Você está na página 1de 1

24 JoÃo CARLOS ALCHIERI

E ROBERTO
MORAES
em geral, sobre o que é e como se processa
uma atividade
minada de avaliação psicológica (Alchieri,
1999;Cruz,2002).
De uma forma geral podemos afirmar que
avaliaçãopsico-
lógica se refere ao modo de conhecer fenômenos
e processospsi-
cológicos por meio de procedimentos de diagnóstico
e prognósti-
co e, ao mesmo tempo, aos procedimentos de exame
propriamente
ditos para criar as condições de aferição ou dimensionamento
dos
fenômenos e processos psicológicos conhecidos.
De uma forma ou de outra, a avaliação de fenômenose pro-
cessos psicológicos e a investigação de característicasdospa-
drões comportamentais humanos, encontra-se respaldada nospres-
supostos derivados da medida. Medir apresenta-se comoum
correlato de identificação e caracterização de um determinado
fenômeno psicológico. Como se sabe, o instrumento ou testeé uma
forma objetivamente definida para a mensuração de determinadas
características do comportamento humano, o que exige um proces-
so cuidadoso de elaboração. Em pesquisa, a maneira como estaati-
vidade é conduzida está intimamente vinculada à especificidadedos
insu-umentosutilizados (Muñiz, 1996). Para que um teste psicoló-
gico seja considerado adequado ao uso, quer em situação de avalia-
ção clínica ou mesmo em pesquisas, deve
satisfazer certos critérios
técnicos fundamentais na realização da
avaliação.

2.2 Os CRITÉRIOS DA
AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA

Podemos representar a avaliação a


psicológica como sendo
resultante de três critérios ou aspectos
interdependentes, a saber: