Brasil
em suas relações internacionais, legitimando in-
DIREITO CONSTITUCIONAL clusive a criminalização de atos de antissemitis-
(Aragonê Fernandes/Wellington Antunes) mo e antissionismo.

Acerca das normas aplicáveis ao Poder Judiciário e 306 Aos Senadores da República, eleitos pelo sistema
às Funções Essenciais à Justiça, julgue os itens que majoritário, será imposta a perda do mandato eleti-
se seguem. vo, por infidelidade partidária, caso haja a mudança
de legenda sem que esteja presente alguma das
298 Além dos membros que ingressam por meio de
hipóteses autorizadoras da alteração sem punição.
concurso público, no cargo de Juiz de Direito
307 As Comissões Parlamentares de Inquérito pos-
Substituto, o Judiciário é integrado também por suem poderes próprios de investigação de au-

Cargo: Agente e Escrivão 25


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

toridades judiciais, podendo inclusive fazer uso de o dever de defendê-lo e preservá-lo para as
de medidas inerentes ao poder geral de cautela, presentes e futuras gerações.
como arresto e sequestro.
No que se refere às funções essenciais à Justiça, jul-
Dentre os direitos e deveres individuais e coletivos, jul- gue o item que se segue.
gue os itens que se seguem.
317 Entre as funções institucionais do Ministério Públi-
308 É possível a extradição de brasileiro naturalizado, por co está a de exercer o controle interno da atividade
crimes de tráfico de drogas e equiparados a hedion- policial, ao lado das Corregedorias das polícias.
dos, praticados antes ou depois da naturalização.
Acerca da segurança pública e das funções essen-
309 Não há ilegalidade em procedimento policial no qual ciais à justiça, julgue os itens que se seguem.
haja ingresso em domicílio, durante a noite, quan-
do os indícios da ocorrência de crime decorrem da
318 É válido dispositivo de Constituição Estadual que
existência de cheiro de droga vindo da residência.
atribua foro especial a defensores públicos e a
Acerca dos direitos sociais e das atribuições do Poder delegados de polícia.
Executivo, analise os itens apresentados adiante.
319 Compete à Polícia Federal as atribuições de polí-
310 A teoria do mínimo existencial se contrapõe à cia marítima, aeroportuária e de fronteiras.
ideia da reserva do possível, impondo que o Es-
tado implemente direitos sociais sem poder invo- 320 A partir da EC n. 80/2014, os princípios institucionais
car restrições orçamentárias e financeiras. da unidade, indivisibilidade e da independência
funcional passaram a ser aplicáveis ao Ministério
311 Pode ser delegada aos Ministros de Estado a atribui- Público, à Advocacia Pública e à Defensoria
ção do Presidente da República para prover e para Pública. Considerando os direitos e deveres
improver cargos públicos federais, na forma da lei. individuais e coletivos, bem assim a interpretação
jurisprudencial, julgue os itens a seguir.
Quanto aos servidores públicos, julgue os itens.
321 Embora não possa ser extraditado, brasileiro
312 É possível a fixação de regras especiais de apo- nato que pratique crime fora do país será subme-
sentadoria para servidores com deficiência e tido a julgamento perante a justiça brasileira, com
para os que atuem em condições de risco. competência dos juízes federais.

313 Servidor ocupante de cargo efetivo e que tam- 322 O habeas corpus não é cabível quando a conces-
bém exerça cargo em comissão deve deixar os são da ordem depender de dilação probatória.
dois quando do implemento da idade limite para
a aposentadoria compulsória. Julgue os itens que se seguem a respeito da Adminis-
tração Pública.
Julgue os itens relativos à segurança pública e à or-
dem social. 323 Servidor que ocupe exclusivamente cargo em co-
missão não se sujeita a aposentadoria pelas regras
314 A Polícia Civil do Distrito Federal é subordinada do regime próprio de previdência nem se submete
ao Governador local, que também é o responsá- ao limite de idade da aposentadoria compulsória.
vel por encaminhar à CLDF projetos de lei de re-
ajustes para os servidores da segurança pública. 324 Ato contra a probidade administrativa sujeita o servi-
dor à perda da função pública e dos direitos políticos.
315 O rol de órgãos da segurança pública só pode ser
definido na Constituição Federal e nas Constitui- Sobre as atribuições do Presidente da República e o
ções Estaduais, não podendo ser inserido nas Poder Legislativo, julgue os itens adiante apresentados.
leis estaduais.
325 A concessão de indulto, anistia e comutação é
316 O meio ambiente ecologicamente equilibrado é ato privativo do Presidente da República, não
considerado direito de 3ª geração, bem de uso passível de delegação aos Ministros de Estado.
comum do povo e essencial à sadia qualidade de
326 No mandato de Senador, ocorrendo vaga e não
vida, impondo-se ao Poder Público e à coletivida-
havendo suplente, far-se-á eleição para preen-

Cargo: Agente e Escrivão 26


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

chê-la se faltarem mais de quinze meses para o prévia aprovação pela Assembleia Legislativa.
término do mandato.
335 Compete ao STJ processar e julgar originaria-
Julgue o item seguinte sobre os direitos políticos. mente Governador do Distrito Federal por crimes
comuns e de responsabilidade.
327 São inelegíveis, no território de jurisdição do ti-
tular, o cônjuge e os parentes consanguíneos ou 336 A criação de associações e, na forma da lei, a de co-
afins, até o terceiro grau ou por adoção, do Presi- operativas independem de autorização, sendo ve-
dente da República, de Governador de Estado ou dada a interferência estatal em seu funcionamento.
Território, do Distrito Federal, de Prefeito ou de
quem os haja substituído dentro dos seis meses 337 A comprovação para a legitimidade ativa para o
anteriores ao pleito, salvo se já titular de mandato ajuizamento da ação popular é feita por meio do tí-
eletivo e candidato à reeleição. tulo eleitoral ou documento a ele correspondente.

No que toca à eficácia e à aplicabilidade das normas Acerca da segurança pública, julgue os itens a seguir.
constitucionais, bem assim aos direitos sociais, julgue
os itens a seguir. 338 Somente por Lei Complementar Estadual seria
possível a inserção de órgão no rol de órgãos da
328 No âmbito dos direitos e deveres individuais e segurança pública.
coletivos, é de eficácia limitada o dispositivo que
proíbe a prisão civil por dívida, exceto a relaciona- 339 A remuneração dos servidores policiais integran-
da ao depositário infiel e ao devedor de alimentos. tes dos órgãos relacionados no artigo 144 da CF
será fixada na forma de subsídio.
329 O direito dos trabalhadores urbanos à participa-
ção nos lucros ou resultados, conforme definido No que concerne aos direitos sociais e aos direitos po-
em lei, é norma de eficácia contida. líticos, julgue as assertivas a seguir.

Julgue os itens que se seguem em relação à seguran- 340 A EC n. 72/2013 veio para corrigir uma injustiça
ça pública e ao Poder Executivo. histórica com os trabalhadores domésticos, dan-
do-lhes os mesmos direitos dos demais trabalha-
330 A polícia rodoviária e a ferroviária federal atuam no dores urbanos e rurais.
patrulhamento ostensivo das rodovias e ferrovias fe- 341 Um policial militar alistável é elegível. Caso conte com
derais, não contando com poder de polícia judiciária. mais de dez anos de atividade, será agregado pela
autoridade superior e, se eleito, passará automatica-
331 A atribuição presidencial de declarar guerra e celebrar mente, no ato da diplomação, para a inatividade.
paz, embora seja prerrogativa de Chefe de Estado,
pode ser delegada ao Ministro de Estado da Defesa.
Julgue os itens relativos à classificação tradicional sobre
eficácia e aplicabilidade das normas constitucionais.
Quanto às funções essenciais à Justiça e aos servido-
res públicos, julgue os itens a seguir.
342 As normas de eficácia plena não podem ser res-
tringidas pelo legislador infraconstitucional, mas po-
332 Os procuradores dos municípios, por serem ser-
dem ceder espaço para outra norma constitucional
vidores municipais, estão sujeitos ao teto consti-
diante da colisão de interesses no caso concreto.
tucional dos prefeitos.

343 Segundo entendimento recente do Supremo Tri-


333 A autonomia funcional, administrativa e orçamen-
bunal Federal, somente será permitido o uso de
tária é assegurada ao Ministério Público da União
algemas diante da prática de crimes inafiançáveis.
e dos Estados, não se estendendo ao MP que
atua junto ao Tribunal de Contas.
344 Os partidos políticos, diante da autonomia que

Acerca dos direitos fundamentais, da composição e da lhes foi assegurada pela Constituição, podem
competência dos tribunais, julgue as proposições que adotar os critérios de escolha e o regime de suas
se seguem. coligações nas eleições proporcionais, sem obri-
gatoriedade de vinculação entre as candidaturas
334 Será inconstitucional dispositivo de Constituição
em âmbito nacional, estadual, distrital ou munici-
Estadual que condicione a escolha dos Desem- pal, devendo seus estatutos estabelecer normas
bargadores oriundos do quinto constitucional à de disciplina e fidelidade partidária.

Cargo: Agente e Escrivão 27


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

345 Diante do crescente aumento da criminalidade 354 A alienação do controle acionário de empresas
no País, o Presidente da República, na condição públicas, de sociedades de economia mista, so-
de Chefe de Estado, pode editar decretos com o ciedades controladas e subsidiárias exige prévia
objetivo de criar novos órgãos públicos encarre- autorização legislativa e licitação.
gados da segurança pública.
355 A aposentadoria voluntária com proventos inte-
346 A Polícia Federal, instituída por lei como órgão grais de servidor do sexo masculino exige idade
permanente, organizado e mantido pela União e mínima de 65 anos, com no mínimo 35 anos de
estruturado em carreira, destina-se a apurar infra- contribuição, além de 10 anos no serviço público
ções penais contra a ordem política e social ou em e 5 anos no cargo efetivo.
detrimento de bens, serviços e interesses da União
ou de suas entidades autárquicas e empresas pú- Julgue os itens relativos aos direitos e deveres indivi-
blicas, assim como outras infrações cuja prática duais e coletivos e às disposições gerais do Judiciário.
tenha repercussão interestadual ou internacional
e exija repressão uniforme, segundo a lei. 356 É inconstitucional a exigência de depósito ou ar-
rolamento prévios de dinheiro ou bens para ad-
347 O brasileiro nato só poderá ser extraditado a pe- missibilidade de recurso administrativo.
dido de governo estrangeiro que possua tratado
de extradição com o Brasil, em razão da prática 357 A EC n. 45/2004 pôs fim às férias coletivas nos
de crime doloso contra a vida ou tráfico ilícito de juízos e tribunais de 2ª instância e superiores,
entorpecentes cometidos no exterior. não alcançando o STF.

348 A inviolabilidade de domicílio é um conceito am- DIREITO ADMINISTRATIVO


plo: não se limita aos lugares de habitação cole- (Vandré Amorim/Rodrigo Cardoso)
tiva ou temporária, abrange até quarto de motel;
não contempla, entretanto, locais em que é fran- 358 No âmbito da execução penal, a aplicação de
queado livre acesso ao público em geral, como eventual sanção ao detento pelo diretor do estabe-
um restaurante. lecimento prisional, em decorrência de falta come-
tida dentro do estabelecimento prisional durante o
349 Entre outros requisitos, para a caracterização de cumprimento da pena, decorre do poder de polícia.
brasileiro nato, é adotado o critério do jus soli (direito
do solo) a uma criança nascida no Brasil, de pais es- 359 Uma das formas de manifestação do poder de
trangeiros, não estando estes a serviço de seu país. polícia administrativa é a edição de atos normati-
Enquanto o critério jus sanguinis (direito do sangue) vos, como decretos do chefe do Poder Executivo
é aplicado ao filho nascido no exterior, de mãe ou
para a fiel regulamentação de leis.
pai brasileiro, desde que qualquer um deles esteja a
serviço da Administração Pública Federal do Brasil.
360 Um agente de polícia, no exercício da função,
com o intuito de evitar um ato de violência contra
350 As comissões parlamentares de inquérito podem,
uma pessoa, disparou, contra o ofensor, vários
segundo o Supremo Tribunal Federal (STF), deter-
tiros com revólver. No entanto, o agente acabou
minar a realização de interceptações telefônicas.
atingindo um transeunte. Nessa hipótese, a res-
ponsabilidade civil do Estado dependerá da pro-
351 Os tratados e convenções internacionais que
va de ter havido dolo ou culpa do agente.
forem aprovados no Congresso Nacional com
quorum e procedimento idênticos aos de aprova- 361 Em se tratando de defeitos relativos aos elemen-
ção de lei complementar serão equivalentes às tos competência e forma, será sempre possível a
emendas constitucionais. convalidação de atos administrativos.

352 Com fundamento no princípio da isonomia, o Poder 362 Se agente público for condenado em ação de
Judiciário pode aumentar vencimentos de servidores. improbidade administrativa por uso de maquiná-
rio da Administração para seu interesse pessoal,
353 As normas de eficácia contida prescindem de in- poderá ser-lhe aplicada pena de suspensão dos
tervenção do legislador ordinário para a produ- direitos políticos por período de cinco a oito anos.
ção de seus efeitos.
363 As empresas estatais, de acordo com a Consti-
Sobre as normas aplicáveis à Administração Pública e tuição Federal, gozarão do mesmo tratamento
aos servidores públicos, julgue os itens que se seguem. jurídico dispensado às autarquias em matéria de

Cargo: Agente e Escrivão 28


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

regime tributário, pois integram a estrutura da Ad- 373 Configura hipótese de dispensa de licitação a
ministração indireta. contratação de instituição brasileira incumbida
estatutariamente da pesquisa, desde que a con-
364 De acordo com a doutrina majoritária, os atribu- tratada detenha inquestionável reputação ético-
tos indispensáveis dos atos administrativos são a -profissional e não tenha fins lucrativos.
presunção de legitimidade, a autoexecutoriedade
e a imperatividade. No tocante à responsabilidade civil do Estado, julgue
o próximo item.
365 Os atos administrativos, por serem submetidos
ao regime jurídico de direito público, serão pro- 374 É prescritível a ação de reparação de danos à
duzidos apenas por pessoas que integram a Ad- Fazenda Pública decorrente de ilícito civil.
ministração Pública.
No tocante às regras sobre improbidade administrati-
366 Tendo em vista a distinção quanto ao grau de li- va, julgue o próximo item.
berdade conferido pela lei ao administrador para
a prática de determinado ato administrativo dis- 375 A decretação de medida cautelar de indisponibi-
cricionário ou vinculado, pode-se afirmar que os lidade dos bens em razão da prática de ato de
atos discricionários não estão sujeitos ao contro- improbidade que cause dano ao erário, de acor-
le jurisdicional. do com o STJ, se pautará no princípio do in dubio
pro societate.
367 A Constituição Federal autoriza tanto o Senado
Federal quanto a Câmara dos Deputados a sus- Julgue o próximo item de acordo com a Lei de Impro-
tar os atos normativos do Poder Executivo que bidade Administrativa.
exorbitem os limites do poder regulamentar.
376 Para a configuração de um ato de improbidade
Quanto à organização da Administração Pública, jul- por lesão ao erário, é obrigatória a comprovação
gue o próximo item. tanto do prejuízo quanto, ao menos, da conduta
culposa do agente.
368 As empresas estatais são criadas por atos de di-
reito privado, mas a sua instituição depende de 377 O controle administrativo, como decorrência da
autorização legislativa. autotutela que a Administração Pública tem so-
bre seus próprios atos e agentes, abrange aspec-
No tocante aos poderes administrativos, julgue os pró- tos de legalidade e de mérito administrativo.
ximos itens.
378 As autarquias são pessoas jurídicas com capaci-
369 O abuso de poder, seja na modalidade excesso dade de autodeterminação, patrimônio e receitas
de poder, seja na de desvio de finalidade, pode próprias, criadas por lei para o desempenho de
decorrer de conduta omissiva de agente público. atividades típicas do Estado, submetidas à auto-
tutela da Administração Pública direta.
370 Em decorrência do poder hierárquico, é lícita a
delegação de competência, em caráter ordinário 379 O agente público que, atentando contra os princí-
e por tempo indeterminado, a órgão hierarquica- pios da Administração Pública, for condenado em
mente inferior. ação de improbidade por ter deixado de praticar,
indevidamente, ato de ofício estará sujeito à pena
Com relação aos atos administrativos, julgue os itens de suspensão dos direitos políticos pelo período
que se seguem. de três a cinco anos.

371 A publicidade é condição de validade dos atos da 380 Os requisitos fundamentais do ato administrativo,
Administração Pública. de acordo com a doutrina majoritária, são a forma,
o objeto, a capacidade, o motivo e a finalidade.
372 Caso se determine, como forma de punição, a re-
moção de ofício de um servidor público, o ato ad- 381 Caso um ato administrativo seja considerado ile-
ministrativo em questão revelará vício no motivo. gal, impõe-se a sua extinção, por meio da anula-
ção, que poderá ser praticada de ofício pela própria
No que tange às normas sobre licitação, julgue o item Administração, no exercício da autotutela, ou pelo
que se segue. Poder Judiciário, quando devidamente provocado.

Cargo: Agente e Escrivão 29


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

382 O poder conferido à Administração para restrin- 392 Desde que devidamente motivada e com amparo
gir, frenar, condicionar, limitar o exercício de di- em investigação ou sindicância, é permitida a ins-
reitos e atividades econômicas dos particulares, tauração de processo administrativo disciplinar
a fim de preservar os interesses da coletividade, com base em denúncia anônima, em face do po-
denomina-se poder de polícia. der-dever de autotutela imposto à Administração.

383 A responsabilidade civil do Estado por ato omissivo 393 Só por lei se pode sujeitar a exame psicotécnico
é subjetiva, cabendo ao particular, que foi a vítima, a habilitação de candidato a cargo público.
comprovar a culpa ou o dolo na conduta do Estado.
394 É inconstitucional toda modalidade de provimen-
384 Pela teoria do risco integral, adotada em situa- to que propicie ao servidor investir-se, sem prévia
ções específicas, o Estado fica obrigado a reparar aprovação em concurso público destinado ao seu
todo e qualquer dano, independentemente de a provimento, em cargo que não integra a carreira
vítima ter concorrido para o seu aperfeiçoamento. na qual anteriormente investido.

385 Havendo compatibilidade de horários, para um 395 A nomeação de cônjuge, companheiro ou paren-
ocupante de cargo efetivo que esteja em ativi- te em linha reta, colateral ou por afinidade, até o
dade será permitida a acumulação remunerada terceiro grau, inclusive, da autoridade nomeante
com outro cargo de natureza eletiva. ou de servidor da mesma pessoa jurídica inves-
tido em cargo de direção, chefia ou assessora-
386 A fiscalização contábil, orçamentária, operacio- mento, para o exercício de cargo em comissão
nal e patrimonial da Administração Pública fede- ou de confiança ou, ainda, de função gratificada
ral sob os aspectos de legalidade, legitimidade na Administração Pública direta e indireta em
e economicidade integra o controle externo de qualquer dos Poderes da União, dos Estados, do
competência exclusiva do Congresso Nacional. Distrito Federal e dos Municípios, compreendido
o ajuste mediante designações recíprocas, viola
387 A modalidade convite é utilizada entre interessa- a Constituição Federal.
dos do ramo pertinente ao seu objeto, cadastra-
dos ou não, escolhidos e convidados em número 396 A falta de defesa técnica por advogado no pro-
mínimo de três pela unidade administrativa, cujo cesso administrativo disciplinar não ofende a
instrumento convocatório será fixado em local Constituição.
apropriado, para que se possibilite a participação
de interessados não convidados. 397 Nos processos perante o Tribunal de Contas da
União asseguram-se o contraditório e a ampla
388 A Lei n. 9.784/1999, especialmente no que diz defesa quando da decisão puder resultar anu-
respeito ao prazo decadencial para a revisão de lação ou revogação de ato administrativo que
atos administrativos no âmbito da Administração beneficie o interessado, excetuada a apreciação
Pública federal, pode ser aplicada, de forma sub- da legalidade do ato de concessão inicial de apo-
sidiária, aos estados e municípios, se inexistente sentadoria, reforma e pensão.
norma local e específica que regule a matéria.
Sobre os entes que integram a Administração Indireta,
389 Ao particular aplica-se o mesmo regime prescri-
analise os itens abaixo.
cional previsto na Lei de Improbidade Administra-
tiva para o agente público.
398 As empresas públicas são pessoas jurídicas de
direito privado autorizadas por lei específica, logo
390 Os prazos prescricionais previstos no artigo 142
estão submetidas às normas comuns. A conso-
da Lei n. 8.112/1990 iniciam-se na data em que
lidação das empresas públicas, bem como das
a autoridade competente para a abertura do pro-
sociedades de economia mista, efetiva-se com a
cedimento administrativo toma conhecimento do
edição da lei que autoriza a sua criação.
fato, interrompem-se com o primeiro ato de ins-
tauração válido – sindicância de caráter punitivo
399 Compete à Justiça Federal processar e julgar,
ou processo disciplinar – e voltam a fluir por intei-
ro após decorridos 140 dias desde a interrupção. nos litígios comuns, as causas em que as autar-
quias do Distrito Federal sejam autoras, rés, as-
391 É permitida a prova emprestada no processo ad- sistentes ou opoentes.
ministrativo disciplinar, desde que devidamente
autorizada pelo juízo competente e respeitados o O ato administrativo representa a manifestação da von-
contraditório e a ampla defesa. tade da Administração Pública. Por esse motivo, são

Cargo: Agente e Escrivão 30


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

praticados com fundamento no direito público, possuin- 407 A jurisprudência do Superior Tribunal de Justiça é
do características próprias. Com fundamento na teoria firme no que se aplica a agentes políticos munici-
dos atos administrativos, julgue os seguintes itens. pais, tais como prefeitos, ex-prefeitos e vereado-
res, as sanções previstas na Lei de Improbidade
400 Ao praticar ato administrativo, o agente fica vin- Administrativa. Ainda, é possível afirmar que a
culado à motivação exposta. Ainda, com funda- ação de improbidade que gera lesão à fazenda
mento na teoria dos motivos determinantes, o municipal inicia na primeira instância da Justiça
Poder Judiciário pode, desde que provocado, Estadual comum.
exercer o controle sobre a existência dos motivos
invocados como fundamento do ato. Acerca do direito administrativo, julgue os itens abaixo.

401 O atributo presunção de legalidade indica que o 408 Em sentido subjetivo, a Administração Pública re-
ato é praticado com observância da lei; por esse presenta os sujeitos que integram a estrutura ad-
motivo, esse atributo integra todos os atos admi- ministrativa do Estado. O sentido objetivo ou ma-
nistrativos. Contudo, o ato poderá ser questiona- terial representa as atividades realizadas pelos
do pelo particular possivelmente prejudicado, ca- sujeitos que integram a Administração Pública.
bendo ao Poder Público provar que o ato é legal.
409 A eficiência significa que a atuação da Adminis-
A principiologia ocupa posição importante para o estu- tração será pautada por rapidez, presteza e ren-
do do direito administrativo, uma vez que informa ve- dimento funcional, exigindo-se resultados posi-
tores de interpretação para todo o ordenamento objeto tivos, ainda que não reduza os desperdícios de
de estudo. A esse respeito, julgue seguinte item. dinheiro público.

402 O princípio da juridicidade informa que a interpre- 410 Considere que Agenor, agente administrativo da
tação da norma administrativa deve ocorrer da Secretaria de Obras do DF, tem se declarado im-
forma que melhor garanta o atendimento do fim pedido para decidir um processo para concessão
público a que se dirige, vedada aplicação retroa- de alvará de construção. Assertiva: é possível
tiva de nova interpretação. afirmar que o princípio da impessoalidade é o
mais específico para motivar a suspeição e impe-
Em relação aos poderes administrativos, julgue os dimento em processo administrativo.
itens a seguir.
Em matéria de ato administrativo, julgue os seguintes
403 É possível o poder de polícia ser representado por itens.
ato normativo e concreto. A fiscalização realizada
por agentes da Vigilância Sanitária representa ati- 411 A convalidação do ato administrativo é o proces-
vidade concreta ou material do poder de polícia. so de que se vale a Administração para aprovei-
tar atos administrativos com vícios sanáveis, de
404 A edição de decreto autônomo pelos Chefes do forma a confirmá-los no todo ou em parte, sem-
Poder Executivo representa a edição de ato pri- pre com efeitos ex tunc.
mário, pois essa competência deriva diretamente
do texto constitucional. 412 Diretor de uma entidade da Administração indire-
ta federal, com personalidade jurídica de direito
Tendo como fundamento a teoria da responsabilidade público, remove Severino, servidor público está-
extracontratual do Estado, julgue os seguintes itens. vel, para um setor localizado em outra região do
país, por motivo exclusivo de perseguição políti-
405 Considere que a Câmara Legislativa do DF venha ca. Assertiva: o ato administrativo de remoção,
a editar norma que posteriormente foi declarada apesar de discricionário, foi praticado com exces-
inconstitucional pelo STF. Assertiva: se a norma so de poder. Por esse motivo, deverá ser anulado
tiver causado prejuízo direto ao particular, poderá pela autoridade competente.
restar o dever do Estado de indenizar o lesado.
413 Paulo é servidor público, integrante do quadro de
406 Quando há culpa concorrente do Estado e do servidores de autarquia distrital, responsável pelo
particular para a consecução do dano, a respon- serviço de fiscalização de posturas. Em diversos
sabilidade do poder público será afastada. dias do mês de junho de 2019, fora do horário de
expediente, Paulo utilizou-se de veículo pertencen-
Com fundamento nos aspectos da Lei n. 8.429/1992, te à autarquia, empregando-o em atividades par-
julgue o seguinte item. ticulares. O Ministério Público, após a respectiva

Cargo: Agente e Escrivão 31


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

investigação, ajuizou ação de improbidade admi- ções de caráter pessoal, salvo quando elementa-
nistrativa contra Paulo. Assertiva: o agente público res do crime.
está sujeito à medida de indisponibilidade de bens.
No que tange à teoria do crime, julgue os itens a seguir.
414 Mariana, servidora pública distrital, representou à
autoridade administrativa competente, acusando 421 A vis compulsiva é uma eximente, desde que ir-
Agenor, Diretor de autarquia, da prática de ato de resistível.
improbidade administrativa, pleiteando, assim,
que fosse instaurada a respectiva investigação. 422 A inimputabilidade é uma dirimente.
Ocorre que Mariana sabia da inocência de Age-
nor, o que foi provado no devido processo legal. 423 A legítima defesa e o estado de necessidade são
Assertiva: Mariana está sujeita a pena de deten- justificantes legais.
ção de doze meses e multa. 424 O princípio da insignificância exclui a tipicidade
formal do delito.
Sobre a responsabilidade extracontratual do Estado,
julgue os itens. Em relação ao tema extraterritorialidade da lei penal,
julgue a assertiva a seguir.
415 O Estado responderá pelos danos que os seus
agentes causarem quando estiverem no exercí- 425 Ficam sujeitos à lei brasileira, embora cometidos
cio de suas funções ou quando se utilizarem de no estrangeiro, os crimes que, por tratado ou
suas funções para causar o dano. convenção, o Brasil se obrigou a reprimir. Trata-
-se de uma hipótese de aplicação extraterritorial
416 Uma viatura policial envolveu-se em acidente de incondicionada da lei penal brasileira.
trânsito que resultou em danos patrimoniais, bem
como danos físicos em alguns dos envolvidos. Tendo como base as disposições previstas no Código
Assertiva: para que o Estado venha a indenizar Penal, na legislação extravagante, bem como posi-
alguma vítima, é necessária a comprovação de cionamentos doutrinários e jurisprudenciais, julgue os
que o dano foi proveniente da ação estatal e, pelo itens a seguir.
mesmo, a culpa do agente público.
426 O princípio da insignificância é aplicável aos cri-
Sobre o controle da atividade administrativa, julgue o mes contra a Administração Pública.
próximo item.
427 Ninguém pode ser punido por fato que lei poste-
417 O Poder Judiciário pode avaliar a legalidade de rior deixa de considerar crime, cessando em vir-
ato administrativo praticado por qualquer dos Po- tude dela a execução e os efeitos extrapenais da
deres do Estado. Esse controle é externo, poden- sentença condenatória.
do ser preventivo.
428 A lei posterior que de qualquer modo favorecer
DIREITO PENAL (GERAL)
(Wallace França) o agente aplica-se aos fatos anteriores, salvo se
decididos por sentença condenatória transitada
Em se tratando concurso de pessoas, julgue a asser- em julgado.
tiva a seguir.
429 Diz-se o crime tentado, quando iniciada a pre-
418 São elementos da autoria colateral, entre ou- paração, não se consuma por circunstâncias
tros, a pluralidade de agentes e o liame subjeti- alheias à sua vontade. Nesse caso, salvo dispo-
vo entre eles. sição em contrário, será aplicada a pena do crime
consumado, diminuída de um a dois terços.
Considerando o tema imputabilidade penal, julgue a
assertiva a seguir. 430 Não é cabível a tentativa nos crimes culposos,
mesmo em se tratando da culpa imprópria.
419 Em relação à inimputabilidade pela menoridade pe-
nal, o Código Penal adotou o critério biopsicológico. 431 O crime culposo tem como elementos, dentre
outros, a conduta voluntária, o resultado natura-
Em se tratando concurso de pessoas, julgue a asser-
lístico, a previsão do resultado, a tipicidade e a
tiva a seguir.
quebra do dever objetivo de cuidado.
420 Não se comunicam as circunstâncias e as condi-

Cargo: Agente e Escrivão 32


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

432 Comunicam-se as circunstâncias e condições de ca- 444 Ocorre o instituto da resipiscência quando o
ráter pessoal, mesmo quando elementares do crime. agente inicia a execução de um crime, mas im-
pede que o resultado se produza de forma vo-
433 É isento de pena o agente que, por embriaguez luntária, mesmo que o crime seja praticado com
completa, proveniente de fortuito ou culposa, era, violência ou grave ameaça.
ao tempo da ação ou da omissão, inteiramente
incapaz de entender o caráter ilícito do fato ou de 445 Não é cabível arrependimento posterior no crime
determinar-se de acordo com esse entendimento. de roubo.

De acordo com as disposições do Código Penal, do 446 Na tentativa abandonada, o agente inicia a execu-
entendimento doutrinário dominante e do entendimen- ção do delito e é interrompido ainda na fase dos atos
to jurisprudencial, julgue as assertivas. executórios, diferentemente da tentativa acabada.

434 No crime de autoaborto ou aborto consentido 447 Considere a seguinte situação hipotética: João
pela gestante (art. 124, CP), admite-se o concur- foi preso, condenado e estava cumprindo pena
so de agentes. por roubo majorado pelo emprego de arma bran-
ca, com sentença transitada em julgado. Poste-
435 Quando o agente, depois de iniciar a execução riormente, entrou em vigor nova lei que revogou
de um delito, desiste prosseguir por vontade pró- o aumento de pena por emprego de arma branca.
pria, estaremos diante da desistência voluntária e Assertiva: nessa situação hipotética, a nova lei
o agente responderá somente pelos atos já prati- será aplicada a João, mesmo ele já cumprindo
cados, ou seja, pela tentativa do delito. pena com sentença transitada em julgado.

436 Em relação à inimputabilidade, prevista no artigo 448 Em caso de crime tentado, considera-se praticado
26 do Código Penal, foi adotado o critério biológico. o crime no lugar em que ocorreu a ação ou a omis-
são, bem como onde deveria ocorrer o resultado.
437 A lei excepcional ou temporária, embora decor-
rido o período de sua duração ou cessadas as 449 Em qualquer das justificantes previstas no Có-
circunstâncias que a determinaram, aplica-se ao digo Penal, o agente responderá somente pelo
fato praticado durante sua vigência, ainda que a excesso doloso.
lei posterior seja mais benéfica.
Tendo como base o Código Penal, bem como o pensa-
438 Caso um dos agentes queira praticar somente o mento doutrinário e jurisprudencial dominante, julgue
crime menos grave, responderá por este. Será os itens a seguir.
responsabilizado no crime mais grave, caso te-
nha sido previsto o resultado agravador e o agen-
450 Para a teoria extremada da culpabilidade, o erro
te aceite esse resultado.
de agente que recaia sobre pressupostos fáticos
439 Prevalece que, em relação à participação, foi de uma causa de justificação configura erro de
adotada a teoria da acessoriedade limitada, ou tipo permissivo.
seja, a punição da participação pressupõe a prá-
tica de fato típico, ilícito e culpável. 451 A superveniência de causa absolutamente indepen-
dente da conduta do agente rompe o nexo causal.
440 Em relação à embriaguez preordenada, foi ado-
tada a teoria da actio libera in causa. 452 Em razão da teoria unitária, considera-se praticado
o crime no lugar em que ocorreu a ação ou omis-
441 O erro de proibição inescusável é uma dirimente. são, no todo ou em parte, bem como onde se pro-
duziu ou deveria ter sido produzido o resultado.
Tendo como base as disposições previstas no Código
Penal, legislação extravagante, bem como posiciona- 453 A lei penal mais benéfica aplica-se ao crime con-
mentos doutrinários e jurisprudenciais, julgue o item a tinuado ou ao crime permanente, ainda que ocor-
seguir. ra superveniência de lei penal mais gravosa ao
longo da atividade delitiva.
442 O princípio da insignificância é aplicável ao crime
de peculato se o valor do bem subtraído não for 454 Nos casos de omissão imprópria, adota-se a te-
superior a R$ 20.000,00 (vinte mil reais). oria naturalística, que dispõe que há relevância
causal entre a conduta omissiva do garantidor e
443 O crime impossível é uma tentativa impunível. o resultado material ocorrido quando ele poderia
e deveria agir.

Cargo: Agente e Escrivão 33


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

455 A teoria da imputação objetiva prevê que haverá seguir:


nexo de causalidade se o agente atuar dentro do
risco permitido, mesmo que a sua conduta gere 460 Caio será responsabilizado pelo crime de furto
resultado previsto em lei como crime. qualificado com destruição ou rompimento de
obstáculo à subtração da coisa, em concurso for-
456 O crime de genocídio praticado fora do território mal impróprio com o crime de explosão, previsto
brasileiro poderá ser julgado no Brasil quando no artigo 251 do Código Penal.
cometido contra povo alienígena por estrangeiro
domiciliado no Brasil. 461 Ao crime praticado por Caio deve incidir aumento
de pena de um terço em razão do furto ter sido
457 Segundo o direito penal, não é possível incrimi- praticado durante o repouso noturno, não impor-
nar a simples conduta humana que exponha a tando o fato de a ação criminosa ter ocorrido em
perigo bens jurídicos, ainda que não exista vítima estabelecimento comercial.
determinada e direta.
462 Sequestrar pessoa com o fim de obter, para si ou
para outrem, qualquer vantagem, como condição
DIREITO PENAL (ESPECIAL) ou preço do resgate configura o crime de extor-
(Erico Palazzo) são com restrição de liberdade.

Texto das questões 458 e 459: 463 Com a finalidade de não ser identificado numa
abordagem policial, Antônio Almeida Silva, que
Fábio tem recebido ameaças de morte proferidas por era foragido da polícia, apresenta um documento
Willian. Assim, prezando por sua própria vida, Fábio de- de identidade falso, no qual consta a sua foto, to-
cide ceifar a vida de Willian e, para tanto, contrata Ca- davia com o nome de Francisco Souza Cruz. Nes-
milo, assassino profissional, prometendo lhe pagar R$ te caso, Antônio praticou o crime de falsa identi-
200,00 (duzentos reais) para que matasse Willian. No dia dade, previsto no artigo 307 do Código Penal.
02/04/2019, Camilo desfere um tiro no peito de Willian,
que vem a morrer instantaneamente. A polícia é acionada 464 Pratica corrupção passiva o funcionário público
para investigar o fato e chega à autoria do crime. que exige, para si ou para outrem, direta ou indi-
retamente, ainda que fora da função ou antes de
Diante dessa situação hipotética, analise os itens a assumi-la, mas em razão dela, vantagem indevida.
seguir:
465 Tício, funcionário público, estava sem canetas
458 De acordo com a teoria objetivo-formal, adotada
em casa e se apropriou, em razão das funções
desempenhadas, de 10 canetas de propriedade
pelo Código Penal Brasileiro, no que concerne
pública, que totalizam o valor de R$ 30,00. De
ao concurso de pessoas, na situação acima rela-
acordo com a jurisprudência do Superior Tribunal
tada, Fábio será considerado partícipe do crime,
de Justiça, não é possível aplicar o princípio da
enquanto que Camilo será considerado autor.
insignificância à conduta de Tício.
459 A qualificadora do homicídio mediante paga, pro-
Texto para as questões 466 e 467.
messa de recompensa ou outro motivo torpe é
subjetiva, razão por que não haverá a comuni-
Marcos Carvalho vive em união estável com Carolina
cação dessa circunstância no concurso de pes-
Santos há 5 anos. Desconfiado que Carolina mantém
soas. Assim, somente Camilo deve ser respon-
um caso amoroso com outra pessoa, Marcos passa
sabilizado pelo homicídio qualificado mediante
a agredi-la severamente com socos na face. A inten-
promessa de recompensa.
ção de Marcos, ao agredir Carolina, é causar somente
Texto das questões 460 e 461: lesões corporais. Todavia, em decorrência das agres-
sões, Carolina vem a falecer.
Caio decide explodir um caixa eletrônico e subtrair o
numerário que se encontra em seu interior. Para tan- Diante da situação hipotética, analise as assertivas a
to, adquire material explosivo e, na madrugada de seguir.
15/04/2019, por volta das 03h, se dirige a uma agência
466 Apesar de Marcos não ter almejado o resultado
bancária localizada num bairro remoto de Samambaia-
-DF. Ato contínuo, acende os detonadores, explode o morte nem ter assumido o risco de produzi-lo, ele
caixa eletrônico e logra êxito na subtração almejada. deve responder pelo delito de feminicídio, uma
Diante dessa situação hipotética, analise os itens a vez que Carol veio a falecer em razão das agres-
sões praticadas.

Cargo: Agente e Escrivão 34


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

467 É possível a prática de feminicídio fora dos casos da vítima, Junior Pereira efetuou um disparo contra
de violência doméstica e familiar. a cabeça dela, vindo a matar Camila Cardoso. A in-
vestigação realizada pela Polícia Civil logrou êxito em
468 João Silveira, imputável, induziu Antônio Nonato, prender o criminoso.
mentalmente enfermo e absolutamente incapaz
de oferecer qualquer resistência, a cometer sui- Com base nessa situação, julgue cada item:
cídio. Em decorrência, Antônio cometeu suicídio.
Neste caso, João deverá ser responsabilizado 474 Junior Pereira praticou o crime de roubo com re-
pelo crime de induzimento, instigação ou auxílio sultado morte, também conhecido como latrocínio.
a suicídio, devendo a pena ser duplicada em ra-
zão da debilidade mental da vítima. 475 O crime praticado por Junior Pereira é considera-
do hediondo, de acordo com a Lei n. 8.072/1990.
469 O furto de semovente domesticável de produção, ain-
da que abatido ou dividido em partes no local da sub- 476 Suponha que Junior Pereira também tivesse sub-
tração, configura uma hipótese de furto qualificado. traído o veículo automotor da vítima e o tivesse
vendido a Lucas Silva, dono de uma mecânica,
470 Marília Gomes teve expedido mandado de pri- que sabe se tratar de produto de crime. Em re-
são contra sua pessoa. A fim de se furtar da ação lação a Junior, essa situação caracteriza mero
policial, Marília adquiriu, no dia 30/04/2019, uma exaurimento do crime anteriormente praticado.
carteira de identidade falsificada, na qual cons- Por outro lado, Lucas Silva praticou o delito de
ta sua foto com o nome de outra pessoa. No dia receptação qualificada.
02/05/2019, durante abordagem policial, foi soli-
citado a Marília que se identificasse, ocasião em 477 Fernando comete o crime de roubo com uma
que ela entregou o referido documento falsificado. arma de fogo desmuniciada. Assim, em face da
Neste caso, Marília praticou o delito de falsa iden- ausência de potencialidade lesiva da arma de
tidade, previsto no artigo 307 do Código Penal. fogo utilizada na empreitada criminosa, Fernando
deve ser responsabilizado pelo roubo simples, e
471 A jurisprudência é pacífica no sentido de que a não por roubo circunstanciado (majorado).
falsificação documental deve ser absorvida, em
razão do princípio da consunção, pelo crime de 478 Mário, indignado com seu irmão gêmeo, Mauro,
estelionato, quando for utilizada com essa finali- desfere socos na face deste com a finalidade de
dade e sem mais potencialidade lesiva. gerar lesões corporais. Nesta situação, apesar
de não mais residirem na mesma casa, deve Má-
rio ser responsabilizado por lesão corporal em
472 Opor-se à execução de ato legal, mediante ame-
contexto de violência doméstica.
aça a funcionário público competente para execu-
tá-lo, configura concurso dos crimes de desobedi-
479 Pratica falsidade ideológica (art. 299, CP) o
ência (art. 330 do CP) e ameaça (art. 147 do CP). agente que insere informação falsa em currículo
Lattes com a intenção de obter respeito e vanta-
473 Nico Torres, conhecido assaltante do Morro da gem em emprego ou função.
Cruz, São Sebastião-DF, subtraiu um colar de pé-
rolas, avaliado em R$ 5.000,00 (cinco mil reais), 480 Configura o crime de adulteração de sinal identifi-
mediante grave ameaça. Sabendo que a polícia cador de veículo automotor a conduta de colocar
estava em busca do objeto e que já o tinha como fita adesiva na placa do carro.
principal suspeito, Nico entrega o colar para seu
pai, Almeida, e pede que ele o esconda em seu 481 Depositário judicial que se apropria indevida-
favor. Por amor ao filho e buscando ajudá-lo, Al- mente de bem móvel, do qual tem a posse em
meida oculta o objeto. Nesta situação, Almeida razão do múnus público exercido, pratica o crime
de peculato.
praticou o delito de receptação e deverá ser cri-
minalmente responsabilizado.
482 Carmelúcio, imputável, adulterou o medidor de
energia elétrica de sua residência de tal forma
Texto referente às questões 474 a 476.
que o aparelho computa apenas 30% da energia
efetivamente consumida. Nesse caso, é possível
Junior Pereira, maior imputável, com arma em punho
afirmar que Carmelúcio será responsabilizado
e mediante grave ameaça, restringiu a liberdade de
pelo furto de energia elétrica.
Camila Cardoso e determinou que ela lhe entregasse
seu cartão de crédito com a senha, o que foi pronta-
mente obedecido. Todavia, após restringir a liberdade

Cargo: Agente e Escrivão 35


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

Texto referente às questões 483 a 485: Texto referente às questões de 490 a 492.

Pedro, perito policial, tem sob custódia uma pistola ca- Romildo Ferreira, maior imputável, subtraiu o aparelho
libre 40 que deve ser submetida a exame de eficiência. de TV de uma residência desabitada. O fato ocorreu
Entretanto, ao constatar que a referida arma de fogo por volta das 2h da madrugada, na cidade de Brasília-
pertencia a um indivíduo já falecido, supõe que nin- -DF. Romildo foi preso em flagrante e conduzido à De-
guém terá interesse em obter sua restituição. Assim, legacia de Polícia. Diante dessa situação hipotética,
decide se apropriar da arma de fogo e solicita auxílio julgue os itens a seguir.
a seu amigo Marcos, motorista de uma empresa par-
ticular, para que este busque a referida arma de fogo 490 O fato de a residência encontrar-se desabitada
no Instituto de Criminalística, uma vez que Pedro tinha afasta a causa de aumento de pena do furto du-
receio de ser flagrado saindo do local com o objeto rante o repouso noturno.
que não lhe pertencia. Marcos, tendo conhecimento
da ação criminosa praticada por Pedro, decide lhe au- 491 No caso concreto, é possível afirmar que Romil-
xiliar, sob a promessa de receber R$ 200,00 (duzentos do praticou o crime de furto qualificado.
reais). A ação criminosa transcorre como planejado,
mas é descoberta pela polícia alguns dias depois. A 492 Não será imputado a Romildo o crime de violação
arma de fogo foi recuperada. Diante dessa situação, de domicílio, uma vez que, apesar de configurar
julgue as assertivas a seguir. crime autônomo, na presente situação, este de-
lito será absorvido pelo crime de furto, em razão
483 Pedro deve ser responsabilizado por apropriação do princípio da consunção.
indébita, uma vez que já tinha a posse da pistola
quando decidiu se apropriar deste objeto. 493 Aliciar e recrutar mulheres, mediante ameaça,
violência, coação, fraude ou abuso com a fina-
484 Pedro deve ser responsabilizado pelo delito de lidade de exploração sexual, configura crime de
peculato, na modalidade peculato-apropriação, tráfico de pessoas, configurando o delito, ainda
que é uma das espécies de peculato-próprio. que a vítima não seja transportada para outro
país ou outro estado federativo.
485 Marcos, apesar de não ser funcionário público,
pode ser responsabilizado por crime funcional. As- 494 A injúria real consiste na utilização de elementos re-
sim, na situação descrita, deve ser aplicada a te- ferentes a raça, cor, etnia, religião, origem ou a con-
oria monista ou unitária do concurso de pessoas, dição de pessoa idosa ou portadora de deficiência.
adotada como regra no Código Penal Brasileiro,
de forma a imputar a Marcos o crime de peculato. 495 João Macedo falsifica reiteradamente ações de
sociedade comercial, livros mercantis e testa-
486 Trata-se de caso de aumento de pena do femi-
mentos particulares. Por essas ações crimino-
nicídio se o crime for praticado na presença de
sas, João Macedo deverá ser responsabilizado
descendente ou de ascendente da vítima. Para
pelo crime de falsificação de documento público
efeitos deste aumento, a presença pode ser tanto
e não por falsificação de documento particular.
física quanto virtual.
Texto referente às questões 496 e 497:
487 De acordo com o Supremo Tribunal Federal, o abor-
to eugênico é admitido no Direito Penal Brasileiro.
Felipe Augusto, maior imputável, praticou um crime
488 O delito de uso de documento falso, previsto no de roubo no dia 19/09/2019. Na ocasião, subtraiu,
artigo 304 do Código Penal, pode ser de menor, mediante grave ameaça, 2 aparelhos celulares. Após
médio ou elevado potencial ofensivo. alguns dias, Felipe Augusto desconfiou que a Polícia
Civil estava investigando o crime praticado e achou
489 Marcela, com o intuito de se vingar de Alfredo, o melhor pedir a seu pai, Carlos Augusto, que ocultasse
qual lhe havia negado uma noite de amor, com- os referidos aparelhos em sua residência. Carlos Au-
parece a uma delegacia de polícia e registra gusto, ciente da origem criminosa dos aparelhos ce-
ocorrência, imputando falsamente a Alfredo o cri- lulares, aceitou ocultá-los, a fim de auxiliar seu filho a
me de tentativa de estupro, do qual ela suposta- não ser preso. Diante da situação apresentada, julgue
mente teria sido vítima. Após as investigações, a os itens a seguir.
polícia descobre a torpeza de Marcela. O delega-
do responsável pelo caso imputa a Marcela o cri- 496 Nesta situação, Carlos Augusto praticou o crime de
me de comunicação falsa de crime. O delegado favorecimento real. Todavia, caso ocultasse os refe-
responsável pelo caso agiu de maneira correta. ridos aparelhos celulares em seu próprio favor, po-

Cargo: Agente e Escrivão 36


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

deria ser responsabilizado pelo crime de receptação. ve ameaça ou violência a essas pessoas, Martino
deveria ser responsabilizado por roubo qualificado.
497 Apesar de Carlos Augusto ter praticado fato típico,
como o auxílio prestado se deu em favor de seu No que se refere aos crimes contra a fé pública, julgue
descendente, ele deverá ficar isento de pena. os itens que se seguem.

