Você está na página 1de 4

CONHECIMENTOS PEDAGÓGICOS - INTENSIVO

Professor: Claudisom Martins INTENSIVO

1. As Diretrizes Curriculares Nacionais (DCNs) são normas Curricular (BNCC), é correto afirmar que os PCNs:
obrigatórias para a Educação Básica que orientam o planejamento A) deixam de ser obrigatórios por conflitarem com a Base, sendo
curricular das escolas e dos sistemas de ensino. Elas são discutidas, substituídos pela BNCC.
concebidas e fixadas pelo Conselho Nacional de Educação (CNE). B) tiveram as expectativas de aprendizagem substituídas por direitos
Mesmo depois que o Brasil elaborou a Base Nacional Comum de aprendizagem na BNCC.
Curricular (BNCC), as Diretrizes continuam valendo porque os C) perderam sua função no momento da edição das Diretrizes
documentos são complementares: as Diretrizes dão a estrutura; a Curriculares Nacionais.
Base o detalhamento de conteúdos e competências. Sobre as D) não são tornados inválidos pela BNCC, permanecendo
Diretrizes Curriculares Nacionais, assinale a alternativa correta. documentos orientadores.
A) As diretrizes curriculares visam preservar a questão da autonomia E) foram automaticamente revogados pela Portaria MEC no 1.570
da escola e da proposta pedagógica, porém com algumas ressalvas. que aprova a BNCC.
Elas desencorajam as instituições a montar seu currículo, pois, dentro
das áreas de conhecimento, os conteúdos a serem trabalhados 5. Desde a publicação da Lei de Diretrizes e Bases da Educação
devem estar conectados à formação das competências explícitas nas Nacional se discutem formas de melhoria da educação brasileira, num
DCNs. processo de construção constante. Recentemente, a Base Nacional
B) As diretrizes curriculares são obrigatórios e devem ser respeitados Comum Curricular vem sendo amplamente debatida, com a
por todas as escolas, tanto da rede pública como particular, porém capacidade de contribuição de professores, especialistas e da
com a homologação da Base Nacional Comum Curricular, elas se sociedade civil. A Base Nacional Comum Curricular tem como
tornaram obsoletas. objetivo:
C) O processo de definição das diretrizes curriculares contou com a A) coibir a doutrinação ideológica que ocorre na maior parte das
participação de algumas esferas da sociedade, dentre elas, o escolas brasileiras, uma vez que cria uma Base obrigatória a ser
Conselho Nacional dos Secretários Estaduais de Educação (Consed). ministrada pelo professor.
Órgãos como a União Nacional dos Dirigentes Municipais de B) engessar o trabalho do professor, buscando mecanismos de
Educação (Undime) e a Associação Nacional de Pós-Graduação e controle de conteúdo e metodologias de ensino.
Pesquisa em Educação (ANPEd) não participaram desse processo. C) definir conteúdos essenciais a todos os estudantes brasileiros,
D) As Diretrizes Curriculares Nacionais são um conjunto de definições impedindo o professor de ministrar conteúdos que não constem na
doutrinárias sobre princípios, fundamentos e procedimentos na Base.
Educação Básica que orientam as escolas na organização, D) definir conhecimentos essenciais aos quais todos os estudantes
articulação, desenvolvimento e avaliação de suas propostas têm direito a ter acesso e se apropriar.
