Você está na página 1de 60

Manual do Usuário

NVR ECD
Modelos: LVNVR5316 / LVNVR5208 / LVNVR6208 / LVNVR6104
SUMÁRIO

INSTRUÇÕES DE SEGURANÇA .......................................................... 4


CAPÍTULO 1 – VISÃO GERAL DO NVR ............................................... 6
CAPÍTULO 2 – CONEXÕES DO NVR ................................................... 7
2.1 – Instalação do HD: .................................................................... 7
2.2 – Conexão das câmeras IP e do monitor ........................................ 7
2.3 – Conexão da fonte de alimentação .............................................. 8
CAPÍTULO 3 – INICIALIZAÇÃO DO NVR ........................................... 9
3.1 – Inicialização do sistema ............................................................ 9
3.3 – Interface Principal ................................................................... 12
CAPÍTULO 4 – MENU ...................................................................... 13
Menu Pop-Up.................................................................................. 14
4.1 – Menu Principal ........................................................................ 15
4.1.1 – Parâmetros ......................................................................... 16
4.1.1.1 – Canais ............................................................................. 17
4.1.1.1.1 – Canais IP ....................................................................... 17
4.1.1.1.2 – Ao Vivo ......................................................................... 17
4.1.1.1.3 – Saída ............................................................................ 18
4.1.1.1.4 – Ajuste Cam. IP ............................................................... 20
4.1.1.1.5 – Máscaras de Privacidade ................................................. 21
4.1.1.2 – Gravação ......................................................................... 22
4.1.1.2.1 – Gravação....................................................................... 22
4.1.1.2.2 – Agenda ......................................................................... 23
4.1.1.2.3 – Fluxos Principal/Secundário/Móvel .................................... 23
4.1.1.3 – Rede ............................................................................... 24
4.1.1.3.1 – Rede ............................................................................. 25
4.1.1.3.2 – Switch POE .................................................................... 26
4.1.1.3.3 – E-Mail ........................................................................... 27
Agenda de e-mails .......................................................................... 28
4.1.1.3.4 – DDNS ........................................................................... 29
4.1.1.3.5 – RTSP ............................................................................ 30
4.1.1.4 – Alarme............................................................................. 31
4.1.1.4.1 – Movimento .................................................................... 31
4.1.1.4.2 – Alarme .......................................................................... 33
4.1.2 – Reprodução ......................................................................... 35
4.1.2.1 – Reprodução ...................................................................... 35
Configuração da Linha do Tempo ...................................................... 37
4.1.2.2 – Pesquisa de Eventos .......................................................... 39
4.1.3 – Dispositivo .......................................................................... 41
4.1.3.2 – HDD ................................................................................ 41
4.1.4 – Sistema .............................................................................. 43
4.1.4.1 – Geral ............................................................................... 43
4.1.4.1.1 – Geral ............................................................................ 43
4.1.4.1.2 – Horário de Verão ............................................................ 43
4.1.4.1.3 – Servidor de Horário ........................................................ 44
4.1.4.2 – Usuários .......................................................................... 45
4.1.4.3 – Info ................................................................................. 47
4.1.4.3.1 – Info .............................................................................. 47
4.1.4.3.2 – Info. Canais ................................................................... 48
4.1.4.4 – Log ................................................................................. 49
4.1.5 – Avançado ............................................................................ 50
4.1.5.1 – Manutenção...................................................................... 50
4.1.5.2 – Eventos ........................................................................... 51
4.1.6 – Desligar .............................................................................. 52
4.2 – Bloqueio do Menu ................................................................... 53
4.3 – Divisões de Canais .................................................................. 53
4.4 – Modo de Fluxo ........................................................................ 53
4.5 – Qualidade da Imagem ............................................................. 53
4.6 – Iniciar SEQ ............................................................................ 54
4.7 – Mudo .................................................................................... 54
4.8 – Iniciar Tour ............................................................................ 54
CAPÍTULO 5 – INTERFACE WEB ..................................................... 55
5.1 Login de acesso remoto.............................................................. 55
5.2 Ao vivo .................................................................................... 56
5.3 Funções da barra de ferramentas superior .................................... 56
5.4. Reprodução ............................................................................. 58
5.4.1 Pesquisar gravações................................................................ 58
5.4.2 Funções dos botões da barra de reprodução ............................... 59
5.5 Configuração remota ................................................................. 59
5.6 Configuração Local .................................................................... 59
5.7 Sair ......................................................................................... 60
INSTRUÇÕES DE SEGURANÇA

Para prevenir eventuais danos ao equipamento e à sua integridade


física, por favor, leia atentamente as instruções de segurança abaixo:

- Não utilize fontes de alimentação não originais ou que não sejam


homologadas pela LuxVision. Caso seja necessária a substituição da fonte,
consulte nosso departamento de Suporte Técnico, que irá orientar qual a
fonte adequada para seu equipamento.

- Não insira objetos nas aberturas de ventilação presentes no gabinete do


NVR.

- Evite instalar o equipamento em locais empoeirados. A poeira é um


agente prejudicial a qualquer equipamento eletrônico.

- Não instale o equipamento em locais sujeitos a umidade ou propensos a


raios.

- Mantenha a superfície do NVR limpa. Utilize um pano macio para realizar a


limpeza do equipamento. Não utilize materiais abrasivos, que possam afetar
a estética ou funcionamento do equipamento.

- Não utilize o equipamento caso ele apresente alguma anormalidade. Se


você perceber ruídos ou cheiros estranhos provenientes do equipamento,
desconecte imediatamente o NVR da energia elétrica e entre em contato
com a assistência técnica.

- Evite remover a tampa superior do NVR com o equipamento ligado.

- Tenha cuidado ao manusear o NVR. Caso o equipamento não funcione


normalmente após uma queda, por favor, entre em contato com a
assistência técnica.

- Utilize apenas baterias de lithium homologadas pela LuxVision. Se o


relógio do sistema parar de funcionar após uma queda de energia, realize a
substituição da bateria de 3V presente na placa principal do equipamento.
Desligue o NVR antes de substituir a bateria, dessa forma você evitará
choques elétricos ou avarias ao equipamento.