Texto referente às questões 498 e 499. 502 Alterar a numeração da placa de veículo com fita
isolante configura o crime de adulteração de sinal
Marcondes Ferreira foi ameaçado de morte por Amân- identificador de veículo.
cio Silva, maior imputável. Diante dessa ameaça e re-
ceoso de ser morto, Marcondes decide se antecipar e 503 A falsificação de selo destinado a controle tribu-
matar Amâncio. Para tanto, Marcondes contrata Arlin- tário configura o delito de falsificação de selo ou
do Freitas, assassino profissional, prometendo lhe pa- sinal público.
gar R$ 200,00 (duzentos reais) para matar Amâncio. O
crime é executado no dia 26/10/2019, ocasião em que 504 Apesar de o crime de estupro ter passado a ser
Arlindo desferiu três tiros no peito de Amâncio, cau- de ação penal pública incondicionada, o delito de
sando sua morte. A polícia é acionada para investigar importunação sexual (art. 215 – A do CP) exige a
o fato e chega à autoria do crime. representação da vítima.

Diante dessa situação hipotética, julgue os itens a seguir. 505 O crime de fraude processual pode ser pratica-
do no âmbito de processo civil, administrativo ou
498 De acordo com a teoria objetivo-formal, adotada penal. Entretanto, a reprimenda será maior se a
pelo Código Penal brasileiro no que concerne ao inovação artificiosa se destinar a produzir efeito
concurso de pessoas, na situação acima rela- em processo penal, ainda que não iniciado.
tada, Marcondes será considerado partícipe do
crime, enquanto Arlindo será considerado autor. DIREITO PROCESSUAL PENAL
(Diego Henrique)
499 É possível que Marcondes seja responsabilizado
somente por homicídio simples. Enquanto Arlindo 506 Uma nova lei processual penal entrou em vigor
deverá ser responsabilizado por homicídio quali- durante o curso de uma ação penal. Dessa for-
ficado mediante paga, promessa de recompensa ma, os atos processuais já praticados devem ser
ou outro motivo torpe. repetidos, se possíveis, para se adequar às no-
vas disposições procedimentais.
Texto referente às questões 500 e 501.
507 O inquérito policial possui a característica do sigi-
Martino Cabral decide explodir um caixa eletrônico e lo. Por essa razão, o advogado do indiciado não
subtrair o numerário que se encontra em seu interior. pode ter amplo acesso aos elementos de prova
Para tanto, adquire material explosivo e, na madrugada já documentados.
de 1º/10/2019, por volta das 3h da madrugada, dirige-
-se a uma agência bancária totalmente vazia, localiza- 508 O inquérito policial é indispensável à persecução
da na cidade de Brazlândia-DF. Ato contínuo, detona penal, sem o qual o Ministério Público não pode
os explosivos e logra êxito na subtração almejada. oferecer a denúncia.

Diante dessa situação hipotética, julgue os itens a seguir. Texto relacionado às questões 509 a 512:

500 Martino deve ser responsabilizado pelo crime de Carlinhos é investigado por ter, supostamente, pra-
furto qualificado em razão do emprego de explo- ticado o crime de latrocínio contra Marcélia, no dia
sivos, e deverá haver aumento de pena de um 15/03/2019. Diante dessa situação hipotética, julgue
terço em razão de o furto ter sido praticado du- cada item a seguir:
rante o repouso noturno, sendo irrelevante o fato
de a ação criminosa ter ocorrido em estabeleci- 509 Durante a fase de inquérito policial, se Carlinhos ti-
mento comercial. ver sua prisão temporária decretada, esta terá o pra-
zo de 30 (trinta) dias, prorrogável por igual período
501 Suponha que a ação tivesse ocorrido durante o em caso de extrema e comprovada necessidade.
dia, momento em que havia pessoas no interior da
agência bancária. Ao praticar a subtração do nu- 510 O juiz não pode decretar prisão temporária (Lei
merário com o uso de explosivos e mediante gra- n. 7.960/1989) de ofício, devendo haver prévio

Cargo: Agente e Escrivão 37


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

requerimento do Ministério Público ou represen- de alta relevância, é motivo idôneo para a decre-
tação da autoridade policial. tação da prisão preventiva.

511 Suponha que Macedo, membro do Ministério 520 O exame de corpo de delito pode ser realizado
Público, ofereça denúncia contra Carlinhos, em a qualquer dia e a qualquer hora. Tratando-se,
virtude do suposto latrocínio praticado por este. porém, de autópsia, deverá ser realizada pelo
Ocorre que, durante a ação penal, Macedo se menos cinco horas depois do óbito, salvo se os
convence de que Carlinhos é, na verdade, ino- peritos, pela evidência dos sinais de morte, julga-
cente desse crime. Nessa situação, Macedo pode rem que possa ser feita antes daquele prazo, o
desistir da ação penal ou se recusar a acusá-lo. que declararão no auto.

512 O crime de latrocínio é um crime complexo e re-


521 O interrogatório do réu passou a ser o último ato
sulta da fusão dos crimes de roubo e homicídio.
da instrução criminal. Nesse ponto, em se tratan-
Assim, o julgamento desse crime hediondo deve
do de réu surdo, as perguntas serão formuladas
ocorrer perante o Tribunal do Júri.
por escrito, e a resposta será dada da mesma
forma, mantendo a higidez procedimental.
513 É denominado flagrante próprio ou perfeito as
hipóteses em que o agente é preso enquanto co- Quanto ao tempo de prisão domiciliar, Lei de Execu-
mete a infração penal ou acaba de cometê-la. ção Penal e inquérito policial, julgue os itens a seguir:

514 O inquérito policial é um processo administrativo 522 Admite-se a prisão domiciliar no CPP no caso de
que visa apurar a autoria e a materialidade do o agente ser maior de 70 anos.
fato praticado, tendo como características, dentre
outras, ser escrito, a oficiosidade, a oficialidade, 523 O indiciamento é atribuição exclusiva do delega-
a discricionariedade e o sigilo. do de polícia, não sendo possível que o juiz nem
o promotor de justiça o determinem. A exceção
515 A ação penal nos crimes praticados em contexto fica por conta de ordem de indiciamento prove-
de violência doméstica e familiar contra a mulher niente de Ministro do STF, caso em que o dele-
é de natureza pública incondicionada. gado deverá cumpri-la.

524 Para os Tribunais de sobreposição, é cabível o


516 Como regra, no processo penal, a competência
desarquivamento de inquérito policial quando a
é pelo local da consumação da infração penal.
sua causa determinante se tratou de excludente
Caso seja desconhecido, será fixada pelo domicí-
de ilicitude.
lio ou residência do réu. Todavia, em se tratando
de ação penal privada (exclusiva, personalíssima 525 A participação de magistrado em julgamento de
ou subsidiária da pública), o ofendido poderá op- caso em que seu pai já havia atuado é causa de
tar pelo local do domicílio do réu, mesmo sendo nulidade absoluta, prevista no art. 252, I, do CPP.
conhecido o local da consumação.
526 O indulto extingue os efeitos penais primários e
517 É possível haver, em determinado caso concre- secundários da condenação.
to, interceptação telefônica a respeito de crime
punido com detenção, como no caso de ser des- 527 João confessou ser usuário de drogas em audiên-
coberto um crime de ameaça durante a intercep- cia de instrução de processo criminal em que se
tação de um crime de homicídio. apura tráfico ilícito de drogas por ele, em tese, pra-
ticado. Nesse caso, como a acusação é de tráfico
518 A prisão temporária pode ser decretada pelo pra- de drogas, caso condenado, não fará jus à atenu-
zo de 5 dias, prorrogáveis por igual período, no ante da confissão espontânea, já que confessou
caso do crime de roubo simples. Tal crime tam- outro fato (porte de drogas para consumo pessoal).
bém admite, ao menos analisando a sua pena em
abstrato, a possibilidade de decretação de prisão 528 “A”, policial militar, foi designado para atuar como
preventiva, se presentes os demais requisitos, agente de inteligência (à paisana, portanto) nas
pressupostos e condições de admissibilidade. manifestações a respeito das eleições. Durante
sua investigação, fez amizades com diversos
519 Muito se discute sobre a influência da mídia nas membros, participou de grupos de WhatsApp e
decisões judiciais, havendo posicionamentos fa- de diversas reuniões, possibilitando, assim, a ob-
voráveis e desfavoráveis. Em que pese tal dis- tenção de um maior número de informações a fim
cussão, prevalece que o clamor social, quando de subsidiar o projeto de segurança de governo.

Cargo: Agente e Escrivão 38


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

Ainda, identificou-se a líder do grupo que, após por parte da população.


alguns dias, foi presa com base nesses elemen-
tos por ele angariados. Tais elementos obtidos 536 A gestante, independentemente do tempo de gra-
são ilícitos, pois, para infiltração de agente poli- videz, como regra, faz jus à prisão domiciliar em
cial, é necessária autorização judicial. substituição à prisão preventiva prevista no CPP.

529 No caso de processo penal que tramita sob segredo 537 O delegado pode arbitrar fiança em crimes cuja
de justiça em razão da qualidade da vítima (criança pena máxima em abstrato não seja superior a 4
ou adolescente), o nome completo do acusado e anos. Além disso, o delegado poderá aumentar,
a tipificação penal podem constar entre os dados no máximo, até 100 (cem) vezes.
básicos do processo disponibilizados para consulta
livre no site eletrônico do Tribunal, ainda que os cri- Quanto à execução penal, julgue os itens a seguir.
mes se relacionem com pornografia infantil.
538 João cometeu crime de roubo e foi condenado a
Quanto ao processo penal brasileiro, julgue os itens 6 anos de prisão. Iniciou o cumprimento da pena
a seguir. no dia 01/02/15. Assim que completou 1/6 de
cumprimento da pena, apresentou requerimen-
530 Admite-se a denúncia genérica no Brasil, pois o
to de progressão de regime. Após 5 meses de
acusado se defende dos fatos.
análise, o juiz da execução deferiu. A nova data-
-base para a próxima progressão será o dia em
531 José, deputado federal, cometeu crime de injúria
que preencheu os requisitos e não o dia em que
contra um condutor de um veículo, quando este
o juiz deferiu o benefício.
lhe deu uma “fechada” no trânsito. Nesse caso,
caberá ao juízo de 1ª instância o seu processo e
539 Admite-se a progressão per saltum se o agente
julgamento e, não, ao STF.
tiver bom comportamento carcerário.
532 Perigoso, indivíduo temido na região, decidiu por
540 Não se admite a regressão per saltum, pois fere
assaltar pessoas em determinado ponto de ôni-
a legalidade.
bus. Lá chegando, havia apenas um indivíduo.
Perigoso, então, munido de uma faca, anunciou
A respeito de elementos informativos e de provas, jul-
o assalto e determinou que a pessoa lhe entre-
gue o seguinte item.
gasse os seus pertences. A vítima, lutador de
jiu-jitsu, faixa roxa, optou por reagir. Perigoso,
541 Delegado, ao efetuar a prisão de um indivíduo e
para conseguir subtrair os pertences, efetuou um
lavrar o Auto de Prisão em Flagrante APF, não po-
golpe no tórax do lutador, o qual não resistiu e
derá, sem autorização judicial, apreender o apa-
morreu. Após o golpe, Perigoso, assustado, saiu
relho celular que ele utilizava para conversar com
em desabalada carreira, não levando consigo ne-
nhum pertence da vítima. Nesse caso, segundo outras pessoas, sob pena de “ilicitude probatória”.
o STF, o crime restou consumado e será caso de
julgamento pelo Tribunal do Júri, cujos votos dos Quanto à competência criminal, julgue as assertivas
jurados são protegidos pelo sigilo. abaixo.

533 Considera-se flagrante próprio aquele em que o 542 João utilizou-se de um documento falso da Ma-
agente está cometendo a infração e o flagrante rinha numa blitz de rotina realizada por policiais
impróprio aquele em que o agente acabou de estaduais. Nesse caso, por se tratar de documen-
cometê-la. to emitido por órgão federal, a competência para
o processo e julgamento será da Justiça Federal.
534 Se não houver testemunha de determinado cri-
me, o delegado, ainda assim, poderá lavrar o 543 A competência para julgar crime contra casa loté-
auto de prisão em flagrante. Nesse caso, ele de- rica é da Justiça Federal.
verá colocar duas pessoas como testemunhas
de apresentação, que também são chamadas de Acerca do inquérito policial, responda o item abaixo.
testemunhas instrumentárias ou do juízo.
544 Delegado entendeu que o fato investigado era
535 A prisão preventiva pode ser decretada quando atípico e relatou o inquérito sugerindo o arquiva-
um crime é cometido de forma bárbara, causan- mento. O Ministério Público concordou e promo-
do enorme clamor social. Isso serve, inclusive, veu o arquivamento, o que foi homologado pelo
para proteger o investigado de um linchamento juiz. Nesse caso, entendendo a vítima que a con-

Cargo: Agente e Escrivão 39


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

duta é irregular, já que, a seu ver, o fato é típico, (DF) e ao desmembramento e reorganização da car-
poderá ingressar com um mandado de seguran- reira policial civil do DF, julgue os itens subsequentes.
ça para evitar o referido arquivamento.
554 A Carreira de Polícia Civil do Distrito Federal é de
Acerca da temática prisão, julgue o presente item. nível superior e compõe-se dos cargos de Perito
Criminal, Perito Médico-Legista, Agente de Polí-
545 O mero descumprimento do acordo de colabora- cia, Escrivão de Polícia, Papiloscopista Policial,
ção premiada não justifica, por si só, a decreta- Delegado de Polícia e Agente Policial de Custódia.
ção de prisão preventiva do colaborador.
555 O ingresso na Carreira de Delegado de Polícia
Quanto ao tema provas, julgue os itens a seguir. do Distrito Federal dar-se-á mediante concurso
público de provas e títulos, com a participação
546 O réu não tem direito subjetivo de acompanhar, por da Ordem dos Advogados do Brasil, exigindo-se
sistema de videoconferência, audiência de inquiri- diploma de Bacharel em Direito e, no mínimo, 3
ção de testemunhas realizada, presencialmente, (três) anos de atividade jurídica ou policial, com-
perante o Juízo natural da causa, por ausência de provados no ato da posse.
previsão legal, regulamentar e principiológica.
556 SITUAÇÃO HIPOTÉTICA: Fernando é escrivão
547 Nos crimes sexuais, a palavra da vítima não tem de polícia da PCDF e foi regularmente cedido ao
tanta relevância, sendo necessária a oitiva de Ministério da Educação para o exercício de cargo
testemunhas para a comprovação do fato. em comissão. ASSERTIVA: nesse caso, a cessão
de Fernando é considerada de interesse policial
548 O STJ já entendeu que é possível a antecipação civil, resguardados todos os direitos e vantagens
da colheita da prova testemunhal, com base no da carreira policial, conforme estabelece a Lei n.
art. 366 do CPP, nas hipóteses em que as teste- 9.264/1996.
munhas são policiais.
557 Do termo de posse, assinado pela autoridade
competente e pelo funcionário, constará o com-
549 Como regra, é necessária a realização de perícia
promisso do fiel cumprimento dos deveres e
para a identificação de voz captada nas intercep-
atribuições, bem como a declaração, pormeno-
tações telefônicas.
rizada, dos bens e valores que constituem o seu
patrimônio. A declaração de bens deverá ser atu-
550 Como regra, as nulidades surgidas no curso da alizada anualmente.
investigação preliminar não atingem a ação penal
dela decorrente. 558 SITUAÇÃO HIPOTÉTICA: Um perito criminal da
PCDF licenciou-se de suas atividades para cum-
551 A mera fuga para evitar uma prisão em flagrante prir mandato eletivo após ter sido eleito deputa-
é motivo suficiente para a decretação da prisão do federal. ASSERTIVA: De acordo com as re-
preventiva, observando a aplicação da lei penal. gras de promoção estabelecidas pelo Decreto n.
59.310/1966, o referido servidor somente poderá
552 Um delegado realizou um reconhecimento pes- ser promovido pelo critério de merecimento.
soal na delegacia colocando apenas o suspeito,
mesmo havendo outros indivíduos no local que 559 Poderá ser deferida a remoção por conveniência
poderiam integrar um grupo para trazer maior re- da disciplina de servidor submetido ao regime ju-
levância ao apontamento da vítima. Nesse caso, rídico peculiar, independentemente da existência
o delegado infringiu o mandamento processual de claro na respectiva lotação, ficando o funcio-
do CPP, havendo, portanto, uma ilegalidade na nário como excedente.
colheita do elemento informativo.
560 De acordo com o Decreto n. 59.310/1966, o fun-
553 A ausência de intimação da defesa sobre a expe- cionário gozará obrigatoriamente trinta dias con-
dição de precatória para oitiva de testemunha é secutivos de férias por ano, de acordo com a es-
causa de mera irregularidade. cala organizada pelo chefe do serviço.

561 Nas faltas em que a pena aplicável seja a de


LEGISLAÇÃO ESPECÍFICA
demissão, o funcionário poderá ser afastado do
(Marcos Fagner)
exercício de seu cargo, em qualquer fase do pro-
cesso disciplinar, até decisão final.
No que se refere ao regime jurídico peculiar dos fun-
cionários policiais civis da União e do Distrito Federal

Cargo: Agente e Escrivão 40


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

562 Juvenal da Silva, bacharel em Direito, foi aprova- 571 Poderá ser autorizada a cessão do servidor da PCDF
do em concurso público de provas e títulos para à Presidência da República para exercício de cargo
o cargo de Delegado de Polícia da PCDF. De em comissão ou função de confiança, ainda que o
acordo com a legislação de regência do cargo, servidor não tenha cumprido estágio probatório.
Juvenal precisará comprovar, ainda, no mínimo,
três anos de atividade jurídica ou policial no ato 572 O Decreto n. 59.310/66, que dispõe sobre o re-
de sua posse. gime jurídico dos Funcionários Policiais Civis do
Departamento Federal de Segurança Pública e
563 É obrigatório o ressarcimento ao órgão cedente do da Polícia do Distrito Federal, estabelece hipó-
valor correspondente à remuneração do servidor teses em que será permitido que a posse seja
cedido, salvo quando a cessão ocorrer para órgão realizada mediante procuração.
da União, Governadoria e Vice-Governadoria do
Distrito Federal ou Secretaria de Estado da Segu- 573 É dever do servidor submetido ao Regime Jurí-
rança Pública e da Paz Social do Distrito Federal. dico Peculiar frequentar com assiduidade, para
fins de aperfeiçoamento e atualização de conhe-
564 O ingresso no cargo de Perito Criminal da Polícia cimentos profissionais, cursos instituídos periodi-
Civil do Distrito Federal exige diploma de nível camente pela Academia Nacional de Polícia, em
superior em qualquer área do conhecimento. que seja compulsoriamente matriculado.

565 De acordo com o que estabelece o Decreto n. 574 É direito subjetivo do servidor permutar o serviço,
59.310/1966, é requisito para matrícula na Aca- o que poderá se dar mesmo sem expressa per-
demia Nacional de Polícia, dentre outros, possuir missão da autoridade competente.
temperamento adequado ao exercício da função
policial, apurado em exame psicotécnico realiza- 575 A transgressão disciplinar também prevista em lei
do pela ANP. como ilícito penal prescreverá sempre em cinco anos.

566 Trimestralmente, o responsável pela repartição De acordo com a Lei n. 9.264/1996, que dispõe sobre o
ou serviço em que esteja lotado funcionário sujei- desmembramento e a reorganização da Carreira Policial
to a estágio probatório encaminhará ao órgão de Civil do Distrito Federal, fixa remuneração de seus car-
pessoal relatório sucinto sobre o comportamento gos e dá outras providências, julgue os itens seguintes.
do estagiário.
576 Os servidores ocupantes dos cargos de Agente
567 A remoção “ex ofício” do servidor deve sempre Policial de Custódia passam a ter lotação e exer-
respeitar o interregno de dois anos, no mínimo, cício nas unidades que compõem a estrutura
de exercício em cada localidade. orgânica da Polícia Civil do Distrito Federal, me-
diante designação de seu Diretor-Geral.
568 A substituição automática, no impedimento de
ocupante de cargo de provimento em comissão 577 Caso o Governador do Distrito Federal pretenda
ou função gratificada, será sempre remunerada nomear no cargo de Diretor-Geral da Polícia Ci-
por todo o período de substituição. vil do Distrito Federal um Delegado de Polícia do
DF, ocupante da 1ª Classe, tal nomeação estaria
569 Remoção é a elevação do funcionário à classe de acordo com as exigências legais.
imediatamente superior àquela a que pertence,
na respectiva série de classes. 578 É vedada a cessão de servidor que não tenha
cumprido o estágio probatório.
No que se refere ao regime jurídico peculiar dos fun-
cionários policiais civis da União e do Distrito Federal 579 A cessão de um delegado de Polícia da PCDF ao
(DF) e ao desmembramento e reorganização da car- Ministério da Defesa, para exercício de cargo co-
reira policial civil do DF, julgue os itens subsequentes. missionado, é considerada de interesse policial
civil, resguardados todos os direitos e as vanta-
570 Atualmente, a PCDF é composta por duas carrei- gens da carreira policial.
ras: a Carreira de Polícia Civil do Distrito Federal
(composta dos cargos de Escrivão de Polícia, Papi- Acerca do regime jurídico peculiar dos funcionários
loscopista Policial, Agente de Polícia e Agente Poli- policiais civis da União e do Distrito Federal, dado
cial de Custódia) e a Carreira de Autoridades Supe- pela Lei n. 4.878/1965, regulamentada pelo Decreto n.
riores da PCDF (composta dos cargos de Delegado 59.310/1966, julgue os itens que se seguem.
de Polícia, Perito Criminal e Perito Médico-Legista).

Cargo: Agente e Escrivão 41


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

580 A precedência entre os integrantes das séries de dência isolada dos demais presos não abrangidos
classes se estabelece, básica e primordialmente, pela prisão especial, mas sujeito, como eles, ao
pela antiguidade. mesmo sistema disciplinar e penitenciário.

581 Após a publicação no Diário Oficial do ato da no- 588 Constitui motivo para elogio o cumprimento dos de-
meação em cargo efetivo, pode-se dizer que hou- veres funcionais impostos ao funcionário policial.
ve a investidura do nomeado no cargo público.
589 É dever funcional do funcionário policial levar ao
582 Dar-se-á a demissão do servidor quando não sa- conhecimento da autoridade superior, reservada-
tisfeitas as condições do estágio probatório. mente quando necessário, mas sempre por es-
crito, irregularidade de que tiver ciência em razão
583 O funcionário perderá metade do vencimento diá- do cargo.
rio quando comparecer ao serviço dentro da hora
seguinte à marcada para o início dos trabalhos, ou 590 É causa agravante da falta disciplinar o haver sido pra-
quando se retirar antes de findo o período de trabalho. ticada em concurso com dois ou mais funcionários.

Considere que a equipe de plantão de determinada 591 A remoção ex officio do funcionário policial, salvo
delegacia de Polícia Civil no Distrito Federal é com- imperiosa necessidade do serviço devidamente
posta pelos seguintes servidores: o delegado de polí- justificada, só poderá efetivar-se após dois anos,
cia Mévio, o escrivão de polícia Tício e os agentes de no mínimo, de exercício em cada localidade.
polícia Caio, Lúcio e Antônio. Mévio, Tício e Caio já fo-
ram promovidos à classe especial de seus respectivos No que se refere ao regime jurídico peculiar dos fun-
cargos, enquanto Lúcio e Antônio ocupam a terceira cionários Policiais Civis da União e do Distrito Federal
classe do cargo de agente de polícia. (DF) e ao desmembramento e reorganização da car-
reira Policial Civil do DF, julgue os itens subsequentes.
Com base na situação hipotética apresentada e de
acordo com a Lei n. 9.264/1996, que dispõe sobre o 592 Por se tratar de órgão organizado e mantido pela
desmembramento e a reorganização da carreira da União, compete ao Presidente da República nome-
PCDF, julgue os itens seguintes. ar o Diretor-Geral da Polícia Civil do Distrito Federal.

584 Todos os servidores que compõem a referida 593 Poderá ser autorizada a cessão de servidor da
equipe de plantão são integrantes da Carreira de carreira de Polícia Civil do Distrito Federal, que
Polícia Civil do Distrito Federal. não esteja ainda cumprindo estágio probatório,
ao Tribunal Regional do Trabalho da 10ª Região
585 O ingresso na carreira a qual Mévio pertence dar- para exercício de cargo em comissão cuja remu-
-se-á mediante concurso público de provas e títu- neração seja igual ou superior à de cargo DAS
los, com a participação da Ordem dos Advogados 101.4 ou equivalente, independentemente da
do Brasil, exigindo-se diploma de Bacharel em Di- unidade da federação de destino.
reito e, no mínimo, dois anos de atividade jurídica
ou policial, comprovados no ato da posse. 594 Durante a apuração dos requisitos para aprova-
ção em estágio probatório, o responsável pela
586 Somente Mévio, Tício e Caio estão aptos a se- repartição ou serviço em que esteja lotado fun-
rem nomeados pelo Governador do Distrito Fe- cionário sujeito à avaliação encaminhará, men-
deral para ocuparem o cargo de Diretor-Geral da salmente, ao órgão de pessoal, relatório sucinto
Polícia Civil do DF. sobre o comportamento do estagiário.

Sobre o regime jurídico peculiar dos funcionários po- 595 Readmissão é o reingresso, no serviço público,
liciais civis da União e do Distrito Federal, dado pela do funcionário em disponibilidade.
Lei n. 4.878/1965 e regulamentado pelo Decreto n.
59.310/1966, julgue os itens que se seguem. 596 Poderá ser negada a licença para trato de inte-
resses particulares quando inconveniente ao in-
587 Preso preventivamente, o funcionário policial, en- teresse do serviço.
quanto não perder a condição de funcionário, per-
manecerá em prisão especial, durante o curso da 597 A ajuda de custo não excederá a importância cor-
ação penal e até que a sentença transite em julga- respondente a três meses do vencimento, inclu-
do, hipótese em que será encaminhado a estabe- sive quando se tratar de viagem ao estrangeiro.
lecimento penal, onde cumprirá a pena em depen-

Cargo: Agente e Escrivão 42


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

598 Valer-se do cargo com o fim, ostensivo ou velado, 605 Em relação ao que descreve o Estatuto do De-
de obter proveito de natureza político-partidária, sarmamento, a classificação legal, técnica e
para si ou terceiros, é transgressão disciplinar de geral bem como a definição das armas de fogo
natureza grave, sujeitando o servidor infrator à pena e demais produtos controlados, de usos proibi-
de suspensão, que não excederá noventa dias. dos, restritos, permitidos ou obsoletos e de valor
histórico serão disciplinadas em ato do chefe do
599 Compete à Comissão Permanente de Disciplina Poder Executivo Federal, mediante proposta do
a instauração do processo disciplinar. Comando do Exército. Todas as munições co-
mercializadas no País deverão estar acondicio-
LEGISLAÇÃO EXTRAVAGANTE nadas em embalagens com sistema de código de
(Diego Henrique/Paulo Sérgio/Nilton Coutinho/ barras, gravado na caixa, visando possibilitar a
Deusdedy Solano) identificação do fabricante e do adquirente, entre
outras informações definidas pelo regulamento
600 Conforme expresso na lei que define os crimes desta lei.
resultante de preconceito de raça ou de cor (Lei
n 7.716/1989), ficará sujeito às penas de multa e 606 Em relação à Lei Maria da Penha, é direito da
de prestação de serviços à comunidade, incluin- mulher em situação de violência doméstica e
do atividades de promoção da igualdade racial, familiar ter atendimento policial e pericial espe-
quem, em anúncios ou qualquer outra forma de cializado, ininterrupto e prestado por servidores
recrutamento de trabalhadores, exigir aspectos de – preferencialmente do sexo feminino – previa-
aparência próprios de raça ou etnia para emprego mente capacitados.
cujas atividades não justifiquem essas exigências.
607 A Lei n. 11.340/2006, conhecida como Lei Maria
601 Se o crime de preconceito de raça ou de cor pre-
da Penha, prevê que a ofendida deverá ser no-
visto em nossa legislação – Lei n. 7.716/1989 – for
tificada dos atos processuais relativos ao agres-
praticado por servidor público, constitui efeito da
sor, especialmente dos pertinentes ao ingresso
condenação a perda do cargo ou da função pública,
e à saída da prisão, sem prejuízo da intimação
sendo tais efeitos automáticos, não necessitando
do advogado constituído ou do defensor público,
que sejam motivadamente declarados na sentença.
podendo a ofendida entregar intimação ou notifi-
cação ao agressor.
602 Segundo orientação jurisprudencial do STJ: “De-
monstrada por laudo pericial a inaptidão da arma
608 Segundo a Lei n. 8.072/1990 e com amparo na dou-
de fogo para o disparo, é atípica a conduta de
trina majoritária, o homicídio híbrido é crime hediondo.
portar ou de possuir arma de fogo, diante da au-
sência de afetação do bem jurídico incolumidade
609 No que tange à Lei n. 11.343/2006, segundo en-
pública, tratando-se de crime impossível pela im-
tendimento sumular do STJ, para incidir a atenu-
propriedade absoluta do objeto.”
ante da confissão espontânea no crime de tráfico
de drogas, exige-se o reconhecimento da traficân-
603 O Estatuto do Idoso, destinado a regular os direi-
cia pelo acusado, ou, ao menos, a admissão da
tos assegurados às pessoas com idade igual ou
posse ou propriedade da droga para uso próprio.
superior a 60 (sessenta) anos, estabelece que é
crime: “Expor a perigo a integridade e a saúde,
610 A respeito da Lei n. 10.826/2003, para os Tribu-
física ou psíquica, do idoso, submetendo-o a con-
nais Superiores, é pacífico o entendimento de
dições desumanas ou degradantes ou privando-o
que o porte de uma única munição é fato atípico.
de alimentos e cuidados indispensáveis, quando
obrigado a fazê-lo, ou sujeitando-o a trabalho ex-
611 Quanto à Lei n. 7.716/1989, para haver a sua
cessivo ou inadequado, sendo que, se o crime
incidência, o fato deve ter sido praticado envol-
resultar lesão corporal de natureza leve, grave
vendo discriminação ou preconceito de raça, cor,
ou gravíssima ou, ainda, se se seguir de morte,
sexo, etnia, religião ou procedência nacional.
será de maior potencial ofensivo, com pena em
qualquer desses casos até 12 anos de reclusão.
612 Acerca da Lei n. 9.455/1997, é possível afirmar a exis-
tência, no Brasil, da figura do crime de jabuticaba.
604 Os crimes definidos na Lei n. 10.741/2003 – Es-
tatuto do Idoso – são de ação penal pública con-
613 Conforme entendimento dos Tribunais Superio-
dicionada à vontade da vítima.
res, julgue a seguinte situação hipotética: “A”,
habilitado para conduzir veículo automotor, em-
prestou o seu veículo a “B”, seu filho, que conta

Cargo: Agente e Escrivão 43


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

com 18 anos de idade e não tem habilitação para No item que se segue, é apresentada uma situação
conduzir veículo automotor. “B” dirigiu de forma hipotética de crime de trânsito, seguida de uma as-
correta, sem causar perigo de dano. Nesse caso, sertiva a ser julgada, com base no disposto na Lei n.
“B” não responderá pelo crime do art. 309 do 9.503/1997 – Código de Trânsito Brasileiro.
CTB, enquanto “A” responderá pelo crime do art.
310 do mesmo diploma legal. 622 Dirigindo seu veículo automotor, João Grandão,
totalmente embriagado, atropelou um transeun-
614 João, maior de idade, cometeu um crime de rou- te, causando-lhe ferimentos graves. Nesse caso,
bo com seus amigos José e Pedro, que contam João conduzia o seu veículo com capacidade
com 15 anos de idade. Nesse caso, João respon- psicomotora alterada em razão da influência de
derá por 3 crimes: um crime de roubo majorado álcool e, considerando que o condutor prestou
pelo concurso de agentes e dois crimes de cor- pronto e integral socorro à vítima, é correto afir-
rupção de menores. mar que João Grandão não será preso em fla-
grante e não responderá pelo crime, tendo em
615 Admite a tentativa na lei de contravenção penal, vista ter prestado o devido socorro à vítima.
apesar de não ser punível.
623 Segundo estabelece a Lei n. 9.605/1998, os cri-
Quanto à Lei n. 7.716/89, responda as duas questões mes contra a fauna e contra a flora terão suas pe-
a seguir: nas aumentadas em metade quando praticados
em unidade de conservação.
616 Para que um fato seja considerado crime de ra-
cismo, deve, além de outras circunstâncias, refe- Quanto à Lei n. 7.716/1989, julgue os itens a seguir.
rir-se a cor, raça, etnia, religião ou procedência 624 Pratica crime de racismo aquele que impede o
nacional. Dessa forma, se um indivíduo proibir acesso de um indivíduo a seu restaurante sim-
outro de almoçar em seu restaurante pelo sim- plesmente pelo fato de ser de religião diversa.
ples fato de ser homossexual, o fato é atípico. Se, no caso concreto, a vítima for pessoa menor
de 18 anos, haverá agravamento de pena.
617 Juninho, diretor de escola, ateu, proibiu que nela
se matriculasse um adolescente de 17 anos de 625 Zeca praticou crime de racismo através de uma
idade, em razão de ser frequentador assíduo da emissora de televisão. Nesse caso, trata-se de
Igreja Católica. Nesse caso, apesar de cometer o crime qualificado, e, ainda, o juiz poderá, ouvi-
crime de racismo, Juninho terá direito a uma cau- do o Ministério Público, mesmo antes de iniciado
sa de diminuição de pena em razão de a vítima o inquérito policial, determinar a cessação das
não ser maior de 18 anos. transmissões televisivas mencionadas.

No que se refere à Lei de Drogas (11.343/2006), julgue No que se refere à Lei de Drogas (n. 11.343/2006),
os casos seguintes: julgue os casos seguintes.

618 O porte de drogas para consumo pessoal não foi


626 Não responde por crime previsto na Lei de Dro-
descriminalizado, sendo capaz de gerar reincidência.
gas aquele que conduz veículo automotor após o
consumo de drogas, expondo a dano potencial a
619 A importação de maconha, para o STF, é fato atípico.
incolumidade de outrem.
Sobre a Lei n. 8.072/1990, responda os itens a seguir:
627 O Sistema Nacional de Políticas Públicas sobre
Drogas – SISNAD é o conjunto ordenado de prin-
620 Todos os crimes hediondos, constantes da Lei n.
cípios, regras, critérios e recursos materiais e
8.072/1990, estão no Código Penal.
humanos que envolvem políticas, planos, progra-
mas, ações e projetos sobre drogas, incluindo-se
621 Todos os crimes hediondos admitem prisão tem-
nele, por adesão, os Sistemas de Políticas Públi-
porária, ainda que não constem do rol da Lei n.
cas sobre Drogas dos Estados, do Distrito Federal
7.960/1989. Nesse caso, o prazo será de até 30
e dos Municípios. Além disso, atuará em articula-
dias, prorrogáveis por igual período, em caso de
ção com o Sistema Único de Saúde – SUS, e com
extrema e comprovada necessidade. Ressalte-se
o Sistema Único de Assistência Social – SUAS.
que, antes de decidir sobre a prisão temporária por
representação do delegado de polícia, o juiz deve-
A respeito da Lei n. 8.072/1990, julgue os próximos itens.
rá obrigatoriamente ouvir o Ministério Público.

628 O crime de latrocínio é crime hediondo, uma vez

Cargo: Agente e Escrivão 44


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

que está previsto no rol exemplificativo da Lei de ser crime doloso contra a vida, será julgado pelo
Crimes Hediondos. juízo singular e não pelo Tribunal do Júri.

629 O crime de extorsão mediante sequestro (art. 159 635 O crime de “casa de prostituição”, previsto no art.
do CP) sempre será hediondo, seja na sua forma 229 do Código Penal, é hediondo.
simples, seja na sua forma qualificada.
Acerca da Lei de Drogas, julgue os itens que se seguem.
Com base na Lei federal n. 9.503/1997 – Código de
Trânsito Brasileiro, julgue o item abaixo, marcando 636 Se um médico prescrever, culposamente, drogas,
Certo ou Errado. sem que delas necessite o paciente, cometerá
crime previsto na Lei de Drogas, cabendo ao juiz,
630 João Canabrava foi flagrado por um agente de em proferindo sentença condenatória, comunicar
trânsito conduzindo seu veículo automotor sob ao Conselho Regional da categoria profissional a
a influência de álcool. Ao realizar o teste do eti- que pertença o agente.
lômetro, verificou-se que João estava com 0,34
miligramas de álcool por litro de ar alveolar expi- 637 Os crimes previstos nos arts. 33, caput e § 1º, e
rado dos pulmões. Sendo assim, além da infra- 34 a 37 desta Lei, são inafiançáveis e insusce-
ção administrativa, o condutor será enquadrado tíveis de graça, indulto e anistia. Admite-se, po-
no crime de “conduzir veículo automotor com rém, o sursis.
capacidade psicomotora alterada em razão da
influência de álcool”, com penas de detenção, de Com base na Lei Federal n. 9.503/1997 – Código de
seis meses a três anos, multa e suspensão da Trânsito Brasileiro, julgue o item abaixo, marcando
habilitação para dirigir veículo automotor, poden- Certo ou Errado.
do ficar até cinco anos sem dirigir, a critério da
autoridade judiciária. 638 Juarez, dirigindo um veículo automotor na via,
causou lesão corporal culposa em um transeunte
631 De acordo com a Lei n. 9.605, de 12 de feve-
ao atingi-lo. Mariana, conduzindo sua bicicleta na
reiro de 1998, que dispõe sobre as sanções pe-
via pública, atropelou um pedestre, causando-
nais e administrativas derivadas de condutas e
-lhe lesão corporal culposa. Nessas situações, é
atividades lesivas ao meio ambiente, e dá outras
correto afirmar que tanto Juarez quanto Mariana
providências, o fato de o agente ter praticado a
responderão pelo crime de lesão corporal culpo-
infração em um domingo ou feriado é uma cir-
sa na direção de veículo automotor, previsto no
cunstância que atenua a pena, em razão da me-
Código de Trânsito Brasileiro – CTB, com penas
nor lesividade a terceiros.
de detenção de seis meses a dois anos e sus-
pensão ou proibição de se obter a permissão ou
A cerca da Lei n. 7.716/1989, responda os itens seguintes.
a habilitação para dirigir veículo automotor.
632 O proselitismo religioso, por si só, é conduta que
Com base no disposto na Lei n. 9.605/1998, julgue o
se enquadra no crime de racismo.
item abaixo.
633 Impedir ou obstar o acesso de alguém, devida-
639 Segundo estabelece a Lei n. 9.605/1998, a prática
mente inabilitado, a qualquer cargo da Adminis-
da infração criminal em um sábado, domingo ou
tração Direta ou Indireta, bem como das con-
cessionárias de serviços públicos é uma figura feriado é uma circunstância que agrava a pena,
criminosa prevista na Lei n. 7.716/1989, que tipi- desde que não constitua ou qualifique o crime.
fica os crimes de racismo.
Quanto à Lei n. 7.716/1989, julgue os itens a seguir.
Quanto aos crimes hediondos, julgue os itens.
640 Punem-se os crimes resultantes de discrimina-
634 João e José, em comum acordo, resolvem assal- ção ou preconceito de raça, estado civil, cor, et-
tar a padaria do bairro. Durante o assalto, ao per- nia, religião ou procedência nacional.
ceber que o caixa estava com enorme quantia – já
que era dia de pagamento –, João resolve atirar 641 Condenado por crime de racismo receberá, como
em José, com o fim de ficar com toda a quantia, efeito da condenação, a perda automática do cargo.
enquanto o operador do caixa colocava os valores
numa sacola, seguindo a ordem do atirador. Nes-
se caso, João responderá por latrocínio e, por não

Cargo: Agente e Escrivão 45


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

No que se refere à Lei de Drogas n. 11.343/2006, jul-


gue os casos seguintes.

642 É cabível a aplicação retroativa da Lei n.


11.343/2006, sendo o resultado da incidência
das suas disposições, na íntegra ou parcialmen-
te, mais favorável ao réu do que o advindo da
aplicação da Lei n. 6.368/1976, sendo cabível a
combinação de leis.

643 A inobservância do art. 55 da Lei n. 11.343/2006,


que determina o recebimento da denúncia após
a apresentação da defesa prévia, constitui nuli-
dade absoluta, sendo presumidos os prejuízos
suportados pela defesa.

A respeito da Lei n. 8.072/1990, julgue os próximos


itens.

644 A associação para o tráfico de drogas não é crime


hediondo, motivo pelo qual obterá o livramento
condicional após o cumprimento de 1/6 da pena.

645 O crime de extorsão com restrição da liberdade


(art. 158, § 3º, do CP), conhecido como seques-
tro relâmpago, não é crime hediondo.

Com base na Lei Federal n. 9.503/1997 – Código de


Trânsito Brasileiro (CTB) –, julgue o item abaixo, mar-
cando Certo ou Errado.

646 Lucas Paulo, maior de idade e que não possui


CNH ou Permissão para dirigir, foi abordado em
uma blitz na via L4 Sul, em Brasília – DF, ao con-
duzir um veículo automotor na referida via. Nesse
caso, Lucas Paulo cometeu apenas infração ad-
ministrativa prevista no Código de Trânsito Bra-
sileiro – CTB. Tal conduta só configurará crime
tipificado no CTB se o condutor estiver gerando
perigo de dano.

Com base na Lei n. 9.605/1998, julgue o item a seguir.

647 Nos crimes previstos na Lei de Crimes Ambien-


tais, a suspensão condicional da pena pode ser
aplicada nos casos de condenação a pena priva-
tiva de liberdade não superior a dois anos.

Cargo: Agente e Escrivão 46


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

Aplicação: 2019

Cargo: Agente e Escrivão

Gabarito
Questão 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20

Gabarito E E E E C E E E E C E E E E C E E C C E

Questão 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40

Gabarito C C C E E E E C C C C E E E E E E C C C

Questão 41 42 43 44 45 46 47 48 49 50 51 52 53 54 55 56 57 58 59 60

Gabarito E E E C C E C E E E E C E C C E E E E E

Questão 61 62 63 64 65 66 67 68 69 70 71 72 73 74 75 76 77 78 79 80

Gabarito E E C E C E C C E E E C E C C C E E C E

Questão 81 82 83 84 85 86 87 88 89 90 91 92 93 94 95 96 97 98 99 100

Gabarito E E E E E E C C E C C E E E C E C E E E

Questão 101 102 103 104 105 106 107 108 109 110 111 112 113 114 115 116 117 118 119 120

Gabarito C C C C E E C C C C E C C C C E E C E C

Questão 121 122 123 124 125 126 127 128 129 130 131 132 133 134 135 136 137 138 139 140

Gabarito E C E E E E E E E E C E C E E E C E E C

Questão 141 142 143 144 145 146 147 148 149 150 151 152 153 154 155 156 157 158 159 160

Gabarito E C E C C C E C E E E C C E E C E E E E

Questão 161 162 163 164 165 166 167 168 169 170 171 172 173 174 175 176 177 178 179 180

Gabarito C C C E C C C E C E E C C E C E E C E C

Questão 181 182 183 184 185 186 187 188 189 190 191 192 193 194 195 196 197 198 199 200

Gabarito E E C E C C C C C C C C E E C E E E E E

Questão 201 202 203 204 205 206 207 208 209 210 211 212 213 214 215 216 217 218 219 220

Gabarito C C C E E E C E C E C E C E C C C E C C

Questão 221 222 223 224 225 226 227 228 229 230 231 232 233 234 235 236 237 238 239 240

Gabarito C E C C C E E C E C E C C C C C E E C C

Questão 241 242 243 244 245 246 247 248 249 250 251 252 253 254 255 256 257 258 259 260

Gabarito C E C E C C C E E E C E C E E E E C C E

Questão 261 262 263 264 265 266 267 268 269 270 271 272 273 274 275 276 277 278 279 280

Gabarito E E E E E C C E C E C C C E C C E E C C

Questão 281 282 283 284 285 286 287 288 289 290 291 292 293 294 295 296 297 298 299 300

Gabarito C E C E C C E E C C E C E C C C C C E E

Questão 301 302 303 304 305 306 307 308 309 310 311 312 313 314 315 316 317 318 319 320

Gabarito C E E C C E E E C C C C E E E C E E C E

Cargo: Agente e Escrivão 47


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

Questão 321 322 323 324 325 326 327 328 329 330 331 332 333 334 335 336 337 338 339 340

Gabarito E C C E E C E E E C E E C C E C C E C E

Questão 341 342 343 344 345 346 347 348 349 350 351 352 353 354 355 356 357 358 359 360

Gabarito C C E E E C E C E E E E C E E C E E C E

Questão 361 362 363 364 365 366 367 368 369 370 371 372 373 374 375 376 377 378 379 380

Gabarito E E E E E E E C C E E E C C C C C E C E

Questão 381 382 383 384 385 386 387 388 389 390 391 392 393 394 395 396 397 398 399 400

Gabarito C C C C E E C C C C C C C C C C C E E C

Questão 401 402 403 404 405 406 407 408 409 410 411 412 413 414 415 416 417 418 419 420

Gabarito E E C C C E C C E C C E C E C E C E E C

Questão 421 422 423 424 425 426 427 428 429 430 431 432 433 434 435 436 437 438 439 440

Gabarito C C C E E E E E E E E E E C E E C C E C

Questão 441 442 443 444 445 446 447 448 449 450 451 452 453 454 455 456 457 458 459 460

Gabarito E E C C C E C C E E C C E E E C E C C E

Questão 461 462 463 464 465 466 467 468 469 470 471 472 473 474 475 476 477 478 479 480

Gabarito C E E E C E C E C E C E E E E C C C E C

Questão 481 482 483 484 485 486 487 488 489 490 491 492 493 494 495 496 497 498 499 500

Gabarito E E E C C C E C E E E C C E C C E C C C

Questão 501 502 503 504 505 506 507 508 509 510 511 512 513 514 515 516 517 518 519 520

Gabarito E C E E C E E E C C E E C E E E C C E E

Questão 521 522 523 524 525 526 527 528 529 530 531 532 533 534 535 536 537 538 539 540

Gabarito E E E E C E C C C E C E E E E C E C E E

Questão 541 542 543 544 545 546 547 548 549 550 551 552 553 554 555 556 557 558 559 560

Gabarito E E E E C C E C E C E E E E C E E E C C

Questão 561 562 563 564 565 566 567 568 569 570 571 572 573 574 575 576 577 578 579 580

Gabarito C C C E C E E E E E E C C E E C E C E E

Questão 581 582 583 584 585 586 587 588 589 590 591 592 593 594 595 596 597 598 599 600

Gabarito E E E E E E C E C C C E E C E C E E E C

Questão 601 602 603 604 605 606 607 608 609 610 611 612 613 614 615 616 617 618 619 620

Gabarito E E E E C C E E E E E C C C C E E E E E

Questão 621 622 623 624 625 626 627 628 629 630 631 632 633 634 635 636 637 638 639 640

Gabarito C E E E C C C E C C E E E E E E E E E E

Questão 641 642 643 644 645 646 647

Gabarito E E E E C C E

Cargo: Agente e Escrivão 48


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

CONHECIMENTOS BÁSICOS

LÍNGUA PORTUGUESA 50 enquanto lhe crescia assustadoramente o ventre.