pedagógicas. E) criar uma base de conteúdos essenciais ao povo brasileiro, com
objetivo de homogeneizar a cultura do país, diminuindo a
2. Leia o Art. 26 da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, desigualdade regional.
LDBEN nº 9.394/1996, um dos marcos legais que fundamentam a
Base Nacional Comum Curricular (BRASIL, 2017): 6. O artigo 26 da Lei nº 9.394/96, LDB em vigor, afirma que os
Os currículos da Educação Infantil, do Ensino Fundamental e do currículos da educação infantil devem contemplar a Base Nacional
Ensino Médio devem ter base nacional comum a ser complementada Comum Curricular – BNCC. Em dezembro de 2017, o Conselho
em cada sistema de ensino e em cada estabelecimento escolar, por Nacional de Educação a aprovou. Sobre esse tema, é correto afirmar
uma parte diversificada, exigida pelas características regionais e que a BNCC é um documento de caráter:
locais da sociedade, da cultura, da economia e dos educandos. A) reflexivo, que define o conjunto normativo orgânico e progressivo
(BRASIL, 1996) de aprendizagens essenciais como direito das crianças, jovens e
Considerando a LDBEN nº 9.394/96 e as proposições da BNCC adultos
(BRASIL, 2017), é CORRETO afirmar: B) normativo, que define o conjunto normativo orgânico e progressivo
A) A parte diversificada está para os direitos de aprendizagem assim de aprendizagens essenciais como direito das crianças, jovens e
como a Base Nacional Comum Curricular está para o atendimento à adultos
diversidade regional na discussão curricular. C) opcional, que defende o conjunto normativo orgânico e progressivo
B) A BNCC e os currículos tem papéis sobrepostos no sentido de de aprendizagens essenciais como direito das crianças, jovens e
assegurar aprendizagens necessárias ao aluno de cada etapa da adultos
Educação Básica. D) sugestivo, que defende o conjunto normativo orgânico e
C) Os conteúdos, conceitos e processos, bem como a definição das progressivo de aprendizagens essenciais como direito das crianças,
unidades temáticas da parte diversificada do currículo estão definidos jovens e adultos
na BNCC para cumprimento dos sistemas de ensino.
D) Segundo a BNCC (BRASIL, 2017), os conteúdos curriculares 7. Analise o texto abaixo:
passam a exercer função secundária no processo educacional, uma A Base Nacional Comum Curricular (BNCC) é referência nacional
vez que a prioridade está na concretização das competências gerais. para os sistemas de ensino e para as instituições ou redes escolares
E) Uma das noções fundantes da BNCC é a relação entre o que públicas e privadas___________ , dos sistemas federal, estaduais,
básico/comum e o que é diverso em matéria curricular. As distrital e municipais, para construírem ou revisarem os seus
competências/diretrizes são comuns enquanto os currículos são currículos.
diversos. Assinale a alternativa que completa corretamente a lacuna do texto.
A) do Ensino Superior B) do Ensino Médio
3. A Resolução CNE/CP no 2, de 22 de dezembro de 2017, institui a C) do Ensino Fundamental D) da Educação Infantil
Base Nacional Comum Curricular (BNCC), como documento de E) da Educação Básica
caráter:
A) Optativo. B) Normativo. 8. As diretrizes da Educação em nosso país estão passando por um
C) Formativo. D) Consultivo. processo de transição. Nesse momento, temos como referência os
E) Deliberativo. Parâmetros Curriculares Nacionais (PCNs) e a Base Nacional
Comum Curricular (BNCC), que ainda não foi concluída, mas já está
4. Considerando os Parâmetros Curriculares Nacionais (PCNs) no sendo utilizada em algumas escolas, em sua versão preliminar.
quadro das mudanças provocadas pela Base Nacional Comum

1
CONHECIMENTOS PEDAGÓGICOS - INTENSIVO
Professor: Claudisom Martins INTENSIVO

Essas diretrizes servem como guia, que orientam todas as atividades base nacional curricular). Considere as proposições a seguir a
da instituição segundo a realidade da própria escola, em comunhão respeito do grande objetivo da área.
com os objetivos dispostos pelo Governo Federal. I. Levar os alunos a refletir sobre a própria existência.
A Base determina as aprendizagens que todos os alunos da II. Promover a reflexão acerca do valor dos direitos humanos.
Educação Infantil até o Ensino Médio devem desenvolver ao longo da III. Favorecer o exercício da autonomia e da responsabilidade coletiva
Educação Básica, e deverá ser implementada até: sobre o mundo a ser herdado pelas próximas gerações.
A) 2023. B) 2020. C) 2025. D) 2022. IV. Promover o entendimento de importância acerca do exercício
político-ideológico.
