Você está na página 1de 21

11/12/2019 Questões de Concursos e Perguntas de Concursos Públicos- Aprova Concursos

Direito do consumidor x Conceitos x Consumidor x Consumidor por equiparação x Cláusulas abusivas x

Selecionar todas as questões desta página  Adicionar questões selecionadas a um caderno

1) Q769051 
Provas: CESPE - 2019 - TJ-PR - Juiz Substituto
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Cláusulas Abusivas

Com base na jurisprudência do STJ, julgue os itens a seguir, a respeito de relações


consumeristas.
I. A recusa de cobertura securitária sob a alegação de doença preexistente é considerada lícita
se exigidos exames médicos previamente à contratação do seguro.
II. Nos contratos de assistência à saúde, é abusiva cláusula contratual que estipule qualquer
prazo de carência para cobertura de casos de urgência e emergência.
III. As regras do Código de Defesa do Consumidor são aplicáveis aos contratos de
empreendimentos habitacionais celebrados por sociedades cooperativas.
Assinale a opção correta.

 a) Apenas o item I está certo.

 b) Apenas o item II está certo.

 c) Apenas os itens I e III estão certos.

 d) Apenas os itens II e III estão certos

2) Q782801 
Provas: VUNESP - 2019 - TJ-AC - Juiz de Direito Substituto
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Práticas Abusivas Cláusulas Abusivas

Nos termos do Código de Defesa do Consumidor, é vedado ao fornecedor de produtos ou


serviços:

https://www.aprovaconcursos.com.br/questoes-de-concurso/questoes/disciplina/Direito%2Bdo%2BConsumidor/assunto/Conceitos%2CConsumi… 1/21
11/12/2019 Questões de Concursos e Perguntas de Concursos Públicos- Aprova Concursos

 a) estipular prazo para o cumprimento de sua obrigação ou deixar a fixação de seu termo inicial a
exclusivo critério do consumidor.

 b) elevar o preço de produtos e serviços, ainda que com apresentação de justo motivo.

 c) inserir cláusulas contratuais que transfiram responsabilidades a terceiros.

 d) inserir cláusulas contratuais que determinem a utilização facultativa da arbitragem.

3) Q768557 
Provas: CESPE - 2019 - MP-PI - Promotor de Justiça Substituto
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Cláusulas Abusivas

À luz do entendimento do STJ quanto a contratos bancários celebrados com instituições


nanceiras, julgue os seguintes itens.
I. É abusiva cláusula que preveja a cobrança de ressarcimento de serviços prestados por
terceiros, sem a especi cação do serviço a ser efetivamente prestado.
II. É abusiva cláusula que imponha o ressarcimento, pelo consumidor, da comissão do
correspondente bancário nos contratos celebrados a partir de 25/2/2011, sendo válida a
cláusula anterior a essa data, ressalvado o controle da onerosidade excessiva.
III. É válida a cobrança de tarifa de avaliação de bem dado em garantia, bem como cláusula
que preveja o ressarcimento de despesa com o registro do contrato, ressalvadas a abusividade
da cobrança por serviço não efetivamente prestado e a possibilidade de controle da
onerosidade excessiva.
Assinale a opção correta.

 a) Apenas o item I está certo.

 b) Apenas o item II está certo.

 c) Apenas os itens I e III estão certos.

 d) Apenas os itens II e III estão certos.

 e) Todos os itens estão certos.

4) Q709706 
Provas: CESPE - 2018 - TJ-CE - Juiz Substituto
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Responsabilidade Civil pelo Fato do Serviço Consumidor
Elementos da Relação Jurídica de Consumo

https://www.aprovaconcursos.com.br/questoes-de-concurso/questoes/disciplina/Direito%2Bdo%2BConsumidor/assunto/Conceitos%2CConsumi… 2/21
11/12/2019 Questões de Concursos e Perguntas de Concursos Públicos- Aprova Concursos