(Lucas Gonçalves/Tereza Cavalcanti/Márcio  Desconfiado de que a ausência de pedidos em
Wesley) minha mulher poderia favorecer uma nova es-
pécie de fenômeno, apavorei-me. O médico me
1 Bárbara gostava somente de pedir. Pedia e tranquilizou. Aquela barriga imensa prenunciava
55 apenas um filho.
engordava.
 Por mais absurdo que pareça, encontrava-me Murilo Rubião, Bárbara, in O pirotécnico Zacarias. São Paulo:
sempre disposto a lhe satisfazer os caprichos. Ática, 1981
5 Em troca de tão constante dedicação, dela recebi
1 Para que o esposo de Bárbara não se importas-
frouxa ternura e pedidos que se renovavam con-
se com os pedidos feitos por ela, seria necessá-
tinuamente. Não os retive todos na memória, pre-
rio que ela desse a ele parte do carinho que era
ocupado em acompanhar o crescimento do seu
dado aos bens materiais e engordasse menos.
corpo, se avolumando à medida que se ampliava
10 sua ambição. Se ao menos ela desviasse para
Errado.
mim parte do carinho dispensado às coisas que Para perceber o erro, note que a conjunção
eu lhe dava, ou não engordasse tanto, pouco me empregada no texto é “ou”, e não “e”, o que muda a
teriam importado os sacrifícios que fiz para lhe interpretação da informação apresentada.
contentar a mórbida mania.
15 Quase da mesma idade, fomos companheiros 2 A condição física de Bárbara preocupava seu es-
inseparáveis na meninice, namorados, noivos e, um poso. Tanto que ele era atento a essa questão
dia, nos casamos. Ou melhor, agora posso confes- desde a infância, uma vez que eles se conhecem
sar que não passamos de simples companheiros. desde a meninice.
 Enquanto me perdurou a natural inconsequência
20 da infância, não sofri com as suas esquisitices. Errado.
Bárbara era menina franzina e não fazia mal que A condição física de Bárbara não era uma
adquirisse formas mais amplas. Assim pensando, preocupação da infância.
muito tombo levei, subindo a árvores, onde os
3 Na linha 9, o emprego do acento grave é facultativo.
olhos ávidos da minha companheira descobriam
25 frutas sem sabor ou ninhos de passarinho. Apa-
Errado.
nhei também algumas surras de meninos aos
“À medida que” é uma locução conjuntiva com
quais era obrigado agredir unicamente para rea-
núcleo feminino.
lizar um desejo de Bárbara. E se retornava com o
rosto ferido, maior se lhe tornava o contentamento. 4 O pronome “os”, empregado na linha 7, poderia
30 Segurava-me a cabeça entre as mãos e sentia-
ser deslocado para depois da forma verbal “reti-
-se feliz em acariciar-me a face intumescida, ve”, da seguinte forma: retive-os.
como se as equimoses fossem um presente que
eu lhe tivesse dado. Errado.
 Às vezes relutava em aquiescer às suas exigências, Há um fator de atração (“não”).
35 vendo-a engordar incessantemente. Entretanto,
não durava muito a minha indecisão. Vencia-me 5 Na linha 4, o pronome “lhe” pode ser empregado
a insistência do seu olhar, que transformava os após a forma verbal “satisfazer”, da seguinte for-
mais insignificantes pedidos numa ordem formal. ma: satisfazer-lhe.
(Que ternura lhe vinha aos olhos, que ar convincente o
40 dela ao me fazer tão extravagantes solicitações!) Certo.
 Houve tempo – sim, houve – em que me fiz duro Quando há verbo no infinitivo, pode-se empregar a
e ameacei abandoná-la ao primeiro pedido que próclise ou a ênclise.
recebesse.
 Até certo ponto, minha advertência produziu o 6 Na linha 4, o pronome “lhe” exerce a função de
45 efeito desejado. Bárbara se refugiou num mutismo objeto indireto.
agressivo e se recusava a comer ou conversar
comigo. Fugia à minha presença, escondendo-se Errado.
no quintal e contaminava o ambiente com uma tris- O pronome funciona como adjunto adnominal,
teza que me angustiava. Definhava-lhe o corpo, atribuindo posse ao substantivo “caprichos”.

Cargo: Agente e Escrivão 49


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

7 O acento grave indicativo de crase presente na mórbida mania.


linha 11 poderia ser suprimido, sem prejuízo à
correção gramatical. Errado.
O certo é teriam importado.
Errado.
Com a supressão da crase, restaria apenas o artigo 15 Por mais absurdo que pareça, encontravam-me
(e a preposição, no trecho, é obrigatória). sempre disposto a lhe satisfazer os caprichos.

8 Na linha 13, o sintagma “os sacrifícios” exerce a Certo.


função de complemento verbal na oração em que Reescritura correta.
ocorre.
1 Durante a Idade Média, na França, como na maior
Errado. parte dos países europeus – com notável exce-
É o sujeito de “teriam importado”. ção da Inglaterra –, todo o processo criminal, até
a sentença, permanecia secreto: ou seja, opaco
9 Nas linhas 4, 12 e 13, o pronome “lhe” exerce a 5 não só para o público, mas para o próprio acu-
mesma função sintática. sado.
 O processo se desenrolava sem ele, ou pelo me-
Errado. nos sem que ele pudesse conhecer a acusação,
Na primeira e na terceira ocorrência, são adjuntos as imputações, os depoimentos e as provas. Era
adnominais. Na segunda, objeto indireto. 10 impossível ao acusado ter acesso às peças do
processo, impossível conhecer a identidade dos
10 As vírgulas empregadas na linha 12 poderiam ser denunciadores, impossível saber o sentido dos
substituídas por travessões ou parênteses, sem depoimentos antes de recusar as testemunhas,
prejuízo semântico-sintático ao texto. impossível fazer valer, até os últimos momentos
15 do processo, os fatos justificativos, impossível ter
Certo. um advogado, seja para verificar a regularidade
Por ser uma intercalação, a troca da pontuação é do processo, seja para participar da defesa.
permitida.  Por seu lado, o magistrado tinha direito de rece-
ber denúncias anônimas, de esconder ao acusado
11 Em “mórbida mania” (l.14), o segundo vocábulo clas- 20 a natureza da causa, de interrogá-lo de maneira
sifica-se, sintaticamente, como adjunto adnominal.  capciosa, de usar insinuações. Ele constituía, so-
zinho e com pleno poder, uma verdade com a qual
Errado. investia o acusado; e essa verdade os juízes a
É o núcleo do objeto direto. recebiam pronta sob a forma de peças e relatórios
25 escritos; para eles, esses documentos sozinhos
12 O pronome relativo “que”, na linha 9 do texto, in-  comprovavam; só encontravam o acusado uma
troduz oração subordinada restritiva. vez para interrogá-lo antes de dar a sentença
 A forma secreta e escrita do processo confere
Errado. com o princípio de que em matéria criminal o es-
O “que” pertence à locução conjuntiva “à medida que”. 30 tabelecimento da verdade era para o soberano e
 seus juízes um direito absoluto e um poder exclu-
Abaixo, estão presentes trechos adaptados do texto. sivo. Ayrault supunha que esse procedimento (já
Julgue-os em certo ou errado em relação à norma culta. estabelecido no que tange ao essencial no século
XVI) tinha por origem o medo dos tumultos, das gri-
35 tarias e aclamações que o povo normalmente faz,
13 Quase da mesma idade, fomos companheiros in-
separáveis na meninice, namorados, noivos e, um  o medo de que houvesse desordem, violência e
dia, casamos-nos. Ou melhor, agora posso confes- impetuosidade contra as partes, talvez até mes-
sar que não passamos de simples companheiros. mo contra os juízes; o rei queria mostrar com isso
que a “força soberana” de que se origina o direi-
40 to de punir não pode em caso algum pertencer à
Errado.
O correto seria casamo-nos. multidão.
FOUCAULT, Michel. Vigiar e punir, Petrópoles: Vozes, 1996
14 Se ao menos ela desviasse para mim parte do (com adaptações)

carinho dispensado às coisas que eu lhe dava,


ou não engordasse tanto, pouco me teria impor- Considerando os aspectos interpretativos e linguísti-
tado os sacrifícios que fiz para lhe contentar a cos do texto acima, julgue os itens de 16 a 30.

Cargo: Agente e Escrivão 50


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

16 Infere-se do texto que a Inglaterra não aderiu ao Essa tese é sustentada por Ayrault, mencionado no
rito secreto do processo criminal por ser um país de texto, não pelo autor.
vanguarda no que se referia aos direitos humanos.
25 No trecho “tinha direito de receber denúncias
Errado. anônimas, de esconder ao acusado a natureza
da causa, de interrogá-lo da maneira mais cap-
17 O texto apresenta traços da tipologia injuntiva, ciosa, de usar insinuações” (l. 18-21), a preposi-
pois há uma intenção de prescrever formas hu- ção de, em todas as ocorrências, deve-se à re-
manistas de condução do processo criminal. gência do termo “direito”.

Errado. Errado.

18 No trecho “todo o processo criminal” (l. 3), a su- 26 Na linha 5, a conjunção “mas” estabelece ideia de
pressão do artigo prejudicaria as relações se- oposição entre os direitos do acusado e o do público.
mânticas, mas preservaria a correção gramatical.
Errado.
Certo.
27 Na linha 3, é facultativo o emprego da vírgula
19 A substituição da palavra “capciosa” (l. 21) por após o travessão, pois este já indica a pausa sin-
insidiosa preservaria o sentido original do texto. tática de que o período necessita.

Certo. Errado.

20 Depreende-se da leitura do texto que atualmente, 28 A substituição de “Por seu lado” (l. 18) por No en-
na maior parte dos países ocidentais, o processo tanto preservaria a correção e a coerência do texto.
penal é marcado pelo acesso dos acusados às pro-
vas e pelo direito ao contraditório e à ampla defesa. Certo.

Errado. 29 Os termos “secreto” (l. 4) e “um direito absoluto e um


poder exclusivo” (l. 31-32) desempenham, no con-
21 Na linha 28, a forma verbal “confere” poderia es- texto em que ocorrem, a mesma função sintática.
tar flexionada no plural, sem prejuízo à correção
gramatical do texto, desde que fosse inserido o Certo.
artigo a imediatamente após a conjunção e.
30 As palavras “juízes” e “constituía” são acentua-
Certo. das em função da mesma regra.

22 Embora houvesse mudança do sentido original Certo.


do texto, o último trecho poderia ser assim rees-
crito, sem prejuízo à correção gramatical: com TEXTO GRAN-PCDF2019A
isso, o rei queria mostrar como a força soberana
que se origina do direito de punir não pode, em 1 O golpe militar de 1964, autodenominado Revo-
caso algum, pertencer ao povo. lução Redentora, continua sendo um grande
trauma para a sociedade brasileira. Essa conclu-
Certo. são é óbvia, diante das declarações do presidente
5 Jair Bolsonaro e das “rememorações” dos militares
23 A substituição de “interrogá-lo” por interrogar-lhe nos quartéis. A principal razão é o fato de os pro-
prejudicaria a correção gramatical do período. tagonistas da crise que levou à destituição do
presidente João Goulart, à direita e à esquerda,
Certo. não terem feito a devida autocrítica. O primeiro
10 passo para isso seria admitirem que o golpe
24 De acordo com o autor do texto, o fato de o sobe- poderia ter sido evitado, porque legitimar suas
rano e seus juízes terem direito absoluto ao pro- causas justifica as terríveis consequências de 20
cesso decorre do receio da falta de ordem e da anos de ditadura.
violência que o povo podia manifestar.  Sim, havia um processo de radicalização
15 política em curso desde o suicídio de Getúlio
Errado. Vargas, em 1954. Com o interregno do governo

Cargo: Agente e Escrivão 51


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

de Juscelino Kubitschek, que também enfrentou O adjunto adnominal possui valor semântico
ameaças de golpe, a crise se aprofundou, depois restritivo.
da surpreendente renúncia de Jânio Quadros, em
20 1961. O vice-presidente eleito, João Goulart, 32 A referência do pronome demonstrativo “isso” (L. 10)
representava as forças que haviam apoiado o pode ser localizada em trecho anterior do texto, e
general Henrique Teixeira Lott e foram derrotadas corresponde a “não terem feito a devida autocrítica”.
nas eleições de 1960. Jango só tomou posse
porque houve uma ampla mobilização popular, Errado.
25 liderada por seu cunhado e então governador Leiamos a frase das linhas 6 a 9. Essa frase informa
gaúcho, Leonel Brizola, por meio de uma cadeia que a razão de continuar o trauma do golpe é “não
de rádios, e mediante o compromisso de gover- terem feito a devida autocrítica”. A frase seguinte
nar com o Congresso, que havia adotado o parla- inicia com o trecho “O primeiro passo para isso seria
mentarismo como regime de governo. Esse era o admitirem que o golpe poderia ter sido evitado”.
30 ponto de equilíbrio, fragilíssimo, que havia. O Fica claro que se trata de dar o primeiro passo para
plebiscito que restabeleceu o presidencialismo, fazer a devida autocrítica. Portanto, a referência do
em 1963, rompeu-o irremediavelmente. Daí em pronome “isso” é fazer a devida autocrítica. Porém,
diante, a crise somente se aprofundou. a questão afirmou que a referência era “não terem
 O golpismo faz parte da gênese da política feito a devida autocrítica” [note o “não” em destaque].
35 brasileira, desde a Constituição de 1824, outor-
gada por D. Pedro I, depois de fechar a Assem- 33 Considerando as relações coesivas e morfossintáti-
bleia Constituinte de 1823 a golpes de sabre, na cas do texto, é coerente subentender o complemen-
Noite da Agonia. É uma decorrência do fato de to nominal “do trauma” logo após “razão” (L. 6).
que a formação do Estado nacional antecedeu à
40 própria nação. A ideia de que o Estado pode tudo Errado.
e cabe a ele promover as grandes transformações A questão aborda análise gramatical e análise
econômicas e sociais está sempre acompanhada de significados e suas relações (coerência).
da certeza de que a sociedade é atrasada e inca- Quanto à análise de significados e suas relações,
paz. No nosso caso, remonta aos 30 anos da a primeira frase do texto informa que “o golpe
45 regência do Marquês de Pombal, no século XVIII, militar ... continua sendo um grande trauma para
e se tornou uma característica permanente da a sociedade brasileira” [note o destaque]. Portanto,
vida nacional após a chegada da família real, com na linha 6, onde se lê “A principal razão...”, fica claro
D. João VI, em 1808. que se trata da razão da continuação do trauma.
Existe diferença entre (a) “razão da continuação
Luiz Carlos Azedo, in Correio Braziliense,
31/3/2019, p. 4, com adaptações.
do trauma” e (b) “razão do trauma”. Em (a), fica
informada a razão para continuar existindo
Levando em conta aspectos linguísticos e estruturais trauma, mas não fica informada a razão do trauma
do Texto Gran-PCDF2019A, julgue os itens seguintes (a razão do trauma é o próprio golpe). Em (b), fica
de 31 a 45 como Certo (C) ou Errado (E). informada a razão do trauma, mas a linha 6 mostra
razão para continuação do trauma.
31 Os termos “dos militares” (L. 5) e “de Jânio Qua- Quanto à análise gramatical, o termo “do trauma”,
dros” (L. 19) exercem, no contexto em que se quando for escrito logo após “razão”, exerceria a função
inserem, a mesma função sintática e possuem sintática de adjunto adnominal. Note o significado de
valor semântico restritivo. posse (razão dele, razão do trauma). Ora, o significado
de posse nos leva para a função sintática de adjunto
Certo. adnominal, e não de complemento nominal.
O termo “dos militares” (L.5) exerce a função
de adjunto adnominal para o substantivo 34 A forma verbal impessoal (sem sujeito) “havia”
“rememorações”. Note o significado de que “os ocorre nas linhas 14, 21, 28 e 30.
militares” praticam a ação da rememoração (nome).
O sentido de praticar a ação do nome indica a Errado.
função de adjunto adnominal. Na linha 14, “havia” significa “existir”, então, de fato,
O termo “de Jânio Quadros” (L. 19) exerce a função é impessoal, fica sem sujeito. O mesmo fenômeno
de adjunto adnominal para o substantivo “renúncia”. ocorre nas linhas 21 e 30. Porém, na linha 28, “havia”
Note o significado de que “Jânio Quadros” pratica a aparece como verbo auxiliar na locução verbal “havia
ação da renúncia (nome). O sentido de praticar a adotado”, com sujeito explícito no texto: o pronome
ação do nome indica a função de adjunto adnominal. “que” (linha 28) referente ao Congresso (linha 28). Em
“havia adotado”, temos o significado de “tinha adotado”.

Cargo: Agente e Escrivão 52


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

35 Justifica-se a flexão de terceira pessoa plural em que se poderia ter evitado o golpe.
“admitirem” (L. 10) pelo fato de que essa forma
verbal apresenta sujeito indeterminado no texto. Certo.
O trecho “Para isso” foi colocado no tópico da frase.
Errado. Esta colocação manteve a relação coesiva com a
A referência (sujeito no contexto) para a forma frase anterior. A troca de “O primeiro passo” por “o
verbal “admitirem” (linha 10) é “os protagonistas da passo inicial” conservou significados. A substituição
crise” (linhas 6-7). Então, a forma verbal “admitirem” de “admitirem que” por “admissão de que” preserva
possui sujeito elíptico/oculto/desinencial, mas não sentido e mantém correta a relação de regência
sujeito indeterminado. (“admitirem” é verbo transitivo direto; e “admissão”
é substantivo abstrato seguido de complemento
36 A palavra “que” foi empregada com três diferen- nominal, por isso preposição obrigatória em
tes classificações, respectivamente, nas linhas “admissão de que”). Houve a transformação da
10, 17 e 21, porém com a mesma classificação voz passiva analítica em “que o golpe poderia ter
na linha 28 e nas ocorrências das linhas 30 e 31. sido evitado” para a voz passiva sintética em “que
se poderia ter evitado o golpe”. Note-se também a
Errado. colocação correta do pronome oblíquo em próclise
Não são três diferentes classificações da palavra obrigatória: que se poderia (repare a palavra atrativa
“que”. São duas diferentes nas linhas 10, 17 e 21. “que” antes do pronome “se”).
Nas linhas 17 e 21, temos pronome relativo. Na
linha 10, temos conjunção integrante. Já nas linhas 40 A locução verbal “haviam apoiado” (L. 21) indi-
28, 30 e 31, ocorre apenas a classificação como ca que o apoio recebido por Teixeira Lott se deu
pronome relativo. antes da derrota desse general. Tal anterioridade
justifica o emprego do mais-que-perfeito compos-
37 O pronome “o” em “rompeu-o” (L. 32) refere-se a to “haviam apoiado”.
“parlamentarismo” (L. 28-29) e exerce função de
complemento direto da forma verbal. Certo.
O pretérito mais-que-perfeito pode ser escrito na
Errado. forma simples (apoiara) ou na forma composta
O pronome pessoal oblíquo átono “o”, no (havia apoiado/tinha apoiado). O significado do
trecho “rompeu-o”, realmente exerce a função mais-que-perfeito é mesmo fato passado anterior
complemento direto (objeto direto). Todavia, refere- a outro passado. No texto, realmente, o apoio a
se ao “ponto de equilíbrio fragilíssimo” (linha 30). Na Teixeira Lott antecede sua derrota na eleição. Então,
linha 32, o trecho “rompeu-o” significa que “rompeu justifica mesmo o emprego do mais-que-perfeito.
o ponto de equilíbrio”.
41 O emprego dos particípios “evitado” (L. 11), “der-
38 Entre as ocorrências do termo sintático conheci- rotadas” (L. 22), “liderada” (L. 25), “outorgada” (L.
do como aposto, podem ser citadas no texto: Jair 35-36) e “acompanhada” (L. 42) caracteriza, con-
Bolsonaro (L. 5) e João Goulart (L. 20), mas não textualmente, voz passiva verbal.
o trecho “no século XVIII” (L. 45).
Errado.
Certo. A voz passiva verbal é formada essencialmente com
Nas linhas 4-5, o trecho “presidente Jair Bolsonaro” verbo no particípio auxiliado pelo verbo “ser”. Isso
contém o aposto restritivo “Jair Bolsonaro”. Nas ocorre nas linhas 11 (ter sido evitado), 23 (foram
linhas 20-21, o trecho “O vice-presidente eleito, derrotadas), 25 (liderada – subentendendo-se a
João Goulart, representava...” contém o aposto estrutura completa “que foi liderada”, com o agente
explicativo “João Goulart”. Já, nas linhas 44-45, da passiva “por seu cunhado”), 35-36 (outorgada
o trecho “remonta aos 30 anos de regência do – subentendendo-se a estrutura completa “que foi
Marquês de Pombal, no século XVIII, e ...” contém outorgada”, com o agente da passiva “por D. Pedro
o adjunto adverbial de tempo “no século XVIII”, I”). Porém, na linha 42, “acompanhada” não se
referente à forma verbal “remonta”. comporta como verbo, ou seja, não contém ideia
de ação sofrida por um sujeito paciente – trata-se
39 O trecho “O primeiro passo para isso seria admiti- de um adjetivo na função de predicativo do sujeito
rem que o golpe poderia ter sido evitado” (L. 9-11) (“A ideia”, na linha 40, é o sujeito de “está sempre
pode ser reescrito, mantendo-se as relações coe- acompanhada”; o verbo “está” é verbo de ligação; e
sivas e a correção gramatical, da seguinte forma: “acompanhada” é predicativo do sujeito.
Para isso, o passo inicial seria a admissão de

Cargo: Agente e Escrivão 53


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

42 A reescrita de “a crise somente se aprofundou” (L. “1960”, na nova redação” é justamente a inversão
33) como a crise só foi aprofundada traria pre- da oração subordinada adverbial “Derrotadas nas
juízo à correção gramatical e à coerência textual. ... 1960”. O trecho “as forças que haviam apoiado
o general Henrique Teixeira Lott” estava em voz
Errado. ativa com locução verbal no pretérito mais-que-
O sujeito de “se aprofundou” é um ser inanimado: a perfeito composto (haviam apoiado). Esse trecho
crise. Sendo assim, esse sujeito não pratica ação. foi transformado em voz passiva analítica com
Apenas recebe ação. Por isso, temos voz passiva em “a pretérito mais-que-perfeito simples: o general fora
crise somente se aprofundou”. Trata-se da voz passiva apoiado pelas forças. Foi empregado o pronome
sintética. Ao transformar o trecho em voz passiva relativo “as quais” contraído com a preposição “por”,
analítica, obtemos corretamente: a crise somente foi resultando em “pelas quais” para retomar “forças”
aprofundada. A questão substituiu “somente” por “só” na nova redação: “as forças pelas quais fora
e, assim, preservou o significado. PORÉM, a questão apoiado o general (...) estavam representadas pelo
afirmou que “traria prejuízo à correção gramatical e à vice-presidente... Por fim, a nova redação “estavam
representadas pelo vice-presidente João Goulart”
coerência textual”. É mentira. Fica falso.
consegue reescrever corretamente o original.
43 A referência do pronome demonstrativo “esse”
45 Na linha 6, a grafia dos, em lugar de “de os”, faria
(L. 26) é coerentemente localizada na ideia de surgir um errôneo sujeito preposicionado.
adoção do parlamentarismo, expressa na linha
precedente do texto. Certo.
Nas linhas 6-9, o trecho “A principal razão é o fato de
Errado. os protagonistas da crise (...) não terem feito a devida
Vamos ler a frase completa a partir da linha autocrítica” contém o sujeito “os protagonistas” para
23 e perceber os trechos relevantes: “Jango a forma verbal “terem”. Exatamente por ser sujeito, o
só tomou posse PORQUE houve uma ampla texto original escreveu “o fato de os protagonistas”,
mobilização (...) E MEDIANTE o compromisso de com o sujeito separado da preposição “de”. Segundo
governar com o Congresso, que havia adotado a norma gramatical, a primeira palavra do sujeito
o parlamentarismo...”. Repare que existe um não pode ser uma preposição. Por isso, fazendo a
paralelismo nas duas justificativas que permitiram junção “dos”, aparecerá agora a nova redação “o
a posse de Jango: PORQUE ... e MEDIANTE ... fato dos protagonistas (...) terem”, com o sujeito
Por isso, quando a frase seguinte (linha 28) afirma preposicionado “dos protagonistas”. Ora, a questão
“Esse era o ponto de equilíbrio fragilíssimo”, vamos afirmou mesmo que vai “surgir um errôneo sujeito
entender que o ponto de equilíbrio referido como preposicionado”. É verdade. O item está correto.
“esse” é “o compromisso (de Jango) de governar
com o Congresso”. Repare que o mesmo equilíbrio
(compromisso) foi rompido depois que o plebiscito QUEM SÃO OS SENHORES DE DAVOS?
(linha 31) restabeleceu o presidencialismo (fim do
compromisso, fim do equilíbrio). 1 Para entender os senhores de Davos, temos de
recorrer à história da filosofia e ao filósofo Pitá-
44 Pode-se reescrever o trecho “O vice-presidente goras, o homem que, primeiro, conseguiu esta
eleito, João Goulart, representava as forças que proeza extraordinária do pensamento humano:
haviam apoiado o general Henrique Teixeira Lott 5 dissociou o número da coisa numerada. Antes
e foram derrotadas nas eleições de 1960” (L. 20- de Pitágoras, era necessário que duas vacas e
23), sem incorrer em transgressão gramatical, dois bois se apresentassem diante do comer-
da seguinte maneira: Derrotadas nas eleições ciante para que ele pudesse concluir que duas
de 1960, as forças pelas quais fora apoiado o vacas mais dois bois perfaziam um total de quatro
general Henrique Teixeira Lott estavam repre- 10 animais. Se vacas e bois, cansados de ser conta-
sentadas pelo vice-presidente João Goulart. dos, resolvessem pastar no campo, as aritméticas
dos comerciantes desmaiariam.
Certo.  Pitágoras veio e disse: “Façamos abstração dos
Note primeiro que a questão pede apenas a números, pensemos números abstratamente.”
correção gramatical, e não os sentidos. Então, a 15 O filósofo separou os números das vacas nume-
questão pede uma forma correta de reescrever. radas e deu certo: as contas podiam ser feitas,
O trecho “foram derrotadas nas eleições de 1960” mesmo na ausência dos animais, pouco dispostos.
passou para o início da frase, sem o verbo auxiliar Foi um extraordinário avanço para o ser humano...
– basta o particípio “derrotadas” para manter o e para as vacas, que puderam pastar em paz.
sentido de voz passiva. A justificativa da vírgula após

Cargo: Agente e Escrivão 54


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

20 Hoje, neste mesmo instante em que estamos aqui trata é justa e igualitária.
reunidos discutindo os malefícios da globalização,
o que estarão fazendo os Senhores de Davos? Errado.
Estão fazendo exatamente o contrário de Pitágo- A partir da leitura do texto, é possível inferir que a
ras – estão reificando, coisificando os números... visão de economia abstrata é injusta, pois esquece
25 e fazendo abstração dos seres humanos. a fome concreta. Então, o item está errado.
 Os Senhores de Davos pensam no lucro abstrato
e esquecem a fome concreta. Os números pas- 49 Depreende-se que a visão de economia dos Senho-
sam a ser o sujeito da História: alíquotas, juros, res de Davos divide satisfatoriamente a humanidade.
índices Dow Jones e Nasdaq, dividendos... Não a
30 saúde, a educação, o trabalho, a habitação e o Errado.
lazer, porque estas são preocupações humanitá- Com base no texto, a divisão causada pela
rias e não econômicas. economia abstrata é operada de forma terrível. Ou
 Essa visão de Economia Abstrata opera tre- seja, não é satisfatória.
menda divisão da Humanidade, que se torna
35 tríade: a Primeira Humanidade, que controla o
50 A conjunção “mas” (l. 42) pode ser substituída
Deus-Mercado, verdadeira senhora do mundo; a sem prejuízo à gramática ou ao sentido do texto
Segunda Humanidade, que, a qualquer título, está por qualquer dos seguintes: porém, contudo, to-
dentro do Mercado; e a Terceira Humanidade, davia e conquanto.
descartável, inútil, encontre-se ela nos extremos
40 da África ou no ventre dos Estados Unidos.
Errado.
 Não quero parodiar filósofos, não quero imitar A conjunção “mas” indica uma adversidade, assim
Descartes, mas creio que hoje devemos dizer: “Eu como “porém”, “contudo” e “todavia”. Já a conjunção
estou no mercado, logo existo”. Ai de quem não pu- “conquanto” se trata de um valor concessivo. Por
der pronunciar essa frase terrível: será condenado isso, o item está errado.
45 à Terceira Humanidade e será, com ela, descartado!
 Nós queremos a Paz, não a Guerra! Queremos
Julgue os itens que se seguem, relativos às estruturas
Paz, sim, mas nunca a Passividade! Queremos
linguísticas do texto.
conter a metástase da globalização.
Augusto Boal. Revista Caros Amigos. (com adaptações). 51 Em “à história” (l. 2), caso o vocábulo “história”
fosse empregado no plural, o acento indicativo de
Considerando as ideias do texto, julgue as assertivas crase deveria ser mantido.
a seguir.
Errado.
46 O texto, predominantemente narrativo, apresenta No trecho “temos de recorrer à história”, caso
a história da filosofia e de Pitágoras. a palavra “história” seja passada para o plural,
teríamos a seguinte redação: “temos de recorrer
Errado. às histórias”. Ainda poderíamos retirar o artigo “as”,
Por mais que haja uma narração nos primeiros escrevendo: “temos de recorrer a histórias”. Isso
parágrafos, trata-se de um texto preponderantemente significa que não podemos simplesmente manter o
dissertativo-argumentativo. Observe que a intenção acento grave.
do autor é defender a ideia de que os Senhores
de Davos pensam no lucro abstrato e esquecem a 52 A alteração da flexão de plural do pronome “qual-
fome concreta. quer” (l. 37) para a forma plural – quaisquer –
acarretaria incorreção gramatical ao texto.
47 O emprego do tempo e modo verbais de “faça-
mos” e de “pensemos” (l. 13 e 14) indica uma su- Certo.
gestão para o raciocínio que se segue. A palavra “qualquer” deve permanecer no singular
para concordar com o substantivo “título”. Então,
Certo. a questão está correta, pois acarretaria incorreção
As formas verbais “façamos” e “pensemos” estão gramatical ao texto.
no presente do subjuntivo. Lembre-se de que o
modo subjuntivo indica uma incerteza. Logo, o item 53 A substituição da forma verbal “esquecem” (l. 27) por
está correto. esquecer-se não demandaria outras alterações no
texto para que mantenha a correção gramatical.
48 A argumentação do texto reforça a ideia de que a
visão dos Senhores de Davos de economia abs- Errado.

Cargo: Agente e Escrivão 55


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

Ao substituir o verbo “esquecer” por esquecer- 30 – eu – ficou em casa, e com isso a aranha não
se exigirá a presença da preposição “de”. Isto contava. Sou a testemunha. Mais que isso: posso
é, significa que serão necessárias as alterações evitar o crime. Bastaria um gesto meu e a mari-
contextuais. posa estaria salva. Devo fazê-lo?
 Enquanto isso, a aranha continua sua faina
54 Em “que se torna tríade” (l. 34 e 35), o desloca- 35 sinistra. Agora arrasta a mariposa, já imobilizada,
mento do pronome “se” para logo após a forma para aquele canto da sombra, sob o parapeito,
verbal “torna” prejudicaria a correção gramatical donde saíra momentos antes. Percebo na aranha
do período. uma inteligência quase humana. Pobre mariposa,
e o carnaval troando lá fora! Vou salvá-la. Ergo a
Certo. 40 mão, mas vacilo como uma divindade irresoluta.
Lembre-se de que o vocábulo “que” sempre será Um segundo, minha mão onipotente detém-se
um fator de atração. Isso significa que a única erguida no ar.
possibilidade de escrita para o texto é usar o  Enfim, para que servem as mariposas?
pronome “se” antes do verbo. Portanto, a questão  – Para que as aranhas as comam – responde-me
está correta. 45 a aranha sem interromper seu serviço.
 – Sim, mas para que servem as aranhas?
55 A oração introduzida pelo elemento “que” (l. 8) fun-  – Para comer as mariposas.
ciona como complemento do verbo “concluir” (l. 8).  – Ora bolas, mas para que servem as aranhas e
as mariposas?
Certo. 50 A aranha já não se dignou responder. A essa altura
Veja que o vocábulo “que” é uma conjunção sumira com a mariposa sob o parapeito da janela.
integrante e introduz uma oração subordinada Alguém, providencialmente, bate à porta do escri-
substantiva com a função sintática de objeto direto tório e me chama à realidade dos homens.
do verbo “concluir”. Então, o item está certo. Ferreira Gullar. A estranha vida banal.

TESTEMUNHO Com base no texto, julgue os itens seguintes.


1 VEJO UMA ARANHA caçar uma mariposa – eis o
56 Com o diálogo no final do texto, conclui-se que
problema. Mato a aranha? Deixo a aranha viva e
a aranha terá uma atitude altruísta em relação à
salvo a mariposa? Deixo a aranha devorar a mari-
mariposa.
posa?
5 O fato se passa numa terça-feira de carnaval,
Errado.
mas não faço alegoria. Não me refiro velada-
Pela leitura, esperamos uma atitude egoísta, pois
mente a um pierrô malvado que sequestra uma
a aranha não cogitava libertar a mariposa. Saiba
indefesa colombina... É carnaval, mas estou
que “altruísta” é a característica daquele que busca
sentado à minha mesa de trabalho e é a trinta
10 centímetros de mim, sob a borda da janela, que ajudar o próximo.

se processa esse assassinato.


57 O pronome pessoal “eu” (l. 30) desempenha a
 Detenho-me e observo. A mariposa se agita pre-
função sintática de sujeito do verbo ficar.
sa por fios invisíveis, e já da sombra surge a
aranha, pequenina, dedilhante. A princípio sou
15 pura curiosidade: a aranha é muito menor que a Errado.
O vocábulo “eu” desempenha a função de aposto do
mariposa, que irá fazer? Aproxima-se, faz uma
sujeito “um dos habitantes”. Ou seja, o item está incorreto.
volta em torno dela, detém-se em certos pontos,
move afanosamente as pernas. A mariposa se
58 O vocábulo “que” (l. 7) retoma por coesão a ex-
agita menos, enleada. É quando intervém em
20 mim o sentimento: a aranha vai devorá-la! O seu pressão “pierrô malvado” (l. 7) e ambos exercem
a mesma função sintática nas orações em que
trabalho agora é sinistro: sobe na mariposa, tece-
se inserem.
-lhe na cabeça, procura virá-la, muda de posição
– upa! – vira-a. Parece um homem trabalhando,
Errado.
amarrando sua presa.
25 Ouço distante o rumor de um bloco que passa Na frase “Não me refiro veladamente a um pierrô
malvado que sequestra uma indefesa colombina”,
lá na rua dos fundos. O Rio inteiro está mergu-
a expressão “a um pierrô malvado” exerce a função
lhado na folia, e é como se a aranha aproveitasse
de objeto indireto do verbo referir-se. Apesar de o
essa distração para cometer o seu crime silen-
pronome relativo “que” retomar o trecho “a um pierrô
cioso. Por acaso, um dos habitantes da cidade
malvado”, desenha uma função sintática diferente.

Cargo: Agente e Escrivão 56


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

Dentro da oração em que está, o pronome “que” é 61 Depreende-se do texto que o autor culpa o cine-
o sujeito do verbo “sequestra”. Dessa forma, o item ma e a televisão por incentivar a violência entre
está errado. os jovens.

59 A expressão “o sentimento” (l. 20) exerce função sintá- Errado.


tica de complemento direto da forma verbal “intervém”. Conforme a leitura do texto, a maioria dos comentários
sobre crimes é que se limita a culpar a violência do
Errado. cinema e da televisão por excitar a mente criminosa
A expressão “o sentimento” exerce a função de dos jovens. Por isso, o item está errado.
sujeito do verbo intervir. Na ordem direta, teríamos:
o sentimento intervém em mim. 62 A expressão “mil outras maneiras” (l. 26-27) exer-
ce a função de complemento da forma verbal
60 Ao contrário de “hífens” e “hímens”, a palavra “ara- “Existem” (l. 26).
nha”, quando empregada no plural, não é acentuada.
Errado.
Errado. Na frase “Existem mil outras maneiras”, a expressão
Preste bastante atenção à questão. Veja que as palavras “mil outras maneiras” exerce a função de sujeito da
“hifens” e “himens” também não são acentuadas. Afinal, forma verbal “existem”. Observe ainda que o verbo
são paroxítonas terminadas em “ens”. é intransitivo. Na ordem direta, teremos: Mil outras
maneiras existem. Então, o item está errado.
1 A maioria dos comentários sobre crimes ou se
limitam a pedir de volta o autoritarismo ou a culpar 63 Sem prejuízo para a correção gramatical do tex-
a violência do cinema e da televisão por excitar to, a forma verbal “se limitam” (l. 1-2) poderia ser
a imaginação criminosa dos jovens. Poucos de flexionada no singular.
5 nós pensam que vivemos em uma sociedade que
estimula, de forma sistemática, a passividade, o Certo.
rancor, a impotência, a inveja e o sentimento de No período “A maioria dos comentários sobre
nulidade nas pessoas. Não podemos interferir na crimes ou se limitam a pedir de volta o autoritarismo
política, porque nos ensinaram a perder o gosto ou a culpar a violência do cinema e da televisão
10 pelo bem comum; não podemos tentar mudar por excitar a imaginação criminosa dos jovens.”, a
nossas relações afetivas, porque isso é assunto forma verbal “se limitam” poderia ficar no singular
de cientistas; não podemos, enfim, imaginar para concordar com o núcleo do sujeito “maioria”.
modos de viver mais dignos, mais cooperativos Note-se que há, no contexto, um sujeito partitivo
e solidários, porque isso é coisa de “obscuran (maioria, minoria, parte) seguido de uma expressão
15 tista, idealista, perdedor ou ideólogo fanático”, e o pluralizada, e será, neste caso, permitida a
mundo é dos fazedores de dinheiro. concordância com o núcleo ou com a expressão no
 Somos uma espécie que possui o poder da ima- plural. Por isso, o item está correto.
ginação, da criatividade, da afirmação e da agres-
sividade. Se isso não pode aparecer, surge, no 64 O verbo “pensar” (l. 5) deveria estar na 1ª pessoa
20 lugar, a reação cega ao que nos impede de criar, do plural (pensamos) para concordar com o nú-
de colocar no mundo algo de nossa marca, de cleo do sujeito da oração em que se insere: “nós”.
nosso desejo, de nossa vontade de poder. Quem
sabe e pode usar – com firmeza, agressividade, Errado.
criatividade e afirmatividade – a sua capacidade O trecho “Poucos de nós pensam que vivemos
25 de doar e transformar a vida, raramente precisa (…)” foi grafado corretamente, pois a forma
matar inocentes de maneira bruta. Existem mil “pensam” concordará com o núcleo do sujeito
outras maneiras de nos sentirmos potentes, de “poucos”. Recorde-se de que o sujeito jamais virá
nos sentirmos capazes de imprimir um curso à preposicionado; por essa razão, o vocábulo “nós”
vida que não seja pela força das armas, da vio- não será o núcleo.
30 lência física ou da evasão pelas drogas, legais ou
ilegais, pouco importa. 65 As palavras “impotência” e “espécie” são acentu-
adas de acordo com a mesma regra de acentu-
Jurandir Freire Costa. In: Quatro autores em busca do Brasil.
Rio de Janeiro: Rocco, 2009, p. 43 (com adaptações).
ação gráfica.

A respeito das ideias e das estruturas linguísticas do Certo.


texto, julgue os itens seguintes.

Cargo: Agente e Escrivão 57


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

As palavras “impotência” e “espécie” recebem Quanto às ideias e aos aspectos linguísticos do texto,
acento gráfico por se tratarem de paroxítonas julgue os itens que se seguem.
terminadas em ditongo crescente. Ou seja, são
acentuadas pela mesma razão. 66 O texto, predominantemente descritivo, apresen-
ta características sobre a violência doméstica.
1 Os juízes que se deparam com o tema dos con-
flitos familiares e da violência doméstica assis- Errado.
tem a situações de violência extrema, marcadas Apesar de identificar passagens descritivas, o
pelo abuso das relações de afeto e parentesco, texto se trata de, essencialmente, uma dissertação
5 pela deslealdade nas relações íntimas de afeto expositiva que se propõe a informar os prejuízos
 e confiança. A violência doméstica exclui e segre- causados pela violência intrafamiliar.
ga os integrantes da família, pois as vítimas são
muitas vezes consideradas responsáveis pelas 67 Está evidente na leitura do texto que as vítimas
agressões que sofrem. É a mulher agredida quem são geralmente tratadas por seus agressores
10 “gosta de apanhar”, é a criança espancada quem como culpadas pelos ataques que sofrem.
“provoca” os pais. Obviamente os membros da
família ficam apavorados diante da possibilidade Certo.
da agressão e da exclusão e temem pela própria Com base na leitura do trecho “A violência doméstica
vida quando dependem da família para sobreviver exclui e segrega os integrantes da família,
15 emocional ou materialmente. Assim, todos são atin- pois as vítimas são muitas vezes consideradas
gidos pela agressão a um deles dirigida. responsáveis pelas agressões que sofrem.”, o item
 Importa destacar que a violência intrafamiliar pode está correto.
 se dar tanto de forma omissiva, pela ausência
de cuidados necessários ao desenvolvimento 68 Depreende-se das ideias do texto que os agentes
20 do indivíduo, de alimentação regular e abrigo, envolvidos com o tema dos conflitos familiares se
quanto comissiva, pela prática de atos que violam identificam com as vítimas, buscando reparar o
a liberdade e a integridade física e psíquica da respeito entre os membros da família.
vítima, agressões físicas ou verbais. Esses atos
são capazes de gerar sentimento de insegurança Certo.
25 nos membros da família. No âmbito doméstico, Segundo o trecho “E, movidos pela empatia com
as agressões decorrem da vontade de dominar e os mais fracos nas relações sociais e familiares,
subjugar o mais fraco, da luta por poder dentro buscam ajudar a restabelecer a linguagem de
de casa. A maior parte dos ataques tem motivos respeito entre os membros da comunidade familiar”,
banais, como o espancamento de mulheres que a questão está correta.
30 se recusam a preparar o almoço ou a esquentar a
comida dos companheiros, ou, como no caso das 69 O sujeito da oração iniciada pela forma verbal
crianças, o choro excessivo. “assistem” (l.2-3) é indeterminado.
 O processo judicial restaura a verdade dos fatos.
O agressor é sentado no banco dos réus e é tra- Errado.
35 tado como tal. A vítima tem o direito de expor a
O sujeito da forma verbal “assistem” é simples e se
dor, o sofrimento e exigir a reparação devida. refere a “juízes”. Logo, a questão está errada.
Muitas vezes não se persegue o encarceramento
do agressor, mas apenas a responsabilização 70 A conjunção “mas” (l. 38) pode ser substituída
pelos atos, de natureza cível ou criminal. O juiz sem prejuízo gramatical ou para o sentido do tex-
40 observa as partes com os olhos da lei, da equi-
to por qualquer dos seguintes: porém, contudo,
dade, da justiça. A justiça analisa tais casos dia todavia e conquanto.
após dia, noite após noite, e os diversos agen-
tes envolvidos no amparo e proteção às vítimas Errado.
desenvolvem sensibilidade especial para o tema. A conjunção “mas” indica uma adversidade, assim
45 E, movidos pela empatia com os mais fracos nas
como “porém”, “contudo” e “todavia”. Já a conjunção
relações sociais e familiares, buscam ajudar a “conquanto” se trata de um valor concessivo. Por
restabelecer a linguagem de respeito entre os isso, o item está errado.
membros da comunidade familiar, propiciando o
resgate dos sentimentos que a mantêm coesa e 71 No trecho “proteção às vítimas” (l. 43-44), o uso
50 saudável.
do sinal indicativo de crase é opcional, razão pela
Theresa Karina de Figueiredo Gaudêncio Barbosa. Paz em casa.
qual a sua supressão não acarretaria prejuízo
In: Correio Braziliense, 26/02/2015 (com adaptações). para a correção gramatical do texto.

Cargo: Agente e Escrivão 58


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

Errado. objeto direto venha preposicionado. Como o próprio


Na frase “proteção às vítimas”, o sinal indicativo de nome já diz, quando exerce essa função, a palavra
crase é obrigatório. O artigo pluralizado é que será SE indetermina ou não indica o sujeito da oração.
opcional. Por isso, a possibilidade de escrita será: Esse tipo de oração não admite a transposição para
proteção a vítimas ou proteção às vítimas. Por a voz passiva analítica, e o verbo ficará sempre na
afirmar que não acarretaria incorreção gramatical, o 3ª pessoa do singular.
item está errado. Ex.:
Vive-se bem naquele país. (V.I.)
72 A preposição “para” (l. 14), que expressa finalida- Necessita-se de ética na política. (V.T.I.)
de, introduz uma oração circunstancial. É-se infeliz neste país? (V.L.)
Respeitou-se às normas. (V.T.D. + O.D.
Certo. preposicionado)
Em primeiro lugar, lembre-se de que, ao falar de
valor circunstancial, estamos falando de valor 2 – PARTÍCULA APASSIVADORA OU PRONOME
adverbial. Agora, a oração destacada, em “quando APASSIVADOR: apresenta-se na formação da
dependem da família para sobreviver emocional voz passiva sintética, com verbos transitivos
ou materialmente”, funciona como subordinada diretos ou transitivos diretos e indiretos; com
adverbial final reduzida de infinitivo. Por isso, o item verbos transitivos indiretos, intransitivos ou de
está correto. ligação, não há possibilidade de caracterizar a
partícula apassivadora. Na prática, a frase pode
DICA IMPORTANTE ser transposta para a voz passiva analítica (com
locução verbal).
Preposição para + infinitivo = finalidade: Para ser Ex.:
aprovado, estude. Vendem-se carros seminovos. (= Carros seminovos
Preposição por + infinitivo = causa: Por chegar são vendidos)
tarde, foi demitido. Entregou-se a medalha ao atleta que obteve o
Locução prepositiva apesar de + infinitivo = melhor desempenho. (= A medalha foi entregue ao
concessão: Apesar de ter acordado cedo, chegou atleta que obteve o melhor desempenho)
atrasado.
Contração ao + infinitivo = tempo: Ao chegar, 74 A oração iniciada pela conjunção “que” (l. 17) fun-
devolva-me os documentos. ciona como complemento direto da forma verbal
“destacar” (l. 17).
73 A partícula “se” é empregada, no trecho “Muitas
vezes não se persegue o encarceramento do Certo.
agressor” (l. 37 e 38), como índice de indetermi- Na frase “Importa destacar que a violência
nação do sujeito, o que confere maior formalida- intrafamiliar pode se dar tanto de forma omissiva,
de ao texto. (…), quanto comissiva (…)”, note-se que a palavra
“que” é uma conjunção integrante e introduz
Errado. uma oração subordinada substantiva. Como o
No trecho “Muitas vezes não se persegue o verbo “destacar” é transitivo direto, a oração será
encarceramento do agressor”, observamos que subordinada substantiva objetiva direta. Ou seja, a
a forma verbal “persegue” é transitiva direta, ou questão está perfeita.
seja, quem persegue, persegue algo; e, ao inserir
o vocábulo “se” junto ao verbo transitivo direto, 75 O emprego da forma verbal “restaura” (l. 33), no
o objeto direto se tornará sujeito. Portanto, o indicativo, introduz uma certeza para o raciocínio
vocábulo “se” desempenhará função de partícula que se segue.
apassivadora.
Certo.
DICA IMPORTANTE A forma verbal “restaura”, em “O processo judicial
restaura a verdade dos fatos.”, está no presente do
1 – ÍNDICE DE INDETERMINAÇÃO DO indicativo. Lembre-se de que o modo indicativo traz
SUJEITO: conhecido também como pronome uma certeza. Logo, o item está correto.
impessoalizador, símbolo de indeterminação do
sujeito, ou ainda como pronome indeterminador do
sujeito, sempre aparece junto ao verbo intransitivo,
transitivo indireto ou de ligação. Pode até aparecer
junto ao verbo transitivo direto, contanto que o

Cargo: Agente e Escrivão 59


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

REDAÇÃO OFICIAL Certo.