9. Para a escola incorporar as propostas da BNCC ao projeto político- V. Reconhecer a importância da distribuição do poder decisório não
pedagógico é necessário identificar quais são as competências que equitativo.
devem ser desenvolvidas pelos alunos, considerando também a
atuação que a escola já tem dentro de diferentes campos de É correto o que se afirma apenas em
desenvolvimento. A) I e IV. B) I, II e III. C) III.
Partindo dessa premissa, o primeiro passo para começar essa D) II, III e V. E) IV.
construção é:
A) fazer um diagnóstico das práticas pedagógicas e do aprendizado 12. Leia o texto:
dos alunos. O conceito de competência é assumido pela Base Nacional Comum
B) conhecer a comunidade e convidá-la para participar das atividades Curricular (BNCC) (BRASIL, 2017) no tratamento dos fundamentos
escolares. pedagógicos. O texto da BNCC esclarece que esta é uma discussão
C) ler os PPPs de outras escolas para conhecer o modelo pedagógica e social das últimas décadas inclusive demarcada na
corretamente. LDBEN nº 9.394/1996.
D) traçar objetivos realistas, detalhados e metas para o final do ano O documento esclarece que “[...] desde as décadas finais do século
letivo. XX e ao longo deste início do século XXI, o foco no desenvolvimento
E) contratar um profissional da área da Educação para produzir o de competências tem orientado a maioria dos Estados e Municípios
PPP. brasileiros e diferentes países na construção de seus currículos”.
(BRASIL, 2017, p. 13). Informa, ainda, que a centralidade nas
10. Leia os textos abaixo que tratam da função pedagógica e competências é também o enfoque evidenciado pelas avaliações
estratégica da Base Nacional Comum Curricular: externas nacionais e internacionais.
A Base Nacional Comum Curricular (BNCC) é um documento de
caráter normativo que define o conjunto orgânico e progressivo de Nesse contexto e tendo como base o texto da BNCC, avalie as
aprendizagens essenciais que todos os alunos devem desenvolver ao asserções a seguir e a relação proposta entre elas:
longo das etapas e modalidades da Educação Básica, de modo a que I. Competência significa a mobilização de conhecimentos (conceitos
tenham assegurados seus direitos de aprendizagem e e procedimentos), habilidades (práticas cognitivas e
desenvolvimento, em conformidade com o que preceitua o Plano socioemocionais), atitudes e valores para resolver demandas
Nacional de Educação (PNE). (BRASIL, 2017, p. 7). complexas da vida cotidiana no exercício da cidadania e do mundo
Entende-se por Base Nacional Comum Curricular, na Educação do trabalho.
Básica, os conhecimentos, saberes e valores produzidos II. O desenvolvimento curricular por meio de competências torna-se
culturalmente, expressos nas políticas públicas e que são gerados importante no sentido de orientar não apenas o que os alunos devem
nas institui- ções produtoras do conhecimento científico e tecnológico; “saber”, mas, sobretudo, o que devem “saber fazer”. A orientação por
no mundo do trabalho; no desenvolvimento das linguagens; nas competências oferece referências claras para o fortalecimento das
atividades desportivas e culturais; na produção artística; nas formas ações educativas, no sentido de alcançar os direitos de aprendizagem
diversas de exercício da cidadania; nos movimentos sociais. de todos os alunos da educação básica.
(BRASIL, 2010).
É CORRETO afirmar que
Considerando as informações apresentadas nos textos, avalie as A) I e II são proposições falsas
afirmativas a seguir sobre a Base Nacional Comum Curricular: B) I é uma proposição falsa e II é uma proposição verdadeira.
I. Constitui-se em uma listagem de conteúdos, conceitos e habilidades C) I é uma proposição verdadeira e II é uma proposição falsa.
que, prescritivamente, devem orientar a elaboração dos currículos D) I e II são proposições verdadeiras, e II é uma justificativa correta
dos Sistemas de Ensino. de I.