Após embarcar em um veículo de transporte público coletivo e pagado a passagem, João se


desequilibrou, em razão de uma frenagem brusca, e se acidentou no interior do veículo, o que
lhe causou diversas fraturas pelo corpo.
Tendo como referência essa situação hipotética, assinale a opção correta, à luz do CDC e da
jurisprudência do STJ.

 a) A relação estabelecida entre João e a empresa de transporte público coletivo proprietária


do veículo não se submete ao regime da legislação consumerista.

 b) A ocorrência do acidente que lesionou o passageiro não con gura defeito na prestação do
serviço.

 c) O prazo para o ajuizamento da ação de reparação de danos é decadencial.

 d) A responsabilidade da empresa de transporte pelos danos causados no acidente deverá


ser condicionada à demonstração da existência de culpa do prestador.

 e) O prazo para o ajuizamento da ação de reparação de danos é de cinco anos.

5) Q782959 
Provas: VUNESP - 2018 - TJ-SP - Juiz Substituto
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Cláusulas Abusivas

Nos contratos de compra e venda de bens móveis a prestação, a cláusula que estabelecer a
perda total das prestações pagas pelo consumidor, em benefício do credor,
que, em razão do inadimplemento, pleitear a resolução do contrato e a retomada do produto
alienado é 

 a) anulável.

 b) ineficaz.

 c) nula.

 d) válida.

6) Q712691 
Provas: FGV - 2018 - MPE-AL - Analista do Ministério Público - Área Jurídica
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Cláusulas Abusivas

A propósito da disciplina do Código de Defesa do Consumidor sobre as cláusulas abusivas, é


correto a rmar que são nulas de pleno direito, entre outras, as cláusulas contratuais relativas
ao fornecimento de produtos e serviços que
https://www.aprovaconcursos.com.br/questoes-de-concurso/questoes/disciplina/Direito%2Bdo%2BConsumidor/assunto/Conceitos%2CConsumi… 3/21
11/12/2019 Questões de Concursos e Perguntas de Concursos Públicos- Aprova Concursos

 a) limitem a responsabilidade do fornecedor em situações justificáveis e sendo o consumidor


pessoa jurídica.

 b) estabeleçam a utilização facultativa de arbitragem.

 c) autorizem o fornecedor a cancelar o contrato unilateralmente, ainda que igual direito seja
conferido ao consumidor.

 d) obriguem o consumidor a ressarcir os custos de cobrança de sua obrigação, ainda que igual
direito lhe seja conferido contra o fornecedor.

 e) possibilitem a renúncia do direito de indenização por benfeitorias necessárias.

7) Q710536 
Provas: FCC - 2018 - DPE - AM - Defensor Público - Reaplicação
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Contrato de consumo Cláusulas Abusivas
Responsabilidade Civil pelo Vício do Serviço Responsabilidade Civil pelo Vício do Produto

Por se tratarem de normas cogentes de ordem pública e de inegável interesse social, os


contratos rmados sob o pálio do Código de Defesa do Consumidor ocasionam a

 a) impossibilidade de modulação dos efeitos das cláusulas contratuais, na fase de execução do


contrato, quando verificada a aplicação da teoria da quebra da base objetiva.

 b) inversão do ônus da prova, benefício que não pode ser estendido às pessoas jurídicas
consumidoras, ainda quando reconhecida sua vulnerabilidade no caso concreto.

 c) possibilidade, pelo julgador, de ofício, em reconhecer a nulidade de cláusulas abusivas, com


exceção daquelas previstas em contratos bancários.

 d) declaração de nulidade de cláusula compromissória compulsória, salvo quando o consumidor


pessoa física não for hipossuficiente econômico.

 e) responsabilidade objetiva do fabricante, distribuidor, montador, prestadores de serviços,


profissionais liberais e demais fornecedores de produto e/ou serviço, no descumprimento contratual
por vício do produto ou serviço.