- Instale o equipamento em um local bem ventilado. O NVR armazena suas


imagens em uma unidade de disco rígido (HD), produzindo uma grande
quantidade de calor durante seu funcionamento. Não bloqueie as saídas de
ventilação do equipamento, prolongando a vida útil do NVR e do HD.

Atenção: a fonte de alimentação inclusa no kit do NVR foi projetada


para suprir apenas UM NVR. Não conecte a fonte a mais
equipamentos, sob risco de danos permanentes ao NVR e outros
equipamentos a ele conectados.
CAPÍTULO 1 – VISÃO GERAL DO NVR
1.1 – Painel traseiro

Painel traseiro do NVR (apenas para referência):

Atenção: a imagem acima serve apenas como referência. O equipamento


que você adquiriu poderá apresentar diferenças em relação à imagem. Em
caso de dúvida, consulte o nosso suporte técnico.

Item Porta física Funcionalidade


Botão Permite ligar ou desligar o equipamento. Posição
1
Liga/Desliga O = desligado, posição I = ligado.
Entrada de alimentação do equipamento.
Entrada de
2 Conecte à ela a fonte que foi fornecida junto ao
alimentação
equipamento.
Permite a conexão de dispositivos USB, como,
3 Porta USB
por exemplo mouse, pendrive ou HD externo.
Permite a conexão de sensores ou dispositivos
4 Sensor/Alarme
de alarmes compatíveis com o NVR.
Permite a conexão do NVR a TVs ou monitores
5 Saída HDMI
que possuam entrada de vídeo HDMI.

Permite a conexão do NVR a TVs ou monitores


6 Saída VGA
que possuam a entrada de vídeo VGA.
Saída de Permite conectar o NVR a um dispositivo de
7
Áudio reprodução de áudio (ex.: caixas de som).
Permite conectar o NVR à rede local, através de
8 Porta WAN
um cabo de rede ligado a um roteador/modem.
Permite conectar câmeras IP que suportem
Portas LAN alimentação POE (power over ethernet) através
9
do cabo de rede.
Tabela 1-2: conexões do painel traseiro
CAPÍTULO 2 – CONEXÕES DO NVR
2.1 – Instalação do HD:

Atenção: desconecte o NVR da energia elétrica antes de realizar os


procedimentos abaixo listados.

1) Remova os parafusos que prendem a tampa ao chassi do NVR, e


retire a tampa superior do equipamento.

2) Conecte os cabos SATA de dados e alimentação (inclusos no KIT) à


placa principal.

3) Fixe o HD ao gabinete do NVR, utilizando os parafusos que


acompanham o kit do equipamento.

4) Conecte os cabos SATA de dados e alimentação ao HD.

5) Recoloque a tampa superior e fixe os parafusos.

Nota: para uma melhor performance na gravação das imagens, a


LuxVision recomenda a utilização de HDs desenvolvidos especialmente para
vídeo-vigilância, que possuem maior taxa de transferência e são feitos com
materiais destinados à utilização 24x7.

2.2 – Conexão das câmeras IP e do monitor

A transmissão das imagens das câmeras IP poderá ser feita através


dos cabos de rede.

O NVR LuxVision conta com duas saídas de vídeo, através de uma


porta VGA e uma porta HDMI, que funcionam simultaneamente, e podem
ser encontradas no painel traseiro do equipamento.

Para mais informações, consulte o capítulo 7 (diagrama de


conexões).
2.3 – Conexão da fonte de alimentação

A fonte que acompanha o equipamento é bivolt automática, ou seja,


não é necessário selecionar a tensão de entrada, e opera entre 110 e 220
volts. Basta conectá-la à tomada e ao NVR, através das suas respectivas
conexões. Para evitar danos ao equipamento, realize as conexões de
periféricos (monitores HDMI e VGA, câmeras IP, etc.) com o equipamento
desligado da energia elétrica.
CAPÍTULO 3 – INICIALIZAÇÃO DO
NVR
3.1 – Inicialização do sistema

Após conectar a fonte de alimentação à tomada e ao NVR, colocar o


botão “liga/desliga” na posição “ligado”, o NVR ligará e você verá a tela de
inicialização do sistema.

Nota: a imagem mostrada ao lado pode


ser diferente da que você irá encontrar ao
ligar o NVR. Essa imagem serve apenas
como uma referência.

3.2 – Assistente de configuração

Depois da inicialização do sistema, será exibido na tela o Assistente


de Configuração. Caso você não deseje realizar nenhuma configuração,
basta selecionar a opção “Desativar Assistente” no canto inferior esquerdo
da janela.

O Assistente de Configuração abrange os seguintes parâmetros:


gerenciamento de HD, configurações das câmeras IP, configurações de
rede, configurações da agenda de gravação e configurações gerais do
sistema.
3.3 – Interface Principal
A interface principal é o ponto de partida para qualquer configuração
que você deseje realizar. Nesta interface, são exibidas as imagens dos
canais do NVR. Caso nenhuma câmera IP esteja configurada, a mensagem
“Nenhuma câmera IP” poderá ser exibida ao invés da imagem.

Caso nenhum disco rígido (HD) esteja conectado e corretamente


configurado ao NVR, a mensagem “SEM HD” será exibida na porção inferior
da tela.

CAPÍTULO 4 – MENU
Menu Pop-Up

Após a inicialização completa do sistema, clique com o botão direito


do mouse em qualquer lugar da Interface Principal, ou arraste o cursor até
a porção inferior da tela para ter acesso ao Menu Pop-Up. A partir do Menu
Pop-Up, você terá as seguintes opções: Menu Principal, divisões de tela,
ronda PTZ, pesquisa por gravações, sequencial, volume e seleção de fluxo,
conforme mostrado na figura 4-1.

Existe também um menu pop-up para cada canal, que contém as


opções de gravação manual, reprodução instantânea, zoom e controle de
cor. Para acessar esse menu, basta um clique com o botão esquerdo do
mouse sobre o canal desejado.

As opções do menu pop-up podem variar de acordo com a versão do


seu equipamento e da forma como ele está configurado.

Figura 4-1: Menu Pop-Up

Item Função

1 Menu Principal Acesso ao Menu Principal do equipamento.


2 Bloqueio de tela Permite realizar o login ou logoff do usuário atual.

Permite alternar entre as combinações de divisão de


3-5 Divisão de tela
tela disponíveis.

6 Mais divisões Permite selecionar outros layouts de divisão de tela.

Permite selecionar em qual fluxo de vídeo (se


7 Seleção de Fluxo disponível) as câmeras serão exibidas no monitor
principal.
Permite selecionar em qual qualidade de vídeo as
8 Cont. Imagem
câmeras serão exibidas no monitor principal.

9 SEQ Permite iniciar ou parar a função “Sequencial”.

Permite ajustar o volume da saída de som do


10 Volume
equipamento, ou deixa-la sem som (MUDO).
Permite configurar presets relativos ao controle PTZ,
11 Controle PTZ iniciar ou parar ronda (se uma câmera compatível
estiver instalada).
Permite reproduzir as imagens armazenadas no HD
12 Reprodução
do equipamento.

13 Gravação Manual Inicia ou para a gravação do canal no HD.

Reprodução Permite reproduzir os últimos 5 minutos de gravação


14
Instantânea do canal selecionado.

15 Zoom Clique e selecione a área a ser ampliada.

16 Ajuste de cor Ajuste de cores independente para cada canal.

4.1 – Menu Principal


Na tela da Interface Principal, clique sobre o botão , localizado na
barra de ícones inferior, para acessar o Menu Principal.

Se o sistema estiver protegido com uma senha, será necessário


informa-la antes do acesso ao Menu Principal. Para mais informações sobre
senha, consulte o capítulo 4.3 desse manual.

No Menu Principal, você terá acesso às configurações de Parâmetros,


Reprodução, Dispositivo, Sistema, Avançado e Desligar.

4.1.1 – Parâmetros
4.1.1.1 – Canais

4.1.1.1.1 – Canais IP

Acesse Menu Principal -> Display -> Canais IP para ter acesso a essa
interface.

Nesta interface, você poderá fazer a adição das câmeras IP. Caso as
câmeras sejam conectadas diretamente às entradas POE do NVR, o
equipamento se encarrega de realizar as configurações automaticamente.
Caso a adição seja manual, informe os dados de conexão da sua câmera IP
(endereço IP, porta de mídia/ONVIF, Máscara de Sub-Rede, Usuário e
Senha).

4.1.1.1.2 – Ao Vivo
Vá até Menu Principal, Canais, Ao Vivo para ter acesso à interface
conforme exibida na figura abaixo.

- Canal: selecione o número do canal;

- Mostrar hora: selecione essa opção para exibir a hora/data na imagem


da câmera;

- Nome: permite alterar o nome do canal;

- Formato de data: permite alterar a forma de exibição da data;

- Formato de hora: permite alterar a forma de exibição da hora;

- OSD Position: permite alterar a região da tela em que a hora, data e


nome do canal serão exibidos;

- Cor: permite ajustar o brilho, contraste e saturação da câmera IP


conectada ao respectivo canal.

4.1.1.1.3 – Saída
Acesse Menu Principal, Display e Saída para ter acesso à interface.

- Saída de vídeo: selecione a saída para a qual serão realizados os


ajustes;

- Modo sequencial: permite alterar entre os modos da função sequencial;

- Tempo de sequencial: permite definir qual o tempo de intervalo entre


um dois canais no modo sequencial;

- Resolução VGA/HDMI: permite alterar a resolução das saídas de vídeo


VGA/HDMI. Após a alteração, o equipamento será reiniciado, e será
necessário confirmar a nova resolução, clicando sobre o botão OK na janela
que será exibida após a inicialização do sistema.

- Transparência: permite alterar a transparência dos menus do


equipamento.
4.1.1.1.4 – Ajuste Cam. IP

Acesse Menu Principal, Exibir, Controle de Imagem para ter acesso à


interface, que é semelhante à mostrada na figura abaixo:

Nesta interface, é possível configurar diversos parâmetros de imagem


das câmeras IP conectadas ao equipamento. Note que somente será
possível alterar as configurações caso as câmeras sejam LuxVision, da linha
ECD. É possível alterar o modo de IR-CUT, inverter a imagem vertical e
horizontalmente, habilitar ou desabilitar a compensação de luz de fundo
(BLC), habilitar ou desabilitar a redução de ruídos, além de poder alterar o
balanço de brancos. Os parâmetros são alterados imediatamente após sua
configuração.
4.1.1.1.5 – Máscaras de Privacidade

A máscara de privacidade permite ocultar determinadas áreas da


imagem, para que não sejam exibidas nem na visualização ao vivo nem na
gravação. Por exemplo, se você possui uma câmera que esteja exibindo a
imagem da janela de um vizinho, você poderá ocultar a área da imagem
utilizando uma máscara de privacidade. Para inserir uma máscara de
privacidade, proceda da seguinte maneira:

- Acesse Menu Principal, Exibir, e em seguida, Máscara de Privacidade.

- Selecione o canal ao qual deseja adicionar a(s) máscara(s);

- Selecione a quantidade de máscaras que deseja adicionar ao canal


(máximo de 4 máscaras por canal);

- Clique em “Configurar”. Você verá a imagem do canal selecionado. Para


“desenhar” a máscara, clique no ponto da imagem desejado e arraste
conforme necessário. Após adicionar as máscaras de privacidade, clique
com o botão direito do mouse para voltar à interface de configuração.

- Clique sobre o botão “Aplicar” para salvar as configurações.


4.1.1.2 – Gravação

4.1.1.2.1 – Gravação

Acesse Menu Principal, Gravação, Gravação para ter acesso à


interface, que é semelhante à exibida na figura abaixo.