II. Tem como uma de suas funções balizar a qualidade da educação E) I e II são proposições verdadeiras, e II não é uma justificativa
nacional, buscando a garantia da diversidade das aprendizagens de correta de I.
todos os alunos da Educação Básica.
III. Pretende a superação da fragmentação das políticas educacionais 13. A resolução CNE/CP nº 2, de 22 de dezembro de 2017, institui e
com o fortalecimento do regime de colaboração entre as esferas do orienta a implantação da Base Nacional Comum Curricular, a ser
governo. respeitada obrigatoriamente ao longo das etapas e respectivas
IV. Alinha-se com uma política educacional de formação continuada modalidades no âmbito da Educação Básica. No art. 3°, é descrita a
e comum de professores e com a padronização de avaliações definição de competência no âmbito da BNCC. Nessa resolução,
externas. competência é definida como
A) a mobilização de procedimentos (conceitos e conhecimentos),
É CORRETO apenas o que se afirma em: habilidades (práticas cognitivas e socioemocionais), atitudes e
A) I e II. B) I e III. valores, para resolver demandas complexas da vida cotidiana, do
C) I, II e III. D) II, III e IV. E) III e IV. pleno exercício da cidadania e do mundo do trabalho.
B) a mobilização de conhecimentos (conceitos e procedimentos),
11. “A área de Ciências Humanas reúne no texto de referência da habilidades (práticas cognitivas e socioemocionais), atitudes e
Base Nacional Comum Curricular (BNCC) os componentes valores, para resolver demandas complexas da vida cotidiana, do
curriculares de história, geografia e ensino religioso no ensino pleno exercício da cidadania e do mundo do trabalho.
fundamental [...]” (Revista Educação. Publicação datada no dia 01 de C) a mobilização de conceitos (habilidades e procedimentos),
dezembro de 2015. Como ficam as ciências humanas com a nova conhecimentos (práticas cognitivas e socioemocionais), atitudes e

2
CONHECIMENTOS PEDAGÓGICOS - INTENSIVO
Professor: Claudisom Martins INTENSIVO

valores, para resolver demandas complexas da vida cotidiana, do D) Ao longo da Educação Básica e da Educação Superior, as
pleno exercício da cidadania e do mundo do trabalho. aprendizagens essenciais definidas na Base Nacional Comum
D) a mobilização de conceitos (habilidades e atitudes), Curricular (BNCC) devem concorrer para assegurar aos estudantes o
conhecimentos (práticas cognitivas e socioemocionais), desenvolvimento de dez competências gerais, que consubstanciam,
procedimentos e valores, para resolver demandas complexas da vida no âmbito pedagógico, os direitos de aprendizagem e
cotidiana, do pleno exercício da cidadania e do mundo do trabalho. desenvolvimento.

14. Sobre as dez competências gerais apresentadas na Base 17. A Base Nacional Comum Curricular (BNCC), de acordo com a
Nacional Comum Curricular (BNCC), é incorreto afirmar: publicação disponível no portal do MEC, é
A) Competência é a mobilização de conhecimentos, habilidades, A) um documento de caráter normativo que define o conjunto orgânico
atitudes e valores para a resolução de demandas complexas da vida e progressivo de diretrizes essenciais para infância e adolescência
cotidiana, do pleno exercício da cidadania e do mundo do trabalho. que todos os alunos devem desenvolver ao longo das etapas e
B) No Ensino Fundamental, as competências específicas de área, modalidades da Educação Fundamental, de modo a que tenham
estabelecidas por cada área do conhecimento, evidenciam como as assegurados seus direitos de aprendizagem e desenvolvimento, em
dez competências gerais se expressam nessas áreas. conformidade com o que preceitua o Plano Nacional de Educação
C) As dez competências gerais devem ser desenvolvidas pelos (PNE).
alunos, a partir do Ensino Fundamental, para assegurarem uma B) um documento de caráter normativo que define o conjunto orgânico
formação humana integral tendo em vista a construção de uma e progressivo de aprendizagens essenciais que todos os alunos
sociedade justa, democrática e inclusiva. devem desenvolver ao longo das etapas e modalidades da Educação
D) Uma das competências gerais é valorizar e fruir as diversas Básica, de modo a que tenham assegurados seus direitos de
manifestações artísticas e culturais, das locais às mundiais, e também aprendizagem e desenvolvimento, em conformidade com o que
participar de práticas diversificadas da produção artístico-cultural. preceitua o Plano Nacional de Educação (PNE).