8) Q644638 
Provas: FAUEL - 2018 - Prefeitura de São José dos Pinhais - PR - Advogado
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Inversão do ônus da prova Informação do Consumidor
Consumidor

https://www.aprovaconcursos.com.br/questoes-de-concurso/questoes/disciplina/Direito%2Bdo%2BConsumidor/assunto/Conceitos%2CConsumi… 4/21
11/12/2019 Questões de Concursos e Perguntas de Concursos Públicos- Aprova Concursos

Acerca da aplicação do Código de Defesa do Consumidor, analise as assertivas abaixo.


I - Toda informação ou publicidade, su cientemente precisa, veiculada por qualquer forma ou
meio de comunicação com relação a produtos e serviços oferecidos ou apresentados, obriga o
fornecedor que a zer veicular ou dela se utilizar e integra o contrato que vier a ser celebrado.
II - Apenas a pessoa física é considerada consumidor, quando destinatário nal.
III - A inversão do ônus da prova é automática em favor do consumidor por ser ope legis.
Com base nisso, assinale a alternativa correta.

 a) Apenas a afirmativa I está correta.

 b) Apenas a afirmativa II está correta.

 c) Apenas a afirmativa III está correta.

 d) Apenas as afirmativas I e III estão corretas.

 e) Todas as afirmativas estão corretas.

9) Q646925 
Provas: CESPE - 2018 - DPE - PE - Defensor Público
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Defesa do Consumidor Em Juízo
Proteção Contratual do Consumidor Cláusulas Abusivas Práticas Comerciais Oferta e publicidade
Da Qualidade de Produtos e Serviços, da Prevenção e da Reparação
Lei 8.078-90 (Código de Defesa do Consumidor) Tutela Processual do Consumidor

Acerca da responsabilidade do fornecedor de produtos e serviços, assinale a opção correta de


acordo com as regras e os princípios previstos no CDC.

 a) O comerciante responde pelo vício do produto que comercializa, mesmo que não tenha
conhecimento da existência de falha de adequação que tenha surgido no momento de sua
fabricação.

 b) O CDC veda que o fornecedor provoque, nas ações propostas pelo consumidor, a
intervenção de terceiro por intermédio da denunciação da lide ou do chamamento ao
processo.

 c) O consumidor pode pleitear a nulidade do contrato quando, por fato superveniente,


determinada cláusula contratual se tornar excessivamente onerosa.

 d) A informação ou a comunicação publicitária parcialmente falsa, apta a induzir o


consumidor a erro, deve ser considerada publicidade abusiva e caracteriza ato ilícito do
fornecedor.

https://www.aprovaconcursos.com.br/questoes-de-concurso/questoes/disciplina/Direito%2Bdo%2BConsumidor/assunto/Conceitos%2CConsumi… 5/21
11/12/2019 Questões de Concursos e Perguntas de Concursos Públicos- Aprova Concursos

 e) Independentemente de o consumidor ser pessoa física ou jurídica, será considerada nula


de pleno direito a cláusula que atenue a responsabilidade do fornecedor, mesmo diante de
situação justi cável.

10) Q745669 
Provas: FGV - 2018 - OAB - Exame de Ordem Unificado - XXVII - Primeira Fase
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Proteção Contratual do Consumidor Cláusulas Abusivas

Dias atrás, Elisa, portadora de doença grave e sob risco imediato de morte, foi levada para
atendimento na emergência do hospital X, onde necessitou realizar exame de imagem e fazer
uso de medicamentos. Ocorre que o seu plano de saúde, contratado dois meses antes, negou
a cobertura de alguns desses fármacos e do exame de imagem, pelo fato de o plano de Elisa
ainda estar no período de carência, obrigando a consumidora a custear parcela dos
medicamentos e o valor integral do exame de imagem.
Nesse caso, à luz do Código de Defesa do Consumidor (CDC) e da Lei nº 9.656/98, que dispõe
sobre os planos e seguros privados de assistência à saúde, assinale a a rmativa correta.

 a) As cláusulas que limitam os direitos da consumidora são nulas de pleno direito, sendo qualquer
período de carência imposto por contrato de adesão reversível pela via judiciária, por caracterizar-
se como cláusula abusiva.