- Canal: selecione o canal para o qual deseja realizar as configurações;

- Ativar Gravação: permite habilitar ou desabilitar a gravação para o canal


selecionado;

- Modo de Fluxo: permite selecionar qual fluxo de vídeo será utilizado para
a gravação. Recomenda-se a utilização do Fluxo Principal, pois é o que
possui melhor qualidade de imagem.

- Pré-Gravação: quando essa opção estiver habilitada, o NVR irá gravar os 5


segundos que precedem o evento de detecção de movimento. (Válido
somente para as opções de gravação por detecção de movimento, alarmes
e eventos).
4.1.1.2.2 – Agenda

Acesse Menu Principal, Gravação, Agenda para acessar a interface de


configuração da agenda de gravação, que é semelhante à exibida na figura
abaixo:

Selecione o canal e a forma de gravação desejados. Para definir os


horários em que as imagens devem ser gravadas, preencha os blocos
correspondentes a cada horário. DICA: para selecionar todos os horários de
todos os dias da semana, clique no canto superior esquerdo e arraste até o
canto inferior direito.

Os blocos preenchidos com a cor verde indicam que a gravação será


no modo contínuo. Blocos preenchidos com a cor amarela indicam que a
gravação será feita quando houver detecção de movimento. Já os blocos
preenchidos com a cor vermelha indicam que a gravação será feita quando
houver algum evento nas entradas de alarme ou alarme interno do sistema.

DICA: após realizar as configurações desejadas para o primeiro canal,


você pode aplica-las a todos os canais. Para isso, basta selecionar “Copiar”
CH1 para “Todos” e clicar em “Copiar”. Em seguida, clique em Aplicar para
salvar as configurações.

4.1.1.2.3 – Fluxos Principal/Secundário/Móvel


Acesse Menu Principal, Gravação, Fluxo Principal. As opções que
serão explanadas também se aplicam aos fluxos Secundário e Móvel.

Os fluxos Principal, Secundário e Móvel são as três formas de transmissão


de imagens da câmera IP. O fluxo Principal é mais utilizado para gravação,
por possuir maior qualidade de imagem. Os fluxos Secundário e Móvel são
mais utilizados para transmissão via rede, pois reduzem a qualidade da
imagem, priorizando a velocidade com que as imagens são transmitidas.
Obs.: a opção Fluxo Móvel está disponível apenas quando o NVR estiver
conectado com câmeras IP ECD LuxVision.

- Canal: selecione o canal para o qual deseja aplicar as configurações;

- Resolução: selecione a resolução desejada (varia de acordo com a


câmera);

- FPS: selecione a taxa de frames por segundo que se deseja utilizar;

- Compressão: selecione a forma de compressão das imagens. (Se


disponível, prefira a utilização da compressão H.265, pois ela diminui em
até 20% o tamanho dos arquivos de imagem, economizando espaço em
disco e tornando a transmissão mais rápida);

- Controle Bitrate: fixo e variável.

- Modo Bitrate: modos pré-configurado e personalizado pelo usuário;

- Bitrate: taxa de transmissão das imagens.

4.1.1.3 – Rede
4.1.1.3.1 – Rede

Acesse Menu Principal, Parâmetros, Rede para ter acesso à interface


de configuração de rede, que é semelhante à exibida na figura abaixo:

A linha LuxVision ECD trabalha com três formas de configuração de


rede: PPPoE, DHCP e Estático.

- PPPoE: padrão de configuração específico para alguns tipos de rede. Caso


sua rede exija a conexão através de PPPoE, entre em contato com o
prestador de serviços da Internet para obter as informações de conexão
necessárias.

- DHCP: essa função possibilita ao NVR obter as informações de rede


diretamente do modem/roteador a que está conectado (certifique-se que a
função DHCP esteja habilitada no modem/roteador, e que este seja
compatível com o NVR ECD LuxVision). Para obter as configurações através
do recurso DHCP, ative a função, clique em “Salvar” e reinicie o
equipamento, para que o sistema obtenha um endereço de IP fornecido pelo
modem.

- Estático: caso você prefira, poderá também configurar manualmente os


parâmetros de rede. Para isso, marque a opção “Estático” e informe um
endereço de IP (certifique-se de que esse IP não esteja sendo utilizado por
outro equipamento em sua rede), gateway (endereço do roteador), máscara
de sub-rede e servidores DNS primário e secundário. Após finalizar as
configurações, clique sobre o botão “Salvar” para aplicar as configurações.
4.1.1.3.2 – Switch POE

Acesse Menu Principal, Parâmetros, Rede, Switch POE para ter acesso
à interface de configuração, que é semelhante à exibida na figura abaixo:

Nesta interface, você poderá configurar os parâmetros do Switch


POE, integrado ao NVR. No modo automático, o próprio NVR se encarrega
de atribuir um IP às câmeras que forem conectadas às portas POE.

Caso você deseje atribuir manualmente a faixa de IPs das câmeras,


selecione o modo manual e preencha de acordo com a necessidade da sua
rede.
4.1.1.3.3 – E-Mail

Acesse Menu Principal, Parâmetros, Rede, E-mail para ter acesso à


interface de configuração do serviço de envio de e-mails. A interface é
semelhante à exibida na figura abaixo:

- E-mail: permite habilitar ou desabilitar o serviço de envio de e-mails;

- SSL: habilita ou desabilita a autenticação em camada segura (SSL);


verifique a necessidade desse recurso junto ao seu provedor de e-mails;

- Porta SMTP: número da porta SMTP utilizada para enviar e-mails.


Verifique o número da porta SMTP junto ao seu provedor de e-mails;

- Servidor SMTP: endereço do servidor através do qual os e-mails serão


enviados. Verifique o endereço do servidor junto ao seu provedor de e-
mails; (ex.: smtp.seu-email.com.br)

- Remetente: endereço de e-mail através do qual as mensagens serão


enviadas; (ex.: joao@seu-email.com.br)

- Senha: senha da conta de e-mail informada no campo acima;

- Destinatário: endereço de e-mail para o qual as mensagens serão


enviadas;

- Intervalo: permite escolher o intervalo de tempo entre uma mensagem e


outra;

- Teste de e-mail: envia uma mensagem de teste para o endereço de e-mail


informado no campo “Destinatário”;
Agenda de e-mails

Selecione o canal e os dias para os quais deseja configurar o envio de


e-mails.