C) um documento de caráter normativo que define o conjunto
15. A Base Nacional Comum Curricular (BNNC) tem por propósitos orgânico e progressivo de diretrizes essenciais para infância e
ser referência nacional, integrar a política nacional da educação adolescência que todos os alunos devem desenvolver ao longo das
básica, garantir o pleno desenvolvimento da educação. Com relação etapas e modalidades da Educação Fundamental, de modo a que
a BNCC é incorreto afirmar: tenham assegurados seus direitos de aprendizagem e
A) Dentre as competências gerais da BNCC encontra-se a utilização desenvolvimento, em conformidade com o que preceitua o Conselho
de tecnologias digitais de informação e comunicação de forma ética e Nacional de Educação (CNE).
crítica nas práticas do cotidiano para, dentre outros, produzir D) um documento de caráter normativo que define o conjunto
conhecimentos e resolver problemas; orgânico e progressivo de aprendizagens essenciais que todos os
B) A BNCC e os currículos se identificam na comunhão de princípios alunos devem desenvolver ao longo das etapas e modalidades da
e valores da educação já respaldados na Lei de Diretrizes e Bases da Educação Básica, de modo a que tenham assegurados seus direitos
Educação Nacional (LDB), nas Diretrizes Curriculares Nacionais de aprendizagem e desenvolvimento, em conformidade com o que
(DCN) e na Constituição Federal (1988). preceitua o Conselho Nacional de Educação (CNE).
C) O compromisso com a educação integral na BNCC está articulado
com a construção intencional de processos educativos que promovam 18. Em uma reunião pedagógica, um pedagogo respondeu a algumas
aprendizagens sintonizadas com as necessidades, possibilidades e perguntas formuladas por professores que desconheciam a natureza
interesses dos alunos, assim como com os desafios da sociedade e o conteúdo da Base Nacional Comum Curricular (BNCC). Nos itens
contemporânea. a seguir, estão presentes algumas dessas questões.
D) O Ensino fundamental está estruturado em 6(seis) áreas de I. A BNCC aplica-se à educação escolar e à não escolar, tal como as
conhecimento incluindo-se aí, os componentes curriculares que define a LDB, Lei nº 9.394/1996?
objetivam o desenvolvimento das aprendizagens essenciais na II. Esse documento adota o conceito de competência para se referir
educação integral. ao que é básico e comum para nortear os currículos nas escolas?
E) A BNCC não é Currículo, é um ponto de partida para a construção III. Esse documento substitui o Parecer nº 7, de 7 de abril de 2010,
desse em todo o país, adequado aos diferentes contextos. relativo a Diretrizes Curriculares Nacionais Gerais para a Educação
Básica?
16. Conforme definido na Lei de Diretrizes e Bases da Educação IV. A BNCC estabelece as aprendizagens essenciais que todos os
Nacional (LDB, Lei nº 9.394/1996), a Base Nacional Comum estudantes devem desenvolver ao longo das etapas e modalidades
Curricular (BNCC) deve nortear os currículos dos sistemas e redes de da Educação Básica?
ensino das Unidades Federativas, como também as propostas
pedagógicas de todas as escolas públicas e privadas de Educação As perguntas que devem ser respondidas pelo pedagogo de forma
Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio, em todo o Brasil. afirmativa estão nos itens
De acordo com a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), marque A) II e III. B) I e III. C) I e IV D) II e IV.
a alternativa incorreta.