 b) As cláusulas que limitam os direitos da consumidora, como a que fixou a carência do plano de
saúde em relação ao uso de medicamentos e exame de imagem, são lícitas, e devem ser
observadas no caso de Elisa, em respeito ao equilíbrio da relação contratual.

 c) As cláusulas que preveem o período de carência estão previstas em norma especial que
contradiz o disposto no CDC, uma vez que não podem excetuar a proteção integral e presunção de
vulnerabilidade existente na relação jurídica de consumo.

 d) O plano de saúde deve cobrir integralmente o atendimento de Elisa, por se tratar de


situação de emergência e por, pelo tempo de contratação do plano, não poder haver carência
para esse tipo de atendimento, ainda que lícitas as cláusulas que limitem o direito da
consumidora.

11) Q620820 
Provas: FCC - 2017 - PROCON-MA - Fiscal de Defesa do Consumidor
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Relações de consumo Consumidor
Elementos da Relação Jurídica de Consumo

https://www.aprovaconcursos.com.br/questoes-de-concurso/questoes/disciplina/Direito%2Bdo%2BConsumidor/assunto/Conceitos%2CConsumi… 6/21
11/12/2019 Questões de Concursos e Perguntas de Concursos Públicos- Aprova Concursos

A relação jurídica de consumo possui três elementos, sendo estes o elemento subjetivo, o
objetivo e o nalístico. São eles, respectivamente:

 a) o sujeito da relação de consumo, ou seja: o consumidor; o produto ou serviço; o desejo de


aquisição para uso próprio.

 b) as partes envolvidas na relação: consumidor e fornecedor; o objeto sobre o qual recai a relação,
ou seja, o serviço, já que a relação não se faz presente quando falamos de produto; a utilização do
serviço, não se aplicando a relação jurídica de consumo à aquisição de produto como destinatário
final.

 c) as partes envolvidas na relação jurídica: consumidor e fornecedor; o objeto sobre o qual recai a
relação, ou seja, o produto, já que a relação não se faz presente quando tratamos sobre utilização
de serviço; a aquisição do produto como destinatário final, já que o serviço não é voltado à
destinação específica.

 d) as partes envolvidas na relação jurídica: consumidor e fornecedor; o objeto sobre o qual recai a
relação, ou seja, o produto ou o serviço; a ideia de que o consumidor vai adquirir o produto ou
serviço como destinatário final.

 e) aquele que se sujeita às regras consumeristas, ou seja: o comerciante; o produto ou serviço; o


desejo de vender a terceiro o produto ou serviço que o comerciante fornece.

12) Q615225 
Provas: CESPE - 2017 - DPE-AL - Defensor Público
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Consumidor por Equiparação
Elementos da Relação Jurídica de Consumo

A necessidade de proteção dos destinatários nais dos produtos e serviços ofertados no


mercado de consumo abarca as pessoas humana e jurídica, com o objetivo de tutelar a
vulnerabilidade e a hipossu ciência dos consumidores. A partir dessa informação, assinale a
opção correta, a respeito dos integrantes e do objeto da relação de consumo.

 a) Aplica-se o CDC para a relação entre condômino e condomínio no que diz respeito à
cobrança de taxas, em decorrência da vulnerabilidade do condômino em relação ao
condomínio.

 b) Em circunstâncias especícas, pessoas que não rmaram qualquer contrato de consumo


podem ser equiparadas a consumidores, para ns de proteção.

 c) O conceito de fornecedor não abarca as pessoas jurídicas que atuam sem ns lucrativos,
com caráter bene cente ou lantrópico, ainda que elas desenvolvam, mediante remuneração,
atividades no mercado de consumo.

 d) Com base na teoria nalista, a condição de destinatário nal do produto não é requisito
essencial para a classi cação da pessoa física ou jurídica como consumidora.

https://www.aprovaconcursos.com.br/questoes-de-concurso/questoes/disciplina/Direito%2Bdo%2BConsumidor/assunto/Conceitos%2CConsumi… 7/21
11/12/2019 Questões de Concursos e Perguntas de Concursos Públicos- Aprova Concursos

 e) A teoria maximalista amplia sobremaneira o alcance da relação de consumo, mas não


abarca as pessoas jurídicas, devido ao fato de considerar que estas jamais se encontrarão
em situação de vulnerabilidade frente ao fornecedor.