Selecione o canal e a forma de envio desejados. Para definir os


horários em que as imagens devem ser gravadas, preencha os blocos
correspondentes a cada horário. DICA: para selecionar todos os horários de
todos os dias da semana, clique no canto superior esquerdo e arraste até o
canto inferior direito.

Os blocos preenchidos com a cor verde indicam que os e-mails serão


enviados quando houver detecção de movimento. Blocos preenchidos com a
cor amarela indicam que os e-mails serão enviados em caso de alarme de
objeto. Já os blocos preenchidos com a cor vermelha indicam que os e-
mails serão enviados quando houver algum alarme interno do sistema,
como por exemplo, disco cheio, erro no disco, perda de vídeo.

DICA: após realizar as configurações desejadas para o primeiro canal,


você pode aplica-las a todos os canais. Para isso, basta selecionar “Copiar”
CH1 para “Todos” e clicar em “Copiar”. Em seguida, clique em Aplicar para
salvar as configurações.
4.1.1.3.4 – DDNS

Acesse Menu Principal, Parâmetros, Rede, DDNS, para ter acesso à


interface de configuração dos serviços de DDNS.

O serviço de DDNS basicamente atribui um nome de domínio ao IP


externo da conexão, que, na maior parte dos casos, muda constantemente.

A LuxVision oferece, como cortesia aos seus clientes, o serviço de


DDNS gratuito para seus produtos. Para maiores informações e instruções
de configuração do serviço de DDNS, consulte o anexo XX, localizado no
final desse manual.
4.1.1.3.5 – RTSP

Acesse Menu Principal, Parâmetros, Rede, RTSP para ter acesso à


interface de configuração do serviço de RTSP, que é semelhante à exibida
na imagem abaixo:

- RTSP: ativa ou desativa o recurso RTSP;

- Verificação: ativa ou desativa a necessidade de senha para acesso;

- Porta RTSP: número da porta RTSP que será utilizada para acesso (padrão
554);

- Nome de usuário: nome de usuário que deverá ser informado para acesso
via RTSP (padrão admin)

- Senha: senha que deverá ser informada para acesso via RTSP (padrão
111111);

Nesta tela, serão exibidas as instruções para realizar o acesso via


RTSP. O endereço padrão de comunicação segue o exemplo abaixo:

rtsp://endereçoIP:porta/chA/B, onde:

- endereçoIP: número do IP do equipamento ou domínio DDNS;

- porta: porta RTSP configurada no equipamento;

- A: número do canal (01, 02, 03, ...)


- B: fluxo de vídeo (0 = principal; 1 = secundário);

4.1.1.4 – Alarme

4.1.1.4.1 – Movimento

Acesse Menu Principal, Parâmetros, Alarme, Detecção de Movimento


para ter acesso à interface de configuração, que é semelhante à exibida na
figura abaixo:

- Canal: selecione o canal para o qual deseja configurar o alarme de


movimento;

- Sensibilidade: selecione o nível de sensibilidade do alarme de movimento


(1 = menos sensível, 8 = mais sensível);

- Bip: ativa ou desativa o BIP quando houver detecção de movimento;

- Saída de alarme: ativa a saída de alarme selecionada quando houver


detecção de movimento (se disponível);

- Exibir mensagem: mostra uma mensagem na tela quando houver


detecção de movimento no canal selecionado.

- Enviar e-mail: envia um e-mail para os destinatários configurados no


serviço de envio de e-mails, avisando que foi detectado um movimento no
canal selecionado;

- Tela cheia: exibe o canal selecionado em tela cheia quando este


apresentar um evento de detecção de movimento;

- Latch time: quando um objeto é detectado, o tempo do alarme pode ser


definido para 10, 20, 40 ou 60 segundos após a detecção;

- Pós-gravação: permite selecionar quanto tempo o NVR irá gravar após o


fim do evento de detecção de movimento;
- Gravar câmera: quando houver detecção de movimento, o canal
selecionado irá ter a gravação ativada;

- Config. Área: clique sobre este botão para ter acesso à configuração das
áreas de detecção de movimento.

Cada canal é dividido em 300 áreas configuráveis. Quando o


quadrado estiver hachurado na cor vermelha, indica que a detecção de
movimento está ativada nesta área. Caso a área esteja preenchida na cor
original da imagem, significa que a detecção de movimento está desativada
nessa área.

Dessa forma, é possível isolar áreas da imagem em que os


movimentos são constantes (exemplo: uma planta que balança de acordo
com o vento), otimizando a função de detecção de movimento através da
diminuição dos alarmes em falso.
4.1.1.4.2 – Alarme

Acesse Menu Principal, Alarme, Alarme para ter acesso à interface de


configuração, que é semelhante à exibida na figura abaixo:

Essa é a tela de configuração dos alarmes do sistema. O usuário pode


definir alarmes para diferentes eventos nessa interface. Para mais
informações, consulte a tabela 2.4.

- Entrada de alarme: selecione a entrada para a qual deseja realizar as


configurações de alarme;

- Tipo de Alarme: permite selecionar entre Normalmente aberto e


Normalmente fechado. Realize a alteração de acordo com a configuração do
sensor ou dispositivo que estiver conectado à entrada/saída de alarme;

- Bip: é possível ativar ou desativar o buzzer quando houver algum evento


nas entradas/saídas de alarme;

- Pré-Gravação: é possível definir por quanto tempo o buzzer soará quando


o movimento for detectado por um sensor externo;

- Pós-Gravação: indica quanto tempo o equipamento irá gravar após o final


do evento de alarme;

- Saída de alarme: permite ativar ou desativar uma saída de alarme quando


ocorrer um evento em uma das entradas;

- Gravar câmera: grava o canal selecionado quando houver algum evento


nas entradas/saídas de alarme;
Tipo de
Função/Descrição
Alarme
Quando a comunicação entre as câmeras e o NVR é
Perda de
interrompida (devido a danos na câmera, cabo ou falha
Vídeo
de alimentação), este alarme será ativado.
Quando a câmera IP detecta algum objeto ou ser vivo
se movimentando, este alarme será ativado. A
Detecção de sensibilidade pode ser ajustada de acordo com o
Movimento ambiente em que a câmera está instalada. Além disso,
há a possibilidade de configurar áreas em que o sistema
não irá detectar movimentos.
Alarme ativado através de sinais enviados por sensores
ou outros dispositivos conectados às entradas/saídas de
I/O Status alarme. O sinal de alarme é reconhecido pelo sistema e
ativa o alarme, realizando as ações previamente
configuradas.
Esse alarme será ativado quando houver alguma falha
Status de HD no HD/disco rígido do equipamento, devido a danos,
falha de alimentação ou mesmo espaço insuficiente.
Tabela 2-4
4.1.2 – Reprodução

4.1.2.1 – Reprodução

Acesse Menu Principal, Reprodução, Reprodução para ter acesso à


interface, que é semelhante à exibida na figura abaixo:

- Canal: selecione o canal em que você deseja realizar a pesquisa;

- Tipo: selecione o tipo de gravação (contínua ou alarme);

- Hora inicial/final: selecione um período específico de tempo. A


configuração padrão compreende das 00:00 às 24:00.

-.Reproduzir canal: você pode selecionar mais canais para serem


reproduzidos na mesma tela;

- Reproduzir: selecione o ano e mês desejados e clique em Pesquisar. Se


existirem gravações no período indicado, uma marca amarela irá aparecer
no canto inferior direito de cada dia. Selecione uma data e clique em
“Reprodução” para ter acesso à interface;

- Interface de reprodução: você poderá utilizar a barra de controle da


reprodução para definir a forma de reprodução, acelerando as imagens, (x2,
x4, x8 e x16), retroceder (x2, x4, x8 e x16), reprodução lenta (velocidades
½, ¼, e 1/8); Play, pause. Você também pode ajustar o volume clicando
sobre o ícone correspondente e arrastando para o volume desejado.
Configuração da Linha do Tempo

O sistema possui uma linha do tempo durante a reprodução, para


tornar fácil a tarefa de encontrar determinados horários.

A escala de tempo padrão é a de 24 horas, porém, o sistema permite


ao usuário selecionar entre 2 horas, 30 minutos ou ainda personalizar.

Operação detalhada

Linha do tempo fixa: se você selecionar a opção “2h”, cada divisão da


linha do tempo representa o equivalente a duas horas.
Recorte de gravação/backup: quando um único canal estiver sendo
reproduzido, o ícone de uma tesoura irá aparecer na barra de comandos.
Clique sobre esse ícone para iniciar o recorte de gravação. Ao atingir o
horário desejado, clique novamente sobre o ícone, e uma janela pop-up
será aberta, com as opções de backup. IMPORTANTE: certifique-se de que
um dispositivo de backup USB (pendrive ou HD Externo) esteja conectado à
porta USB do NVR.

Função Zoom: ao reproduzir uma única câmera, o ícone de uma lupa irá
aparecer na barra de comandos da reprodução. Clique sobre esse ícone, e
em seguida, clique e arraste sobre a área da imagem que se deseja
aproximar. Para voltar à imagem original, basta um clique com o botão
direito do mouse.
4.1.2.2 – Pesquisa de Eventos

Acesse Menu Principal, Reprodução, Eventos para ter acesso à


interface de pesquisa por eventos, que é semelhante à exibida na figura
abaixo:

: Página anterior: clique sobre esse botão para ir até a página


anterior (exceto quando estiver na primeira página).

: Próxima página: clique sobre esse botão para ir para a página


seguinte (exceto quando estiver na última página).

: “Pular”: informe a página desejada e clique sobre esse botão


para ir direto à página.
Existem dois tipos de backup: backup rápido e backup. Caso você
deseje salvar um registro da lista, basta marcar a caixa de seleção do
registro correspondente e clicar sobre o botão backup. IMPORTANTE:
certifique-se de que um dispositivo de backup USB (pendrive ou HD
Externo) esteja conectado à porta USB do NVR.

Caso você deseje realizar o backup via USB, selecione o seu


dispositivo e clique em OK para iniciar o processo de backup. Ao final do
processo, uma mensagem será exibida informando o sucesso da operação.
4.1.3 – Dispositivo

4.1.3.2 – HDD

Acesse Menu Principal, Dispositivo, HDD, para ter acesso à interface


de configuração dos discos rígidos instalados no equipamento, que é
semelhante à exibida na imagem abaixo:

Quando um HD estiver conectado ao NVR, o sistema irá


automaticamente detectar se o disco está funcionando corretamente. Caso
o HD precise ser formatado, o status do disco será exibido como “Não
Formatado”. Selecione o disco e clique sobre o botão “Formatar HD” para
iniciar o processo de formatação. ATENÇÃO: ESSE PROCEDIMENTO
APAGARÁ TODOS OS DADOS PRESENTES NO DISCO.

- No.: número do HD que está instalado;

- Status: exibe a situação do HD no momento. Caso nenhum defeito seja


encontrado, será exibido o status Normal;

- Espaço livre: exibe a capacidade do disco que ainda não foi ocupada pelas
gravações;

- Tempo liv.: exibe uma estimativa de tempo (em horas) que o HD ainda
tem capacidade de armazenar;

- Sobrescrever: quando a opção ATIVAR está selecionada, as imagens mais


antigas presentes no disco serão sobrescritas pelas novas imagens, caso o
disco esteja cheio. Se a opção DESATIVAR estiver selecionada, a gravação
será interrompida assim que o HD for preenchido com imagens. Também é
possível definir um período padrão para exclusão automática das imagens:
1 dia, 3 dias, 7 dias, 14 dias, 30 dias ou 90 dias. Quando o prazo
selecionado expirar, as imagens serão automaticamente excluídas do disco
rígido.

- Formatar HD: formata o disco rígido selecionado. ATENÇÃO: ESSE


PROCEDIMENTO APAGARÁ TODOS OS DADOS PRESENTES NO DISCO.

