Você está na página 1de 2

12/12/2019 Quatro Níveis de Conhecimento | O pomar do Conhecimento

Quatro Níveis de Conhecimento

Existem quatro níveis de interpretações utilizados pelos sábios judeus.

Devido a profunda visão judaica sobre as Escrituras (Torá e Tanach) a Bíblia passa ater um
significado profundo e fantástico indo além do que o cristianismo sugere, até porque as doutrinas
cristãs são pautadas na razão filosófica implantada pelos pais da igreja (patrística) e seus
seguidores posteriores o que vai contrastar com o entendimento judaico (mais antigo). Isso fará
com que percebamos apenas uma pequena nuança da riqueza que existe nas escrituras e suas
mensagens de alto nível.

O entendimento do judaísmo sobre as escrituras chega a quatro impressionantes níveis, toda a


interpretação da Torá depende muito da forma como os Judeus estudam a Torá e o Tanach, que
nas Bíblias Cristãs equivale ao Antigo Testamento, é possível chegar ao nível mais profundo de
interpretação chamado: Pardês.

Pardês na tradução literal significa Jardim, porém significa um acróstico de um método de estudo
das Sagradas Escrituras cada uma atendendo a capacidade da pessoa naquele momento, em outras
palavras Pardês representa quatro diferentes abordagens da exegese das Escrituras Sagradas no
Judaísmo rabínico.

O nome, por vezes também escrito PaRDeS é uma sigla para as quatro abordagens:

1 – Pshat – o “simples significado”, ou significado LITERAL. Assim é ensinado para as crianças e


adultos que ainda não estão familiarizados com a Literatura da Torá. O ensinamento Literal é o
mais apropriado neste caso.

2 – Remez – “dicas” de um significado Alegorico, um ensinamento mais profundo, e não apenas a


expressão literal. Atingidos por pessoas com melhor nivel cultural e amplo conhecimento de Torá.

3 – Drash – “interpretação”; descobrir o significado atravez do Midrash, analisando as palavras, a


colocação, os formatos das Letras, por comparação palavras e formas e também por ocorrências
semelhantes noutros locais. Aqui este nível está disponivel para pessoas de grande conhecimento
em Torá, já no caso destacando-se dos demais!

4 – Sod – o “segredo” ou o significado místico e metafísico de uma passagem. Trata-se aqui de um


conhecimento secreto, geralmente está mais para as pessoas que estão com um nível muito
avançado de conhecimento de Torá. No caso o Sod é alcançado por exegetas, rabinos, e aspirantes
a Cabala.

O importante é que todas as quatro formas de estudo do Pardês nunca contradiz o significado
base. Cada nível de conhecimento é revelado para quem está preparado para recebê-lo.

Não se pode subir uma escada saltando degraus. É preciso subir degrau por degrau, respeitando o
tempo e as limitações momentâneas, para que no momento certo, toda a verdade possa ser
revelada sem causar danos psicológicos!

O Cristão e a interpretação
https://pomardoconhecimento.wordpress.com/quatro-niveis-de-conhecimento/ 1/2
12/12/2019 Quatro Níveis de Conhecimento | O pomar do Conhecimento

“Mas aquele Consolador, o Espírito Santo, que o Pai enviará em meu nome, esse vos ensinará todas as coisas,
e vos fará lembrar de tudo quanto vos tenho dito.” (João 14: 26)

Precisamos ter cuidado com a tentação de apanhar um fruto do pomar do conhecimento das
Escrituras de qualquer maneira. Exige-se respeito com as coisas do Eterno. Não se pode pegar um
entendimento que um sábio alcaçou , ou seja apanhou no pomar, e aplicá-lo de qualquer maneira.
È necessário que a palavra seja revelada em seu coração ou se não ele te conduzirá a confusão, para
isso você vai precisar da orientação do Espírito Santo. Para isso foi derramado o Espírito Santo (Mt.
3: 11) e os nove dons espirituai (não confunda dons com manifestações da carne –
neopentecostalismos, etc., não é possível saltar etapas do nível 1 diretamente para o nível 4 na
escala de interpretação bíblia. É necessário para um correto entendimento passarmos pela
interpretação bíblica para a revelação da verdade. Sendo a última palavra a do Espírito Santo.

Existem contextos e circunstâncias da cultura judaica que os autores conheciam e que por sermos
cristãos ocidentais desconhecemos e precisamos entender estas circunstâncias e fatos para a correta
compreensão dos fatos ali mencionados para então entrarmos objetivamente na mente do autor e
compreender o objetivo do texto.

Em nossos dias de teologia fácil e barata, muito arrazoam que sabem e afirmam coisas a respeito
das Escrituras que não fazem a mínima idéia. Abrindo margem a todas essas heresias que reinam
nos círculos de pregadores modernos. È te,pó de abrir as Escrituras em busca da revelação correta
para que possamos alimentar o povo de D’us!

https://pomardoconhecimento.wordpress.com/quatro-niveis-de-conhecimento/ 2/2

Você também pode gostar