13) Q620837 
Provas: FCC - 2017 - PROCON-MA - Fiscal de Defesa do Consumidor
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Cláusulas Abusivas Contratos de Consumo

O art. 51 do Código de Defesa do Consumidor estabelece a nulidade de pleno direito das


cláusulas contratuais que contrariam as normas de ordem pública e interesse social
estabelecidas em favor da defesa do consumidor. São exemplos dessas cláusulas previstas no
Código, as cláusulas que

 a) obriguem o consumidor a ressarcir os custos de cobrança de sua obrigação, sem que igual
direito lhe seja conferido contra o fornecedor; e, que transfiram responsabilidades a terceiros.

 b) indiquem o valor máximo de ressarcimento em caso de dano; e, que determinem a utilização


compulsória de arbitragem.

 c) possibilitem a renúncia do direito de indenização por benfeitorias voluptuárias; e, que indiquem o


valor máximo de ressarcimento em caso de dano.

 d) transfiram responsabilidades a terceiros; e, que vedem o ressarcimento por danos efetivamente


comprovados, mesmo que de pequeno valor.

 e) estabeleçam inversão do ônus da prova em prejuízo do consumidor; e, que possibilitem a


renúncia do direito de indenização por benfeitorias voluptuárias.

14) Q618735 
Provas: FCC - 2017 - TRF - 5ª REGIÃO - Analista Judiciário - Área Judiciária
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Cláusulas Abusivas

De acordo com o Código de Defesa do Consumidor, as cláusulas contratuais que trans ram
responsabilidades a terceiros e as que possibilitem a renúncia do direito de indenização por
benfeitorias necessárias são

 a) anuláveis no prazo decadencial de seis meses e nulas de pleno direito, respectivamente.

 b) nulas de pleno direito e anuláveis no prazo decadencial de seis meses, respectivamente.

 c) anuláveis, nos dois casos.

https://www.aprovaconcursos.com.br/questoes-de-concurso/questoes/disciplina/Direito%2Bdo%2BConsumidor/assunto/Conceitos%2CConsumi… 8/21
11/12/2019 Questões de Concursos e Perguntas de Concursos Públicos- Aprova Concursos

 d) nulas de pleno direito, nos dois casos.

 e) permitidas e anuláveis no prazo decadencial de dois anos, respectivamente.

15) Q596959 
Provas: MPE-PR - 2017 - MPE-PR - Promotor Substituto
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Cláusulas Abusivas

Indique qual das alternativas abaixo não corresponde a cláusula contratual abusiva listada no
Código de Defesa do Consumidor:

 a) Que determine a utilização pactuada de arbitragem.

 b) Que transfira responsabilidades a terceiros.

 c) Que autorize o fornecedor a cancelar o contrato unilateralmente, sem que igual direito seja
conferido ao consumidor.

 d) Que infrinja ou possibilite a violação de normas ambientais.

 e) Que possibilite a renúncia do direito de indenização por benfeitorias necessárias.

16) Q591194 
Provas: FGV - 2017 - OAB - Exame de Ordem Unificado - XXII - Primeira Fase
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Responsabilidade Pelo Fato do Produto ou Serviço Conceitos
Relações de consumo Definição Consumidor e Fornecedor Consumidor por Equiparação Teorias