Importante: as imagens somente serão armazenadas caso o disco esteja


com status Normal.
4.1.4 – Sistema

4.1.4.1 – Geral

4.1.4.1.1 – Geral

Acesse Menu Principal, Sistema, Geral para ter acesso à interface,


que é semelhante à exibida na figura abaixo. O usuário pode definir data,
hora, formato de data, formato de hora, idioma, padrão de vídeo, tempo de
auto-logoff e ativar ou desativar a exibição do assistente de configuração na
tela inicial do equipamento.

4.1.4.1.2 – Horário de Verão

Acesse Menu Principal, Sistema, Geral, Horário de Verão, para ter


acesso à configuração do horário de verão.
4.1.4.1.3 – Servidor de Horário

Acesse Menu Principal, Sistema, Geral, Serv. Horário para ter acesso
às configurações de servidor de horário (NTP).

A função de Servidor de Horário (NTP) ajusta o horário do NVR


automaticamente através da Internet. Para utilizá-la, basta ativar a função
e definir o fuso horário.

O botão “Atualizar NTP” realiza a comunicação inicial do NVR com o


servidor de horário selecionado.

Quando a função NTP estiver ativada, o sistema realizará a calibração


do relógio todos os dias, às 00:07:50, além de cada vez que o sistema for
reiniciado.
4.1.4.2 – Usuários

Acesse Menu Principal, Sistema, Usuários para ter acesso à interface


de usuários, que é semelhante à exibida na figura abaixo.

O sistema suporta até sete usuários, incluindo um administrador e


seis usuários comuns. Clique no botão “Editar” para ter acesso à interface
de edição de usuários, podendo alterar o nome de cada usuário, além de
sua respectiva senha. O nome de usuário e a senha podem ser compostos
por letras e números, com um tamanho máximo de 8 caracteres.

É possível também definir determinadas restrições a cada usuário, para


uma maior segurança do sistema, conforme mostra a imagem a seguir:
- Pesquisa de Log: permite ao usuário realizar a pesquisa de eventos do
equipamento;

- Parâmetros: permite ao usuário ter acesso às configurações de


Parâmetros;

- Manutenção: permite ao usuário atualizar a versão do equipamento,


restaurar os padrões de fábrica, reiniciar o dispositivo ou desligar o
sistema;

- Ger. Disco: permite ao usuário alterar as configurações de HD do


equipamento;

- Login Remoto: permite ao usuário acessar remotamente o dispositivo;

- Controle SEQ: permite ao usuário acessar as configurações de sequencial;

- Gravação manual: permite ao usuário ativar ou desativar a gravação


manual;

- Backup: permite ao usuário realizar o backup das imagens para um


dispositivo externo;

- Ao vivo: permite ao usuário visualizar as câmeras selecionadas na tela


inicial do dispositivo;

- Reprodução: permite ao usuário reproduzir as imagens dos canais


selecionados;
4.1.4.3 – Info

4.1.4.3.1 – Info

Acesse Menu Principal, Sistema, Info para ter acesso à interface, que
é semelhante à exibida na figura abaixo.

Nessa tela, o usuário pode visualizar informações gerais sobre o


produto, como ID do dispositivo, Nome do Dispositivo, Tipo de Dispositivo,
Versão de Hardware, Versão de Software, Endereço IP, Endereço Físico
(MAC), Capacidade do HD, etc.
4.1.4.3.2 – Info. Canais

Acesse Menu Principal, Sistema, Info, Info. Canais para ter acesso à
interface, que é semelhante à exibida na figura abaixo.

Nesta tela, o usuário pode visualizar informações das câmeras IP


conectadas ao NVR, incluindo o status, resolução dos fluxos principal e
secundário, etc.
4.1.4.4 – Log

Acesse Menu Principal, Sistema, Log, para ter acesso à interface de


logs do equipamento.

O usuário pode pesquisar por informações de log, que são o registro


de tudo o que acontece no sistema do NVR. Clique sobre o botão “Backup”
para exportar os arquivos de log para uma unidade externa, como um
pendrive ou HD externo.
4.1.5 – Avançado

4.1.5.1 – Manutenção

Acesse Menu Principal, Avançado, Manutenção para ter acesso à


interface, que é semelhante à exibida na figura abaixo.

- Auto-Reiniciar: com essa função habilitada, o NVR irá reiniciar o sistema


automaticamente nos dias e horários programados pelo usuário.

- Atualização: caso seja recomendado pelo Suporte LuxVision, realize a


atualização do seu dispositivo por meio dessa interface. Basta conectar o
pendrive contendo a atualização (previamente descompactada) à porta USB
do NVR e selecionar o arquivo de atualização correspondente. Após a
atualização, restaure o equipamento para as configurações de fábrica.

- Restaurar: essa função permite ao usuário retornar os parâmetros do


equipamento para os padrões de fábrica.

- Import. Config.: permite ao usuário importar as configurações através de


um arquivo (criado previamente).

- Export. Config.: permite ao usuário exportar as configurações vigentes no


NVR, para uma futura importação.
- Atualiz. Cam. IP.: as câmeras IP da linha ECD LuxVision podem ser
atualizadas diretamente através do NVR.

Para mais informações sobre atualizações, consulte o Suporte LuxVision.


Não realize atualizações que não sejam recomendadas pelo
departamento técnico da LuxVision, sob risco de danos
permanentes ao sistema do equipamento.

4.1.5.2 – Eventos

Acesse Menu Principal, Avançado, Eventos para ter acesso à


interface, que é semelhante à exibida na figura abaixo:

- Tipo de Evento: selecione o tipo de evento para o qual deseja configurar


alarme.

- Ativar: ativa ou desativa o alarme para o evento selecionado;

- Saída de alarme: ativa ou desativa a saída de alarme para o evento


selecionado.

- Latch Time: permite definir quanto tempo o buzzer soará quando um


alarme externo for detectado.

- Exibir mensagem: se essa opção estiver ativada, uma mensagem será


exibida na tela quando houver o alarme de evento selecionado.