(Lucas Gonçalves) Segundo o MRPR, o pronome de tratamento segue
a tradição secular. Neste caso, Vossa Excelência é
Com relação a aspectos gerais de forma e de lingua- de uso consagrado para as seguintes autoridades:
gem das comunicações oficiais, julgue os itens que se
seguem, conforme a 3ª edição do Manual de Reda- a) do Poder Executivo:
ção da Presidência da República de 2018 (MRPR). Presidente da República;
Vice-Presidente da República;
76 Na nova edição do MRPR, fica extinta a distinção Ministros de Estado;
dos documentos do padrão ofício e passa-se a Governadores e Vice-Governadores de Estado e do
utilizar o termo ofício nos três casos. Distrito Federal;
Oficiais-Generais das Forças Armadas;
Certo. Embaixadores;
Conforme o novo MRPR, não há mais aqueles Secretários-Executivos de Ministérios e demais
três tipos de expedientes, que se diferenciavam ocupantes de cargos de natureza especial;
antes pela finalidade do que pela forma. Antes Secretários de Estado dos Governos Estaduais;
estudávamos o ofício, o aviso, e o memorando; no Prefeitos Municipais.
entanto, como o advento do novo MRPR, passamos
a utilizar o termo ofício para todas as três hipóteses. b) do Poder Legislativo:
Deputados Federais e Senadores;
77 O documento conhecido como Ofício Conjunto Ministros do Tribunal de Contas da União;
Circular ocorre quando mais de um órgão envia, Deputados Estaduais e Distritais;
conjuntamente, o mesmo expediente para um Conselheiros dos Tribunais de Contas Estaduais;
único órgão receptor. Presidentes das Câmaras Legislativas Municipais.
c) do Poder Judiciário:
Ministros dos Tribunais Superiores;
Errado.
Membros de Tribunais;
Tenha muito cuidado com esta situação. Observe o
Juízes;
que diz a regra:
Auditores da Justiça Militar.
OFÍCIO CIRCULAR ocorre quando um órgão
envia o mesmo expediente para mais de um órgão
Portanto, a alternativa está correta.
receptor
OFÍCIO CONJUNTO ocorre quando mais de um
80 Ao apresentar uma medida provisória, o Presiden-
órgão envia, conjuntamente, o mesmo expediente
te da República deve apresentar tal medida me-
para um único órgão receptor.
diante ofício, pois esta é uma exigência do princí-
OFÍCIO CONJUNTO CIRCULAR ocorre quando
pio da publicidade das comunicações oficiais.
mais de um órgão envia, conjuntamente, o mesmo
expediente para mais de um órgão receptor.
Errado.
Logo, o item está incorreto.
Para encaminhamento de medida provisória, o
documento adequado será a mensagem. Lembre-
78 O documento conhecido como comunicação in-
se de que a mensagem é usada pelo chefe do
terministerial é aquele que se dirige a mais de
Poder Executivo para se comunicar oficialmente
um Ministro.
com representantes do Poder Legislativo.

Errado.
Com base na 3ª edição do Manual de Redação da
A exposição de motivos é um documento destinado
Presidência da República de 2018 (MRPR), julgue
ao Presidente da República ou ao Vice-Presidente
os itens que se seguem.
por um Ministro de Estado. E este expediente poderá
ser denominado comunicação interministerial
81 O novo manual prevê o documento conhecido
quando for assinado por mais de um Ministro.
como ofício conjunto circular, que deve ser utili-
Dessa forma, a questão está errada. zado quando mais de um órgão envia, conjunta-
mente, o mesmo expediente para um único órgão
79 Visto que se trata de autoridades do poder públi- receptor.
co, o pronome de tratamento adequado para se
referir a Ministros de Estado e a Governadores Errado.
deve ser Vossa Excelência.
Tenha muito cuidado com esta situação. Observe o
que dispõe a regra conforme o MRPR (2018):

Cargo: Agente e Escrivão 60


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

OFÍCIO CIRCULAR ocorre quando um órgão é usada pelo chefe do Poder Executivo para se
envia o mesmo expediente para mais de um órgão comunicar oficialmente com representantes do
receptor. Poder Legislativo.
OFÍCIO CONJUNTO ocorre quando mais de um
órgão envia, conjuntamente, o mesmo expediente Considerando a 3ª edição do Manual de Redação da
para um único órgão receptor. Presidência da República de 2018 (MRPR), julgue
OFÍCIO CONJUNTO CIRCULAR ocorre quando os itens seguintes.
mais de um órgão envia, conjuntamente, o mesmo
86 O MRPR estabelece um padrão oficial de lingua-
expediente para mais de um órgão receptor.
gem, o qual indica que os textos oficiais devem
ser redigidos de maneira formal e impessoal.
82 O MRPR disciplina o uso dos fechos para todas
as autoridades, inclusive para as estrangeiras Errado.
que estão em território nacional. Lembre-se de que não existe um padrão oficial
de linguagem. Há apenas orientações sobre a
Errado. linguagem que devem ser adotadas. Por isso, o
Conforme o MRPR, os empregos dos fechos item está errado.
mencionados no manual não são aplicados às
comunicações dirigidas a autoridades estrangeiras, 87 Como vocativo das comunicações destinadas a
que atendem a rito e tradição próprios. delegados de polícia, recomenda-se evitar o títu-
lo acadêmico Doutor e usar o pronome Senhor.
83 Nas comunicações oficiais, como forma de de-
monstração de respeito, deve-se empregar a for- Certo.
ma de tratamento Doutor ao se dirigir ao Delega- O Manual de Redação da Presidência da
República (MRPR) afirma que doutor não é forma
do de Polícia.
de tratamento, mas sim título acadêmico. Como
regra geral, empregue-o apenas em comunicações
Errado. dirigidas a pessoas que tenham tal grau por terem
O Manual de Redação da Presidência da República concluído curso universitário de doutorado.
(MRPR) dispõe que “doutor” não é forma de
tratamento, mas sim título acadêmico. Como regra, 88 Emprega-se o fecho Atenciosamente em comuni-
empregue-o apenas em comunicações dirigidas a cações oficiais dirigidas a autoridades de mesma
pessoas que tenham tal grau por terem concluído hierarquia ou de hierarquia inferior à do remetente.
curso universitário de doutorado. Portanto, o item
está errado. Certo.
Conforme o MRPR, existem dois fechos adequados:
84 Como não existe padrão definido para a estrutu- respeitosamente e atenciosamente. Para
ra das mensagens enviadas por meio de correio autoridades superiores, inclusive o Presidente da
eletrônico, não há orientações acerca da lingua- República, dever-se-á usar o fecho respeitosamente.
gem a ser empregada nessas comunicações. Enquanto, para autoridades de mesma hierarquia
ou inferior, usar-se-á o fecho atenciosamente.
Errado.
Por mais que não haja uma estrutura rígida para as Com base no Manual de Redação da Presidência Re-
mensagens enviadas por meio de correio eletrônico, pública, julgue os itens a seguir.
é preciso seguir as orientações da linguagem. Logo,
o item está errado. 89 Nas comunicações oficiais, é imprescindível evi-
tar qualquer tipo de uso de linguagem técnica.
85 O presidente da República deve encaminhar a
Errado.
medida provisória ou realizar a indicação de au-
O Manual de Redação da Presidência da República
toridades mediante ofício, pois esta é uma exi-
(MRPR) estabelece que a linguagem técnica será
gência do princípio da publicidade das comuni-
permitida naquelas situações que assim a exigirem.
cações oficiais.
Por isso, o item está errado.
Errado.
90 Na nova edição do MRPR, ficou abolida aquela dis-
Para encaminhamento de medida provisória e para
tinção entre ofício, aviso e memorando para pas-
a indicação de autoridades, o documento adequado
sar-se a utilizar o termo ofício nas três hipóteses.
será a mensagem. Lembre-se de que a mensagem

Cargo: Agente e Escrivão 61


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

Certo. Ministério, Secretaria, Departamento, Divisão,


Conforme o novo MRPR, não há mais aqueles Serviço, Seção); o que se comunica é sempre
três tipos de expedientes que se diferenciavam algum assunto relativo às atribuições do órgão que
antes pela finalidade do que pela forma. Antes comunica; e o destinatário dessa comunicação é
estudávamos o ofício, o aviso e o memorando; no o público, uma instituição privada ou outro órgão
entanto, com o advento do novo MRPR, passamos ou entidade pública, do Poder Executivo ou dos
a utilizar o termo ofício para todas as três hipóteses. outros Poderes. Todos devem ser tratados de forma
homogênea; por isso, a alternativa está incorreta.
91 Para a indicação de autoridades ou o encaminha-
mento de medida provisória, o expediente utiliza- 95 O vocativo a ser empregado em comunicações
do deve ser a mensagem. oficiais a um secretário de segurança é Senhor
Secretário.
Certo.
Caso o Presidente da República deseje encaminhar Certo.
uma medida provisória, deverá fazer por meio de O vocativo é uma invocação ao destinatário. Nas
uma mensagem. comunicações oficiais, o vocativo será sempre
seguido de vírgula.
92 Decorre do princípio da moralidade que deve Em comunicações dirigidas aos Chefes de Poder,
haver marcas de prescrições pessoais em docu- utiliza-se a expressão Excelentíssimo Senhor ou
mentos oficiais. Excelentíssima Senhora e o cargo respectivo,
seguidos de vírgula.
Errado. Exemplos:
Conforme o novo MRPR, devem-se adotar os Excelentíssimo Senhor Presidente da República,
princípios da impessoalidade, da publicidade e da Excelentíssimo Senhor Presidente do Congresso
eficiência; logo, o item está errado. Nacional,
Excelentíssimo Senhor Presidente do Supremo
Com base nas definições do MRPR sobre o formato das Tribunal Federal,
comunicações oficiais, julgue os itens subsequentes.
As demais autoridades, mesmo aquelas tratadas
93 O princípio da moralidade, que rege toda a Admi- por Vossa Excelência, receberão o vocativo Senhor
nistração Pública, deve nortear a elaboração das ou Senhora seguido do cargo respectivo.
comunicações oficiais. Exemplos:
Senhora Senadora,
Errado. Senhor Juiz,
Leia na íntegra a informação a seguir presente Senhora Ministra,
no MRPR: Fundamentalmente, esses atributos Senhor Secretário,
decorrem da Constituição, que dispõe, no art.
37: “A Administração Pública direta, indireta, de 96 Os documentos que contenham mais de uma pá-
qualquer dos Poderes da União, dos Estados, gina poderão ser impressos em ambas as faces
do Distrito Federal e dos Municípios obedecerá das folhas de papel, desde que invertam as pá-
aos princípios de legalidade, impessoalidade, ginas ímpares.
moralidade, publicidade e eficiência (...)”. Sendo
a publicidade, a impessoalidade e a eficiência Errado.
princípios fundamentais de toda a Administração Na correspondência oficial, a impressão pode
Pública, devem igualmente nortear a elaboração ocorrer em ambas as faces do papel. Nesse caso,
dos atos e das comunicações oficiais. Sendo assim, as margens esquerda e direita terão as distâncias
o item está errado. invertidas nas páginas pares (margem espelho).
Logo, o item está errado.
94 Nas comunicações oficiais, há sempre um único
comunicador, o serviço público, sendo os recep- 97 Em documentos que compõem o padrão ofício,
tores dessas comunicações o próprio serviço pú- deve ser utilizada a fonte Calibri ou Carlito para
blico ou o conjunto de cidadãos ou instituições, escrita dos textos.
estes tratados de forma heterogênea.
Certo.
Errado. Conforme o MRPR, as fontes adequadas para texto
No caso da Redação Oficial, quem comunica é serão Calibri ou Carlito. Logo, o item está correto.
sempre o serviço público (este/esta ou aquele/aquela

Cargo: Agente e Escrivão 62


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

RACIOCÍNIO LÓGICO corrupção, então Beto foi absolvido”, cuja tradução


(Josimar Padilha/Marcelo Leite) simbólica seria ~P → Q. Atribuindo os valores
lógicos à expressão, teremos:
98 A proposição “A morte é uma consequência da ~P → Q
vida aqui nesse mundo.” pode ser simbolizada F → V = VERDADEIRO
por P → Q, onde P e Q são proposições simples. Portanto, o item é ERRADO.

Errado. 101 Considerando que a proposição Q é falsa, então


A expressão “A morte é uma consequência da vida a proposição “Beto foi absolvido, logo ele voltará
aqui nesse mundo” é uma proposição simples, pois a trabalhar a partir de amanhã” é verdadeira.
a mesma apresenta apenas um pensamento com
sentido completo e também não tem conectivo Certo.
lógico. Portanto o item é ERRADO. A proposição “Beto foi absolvido, logo ele voltará a
trabalhar a partir de amanhã” é equivalente a “Se
Um advogado presente no julgamento de três suspei- Beto foi absolvido, então ele voltará a trabalhar a
tos (André, Beto e Carlos) tentou adivinhar a sentença partir de amanhã”. Perceba que foi fornecido o valor
final e sugeriu que: lógico da primeira parte (ANTECEDENTE) (falso);
P: André seria condenado por corrupção. porém, quanto à segunda parte (CONSEQUENTE),
Q: Beto seria absolvido. não foi fornecido o seu valor lógico. Representando
R: Carlos seria condenado por tráfico de drogas. simbolicamente a proposição “Se Beto foi absolvido
então ele voltará a trabalhar a partir de amanhã”,
Com base no texto, julgue os itens 99 ao 114: teremos:
Q→S
99 A expressão “Se André não foi condenado por F → (V/F) = VERDADEIRO.
corrupção, porém Carlos foi condenado por tráfi- Portanto, o item é CERTO.
co de drogas, então Beto não foi absolvido” pode
ser simbolizada por (~P ∧ R) ↔ (~Q). 102 A proposição (P ∧ Q) → (P ∨ Q) é uma tautologia.

Errado. Certo.
Traduzindo a expressão “Se André não foi Uma sentença é dita TAUTOLOGIA quando todas
condenado por corrupção, porém Carlos foi as combinações possíveis geram resultados
condenado por tráfico de drogas, então Beto não verdadeiros. Assim, iremos a análise:
foi absolvido”, que é uma CONDICIONAL, para a
linguagem simbólica, teremos:
P Q (P ∧ Q) (P ∨ Q) (P ∧ Q) → (P ∨ Q)
P: André seria condenado por corrupção.
V V V V V
Q: Beto seria absolvido.
V F F V V
R: Carlos seria condenado por tráfico de drogas.
F V F V V
“Se André não foi condenado por corrupção, porém
F F F F V
Carlos foi condenado por tráfico de drogas, então
Beto não foi absolvido”, Assim, a sua tradução seria:
Portanto, o item é CERTO.
(~P ∧ R) → (~Q).
Portanto, o item é ERRADO.
103 P1: Se André foi condenado por corrupção então
Beto foi absolvido.
100 Considerando que as proposições P e Q são
P2: Se André não foi condenado por corrupção
ambas verdadeiras, então a proposição “Beto foi
então Carlos não foi condenado por tráfico de
absolvido, caso André não tenha sido condenado
drogas.
por corrupção” é falsa.
P3:Carlos foi condenado por tráfico de drogas.
C: Beto foi absolvido.
Errado.
O argumento formado pelas premissas P1, P2,
Q: Beto seria absolvido. (VERDADEIRO)
P3 e a conclusão C é um argumento válido.
P: André seria condenado por corrupção.
(VERDADEIRO)
Certo.
A proposição “Beto foi absolvido, caso André não
Caso a veracidade das premissas garanta a verdade
tenha sido condenado por corrupção” é equivalente
da conclusão, o argumento será classificado como
à sentença “Se André não foi condenado por
VÁLIDO. Assim, iremos analisar o argumento.

Cargo: Agente e Escrivão 63


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

V “Se Antônio José é policial civil, então José Antônio


P1:Se André foi condenado por corrupção então não é policial civil” é equivalente a “Se José Antônio
V é policial civil, então Antônio José não é policial
Beto foi absolvido.(VERD) civil”. Portanto, o item é ERRADO.
F
P2: Se André não foi condenado por corrupção 107 A sequência a seguir é formada pela repetição
F das letras da palavra PCDF.
então Carlos não foi condenado por tráfico de “P, C, D, F, P, C, D, F, P, C, D, F, P...”
drogas.(VERD) A letra que estar localizada na 134ª posição
V será “C”.
P3:Carlos foi condenado por tráfico de drogas.
(PONTO DE PARTIDA)(VERD) Certo.
Nessa questão temos uma repetição do carimbo
V
(PCDF). Devemos dividir 134 (total de letras da
C: Beto foi absolvido.(VERD)
sequência) por 4 (quantidade de letras no carimbo),
obtendo o quociente 33 (n. de vezes que o carimbo
Perceba que nesse argumento temos PREMISSAS
completo repete) e resto 2 (duas letras no 34º
VERDADEIRAS e CONCLUSÃO VERDADEIRA,
carimbo INCOMPLETO). Logo as duas letras no
portanto o argumento acima é VÁLIDO.
34º carimbo incompleto serão P e C, de modo que
a última letra será “C”. Portanto, o item é CERTO.
104 A negação da proposição “Beto foi absolvido ou
André foi condenado por corrupção” pode ser ex-
108 As agentes de polícia Ana, Bia e Clara, passando
pressa por “Beto não foi absolvido nem André foi
em frente a uma farmácia, resolveram se pesar,
condenado por corrupção”.
porém a balança somente marcava peso correto
acima de 100 kg. Então, tiveram a ideia de pesa-
Certo.
rem juntas, pois qualquer dupla assim formada
A negação da DISJUNÇÃO é dada por ~(Q ∨ P) =
irá pesar mais que 100 kg. Ao pesarem as du-
(~Q ∧ ~P) (leis de MORGAN) , assim teremos:
plas, constatou-se que:
A NEGAÇÃO DE “Beto foi absolvido ou André
Ana e Bia juntas pesam 105 kg;
foi condenado por corrupção” será “Beto NÃO
Ana e Clara juntas pesam 110 kg;
foi absolvido E André NÃO foi condenado por
Bia e Clara juntas pesam 115 kg.
corrupção”, que pode também ser expresso por
Assim, o peso de Clara será 60 kg.
“Beto NÃO foi absolvido NEM André foi condenado
por corrupção”. Portanto, o item é CERTO.
Certo.
Montando um sistema de equações teremos:
105 A negação da sentença “O policial entende que
A + B = 105 (EQUAÇÃO I)
o réu tem culpa” é “O policial entende que o réu
A + C = 110 (EQUAÇÃO II)
não tem culpa”.
B + C = 115 (EQUAÇÃO III)

Errado.
Somando as três equações teremos:
A proposição “O policial entende que o réu tem
2.A + 2.B + 2.C = 330 (EQUAÇÃO IV)
culpa” é uma PROPOSIÇÃO SIMPLES e, para
NEGÁ-LA, basta “NEGAR A AÇÃO DO SUJEITO”.
Dividindo TODA a equação por 2
Nessa expressão, o sujeito é “O policial” e a ação que
A + B + C = 165 (EQUAÇÃO V)
pratica é “entender”, assim a sua NEGAÇÃO será:
“O policial NÃO entende que o réu tem culpa”.
Como sabemos, A + B = 105 (1ª EQUAÇÃO).
Portanto, o item é ERRADO.
Substituindo na equação V, teremos:

106 A expressão “Se Antônio José é policial civil, en-


tão José Antônio não é policial civil” é equivalente (A + B) + C = 165 (EQUAÇÃO V)
a “Se José Antônio não é policial civil, então Antô- 105
nio José é policial civil”.
Assim: 105 + C = 165
Errado. C = 165 – 105
A equivalência da CONDICIONAL é (A →B) = C = 60 kg
(~B→~A). Assim, teremos:
Portanto, o item é CERTO.

Cargo: Agente e Escrivão 64


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

Na 26ª D.P., localizada em Samambaia-DF, serão 300 – x + x + 250 – x + 100 = 500


formadas equipes para a investigação de tráfico de 650 – x = 500
drogas na região. Considerando que nessa delegacia 650 – 500 = x
existem 3 delegados, entres eles o delegado André; 150 = x
12 agentes, entre eles os agentes Beto e Carlos; 4 Assim, teremos:
escrivães, entre eles a escrivã Daniela; e que todos
os policiais poderão participar das equipes, julgue os
itens 112 e 113 a seguir:

109 Caso a equipe tenha somente 4 agentes, sendo


que na equipe esteja sempre presente o agente Portanto, o item é ERRADO.
Beto, assim poderão ser formadas mais de 160
equipes distintas. 112 Ao escolher aleatoriamente uma pessoa que foi
presa no período mencionado, a chance de ela
Certo. ter sido detida por tráfico de drogas, porém não
Como o agente Beto estará sempre presente na ter sido presa por roubo, é de 20%.
equipe, restam ainda 3 vagas para compor a equipe
que poderão ser escolhidas entre os outros 11 Certo.
agentes. Como a ordem NÃO importa, trata-se de P(tráfico de drogas, porém não ter cometido roubo)
uma COMBINAÇÃO. Teremos:
= = = 0,20 = 20%.
C11,3 = x x = 165, portanto o item é CERTO.
Julgue o item que segue, a respeito de lógica propo-
sicional.
110 No dia 30 de março, será formada uma equipe
com 2 agentes para acompanhar o delegado An- 113 Se A e B forem proposições simples, então a pro-
dré, sendo que um agente irá trabalhar no perí- posição ¬[A ∨ (¬B) ]↔[ (¬A) ∧B] é uma tautologia.
odo matutino (das 8:00 às 12:00) e o outro no
período vespertino (das 14:00 às 18:00). Consi- Certo.
derando essas informações, é possível que se-
jam formadas mais de 130 equipes distintas. Considere as seguintes proposições.

Certo. • P1: Se a empresa privada causar prejuízos à


Como a ORDEM IMPORTA, trata-se de um sociedade brasiliense e se o governo do DF não
ARRANJO. Teremos: interferir na sua gestão, o governo do DF será
A12,2 = 12 x 11 = 132 equipes. visto como fraco.
• P2: Se o governo do DF for visto como fraco, a
Uma pesquisa realizada na 15ª Delegacia Policial, popularidade do governo do DF cairá.
localizada em Ceilândia-DF, sobre as ocorrências no
período de 10 a 14 de março do ano corrente, cons- Tendo como referência essas proposições, julgue o
tatou que, das 500 pessoas presas no período, 300 item seguinte, a respeito da lógica de argumentação.
foram presas por roubo; 250 por tráfico de drogas e
100 foram presas por outros delitos. Com base nessa 114 O argumento em que as proposições P1 e P2 são
informação julgue os itens 114 e 115 a seguir: as premissas e a conclusão é a proposição “Se
a empresa privada causar prejuízos à sociedade
111 Menos de 148 pessoas foram presas pelos cri- brasiliense e se o governo do DF não interferir
mes de roubo e tráfico de drogas. na sua gestão, a popularidade do governo do DF
cairá. ” é um argumento válido.
Errado.
Certo.

115 Um shopping de Brasília realizou uma pesqui-


sa sobre a preferência do público quanto à pre-
miação para quem realizar compras de final de
ano nas lojas parceiras. Nessa pesquisa, foram
Ao somar as regiões (I, II, III, IV) e igualando a 500, entrevistadas 250 pessoas, entre homens e mu-
teremos: lheres, escolhidas aleatoriamente. Desse grupo,

Cargo: Agente e Escrivão 65


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

100 eram mulheres, e dessas 40 não preferem Considere que haja elementos em todas as seções e
carro como premiação. Se o total de pessoas interseções do diagrama.
pesquisadas que têm preferência por carro foi de
170 pessoas, o número de homens que não têm
preferência por carro como premiação de final de
ano é igual a 40.

Certo.

116 Um shopping de Brasília realizou uma pesquisa


sobre a preferência do público quanto à premia-
ção para quem realizar compras de final de ano
nas lojas parceiras. Nessa pesquisa, foram entre- 120 A partir dessas informações, é correto afirmar
vistadas 250 pessoas, entre homens e mulheres, que qualquer elemento de D que não é elemento
escolhidas aleatoriamente. Desse grupo, 100 de B é também elemento de C ou elemento de A.
eram mulheres, e dessas 40 não preferem carro
como premiação. Se o total de pessoas pesqui- Certo.
sadas que têm preferência por carro foi de 170
pessoas, a probabilidade de sortear uma pessoa Considere verdadeiras as seguintes informações:
entrevistada e essa não preferir carro, sabendo
que foi um homem, é superior a 30%. I – Se Neide é juíza, então Daiane é advogada.
II – Se Eduardo é administrador judiciário, então
Errado. Claudia é delegada.
III – Daiane é advogada se, e somente se, Mário
117 Considerando os conjuntos Alfa, Bravo e Charlie for desembargador.
e suas intersecções, não existem elementos na IV – Todo administrador judiciário é formado em
intersecção dos 3 conjuntos. O número de ele- Administração.
mentos dos conjuntos Alfa, Bravo e Charlie são
respectivamente 35, 32 e 33. O total de elemen- 121 Sabendo-se que Mário não é desembargador e
tos que pertencem a apenas um desses conjun- que Eduardo não é formado em Administração,
tos é igual a 46. O número total de elementos é correto afirmar que Neide não é juíza se, e so-
desses 3 conjuntos é superior a 75. mente se, Claudia não for delegada.

Errado. Errado.

118 Considere falsa a afirmação “Renato é policial 122 Considerando que (∀x)A(x) e (∃x)A(x) são propo-
militar e Claudia é policial civil”, e verdadeira a sições, é correto afirmar que a proposição (∀x)
afirmação “se Renato é policial militar, então A(x) → (∃x)A(x) é avaliada como V em qualquer
Claudia é policial civil”. Nessas condições, é ne- conjunto em que x assuma valores.
cessariamente falso que Renato é policial militar.
Certo.
Certo.
André, Policial Civil do DF, é aficionado a raciocínio
119 A negação lógica da sentença “se estou de dieta, en-
lógico e, em certo dia, realizou o seguinte desafio aos
tão fecho a boca” é “estou de deita e fecho a boca”. seus colegas de trabalho:

Pegou quatro cartões, escreveu um número em um


Errado.
lado, e no outro uma letra, segundo ilustrado abaixo.

Então, afirmou: “Todos os cartões que têm uma vogal


numa face têm um número par na outra”. E perguntou
para seus colegas: “Para verificar se tal afirmação é ver-
dadeira, é suficiente virar o primeiro e o último cartão?”

Cargo: Agente e Escrivão 66


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

123 Com relação ao questionamento de André, podemos 127 Suponha que, no Sindicato do Policiais Civis do
afirmar que a reposta para a pergunta seria “não”. DF, trabalhem 5 peritos em tecnologia da infor-
mação. Uma nova rede de computadores será
Errado. projetada e implementada para modernização
dos processos. Para tanto, será montada uma
124 Ana, Marcos e Priscila são advogados que atuam equipe com 4 analistas, sendo 2 responsáveis
exclusivamente em uma das seguintes áreas do unicamente por projetar a rede, e outros 2 res-
direito: família, trabalhista ou criminal, mas não ponsáveis unicamente por instalar e configurar a
necessariamente nessa ordem. Sabendo que rede. Dessa forma, a quantidade de equipes dis-
Ana não atua na área de família, Marcos ou Pris- tintas que podem ser formadas para a execução
cila atuam na área trabalhista, e Priscila e Ana da tarefa é superior a 35.
não atuam na área trabalhista, deduzimos ser
verdade que Antônia atua na área da família, Má- Errado.
rio na área trabalhista, e Paula na área criminal.
Um argumento constituído por uma sequência de três
Errado. proposições – P1, P2 e P3, em que P1 e P2 são as
premissas e P3 é a conclusão – é considerado válido
125 De acordo com a sequência (7; 5; 10; 8; 16; 14; se, a partir das premissas P1 e P2, assumidas como
28; 26; 52; . . .) e sua lei de formação, a diferença verdadeiras, obtém-se a conclusão P3, também ver-
entre o 16º e o 13º termo dessa sequência, nessa dadeira por consequência lógica das premissas. A
ordem, é superior a 200. respeito das formas válidas de argumentos, julgue o
próximo item.
Errado.
Considere a seguinte sequência de proposições
Uma equipe da Polícia Civil do DF precisa descobrir a P1: Existem políticos que são psicólogos.
posição correta de um esconderijo e, para tal, dispõe P2: Nenhum político é imprudente.
somente do pedaço de um bilhete rasgado. P3: Nenhum psicólogo é imprudente.

128 Nessas condições, é correto concluir que o ar-
gumento de premissas P1 e P2 e conclusão P3
é válido.

Errado.
Dadas as proposições categóricas P1, P2 e P3,
temos os seguintes dia­gramas que as representam:

A equipe situa-se na posição desse poço que se en-


contra dentro de um terreno de área circular de raio
igual a 100 passos e não possui bússola para indicar o
norte. Além disso, é noite. O bilhete rasgado não deixa
claro se o número de passos a ser dado é de múltiplos
de três ou de oito. Entretanto, a equipe é formada por P: Político.
peritos que entendem de métodos de contagem e que C: Psicólogos.
decidem usar o princípio da inclusão-exclusão: “Sen- I: Imprudentes.
do A e B conjuntos cujo número de elementos é dado Segundo os diagramas acima, podemos inferir que
por n (A) e n (B), respectivamente, então n (A ∪ B) = P3 não é uma consequência das premissas P1 e
n(A) + n(B) – n(A ∩ B), em que n(A ∪ B) é o número P2, logo o argumento não é válido.
de elementos que pertence a pelo menos um dos con- O conjunto imprudente pode ficar nas posições
juntos A e B”. pontilhadas, o que não garante a verdade da conclusão.

126 Com base nesse princípio, o número máximo de Considere as proposições P, Q e R a seguir.
tentativas que a equipe terá de realizar para en-
contrar o esconderijo é superior a 45. P: Se Joana é analista judiciária ou procuradora de
justiça, então Jane foi aprovada em concurso público.
Errado. Q: Joana foi aprovada em concurso público.
R: Joana é analista judiciária ou procuradora de justiça.

Cargo: Agente e Escrivão 67


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

129 Nesse caso, se P e Q forem V, então R também Essa questão exige do candidato uma interpretação
será V. quanto a linguagem da lógica formal, isto é,
transcrever da linguagem natural para linguagem
Errado. da lógica formal.
Representando as proposições com seus Temos que, no conectivo condicional, do
respectivos operadores lógicos, temos: antecedente para o consequente, uma condição
suficiente; já no contrário, do consequente para
V/F o antecedente, temos uma condição necessária,
desta forma o item está correto.
P: (Joana é analista judiciária ˅ procuradora de
V Considerando a proposição P: “Se Josias se dedicar
o bastante, então alcançará o que desejar”, julgue o
justiça) →(Jane foi aprovada em concurso público) = V item a seguir.

V 132 A negação da proposição P pode ser correta­mente


expressa por “Josias não se dedicou o bastante,
Q: Joana foi aprovada em concurso público. = V mas, mesmo assim, alcançou o que desejava”

R: Joana é analista judiciária ˅ procuradora de Errado.


justiça. = V ou F Duas proposições compostas, uma será a negação
da outra quando forem formadas pelas mesmas
Podemos verificar que a verdade das premissas proposições simples e os resultados de suas
não garante a verdade da conclusão. tabelas-verdade forem contrários.
A negação da proposição condicional é: afirmar o
Julgue o item a seguir, relativo a raciocínio lógico. antecedente e negar o consequente, isto é, “Josias se
dedicou o bastante e não alcançou o que desejava” .
130 Caso a proposição simples “Servidores públicos
são idosos” tenha valor lógico falso, então o va- Considere a seguinte proposição: “Ninguém será con-
lor lógico da proposição “Servidores públicos são siderado culpado ou condenado sem julgamento”. Jul-
idosos, logo eles devem repousar” será falso. gue o item acerca dessa proposição.

Errado. 133 A proposição “Alguém que será considerado cul-


Temos um item que trata de aplicação de tabela- pado ou condenado sem julgamento” é uma pro-
verdade. Vamos representar a proposição composta posição logicamente equivalente à negação da
sabendo que o termo “logo” tem o mesmo significado proposição acima.
de “então”.
P: Se servidores públicos são idosos, então eles Certo.
devem repousar A negação da proposição “Ninguém será considerado
Valorando os pensamentos, teremos: culpadsso ou condenado sem julgamento” .
P: Se servidores públicos são idosos (F), então eles
devem repousar (V/F) será sempre verdadeiro.
Na tabela condicional, se o antecedente é falso
e o consequente é (V/F), tem uma interpretação
sempre verdadeira.

131 Representando por A e B as proposições “Mário


tem tempo suficiente para estudar ” e “Mário será
aprovado nesse curso da Polícia Civil”, respecti-
vamente, então a proposição “Mário ser aprova-
do nesse curso da Polícia Civil é condição neces-
sária para que ele tenha tempo suficiente para
Julgue o item a seguir acerca de contagens.
estudar” é equivalente a A→ B.

134 Em uma competição de tiro ao alvo, os julgamen-


Certo.
tos das provas são feitos em comissões compos-
tas por 3 juízes de uma turma de 5 superiores.
Nessa situação, a quantidade de maneiras dife-
rentes de se consti­tuírem essas comissões são

Cargo: Agente e Escrivão 68


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

superioras a 12.

Errado.
A questão indica a formação de comissões, na qual
a ordem dos integrantes não altera a natureza da
comissão. Sendo assim, trata-se de combinação.

A questão pergunta P(Y) = 70% = 0,7


= 10 comissões distintas.
138 Para uma população de 10 indivíduos suspei-
135 Uma mesa circular tem 8 lugares, que serão ocu- tos de terem cometido um crime, é retirada uma
pados pelos 8 participantes de uma reunião. Nes- amostra de 3 indivíduos, sem reposição. Assim, o
sa situação, o número de formas diferentes para número de amostras possíveis é superior a 700.
se ocupar esses lugares com os participantes da
reunião é superior a 8000. Errado.
Para que possamos calcular o número de
Errado. amostras simples, iremos calcular as possíveis
Nesta questão, temos uma permutação circular: combinações C 10,3 ou podemos resolver pelo
P8 = (8–1)! = 7! = 7x 6 x 5 × 4 × 3 × 2 × 1 = 5.040. princípio multiplicativo:
10 x 9 x 8 = 720 = 120
136 Segundo o controle de qualidade de uma empre- 3 2 1 6
sa vendedora de armas de fogo, a probabilidade
de uma arma pistola ponto (.) 40 apresentar fa- 139 Considerando como falsa a declaração: “Se eu
lha é de 0,10. Três pessoas compram uma pisto- não comer bolo de baunilha, então não comerei
la .40. A probabilidade de somente duas dessas de flocos, mas comerei de chocolate”, a declara-
pessoas terem comprado a arma com falha é su- ção “O cliente não comeu bolo de baunilha, mas
perior a 0,03. comeu bolo de chocolate” será verdadeira.

Errado. Errado.
Aplicando uma da propriedade de probabilidades, Importante ressaltar que a declaração é uma
temos que, se para a arma apresentar falhas, P proposição conjuntiva, em que sua negação
(Falha) = 0,1, logo de não apresentar falhas será P (contradição) é dada da seguinte forma: P ∧ Q tem
(Não ter Falha) = 0,9. como negação ~P ∨ ~Q.
Comprador 1 Comprador 2 Comprador 3 Parece que o pensamento em seu todo é uma
0,1 * 0,1 * 0,9 = 0,009 proposição condicional, porém não é, uma vez
0,1 * 0,9 * 0,1 = 0,009 que temos dois pensamentos, sendo o primeiro
0,9 * 0,1 * 0,1 = 0,009 condicional e o segundo uma proposição simples.
Observe que a segunda vírgula dá uma pausa no
Somando as 3 probabilidades, P = 0,027. primeiro pensamento.
Podemos representar a declaração “Se eu não
137 A probabilidade da união de dois eventos, X e comer bolo de baunilha, então não comerei de
Y, é conhecida, sendo igual a 80%, enquanto a flocos, mas comerei de chocolate”.
probabilidade da união de seus complementares P: Se eu não comer bolo de baunilha, então não
é igual a 70%. Assim, se a probabilidade de X é comerei de flocos; P: 1º conjuntivo
igual a 40%, então P (Y) é igual a 70%. Q: comerei de chocolate; Q: 2º conjuntivo.

Certo. Negação do 1º conjuntivo


Podemos responder essa por conjuntos, vejamos:
Quando a questão afirmar que a probabilidade [P → Q] → [P ∧ ~Q]
da união de seus complementares é igual a 70%, “Se eu não comer bolo de baunilha, então não
podemos inferir que 30% se encontra na interseção. comerei de flocos” será “Eu não comi o bolo de
baunilha e eu comerei o de flocos”

Negação do 2º conjuntivo

“Comerei de chocolate” será “não comerei o de


chocolate”.

Cargo: Agente e Escrivão 69


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

O cliente não comeu bolo de baunilha (V), mas NC: {Z, Q , I e R}


(^) não comeu bolo de chocolate (V) QC: significa o complementar do conjunto dos
números racionais, ou seja, os conjuntos que
Considerando N como o conjunto dos números natu- complementam para se chegar ao universo, em
rais, Z como o conjunto dos números inteiros, Q como outras palavras, o que falta para o meu todo.
o conjunto dos números racionais, R como o conjunto
QC: {I e R}
dos números reais e XC como o complementar do con-
Dessa forma temos: (N C ∩ Q C) = {Z, Q, I e R} ∩
junto X, julgue os itens acerca dos conjuntos numéri-
{I e R} = {I e R}
cos, de suas operações, propriedades e aplicações,
(R – Z):
das operações com conjuntos e da compreensão das
Temos agora uma operação de diferença, ou
estruturas lógicas e dos respectivos diagramas.
seja, os elementos que pertencem a R que não
pertencem a Z.
140 O valor do item acerca dos conjuntos numérico
R= Q ∪ I
(π ∈ R) ^ (√3 ∈ Q)) é V.
Z = {N, Z}
(R – Z) = {Q e I}
Certo. Analisando a igualdade, temos:
Na lógica de Primeira Ordem, é importante (NC ∩ QC) = (R – Z).
conhecermos sobre Teoria de Conjuntos, uma vez
{I e R} ≠ {Q e I}, ou seja , são diferentes e não iguais.
que são utilizados os diagramas de Venn para
representar os quantificadores lógicos. Torna-se
142 É correto afirmar que o diagrama abaixo repre-
necessário conhecer a linguagem matemática, ou
senta corretamente a afirmação: “Se não é um
seja, os símbolos e suas relações, assunto visto no
número real, então não é um número natural”.
primeiro capítulo deste livro.
Temos uma proposição condicional, onde iremos
valorar o antecedente e o consequente, conforme
as relações de pertinência dos elementos com os
conjuntos apresentados. Vejamos:
Antecedente: (-3 ∈ N) = F ( números negativos não
pertencem ao conjuntos dos números naturais)
Consequente: (π ∈ R) ^ (√3 ∈ Q) Certo.
( V) ^ ( F ) = F o operador condicional “se..., então...” possui
O número π pertence ao conjunto dos números o mesmo diagrama do quantificador universal
reais; afirmativo, ou seja, uma relação de inclusão entre
O número √3 não pertence ao conjunto dos números conjuntos.
racionais. A proposição A → B tem o mesmo significado para
O valor-verdade da expressão lógica (-3 ∈ N) → (π todo A é B. Vejamos o diagrama:
∈ R) ^ (√3 ∈ Q) é V.
F → (V ^ F)
F→F=V

141 (NC N C) = (R – Z).

Errado.
Agora podemos de uma maneira tranquila responder
Mais uma vez quero ressaltar a importância do
à questão que diz:
conhecimento quanto à Teoria de Conjuntos, “Se não é um número real, então não é um número
bem como a linguagem matemática, ou seja, os natural”.
símbolos, relações e operações. Esses assuntos Utilizando uma afirmação equivalente (contra
são vistos no primeiro capítulo deste livro. positiva) a essa:
Dada a igualdade (NC ∩ QC) = (R – Z), iremos “Se um número é natural, então ele é real”, onde
verificar se o primeiro membro corresponde ao podemos representar pelo seguinte diagrama:
segundo membro.
(NC ∩ QC):
NC significa o complementar do conjunto dos
números naturais, ou seja, os conjuntos que
complementam para se chegar ao universo, em
outras palavras, o que falta para o meu todo.

Cargo: Agente e Escrivão 70


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

Sabendo que cada um dos 40 funcionários de uma em- Considerando os valores lógicos de A e B, pode-se afir-
presa tem pelo menos uma das habilidades A, B ou C; mar que a proposição a condicional A → B é verdadeira.
nenhum deles tem as três habilidades; 21 deles não
têm a habilidade A; 20 deles não têm a habilidade B e Certo.
24 deles não têm a habilidade C; julgue o seguinte item: Valorando as proposições A e B:

143 O número de funcionários dessa empresa que tem A: Brasília é a capital do Brasil = verdadeiro
duas das habilidades A, B ou C é superior a 20. B: Jair Bolsonaro foi eleito Presidente do Brasil nas
eleições de 2018 = verdadeiro
Errado.
Vamos construir os diagramas para melhor Aplicando os valores e as tabelas-verdade, teremos:
entendimento: Condicional A → B é verdadeiro. V → V = V

145 Considere as proposições:

Se Ana é costureira, então Bruno não é pedreiro.


Se Bruno não é pedreiro, então César é servente.
Se César é servente, então Débora não é faxineira.
Se Débora não é faxineira, então Eliana é cozinheira.
Se Eliana é cozinheira, então Francisco não é
mecânico.
Francisco é mecânico.

A partir dessas afirmações, é correto concluir que Cé-


sar não é servente.

Certo.
Simbolizando as proposições (premissas) de acordo
com a linguagem da lógica formal e partindo de que
Sabendo que o total de pessoas é 40, podemos
todas são verdadeiras, temos:
inferir as seguintes operações:
P1: Ana é costureira (F) → Bruno não é pedreiro.
(F) = V
Se 21 pessoas não têm a habilidade "A", então 19
P2: Bruno não é pedreiro (F) → César é servente.
têm essa habilidade (a diferença entre 40 e 21):
(F) = V
40 – 21 = 19
P3: César é servente (F) → Débora não é faxineira.
Se 20 pessoas não têm a habilidade "B", então 20
(F) = V
possuem essa habilidade (a diferença entre 40 e
P4: Débora não é faxineira (F) → Eliana é cozinheira.
20): 40 – 20 = 20
(F) = V
Se 24 pessoas não têm a habilidade "C", então 16
P5: Eliana é cozinheira (F) → Francisco não é
possuem essa habilidade (diferença entre 40 e 24):
mecânico. (F) = V
40 – 24 = 16
P6: Francisco é mecânico. = V
Agora somando os três conjuntos (A) 19 + (B) 20 + Aplicando os axiomas segundo as tabelas-verdade,
(C) 16 = 55. temos que César ser servente é falso, isto é, ele
Podemos interpretar que passaram 15 funcionários não é servente.
a mais do que a realidade, que são 40, ou seja, É importante ressaltar que temos uma proposição
aquilo que passa da realidade se encontra nas simples (P6); logo, iremos começar por ela. As
intersecções. demais proposições serão valoradas a partir de P6
55 – 40 = 15 pessoas, significa que essas quinze e de acordo com os conectivos lógicos em cada
pessoas que ultrapassaram são da interseção entre uma das premissas.
A, B e C.
A + B + C = 15 146 Julgue o item: A proposição composta “Se Rafael
é inteligente e Fabrício é chato, então Rafael
144 Sejam dadas as proposições simples abaixo: é inteligente ou Fabrício é chato” representa
uma tautologia.
A: Brasília é a capital do Brasil.
B: Jair Bolsonaro foi eleito Presidente do Brasil Certo.
nas eleições de 2018.

Cargo: Agente e Escrivão 71


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

Vamos tentar mostrar que a proposição composta é


falsa, isto é, caso a proposição composta possa ser
interpretada como falsa, teremos a certeza de que
ela não é uma tautologia; porém, se ocorrer algum
absurdo lógico, ou até mesmo uma contradição, a
proposição será uma tautologia. Vamos analisar:
Se Rafael é inteligente e Fabrício é chato, então
Rafael é inteligente ou Fabrício é chato.

V F

(RI ∧ FC) → (RI ∨ FC) = F, uma condicional A partir dessas informações, é correto afirmar que
falsa, o antecedente = V e consequente = F “qualquer elemento de D que não é elemento de
(V ∧ V) → (V ∨ V) = F, observe que o consequente B é também elemento de C ou elemento de A.”
tem que ser falso. Porém, RI = V e FC = V, o que
não produz um resultado F, logo não temos Certo.
o antecedente = V e consequente = F, o que Para melhor interpretação, iremos colocar
significa que essa proposição composta não elementos {1, 2, 3, 4, 5, 6, 7} em todas as seções e
pode ser falsa, assim, é uma tautologia. interseções do diagrama, vejamos a seguir:

147 Julgue o item: A negação da proposição com-


posta “Gosto de ouvir clássicos e amo cantar
forró ou troco isso por uma praia” é dada por
“Não gosto de ouvir clássicos e não amo cantar
forró ou não troco isso por uma praia.”

Errado.
Duas proposições compostas, uma será a negação
da outra quando forem formadas pelas mesmas
proposições simples e os resultados de suas
tabelas-verdade forem contrárias. Analisando os elementos e seus conjuntos:
“qualquer elemento de D que não é elemento de
Afirmação Negação B é também elemento de C ou elemento de A”.
Qualquer elemento de D que não é elemento de B
P∧QVR ~P ∨ ~ Q ∧ ~ R = {6} é também elemento de C ou A. Está correto,
Gosto de ouvir clás- Não gosto de ouvir clás- uma vez que o elemento {6} pertence à união de C
sicos e amo cantar sicos ou não amo cantar ou A. O elemento que pertence apenas ao conjunto
forró ou troco isso forró, e não troco isso por A pertence à união de A com C.
por uma praia uma praia
149 Dadas as proposições:
É importante ressaltar que podemos ter proposições Todo candidato bem preparado faz uma boa prova.
simples afirmativas ou negativas. Dessa forma, Alguns candidatos que fazem boa prova são
uma maneira prática de negarmos uma proposição aprovados no concurso.
composta disjuntiva ou conjuntiva é: negamos as É correto inferir que qualquer candidato bem pre-
proposições simples e trocamos a disjunção “ou” parado é aprovado no concurso.
por uma conjunção “e”, e vice-versa.
A negação de “Gosto de ouvir clássicos e amo Errado.
cantar forró ou troco isso por uma praia” é “Não Temos uma questão de inferência lógica, em que
gosto de ouvir clássicos ou não amo cantar forró, e as proposições são formadas por quantificadores
não troco isso por uma praia”. lógicos, logo, serão analisadas por diagramas
lógicos, vejamos:
148 Considere que haja elementos em todas as se- CBP: Candidato bem preparado
ções e interseções do diagrama. BP: Faz boa prova
APC: Candidatos que fazem boa prova são
aprovados em concurso.

Cargo: Agente e Escrivão 72


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

P1: Todo candidato bem preparado faz uma boa


prova.

P2: Alguns candidatos que fazem boa prova são


aprovados no concurso.
Julgue o item:

150 Sabendo que essa sequência foi criada com um


padrão lógico e que é ilimitada, então o número
de vezes em que as duas letras estão em posi-
ções consecutivas, nas cento e nove primeiras
figuras, é igual a 28 vezes.

Errado.
Vamos imaginar que a sequência inicia no 4º
Fazendo as interseções das premissas: termo; logo, iremos subtrair os três primeiros (109
– 3), assim teremos uma sequência de 106 termos.
Começando do 4º termo, temos que, de sete em
sete termos, as letras A e B são consecutivas.
Logo, iremos dividir 106 por 7, onde temos o
quociente de 15, isto é, 15 blocos com duas figuras
em que as letras A e B aparecem consecutivas. O
resto da divisão é igual a 1, logo, podemos inferir que
a primeira figura consecutiva também possui as letras
A e B consecutivas. Será a primeira do próximo bloco.

Teremos então 15 x 2 (aparecem juntas duas vezes


Dessa forma, podemos inferir que há (algum) candidato em cada bloco) = 30 + 1 (a primeira figura do bloco
aprovado no concurso que fez uma boa prova. consecutivo) = 31 vezes.

Nas figuras da sequência a seguir, a letra A sempre Um anagrama (do grego ana = voltar ou repetir + gra-
ocupa uma posição que será chamada de ponta. Já a phein = escrever) é uma espécie de jogo de palavras
letra B sempre ocupa uma posição que será chamada que resulta do rearranjo das letras de uma palavra ou
de fundo. Na 4ª figura da sequência, as duas letras expressão para produzir outras palavras ou expres-
estão em posições consecutivas, o que acontece tam- sões, utilizando todas as letras originais exatamente
bém na 5ª figura e não acontece nas três primeiras uma vez. Um exemplo conhecido é a personagem Ira-
figuras. cema, anagrama de América, no romance de José de
Alencar. Com base nessas informações, julgue o item
a respeito do princípio da contagem, de permutações,
de combinações e do cálculo de probabilidade.

151 Há mais de 160.000 anagramas possíveis de se-


rem obtidos a partir da palavra “ASSISTENTE”.