Alvina, condômina de um edifício residencial, ingressou com


ação para reparação de danos, aduzindo falha na prestação
dos serviços de modernização dos elevadores. Narrou ser
moradora do 10º andar e que hospedou parentes durante o
período dos festejos de m de ano. Alegou que o serviço nos
elevadores estava previsto para ser concluído em duas
semanas, mas atrasou mais de seis semanas, o que implicou
falta de elevadores durante o período em que recebeu seus
hóspedes, fazendo com que seus convidados, todos idosos,
tivessem que utilizar as escadas, o que gerou transtornos e
di culdades, já que os hóspedes deixaram de fazer passeios e

https://www.aprovaconcursos.com.br/questoes-de-concurso/questoes/disciplina/Direito%2Bdo%2BConsumidor/assunto/Conceitos%2CConsumi… 9/21
11/12/2019 Questões de Concursos e Perguntas de Concursos Públicos- Aprova Concursos

outras atividades turísticas diante das di culdades de acesso.


Sentindo-se constrangida e tendo que alterar todo o
planejamento de atividades para o período, Alvina a rmou ter
sofrido danos extrapatrimoniais decorrentes da mora do
fornecedor de serviço, que, ainda que regularmente noti cado
pelo condomínio, quedou-se inerte e não apresentou
qualquer justi cativa que impedisse o cumprimento da
obrigação de forma tempestiva.
Diante da situação apresentada, assinale a a rmativa correta.

 a) Existe relação de consumo apenas entre o condomínio e o fornecedor de serviço, não


tendo Alvina legitimidade para ingressar com ação indenizatória, por estar excluída da cadeia
da relação consumerista.

 b) Inexiste relação consumerista na hipótese, e sim relação contratual regida pelo Código
Civil, tendo a multa contratual pelo atraso na execução do serviço cunho indenizatório, que
deve servir a todos os condôminos e não a Alvina, individualmente.

 c) Existe relação de consumo, mas não cabe ação individual, e sim a perpetrada por todos os
condôminos, em litisconsórcio, tendo como objeto apenas a cobrança de multa contratual e
indenização coletiva.

 d) Existe relação de consumo entre a condômina e o fornecedor, com base da teoria nalista,
podendo Alvina ingressar individualmente com a ação indenizatória, já que é destinatária nal
e quem sofreu os danos narrados.

17) Q617630 
Provas: CESPE - 2017 - TRF - 1ª REGIÃO - Analista Judiciário - Oficial de Justiça Avaliador Federal
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Consumidor por Equiparação
Elementos da Relação Jurídica de Consumo

 Mostrar texto associado à questão

O contrato de compra e venda de um imóvel não residencial em construção, continha cláusula


que determinava a perda total das parcelas pagas caso a compradora, que utilizaria o imóvel
como sede empresarial, desistisse do negócio. O contrato foi rmado após a edição do Código
de Defesa do Consumidor (CDC).
Com relação a essa situação hipotética, julgue o item a seguir.

O CDC vigente não se aplica ao caso: a compradora é uma pessoa jurídica e o objeto do
contrato é um imóvel comercial.

 Errado

https://www.aprovaconcursos.com.br/questoes-de-concurso/questoes/disciplina/Direito%2Bdo%2BConsumidor/assunto/Conceitos%2CConsu… 10/21
11/12/2019 Questões de Concursos e Perguntas de Concursos Públicos- Aprova Concursos

 Certo

18) Q620839 
Provas: FCC - 2017 - PROCON-MA - Fiscal de Defesa do Consumidor
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Cláusulas Abusivas

Nos contratos de compra e venda de móveis ou imóveis mediante pagamento em prestações,


bem como nas alienações duciárias em garantia, consideram-se nulas de pleno direito as
cláusulas que

 a) estabeleçam a perda total das prestações pagas em benefício do credor que, em razão do
inadimplemento, pleitear a resolução do contrato e a retomada do produto alienado.

 b) estipularem que os contratos deverão ser expressos necessariamente em moeda corrente


nacional.

 c) determinarem a compensação ou restituição das parcelas quitadas descontando as vantagens


auferidas com a fruição e os prejuízos que o inadimplente ou desistente causou no grupo.

 d) permitirem a retomada do bem.

 e) permitirem a consideração das parcelas já pagas quando da retomada do bem.