A) A Base Nacional Comum Curricular (BNCC) é um documento de 19. A Base Nacional Comum Curricular (BNCC) estabelece
caráter normativo que define o conjunto orgânico e progressivo de conhecimentos, competências e habilidades que se espera serem
aprendizagens essenciais que todos os alunos devem desenvolver ao desenvolvidas por todos os estudantes no decorrer da escolaridade
longo das etapas e modalidades da Educação Básica. básica. Com relação à BNCC, analise as afirmativas a seguir.
B) Na Base Nacional Comum Curricular (BNCC), competência é I. É um documento normativo que se aplica à educação escolar e está
definida como a mobilização de conhecimentos (conceitos e norteado pelos princípios éticos, políticos e estéticos visando à
procedimentos), habilidades (práticas, cognitivas e socioemocionais), formação humana integral e à construção de uma sociedade justa,
atitudes e valores para resolver demandas complexas da vida democrática e inclusiva.
cotidiana, do pleno exercício da cidadania e do mundo do trabalho. II. No Ensino Fundamental, as cinco áreas de conhecimento
C) A Base Nacional Comum Curricular (BNCC) é referência nacional propiciam a comunicação entre os conhecimentos e saberes dos
para a formulação dos currículos dos sistemas e das redes escolares diferentes componentes curriculares.
dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios e das propostas
pedagógicas das instituições escolares.

3
CONHECIMENTOS PEDAGÓGICOS - INTENSIVO
Professor: Claudisom Martins INTENSIVO

III. É o currículo nacional para os sistemas e das redes escolares dos modalidades da Educação Básica.
estados, do Distrito Federal e dos municípios e é o parâmetro para a E) Uma das finalidades da BNCC é contribuir com a superação da
elaboração das propostas pedagógicas das instituições escolares. fragmentação das políticas educacionais, com o fortalecimento do
IV. O conceito de educação integral com o qual a BNCC está regime de colaboração entre as três esferas de governo.
comprometida se refere à duração da jornada escolar.
22. No Brasil durante o período colonial, ou seja, do ano de 1500 a
Estão corretas as afirmativas 1822, a estrutura educacional se nutria de uma ampla organização
A) II e IV, apenas. B) I e III, apenas. heterogênea, dividida em três fases específicas. Tínhamos uma
C) III e IV, apenas. D) I e II, apenas. primeira fase que tratava educação como elemento da essência e
origem das coisas em Deus; depois uma 32 segunda fase que
20. A) Base Nacional Comum Curricular (BNCC), documento de articulava o processo educativo com as características filosóficas do
caráter normativo, referência nacional para a formulação dos positivismo e do iluminismo; e por último, uma terceira fase, que
currículos, apresenta o conjunto de aprendizagens essenciais que definia estrutura educacional ao pragmatismo. Diante do exposto,
todos os alunos devem desenvolver ao longo das etapas e essas fases foram denominadas, respectivamente, de:
modalidades da Educação Básica. Essas aprendizagens só se A) Educação indígena; Reforma Leôncio de Carvalho; Educação
materializam mediante o conjunto de decisões que caracterizam o Imperial.
currículo em ação. Tais decisões irão adequar as proposições da B) Educação jesuítica; Reforma Leôncio de Carvalho; Educação
BNCC à realidade das instituições escolares. (BRASIL, MEC, 2017). Imperial.
C) Educação jesuítica; Reforma Leôncio de Carvalho; Educação
Segundo Macedo (2011), o currículo é hoje um dos temas Joanina.
educacionais mais importantes para as políticas públicas em D) Educação jesuítica; Reforma Pombalina; Educação Joanina.
educação. E) Educação indígena; Reforma Pombalina; Educação Imperial.
Avalie se é verdadeiro (V) ou falso (F) o que se afirma sobre as
concepções de currículo como norteadoras de ação efetiva na 23. De acordo com Saviani (2010), relacione adequadamente o
adequação das proposições da BNCC. período às respectivas ideias pedagógicas. (Alguns números poderão
( ) O entendimento do currículo como uma invenção pedagógica dá ser usados mais de uma vez.)
autonomia aos membros das instituições escolares para definirem 1. 1º período: entre 1549 e 1759.
suas ações, sua qualidade e alcance, sem referências a outros 2. 2º período: entre 1759 e 1932.
parâmetros curriculares. 3. 3º período: entre 1932 e 1969.