Errado.
Nessa questão temos uma permutação com
repetição, ou seja, quando temos letras repetidas

Cargo: Agente e Escrivão 73


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

formando a palavra original. É importante ressaltar


que ao permutarmos letras iguais de posição, não
teremos um novo anagrama, daí a necessidade de
retirarmos os anagramas repetidos.
Vejamos:
A palavra “ASSISTENTE” possui 10 letras, assim
iremos permutá-las: 10! = 10x9x8x7x6x5x4x3x2x1=
3.628.800.
Dentre os anagramas calculados acima, teremos
vários que aparecem mais de uma vez; logo, é
necessário retirá-los. Como fazer?
Primeiramente, temos que calcular o fatorial das
A probabilidade de, durante as férias deles, a
letras que se repetem na palavra “ASSISTENTE”:
investigadora não viajar (nem para o Rio de Janeiro
O “s” aparece 3 vezes, logo teremos 3! = 3x2x1 = 6
e nem para a Bahia) será igual a 0,32 e do escrivão
O “t” aparece 2 vezes, logo teremos 2! = 2x1 = 2
viajar (para São Paulo ou viajar para Minas Gerais) é
O “e” aparece 2 vezes, logo teremos 2! = 2x1 = 2
igual a 0,73. Porém, a questão solicita os dois eventos
Agora iremos dividir o número 3.628.800 por
“e” – princípio multiplicativo. Sendo assim, teremos:
(6x2x2), ou seja, dividimos pela multiplicação do
0,32 x 0,73 = 0,2336 x 100(%) = 23,36%.
fatorial das letras que se repetem.
Anagramas: 3.628.800/24 = 151.200
153 Julgue: Em um presídio com 750 detentos,
sabe-se que 130 deles foram condenados por
Uma investigadora e um escrivão às vezes viajam du-
latrocínio, 180 por estupro e 30 por latrocínio e
rante suas férias. Estando de férias, a probabilidade
estupro. Nesse caso, escolhendo-se aleatoria-
de ela viajar para o Rio de Janeiro é de 0,54; de viajar
mente um detento desse presídio, a probabilida-
para a Bahia é de 0,32; a probabilidade de viajar para
de de ele ter cometido estupro, mas não latrocí-
o Rio de Janeiro e para a Bahia é 0,18. Estando ele
nio é inferior a 0,25.
de férias, a probabilidade de ele viajar para São Paulo
é de 0,51; de viajar para Minas Gerais é de 0,38; a
Certo.
probabilidade de viajar para São Paulo e para Minas
Temos uma questão que envolve teoria de
Gerais é de 0,16. Com base nessas informações, jul-
conjuntos, pois temos detentos que cometeram
gue o item.
latrocínio e estupro. Sendo assim, vamos construir
um diagrama que nos fornece uma interpretação
152 A probabilidade de, durante as férias deles, a
concreta da situação.
investigadora não viajar (nem para o Rio de Ja-
neiro nem para a Bahia) e de o escrivão viajar
(para São Paulo ou para Minas Gerais) é inferior
a 25%.

Certo.
Questão interessante, pois temos a aplicação de
teoria de conjuntos juntamente com probabilidade.
Vamos interpretar as situações para os dois
personagens da questão:

P(n) = Número de casos favoráveis (somente


detentos que cometeram estupro)
Número de casos possíveis (todos os detentos)

P(n) = 150 = 0,2


750

De acordo com a situação hipotética abaixo, julgue o


item.

154 A cada 5 dias, independentemente de ser dia de


semana, final de semana ou feriado, determinada
tarefa é realizada por uma equipe da polícia civil

Cargo: Agente e Escrivão 74


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

de determinado estado. Considere que a realiza- 7 + 5 + 4 = 16


ção dessa tarefa tenha que ocorrer no dia 3 de fe- 7 + 6 + 4 = 17
vereiro de 2019. Sabendo que o mês de fevereiro 7 + 7 + 4 = 18
de 2019 tem 28 dias, que os meses de março e 7 + 8 + 4 = 19
maio de 2019 têm 31 dias, cada um, e que o mês 7 + 9 + 4 = 20
de abril de 2019 tem 30 dias, o primeiro dia do Logo: 1 + 4 + 7 = 12
mês de junho de 2019 em que essa tarefa tam-
bém deverá ser realizada será o dia 6. 156 Um azulejista deve cobrir uma parede de forma re-
tangular de dimensões 3 m por 4,5 m. Ele dispõe
Errado. de azulejos de forma quadrada com lado medindo
Nesta questão, temos a aplicação de múltiplos, 15 cm. Nessas circunstâncias, o número mínimo
especificamente múltiplos de 5 (números que de peças de azulejo que o azulejista vai precisar
terminam em zero ou cinco). A partir de 3 de fevereiro para cobrir totalmente a parede é igual a 600.
de 2019, de cinco em cinco dias, é realizada uma
tarefa, que ocorrerá do mês de fevereiro até junho Certo.
de 2019. A pergunta da questão é qual o primeiro Para calcularmos a área total a ser revestida, temos
dia do mês de junho em que a tarefa será realizada. que multiplicar 3 x 4,5 = 13,5 m².
Vamos fazer o seguinte: Área de cada azulejo: 0,15 x 0,15 = 0,0225 m2
A partir do dia 3 de fevereiro, iremos calcular a Agora é só dividir 13,5 por 0,0225 = 600 azulejos.
quantidade de dias até a data de (simule uma das
respostas só para que tenhamos um referencial). 157 Se somarmos três unidades ao dobro do núme-
Como referencial, irei escolher o dia 3 de junho de ro x, obteremos o mesmo resultado que alcan-
2019 para que os meses fiquem fechados. Vamos lá! çamos ao subtrair duas unidades do triplo do
mesmo número x. Dessa forma, o quádruplo do
3 de fevereiro --25 dias-- > 3 de março --31 dias-- > número x é inferior a 18.
3 de ABRIL --30dias-- > 3 de maio --31 dias-- > 3
dias de junho. Errado.
Vamos somar os valores: 25 + 31 + 30 + 31 + 3 = Uma questão de equação do 1º grau:
120 (temos uma quantidade de dias que é múltiplo 3 + 2x = 3x – 2
de cinco, logo podemos afirmar que a última tarefa 2x – 3x = – 2 – 3
aconteceu no dia 3 de junho). –x=–5
Caso tivéssemos considerado a data do dia 4 de x=5
junho, a quantidade de dias seria 121, ou seja, não Logo, o quádruplo é igual a 20.
é múltiplo de 5, pois os múltiplos de 5 terminam em
zero ou cinco. Assim saberíamos que, para terminar 158 A lógica bivalente não obedece ao princípio do
em zero, teríamos que retirar 1 dia de 121 dias, terceiro excluído, segundo o qual toda proposi-
voltando para o dia 3 de junho. ção ou é verdadeira ou é falsa, não havendo uma
terceira opção.
Em relação a problemas aritméticos, geométricos e
matriciais, julgue os próximos itens. Errado.
A lógica bivalente OBEDECE ao princípio do terceiro
155 Um número é composto por 3 algarismos, sendo excluído.
que o algarismo da centena é o 7 e o da unidade
é o 4. A soma dos possíveis algarismos da deze- Julgue o item que segue, a respeito de lógica propo-
na desse número de modo que ele seja divisível sicional.
por 3 é superior a 13.
159 A sentença “É justo aprender, durante toda a
Errado. vida, a língua portuguesa?” é uma proposição ló-
Os possíveis números que podemos formar com gica composta.
a centena, sendo 7 e a unidade sendo 4, de tal
maneira que eles sejam divisíveis por 3 (soma dos Errado.
algarismos divisíveis por 3): A sentença não é uma proposição, pois trata-se de
7 + 0 + 4 = 11 uma expressão interrogativa.
7 + 1 + 4 = 12
7 + 2 + 4 = 13 160 As proposições P e Q a seguir referem-se ao de-
7 + 3 + 4 = 14 poimento sobre determinado ilícito penal:
7 + 4 + 4 = 15

Cargo: Agente e Escrivão 75


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

P: “O acusado não é inocente.” 164 A negação da expressão “O técnico do Flamen-


Q: “O acusado não estava na cena do crime.” go garante que o time será campeão” é expressa
por “O técnico do Flamengo garante que o time
A proposição “Caso o acusado não esteja na não será campeão”.
cena do crime, o acusado é inocente” pode ser
representada simbolicamente por Q↔(~P). Errado.
A negação da expressão será “O técnico do
Errado. Flamengo NÃO garante que o time será campeão.”
A proposição “Caso o acusado não esteja na cena
do crime, o acusado é inocente” é uma condicional, 165 Se A, B e C são proposições, então a proposição
cuja representação é dada por Q→(~P). ~[ (A ∧ B) → C] é equivalente a A ∧ B ∧ (~C).

161 Se as proposições “A declaração da vítima foi Certo.


feita espontaneamente” e “A declaração da ví- A negação da condicional é dada por: ~(A →B) = A
tima incrimina o acusado” forem falsas, então a ∧ (~B).
proposição “Se a declaração da vítima foi feita Assim, a negação de [ (A ∧ B) → C] será dada por
espontaneamente então a declaração da vítima A ∧ B ∧ (~C).
incrimina o acusado” será verdadeira.
166 Se P, Q, R e S são proposições, então a propo-
Certo. sição (P ∧ Q) → (R v S) é equivalente a ((~R) ∧
A proposição “Se a declaração da vítima foi feita (~S)) → ((~P) v (~Q)).
espontaneamente (FALSA), então a declaração
da vítima incrimina o acusado (FALSA)”, cujo valor Certo.
lógico será verdadeiro. A equivalência da condicional pode ser escrita sob
a forma:
162 A proposição (P ^ Q) → (P v Q) é uma tautologia, A → B = ~B→~A. Assim, teremos:
isto é, todos os elementos de sua tabela-verdade (P ∧ Q) → (R v S) = ((~R) ∧ (~S)) → ((~P) v (~Q)).
são V (verdadeiro).
No mês de agosto, a 26ª delegacia de polícia, locali-
Certo. zada na Samambaia-DF, registrou as seguintes ocor-
rências:
P Q P^Q P v Q (P ^ Q) → (P v Q) – Roubo: 500
– Agressão: 600
V V V V V
– Outras ocorrências: 700
V F F V V Considere também que, em algumas ocorrências de
F V F V V roubo, ocorreu também agressão, e que no total ocor-
F F F F V reram 1.700 ocorrências no mês de agosto.

167 O número de ocorrências que envolveram roubo


163 Considere as afirmações verdadeiras:
e agressão é superior a 98.
– Todo servidor público tem graduação.
– Todo policial civil é servidor público.
Certo.
Assim qualquer policial civil tem graduação.

Certo.

Assim,
500 – x + x + 600 – x + 700 = 1.700
A partir do diagrama acima, deduz-se que “Qualquer 1.800 – x = 1.700
policial civil tem graduação”. 1.800 – 1.700 = x
100 = x
Logo, teremos:

Cargo: Agente e Escrivão 76


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

– Ana não é agente de polícia e não exerce a função há


exatos 5 anos;
– A delegada ocupa a função há exatos 10 anos;
– Bruna não é perita nem é a policial que ocupa a fun-
ção há exatos 7 anos;
– Carmem ocupa a função há exatos 7 anos.

172 Ana é a policial que ocupa essa função há mais


tempo.
168 As ocorrências que envolveram apenas roubo fo-
ram superiores a 400. Certo.

Errado. ANA BRUNA CARMEM


Ver a resolução da questão 170. AGENTE N S N
PERITA N N S
Uma diligência composta por 1 delegado, 3 agentes
e 1 perito será formada a partir de 4 delegados, 10 DELEGADA S N N
agentes e 3 peritos. Com base no texto, julgue os itens
a seguir. 5 N S N
7 N N S
169 O total de equipes que poderão ser formadas é 10 S N N
superior a 1.400.
INFORMÁTICA
Certo.
(Fabrício Melo)
Como a ORDEM NÃO IMPORTA, então trata-se de
uma COMBINAÇÃO. 173 Utilizando um sistema operacional de ambien-
C4,1 X C10,3 X C3,1 = = 1.440 te Linux, um usuário digitou o comando chmod
755 relatoriopcdf.txt no terminal de comandos. É
correto afirmar que serão dadas todas as permis-
sões ao dono.

170 Considerando que entre os policiais sejam sor-


Certo.
teados dois prêmios distintos, o número máximo
1. As permissões completas são: -rwxrwxrwx
que essa distribuição pode ser efetuada é supe-
2. Vamos dividir: o traço (-) refere-se ao tipo
rior a 280.
de arquivo (relatoriopcdf.txt – arquivo comum)
e as letras restantes, às devidas permissões
Errado.
-|rwx|rwx|rwx
Como os prêmios são distintos, então a ORDEM
Tipo de arquivo | U | G | O
IMPORTA, portanto, trata-se de um ARRANJO.
421 421 421
A17,2 = 17 x 16 = 272
3. Vamos enumerar para não decorar a tabela
-|rwx|rwx|rwx
171 Suponha-se que as letras da palavra POLICIA
chmod 7 5 5
tenham sido registradas em bolas que foram
4. Vamos somar as combinações: proprietário (U) =
colocadas em uma urna. Selecionando-se uma
7 (soma do 4(ler) + 2(gravar) + 1(executar)). Grupos
dessas bolas e sabendo se tratar de uma con-
de usuários (G) = 5 (soma do 4(ler) + 1(executar)).
soante, a probabilidade de ser a letra L é inferior
comum (O) = 5 (soma do 4(ler) + 1(executar)).
a ¼.
5. Vamos reescrever as permissões após o
comando: -rwxr-xr-x
Errado.
6. Observe: proprietário poderá: ler (r), gravar (w)
P(L/consoante) = = = 0,33 e executar (x). Grupo poderá: ler (r) e executar (x).
Comum poderá: ler (r) e executar (x).
Ana, Bruna e Carmem são policiais civis. Uma delas
é agente de polícia, outra é perita e a terceira é dele- 174 No Linux, ao digitar o comando TOUCH, será
gada. Uma dessas policiais ocupa a sua função há 5 criado um arquivo vazio.
anos, outra, há exatos 7 anos, e a outra, há exatos 10
anos. Sabe-se, ainda, que: Errado.

Cargo: Agente e Escrivão 77


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

O comando “touch” é usado para criar arquivos


(vazios); porém, o Linux é um sistema operacional
case sensitive e diferencia letras maiúsculas de
letras minúsculas. Os comandos primários deverão
ser todos em letras minúsculas. No caso: “touch”, e
não “TOUCH”.

175 No Painel de Controle do Windows 10, as opções


de configurações das ferramentas de acessibili-
dade, como Teclado Virtual e Reconhecimento
de Fala, encontram-se na categoria “Facilidade
de Acesso”.

Certo.
Ao exibir o Painel de Controle do Windows no
De acordo com a figura acima e conhecimentos sobre
modo Categoria, encontra-se a categoria Facilidade
tecnologias da Internet, Intranet, Extranet e do nave-
de Acesso, que disponibiliza ferramentas para
gador Microsoft Edge, julgue os itens 179 a 183.
deficientes físicos.
179 A página exibida é considerada segura unica-
176 No Word 2016/365, palavras sublinhadas em ver-
mente por ser de uma instituição de segurança
melho tracejado estão gramaticalmente erradas
pública do Distrito Federal.
e palavras sublinhadas de azul tracejado estão
ortograficamente erradas.
Errado.
Não é o fato de a página ser da Policia Civil
Errado.
do DF que a torna segura, mas o fato de usar o
No Word 2016, o sublinhado vermelho é para indicar
protocolo HTTPS, que é um protocolo que transmite
um possível erro ortográfico ou palavra desconhecida.
informações com uma camada de segurança que
O sublinhado azul, possível erro gramatical.
usa criptografia e certificado digital.
177 No Libre Office Writer 5.0, é possível inserir uma
tabela com modelos de estilos, através do Menu
180 Ao clicar no botão/link , o usuário
Inserir > Tabela. Na janela que se abre, escolhe-
é remetido ao sistema de WebMail institucional
-se estilo desejado, número de linhas e colunas,
da PCDF, onde somente usuários devidamen-
nome e confirma-se através do botão Inserir.
te autorizados mediante login e senha poderão
acessar. Geralmente são servidores da PCDF. É
correto afirmar que o ambiente acessado é um
Errado.
exemplo de uma Extranet.
Tabela encontra-se no Menu Tabela, e não no Menu
Inserir.
Certo.
Ao acessar o sistema institucional da PCDF, no
178 As nuvens do tipo comunitárias são as que per-
qual somente pessoas devidamente autorizadas
mitem que duas ou mais empresas do mesmo
mediante login e senha podem acessar,
setor possam compartilhar uma estrutura de nu-
caracterizamos uma Intranet. Como o acesso está
vem, assim diminuindo custos com estrutura físi-
sendo feito por meio de uma página na WWW, que
ca e energia elétrica.
pode ser acessada de qualquer lugar do mundo
Certo. (externo), temos um exemplo de Extranet, que é a
Nuvens comunitárias são definidas pelo NIST Intranet acessada de fora da instituição.
(Instituto Nacional de Padrões e Tecnologia do
181 É correto inferir que a página da PCDF oferece
Departamento de Comércio norte-americano), e
permitem que empresas do mesmo setor/ramo o Modo de Leitura, recurso do navegador que
limpa a visualização de textos e fotos na web,
compartilhem serviços de nuvem computacional.
livrando-se de anúncios e conteúdo desnecessá-
rio, deixando só o que importa.

Errado.

Cargo: Agente e Escrivão 78


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

O Modo de Leitura, ícone do livro na barra URL, domingo backup completo


está visivelmente desabilitado, indicando que a segunda-feira e terça-feira backup incremental
página em questão não possui o recurso. quarta-feira backup diferencial
quinta-feira a sábado backup incremental

Na quinta-feira, 15h, um dos servidores do órgão


182 Caso um usuário queira impedir o acesso a ou- solicitou ao técnico de informática que recuperas-
tras páginas da WEB, permitindo apenas o aces- se alguns arquivos que foram apagados por en-
so ao site da PCDF, o Firewall seria a ferramenta gano. É correto afirmar que, para a recuperação
mais indicada para efetuar o bloqueio. de todos os arquivos, o técnico terá que usar o
backup de domingo e quarta-feira.
Errado.
Firewall tem a finalidade de filtrar o tráfego de dados Certo.
da rede e não acesso a serviços e sites. A ferramenta Backup normal (segunda-feira) contém a base
indicada seria o PROXY ou, então, o próprio dos arquivos, é obrigatório. E o backup diferencial
bloqueio oferecido pelo Sistema Operacional, como (quarta-feira) é um backup acumulativo, que conterá
no Windows 10. os dados de segunda, terça e quarta. Então, bastaria
apenas esses 2 (dois) para a recuperação de TODO
183 SITUAÇÃO HIPOTÉTICA: Um usuário acessou o sistema.
o site acima através da URL https://www.pcdf.
gov.br, mas foi direcionado para um site falso da 187 No Google, ao digitar: concursos PCDF -con-
PCDF, porém idêntico. ASSERTIVA: É correto cursos PMDF, o Google irá retornar resultados
afirmar que o DNS que remeteu à página falsa do concurso da PCDF menos os concursos da
pode ter sido vítima de um ataque conhecido PMDF.
como PHARMING ou DNS CACHE POISONING.
Certo.
Certo. Observe que foram usados dois filtros: o primeiro
PHARMING é o famoso ataque a um DNS (servidor para buscar os concursos da PCDF; logo depois,
de nome de domínio). Um invasor consegue alterar vem um espaço para vir o segundo filtro, que usa o
o IP do site verdadeiro, direcionando a um site falso, “-“ para excluir os concursos da PMDF.
que geralmente é idêntico.
De acordo com a figura abaixo e conhecimentos sobre
184 Worm é um programa capaz de se propagar au-
o Windows 10 – PRO (configuração padrão e portu-
tomaticamente pelas redes, inserindo cópias de
guês), julgue os itens 191 e 192.
si mesmo em outros programas ou arquivos.

Errado.
Worm não insere cópias de si mesmo em arquivos ou
programas. Worm é autossuficiente. Característica
que remete a um vírus.

185 Um sistema infectado por RANSOMWARE, que


torna inacessíveis os dados armazenados em um
equipamento, geralmente usando  criptografia, e
que exige pagamento de resgate para restabele-
cer o acesso ao usuário, poderia ter seus dados
facilmente restabelecidos se usasse uma política
de becape consistente.

Certo.
Becape/Backup é a ferramenta mais indicada para
restaurar dados criptografados pelo Ransomware.
188 A opção CONFIGURAÇÕES exibida na figura
186 Considere que a rotina de backup de um órgão pode ser acessada pela combinação de teclas
público seja realizada diariamente, às 20h, da se- + I.
guinte maneira:
Certo.

Cargo: Agente e Escrivão 79


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

Combinação de teclas para o acesso às 194 No GOOGLE, ao se pesquisar: segurança +pa-


Configurações do Windows 10. trimonial, será procurada a palavra segurança,
dando ênfase aos resultados em que aparecem
189 A opção Telefone permite a um usuário configurar a palavra patrimonial.
um telefone para continuar no seu computador as
tarefas iniciadas no telefone celular. Com o smar- Errado.
tphone vinculado, o usuário pode, por exemplo, O sinal de + (adição) não é utilizado como filtro no
abrir uma página específica pelo navegador do Google.
celular e continuar a leitura no computador com o
sistema operacional Windows 10. 195 O navegador Google Chrome oferece uma ferra-
menta de remoção de softwares nocivos em suas
Certo. configurações, conhecida como CleanUp.
Uma das grandes novidades das ultimas
atualizações do Windows 10, opção Telefone. Certo.
Por meio das suas configurações, é possível, no
190 No prompt de comando de qualquer sistema ope- Google Chrome, fazer uma varredura de softwares
racional Linux, como o Red Hat, o aparecimento nocivos. Basta ir ao botão: Personalizar e Controlar o
do caractere $ no prompt de comando significa Google Chrome, Configurações, Avançado, Redefinir
que o usuário que esteja conectado é o usuário e limpar e escolher a opção: Limpe o computador.
comum. E o aparecimento do caractere # signifi-
ca que é o superusuário root. De acordo com a figura abaixo, julgue os itens 196 e 197
a respeito do Mozilla Firefox versão 66 e conhecimentos
Certo.
relacionados a navegação na Internet, Intranet e Extranet.
Uma das formas de identificar qual usuário está
logado no Sistema Linux.

191 O comando pwd, no Linux Ubuntu, é usado para


mostrar a pasta corrente.

Certo.
(pwd) PRINT WORK DIRECTORY exibe em qual
pasta o usuário está no momento ao utilizar o
prompt de comando.

192 O protocolo HTTP:// é utilizado para a navegação 196 O botão , localizado na barra de URL, indi-
nas páginas da WWW, operando na camada 7 ca o novo recurso de Favoritos do Mozilla Fire-
(sete) do modelo OSI e na porta 80 (oitenta) da rede. fox, que permite salvar a página no dispositivo
para poder acessá-la posteriormente até mesmo
Certo. quando estiver sem um acesso à Internet.
Função do protocolo HTTP, camada e a porta da
rede em que atua.
Errado.
A explicação do recurso está correta, porém não é
193 Dentre as várias definições propostas para chamado de Favoritos, mas sim de POCKET.
computação em nuvem, uma que é aceita pelo
mercado é aquela proposta pelo NIST (Instituto
197 O Firefox, em sua versão mais recente, não permite
Nacional de Padrões e Tecnologia do Departa-
o envio da aba apresentada na figura para um outro
mento de Comércio Norte-Americano). De acor-
dispositivo, como um smartphone, por exemplo.
do com a definição do NIST, o modelo de serviço
que abrange o fornecimento de capacidade de
Errado.
processamento, armazenamento, redes e outros
recursos de computação fundamentais é o PAAS Por meio do recurso SYNC, o usuário consegue
(Plataforma como Serviço na Nuvem). sincronizar o Firefox com todos os seus dispositivos
cadastrados e enviar as Abas que estão sendo
Errado. apresentadas pelo navegador.
O modelo é o IAAS (infraestrutura como serviço na
nuvem). De acordo com a figura abaixo, julgue o item 198 a
respeito do MS-Word 2016.

Cargo: Agente e Escrivão 80


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

exportar documentos no formato .PDF.

Certo.
Existem essas compatibilidades no LibreOffice
Writer.

202 Um ataque de ransomware comumente ocorre por


meio da exploração de vulnerabilidades de sistemas
e protocolos; a forma mais eficaz de solucionar um
ataque desse tipo e recuperar os dados “sequestra-
dos” (criptografados) é a utilização de técnicas de
restauração dos arquivos, por meio de becapes cria-
dos em sistemas de nuvens computacionais.

Certo.
198 O texto da figura contém 3 (três) parágrafos e Depois que o sistema foi atacado, a melhor opção é
está alinhado à esquerda. ter o becape dos dados e restaurá-lo.

Errado. Sobre conceitos de segurança da informação, julgue


O texto contém apenas 2 (dois) parágrafos e está os itens 203 a 205.
alinhado à esquerda.
203 De acordo com a cartilha de segurança do CERT.
199 No MS-Excel 2016, a função =SUB(A1:C4) irá BR, a política de segurança define os direitos e as
subtrair o intervalo da célula A1 até C4. responsabilidades de cada um em relação à se-
gurança dos recursos computacionais que utiliza
Errado. e às penalidades as quais está sujeito, caso não a
Não existe a função SUB no MS-Excel 2016. cumpra. É considerada como um importante me-
canismo de segurança, tanto para as instituições
De acordo com a figura abaixo, julgue o item 200, a como para os usuários, pois com ela é possível
respeito do MS-Power Point 2016. deixar claro o comportamento esperado de cada
um. Desta forma, casos de mau comportamento
que estejam previstos na política podem ser trata-
dos de forma adequada pelas partes envolvidas.

Certo.
Definição exata sobre políticas de segurança de
acordo com a Cartilha do Cert.BR.

204 A verificação ou autenticação em duas etapas


(two-factor authentication, também chamada de
aprovação de login, verificação ou autenticação
em dois fatores ou, ainda, verificação ou auten-
ticação em dois passos) adiciona uma segunda
camada de proteção no acesso a uma conta,
dificultando que ela seja indevidamente acessa-
da, mesmo com o conhecimento da senha. É um
200 Caso o usuário deseje aplicar um efeito de en-
recurso obrigatório, nas políticas de segurança,
trada do tipo esmaecer na caixa de texto que
oferecido por diversos serviços de Internet, como
contém Redes de computadores, poderá fazê-lo
Webmail, redes sociais, Internet Banking e de ar-
por meio da Guia Transições, Grupo Animação, mazenamento em nuvem.
opção Esmaecer.
Errado.
Errado. O recurso não é obrigatório nas políticas de
Opção encontrada na Guia Animações. segurança. Muitos sistemas ainda não utilizam esse
modelo de autenticação.
201 O Libre-Office Writer 6.0 utiliza como padrão o
formato de arquivo .ODT e é compatível com os
formatos do Word 2016, .DOCX e .DOC, além de

Cargo: Agente e Escrivão 81


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

205 Suponha que se deseje implantar o esquema de Cookies não são programas. São pequenos
acesso ao sistema da PCDF utilizando a autentica- arquivos de texto.
ção baseada em dois fatores diferentes. Para tanto,
os possíveis fatores são: PIN e frase de segurança. 209 O navegador que é apresentado na janela abai-
xo, MS-EDGE, irá substituir o I.E e está repleto
Errado. de novos recursos. Um dos mais comentados é
Existem três grupos de autenticação de usuários: o Adicionar Anotações, que permite fazer anota-
aquilo que você é (biometria), aquilo que você possui
ções, escrever, rabiscar e realçar diretamente em
(Token, assinatura digital, cartões de senhas...) e
páginas da Web.
aquilo que você sabe (senhas, perguntas secretas,
PIN, frases de segurança...).
O item está pedindo dois fatores diferentes. E
tanto PIN quanto a frase de segurança estão no
mesmo fator.

Sobre conceitos relacionados a Internet, Intranet, Ex-


tranet e Navegadores, julgue os itens 206 a 210.

206 Apesar do modelo OSI e toda sua nomenclatura


serem as referências para as redes, a arquitetu-
ra TCP/IP é a que foi realmente implementada e
está em uso até os dias de hoje tanto nas redes
internas (Intranets) como na Internet. O modelo Certo.
OSI contempla 4 camadas, enquanto o modelo O recurso Adicionar Anotação permite fazer anotações,
TCP/IP contempla 7 camadas. escrever, rabiscar e realçar diretamente em páginas
da Web. Veja como ficou a página da PCDF:
Errado.
O modelo OSI contempla 7 camadas e o TCP/IP,
4. Veja:

210 Uma VPN (rede pública construída sobre uma


rede privada) é um túnel seguro entre dois ou
207 A Intranet é uma rede de computadores que dis- mais dispositivos. As VPNs são usadas para pro-
ponibiliza um conjunto de serviços análogo à Inter- teger o tráfego web privado da espionagem, in-
net, também baseada na pilha de protocolos TCP/ terferência e censura.
IP. Porém, a Intranet é restrita a uma instituição.
Errado.
Certo. VPN (rede privada construída sobre uma rede
Conceito tradicional de uma Intranet. pública).

De acordo com a figura abaixo e os conhecimentos


208 Os cookies são programas, enviados pelo site ao
relacionados ao MS-WORD 2019/365, julgue os itens
navegador, na primeira vez que um internauta o
211 e 212.
visita. Em seu próximo acesso, o navegador re-
envia os dados ao site para que suas informa-
ções sejam configuradas de forma automática.

Errado.

Cargo: Agente e Escrivão 82


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

211 Na frase selecionada, GranOnline foi sublinhado 213 A fórmula digitada na célula F4 irá gerar o resul-
em vermelho por ser um termo com erro ortográ- tado 85.
fico ou termo desconhecido. Para adicionar o ter-
mo GranOnline ao dicionário do Word, para não Certo.
mais sublinhá-lo, é possível por meio da ferra- A fórmula abordada é a soma da interseção de A1
menta Verificar Documento, encontrada na Guia até D9 e A5 até D6. Irá somar apenas as células
Revisão, Grupo Revisão de Texto. que se repetem (células em vermelho) nos dois
intervalos dados.
Certo.
Veja a imagem abaixo: De acordo com a figura a seguir e os conhecimentos
relacionados ao MS-EXCEL 2019/365, julgue o item:

212 Os cabeçalhos e os rodapés são áreas nas mar-


gens superior e inferior de cada página em um
documento. Você pode adicionar, editar ou excluir 214 Na célula G1, ao digitar a fórmula: =PCDF+3, o
cabeçalhos e rodapés. Para inserir um cabeçalho resultado de G1 será um erro de valor, #NOME!.
no documento, é possível por meio da Guia Exibir,
Grupo Cabeçalho e Rodapé, botão Cabeçalho. Errado.
Observe que a célula selecionada (F4) está
Errado. nomeada como PCDF (observe a caixa de nome
Cabeçalho e rodapé encontram-se na guia INSERIR. na parte superior esquerda da janela). O Excel irá
somar o 85+3, gerando como resultado: 88.
De acordo com a figura a seguir e os conhecimentos
relacionados ao MS-EXCEL 2019/365, julgue o item Sobre o Sistema Operacional Linux, julgue o próximo
seguinte. item.

215 Os arquivos e diretórios no sistema operacional


Linux possuem atributos descritos conforme es-
trutura apresentada a seguir:

Cargo: Agente e Escrivão 83


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

• Provê indicadores estratégicos;


• Possibilita analisar os dados com o nível de
detalhe desejado, partindo da visão execu-
tiva sumarizada e aprofundando até a unidade
Nessa estrutura, os atributos de números 2 e 4 mínima de informação disponível;
correspondem, respectivamente ao PROPRIE- • Console (painel de indicadores de desempe-
TÁRIO (USER) e aos OUTROS (OTHERS). nho) "PLATAFORMA" customizado de acordo
com as regras e as características de negócios
Certo. do cliente.
O número 1 (-) representa o tipo de arquivo
(arquivo comum). O número 2 (rwx) representa Sobre conceitos de Linux Ubuntu e Windows 10, jul-
as permissões do proprietário. O número 3 (rwx) gue os itens de 218 a 220.
representa as permissões dos grupos. O número 4
(rwx) representa os usuários comuns. 218 No Windows é possível salvar em uma mesma
pasta os seguintes arquivos: PCDF.docx e pcdf.
Sobre o Sistema Operacional Windows 10, julgue o docx. Já no Linux, não será possível, pois será
item. considerado, pelo Sistema Operacional, arquivos
com o mesmo nome.
216 Caracteres como \ / : * ? “ < > | não podem ser
utilizados nos nomes no Windows 10. Errado.
É o contrário! No Linux que seria aceito, pois o
Certo. Linux é um Sistema Case Sensitive (diferenciação
Caracteres especiais ou curingas não podem ser de minúsculas/maiúsculas), interpretando como 2
utilizados na estrutura de nomes do Windows 10. (dois) arquivos diferentes.

Sobre conceitos de Nuvem Computacional, julgue o 219 A fragmentação faz com que o disco rígido exe-
item. cute um trabalho extra que pode tornar o com-
putador lento. O Desfragmentador/Otimizador
217 Análise de dados ou business intelligence são de Disco do Windows 10 reorganiza os dados
cenários comuns a PAAS (plataforma como ser- fragmentados para que os discos e as unidades
viço na nuvem). possam funcionar de maneira mais eficiente. O
Desfragmentador de Disco é executado por agen-
Certo. damento, mas você também pode analisar e des-
PaaS (plataforme as a service): utilizada fragmentar os discos e as unidades manualmente.
principalmente pelos desenvolvedores. Disponibiliza-
se uma plataforma (ambiente operacional) Certo.
completa para que aplicativos e serviços possam Na medida que usamos o nosso computador, os
ser desenvolvidos. arquivos vão se fragmentando (desorganizando)
O BI é uma sigla que significa Inteligência de dentro do Disco Rígido (HD). A desfragmentação
Negócios (Business Intelligence) ou inteligência é a solução para a reorganização dos arquivos,
empresarial por abranger todos os setores da dando um melhor rendimento ao Windows.
empresa, desde o financeiro, o operacional, o
comercial, até o marketing. BI é uma análise de 220 No CMD do Windows 10 e no Terminal do Linux
dados em uma forma inteligente de otimizar falhas Ubuntu, o comando dir irá exibir o conteúdo de
e manter o negócio em destaque. um diretório (pasta).
BI em PAAS:
Após a configuração do ambiente, do acesso aos Certo.
dados e também da criação da estrutura interna do Alguns comandos do Prompt dos 2 (dois) Sistemas
BI, esta ferramenta permite agilizar a preparação de Operacionais são comuns. O Linux usa como
informações estratégicas necessárias para tomada comando primário para exibir o conteúdo de um
de decisão por parte dos gestores. Abaixo, algumas diretório o comando ls. Porém, o comando dir (que
características técnicas: é utilizado pelo Windows) também é aceito no
• Estrutura e organiza dados extraídos de diver- terminal do Linux.
sos tipos de bases de dados, em ambientes
distintos; Sobre conceitos relacionados a Segurança da Infor-
• Possibilita a compreensão dos resultados obti- mação, julgue os itens 221 a 223.
dos com foco no presente e série histórica;

Cargo: Agente e Escrivão 84


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

221 Na Internet os boatos circulam em redes sociais,


grupos de mensagens e e-mails. Você pode recebê-
los, por exemplo, via spam, em seu feed de notícias
ou repassados por seus amigos e familiares.

No início os boatos eram conhecidos como hoaxes


e circulavam por e-mail. Outro nome às vezes utili-
zado é corrente, que é aquele boato que pede para
ser compartilhado com muitas pessoas. Atualmen-
te, um termo muito utilizado é fake news, geralmen-
te associado a notícias que tentam se passar por
reportagens jornalísticas verdadeiras e que pos-
suem conteúdo falso, impreciso ou distorcido.

Certo.
224 O ícone , localizado na barra de endereços
Definição de Boatos (Hoaxes, Fake News) de
do Firefox, refere-se ao POCKET, que permite
acordo com a cartilha do Cert.Br.
salvar diversos conteúdos, como blogs, fontes
de notícias, páginas web e vídeos, em um único
222 Sniffing é uma técnica que consiste em alterar
lugar com o clique de um botão, para que você
campos do cabeçalho de um e-mail, de forma a
possa acessar todo esse conteúdo mais tarde em
aparentar que ele foi enviado de uma determina-
qualquer dispositivo.
da origem quando, na verdade, foi enviado de
outra. Ataques desse tipo são bastante usados
Certo.
para propagação de códigos maliciosos, envio
Recurso implantado no Firefox em suas últimas
de spam e em golpes de phishing. Atacantes
versões.
utilizam-se de endereços de e-mail coletados de
computadores infectados para enviar mensagens
225 Ao clicar no ícone , localizado na barra de en-
e tentar fazer com que os seus destinatários acre-
dereços do Firefox, o usuário terá acesso a um
ditem que elas partiram de pessoas conhecidas.
recurso que poderá permitir ou bloquear permis-
sões especiais. Dentre as permissões, existe a
Errado.
permissão para o site acessar a sua localização.
Conceito relacionado a E-MAIL-SPOOFING/
Falsificação de e-mail.
Certo.
Veja:
223 Uma função de resumo é um método criptográfi-
co que, quando aplicado sobre uma informação,
independentemente do tamanho que ela tenha,
gera um resultado único e de tamanho fixo, cha-
mado hash.

Certo.
Definição de Hash de acordo com a cartilha de
segurança do Cert.BR: o hash é gerado de tal forma
que não é possível realizar o processamento inverso
para se obter a informação original e que qualquer
alteração na informação original produzirá um hash
distinto. Apesar de ser teoricamente possível que
informações diferentes gerem hashes iguais, a
probabilidade de isso ocorrer é bastante baixa.

De acordo com a figura abaixo, e sobre conceitos re-


lacionados à Rede, Internet, Intranet, Extranet e Nave-
gadores, julgue os itens 224 a 228.

Cargo: Agente e Escrivão 85


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

ça: os dados vindos do computador de origem


somente são repassados ao computador de des-
tino. Isso porque os switchs criam uma espécie
de canal de comunicação exclusiva entre a ori-
gem e o destino.

Certo.
O switch possui uma tabela de IPs que direciona o
pacote diretamente à máquina que o solicitou.

De acordo com a figura abaixo e conhecimentos re-


lacionados ao MS-WORD, EXCEL e POWER POINT
2019/365, julgue os itens 229 e 230.

226 O Firefox é um navegador oferecido gratuitamen-


te pela Mozilla e que, por ser de código aberto,
pode ser instalado em qualquer computador.

Errado.
Item de causa e consequência. O fato do navegador
ser de código aberto não gera a possibilidade de ser
instalado em qualquer computador. Todo software
tem pré-requisitos de Hardware e Software para
serem instalados. Veja:

Hardware mínimo:

Pentium 4 ou mais recente que suporte SSE2


229 O termo selecionado, GranOnline, está forma-
512 MB de RAM
tado com as especificações de fonte, tamanho,
200 MB de espaço em disco
alinhamento e estilo padrão do Word 2019/365.
Windows (32 e 64 bits)
Errado.
Sistemas operacionais
No Word 2019, as especificações são:
Windows 10
Windows 8
Fonte: Calibri (corpo).
Windows 7
Tamanho: 11.
Windows Vista
Alinhamento: Esquerdo.
Windows Server 2003 SP1
Estilo: Normal.
Windows XP SP2
A versão 64 bits funciona no Windows 7 e
230 No Excel 2019/365, estão preenchidas as células
posteriores.
A1=8 e A4=2. O uso da fórmula =MOD(A1;A4) irá
retornar como resultado o número 0.
227 O IP 200.252.60.24 é um exemplo de IPv4 restri-
to a uma rede privada (LAN).
Certo.
MOD(): retorna o resto depois da divisão de número
Errado.
por divisor. O resultado possui o mesmo sinal que
Ips privados são Ips que acessam somente redes
divisor.
locais (LAN), não atingindo a Internet (rede pública).
Exemplo:
As faixas de Ips privados (IPV4) são:
MOD(número,divisor)
De 10.0.0.0 a 10.255.255.255
De 172.16.0.0 a 172.31.255.255
A sintaxe da função MOD tem os seguintes
De 192.168.0.0 a 192.168.255.255
argumentos:
228 Em uma rede, o switch é um aparelho muito se-
Núm Obrigatório. O número para o qual você deseja
melhante ao hub, mas tem uma grande diferen-
encontrar o resto.

Cargo: Agente e Escrivão 86


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

Divisor Obrigatório. O número pelo qual você deseja Sobre conceitos de Linux e Windows 10, julgue os
dividir o número. itens de 233 a 235.

8/2 = 4. No qual o resto é igual a 0. 233 O Windows 10 utiliza o sistema de arquivos


NTFS (New Technology File System), o qual usa
De acordo com a figura abaixo e sobre conhecimentos o mecanismo de Journaling, que funciona como
relacionados ao Libre Office 6.1, julgue os itens 231 e uma espécie de tabela de anotações. Toda vez
232. que uma aplicação precisa escrever no disco, ela
informa isso ao núcleo, que, por sua vez, coloca
essa informação na tabela do Journaling. Logo,
quando o sistema cai, é verificado item por item
para ver se todas as operações foram concluídas
de forma satisfatória. Caso contrário, as tarefas
pendentes são concluídas.

Certo.
Journaling é a tecnologia do NTFS que permite
voltar o Windows a um momento anterior no tempo
para a recuperação de dados.

234 Uma das novidades do Windows 10 é o Paint 3D,


nova versão do clássico aplicativo de desenho e
edição de imagens da Microsoft.
231 Na opção Salvar Como do Menu Arquivo, é pos-
sível salvar o documento no formato .pdf. Certo.
Uma das inúmeras novidades presentes no
Errado. Windows 10.
As opções que podem ser acessadas no menu
arquivo para converterem o documento em pdf são: 235 No Linux, o diretório /etc – armazena os arquivos
Exportar e Exportar Como. de configuração do sistema como se fossem o
arquivo de registro do Windows.
Veja:
Certo.
Dentro da estrutura de diretórios do Linux, existe a
pasta /etc, que armazena os arquivos citados acima.

Sobre conceitos relacionados à Segurança da Infor-


mação, julgue os itens de 236 a 238.

236 Os Vírus metamórfico é um vírus que pode se


transformar com base na capacidade de con-
verter, editar e reescrever seu próprio código.
Considerado um dos vírus de computador mais
infeccioso, quando não é detectado rapidamen-
te, pode causar graves danos ao sistema. As
verificações dos antivírus têm dificuldade para
detectar esse tipo de vírus, pois ele pode mudar
232 No Libre Office Impress, quando você quiser que sua estrutura interna, reescrevendo-se e repro-
todos os seus slides contenham as mesmas fon- gramando-se cada vez que infecta um sistema
tes e imagens (como logotipos), poderá fazer es- de computadores.
sas alterações em um só lugar – no Slide Mestre,
e elas serão aplicadas a todos os slides. Certo.
Vírus parecido com o Polimórfico. A diferença é que
Certo. os polimórficos criptografam seu código original
Definição sobre o recurso Slide Mestre do Libre para não serem detectados.
Office Impress.
237 O Ransomware Locker impede que o usuário tenha

Cargo: Agente e Escrivão 87


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

acesso aos dados armazenados no equipamento Certo.


infectado, geralmente usando criptografia. Além de Veja:
impedir o acesso aos dados, o ransomware também
costuma buscar outros dispositivos conectados, lo-
cais ou em rede, e criptografá-los.

Errado.
Conceito relacionado ao Ransomware Crypto.
Ransomware Locker: impede que você acesse o
equipamento infectado.

238 Situação hipotética: o Agente da PCDF Leonar-


do irá enviar um documento, com a sua assina-
tura digital, para o Delegado Gilson. Assertiva:
Para assinar o documento, o Agente Leonardo
utilizará a chave pública do Delegado Gilson. Ao
receber o e-mail, o Delegado Gilson irá utilizar
a sua chave privada para conferir o documento. 241 O Google Chrome oferece a possibilidade de
configurar a página de Inicialização e a página
Errado. Inicial. Página de Inicialização é página que se
O Agente Leonardo assina o documento com a abre ao iniciar o navegador. Página Inicial é pági-
sua chave privada, e o Delegado Gilson confere na que se abre ao clicar no botão .
o documento com a chave pública do Agente
Leonardo. Na Assinatura Digital, as chaves são Certo.
sempre do Remetente da mensagem. São 2 (duas) opções distintas oferecidas pelo
Google Chrome. Veja:
De acordo com a figura abaixo e sobre conceitos rela-
cionados à Rede, Internet, Intranet, Extranet e Nave- Configurar a Página Inicial:
gadores, julgue os itens de 239 a 243.

Configurar a Página de Inicialização:


239 Ao digitar na barra URL: chrome://extensions, o
usuário terá acesso a informações sobre as ex-
tensões instaladas em seu Google Chrome, po-
dendo até mesmo removê-las caso necessário.

Certo.
O Google Chrome possibilita acessar suas
configurações, históricos etc. através da barra de
URL. Basta digitar o endereço chrome:// (o que
deseja acessar).

240 Ao clicar no ícone , localizado à direita da bar-


ra URL, o usuário terá acesso ao gerenciamento
da sua conta no Google.

Cargo: Agente e Escrivão 88


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

242 O IP 2001:0DG8:AD1F:25E2:CADE:CAFE:F0CA 244 Situação Hipotética: O usuário deseja inserir o


:84C1 é um exemplo de IPv6 válido. efeito de animação “Aparecer” na figura exibida
no slide da apresentação. Assertiva: Com a figu-
Errado. ra selecionada, basta ir à Guia Transições, Grupo
A letra “G” no endereço prejudicou o item. A Animação, efeito Aparecer.
representação dos endereços IPv6 divide o endereço
em oito grupos de 16 bits, separando-os por “:”, escritos Errado.
com dígitos hexadecimais (0-F). Na representação de A Guia Correta é: Animações. Guia Transições
um endereço IPv6, é permitido utilizar tanto caracteres aplica efeitos especiais na mudança de um slide
maiúsculos quanto minúsculos. para outro.

243 Uma rede mesh é composta de vários nós/rote- 245 Ao inserir um gráfico na apresentação, será exibi-
adores, que passam a se comportar como uma da uma janela do Excel, onde será possível editar
única e grande rede, possibilitando que o cliente os dados do gráfico para sua personalização.
se conecte em qualquer um destes nós. Os nós
têm a função de repetidores, e cada nó está co- Certo.
nectado a um ou mais dos outros nós. Dessa ma- Ir a Guia Inserir, Grupo Ilustrações, Gráfico. Observe
neira é possível transmitir mensagens de um nó a abaixo:
outro por diferentes caminhos, tendo a vantagem
de serem redes de fácil implantação e bastante
tolerantes a falhas.

Certo.
Conceito da Topologia de Rede Mesh (malha). Veja
o seu funcionamento:

De acordo com a figura abaixo e sobre os conheci-


mentos relacionados ao Libre Office 6.1, julgue os
itens 246 e 247.

De acordo com a figura a seguir e os conhecimentos


relacionados ao MS-WORD, EXCEL e POWER POINT
2019/365, julgue os itens 244 e 245.

246 Na célula B20, da planilha crimes2019, está in-


serido o total de crimes violentos de 2019. Para
fazer a inserção desse valor na planilha cri-
mes2018, basta digitar na célula B20 da planilha
crimes2018 a seguinte fórmula: crimes2019.B20.

Certo.

Cargo: Agente e Escrivão 89


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

Exemplo de referência 3D (externa) no Libre Office Certo.


Calc. Basta digitar: nomedaplanilha.célula. O Calc
irá buscar o valor da célula da planilha indicada. Acerca da Lei Orgânica do Distrito Federal, julgue os
itens a seguir:
247 Ao digitar na célula B21 a fórmula:
=MODO(B3:B14) e pressionar a tecla ENTER, 252 Marcos, condenado em segunda instância por
será exibido 100 como resultado. improbidade administrativa, pode ser nomeado
para ocupar cargo de provimento comissionado
Certo. no Distrito Federal. 
MODO retornará os valores que ocorrem com mais
Errado.
frequência, ou repetidamente, em uma matriz ou
Art. 19 da LODF.
intervalo de dados.
Observe que o valor 100 é apresentado 2 (duas)
253 Aplica-se aos integrantes das carreiras de Delega-
vezes na matriz selecionada. do de Polícia do Distrito Federal e de Polícia Civil
do Distrito Federal, no que couber, a lei que trata
LODF de direitos e garantias dos servidores públicos ci-
(Denise Vargas) vis do Distrito Federal.

Sobre a Lei Orgânica do Distrito Federal, julgue os Certo.


itens abaixo: Trata-se de previsão expressa da LODF. 