- Buzzer: permite definir por quanto tempo o buzzer soará.


- Enviar e-mail: envia uma mensagem relatando o evento de alarme para a
conta de e-mail configurada no NVR.

4.1.6 – Desligar

Acesse Menu Principal, Desligar para ter acesso à interface, que é


semelhante à exibida na figura abaixo:

Para desligar ou reiniciar o equipamento, é obrigatório informar o


nome de usuário e a senha cadastrados no equipamento.
4.2 – Bloqueio do Menu

Por razões de segurança, o usuário tem a opção de bloquear o menu


do NVR contra pessoas não autorizadas. Para isso, basta clicar sobre o

botão , presente na barra de ferramentas inferior, ao lado do ícone do


Menu Principal. Com o sistema bloqueado, é necessário informar o nome de
usuário e a senha para ter acesso aos menus. (Usuário padrão: admin,
senha padrão – em branco (nula)).

4.3 – Divisões de Canais

O sistema permite ao usuário optar entre várias formas de divisão de


canal. Para isso, basta selecionar uma divisão presente na barra de
ferramentas inferior.

4.4 – Modo de Fluxo

Clique sobre o botão para ativar a transmissão através do fluxo

principal, e sobre o botão para ativar a transmissão através do fluxo


secundário.

4.5 – Qualidade da Imagem

Clique sobre o botão e escolha entre as opções Tempo Real,


Velocidade ou Equilibrado.
4.6 – Iniciar SEQ

Após definir as configurações de sequencial (consulte capítulo


4.1.1.1.3), clique em Iniciar SEQ para começar a sequencia pré-definida.

4.7 – Mudo

Clique sobre o ícone na barra de ferramentas para habilitar ou


desabilitar o áudio no canal selecionado (se disponível).

4.8 – Iniciar Tour

Definindo os presets para a tour:

Na interface de visualização, clique sobre o canal que possui câmera com


recurso PTZ e acesse o menu PTZ, clicando sobre o ícone destacado abaixo:

Clique sobre o ícone triangular no menu de controle PTZ, para ter


acesso às configurações de presets PTZ.

Você pode movimentar a câmera nas oito direções apresentadas no


joystick virtual (à esquerda), para um dos pontos que você deseja criar um
preset.
CAPÍTULO 5 – INTERFACE WEB

Para acessar remotamente seu equipamento, é necessário que as


configurações básicas de rede sejam realizadas. A LuxVision disponibiliza
uma série de tutoriais que explicam passo-a-passo essas configurações.
Você pode encontrar esses tutoriais em www.luxvision.com.br/portal-do-
cliente

5.1 Login de acesso remoto

Ao realizar o acesso remoto, a interface de login será exibida. Digite o


nome de usuário e senha, selecione qual o fluxo de vídeo que deseja
utilizar, informe o número da porta de mídia e selecione o idioma de sua
preferência, conforme mostrado na figura abaixo.

Após ter feito o login com sucesso, a interface de monitoramento em


tempo real será exibida.
5.2 Ao vivo

5.3 Funções da barra de ferramentas superior

Barra de Menus: “Visualização ao vivo”, “Reprodução”, “Configuração


Remota”, “Configuração local” e “Sair”.

Exibição ao vivo

: Ajuste de volume.

: Inicia a gravação remota, onde será salvo automaticamente


para o local determinado no PC após a função estiver ativada.
: Captura a imagem ao vivo selecionada e salva a para um
local especifico no PC. A imagem será armazenada no formato .bmp.

: Selecione o canal do DVR e clique neste botão para abrir e


fechar as imagens do canal ao vivo.

Clique com o botão direito do mouse em cada canal e selecione o


fluxo (principal, secundário ou móvel).

Funções da barra de ferramentas inferior:

: Clique neste botão para mudar o modo de exibição da janela do


canal.

: Clique neste botão para abrir todos os canais ao vivo.

: Clique neste botão para fechar todos os canais ao vivo.

: Clique neste botão para mostrar o grupo anterior de canais.

: Clique neste botão para mostrar o próximo grupo de canais.

: Clique neste botão para maximizar a janela atual. Clique com o


botão direito do mouse e selecione “Sair da tela cheia” para sair da tela
inteira.

Controle de vídeo

: Clique neste botão para ajustar a cromaticidade de vídeo


: Clique neste botão para ajustar o brilho do vídeo

: Clique neste botão para ajustar o

contraste do vídeo : Clique neste


botão para ajustar a saturação de vídeo

5.4. Reprodução

Clique sobre o botão ”para entrar na interface de


reprodução para visualizar remotamente as gravações feitas no HD do
DVR.

5.4.1 Pesquisar gravações

Selecione a data que deseja visualizar e o canal que deseja reproduzir.


Todos os arquivos de gravações do canal selecionado até a data atual serão
exibidos na barra de tempo.

Em seguida, selecione tipo de gravação (normal, movimento ou

todos), depois clique em “ ”, irá exibir uma barra de tempo


específico.
Antes da reprodução, selecione o modo ” para
permitir a reprodução de 4 canais de forma simultânea.

Mova o mouse para a barra de tempo, selecione o horário e clique no

botão para iniciar a reprodução. Clique nos botões para alternar


a exibição da barra de tempo.

5.4.2 Funções dos botões da barra de reprodução

Barra de controle de reprodução, conforme exibida abaixo:

5.5 Configuração remota

O menu de Configuração Remota permite alterar todas as


configurações do dispositivo, de forma idêntica à encontrada na interface do
Menu Principal (com um monitor conectado ao DVR). Dessa forma, consulte
a seção 4 – Menu Principal, desse manual, para ter acesso aos parâmetros
de configuração do seu dispositivo.

5.6 Configuração Local

Clique em “Configs locais”, para entrar na interface. Nessa interface o


usuário poderá configurar em quais pastas irá salvar as imagens e gravações
de vídeo e o intervalo de tempo de atualização dos arquivos. O arquivo de
vídeo poderá ser salvo em AVI. ou H264.
5.7 Sair

Clique em para encerrar a sessão e voltar para a interface


de login.