( ) A compreensão dos diversos modelos curriculares da 4. 4º período: entre 1969 e 2001.
contemporaneidade nos oferece possibilidades de implantação
pedagógica e formacional e nos leva a evitar que possamos tomá-los ( ) Marcado pela configuração da concepção pedagógica produtivista,
como modelos que se bastam em si. baseada no pressuposto da neutralidade científica e inspirada nos
( ) A percepção do currículo enquanto conhecimento escolhido como princípios de racionalidade, eficiência e produtividade, a pedagogia
formativo possibilita um empoderamento; passa a ter um poder tecnicista advoga a reordenação do processo educativo de maneira
considerável, porquanto o conhecimento define como devemos ver o que o torne objetivo e operacional.
mundo, a sociedade e a nós mesmos. ( ) Expõe os embates desenvolvidos pela Associação Brasileira de
( ) O entendimento do currículo como concepção, organização, Educação (ABE), que culminaram com o Manifesto dos Pioneiros da
implementação e avaliação de conhecimentos eleitos como Educação Nova.
formativos em uma realidade marcada pela complexidade que busca ( ) Encaminhamento do projeto da primeira Lei de Diretrizes e Bases
modelos curriculares pautadas na perspectiva monodisciplinar. da Educação Nacional (LDB) ao Congresso Nacional, por iniciativa de
( ) A concepção de currículo como prática, pois introduz elementos e Clemente Mariani, desencadeando um conflito, ao longo de sua
problemas significativos a partir dos quais se faz necessário refletir: o tramitação, entre os defensores da escola pública e os da escola
currículo indica caminhos, travessias e chegadas, que são particular.
constantemente realimentados e reorientados pela ação dos ( ) O Estado imprime uma forma de organização às escolas buscando
atores/autores da cena curricular. obter o máximo de resultados com os recursos destinados à
educação. Para tanto, são mobilizados instrumentos como a
De acordo com as afirmações, a sequência correta é “pedagogia da qualidade total” e a “pedagogia corporativa”.
A) (V); (F); (F); (V); (F). B) (F); (F); (V): (V); (F). ( ) Coexistência entre as vertentes religiosa e leiga da pedagogia
C) (F): (V); (V); (F); (V). D) (V); (V); (F); (F); (V). tradicional, sendo conhecida como a época dominada pelas reformas
pombalinas da instrução pública.
21. Sobre a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), homologada ( ) Monopólio da vertente religiosa da pedagogia tradicional dominado
em dezembro de 2017 pelo Ministério da Educação, NÃO é correto pela pedagogia jesuítica.
afirmar:
A) A contribuição mais significativa da BNCC é o de substituir os A sequência está correta em
currículos das disciplinas escolares das redes públicas federal, A) 4, 3, 3, 4, 2, 1. B) 4, 3, 2, 2, 1, 1.
estaduais e municipais, na medida em que determina o que deve ser C) 3, 1, 2, 3, 4, 3. D) 2, 1, 3, 4, 2, 1. E) 4, 3, 3, 2, 2, 1.
ensinado em cada escola.
B) Determina os conhecimentos e as competências que os GABARITO
estudantes devem desenvolver ao longo da escolaridade, sendo 1.D 2.E 3.C 4.D 5.D 6.B 7.E 8.B
orientada por princípios éticos, políticos e estéticos. 9.A 10.E 11.B 12.D 13.B 14.C 15.D 16.D
C) Fruto de amplo debate com diferentes atores do campo 17.B 18.D 19.D 20.D 21.A 22.D 23.A
educacional e com a sociedade brasileira, a BNCC tem o propósito
de contribuir com construção de uma sociedade justa, democrática e
inclusiva.
D) Trata-se de um documento de referência, de caráter normativo,
que define o conjunto de aprendizagens essenciais que todos os
alunos brasileiros devem desenvolver ao longo das etapas e

Você também pode gostar