248 Ao ser criada uma Região Administrativa, o Go- Julgue o item abaixo, considerando o disposto na
vernador deverá, também, ofertar projeto de lei LODF.
para a criação do respectivo Conselho Tutelar.
254 A LODF identifica, de forma expressa, todos os
órgãos de segurança pública que atuam no DF,
Errado.
atribuindo à PCDF o papel de polícia judiciária
A LODF fixa no art. 13 que automaticamente, ao
da União.
ser criada uma Região Administrativa, está criado
um Conselho Tutelar. Logo, não há necessidade de
Errado.
nova lei para criá-lo.
A LODF, no art. 117, indicava os órgãos de
segurança pública no DF, mas tal artigo foi revogado.
249 Caso o Governador do DF resolva nomear para
Ademais, o papel de polícia judiciária da União é
dirigir a PCDF o seu amigo que é delegado do
constitucionalmente atribuído à Polícia Federal.
RJ, não há impedimento, conforme a LODF.
Acerca da LODF, julgue o item.
Errado.
O art. 119, caput, da LODF só permite que o Diretor 255 O direito de obter cópia de atos, contratos, e cer-
da PCDF seja delegado de carreira do DF. Logo, tidões, para a defesa de direitos, na LODF, deve
não pode o governador nomear um delegado do RJ ser observado pelo administrador, no prazo de 15
para dirigir a PCDF. dias úteis, sob pena de responsabilização.

À luz da LODF, julgue os itens: Errado.


A cópia de atos, contratos até certidões para o
250 Qualquer cidadão, para a defesa de seus interes- esclarecimento de situação de interesse pessoal
ses pessoais, pode requerer certidões e cópias de ou coletivo ou para a defesa de direito devem ser
contratos, devendo a Administração entregá-las no prestadas no prazo de até 10 dias úteis. Recomendo
prazo de até 30 dias, sob pena de responsabilidade. que o aluno não confunda as regras dos arts. 22 e
23 sobre tais documentos e certidões.
Errado.
Em conformidade com a Lei Orgânica do Distrito Fe-
251 Os procuradores da Câmara Legislativa pleitea- deral, julgue o item abaixo:
ram a oferta de um projeto de lei que equiparasse
a sua remuneração à dos Procuradores do Distri- 256 Manter, com a cooperação técnica e financeira da
to Federal. O pleito foi encampando e foi ofertado União, programas de educação, prioritariamente
um PL aprovado, sancionado e convertido em lei. de ensino fundamental e pré-escolar, é assunto
A lei em tela viola vedação prevista na LODF. da competência comum entre a União e o DF.

Cargo: Agente e Escrivão 90


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

Errado. Errado.
Segundo o art. 15, VII, da LODF, é assunto da Segundo o PNUD (ONU), mais de dois terços da
competência privativa do DF. população mundial estão ocupados no setor de
serviços (3º setor), e não na indústria (2º setor).
Julgue o item a seguir, considerando apenas o dispos-
to na Lei Orgânica do Distrito Federal: 261 O Acordo de Paris, elaborado em 2015 e referen-
dado por praticamente todas as nações do pla-
257 É vedada a delegação de atribuições entre os
neta em 2016, é mais um exemplo de proposta
ambiental que ignora completamente o drama
Poderes do Distrito Federal, salvo quanto à Lei
dos países mais pobres.
Delegada.
Errado.
Errado. Segundo o acordo de Paris (2015), que aprendeu
No DF, não há Lei Delegada. Ademais, há vedação com as falhas do Protocolo de Kyoto (1997), será
de delegação de atribuições entre os Poderes, criado em 2020 um fundo de US$ 100 bilhões para
segundo o art. 53, § 1º, da LODF. ajuda aos países pobres nas questões ambientais.

ATUALIDADES + RIDE 262 Um dos problemas estratégicos do Brasil con-


(Rebecca Guimarães/Israel Batista) temporâneo é sua logística de transportes que
segue fundamentada no modal sobre trilhos,
Sobre o cenário geral do Brasil e do mundo contempo- meio caracterizado por ser obsoleto e extrema-
râneo, analise os itens seguintes. mente caro.

Errado.
258 A ONU (Organização das Nações Unidas) se de-
No Brasil, o sistema de transportes é, em mais de 80%,
dica não apenas a questões relacionadas à políti-
fundamentado na logística rodoviária, ou seja, sobre
ca e à segurança mundial, mas também se volta, pneus. O transporte sobre trilhos tem se confirmado
entre outros, para assuntos referentes à educa- com a melhor opção em preço e mobilidade.
ção, aos refugiados, à cultura, à agricultura e ao
meio ambiente. Sobre o Distrito Federal e sua composição social, polí-
tica e econômica, analise os itens abaixo.
Certo.
A ONU, criada pela Conferência de São Francisco 263 A indústria é a atividade econômica fundamen-
em 1945, tem como tarefas fundamentais a paz
tal no PIB da região, com representação de mais
mundial e o desenvolvimento da humanidade.
de 60% no quadro econômico, principalmente no
Entre seus organismos, encontramos a UNESCO,
Distrito Federal.
para promoção da ciência, educação e cultura; o
ACNUR, para os cuidados e apoio aos refugiados;
Errado.
a FAO, para agricultura e alimentação; o PNUMA,
Mais de 90% do PIB do DF é fundamentado no
para o meio ambiente; dentre outros.
setor de serviços.
259 O petróleo, vital para a economia mundial con-
temporânea, é a grande riqueza do Oriente Mé- 264 Mesmo com uma das maiores economias do
dio e o destaque geoeconômico e político dessa país, Brasília ainda carece de infraestrutura em
região no cenário global. saneamento básico. Assim, inexistem núcleos
urbanos no Distrito Federal que contem com co-
Certo. bertura total de abastecimento de água potável.
Segundo dados da OPEP (Organização dos Países
Exportadores de Petróleo), estima-se que no Errado.
Oriente Médio estejam 65% das reservas mundiais Segundo dados da CODEPLAN-DF, 94% da
de petróleo – configurando, assim, a maior riqueza população do DF tem acesso a água tratada e
da região. encanada e 90% tem acesso ao sistema de esgotos.

260 Característica importante no espaço das eco-


265 A RIDE-DF, criada pela Lei Complementar n.
nomias contemporâneas é a presença de uma
estrutura de distribuição setorial da população 94/1998, é uma instituição com finalidades regio-
economicamente ativa concentrada no setor se- nais, daí a inexistência de organismos do exe-
cundário, devido ao grande desenvolvimento das cutivo federal em sua gestão que é exclusiva de
atividades tecnológicas na produção. MG, GO e DF.

Cargo: Agente e Escrivão 91


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

Errado. 270 O Sri Lanka, país asiático, faz fronteira com a Ín-
O COARIDE (Conselho de Administração da RIDE) dia e Bangladesh.
conta com a participação de ministérios federais, a
Presidência da República, representantes estaduais Errado.
(DF, GO e MG) e a representação dos municípios O Sri Lanka é um país insular.
envolvidos. Dessa forma, é garantida a agilidade
pela transversalidade. Segundo os termos da Lei Federal, o Brasil atualmen-
te possui três RIDEs, cada uma criada por lei com-
Após uma reunião reservada no Salão Oval e um al- plementar específica e regulamentada por decretos
moço de trabalho, Trump e Bolsonaro deram declara- distintos. Elas estão situadas nas regiões conurbadas
ções à imprensa no jardim da Casa Branca. "Eu estou do Distrito Federal e entorno (Lei n. 94/1998), Grande
apoiando os esforços deles (do Brasil) para ingressar Teresina (Lei n. 112/2001) e em Petrolina/Juazeiro (Lei
(na OCDE)", disse o presidente norte-americano, sem n. 113/2001).
entrar em detalhes.
Tendo o texto acima como base, julgue os itens abaixo. Tendo o texto acima como base, julgue os itens abaixo.

266 A primeira vez que o Brasil apresentou um pedido 271 Mimoso e Água fria são municípios pertencentes
formal para ingressar na OCDE foi em 2017, du- à RIDE-DF.
rante o governo do ex-presidente Michel Temer
(MDB). Certo.

Certo. 272 O COARIDE (Conselho Administrativo da RIDE)


está diretamente ligado à SUDECO.
267 Para apoiar a entrada do País na OCDE, os EUA
solicitaram que o Brasil deixasse a lista de paí- Certo.
ses autoproclamados "em desenvolvimento" na
Organização Mundial de Comércio (OMC). 273 A RIDE DF possui uma população que já ultra-
passa 4.5 milhões de habitantes. Depois do DF,
Certo. que possui quase 3 milhões de pessoas, o muni-
cípio mais populoso é Luziânia.
268 O presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, se com-
prometeu, em sua visita aos EUA, a retirar a exi- Certo.
gência de visto para a entrada de norte-america-
nos, canadenses e franceses no Brasil. O Conselho Administrativo da Região Integrada de
Desenvolvimento do Distrito Federal e Entorno (CO-
Errado. ARIDE) é o Conselho Administrativo da RIDE, criado
São canadenses, norte-americanos, japoneses e pela Lei Complementar n. 94, de 19 de fevereiro de
australianos. 1998, e regulamentado pelo Decreto n. 7469, de 04 de
maio de 2011, para coordenar as atividades a serem
Atentados no Sri Lanka desenvolvidas na RIDE. A respeito do COARIDE, jul-
gue os itens a seguir.
Oito explosões foram registradas em Colombo e nas
regiões de Katana e Batticaloa. 274 Segundo a composição do COARIDE, o ministro do
Entre os alvos estavam três igrejas, onde aconteciam Desenvolvimento Social será o presidente do Conselho.
as missas da Páscoa. Os hotéis cinco-estrelas Shan-
gri-La, Kingsbury, Cinnamon Grand e um quarto hotel, Errado.
todos em Colombo, também foram atingidos. Uma ex- Segundo a composição do COARIDE, o ministro do
plosão ainda foi registrada em um complexo de casas. Desenvolvimento Regional será o presidente do Conselho.

275 As Atividades de Secretaria-Executiva do COARIDE


Tendo o texto acima como base, julgue os itens abaixo.
são exercidas pela Diretoria de Implementação de
Programas e de Gestão de Fundos da SUDECO.
269 Os muçulmanos representam aproximadamente
10% dos 21 milhões de habitantes do Sri Lanka, Certo.
que tem o budismo como grande maioria, segui- A Secretaria-Executiva é exercida pela SUDECO.
do do hinduísmo.
276 Compete ao COARIDE coordenar as ações da
Certo. União, Estados, Distrito Federal e Municípios que

Cargo: Agente e Escrivão 92


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

compõem a RIDE, visando ao desenvolvimento e Certo.


à redução de suas desigualdades regionais. O ponto mais alto do DF está em Brazlândia.

Certo. De acordo com a configuração atual da RIDE/DF, jul-


O COARIDE foi criado para atuar junto às três para gue os itens abaixo:
combater as desigualdades regionais.
280 Mimoso de Goiás e Água Fria de Goiás são mu-
Em 1892, o Congresso aprovou a Comissão Explora- nicípios pertencentes à RIDE.
dora do Planalto Central do Brasil, formada pelo enge-
nheiro belga Luís Cruls, diretor do Observatório Astro- Certo.
nômico do Rio de Janeiro, e outros 21 membros, entre Mimoso de Goiás e Água Fria de Goiás são
cientistas, técnicos e militares. Segundo um dos partici- municípios pertencentes à RIDE/DF.
pantes, Floriano Peixoto lhes garantiu mudar a capital
ainda em seu mandato (1891-1894), nem que tivesse
281 Em 2018, doze novos municípios foram inseridos
de instalar o governo em barracas de campanha.
na RIDE.
Essa 1ª Missão Cruls partiu do Rio de Janeiro em
junho de 1892, repetindo exatamente o roteiro de Var-
nhagen, por ferrovia até Uberaba, no Triângulo Mineiro, Certo.
ponto final dos trilhos da Cia. Mogiana de Estradas de A Lei Complementar n. 163/2018 trouxe a inserção
Ferro. Dali, seguiu a cavalo — com quase 10 toneladas de doze novos municípios na RIDE/DF, sendo dez
de bagagens e equipamentos, em 200 baús de madeira goianos e dois mineiros.
— até Pirenópolis, Santa Luzia (Luziânia) e Formosa.
Após monumental coleta de informações, medi-
ções, levantamentos etc., ali lançou quatro marcos As Regiões Integradas de Desenvolvimento (RIDES)
definindo uma área entre as três cidades — o retân- surgem como uma resposta às possibilidades de
gulo Cruls, de 160 por 90 km — abrangendo nascen- transformação social preconizadas pela Constituição
tes das bacias dos maiores rios brasileiros. de 1988, apontando para um modelo no qual o Estado
deixa de ser o provedor absoluto de bens e serviços
http://doc.brazilia.jor.br
públicos e responsável único pela promoção do de-
A respeito dos condicionantes físicos do Distrito Fede- senvolvimento econômico e social e passa a adotar
ral, julgue os itens abaixo. estratégias de descentralização, de forma que novos
atores e arranjos institucionais e territoriais começam
277 A área geográfica do atual DF contempla, do ponto a participar do processo de desenho e implementação
de vista hidrográfico, um tripartite divisor: o rio Ma- de políticas públicas. A respeito da Região Integrada
ranhão, que se dirige para a bacia Tocantins-Ara- de Desenvolvimento do Distrito Federal e Entorno
guaia; São Bartolomeu, direcionado para o São (RIDE/DF), julgue os itens a seguir.
Francisco; e Preto, que corre para o Amazonas.
282 A RIDE-DF foi a segunda RIDE criada no Brasil,
Errado.
A área geográfica do atual DF contempla, do ponto através da aprovação no Congresso Nacional da
de vista hidrográfico, um tripartite divisor: o rio Lei Complementar n. 94/1998.
Maranhão, que se dirige para a bacia amazônica;
São Bartolomeu, direcionado para o Prata; e Preto, Errado.
que corre para o São Francisco. A RIDE DF foi a primeira RIDE criada no Brasil.

278 O lago Paranoá foi idealizado no projeto do Plano 283 O COARIDE (Conselho Administrativo da RIDE), cria-
Piloto de Lúcio Costa. Foi criado para umedecer do para coordenar os programas e as ações da RIDE,
uma boa parte da cidade e fornecer abasteci- se reunirá em caráter ordinário trimestralmente.
mento hídrico para Brasília.
Certo.
Errado.
O lago Paranoá foi idealizado pelo botânico francês 284 A RIDE-DF é composta pelo DF, 29 municípios goia-
Glaziou, ainda no final do século XIX, na Missão nos e 4 mineiros. Recentemente, entraram os muni-
Cruls. Lúcio Costa aproveitou o lago Paranoá em cípios mineiros de Cabeceira Grande e Buritis.
sua escala bucólica.
Errado.
279 O ponto mais alto do Distrito Federal é o Pico do Recentemente entraram os municípios mineiros de
Roncador, com 1.341 metros, localizado na Serra Cabeceira Grande e Arinos.
do Sobradinho, em Brazlândia.

Cargo: Agente e Escrivão 93


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

A construção de Brasília envolveu organização e arro- Certo.


jo por parte de JK. A nova capital tornou-se símbolo de O DF é o berçário de importantes nascentes que
modernidade, embora fosse cercada pela miséria: as ajudam a compor três grandes bacias brasileiras:
famílias de “candangos” que a construíram não tinham Tocantins-Araguaia, São Francisco e Paraná.
condições de morar nela.
291 O clima do Distrito Federal é classificado como
Tendo o texto como base, julgue os itens a seguir. tropical semiúmido, com duas estações bem de-
finidas, uma estação de fria e chuvosa (inverno) e
285 A construção de uma nova capital no Planalto outra estação de quente e seca (verão).
Central era um tópico que já constava da Cons-
tituição de 1891. A ideia era de que a sede do Errado.
governo ficasse longe do litoral e próximo ao cen- O clima do DF é realmente classificado como tropical
tro geográfico do país, visando não só protegê-la, semiúmido, porém, o verão é quente e chuvoso e o
mas também incentivar a ocupação do grande inverno frio e seco.
vazio demográfico que era o interior da nação.
292 A estação ecológica de Águas Emendadas foi de-
Certo.
clarada, em 1992, pela UNESCO, área nuclear
da Reserva da Biosfera do Cerrado. A Estação
286 Brasília era a metassíntese do Plano de Metas
Ecológica está localizada em Planaltina.
do presidente JK, daí o dinamismo da obra e a
projeção de uma cidade futurista que incorporas-
Certo.
se as mais modernas técnicas de arquitetura e
A Estação Ecológica é um dos lugares mais
urbanismo, tomando-se uma referência para o
importantes do bioma do Cerrado. E, em 1992, a
resto do mundo.
UNESCO, reconhecendo sua importância, fez o
anúncio da declaração de área nuclear do Cerrado.
Certo.

287 Foi realizado um concurso nacional para escolher 293 A segunda principal barragem responsável pelo
os responsáveis pela elaboração do plano piloto abastecimento hídrico do Distrito Federal é a bar-
da cidade. O vitorioso foi o urbanista e arquiteto ragem do Paranoá. Esta fica atrás apenas da bar-
Oscar Niemeyer. ragem do Descoberto, localizada em Ceilândia.

Errado. Errado.
O projeto vitorioso foi o de Lúcio Costa. A principal barragem responsável pelo
abastecimento hídrico do DF realmente é a
Acerca do Distrito Federal, julgue os itens que se seguem. barragem do Descoberto, mas ela está localizada
em Brazlândia, e não em Ceilândia. E a segunda
288 Situado na Região Centro-Oeste, é a menor uni- principal barragem é a de Santa Maria, localizada
dade federativa brasileira e a única que não tem no Parque Nacional de Brasília.
municípios, sendo dividida em 31 regiões admi-
nistrativas, totalizando uma área de 14.400 km². A respeito dos aspectos sociais e humanos do Distrito
Federal, julgue os itens abaixo.
Errado.
A área do DF é de 5.779 km². 294 A população de Brasília, que já ultrapassa a marca
de três milhões de habitantes, é a terceira maior
289 O caráter híbrido do Distrito Federal é observável população entre as cidades brasileiras, ficando
por sua Câmara Legislativa, mistura de Câmara atrás apenas de São Paulo e Rio de Janeiro.
Municipal (Poder Legislativo Municipal) e Assem-
bleia Legislativa (Poder Legislativo Estadual). Certo.
Certo. Segundo dados do IBGE publicados em agosto de
2019, Brasília possui a terceira maior população
De acordo com as características físicas do DF, julgue entre as 5570 cidades brasileiras. É superada
os itens abaixo. apenas pela população de São Paulo e Rio de
Janeiro.
290 O DF é um verdadeiro dispersor de águas, co-
laborando com o abastecimento de três grandes 295 Apesar de a região Nordeste ter sido a principal
bacias hidrográficas brasileiras: Tocantins-Ara- região emissora de imigrantes para a construção
guaia, São Francisco e Paraná.

Cargo: Agente e Escrivão 94


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

da Capital Federal, foi o estado de Minas Gerais que também pertence ao Poder Judiciário, que é
o maior emissor de imigrantes entre os 26 esta- o de Juiz de Paz, responsável pela celebração de
dos brasileiros. casamentos.

Certo. 299 São princípios institucionais do Ministério Público,


A grande parte dos candangos veio da região da Advocacia Pública e da Defensoria Pública a uni-
Nordeste, porém, realmente foi o estado de Minas dade, a indivisibilidade e a independência funcional.
Gerais o que mais enviou emigrantes entre os
estados. Errado.
A EC n. 80/2014 estendeu para a Defensoria
296 A maior parte da população do Distrito Federal é Pública os princípios institucionais da unidade, da
composta por mulheres. As mulheres do DF são indivisibilidade e da independência funcional, que
conhecidas por registrarem as mais altas taxas já eram previstos para o MP. Esses princípios, no
de escolaridade e as menores taxas de fecundi- entanto, não se estendem à advocacia pública.
dade do Brasil.
Julgue o item a seguir, acerca da Administração Pública.
Certo.
Realmente a maioria do DF é composto por 300 As ações de ressarcimento ao erário, incluindo
mulheres que se caracterizam por terem poucos aquelas relativas a ilícitos civis, são consideradas
filhos e muitos anos de escolaridade. imprescritíveis.

297 O Distrito Federal é conhecido por ter um dos Errado.


maiores índices de desigualdade do Brasil. Essa O STF, no ano de 2016, entendeu que a ação de
desigualdade reflete grande concentração de ressarcimento relativa aos ilícitos civis é prescritível.
renda nas mãos de uma minoria. Já em 2018, o Tribunal afirmou que, quanto à
improbidade administrativa, haveria a possibilidade
de prescrição apenas para os atos culposos, sendo
Certo.
imprescritíveis os atos dolosos.
O DF é, junto com o Amazonas, uma das unidades da
federação com os maiores índices de desigualdade.
Com base nos direitos e deveres individuais e coleti-
vos, julgue os itens seguintes.
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS
301 Há direitos fundamentais cuja titularidade perten-
ce somente a estrangeiros, não se estendendo
DIREITO CONSTITUCIONAL
aos brasileiros.
(Aragonê Fernandes/Wellington Antunes)

Certo.
Acerca das normas aplicáveis ao Poder Judiciário e
O caput do artigo 5º da Constituição assegura
às Funções Essenciais à Justiça, julgue os itens que
a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade,
se seguem. à igualdade, à segurança e à propriedade aos
brasileiros e aos estrangeiros residentes no país.
298 Além dos membros que ingressam por meio de No entanto, o STF entende que são beneficiados
concurso público, no cargo de Juiz de Direito todos os que estejam no país. É certo dizer que
Substituto, o Judiciário é integrado também por há direitos fundamentais aplicáveis apenas aos
membros egressos do Ministério Público e da estrangeiros, como é o caso da concessão de asilo
Advocacia, os quais formarão o quinto constitu- ou de refúgio político.
cional, bem assim por membros escolhidos me-
diante eleições diretas. 302 A gravação clandestina se insere entre aquelas
consideradas proscritas pelo ordenamento jurídico.
Certo.
O cargo inicial para a Magistratura de 1ª instância Errado.
se chama Juiz de Direito Substituto. O membro Primeira coisa: a palavra proscrita significa proibida.
também pode ingressar diretamente nos Tribunais, Gravação clandestina, em regra, é admitida no
pelo quinto constitucional (TST, TRT, TRF e TJ), ou nosso ordenamento jurídico. Ela acontece quando
na forma indicada pela Constituição, para compor os um dos interlocutores grava sem o conhecimento
Tribunais Superiores e o STF. Há um cargo eletivo ou consentimento do outro.

Cargo: Agente e Escrivão 95


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

Os direitos da nacionalidade são tratados em capítulo Realmente, os Senadores são eleitos pelo sistema
próprio dos Direitos e Garantias Fundamentais. Sobre majoritário, assim como acontece com os chefes do
o tema, julgue as assertivas colocadas a seguir. Poder Executivo. Contudo, entende o STF que a
perda do mandato eletivo por infidelidade partidária
303 Com base no poder de autotutela da Administra- só é aplicável aos cargos que contam com eleições
ção, pode a autoridade administrativa decretar o pelo sistema proporcional, como é o caso de
cancelamento da naturalização nas hipóteses em deputados e de vereadores.
que o peticionário utilize documentos falsos em seu
pedido de naturalização às autoridades brasileiras. 307 As Comissões Parlamentares de Inquérito pos-
suem poderes próprios de investigação de au-
Errado. toridades judiciais, podendo inclusive fazer uso
de medidas inerentes ao poder geral de cautela,
O cancelamento da naturalização só pode se
como arresto e sequestro.
dar por decisão judicial transitada em julgado na
qual se reconheça atividade nociva ao interesse Errado.
nacional. A via administrativa não pode determinar Segundo o artigo 58, § 3º, da Constituição, as CPIs
o cancelamento, ainda que o pedido tenha se contam com poderes de investigação próprios das
baseado em documentação falsa. autoridades judiciais. Contudo, quando a medida
adotada estiver gravada pela cláusula de reserva
304 Desde que requeira, será considerado brasileiro de jurisdição, somente o Poder Judiciário poderá
naturalizado o originário de quaisquer países que adotá-la. É o que acontece com o poder geral de
resida no Brasil há mais de quinze anos e não cautela, que abrange determinações de arresto,
possua condenação penal em nosso país. A par- sequestro, penhora, indisponibilidade de bens e
tir daí, será possível inclusive ocupar o cargo de ressarcimento ao erário.
Ministro de Estado da Justiça.
Dentre os direitos e deveres individuais e coletivos, jul-
Certo. gue os itens que se seguem.
A naturalização extraordinária, também chamada
de quinzenária, abrange as pessoas que residam 308 É possível a extradição de brasileiro naturalizado, por
no país há mais de quinze anos e não possuam crimes de tráfico de drogas e equiparados a hedion-
condenação penal no Brasil. Avançando, o cargo dos, praticados antes ou depois da naturalização.
de Ministro de Estado da Justiça não é privativo
de brasileiro nato, podendo ser ocupado por Errado.
naturalizados. O único crime que permite a extradição de brasileiro
naturalizado após a naturalização é o tráfico de
No tocante aos princípios fundamentais e ao Poder drogas. Os hediondos e equiparados (exceto tráfico)
Legislativo, analise as proposições a seguir.
não autorizam.
305 O repúdio ao terrorismo e ao racismo se apresen-
309 Não há ilegalidade em procedimento policial no qual
ta como um dos princípios adotados pelo Brasil
em suas relações internacionais, legitimando in- haja ingresso em domicílio, durante a noite, quan-
clusive a criminalização de atos de antissemitis- do os indícios da ocorrência de crime decorrem da
mo e antissionismo. existência de cheiro de droga vindo da residência.

Certo. Certo.
O STF entende que o ato de escrever livros O STJ entende que o cheiro de droga autoriza o ingresso
ofensivos a judeus não está coberto pela liberdade policial em residência, mesmo sem o consentimento
de expressão, bem como se apresenta como prática do morador. Assim, o procedimento judicial é válido, e
de antissemitismo e antissionismo, equiparada a as provas daí decorrentes são lícitas.
racismo para fins de imprescritibilidade da conduta.
Acerca dos direitos sociais e das atribuições do Poder
306 Aos Senadores da República, eleitos pelo siste- Executivo, analise os itens apresentados adiante.
ma majoritário, será imposta a perda do manda-
to eletivo, por infidelidade partidária, caso haja a 310 A teoria do mínimo existencial se contrapõe à
mudança de legenda sem que esteja presente
ideia da reserva do possível, impondo que o Es-
alguma das hipóteses autorizadoras da alteração
tado implemente direitos sociais sem poder invo-
sem punição.
car restrições orçamentárias e financeiras.
Errado.

Cargo: Agente e Escrivão 96


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

Certo. Errado.
Os direitos sociais envolvem prestações positivas Nos termos da Súmula Vinculante n. 39, compete
pelo Estado. No entanto, há limitações de ordem privativamente à União legislar sobre vencimentos
financeira que impedem atender os direitos sociais dos membros das Polícias Civil e Militar e do Corpo
de todos os cidadãos. Surge, assim, a teoria da de Bombeiros Militar do Distrito Federal.
reserva do possível. Contudo, ela é limitada por
outro, a teoria do mínimo existencial (ou dos limites 315 O rol de órgãos da segurança pública só pode ser
dos limites). Estando inserido no mínimo existencial, definido na Constituição Federal e nas Constitui-
o direito não pode ser negado pelo Estado. É o ções Estaduais, não podendo ser inserido nas
caso, por exemplo, da falta de leitos em UTI, ou de leis estaduais.
vagas em creches e pré-escolas.
Errado.
311 Pode ser delegada aos Ministros de Estado a
Não podem as Constituições Estaduais ampliar
o rol de órgãos da segurança pública previsto na
atribuição do Presidente da República para pro-
Constituição Federal, sendo o rol taxativo.
ver e para improver cargos públicos federais, na
forma da lei.
316 O meio ambiente ecologicamente equilibrado é
considerado direito de 3ª geração, bem de uso
Certo.
comum do povo e essencial à sadia qualidade de
Embora o texto constitucional fale apenas na
vida, impondo-se ao Poder Público e à coletivida-
possibilidade de o Ministro de Estado prover cargos
de o dever de defendê-lo e preservá-lo para as
públicos federais, dentro do princípio da simetria
presentes e futuras gerações.
também se admite que ele demita servidores
federais (improver o cargo).
Certo.
O meio ambiente é direito de 3ª geração, consoante
Quanto aos servidores públicos, julgue os itens.
doutrina majoritária. No mais, o item repete o que
consta no artigo 225 da Constituição Federal.
312 É possível a fixação de regras especiais de apo-
sentadoria para servidores com deficiência e No que se refere às funções essenciais à Justiça, jul-
para os que atuem em condições de risco. gue o item que se segue.

Certo. 317 Entre as funções institucionais do Ministério Públi-


Tanto os trabalhadores vinculados ao RGPS quanto co está a de exercer o controle interno da atividade
os servidores submetidos ao RPPS contam com policial, ao lado das Corregedorias das polícias.
regras especiais para pessoas com deficiência e
para os que exercem atividades de risco ou que Errado.
prejudiquem a saúde. Segundo o artigo 129 da Constituição Federal, ao
Ministério Público cabe a função de exercer o controle
313 Servidor ocupante de cargo efetivo e que tam- externo da atividade policial, e não interno, como constou.
bém exerça cargo em comissão deve deixar os
dois quando do implemento da idade limite para Acerca da segurança pública e das funções essen-
a aposentadoria compulsória. ciais à justiça, julgue os itens que se seguem.

Errado.
318 É válido dispositivo de Constituição Estadual que
A idade da aposentadoria compulsória se aplica
somente aos cargos efetivos, não alcançando atribua foro especial a defensores públicos e a
ocupantes de cargos em comissão. Assim, mesmo delegados de polícia.
após os 75 anos, podem continuar ocupando o
cargo em comissão. Errado.
O STF, em 2019, entendeu que não cabe à
Julgue os itens relativos à segurança pública e à or- Constituição Estadual estabelecer novos casos de
dem social. beneficiários de foro especial além daqueles que
já constam na Constituição Federal. Assim, seria
314 A Polícia Civil do Distrito Federal é subordinada inconstitucional dispositivo de Constituição Estadual
ao Governador local, que também é o responsá- que conferisse foro especial para defensores
vel por encaminhar à CLDF projetos de lei de re- públicos, procuradores de estado, procuradores de
ajustes para os servidores da segurança pública. assembleia legislativa ou delegados de polícia.

Cargo: Agente e Escrivão 97


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

319 Compete à Polícia Federal as atribuições de polí- Os ocupantes de cargos em comissão, sem
cia marítima, aeroportuária e de fronteiras. vínculo efetivo com a Administração, seguirão a
aposentadoria pelo RGPS. Além disso, não incidirá
Certo. o limite da aposentadoria compulsória, de modo
Entre as atribuições da PF, descritas no artigo 144 que eles podem continuar no cargo em comissão
da Constituição, está a de exercer as funções de até mesmo após os 75 anos.
polícia marítima, aeroportuária e de fronteiras. O
324 Ato contra a probidade administrativa sujeita o servi-
patrulhamento ostensivo de rodovias e ferrovias
federais cabe, respectivamente, à PRF e à PFF. dor à perda da função pública e dos direitos políticos.

Errado.
320 A partir da EC n. 80/2014, os princípios institu-
O artigo 37, § 4º, da Constituição prevê quatro
cionais da unidade, indivisibilidade e da indepen-
possíveis punições àqueles que pratiquem ato
dência funcional passaram a ser aplicáveis ao
de improbidade administrativa, a saber, perda da
Ministério Público, à Advocacia Pública e à De-
fensoria Pública. função pública, suspensão dos direitos políticos,
indisponibilidade de bens e ressarcimento ao erário.
Errado.
Os princípios institucionais da unidade, da Sobre as atribuições do Presidente da República e o
indivisibilidade e da independência funcional regem Poder Legislativo, julgue os itens adiante apresentados.
o Ministério Público e a Defensoria Pública, não se
325 A concessão de indulto, anistia e comutação é
estendendo à Advocacia Pública.
ato privativo do Presidente da República, não
Considerando os direitos e deveres individuais e co- passível de delegação aos Ministros de Estado.
letivos, bem assim a interpretação jurisprudencial, jul-
Errado.
gue os itens a seguir.
Cabe ao Presidente da República a concessão de
321 Embora não possa ser extraditado, brasileiro
indulto, comutação e graça. A concessão de indulto
nato que pratique crime fora do país será subme- e de comutação pode ser delegada aos Ministros
tido a julgamento perante a justiça brasileira, com de Estado, ao AGU e ao PGR. Anistia é dada pelo
competência dos juízes federais. Poder Legislativo.

Errado. 326 No mandato de Senador, ocorrendo vaga e não


Brasileiro nato que cometa crime fora do país havendo suplente, far-se-á eleição para preen-
realmente não pode ser extraditado pelo Brasil. chê-la se faltarem mais de quinze meses para o
No entanto, ele responderá em solo brasileiro com término do mandato.
base no princípio da extraterritorialidade. O item se
Certo.
torna errado, porque a competência será da Justiça
Item retirado da literalidade do § 2º do artigo 56 da
comum estadual, e não federal como constou.
Constituição.
322 O habeas corpus não é cabível quando a conces-
Julgue o item seguinte sobre os direitos políticos.
são da ordem depender de dilação probatória.
327 São inelegíveis, no território de jurisdição do ti-
Certo.
tular, o cônjuge e os parentes consanguíneos ou
Os remédios constitucionais não permitem
afins, até o terceiro grau ou por adoção, do Presi-
dilação probatória. Exige-se prova pré-constituída
dente da República, de Governador de Estado ou
meramente documental. É por isso que se fala em
Território, do Distrito Federal, de Prefeito ou de
“via estreita” do writ.
quem os haja substituído dentro dos seis meses
anteriores ao pleito, salvo se já titular de mandato
Julgue os itens que se seguem a respeito da Adminis-
eletivo e candidato à reeleição.
tração Pública.
Errado.
323 Servidor que ocupe exclusivamente cargo em co-
A inelegibilidade reflexa atinge cônjuge,
missão não se sujeita a aposentadoria pelas regras companheiro e parentes consanguíneos ou afins,
do regime próprio de previdência nem se submete inclusive por adoção, dos Chefes do Executivo, até
ao limite de idade da aposentadoria compulsória. o segundo, e não terceiro grau como constou.

Certo.

Cargo: Agente e Escrivão 98


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

No que toca à eficácia e à aplicabilidade das normas Errado.


constitucionais, bem assim aos direitos sociais, julgue De fato, é atribuição do Presidente da República
os itens a seguir. declarar guerra e celebrar paz. Nela, o Presidente
age como Chefe de Estado (Brasil pra fora).
328 No âmbito dos direitos e deveres individuais e Contudo, essa tarefa não está entre as três que
coletivos, é de eficácia limitada o dispositivo que podem ser delegadas aos Ministros de Estado,
proíbe a prisão civil por dívida, exceto a relaciona- ao PGR e ao AGU, conforme artigo 84, parágrafo
da ao depositário infiel e ao devedor de alimentos. único, da Constituição.

Errado. Quanto às funções essenciais à Justiça e aos servido-


Ao contrário do que se afirmou, o dispositivo res públicos, julgue os itens a seguir.
constitucional que, em regra, proíbe a prisão civil por
dívida, é de eficácia contida, como já reconhecido 332 Os procuradores dos municípios, por serem ser-
pelo STF. Aliás, é exatamente por esse motivo vidores municipais, estão sujeitos ao teto consti-
que o Pacto de São José da Costa Rica, tratado tucional dos prefeitos.
internacional incorporado ao direito brasileiro com
status de norma supralegal, revogou o dispositivo de Errado.
lei que regulamentava a prisão do depositário infiel. No âmbito municipal não existe Poder Judiciário.
Na prática, norma superior (tratado internacional) Em razão disso, os servidores do Executivo e do
restringiu o alcance da norma constitucional e Legislativo estão submetidos ao teto do Prefeito.
revogou a lei (ato normativo primário). Contudo, o STF entende que os procuradores
municipais, que são advogados do ente público,
329 O direito dos trabalhadores urbanos à participa- se sujeitam ao subteto de 90,25% do subsídio de
ção nos lucros ou resultados, conforme definido Ministro do STF, assim como acontece com os
em lei, é norma de eficácia contida. Procuradores dos Estados e do DF.

Errado. 333 A autonomia funcional, administrativa e orçamen-


O artigo 7º, XI, que trata do direito dos trabalhadores tária é assegurada ao Ministério Público da União
urbanos à participação nos lucros ou resultados, é e dos Estados, não se estendendo ao MP que
exemplo de norma de eficácia limitada. Isso porque, atua junto ao Tribunal de Contas.
sem a edição da norma regulamentadora, não
produz todos os seus efeitos. Certo.
Aliás, ele é um dos exemplos de normas limitadas A tríplice autonomia AFO (administrativa, funcional
mais cobrados pelos examinadores, ao lado do direito e orçamentária) é assegurada aos tribunais de
de greve e da aposentadoria especial dos servidores contas, à Defensoria Pública e ao Ministério Público.
públicos, e também do artigo 18, § 4º, que aborda as Quanto a este, ela vale para o MP comum, ou seja,
etapas para formação de novos municípios. o MPU e o MP dos Estados. O MP/Contas não a
possui. Assim, um projeto de lei do interesse do
Julgue os itens que se seguem em relação à seguran- MP/Contas deve ser apresentado pelo respectivo
ça pública e ao Poder Executivo. Tribunal de Contas.

330 A polícia rodoviária e a ferroviária federal atuam no Acerca dos direitos fundamentais, da composição e da
patrulhamento ostensivo das rodovias e ferrovias fe- competência dos tribunais, julgue as proposições que
derais, não contando com poder de polícia judiciária. se seguem.

334 Será inconstitucional dispositivo de Constituição


Certo. Estadual que condicione a escolha dos Desem-
A polícia judiciária é aquela que investiga. Dentre bargadores oriundos do quinto constitucional à
os órgãos da segurança pública listados no artigo prévia aprovação pela Assembleia Legislativa.
144 da Constituição, essa tarefa cabe à PF (polícia
judiciária da União) e à PC (polícia judiciária, Certo.
excetuada a atuação da PF). O STF entende que viola a separação de poderes
dispositivo de Constituição Estadual que imponha
331 A atribuição presidencial de declarar guerra e ce- a sabatina pela Assembleia Legislativa, seja na
lebrar paz, embora seja prerrogativa de Chefe de escolha do Chefe do MP Estadual (PGJ), seja de
Estado, pode ser delegada ao Ministro de Estado integrantes do quinto constitucional para vaga de
da Defesa. Desembargador do TJ.

Cargo: Agente e Escrivão 99


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

335 Compete ao STJ processar e julgar originaria- O § 9º do artigo 144 diz que a remuneração dos
mente Governador do Distrito Federal por crimes servidores policiais será feita na forma do artigo 39,
comuns e de responsabilidade. § 4º, que prevê a utilização do sistema de subsídio,
em parcela única.
Errado.
Nas infrações penais comuns (abrange, além dos No que concerne aos direitos sociais e aos direitos po-
crimes comuns, os crimes eleitorais, militares e as líticos, julgue as assertivas a seguir.
contravenções penais), os governadores dos estados
e do DF serão processados e julgados pelo STJ. 340 A EC n. 72/2013 veio para corrigir uma injustiça
Já nos crimes de responsabilidade (impeachment), histórica com os trabalhadores domésticos, dan-
o julgamento caberá ao Tribunal Especial, previsto do-lhes os mesmos direitos dos demais trabalha-
na Lei n. 1.079/1950. dores urbanos e rurais.

336 A criação de associações e, na forma da lei, a de co- Errado.


operativas independem de autorização, sendo ve- A EC n. 72/13, fruto da PEC dos Domésticos,
dada a interferência estatal em seu funcionamento. realmente significou um avanço em relação aos
direitos dos domésticos. No entanto, está longe
Certo. de haver uma equiparação. Os direitos dos
Item que reproduz o que consta no inciso XVIII do domésticos estão previstos no parágrafo único
artigo 5º da Constituição. do artigo 7º, sendo muitos deles dependentes de
regulamentação pelo legislador ordinário (normas
337 A comprovação para a legitimidade ativa para o de eficácia limitada).
ajuizamento da ação popular é feita por meio do tí-
tulo eleitoral ou documento a ele correspondente. 341 Um policial militar alistável é elegível. Caso conte com
mais de dez anos de atividade, será agregado pela
Certo. autoridade superior e, se eleito, passará automatica-
Segundo a Constituição, a ação popular pode ser mente, no ato da diplomação, para a inatividade.
ajuizada por qualquer cidadão, ou seja, o brasileiro
no gozo da capacidade eleitoral ativa (poder votar).
Certo.
Assim, a comprovação de que a pessoa que está
Os conscritos, durante o serviço militar obrigatório,
ingressando com a ação popular é legítima se
são inalistáveis e, consequentemente, inelegíveis.
dá por meio do título eleitoral ou de uma certidão
Por outro lado, os demais militares podem disputar
emitida no site do TSE, de regularidade eleitoral.
as eleições. Se contarem com menos de dez anos
Ah, o português em situação de equiparação, desde
de atividade, precisarão se afastar definitivamente.
que haja reciprocidade e possua título, também
Do contrário, ocorrerá como consta no item,
pode ajuizar a ação.
conforme previsto no § 8º do artigo 14 da CF.

Acerca da segurança pública, julgue os itens a seguir.


Julgue os itens relativos à classificação tradicional sobre
eficácia e aplicabilidade das normas constitucionais.
338 Somente por Lei Complementar Estadual seria
possível a inserção de órgão no rol de órgãos da
342 As normas de eficácia plena não podem ser res-
segurança pública.
tringidas pelo legislador infraconstitucional, mas po-
dem ceder espaço para outra norma constitucional
Errado.
diante da colisão de interesses no caso concreto.
O rol de órgãos da segurança pública, previsto
no artigo 144 da Constituição, é taxativo e não
comporta ampliação por Lei Complementar ou
Certo.
mesmo por Constituição Estadual.
Não existe direito absoluto, lembra? Assim, mesmo
uma norma de eficácia plena pode ser relativizada
339 A remuneração dos servidores policiais integran-
no caso concreto, quando envolver a colisão entre
tes dos órgãos relacionados no artigo 144 da CF
direitos fundamentais, por exemplo.
será fixada na forma de subsídio.

343 Segundo entendimento recente do Supremo Tri-


Certo.
bunal Federal, somente será permitido o uso de
algemas diante da prática de crimes inafiançáveis.

Cargo: Agente e Escrivão 100


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

Errado. frações penais contra a ordem política e social


Nos termos da Súmula Vinculante 11: “Só é lícito ou em detrimento de bens, serviços e interesses
o uso de algemas em casos de resistência e de da União ou de suas entidades autárquicas e
fundado receio de fuga ou de perigo à integridade empresas públicas, assim como outras infrações
física própria ou alheia, por parte do preso ou de cuja prática tenha repercussão interestadual ou
terceiros, justificada a excepcionalidade por escrito, internacional e exija repressão uniforme, segun-
sob pena de responsabilidade disciplinar, civil e do a lei.
penal do agente ou da autoridade e de nulidade da
prisão ou do ato processual a que se refere, sem Certo.
prejuízo da responsabilidade civil do Estado”. Esse é o teor literal do inciso I do § 1º do artigo 144.

344 Os partidos políticos, diante da autonomia que 347 O brasileiro nato só poderá ser extraditado a pe-
lhes foi assegurada pela Constituição, podem dido de governo estrangeiro que possua tratado
adotar os critérios de escolha e o regime de suas de extradição com o Brasil, em razão da prática
coligações nas eleições proporcionais, sem obri- de crime doloso contra a vida ou tráfico ilícito de
gatoriedade de vinculação entre as candidaturas entorpecentes cometidos no exterior.
em âmbito nacional, estadual, distrital ou munici-
pal, devendo seus estatutos estabelecer normas Errado.
de disciplina e fidelidade partidária. Segundo o que dispõe o inciso LI do art. 5º, e
considerando a jurisprudência do STF, o brasileiro
Errado. nato não pode ser extraditado pelo Brasil em
Art. 17, § 1º É assegurada aos partidos políticos hipótese alguma. Enquanto o naturalizado poderá
autonomia para definir sua estrutura interna e ser extraditado em caso de crime comum, praticado
estabelecer regras sobre escolha, formação e antes da naturalização, ou de comprovado
duração de seus órgãos permanentes e provisórios envolvimento em tráfico ilícito de entorpecentes e
e sobre sua organização e funcionamento e para drogas afins, na forma da lei.
adotar os critérios de escolha e o regime de suas
coligações nas eleições majoritárias, vedada a 348 A inviolabilidade de domicílio é um conceito am-
sua celebração nas eleições proporcionais, sem plo: não se limita aos lugares de habitação cole-
obrigatoriedade de vinculação entre as candidaturas tiva ou temporária, abrange até quarto de motel;
em âmbito nacional, estadual, distrital ou municipal, não contempla, entretanto, locais em que é fran-
devendo seus estatutos estabelecer normas de queado livre acesso ao público em geral, como
disciplina e fidelidade partidária. um restaurante.

345 Diante do crescente aumento da criminalidade Certo.


no País, o Presidente da República, na condição Segundo o STF, “casa”, para os fins da proteção
de Chefe de Estado, pode editar decretos com o jurídico-constitucional a que se refere o art. 5º, XI, da
objetivo de criar novos órgãos públicos encarre- Lei Fundamental, reveste-se de caráter amplo, pois
gados da segurança pública. compreende, na abrangência de sua designação
tutelar, (a) qualquer compartimento habitado, (b)
Errado. qualquer aposento ocupado de habitação coletiva
Nos termos do inciso VI do artigo 84, o Presidente, e (c) qualquer compartimento privado onde alguém
na condição de Chefe de Governo, pode dispor, exerce profissão ou atividade.
mediante decreto, sobre:
a) organização e funcionamento da administração 349 Entre outros requisitos, para a caracterização de
federal, quando não implicar aumento de despesa brasileiro nato, é adotado o critério do jus soli (di-
nem criação ou extinção de órgãos públicos; reito do solo) a uma criança nascida no Brasil, de
b) extinção de funções ou cargos públicos, quando pais estrangeiros, não estando estes a serviço de
vagos. seu país. Enquanto o critério jus sanguinis (direi-
Resumindo: por meio do decreto autônomo, o to do sangue) é aplicado ao filho nascido no exte-
Presidente não pode aumentar despesa, criar rior, de mãe ou pai brasileiro, desde que qualquer
cargo, criar ou extinguir cargo público e extinguir um deles esteja a serviço da Administração Pú-
cargo público provido. blica Federal do Brasil.

346 A Polícia Federal, instituída por lei como órgão Errado.


permanente, organizado e mantido pela União e Embora seja correto dizer que o ordenamento
estruturado em carreira, destina-se a apurar in- jurídico brasileiro adote tanto o critério jus soli quanto

Cargo: Agente e Escrivão 101


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

o jus sanguinis, na forma do art. 12, são brasileiros mas podem ser restringidas (reduzidas, contidas)
natos os nascidos no estrangeiro, de pai brasileiro pelo legislador. É o que acontece com o exemplo
ou mãe brasileira, desde que qualquer deles esteja clássico das provas, o princípio da liberdade do
a serviço da República Federativa do Brasil. Nota-se exercício profissional – artigo 5º, XIII, da CF.
que o pai ou a mãe brasileira precisa estar a serviço
da República Federativa do Brasil (que engloba a Sobre as normas aplicáveis à Administração Pública e
União, os Estados, o DF e os Municípios), e não aos servidores públicos, julgue os itens que se seguem.
apenas em nome da Administração Pública Federal
do Brasil. 354 A alienação do controle acionário de empresas
públicas, de sociedades de economia mista, so-
350 As comissões parlamentares de inquérito podem, ciedades controladas e subsidiárias exige prévia
segundo o Supremo Tribunal Federal (STF), deter- autorização legislativa e licitação.
minar a realização de interceptações telefônicas.
Errado.
Errado. O Plenário do STF, em decisão cautelar na ADI
Segundo o inciso XII do art. 5º, somente o Poder 5.624, entendeu que a Lei n. 13.303/2016 (Lei das
Judiciário pode determinar a interceptação Estatais) deveria ser interpretada no sentido de
telefônica. Temos, nesse caso, uma reserva que a alienação do controle acionário de empresas
absoluta de jurisdição. Dessa forma, CPI, Ministério públicas e sociedades de economia mista exige
Público, Polícia e Receita não podem determinar a autorização legislativa e licitação. Por sua vez, a
interceptação. exigência de autorização legislativa não se aplica
à alienação do controle de suas subsidiárias
351 Os tratados e convenções internacionais que e controladas. Para elas, pode ser realizada a
forem aprovados no Congresso Nacional com alienação sem a necessidade de licitação, desde
quorum e procedimento idênticos aos de aprova- que siga procedimentos que observem os princípios
ção de lei complementar serão equivalentes às da Administração Pública inscritos no art. 37 da CF.
emendas constitucionais.
355 A aposentadoria voluntária com proventos inte-
Errado. grais de servidor do sexo masculino exige idade
Na forma do § 3º do art. 5º, os tratados e mínima de 65 anos, com no mínimo 35 anos de
convenções internacionais sobre direitos humanos contribuição, além de 10 anos no serviço público
que forem aprovados, em cada Casa do Congresso e 5 anos no cargo efetivo.
Nacional, em dois turnos, por três quintos dos votos
dos respectivos membros, serão equivalentes às Errado.
emendas constitucionais. Na aposentadoria voluntária com proventos
integrais, a idade mínima é de 60 anos para homens
352 Com fundamento no princípio da isonomia, o Poder e de 55 para mulheres. O mínimo de 65 para
Judiciário pode aumentar vencimentos de servidores. homens e 60 para mulheres é na aposentadoria
proporcional, mas a fração de proporcionalidade
Errado. dependerá do tempo de contribuição.
O princípio da isonomia ou igualdade não autoriza
ao Poder Judiciário aumentar vencimentos, pois isso
Julgue os itens relativos aos direitos e deveres indivi-
exige lei, e esse Poder não possui função legislativa.
duais e coletivos e às disposições gerais do Judiciário.
Nesse sentido, a Súmula Vinculante 37 do STF
estabelece que não cabe ao Poder Judiciário, que
356 É inconstitucional a exigência de depósito ou ar-
não tem função legislativa, aumentar vencimentos de
rolamento prévios de dinheiro ou bens para ad-
servidores públicos sob o fundamento de isonomia.
missibilidade de recurso administrativo.

353 As normas de eficácia contida prescindem de in-


Certo.
tervenção do legislador ordinário para a produ-
O item repete o que consta na Súmula Vinculante
ção de seus efeitos.
21. Fala-se em ofensa à Constituição pelo fato de
violar o direito de defesa.
Certo.
Prescindir significa não precisar, ok? As normas
357 A EC n. 45/2004 pôs fim às férias coletivas nos
de eficácia contida nascem com aplicabilidade
juízos e tribunais de 2ª instância e superiores,
direta, imediata, mas possivelmente não integral.
não alcançando o STF.
Em outras palavras, elas nascem valendo 100%,

Cargo: Agente e Escrivão 102


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

Errado. poder de polícia. Note, dessa forma, que uma das


A EC n. 45/2004 acabou com as férias coletivas na 1ª formas de exercer o poder de polícia poderá ser por
e na 2ª instância. Elas (as férias coletivas) continuam meio do poder regulamentar/normativo.
existindo nos tribunais superiores e no STF.
360 Um agente de polícia, no exercício da função,
DIREITO ADMINISTRATIVO com o intuito de evitar um ato de violência contra
(Vandré Amorim/Rodrigo Cardoso) uma pessoa, disparou, contra o ofensor, vários
tiros com revólver. No entanto, o agente acabou
358 No âmbito da execução penal, a aplicação de atingindo um transeunte. Nessa hipótese, a res-
eventual sanção ao detento pelo diretor do estabe- ponsabilidade civil do Estado dependerá da pro-
lecimento prisional, em decorrência de falta come- va de ter havido dolo ou culpa do agente.
tida dentro do estabelecimento prisional durante o
cumprimento da pena, decorre do poder de polícia. Errado.
Inicialmente, deve-se registrar que, nos termos do
Errado. art. 37, § 6º, da CF, são as pessoas jurídicas que
Havendo uma relação jurídica pautada por alguma responderão pelos danos que seus agentes, nessa
vinculação específica entre os sujeitos envolvidos, qualidade, causarem a terceiros. Por isso, deve-
afasta-se a incidência do poder de polícia, uma se, primeiro, estabelecer a relação jurídica entre
vez que pautado na vinculação geral imposta a a vítima e o Estado. Nesse passo, por se tratar
toda a sociedade. No caso, considerando o vínculo de uma ação (e não uma omissão) por parte do
agente público, a responsabilidade civil do Estado é
específico criado entre o Estado e o detento
pautada na denominada responsabilidade objetiva,
(sentença condenatória), a aplicação de penalidade
que independe da aferição acerca do dolo ou culpa
decorre do poder disciplinar. O mesmo ocorre,
do agente público que causou o dano. Em um
por exemplo, em relação a uma empresa privada
segundo plano, analisa-se o chamado direito de
contratada pelo Poder Público, que sofre uma
regresso que o Estado possui em relação ao seu
sanção em razão do descumprimento de cláusula
agente, o qual dependerá da comprovação de dolo
contratual. Perceba que há um vínculo específico: ou culpa do referido agente.
o contrato. Por outro lado, caso uma empresa
privada seja fiscalizada pela vigilância sanitária e, 361 Em se tratando de defeitos relativos aos elemen-
por descumprimento às normas de armazenamento tos competência e forma, será sempre possível a
de alimentos, sofra uma sanção, teremos, agora convalidação de atos administrativos.
sim, a incidência do poder de polícia, pois houve o
descumprimento a uma norma imposta a todos (não Errado.
há um vínculo específico). A convalidação de ato administrativo é a sanatória
dos seus defeitos/vícios, ou seja, um ato que
359 Uma das formas de manifestação do poder de contenha alguma ilegalidade poderá, em certos
polícia administrativa é a edição de atos normati- casos, ser corrigido pela Administração Pública, em
vos, como decretos do chefe do Poder Executivo decorrência do seu poder de autotutela. No entanto,
para a fiel regulamentação de leis. a convalidação está, inicialmente, condicionada a
situações que não gerem lesão ao interesse público
Certo. nem prejuízo a terceiros. Ademais, somente em
O poder de polícia pode se revelar por diversas casos ligados a vícios na competência e forma; mas,
formas. A doutrina costuma indicar o “ciclo de polícia” mesmo assim, não é possível em qualquer vício
para retratar as diversas etapas/fases que o poder nesses requisitos. Quanto à competência, apenas
de polícia pode se manifestar. São elas: a) ordem/ em relação a vícios ligados ao sujeito, e não em
legislação; b) consentimento; c) fiscalização; e d) relação à matéria (p.ex.: competência exclusiva). Já
sanção. Verifica-se, assim, que o poder de polícia em relação à forma, apenas os vícios sobre formas
é muito mais que a mera fiscalização e eventual não essenciais.
aplicação de sanção. Existem as chamadas
atividades preventivas do poder de polícia, que se 362 Se agente público for condenado em ação de
revelam, inicialmente, a partir da regulamentação/ improbidade administrativa por uso de maquiná-
normatização de atividades. Dessa forma, as normas rio da Administração para seu interesse pessoal,
sobre constituição de uma nova empresa, bem como poderá ser-lhe aplicada pena de suspensão dos
a legislação disciplinando o exercício de algumas direitos políticos por período de cinco a oito anos.
atividades privadas, caracterizam o exercício do
Errado.

Cargo: Agente e Escrivão 103


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

Os agentes que cometerem ato de improbidade atos nascem com a presunção de que respeitam todo
administrativa estarão sujeitos a diversas sanções, o ordenamento jurídico. Já a autoexecutoriedade
sendo uma delas a suspensão dos direitos políticos. e a imperatividade não estarão presentes em
O prazo de duração da suspensão pode variar todos os atos. Não haverá autoexecutoriedade em
entre, no mínimo, 3 anos, e, no máximo, 10 anos, situações que a Administração deverá buscar no
a depender do ato de improbidade cometido. Por Poder Judiciário a satisfação/execução de suas
isso, inicialmente, deve-se identificar qual ato foi medidas, como ocorre com a cobrança de multa.
cometido: a) enriquecimento ilícito: 8 a 10 anos; A imperatividade, por sua vez, não estará presente
b) prejuízo ao erário ou concessão indevida de em atos ampliativos, negociais e enunciativos.
benefício financeiro ou tributário: 5 a 8 anos; e c)
violação de princípio: 3 a 5 anos. Verifique se o 365 Os atos administrativos, por serem submetidos
agente público está se aproveitando de alguma ao regime jurídico de direito público, serão pro-
maneira da prática irregular. Caso a resposta seja duzidos apenas por pessoas que integram a Ad-
sim, então será enriquecimento ilícito (ainda que ministração Pública.
tenha gerado prejuízo ao erário); caso o agente
público não tenha auferido qualquer vantagem, Errado.
veja se algum terceiro está se aproveitando ou se Embora os atos administrativos sejam submetidos
ficou claro que houve prejuízo aos cofres públicos ao regime de direito público, é possível a
(mas desde que o agente público não tenha se delegação de sua produção para pessoas não
aproveitado).
integrantes da Administração Pública, por exemplo,
concessionárias e permissionárias de serviços
363 As empresas estatais, de acordo com a Consti-
públicos. Deve-se observar que não se pode delegar
tuição Federal, gozarão do mesmo tratamento
quaisquer atos administrativos, por exemplo, os
jurídico dispensado às autarquias em matéria de
atos normativos e punitivos.
regime tributário, pois integram a estrutura da Ad-
ministração indireta.
366 Tendo em vista a distinção quanto ao grau de li-
Errado. berdade conferido pela lei ao administrador para
Embora tanto as autarquias quanto as empresas a prática de determinado ato administrativo dis-
estatais integrem a estrutura da Administração cricionário ou vinculado, pode-se afirmar que os
indireta, as primeiras possuem a personalidade atos discricionários não estão sujeitos ao contro-
jurídica de direito público, se assemelhando, pois, le jurisdicional.
com os privilégios das entidades da Administração
direta (imunidade tributária, impenhorabilidade de Errado.
bens, regime de precatórios etc.). Já as empresas Embora, de fato, não se admita o controle jurisdicional
estatais (empresas públicas e sociedades de sobre o mérito administrativo (conveniência e
economia mista) se assemelham às empresas oportunidade), característica presente apenas nos
privadas, inclusive quanto aos direitos e obrigações atos discricionários, devemos nos atentar para o
civis, trabalhistas, comerciais e tributários, nos fato de que nestes também existam aspectos de
termos do art. 173 da CF. Inclusive, o § 2º do art. 173 legalidade que podem ser apreciados pelo Poder
dispõe que “as empresas públicas e as sociedades Judiciário. Assim, seja o ato vinculado, seja o ato
de economia mista não poderão gozar de privilégios discricionário, o Poder Judiciário sempre poderá
fiscais não extensivos às do setor privado”.
exercer o controle jurisdicional sobre os aspectos
de legalidade do ato.
364 De acordo com a doutrina majoritária, os atribu-
tos indispensáveis dos atos administrativos são a
367 A Constituição Federal autoriza tanto o Senado
presunção de legitimidade, a autoexecutoriedade
Federal quanto a Câmara dos Deputados a sus-
e a imperatividade.
tar os atos normativos do Poder Executivo que
exorbitem os limites do poder regulamentar.
Errado.
Os atributos dos atos administrativos representam
as suas prerrogativas, ou seja, o tratamento Errado.
diferenciado que os atos administrativos recebem Nos termos do art. 49, V, da CF, é da competência
em razão da incidência do regime de direito público. exclusiva do Congresso Nacional sustar os atos
No entanto, nem todos esses atributos estarão normativos do Poder Executivo que exorbitem do
sempre presentes, não sendo possível, por isso, poder regulamentar ou dos limites de delegação
dizer que eles são indispensáveis. A presunção de
legitimidade sempre estará presente, pois todos os

Cargo: Agente e Escrivão 104


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

legislativa. Dessa forma, não se pode dizer que No que tange às normas sobre licitação, julgue o item
compete às Casas, individualmente, que compõem que se segue.
o Congresso Nacional.
373 Configura hipótese de dispensa de licitação a
Quanto à organização da Administração Pública, jul- contratação de instituição brasileira incumbida
gue o próximo item. estatutariamente da pesquisa, desde que a con-
tratada detenha inquestionável reputação ético-
368 As empresas estatais são criadas por atos de di- -profissional e não tenha fins lucrativos.
reito privado, mas a sua instituição depende de
autorização legislativa. Certo.

Certo. No tocante à responsabilidade civil do Estado, julgue


De acordo com o art. 37, XIX, da CF/1988, todas o próximo item.
as entidades que integram a Administração Pública
indireta dependem de lei para serem criadas. No 374 É prescritível a ação de reparação de danos à
entanto, deve-se registrar que, em relação às de Fazenda Pública decorrente de ilícito civil.
direito público (autarquia e fundações públicas de
direito público), a lei as cria diretamente, ao passo Certo.
que, no que se refere às de direito privado (empresas
públicas e sociedades de economia mista), No tocante às regras sobre improbidade administrati-
também chamadas de empresas estatais, haverá va, julgue o próximo item.
inicialmente uma autorização legislativa, ou seja, o
surgimento de uma lei permitindo que elas sejam 375 A decretação de medida cautelar de indisponibi-
criadas (veja, então, que a lei não cria diretamente), lidade dos bens em razão da prática de ato de
para que, após, por meio de ato privado, como o improbidade que cause dano ao erário, de acor-
registro em cartório dos atos constitutivos, ocorra a do com o STJ, se pautará no princípio do in dubio
efetiva criação. pro societate.

No tocante aos poderes administrativos, julgue os pró- Certo.


ximos itens.
Julgue o próximo item de acordo com a Lei de Impro-
369 O abuso de poder, seja na modalidade excesso bidade Administrativa.
de poder, seja na de desvio de finalidade, pode
decorrer de conduta omissiva de agente público. 376 Para a configuração de um ato de improbidade
por lesão ao erário, é obrigatória a comprovação
Certo. tanto do prejuízo quanto, ao menos, da conduta
culposa do agente.
370 Em decorrência do poder hierárquico, é lícita a
delegação de competência, em caráter ordinário Certo.
e por tempo indeterminado, a órgão hierarquica- Com relação ao controle no âmbito da Administração
mente inferior. Pública, julgue o item seguinte.

Errado. 377 O controle administrativo, como decorrência da


autotutela que a Administração Pública tem so-
Com relação aos atos administrativos, julgue os itens bre seus próprios atos e agentes, abrange aspec-
que se seguem. tos de legalidade e de mérito administrativo.

371 A publicidade é condição de validade dos atos da Certo.


Administração Pública.
378 As autarquias são pessoas jurídicas com capaci-
Errado. dade de autodeterminação, patrimônio e receitas
próprias, criadas por lei para o desempenho de
372 Caso se determine, como forma de punição, a re- atividades típicas do Estado, submetidas à auto-
moção de ofício de um servidor público, o ato ad- tutela da Administração Pública direta.
ministrativo em questão revelará vício no motivo.
Errado.
Errado.

Cargo: Agente e Escrivão 105


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

Por serem integrantes da Administração indireta, de atos que possuem alguma ilegalidade. Não se
as autarquias estão submetidas a um controle admitiria nesse caso a revogação, que é utilizada
finalístico, e não hierárquico. Com isso, não há que apenas em situações de controle de conveniência
se falar em autotutela, mas sim em tutela, também e oportunidade. A anulação tanto poderá ser
conhecida como supervisão ministerial. declarada administrativamente (por provocação
ou de ofício) quanto judicialmente (apenas quando
379 O agente público que, atentando contra os princí- provocado, razão do princípio da inércia).
pios da Administração Pública, for condenado em
ação de improbidade por ter deixado de praticar, 382 O poder conferido à Administração para restrin-
indevidamente, ato de ofício estará sujeito à pena gir, frenar, condicionar, limitar o exercício de di-
de suspensão dos direitos políticos pelo período reitos e atividades econômicas dos particulares,
de três a cinco anos. a fim de preservar os interesses da coletividade,
denomina-se poder de polícia.
Certo.
Nos termos do art. 12, III, da Lei n. 8.429/1992, o Certo.
agente que for condenado pela prática de ato de O poder de polícia administrativa é atividade da
improbidade que viole princípios da Administração Administração Pública que, limitando ou disciplinando
Pública está sujeito às seguintes cominações: direito, interesse ou liberdade, regula a prática de ato
ressarcimento integral do dano, se houver, perda ou abstenção de fato, em razão de interesse público
da função pública, suspensão dos direitos políticos concernente à segurança, à higiene, à ordem, aos
de três a cinco anos, pagamento de multa civil de costumes, à disciplina da produção e do mercado,
até cem vezes o valor da remuneração percebida ao exercício de atividades econômicas dependentes
pelo agente e proibição de contratar com o Poder de concessão ou autorização do Poder Público, à
Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais tranquilidade pública ou ao respeito à propriedade e
ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que aos direitos individuais ou coletivos.
por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio
majoritário, pelo prazo de três anos. 383 A responsabilidade civil do Estado por ato omissivo
é subjetiva, cabendo ao particular, que foi a vítima,
380 Os requisitos fundamentais do ato administrativo, comprovar a culpa ou o dolo na conduta do Estado.
de acordo com a doutrina majoritária, são a forma,
o objeto, a capacidade, o motivo e a finalidade. Certo.
Embora a regra seja a adoção da responsabilidade
Errado. objetiva, no caso de condutas omissivas, adota-se,
A doutrina majoritária do direito administrativo em regra, a responsabilidade subjetiva, que exige
aponta como requisitos ou elementos indispensáveis a comprovação, por parte da vítima, de um dos
a todos os atos administrativos a competência, a elementos subjetivos da conduta (dolo ou culpa).
finalidade, a forma, o motivo e o objeto. Atenção
para não confundir competência com capacidade. A 384 Pela teoria do risco integral, adotada em situa-
primeira se refere ao poder conferido ao agente para ções específicas, o Estado fica obrigado a reparar
desempenhar suas funções. A segunda representa todo e qualquer dano, independentemente de a
apenas um dos aspectos internos da competência vítima ter concorrido para o seu aperfeiçoamento.
e está associada à capacidade física e mental para
desempenhar o cargo. Assim, é possível dizer que Certo.
todos que possuem competência também possuem A regra geral no direito administrativo é a aplicação
capacidade, no entanto não basta ter capacidade da teoria do risco da administração, que admite a
para ter competência. incidência de causas excludentes ou atenuantes da
responsabilidade do Estado. No entanto, em casos
381 Caso um ato administrativo seja considerado ile- especiais, como, por exemplo, danos nucleares,
gal, impõe-se a sua extinção, por meio da anula- danos ambientais e atos terroristas, haverá a
ção, que poderá ser praticada de ofício pela própria adoção da teoria do risco integral, que não admite
Administração, no exercício da autotutela, ou pelo excludentes ou atenuantes como a culpa da vítima,
Poder Judiciário, quando devidamente provocado. caso fortuito ou força maior.

Certo. 385 Havendo compatibilidade de horários, para um


Quando se fala em controle dos atos ocupante de cargo efetivo que esteja em ativi-
administrativos, a anulação é a forma de extinção dade será permitida a acumulação remunerada
com outro cargo de natureza eletiva.

Cargo: Agente e Escrivão 106


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

Errado. Segundo entendimento do STJ, retratado na Súmula


A acumulação de cargos, em regra, é proibida n. 633, mesmo se tratando de uma lei federal (com
pela Constituição Federal. No entanto, em certos aplicação direcionada à Administração Pública da
casos, a CF autoriza a acumulação, mas sempre União), é possível a utilização subsidiária da Lei n.
condicionada a compatibilidade de horários. Em 9.784/1999, caso não haja norma local tratando do
relação à acumulação com cargo eletivo, a CF assunto. Havendo norma local, esta deve prevalecer.
apenas autoriza a acumulação com o cargo de
vereador, e não com qualquer cargo eletivo. Caso 389 Ao particular aplica-se o mesmo regime prescri-
o servidor já estivesse aposentado, aí sim seria cional previsto na Lei de Improbidade Administra-
possível a acumulação com qualquer cargo eletivo. tiva para o agente público.

386 A fiscalização contábil, orçamentária, operacio- Certo.


nal e patrimonial da Administração Pública fede- O STJ, em entendimento retratado na sua Súmula
ral sob os aspectos de legalidade, legitimidade n. 634, entende que o particular, por não poder
e economicidade integra o controle externo de responder por ato de improbidade sem a presença
competência exclusiva do Congresso Nacional. do agente público, deve seguir, por arrastamento,
as regras aplicáveis ao agente público.
Errado.
Nos termos do art. 70 da CF/1988, a fiscalização 390 Os prazos prescricionais previstos no artigo 142
contábil, financeira, orçamentária, operacional da Lei n. 8.112/1990 iniciam-se na data em que
e patrimonial da União e das entidades da a autoridade competente para a abertura do pro-
Administração direta e indireta, quanto a legalidade, cedimento administrativo toma conhecimento do
legitimidade, economicidade, aplicação das fato, interrompem-se com o primeiro ato de ins-
subvenções e renúncia de receitas, será exercida tauração válido – sindicância de caráter punitivo
pelo Congresso Nacional, mediante controle ou processo disciplinar – e voltam a fluir por intei-
externo, e pelo sistema de controle interno de cada ro após decorridos 140 dias desde a interrupção.
Poder. Já o art. 71 dispõe que o controle externo, a
cargo do Congresso Nacional, será exercido com o Certo.
auxílio do Tribunal de Contas da União. Observa-se Em recente entendimento firmado pelo STJ, em sua
assim que não se trata de competência exclusiva Súmula n. 635, firmou-se a compreensão no sentido
do Congresso Nacional, que está prevista no art. 49 de que o prazo prescricional começará a correr
da CF/1988. do momento em que a autoridade responsável
pela condução do PAD tiver ciência do ato, não
387 A modalidade convite é utilizada entre interessa- sendo suficiente o conhecimento por parte de
dos do ramo pertinente ao seu objeto, cadastra- uma autoridade qualquer. Uma vez interrompido o
dos ou não, escolhidos e convidados em número prazo prescricional, deve-se computar o prazo de
mínimo de três pela unidade administrativa, cujo duração do PAD (60 dias + 60 dias), acrescidos do
instrumento convocatório será fixado em local prazo geral para julgamento (20 dias), para que a
apropriado, para que se possibilite a participação prescrição reinicie sua contagem.
de interessados não convidados.
391 É permitida a prova emprestada no processo ad-
Certo. ministrativo disciplinar, desde que devidamente
A Lei n. 8.666/1993 admite a participação ao convite autorizada pelo juízo competente e respeitados o
de duas formas: primeiro, aos que são convidados contraditório e a ampla defesa.
por meio da carta-convite; segundo, aos cadastrados
na correspondente especialidade que manifestarem Certo.
seu interesse com antecedência de até 24 (vinte e Nos termos da Súmula n. 591 do STJ, a prova
quatro) horas da apresentação das propostas. já produzida em juízo penal, p.ex., poderá ser
aproveitada em PAD, por questão de economia
388 A Lei n. 9.784/1999, especialmente no que diz processual. No entanto, é obrigatório que haja a
respeito ao prazo decadencial para a revisão de autorização pelo juízo competente e que sejam
atos administrativos no âmbito da Administração respeitados o contraditório e a ampla defesa.
Pública federal, pode ser aplicada, de forma sub-
sidiária, aos estados e municípios, se inexistente 392 Desde que devidamente motivada e com amparo
norma local e específica que regule a matéria. em investigação ou sindicância, é permitida a ins-
tauração de processo administrativo disciplinar
Certo. com base em denúncia anônima, em face do po-

Cargo: Agente e Escrivão 107


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

der-dever de autotutela imposto à Administração. Certo.


Segundo o STF, em PAD a presença de advogado
Certo. não representa cerceamento de defesa, nos termos
Nos termos da Súmula n. 611 do STJ, é possível da Súmula Vinculante n. 5.
que denúncia apócrifa (anônima) seja o estopim de
um processo disciplinar. No entanto, não se admite a 397 Nos processos perante o Tribunal de Contas da
condenação apenas com base em denúncia anônima. União asseguram-se o contraditório e a ampla
defesa quando da decisão puder resultar anu-
393 Só por lei se pode sujeitar a exame psicotécnico lação ou revogação de ato administrativo que
a habilitação de candidato a cargo público. beneficie o interessado, excetuada a apreciação
da legalidade do ato de concessão inicial de apo-
Certo. sentadoria, reforma e pensão.
O Supremo Tribunal Federal editou a Súmula
Vinculante n. 44, vedando a previsão de exame Certo.
psicotécnico apenas no edital do concurso. Dessa Como regra geral, deve-se assegurar, inclusive em
forma, esse tema é reservado à lei. processos perante o TCU, o contraditório e a ampla
defesa. Ocorre que, especificamente nos casos
394 É inconstitucional toda modalidade de provimen- de apreciação da legalidade do ato de concessão
to que propicie ao servidor investir-se, sem prévia inicial de aposentadoria, reforma e pensão, o STF,
aprovação em concurso público destinado ao seu por meio da Súmula Vinculante n. 3, relativizou
provimento, em cargo que não integra a carreira essa regra, não havendo que abrir contraditório
na qual anteriormente investido. e ampla defesa prévios. Assim, o TCU pode,
diretamente, determinar, p.ex., a suspensão do
Certo. ato de aposentadoria, por entender que se trata de
Por meio da Súmula Vinculante n. 43, o STF reforça parcela remuneratória inconstitucional, com base
a ideia no sentido de que o ingresso nos quadros na Súmula n. 347/STF.
públicos deve ocorrer por meio de concurso público.
Atenção apenas para o fato de que é possível Sobre os entes que integram a Administração Indireta,
ocupar cargo comissionado sem a prévia aprovação analise os itens abaixo.
em concurso público, porém, nesse caso, o vínculo
é precário. 398 As empresas públicas são pessoas jurídicas de
direito privado autorizadas por lei específica, logo
395 A nomeação de cônjuge, companheiro ou paren- estão submetidas às normas comuns. A conso-
te em linha reta, colateral ou por afinidade, até o lidação das empresas públicas, bem como das
terceiro grau, inclusive, da autoridade nomeante sociedades de economia mista, efetiva-se com a
ou de servidor da mesma pessoa jurídica inves- edição da lei que autoriza a sua criação.
tido em cargo de direção, chefia ou assessora-
mento, para o exercício de cargo em comissão Errado.
ou de confiança ou, ainda, de função gratificada A consolidação das empresas estatais ocorre com o
na Administração Pública direta e indireta em registro dos atos consultivos no cartório competente.
qualquer dos Poderes da União, dos Estados, do
Distrito Federal e dos Municípios, compreendido 399 Compete à Justiça Federal processar e julgar,
o ajuste mediante designações recíprocas, viola nos litígios comuns, as causas em que as autar-
a Constituição Federal. quias do Distrito Federal sejam autoras, rés, as-
sistentes ou opoentes.
Certo.
Com o fim de fortalecer o princípio da moralidade, Errado.
o STF, por meio da Súmula Vinculante n. 13, veda Compete ao TJDFT processar e julgar, nos litígios
o nepotismo, inclusive o cruzado, nos quadros da comuns, as causas em que as autarquias do Distrito
Administração Pública. Registre-se, no entanto, Federal sejam autoras, rés, assistentes ou opoentes.
que a regra da proibição ao nepotismo não atinge
os denominados cargos políticos, sendo possível, O ato administrativo representa a manifestação da von-
p.ex., que o Presidente da República nomeie seu tade da Administração Pública. Por esse motivo, são
filho para comandar um Ministério. praticados com fundamento no direito público, possuin-
do características próprias. Com fundamento na teoria
396 A falta de defesa técnica por advogado no processo dos atos administrativos, julgue os seguintes itens.
administrativo disciplinar não ofende a Constituição.

Cargo: Agente e Escrivão 108


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

400 Ao praticar ato administrativo, o agente fica vin- 404 A edição de decreto autônomo pelos Chefes do
culado à motivação exposta. Ainda, com funda- Poder Executivo representa a edição de ato pri-
mento na teoria dos motivos determinantes, o mário, pois essa competência deriva diretamente
Poder Judiciário pode, desde que provocado, do texto constitucional.
exercer o controle sobre a existência dos motivos
invocados como fundamento do ato. Certo.
A competência para editar decreto autônomo
Certo. decorre diretamente do art. 84, IV, da CF.
O Poder Judiciário pode exercer controle de legalidade
nos motivos invocados para a prática do ato. Tendo como fundamento a teoria da responsabilidade
extracontratual do Estado, julgue os seguintes itens.
401 O atributo presunção de legalidade indica que o
ato é praticado com observância da lei; por esse 405 Considere que a Câmara Legislativa do DF venha
motivo, esse atributo integra todos os atos admi- a editar norma que posteriormente foi declarada
nistrativos. Contudo, o ato poderá ser questiona- inconstitucional pelo STF. Assertiva: se a norma
do pelo particular possivelmente prejudicado, ca- tiver causado prejuízo direto ao particular, poderá
bendo ao Poder Público provar que o ato é legal. restar o dever do Estado de indenizar o lesado.

Errado. Certo.
O ônus da prova cabe ao particular que se opõe ao ato. A atividade legislativa (elaboração das leis) não gera
responsabilidade para o Estado, pois presume-se
A principiologia ocupa posição importante para o estu- que a lei seja constitucional. No entanto, haverá
do do direito administrativo, uma vez que informa ve- responsabilidade objetiva do Estado se a lei for
tores de interpretação para todo o ordenamento objeto declarada inconstitucional e tiver causado prejuízo
de estudo. A esse respeito, julgue seguinte item. direto/concreto ao particular.

402 O princípio da juridicidade informa que a interpre- 406 Quando há culpa concorrente do Estado e do
tação da norma administrativa deve ocorrer da particular para a consecução do dano, a respon-
forma que melhor garanta o atendimento do fim sabilidade do poder público será afastada.
público a que se dirige, vedada aplicação retroa-
tiva de nova interpretação. Errado.
Na culpa concorrente, a responsabilidade do Estado
Errado. é atenuada.
O princípio da segurança jurídica informa que a
interpretação da norma administrativa deve ocorrer Com fundamento nos aspectos da Lei n. 8.429/1992,
da forma que melhor garanta o atendimento do fim julgue o seguinte item.
público a que se dirige, vedada aplicação retroativa
de nova interpretação. 407 A jurisprudência do Superior Tribunal de Justiça é
firme no que se aplica a agentes políticos munici-
Em relação aos poderes administrativos, julgue os pais, tais como prefeitos, ex-prefeitos e vereado-
itens a seguir. res, as sanções previstas na Lei de Improbidade
Administrativa. Ainda, é possível afirmar que a
403 É possível o poder de polícia ser representado por ação de improbidade que gera lesão à fazenda
ato normativo e concreto. A fiscalização realizada municipal inicia na primeira instância da Justiça
por agentes da Vigilância Sanitária representa ati- Estadual comum.
vidade concreta ou material do poder de polícia.
Certo.
Certo. Os agentes políticos municipais são processados
O poder polícia é representado por ato normativo com base na Lei n. 8.429/1992. As ações que geram
e pela atividade concreta, como, por exemplo, a lesão aos municípios iniciam no primeiro grau da
fiscalização de polícia. Justiça Estadual.

Acerca do direito administrativo, julgue os itens abaixo.

408 Em sentido subjetivo, a Administração Pública re-


presenta os sujeitos que integram a estrutura ad-
ministrativa do Estado. O sentido objetivo ou ma-

Cargo: Agente e Escrivão 109


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

terial representa as atividades realizadas pelos so de poder. Por esse motivo, deverá ser anulado
sujeitos que integram a Administração Pública. pela autoridade competente.

Certo. Errado.
Em sentido subjetivo, órgãos, entidades/pessoas A remoção foi ilegal por desvio de finalidade.
jurídicas e agentes públicos, a Administração
Pública confunde-se com os sujeitos que integram o 413 Paulo é servidor público, integrante do quadro de
Estado. O sentido objetivo representa as atividades servidores de autarquia distrital, responsável pelo
administrativas. serviço de fiscalização de posturas. Em diversos
dias do mês de junho de 2019, fora do horário de
409 A eficiência significa que a atuação da Administra- expediente, Paulo utilizou-se de veículo pertencen-
ção será pautada por rapidez, presteza e rendimen- te à autarquia, empregando-o em atividades par-
to funcional, exigindo-se resultados positivos, ainda ticulares. O Ministério Público, após a respectiva
que não reduza os desperdícios de dinheiro público. investigação, ajuizou ação de improbidade admi-
nistrativa contra Paulo. Assertiva: o agente público
Errado. está sujeito à medida de indisponibilidade de bens.
A atividade eficiente é aquela em que o agente
pratica e desempenha o melhor trabalho aliado à Certo.
economia de recursos. Não há atividade eficiente Paulo praticou ato de improbidade que gera
sem a relação custo/benefício. enriquecimento ilícito, logo o Juiz poderá
determinar a indisponibilidade dos bens para futuro
410 Considere que Agenor, agente administrativo da ressarcimento ao erário.
Secretaria de Obras do DF, tem se declarado im-
pedido para decidir um processo para concessão 414 Mariana, servidora pública distrital, representou à
de alvará de construção. Assertiva: é possível autoridade administrativa competente, acusando
afirmar que o princípio da impessoalidade é o Agenor, Diretor de autarquia, da prática de ato de
mais específico para motivar a suspeição e impe- improbidade administrativa, pleiteando, assim,
dimento em processo administrativo. que fosse instaurada a respectiva investigação.
Ocorre que Mariana sabia da inocência de Age-
Certo. nor, o que foi provado no devido processo legal.
É certo que toda atividade praticada pelo Estado Assertiva: Mariana está sujeita a pena de deten-
deve ser impessoal. O fim é sempre atender ao ção de doze meses e multa.
interesse público. O impedimento e a suspeição,
seja em processo judicial ou administrativo, visa Errado.
atender ao princípio da impessoalidade. Conforme o art. 19 da LIA: “Constitui crime a
representação por ato de improbidade contra
Em matéria de ato administrativo, julgue os seguintes agente público ou terceiro beneficiário, quando o
itens. autor da denúncia o sabe inocente. Pena: detenção
de seis a dez meses e multa”.
411 A convalidação do ato administrativo é o proces-
so de que se vale a Administração para aprovei- Sobre a responsabilidade extracontratual do Estado,
tar atos administrativos com vícios sanáveis, de julgue os itens.
forma a confirmá-los no todo ou em parte, sem-
pre com efeitos ex tunc. 415 O Estado responderá pelos danos que os seus
agentes causarem quando estiverem no exercí-
Certo. cio de suas funções ou quando se utilizarem de
Na convalidação o vício do ato é sanável, podendo suas funções para causar o dano.
ser confirmado no todo ou em parte. A convalidação
produz efeitos ex tunc. Certo.
Para ser caracterizada a responsabilidade objetiva
412 Diretor de uma entidade da Administração indire- do Estado, há a necessidade de que o agente
ta federal, com personalidade jurídica de direito esteja nessa qualidade, ou a título de exercer essa
público, remove Severino, servidor público está- qualidade.
vel, para um setor localizado em outra região do
país, por motivo exclusivo de perseguição políti- 416 Uma viatura policial envolveu-se em acidente de
ca. Assertiva: o ato administrativo de remoção, trânsito que resultou em danos patrimoniais, bem
apesar de discricionário, foi praticado com exces- como danos físicos em alguns dos envolvidos.

Cargo: Agente e Escrivão 110


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

Assertiva: para que o Estado venha a indenizar É a previsão do artigo 30 do Código Penal.
alguma vítima, é necessária a comprovação de
que o dano foi proveniente da ação estatal e, pelo No que tange à teoria do crime, julgue os itens a seguir.
mesmo, a culpa do agente público.
421 A vis compulsiva é uma eximente, desde que ir-
Errado. resistível.
Na responsabilidade objetiva, não há a necessidade
de provar dolo ou culpa do agente causador do Certo.
dano, bastando provar que o dano foi consequente A vis compulsiva (coação moral irresistível) é um
da ação estatal. causa excludente da culpabilidade (eximente).

Sobre o controle da atividade administrativa, julgue o 422 A inimputabilidade é uma dirimente.


próximo item.
Certo.
417 O Poder Judiciário pode avaliar a legalidade de A inimputabilidade é uma excludente de
ato administrativo praticado por qualquer dos Po- culpabilidade (eximente ou dirimente).
deres do Estado. Esse controle é externo, poden-
423 A legítima defesa e o estado de necessidade são
do ser preventivo.
justificantes legais.
Certo.
Certo.
O Poder Judiciário pode avaliar os atos praticados
A legítima defesa e o estado de necessidade
no exercício da função pública. O controle pode ser
são excludentes da ilicitude (justificantes,
realizado antes da edição do ato; por exemplo, quando
descriminantes, desculpantes) previstas no Código
o particular propõe mandado de segurança preventivo.
Penal (art. 23 CP).

DIREITO PENAL (GERAL) 424 O princípio da insignificância exclui a tipicidade


(Wallace França) formal do delito.

Em se tratando concurso de pessoas, julgue a asser- Errado.


tiva a seguir. O princípio da insignificância exclui a tipicidade
material do delito.
418 São elementos da autoria colateral, entre ou-
tros, a pluralidade de agentes e o liame subjeti- Em relação ao tema extraterritorialidade da lei penal,
vo entre eles. julgue a assertiva a seguir.

Errado.
425 Ficam sujeitos à lei brasileira, embora cometidos
Na autoria colateral, que não é concurso de agentes,
no estrangeiro, os crimes que, por tratado ou
não há liame subjetivo entre os agentes.
convenção, o Brasil se obrigou a reprimir. Trata-
-se de uma hipótese de aplicação extraterritorial
Considerando o tema imputabilidade penal, julgue a
incondicionada da lei penal brasileira.
assertiva a seguir.

419 Em relação à inimputabilidade pela menoridade pe-


Errado.
nal, o Código Penal adotou o critério biopsicológico. A situação revela uma hipótese de aplicação
extraterritorial condicionada da lei penal brasileira.
Errado.
Em relação à inimputabilidade do menor de 18 Tendo como base as disposições previstas no Código
anos, o Código Penal adotou o critério biológico. Penal, na legislação extravagante, bem como posi-
cionamentos doutrinários e jurisprudenciais, julgue os
Em se tratando concurso de pessoas, julgue a asser- itens a seguir.
tiva a seguir.
426 O princípio da insignificância é aplicável aos cri-
420 Não se comunicam as circunstâncias e as condi- mes contra a Administração Pública.
ções de caráter pessoal, salvo quando elementa-
res do crime. Errado.

Certo.

Cargo: Agente e Escrivão 111


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

Conforme Súmula n. 599 do STJ, o princípio da 433 É isento de pena o agente que, por embriaguez
insignificância é inaplicável aos crimes contra a completa, proveniente de fortuito ou culposa, era,
Administração Pública. ao tempo da ação ou da omissão, inteiramente in-
capaz de entender o caráter ilícito do fato ou de
427 Ninguém pode ser punido por fato que lei poste- determinar-se de acordo com esse entendimento.
rior deixa de considerar crime, cessando em vir-
tude dela a execução e os efeitos extrapenais da Errado.
sentença condenatória. A embriaguez culposa não exclui a culpabilidade
(artigo 28, II, do Código Penal). A embriaguez
Errado. proveniente de fortuito ou força maior é capaz de
A abolitio criminis faz cessar apenas os efeitos excluir a culpabilidade (art. 28, § 1º, Do Código
penais da sentença penal condenatória, e não os Penal).
efeitos extrapenais.
De acordo com as disposições do Código Penal, do
428 A lei posterior que de qualquer modo favorecer o entendimento doutrinário dominante e do entendimen-
agente aplica-se aos fatos anteriores, salvo se decidi- to jurisprudencial, julgue as assertivas.
dos por sentença condenatória transitada em julgado.
434 No crime de autoaborto ou aborto consentido
Errado. pela gestante (art. 124, CP), admite-se o concur-
A lex mitior (lei posterior benéfica) será aplicada so de agentes.
mesmo que os fatos estejam decididos por sentença
condenatória transitada em julgado. Certo.
Embora no crime de autoaborto, por ser de mão
429 Diz-se o crime tentado, quando iniciada a pre- própria, não se admita a coautoria, é admitida a
paração, não se consuma por circunstâncias participação.
alheias à sua vontade. Nesse caso, salvo dispo-
sição em contrário, será aplicada a pena do crime 435 Quando o agente, depois de iniciar a execução
consumado, diminuída de um a dois terços. de um delito, desiste prosseguir por vontade pró-
pria, estaremos diante da desistência voluntária e
Errado. o agente responderá somente pelos atos já prati-
O crime será tentado se, iniciada a execução, não se cados, ou seja, pela tentativa do delito.
consuma por circunstâncias alheias à sua vontade.
Errado.
430 Não é cabível a tentativa nos crimes culposos, A desistência voluntária e o arrependimento eficaz
mesmo em se tratando da culpa imprópria. são institutos que impedem a responsabilização
pela tentativa.
Errado.
É cabível a tentativa na culpa imprópria. 436 Em relação à inimputabilidade, prevista no artigo
26 do Código Penal, foi adotado o critério biológico.
431 O crime culposo tem como elementos, dentre
outros, a conduta voluntária, o resultado natura- Errado.
lístico, a previsão do resultado, a tipicidade e a O artigo 26 trata da inimputabilidade dos doentes
quebra do dever objetivo de cuidado. mentais (critério biológico), que somente serão
considerados inimputáveis se não entenderem o
Errado. caráter ilícito do fato ou não se determinarem de
A previsão do resultado não é requisito de crime acordo com esse entendimento (critério psicológico),
culposo. ou seja, o critério adotado foi o biopsicológico.

437 A lei excepcional ou temporária, embora decor-


432 Comunicam-se as circunstâncias e condições de ca-
rido o período de sua duração ou cessadas as
ráter pessoal, mesmo quando elementares do crime.
circunstâncias que a determinaram, aplica-se ao
fato praticado durante sua vigência, ainda que a
Errado. lei posterior seja mais benéfica.
Conforme artigo 31 do Código Penal, não se
comunicam as circunstâncias e as condições de Certo.
caráter pessoal, salvo quando elementares do crime. Conforme determina o artigo 3º do Código Penal,
a lei excepcional ou temporária, embora decorrido
o período de sua duração ou cessadas as

Cargo: Agente e Escrivão 112


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

circunstâncias que a determinaram, aplica-se ao fato 443 O crime impossível é uma tentativa impunível.
praticado durante sua vigência, sendo que essa regra
excepciona, inclusive, a retroatividade de lei benéfica. Certo.
Conforme artigo 17 do Código Penal, não se pune a
438 Caso um dos agentes queira praticar somente o tentativa quando, por ineficácia absoluta do meio ou
crime menos grave, responderá por este. Será
por absoluta impropriedade do objeto, é impossível
responsabilizado no crime mais grave, caso te-
consumar-se o crime.
nha sido previsto o resultado agravador e o agen-
te aceite esse resultado.
444 Ocorre o instituto da resipiscência quando o
Certo. agente inicia a execução de um crime, mas im-
Trata-se do instituto da cooperação dolosamente pede que o resultado se produza de forma vo-
distinta (art. 29, § 2º, CP). O agente responderá luntária, mesmo que o crime seja praticado com
pelo crime menos grave, caso queira participar violência ou grave ameaça.
somente deste; essa pena do crime menos grave
será aumentada de metade, em sendo previsível o Certo.
crime mais grave. Agora, tendo previsão do crime A resipiscência ou o arrependimento eficaz ocorre
mais grave, o agente será responsável por ele. quando o agente inicia a execução de um delito
e, voluntariamente, impede que o resultado se
439 Prevalece que, em relação à participação, foi produza. Não há impedimento para a aplicação do
adotada a teoria da acessoriedade limitada, ou arrependimento eficaz nos crimes com violência ou
seja, a punição da participação pressupõe a prá- grave ameaça, diferentemente do arrependimento
tica de fato típico, ilícito e culpável. posterior.

Errado. 445 Não é cabível arrependimento posterior no crime


Conforme a teoria da acessoriedade limitada, a de roubo.
punição do partícipe pressupõe a prática de fato
típico e ilícito, somente. Certo.
O crime de roubo é praticado com violência ou
440 Em relação à embriaguez preordenada, foi ado- grave ameaça e, por isso, impede a aplicação do
tada a teoria da actio libera in causa. instituto do arrependimento posterior.

Certo.
446 Na tentativa abandonada, o agente inicia a execu-
Em relação à responsabilização pela embriaguez
ção do delito e é interrompido ainda na fase dos atos
(embriaguez voluntária, culposa ou preordenda), foi
adotada a teoria da actio libera in causa (ação livre executórios, diferentemente da tentativa acabada.
na causa).
Errado.
441 O erro de proibição inescusável é uma dirimente. A tentativa abandonada é sinônimo de desistência
voluntária e arrependimento eficaz. Desse modo, na
Errado. tentativa abandonada, o agente não é interrompido ainda
O erro de proibição inescusável é uma causa de na fase executória (hipótese de tentativa imperfeita).
diminuição de pena. O erro de proibição escusável
que é dirimente. 447 Considere a seguinte situação hipotética: João
foi preso, condenado e estava cumprindo pena
442 Tendo como base as disposições previstas no por roubo majorado pelo emprego de arma bran-
Código Penal, legislação extravagante, bem ca, com sentença transitada em julgado. Poste-
como posicionamentos doutrinários e jurispru- riormente, entrou em vigor nova lei que revogou
denciais, julgue o item a seguir. o aumento de pena por emprego de arma branca.
O princípio da insignificância é aplicável ao crime Assertiva: nessa situação hipotética, a nova lei
de peculato se o valor do bem subtraído não for será aplicada a João, mesmo ele já cumprindo
superior a R$ 20.000,00 (vinte mil reais). pena com sentença transitada em julgado.

Errado. Certo.
Conforme a Súmula n. 599 do STJ, o princípio da Conforme artigo 2º, parágrafo único, do Código
insignificância é inaplicável aos crimes contra a Penal, a lei posterior benéfica será aplicada a
Administração Pública. fatos anteriores ainda que decididos por sentença
condenatória transitada em julgado.

Cargo: Agente e Escrivão 113


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

448 Em caso de crime tentado, considera-se praticado Errado.


o crime no lugar em que ocorreu a ação ou a omis- Conforme a súmula 711 do STF, “a lei penal mais
são, bem como onde deveria ocorrer o resultado. grave aplica-se ao crime continuado ou ao crime
permanente, se a sua vigência é anterior à cessação
Certo. da continuidade ou da permanência”.
Mesmo em relação ao crime tentado, no que
tange ao local do crime, será aplicada a teoria da 454 Nos casos de omissão imprópria, adota-se a te-
ubiquidade, ou seja, considera-se praticado o crime oria naturalística, que dispõe que há relevância
no lugar em que ocorreu a ação ou a omissão, no causal entre a conduta omissiva do garantidor e
todo ou em parte, bem como onde se produziu ou o resultado material ocorrido quando ele poderia
deveria produzir-se o resultado. e deveria agir.

449 Em qualquer das justificantes previstas no Có- Errado.


digo Penal, o agente responderá somente pelo Na omissão imprópria, não se adota a teoria
excesso doloso. naturalística, na medida em que não existe um nexo
causal natural, pois o nexo causal é criado pela lei;
Errado. por isso, adota-se a teoria do nexo normativo.
Conforme artigo 23, parágrafo único, do Código
Penal, o agente responderá pelo excesso doloso ou 455 A teoria da imputação objetiva prevê que haverá
culposo em quaisquer das excludentes de ilicitude. nexo de causalidade se o agente atuar dentro do
risco permitido, mesmo que a sua conduta gere
Tendo como base o Código Penal, bem como o pensa- resultado previsto em lei como crime.
mento doutrinário e jurisprudencial dominante, julgue
os itens a seguir. Errado.
É justamente o contrário: não haverá nexo de
450 Para a teoria extremada da culpabilidade, o erro causalidade se o agente atuar dentro do risco
de agente que recaia sobre pressupostos fáticos permitido, conforme a teoria da imputação objetiva.
de uma causa de justificação configura erro de
tipo permissivo. 456 O crime de genocídio praticado fora do território
brasileiro poderá ser julgado no Brasil quando
Errado. cometido contra povo alienígena por estrangeiro
Para a teoria extremada da culpabilidade, todo erro que domiciliado no Brasil.
recai sobre descriminante é erro de proibição indireto.
Certo.
451 A superveniência de causa absolutamente indepen- O crime de genocídio praticado fora do Brasil
dente da conduta do agente rompe o nexo causal. somente constituirá hipótese de extraterritorialidade
incondicionada, se for praticado por brasileiro ou
Certo. estrangeiro domiciliado no Brasil.
As causas absolutamente independentes não estão
relacionadas com a conduta do agente e causam o 457 Segundo o direito penal, não é possível incrimi-
resultado sozinhas. Dessa forma, rompem o nexo causal. nar a simples conduta humana que exponha a
perigo bens jurídicos, ainda que não exista vítima
452 Em razão da teoria unitária, considera-se praticado determinada e direta.
o crime no lugar em que ocorreu a ação ou omis-
são, no todo ou em parte, bem como onde se pro- Errado.
duziu ou deveria ter sido produzido o resultado. É possível a punição do agente que somente
exponha à lesão bens jurídicos de terceiros. Isso
Certo. ocorre nos chamados crimes de perigo.
Em relação ao lugar do crime, conforme previsão
do artigo 6º do Código Penal, adota-se a teoria da
DIREITO PENAL (ESPECIAL)
ubiquidade, mista ou unitária.
(Erico Palazzo)
453 A lei penal mais benéfica aplica-se ao crime con-
tinuado ou ao crime permanente, ainda que ocor- Texto das questões 458 e 459:
ra superveniência de lei penal mais gravosa ao
longo da atividade delitiva. Fábio tem recebido ameaças de morte proferidas por
Willian. Assim, prezando por sua própria vida, Fábio de-

Cargo: Agente e Escrivão 114


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

cide ceifar a vida de Willian e, para tanto, contrata Ca- obstáculo à subtração da coisa, em concurso for-
milo, assassino profissional, prometendo lhe pagar R$ mal impróprio com o crime de explosão, previsto
200,00 (duzentos reais) para que matasse Willian. No dia no artigo 251 do Código Penal.
02/04/2019, Camilo desfere um tiro no peito de Willian,
que vem a morrer instantaneamente. A polícia é acionada Errado.
para investigar o fato e chega à autoria do crime. Com a vigência da Lei n. 13.654/2018, Caio deve
responder somente pelo furto qualificado previsto
Diante dessa situação hipotética, analise os itens a no artigo 155, § 4º-A – “a pena é de reclusão de
seguir: 4 (quatro) a 10 (dez) anos e multa, se houver
emprego de explosivo ou de artefato análogo que
458 De acordo com a teoria objetivo-formal, adotada cause perigo comum.”
pelo Código Penal Brasileiro, no que concerne
ao concurso de pessoas, na situação acima rela- 461 Ao crime praticado por Caio deve incidir aumento
tada, Fábio será considerado partícipe do crime, de pena de um terço em razão do furto ter sido
enquanto que Camilo será considerado autor. praticado durante o repouso noturno, não impor-
tando o fato de a ação criminosa ter ocorrido em
Certo. estabelecimento comercial.
A teoria objetivo-formal é adotada pelo CPB e
estabelece que autor do crime é aquele que pratica Certo.
o verbo núcleo do tipo penal. Para essa teoria, o O artigo 155, § 1º, do CP dispõe que “a pena
partícipe é quem contribui de qualquer forma para aumenta-se de um terço, se o crime é praticado
a prática do crime sem praticar o verbo núcleo do durante o repouso noturno.” Essa causa de
tipo penal. aumento de pena aplica-se ao furto qualificado
pelo emprego de explosivos e às demais hipóteses
459 A qualificadora do homicídio mediante paga, pro- de furto qualificado, ainda que praticado em
messa de recompensa ou outro motivo torpe é estabelecimento comercial ou local inabitado.
subjetiva, razão por que não haverá a comuni-
cação dessa circunstância no concurso de pes- 462 Sequestrar pessoa com o fim de obter, para si ou
soas. Assim, somente Camilo deve ser respon- para outrem, qualquer vantagem, como condição
sabilizado pelo homicídio qualificado mediante ou preço do resgate configura o crime de extor-
promessa de recompensa. são com restrição de liberdade.

Certo. Errado.
Camilo deverá ser responsabilizado por homicídio A conduta descrita no enunciado da questão é a
qualificado mediante promessa de recompensa extorsão mediante sequestro, prevista no artigo
(art. 121, § 2º, I, CP). A qualificadora do homicídio 159, CPB. A extorsão com restrição de liberdade,
mediante paga ou promessa de recompensa se por sua vez, é uma hipótese de extorsão e encontra-
aplica somente a quem recebe pagamento ou se prevista no artigo 158, § 3º, CPB.
recompensa para efetuar o homicídio, e não a
quem efetuou o pagamento ou fez a promessa
(mandante). Ademais, como se trata de uma 463 Com a finalidade de não ser identificado numa
qualificadora subjetiva, não se comunicará no abordagem policial, Antônio Almeida Silva, que
era foragido da polícia, apresenta um documento
concurso de pessoas.
de identidade falso, no qual consta a sua foto, to-
davia com o nome de Francisco Souza Cruz. Nes-
Texto das questões 460 e 461:
te caso, Antônio praticou o crime de falsa identi-
dade, previsto no artigo 307 do Código Penal.
Caio decide explodir um caixa eletrônico e subtrair o nu-
merário que se encontra em seu interior. Para tanto, ad-
Errado.
quire material explosivo e, na madrugada de 15/04/2019,
A conduta de Antônio se adequa ao tipo penal
por volta das 03h, se dirige a uma agência bancária lo-
previsto no artigo 304 do Código Penal, uso de
calizada num bairro remoto de Samambaia-DF. Ato con-
documento falso. Atenção: no crime de falsa
tínuo, acende os detonadores, explode o caixa eletrô-
identidade (art. 307, CPB), o agente se identifica de
nico e logra êxito na subtração almejada. Diante dessa
maneira falsa, mas não apresenta documento falso.
situação hipotética, analise os itens a seguir:
464 Pratica corrupção passiva o funcionário público
460 Caio será responsabilizado pelo crime de furto
que exige, para si ou para outrem, direta ou in-
qualificado com destruição ou rompimento de

Cargo: Agente e Escrivão 115


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

diretamente, ainda que fora da função ou antes de oferecer qualquer resistência, a cometer sui-
de assumi-la, mas em razão dela, vantagem cídio. Em decorrência, Antônio cometeu suicídio.
indevida. Neste caso, João deverá ser responsabilizado
pelo crime de induzimento, instigação ou auxílio
Errado. a suicídio, devendo a pena ser duplicada em ra-
Trata-se do crime de concussão, previsto no artigo zão da debilidade mental da vítima.
316 do CPB.
Errado.
465 Tício, funcionário público, estava sem canetas João Silveira responderá por homicídio consumado,
em casa e se apropriou, em razão das funções uma vez que Antônio, em razão da vulnerabilidade,
desempenhadas, de 10 canetas de propriedade não poderia oferecer resistência ao induzimento de
pública, que totalizam o valor de R$ 30,00. De João.
acordo com a jurisprudência do Superior Tribunal
de Justiça, não é possível aplicar o princípio da
469 O furto de semovente domesticável de produção, ain-
insignificância à conduta de Tício.
da que abatido ou dividido em partes no local da sub-
tração, configura uma hipótese de furto qualificado.
Certo.
Esse é o teor da Súmula 599-STJ: “O princípio da
Certo.
insignificância é inaplicável aos crimes contra a
Trata-se de uma qualificadora prevista no art. 155,
Administração Pública.”
§ 6º, do CP.
Texto para as questões 466 e 467.
470 Marília Gomes teve expedido mandado de pri-
são contra sua pessoa. A fim de se furtar da ação
Marcos Carvalho vive em união estável com Carolina
policial, Marília adquiriu, no dia 30/04/2019, uma
Santos há 5 anos. Desconfiado que Carolina mantém
carteira de identidade falsificada, na qual cons-
um caso amoroso com outra pessoa, Marcos passa
ta sua foto com o nome de outra pessoa. No dia
a agredi-la severamente com socos na face. A inten-
02/05/2019, durante abordagem policial, foi soli-
ção de Marcos, ao agredir Carolina, é causar somente
citado a Marília que se identificasse, ocasião em
lesões corporais. Todavia, em decorrência das agres-
que ela entregou o referido documento falsificado.
sões, Carolina vem a falecer.
Neste caso, Marília praticou o delito de falsa iden-
tidade, previsto no artigo 307 do Código Penal.
Diante da situação hipotética, analise as assertivas a
seguir.
Errado.
466 Apesar de Marcos não ter almejado o resultado Marília praticou o delito de uso de documento falso,
morte nem ter assumido o risco de produzi-lo, ele previsto no artigo 304 do CP.
deve responder pelo delito de feminicídio, uma
vez que Carol veio a falecer em razão das agres- 471 A jurisprudência é pacífica no sentido de que a
sões praticadas. falsificação documental deve ser absorvida, em
razão do princípio da consunção, pelo crime de
Errado. estelionato, quando for utilizada com essa finali-
Marcos deverá responder pelo delito de lesão dade e sem mais potencialidade lesiva.
corporal seguido de morte, previsto no artigo 129, §
3º, do CP, combinado com a causa de aumento de Certo.
pena prevista no artigo 129, § 10, do CP. Súmula n. 17 do STJ.

472 Opor-se à execução de ato legal, mediante ame-


467 É possível a prática de feminicídio fora dos casos
aça a funcionário público competente para execu-
de violência doméstica e familiar.
tá-lo, configura concurso dos crimes de desobedi-
ência (art. 330 do CP) e ameaça (art. 147 do CP).
Certo.
O feminicídio pode ser praticado quando há
Errado.
menosprezo ou discriminação à condição de mulher
Tal conduta se subsome ao tipo penal do art. 329 do
(art. 121, § 2º-A, inciso I, do CP), independentemente
CP – resistência.
de haver relação doméstica ou familiar com a vítima.
473 Nico Torres, conhecido assaltante do Morro da
468 João Silveira, imputável, induziu Antônio Nonato,
Cruz, São Sebastião-DF, subtraiu um colar de pé-
mentalmente enfermo e absolutamente incapaz

Cargo: Agente e Escrivão 116


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

rolas, avaliado em R$ 5.000,00 (cinco mil reais), 477 Fernando comete o crime de roubo com uma
mediante grave ameaça. Sabendo que a polícia arma de fogo desmuniciada. Assim, em face da
estava em busca do objeto e que já o tinha como ausência de potencialidade lesiva da arma de
principal suspeito, Nico entrega o colar para seu fogo utilizada na empreitada criminosa, Fernando
pai, Almeida, e pede que ele o esconda em seu deve ser responsabilizado pelo roubo simples, e
favor. Por amor ao filho e buscando ajudá-lo, Al- não por roubo circunstanciado (majorado).
meida oculta o objeto. Nesta situação, Almeida
praticou o delito de receptação e deverá ser cri- Certo.
minalmente responsabilizado. Vide o seguinte julgado do STJ: “IX – A jurisprudência
desta Corte é assente no sentido de que a utilização
Errado. de arma desmuniciada, como forma de intimidar a
Almeida praticou o delito de favorecimento real (art. vítima do delito de roubo, caracteriza o emprego
349 do CP), pelo qual deverá ser responsabilizado. de violência, porém não permite o reconhecimento
da majorante de pena, uma vez que está vinculada
Texto referente às questões 474 a 476. ao potencial lesivo do instrumento, dada a sua
ineficácia para a realização de disparos. Todavia,
Junior Pereira, maior imputável, com arma em punho "se o acusado sustentar a ausência de potencial
e mediante grave ameaça, restringiu a liberdade de lesivo da arma empregada para intimidar a vítima,
Camila Cardoso e determinou que ela lhe entregasse será dele o ônus de produzir tal prova, nos termos
seu cartão de crédito com a senha, o que foi pronta- do art. 156 do Código de Processo Penal." HC
mente obedecido. Todavia, após restringir a liberdade 467877/SP, julgado em 21/06/2018.
da vítima, Junior Pereira efetuou um disparo contra
478 Mário, indignado com seu irmão gêmeo, Mauro,
a cabeça dela, vindo a matar Camila Cardoso. A in-
desfere socos na face deste com a finalidade de
vestigação realizada pela Polícia Civil logrou êxito em
gerar lesões corporais. Nesta situação, apesar
prender o criminoso.
de não mais residirem na mesma casa, deve Má-
rio ser responsabilizado por lesão corporal em
Com base nessa situação, julgue cada item: contexto de violência doméstica.

474 Junior Pereira praticou o crime de roubo com re- Certo.


sultado morte, também conhecido como latrocínio. Vide art. 129, §9º, CP.

Errado. 479 Pratica falsidade ideológica (art. 299, CP) o


O crime praticado é o de restrição de liberdade com agente que insere informação falsa em currículo
resultado morte (art. 158, § 3º, CP). Lattes com a intenção de obter respeito e vanta-
gem em emprego ou função.
475 O crime praticado por Junior Pereira é considera-
do hediondo, de acordo com a Lei n. 8.072/1990. Errado.
Currículo Lattes não possui a qualidade de
Errado. documento e está sujeito a verificação posterior.
O crime praticado é o de extorsão com restrição Assim, segundo o STJ (RHC 81.451/RJ, julgado em
de liberdade com resultado morte (art. 158, § 3º, 22/08/2017), a conduta de inserir informação falsa
CP). Não há previsão de sua hediondez na Lei n. em currículo Lattes é atípica.
8.072/1990.
480 Configura o crime de adulteração de sinal identifi-
476 Suponha que Junior Pereira também tivesse sub- cador de veículo automotor a conduta de colocar
traído o veículo automotor da vítima e o tivesse fita adesiva na placa do carro.
vendido a Lucas Silva, dono de uma mecânica,
Certo.
que sabe se tratar de produto de crime. Em re-
Vide o seguinte julgado do STJ: “A jurisprudência
lação a Junior, essa situação caracteriza mero
deste Superior Tribunal de Justiça firmou-se no
exaurimento do crime anteriormente praticado.
sentido de que a norma contida no art. 311 do
Por outro lado, Lucas Silva praticou o delito de Código Penal busca resguardar a autenticidade dos
receptação qualificada. sinais identificadores dos veículos automotores,
sendo, pois, típica, a simples conduta de alterar,
Certo. com fita adesiva, a placa do automóvel, ainda que
Art. 180, § 1º, CP. não caracterizada a finalidade específica de fraudar
a fé pública”. (STJ, AgRg no REsp 1327888/SP,
julgado em 03/03/2015)

Cargo: Agente e Escrivão 117


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

481 Depositário judicial que se apropria indevida- 484 Pedro deve ser responsabilizado pelo delito de
mente de bem móvel, do qual tem a posse em peculato, na modalidade peculato-apropriação,
razão do múnus público exercido, pratica o crime que é uma das espécies de peculato-próprio.
de peculato.
Certo.
Errado.
Peculato-apropriação é uma das modalidades de
Responderá por apropriação indébita, uma vez que
depositário judicial não é considerado funcionário peculato-próprio, previsto no caput do artigo 312 do
público para fins penais. STJ, HC 402949-SP, CP. De fato, a conduta de Pedro se amolda ao crime
julgado em 13/03/2018 (Info n. 623). de peculato.

482 Carmelúcio, imputável, adulterou o medidor de 485 Marcos, apesar de não ser funcionário público,
energia elétrica de sua residência de tal forma pode ser responsabilizado por crime funcional. As-
que o aparelho computa apenas 30% da energia sim, na situação descrita, deve ser aplicada a te-
efetivamente consumida. Nesse caso, é possível oria monista ou unitária do concurso de pessoas,
afirmar que Carmelúcio será responsabilizado adotada como regra no Código Penal Brasileiro,
pelo furto de energia elétrica. de forma a imputar a Marcos o crime de peculato.

Errado. Certo.
De acordo com o STJ, em decisão de 07/05/2019 A condição de funcionário público ostentada por
(AResp 1.418.119-DF), se o agente efetua ligação Pedro é comunicável a Marcos, uma vez que se
clandestina de forma a impedir que a energia trata de elementar do crime de Pedro. Aplica-se a
elétrica seja computada pelo medidor, há furto regra do artigo 30 do CP: “Não se comunicam as
de energia elétrica. Entretanto, se o sistema de circunstâncias e as condições de caráter pessoal,
medição é fraudado com a finalidade descrita na salvo quando elementares do crime.” O CPB adota a
questão, teremos uma hipótese de estelionato. Teoria Monista ou Unitária do concurso de pessoas.
Logo, Marcos deverá ser responsabilizado por
Texto referente às questões 483 a 485: peculato, em que pese não ser funcionário público.

Pedro, perito policial, tem sob custódia uma pistola ca- 486 Trata-se de caso de aumento de pena do femi-
libre 40 que deve ser submetida a exame de eficiência. nicídio se o crime for praticado na presença de
Entretanto, ao constatar que a referida arma de fogo descendente ou de ascendente da vítima. Para
pertencia a um indivíduo já falecido, supõe que nin- efeitos deste aumento, a presença pode ser tanto
guém terá interesse em obter sua restituição. Assim, física quanto virtual.
decide se apropriar da arma de fogo e solicita auxílio
a seu amigo Marcos, motorista de uma empresa par- Certo.
ticular, para que este busque a referida arma de fogo Literalidade da lei. Art. 121, § 7º, II, do CP.
no Instituto de Criminalística, uma vez que Pedro tinha
receio de ser flagrado saindo do local com o objeto 487 De acordo com o Supremo Tribunal Federal, o abor-
que não lhe pertencia. Marcos, tendo conhecimento to eugênico é admitido no Direito Penal Brasileiro.
da ação criminosa praticada por Pedro, decide lhe au-
Errado.
xiliar, sob a promessa de receber R$ 200,00 (duzentos
O aborto eugênico, decorrente de eventuais
reais). A ação criminosa transcorre como planejado,
anomalias ou deficiências do feto, não é admitido
mas é descoberta pela polícia alguns dias depois. A
no Direito Penal brasileiro. Não confunda aborto
arma de fogo foi recuperada. Diante dessa situação,
eugênico com aborto de feto anencéfalo, este, sim,
julgue as assertivas a seguir.
admitido pelo STF.
483 Pedro deve ser responsabilizado por apropriação
488 O delito de uso de documento falso, previsto no
indébita, uma vez que já tinha a posse da pistola
artigo 304 do Código Penal, pode ser de menor,
quando decidiu se apropriar deste objeto.
médio ou elevado potencial ofensivo.
Errado.
Certo.
Em que pese Pedro ter se apropriado da pistola,
A pena do crime de uso de documento falso é
essa apropriação se deu em razão do cargo público
correspondente à falsificação. Haverá hipóteses em
que ocupa, o que caracteriza o crime de peculato.
que se trata de crime de menor, médio ou elevado
potencial ofensivo.

Cargo: Agente e Escrivão 118


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

489 Marcela, com o intuito de se vingar de Alfredo, o crime de furto. No caso, aplica-se o princípio da
qual lhe havia negado uma noite de amor, com- consunção. O crime fim (furto) absorve o crime
parece a uma delegacia de polícia e registra meio (violação de domicílio).
ocorrência, imputando falsamente a Alfredo o cri-
me de tentativa de estupro, do qual ela suposta- 493 Aliciar e recrutar mulheres, mediante ameaça,
mente teria sido vítima. Após as investigações, a violência, coação, fraude ou abuso com a fina-
polícia descobre a torpeza de Marcela. O delega- lidade de exploração sexual, configura crime de
do responsável pelo caso imputa a Marcela o cri- tráfico de pessoas, configurando o delito, ainda
me de comunicação falsa de crime. O delegado que a vítima não seja transportada para outro
responsável pelo caso agiu de maneira correta. país ou outro estado federativo.

Errado. Certo.
Marcela incorreu no crime de denunciação caluniosa O crime de tráfico de pessoas (art. 149-A do CP)
(art. 339 do CP) e, não, de comunicação falsa de não exige, para sua configuração, que a vítima seja
crime (art. 340 do CP). transportada para localidade diversa.

Texto referente às questões de 490 a 492. 494 A injúria real consiste na utilização de elementos re-
ferentes a raça, cor, etnia, religião, origem ou a con-
Romildo Ferreira, maior imputável, subtraiu o aparelho dição de pessoa idosa ou portadora de deficiência.
de TV de uma residência desabitada. O fato ocorreu
por volta das 2h da madrugada, na cidade de Brasília- Errado.
-DF. Romildo foi preso em flagrante e conduzido à De- A questão define a injúria racial, prevista no art. 140,
legacia de Polícia. Diante dessa situação hipotética, § 3º, do CP. A injúria real está prevista no art. 140,
julgue os itens a seguir. § 2º, do CP.

490 O fato de a residência encontrar-se desabitada 495 João Macedo falsifica reiteradamente ações de
afasta a causa de aumento de pena do furto du- sociedade comercial, livros mercantis e testa-
rante o repouso noturno. mentos particulares. Por essas ações crimino-
sas, João Macedo deverá ser responsabilizado
Errado. pelo crime de falsificação de documento público
O fato de a residência encontrar-se desabitada é e não por falsificação de documento particular.
irrelevante para a incidência do furto noturno. Essa
causa de aumento será aplicável sempre que o Certo.
furto ocorrer durante o repouso noturno, ainda que Os documentos apresentados na questão são
o crime tenha sido praticado em estabelecimento equiparados a documentos públicos pelo próprio
comercial ou mesmo em via pública. Código Penal, conforme art. 297, § 2º, do CP.

491 No caso concreto, é possível afirmar que Romil- Texto referente às questões 496 e 497:
do praticou o crime de furto qualificado.
Felipe Augusto, maior imputável, praticou um crime
Errado. de roubo no dia 19/09/2019. Na ocasião, subtraiu,
O enunciado não apresenta qualquer qualificadora mediante grave ameaça, 2 aparelhos celulares. Após
do furto. Veja que a situação hipotética não informa alguns dias, Felipe Augusto desconfiou que a Polícia
se Romildo empregou chave falsa ou destruiu algum Civil estava investigando o crime praticado e achou
obstáculo para entrar na residência. É possível que melhor pedir a seu pai, Carlos Augusto, que ocultasse
a casa estivesse aberta e Romildo, aproveitando-se os referidos aparelhos em sua residência. Carlos Au-
dessa facilidade, praticou o furto. gusto, ciente da origem criminosa dos aparelhos ce-
lulares, aceitou ocultá-los, a fim de auxiliar seu filho a
492 Não será imputado a Romildo o crime de violação não ser preso. Diante da situação apresentada, julgue
de domicílio, uma vez que, apesar de configurar os itens a seguir.
crime autônomo, na presente situação, este de-
lito será absorvido pelo crime de furto, em razão 496 Nesta situação, Carlos Augusto praticou o crime de
do princípio da consunção. favorecimento real. Todavia, caso ocultasse os refe-
ridos aparelhos celulares em seu próprio favor, po-
Certo. deria ser responsabilizado pelo crime de receptação.
Apesar de ter havido violação a domicílio alheio,
Romildo somente será responsabilizado pelo Certo.

Cargo: Agente e Escrivão 119


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

No crime de favorecimento real, o auxílio é prestado por homicídio qualificado, uma vez que foi ele quem
a terceiro, fora dos casos de coautoria ou de praticou o homicídio em razão da promessa de
receptação. Vide artigo 349 do CP. pagamento (art. 121, § 2º, I). Essa qualificadora não
se aplica ao mandante do crime.
497 Apesar de Carlos Augusto ter praticado fato típico,
como o auxílio prestado se deu em favor de seu Texto referente às questões 500 e 501.
descendente, ele deverá ficar isento de pena.
Martino Cabral decide explodir um caixa eletrônico e
Errado. subtrair o numerário que se encontra em seu interior.
A previsão de isenção de pena para quem presta Para tanto, adquire material explosivo e, na madrugada
auxílio a criminoso somente se dá no crime de de 1º/10/2019, por volta das 3h da madrugada, dirige-
favorecimento pessoal (art. 348 do CP) e não no -se a uma agência bancária totalmente vazia, localiza-
crime de favorecimento real (art. 349 do CP). da na cidade de Brazlândia-DF. Ato contínuo, detona
os explosivos e logra êxito na subtração almejada.
Texto referente às questões 498 e 499.
Diante dessa situação hipotética, julgue os itens a seguir.
Marcondes Ferreira foi ameaçado de morte por Amân-
cio Silva, maior imputável. Diante dessa ameaça e re- 500 Martino deve ser responsabilizado pelo crime de
ceoso de ser morto, Marcondes decide se antecipar e furto qualificado em razão do emprego de explo-
matar Amâncio. Para tanto, Marcondes contrata Arlin- sivos, e deverá haver aumento de pena de um
do Freitas, assassino profissional, prometendo lhe pa- terço em razão de o furto ter sido praticado du-
gar R$ 200,00 (duzentos reais) para matar Amâncio. O rante o repouso noturno, sendo irrelevante o fato
crime é executado no dia 26/10/2019, ocasião em que de a ação criminosa ter ocorrido em estabeleci-
Arlindo desferiu três tiros no peito de Amâncio, cau- mento comercial.
sando sua morte. A polícia é acionada para investigar
o fato e chega à autoria do crime. Certo.
O artigo 155, § 1º, do Código Penal dispõe que “a
Diante dessa situação hipotética, julgue os itens a seguir. pena aumenta-se de um terço, se o crime é praticado
durante o repouso noturno.” Essa causa de aumento
498 De acordo com a teoria objetivo-formal, adotada de pena aplica-se ao furto qualificado pelo emprego
pelo Código Penal brasileiro no que concerne ao de explosivos e às demais hipóteses de furto.
concurso de pessoas, na situação acima rela-
tada, Marcondes será considerado partícipe do 501 Suponha que a ação tivesse ocorrido durante o
crime, enquanto Arlindo será considerado autor. dia, momento em que havia pessoas no interior da
agência bancária. Ao praticar a subtração do nu-
Certo. merário com o uso de explosivos e mediante gra-
O Código Penal brasileiro adota a teoria objetivo- ve ameaça ou violência a essas pessoas, Martino
formal, segundo a qual o autor do crime será aquele deveria ser responsabilizado por roubo qualificado.
que pratica o verbo núcleo do tipo penal. Logo,
como foi Arlindo quem efetuou os disparos, este Errado.
é considerado autor. Marcondes, por sua vez, é Apesar de o fato realmente configurar roubo, e não
partícipe, pois instigou a prática do crime sem que furto, em virtude da grave ameaça ou violência a
praticasse o verbo do tipo penal. pessoas que se encontravam no interior da agência
bancária, o roubo com uso de explosivos sofre
499 É possível que Marcondes seja responsabilizado aumento de pena. Não se trata de qualificadora do
somente por homicídio simples. Enquanto Arlindo crime de roubo. (Vide art. 157 e parágrafos)
deverá ser responsabilizado por homicídio quali-
ficado mediante paga, promessa de recompensa No que se refere aos crimes contra a fé pública, julgue
ou outro motivo torpe. os itens que se seguem.

Certo. 502 Alterar a numeração da placa de veículo com fita


De fato, não há qualquer qualificadora legal que se isolante configura o crime de adulteração de sinal
aplique a Marcondes. A qualificadora do homicídio identificador de veículo.
mediante paga ou promessa de recompensa é
subjetiva, razão por que não haverá a comunicação Certo.
dessa circunstância no concurso de pessoas. É o entendimento jurisprudencial do STJ: “1. A
Assim, somente Arlindo deve ser responsabilizado jurisprudência deste Superior Tribunal entende

Cargo: Agente e Escrivão 120


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

que a simples conduta de adulterar a placa de ma, os atos processuais já praticados devem ser
veículo automotor é típica, enquadrando-se no repetidos, se possíveis, para se adequar às no-
delito descrito no art. 311 do Código Penal. Não vas disposições procedimentais.
se exige que a conduta do agente seja dirigida a
uma finalidade específica, basta que modifique Errado.
qualquer sinal identificador de veículo automotor. O artigo 2º do CPP dispõe que “a lei processual
2. A conduta realizada pelo recorrido, que, com o penal aplicar-se-á desde logo, sem prejuízo da
uso de fita isolante, modificou o número da placa validade dos atos realizados sob a vigência da lei
da motocicleta, configura o delito tipificado referido anterior.” Logo, não há que se falar em repetir atos
dispositivo.” (AgRg no AREsp 860012/MG) processuais já realizados sob a égide de lei anterior.
Eles continuarão válidos, mesmo após a revogação
503 A falsificação de selo destinado a controle tribu- da lei que os disciplinou.
tário configura o delito de falsificação de selo ou
sinal público. 507 O inquérito policial possui a característica do sigi-
lo. Por essa razão, o advogado do indiciado não
Errado. pode ter amplo acesso aos elementos de prova
Esse é um peguinha que já caiu em provas anteriores. já documentados.
A falsificação de selo destinado a controle tributário
gera o crime previsto no artigo 293 do Código Penal Errado.
– Falsificação de papéis públicos. De fato, o inquérito policial possui a característica do
sigilo. Todavia, esse sigilo se limita às diligências que,
504 Apesar de o crime de estupro ter passado a ser pela sua própria natureza, não podem e não devem ser
de ação penal pública incondicionada, o delito de reveladas antes de cumpridas, a exemplo do mandado
importunação sexual (art. 215 – A do CP) exige a de busca e apreensão e da interceptação telefônica. Por
representação da vítima. outro lado, com relação às diligências já documentadas,
a Súmula Vinculante 14 dispõe que “é direito do
Errado. defensor, no interesse do representado, ter acesso
De acordo com o artigo 225 do Código Penal, amplo aos elementos de prova que, já documentados
alterado pela Lei n. 13.718/2018, “nos crimes em procedimento investigatório realizado por órgão
definidos nos Capítulos I e II deste Título, procede- com competência de polícia judiciária, digam respeito
se mediante ação penal pública incondicionada”. ao exercício do direito de defesa.”
Com efeito, atualmente, não só os crimes previstos
nos capítulos I e II, mas todos os crimes contra a 508 O inquérito policial é indispensável à persecução
dignidade sexual procedem-se mediante ação penal, sem o qual o Ministério Público não pode
penal pública incondicionada. oferecer a denúncia.

505 O crime de fraude processual pode ser pratica- Errado.


do no âmbito de processo civil, administrativo ou O inquérito policial é dispensável. Se o Ministério
penal. Entretanto, a reprimenda será maior se a Público possui elementos probatórios suficientes
inovação artificiosa se destinar a produzir efeito para a denúncia, não se faz necessária a instauração
em processo penal, ainda que não iniciado. de inquérito policial.

Certo. Texto relacionado às questões 509 a 512:


Art. 347. Inovar artificiosamente, na pendência de Carlinhos é investigado por ter, supostamente, pra-
processo civil ou administrativo, o estado de lugar, ticado o crime de latrocínio contra Marcélia, no dia
de coisa ou de pessoa, com o fim de induzir a erro 15/03/2019. Diante dessa situação hipotética, julgue
o juiz ou o perito: Pena - detenção, de três meses a cada item a seguir:
dois anos, e multa.
Parágrafo único. Se a inovação se destina a produzir 509 Durante a fase de inquérito policial, se Carlinhos tiver
efeito em processo penal, ainda que não iniciado, sua prisão temporária decretada, esta terá o prazo
as penas aplicam-se em dobro. de 30 (trinta) dias, prorrogável por igual período em
caso de extrema e comprovada necessidade.
DIREITO PROCESSUAL PENAL
(Diego Henrique) Certo.
Trata-se de crime hediondo. A prisão temporária
506 Uma nova lei processual penal entrou em vigor encontra-se prevista na lei n. 7.960/1989 e tem
durante o curso de uma ação penal. Dessa for- o prazo de 5 dias, prorrogável por igual período.

Cargo: Agente e Escrivão 121


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

Entretanto, a Lei n. 8.072/1990, no artigo 2º, § 4º, Errado.


estabelece que a prisão temporária que se dá em Trata-se de procedimento, e não de processo.
razão de crimes hediondos terá o prazo de 30 dias,
prorrogável por igual período em caso de extrema e 515 A ação penal nos crimes praticados em contexto
comprovada necessidade. de violência doméstica e familiar contra a mulher
é de natureza pública incondicionada.
510 O juiz não pode decretar prisão temporária (Lei
n. 7.960/1989) de ofício, devendo haver prévio Errado.
requerimento do Ministério Público ou represen- Não são todas as infrações penais. Exemplo: ameaça
tação da autoridade policial. continua sendo condicionada à representação.

Certo. 516 Como regra, no processo penal, a competência


Art. 2º, caput, Lei n. 7.960/1989. é pelo local da consumação da infração penal.
Caso seja desconhecido, será fixada pelo domicí-
511 Suponha que Macedo, membro do Ministério lio ou residência do réu. Todavia, em se tratando
Público, ofereça denúncia contra Carlinhos, em de ação penal privada (exclusiva, personalíssima
virtude do suposto latrocínio praticado por este. ou subsidiária da pública), o ofendido poderá op-
Ocorre que, durante a ação penal, Macedo se tar pelo local do domicílio do réu, mesmo sendo
convence de que Carlinhos é, na verdade, ino- conhecido o local da consumação.
cente desse crime. Nessa situação, Macedo pode
desistir da ação penal ou se recusar a acusá-lo. Errado.
Se não tivesse sido indicada “subsidiária da pública”,
Errado.
a questão estaria correta.
O artigo 42 do CPP dispõe: “O Ministério Público não
poderá desistir da ação penal.” Assim, se o membro
517 É possível haver, em determinado caso concre-
do Ministério Público entende que o acusado é
to, interceptação telefônica a respeito de crime
inocente, deve requerer a absolvição do réu, e não
punido com detenção, como no caso de ser des-
simplesmente desistir da ação penal.
coberto um crime de ameaça durante a intercep-
tação de um crime de homicídio.
512 O crime de latrocínio é um crime complexo e re-
sulta da fusão dos crimes de roubo e homicídio.
Assim, o julgamento desse crime hediondo deve Certo.
ocorrer perante o Tribunal do Júri. Trata-se da serendipidade.

Errado. 518 A prisão temporária pode ser decretada pelo pra-


O latrocínio é um crime contra o patrimônio, previsto zo de 5 dias, prorrogáveis por igual período, no
no artigo 157, § 3º, II, do Código Penal. Não se trata de caso do crime de roubo simples. Tal crime tam-
crime doloso contra a vida. A Súmula 603 do STF dispõe bém admite, ao menos analisando a sua pena em
que “a competência para o processo e julgamento de abstrato, a possibilidade de decretação de prisão
latrocínio é do juiz singular, e não do tribunal do júri.” preventiva, se presentes os demais requisitos,
pressupostos e condições de admissibilidade.
513 É denominado flagrante próprio ou perfeito as
hipóteses em que o agente é preso enquanto co- Certo.
mete a infração penal ou acaba de cometê-la.
519 Muito se discute sobre a influência da mídia nas
Certo. decisões judiciais, havendo posicionamentos fa-
Trata-se das hipóteses previstas no artigo 302, voráveis e desfavoráveis. Em que pese tal dis-
incisos I e II, do CPP, conhecidas como flagrante cussão, prevalece que o clamor social, quando
próprio ou perfeito, tal como exposto no enunciado de alta relevância, é motivo idôneo para a decre-
da questão. tação da prisão preventiva.

514 O inquérito policial é um processo administrativo Errado.


que visa apurar a autoria e a materialidade do O clamor social não permite, por si só, a decretação
fato praticado, tendo como características, dentre da prisão preventiva.
outras, ser escrito, a oficiosidade, a oficialidade,
a discricionariedade e o sigilo. 520 O exame de corpo de delito pode ser realizado
a qualquer dia e a qualquer hora. Tratando-se,

Cargo: Agente e Escrivão 122


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

porém, de autópsia, deverá ser realizada pelo Art. 252. O juiz não poderá exercer jurisdição no
menos cinco horas depois do óbito, salvo se os processo em que:
peritos, pela evidência dos sinais de morte, julga- I – tiver funcionado seu cônjuge ou parente,
rem que possa ser feita antes daquele prazo, o consanguíneo ou afim, em linha reta ou colateral
que declararão no auto. até o terceiro grau, inclusive, como defensor
ou advogado, órgão do Ministério Público,
Errado. autoridade policial, auxiliar da justiça ou perito.
Seis horas.
526 O indulto extingue os efeitos penais primários e
521 O interrogatório do réu passou a ser o último ato secundários da condenação.
da instrução criminal. Nesse ponto, em se tratan-
do de réu surdo, as perguntas serão formuladas Errado.
por escrito, e a resposta será dada da mesma Trata-se de entendimento já consolidado e que
forma, mantendo a higidez procedimental. foi expresso na nova súmula do STJ de n. 631: O
indulto extingue os efeitos primários da condenação
Errado. (pretensão executória), mas não atinge os efeitos
As perguntas serão feitas por escrito e as respostas secundários, penais ou extrapenais.
serão dadas de forma oral.
527 João confessou ser usuário de drogas em audiên-
Quanto ao tempo de prisão domiciliar, Lei de Execu- cia de instrução de processo criminal em que se
ção Penal e inquérito policial, julgue os itens a seguir:
apura tráfico ilícito de drogas por ele, em tese, pra-
ticado. Nesse caso, como a acusação é de tráfico
522 Admite-se a prisão domiciliar no CPP no caso de
de drogas, caso condenado, não fará jus à atenu-
o agente ser maior de 70 anos.
ante da confissão espontânea, já que confessou
Errado. outro fato (porte de drogas para consumo pessoal).
Não se pode confundir a prisão domiciliar do CPP
com a da LEP, havendo diferenças. No CPP, maior Certo.
de 80 anos; na LEP, de 70 anos. Trata-se também de novidade sumular do STJ de
n. 630, in verbis: “A incidência da atenuante da
523 O indiciamento é atribuição exclusiva do delega- confissão espontânea no crime de tráfico ilícito de
do de polícia, não sendo possível que o juiz nem entorpecentes exige o reconhecimento da traficância
o promotor de justiça o determinem. A exceção pelo acusado, não bastando a mera admissão da
fica por conta de ordem de indiciamento prove- posse ou propriedade para uso próprio.”
niente de Ministro do STF, caso em que o dele-
gado deverá cumpri-la. 528 “A”, policial militar, foi designado para atuar como
agente de inteligência (à paisana, portanto) nas
Errado. manifestações a respeito das eleições. Durante
Trata-se de atribuição exclusiva do Delegado de sua investigação, fez amizades com diversos
Polícia, sujeita a seu grau de convencimento. membros, participou de grupos de WhatsApp e
de diversas reuniões, possibilitando, assim, a ob-
524 Para os Tribunais de sobreposição, é cabível o tenção de um maior número de informações a fim
desarquivamento de inquérito policial quando a de subsidiar o projeto de segurança de governo.
sua causa determinante se tratou de excludente Ainda, identificou-se a líder do grupo que, após
de ilicitude.
alguns dias, foi presa com base nesses elemen-
tos por ele angariados. Tais elementos obtidos
Errado.
são ilícitos, pois, para infiltração de agente poli-
Há divergência. Para o STF, é possível desarquivar.
cial, é necessária autorização judicial.
Para o STJ, não, pois se fez coisa julgada material.
Certo.
525 A participação de magistrado em julgamento de
Para ser agente de inteligência, não se exige
caso em que seu pai já havia atuado é causa de
autorização judicial. Todavia, como atuou além
nulidade absoluta, prevista no art. 252, I, do CPP.
das suas funções, em nítida demonstração de
infiltração, transmudou-se de agente de inteligência
Certo. para agente infiltrado, técnica que, como se sabe,
Trata-se de recente entendimento divulgado pelo exige autorização judicial. Esse fato foi divulgado no
STF no Informativo n. 940. Informativo n. 932 do STF.

Cargo: Agente e Escrivão 123


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

529 No caso de processo penal que tramita sob se- 533 Considera-se flagrante próprio aquele em que o
gredo de justiça em razão da qualidade da víti- agente está cometendo a infração e o flagrante
ma (criança ou adolescente), o nome completo impróprio aquele em que o agente acabou de
do acusado e a tipificação penal podem constar cometê-la.
entre os dados básicos do processo disponibi-
lizados para consulta livre no site eletrônico do Errado.
Tribunal, ainda que os crimes se relacionem com Ambos são espécies de flagrante próprio. Art. 302,
pornografia infantil. I e II, do CPP.

Certo.
534 Se não houver testemunha de determinado cri-
Trata-se de entendimento do STJ pouco conhecido
me, o delegado, ainda assim, poderá lavrar o
no mundo jurídico. Mas, aqui, no @grancursosonline,
auto de prisão em flagrante. Nesse caso, ele de-
você é treinado para qualquer desafio. Memorize
verá colocar duas pessoas como testemunhas
esse entendimento decidido no RMS 49920/SP – 5ª
de apresentação, que também são chamadas de
Turma do STJ do dia 02/08/2016.
testemunhas instrumentárias ou do juízo.

Quanto ao processo penal brasileiro, julgue os itens


Errado.
a seguir.
Estava correta até instrumentárias. O erro foi
mencionar testemunha do juízo, que não se
530 Admite-se a denúncia genérica no Brasil, pois o
confunde com testemunhas instrumentárias/
acusado se defende dos fatos.
fedetárias.
Errado.
535 A prisão preventiva pode ser decretada quando
Não se pode confundir denúncia genérica com
um crime é cometido de forma bárbara, causan-
denúncia geral. Apenas a denúncia geral é admitida.
do enorme clamor social. Isso serve, inclusive,
A denúncia genérica será causa de não recebimento
para proteger o investigado de um linchamento
da denúncia, por ser considerada inepta.
por parte da população.
531 José, deputado federal, cometeu crime de injúria
contra um condutor de um veículo, quando este Errado.
lhe deu uma “fechada” no trânsito. Nesse caso, O mero clamor social não permite a decretação da
caberá ao juízo de 1ª instância o seu processo e prisão preventiva.
julgamento e, não, ao STF.
536 A gestante, independentemente do tempo de gra-
Certo. videz, como regra, faz jus à prisão domiciliar em
Atualmente o foro por prerrogativa de função aplica- substituição à prisão preventiva prevista no CPP.
se apenas aos crimes cometidos durante o exercício
do mandato e em razão dele. Certo.
Antigamente, exigia-se a partir do 7º mês.
532 Perigoso, indivíduo temido na região, decidiu por Atualmente, não há relevância o período de
assaltar pessoas em determinado ponto de ôni- gestação.
bus. Lá chegando, havia apenas um indivíduo.
Perigoso, então, munido de uma faca, anunciou 537 O delegado pode arbitrar fiança em crimes cuja
o assalto e determinou que a pessoa lhe entre- pena máxima em abstrato não seja superior a 4
gasse os seus pertences. A vítima, lutador de anos. Além disso, o delegado poderá aumentar,
jiu-jitsu, faixa roxa, optou por reagir. Perigoso, no máximo, até 100 (cem) vezes.
para conseguir subtrair os pertences, efetuou um
golpe no tórax do lutador, o qual não resistiu e Errado.
morreu. Após o golpe, Perigoso, assustado, saiu O delegado poderá aumentar até 1.000 (mil) vezes.
em desabalada carreira, não levando consigo ne-
nhum pertence da vítima. Nesse caso, segundo Quanto à execução penal, julgue os itens a seguir.
o STF, o crime restou consumado e será caso de
julgamento pelo Tribunal do Júri, cujos votos dos 538 João cometeu crime de roubo e foi condenado a
jurados são protegidos pelo sigilo. 6 anos de prisão. Iniciou o cumprimento da pena
no dia 01/02/15. Assim que completou 1/6 de
Errado. cumprimento da pena, apresentou requerimen-
Crime de latrocínio não é de competência do to de progressão de regime. Após 5 meses de
Tribunal do Júri (Súmula n. 603 do STF). análise, o juiz da execução deferiu. A nova data-

Cargo: Agente e Escrivão 124


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

-base para a próxima progressão será o dia em 543 A competência para julgar crime contra casa loté-
que preencheu os requisitos e não o dia em que rica é da Justiça Federal.
o juiz deferiu o benefício.
Errado.
Certo. Trata-se de competência da Justiça Estadual. A
Questão bem interessante que foi decidida pelo lotérica é mera permissionária, assumindo o serviço
STJ (informativo 595). Também é o entendimento por sua conta e risco.
do STF.
Acerca do inquérito policial, responda o item abaixo.
539 Admite-se a progressão per saltum se o agente
tiver bom comportamento carcerário. 544 Delegado entendeu que o fato investigado era
atípico e relatou o inquérito sugerindo o arquiva-
Errado. mento. O Ministério Público concordou e promo-
Cuidado!!!!!!!!!! Questão sempre cobrada em provas veu o arquivamento, o que foi homologado pelo
e capaz de confundir os candidatos. É possível ir do juiz. Nesse caso, entendendo a vítima que a con-
regime aberto ao fechado diretamente (regressão duta é irregular, já que, a seu ver, o fato é típico,
per saltum), mas não se admite a progressão per poderá ingressar com um mandado de seguran-
saltum, ou seja, progredir do fechado diretamente ça para evitar o referido arquivamento.
para o aberto. Deverá, necessariamente, passar
pelo semiaberto. Errado.
Não cabe MS nesse caso, segundo o STJ
540 Não se admite a regressão per saltum, pois fere (Informativo 565, MS 21081/DF).
a legalidade.
Acerca da temática prisão, julgue o presente item.
Errado.
Veja o comentário da questão 98. 545 O mero descumprimento do acordo de colabora-
ção premiada não justifica, por si só, a decreta-
A respeito de elementos informativos e de provas, jul- ção de prisão preventiva do colaborador.
gue o seguinte item.
Certo.
541 Delegado, ao efetuar a prisão de um indivíduo e la- (STF HC 138207/PR): é necessária a existência
vrar o Auto de Prisão em Flagrante APF, não pode- dos requisitos e pressupostos da prisão cautelar.
rá, sem autorização judicial, apreender o aparelho
celular que ele utilizava para conversar com outras Quanto ao tema provas, julgue os itens a seguir.
pessoas, sob pena de “ilicitude probatória”.
546 O réu não tem direito subjetivo de acompanhar, por
Errado. sistema de videoconferência, audiência de inqui-
Apreender pode. Não se admite o acesso aos dados rição de testemunhas realizada, presencialmente,
sem autorização. perante o Juízo natural da causa, por ausência de
previsão legal, regulamentar e principiológica.
Quanto à competência criminal, julgue as assertivas
abaixo. Certo.
Trata-se de entendimento consagrado no STJ,
542 João utilizou-se de um documento falso da Ma- repetido, inclusive, em 2018. Muita atenção! Em razão
rinha numa blitz de rotina realizada por policiais da ausência de previsão legal, não há direito subjetivo.
estaduais. Nesse caso, por se tratar de documen-
to emitido por órgão federal, a competência para 547 Nos crimes sexuais, a palavra da vítima não tem
o processo e julgamento será da Justiça Federal. tanta relevância, sendo necessária a oitiva de
testemunhas para a comprovação do fato.
Errado.
A competência para o crime de uso de documento Errado.
falso observa o órgão lesado com a apresentação Comumente são crimes que ocorrem às ocultas,
(Súmula 545/STJ), no caso, a Polícia Estadual. Se motivo pelo qual os Tribunais dão alto grau de
se tratasse de falsificação (e não de uso), aí seria relevância à palavra da vítima.
caso da Justiça Federal, já que o documento é
emitido por órgão federal.

Cargo: Agente e Escrivão 125


QUESTÕES INÉDITAS PARA A PCDF – 2019

548 O STJ já entendeu que é possível a antecipação LEGISLAÇÃO ESPECÍFICA


da colheita da prova testemunhal, com base no (Marcos Fagner)
art. 366 do CPP, nas hipóteses em que as teste-
munhas são policiais. No que se refere ao regime jurídico peculiar dos fun-
cionários policiais civis da União e do Distrito Federal
Certo. (DF) e ao desmembramento e reorganização da car-
Os policiais rotineiramente envolvem-se em fatos reira policial civil do DF, julgue os itens subsequentes.
semelhantes, o que pode gerar um esquecimento
e/ou confusão fática. 554 A Carreira de Polícia Civil do Distrito Federal é de
nível superior e compõe-se dos cargos de Perito
549 Como regra, é necessária a realização de perícia Criminal, Perito Médico-Legista, Agente de Polí-
para a identificaç