19) Q494636 
Provas: MPE-SC - 2016 - MPE-SC - Promotor de Justiça - Vespertina
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Cláusulas Abusivas

Conforme entendimento do Superior Tribunal de Justiça, em contratos submetidos ao Código


de Defesa do Consumidor é abusiva a cláusula contratual que determina a restituição dos
valores devidos somente ao término da obra ou de forma parcelada, na hipótese de resolução
de contato de promessa de compra e venda de imóvel por culpa de qualquer dos contratantes.

 Errado

 Certo

20) Q498170 

https://www.aprovaconcursos.com.br/questoes-de-concurso/questoes/disciplina/Direito%2Bdo%2BConsumidor/assunto/Conceitos%2CConsu… 11/21
11/12/2019 Questões de Concursos e Perguntas de Concursos Públicos- Aprova Concursos

Provas: FGV - 2016 - OAB - Exame de Ordem Unificado - XIX - Primeira Fase
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Contrato de consumo Práticas Abusivas Cláusulas Abusivas
Definição Consumidor e Fornecedor Dos Contratos de Adesão

Amadeu, aposentado, aderiu ao plano de saúde coletivo


ofertado pelo sindicato ao qual esteve vinculado por força de
sua atividade laborativa por mais de 30 anos. Ao completar 60
anos, o valor da mensalidade sofreu aumento signi cativo
(cerca de 400%), o que foi questionado por Amadeu, a quem
os funcionários do sindicato explicaram que o aumento
decorreu da mudança de faixa etária do aposentado.
A respeito do tema, assinale a a rmativa correta.

 a) O aumento do preço é abusivo e a norma consumerista deve ser aplicada ao caso, mesmo
em se tratando de planode saúde coletivo e, principalmente, que envolva interessado com
amparo legal no Estatuto do Idoso.

 b) O aumento do preço é legítimo, tendo em vista que o idoso faz maior uso dos serviços
cobertos e o equilíbrio contratual exige que não haja onerosidade excessiva para qualquer
das partes, não se aplicando o CDC à hipótese,por se tratar de contrato de plano de saúde
coletivo envolvendo pessoas idosas.

 c) O aumento do valor da mensalidade é legítimo, uma vez que a majoração de preço é natural
e periodicamenteaplicada aos contratos de trato continuado, motivo pelo qual o CDC autoriza
que o critério faixa etária sirva como parâmetro para os reajustes econômicos.

 d) O aumento do preço é abusivo, mas o microssistema consumerista não deve ser utilizado
na hipótese, sob penade incorrer em colisão de normas, uma vez que o Estatuto do Idoso
estabelece a disciplina aplicável às relaçõesjurídicas que envolvam pessoa idosa.

21) Q536831 
Provas: FGV - 2016 - OAB - Exame de Ordem Unificado - XX - Primeira Fase (Reaplicação - Salvador/BA)
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Proteção Contratual do Consumidor Relações de consumo
Cláusulas Abusivas Definição Consumidor e Fornecedor Inversão do ônus da prova

Inês, pretendendo fazer pequenos reparos e manutenção em sua residência, contrai


empréstimo com essa nalidade. Ocorre que, descon ando dos valores pagos nas prestações,
procura orientação jurídica e ingressa com ação revisional de cédula de crédito bancário,
questionando a incidência de juros remuneratórios, ao argumento de serem mais altos que a
média praticada no mercado. Requereu a inversão do ônus da prova e, ao nal, a procedência
do pedido para determinar a declaração de nulidade da cláusula.
A respeito desta situação, é correto a rmar que o Código de Defesa do Consumidor

https://www.aprovaconcursos.com.br/questoes-de-concurso/questoes/disciplina/Direito%2Bdo%2BConsumidor/assunto/Conceitos%2CConsu… 12/21
11/12/2019 Questões de Concursos e Perguntas de Concursos Públicos- Aprova Concursos

 a) não é aplicável na relação jurídica entre Inês e a instituição financeira, motivo pelo qual o
questionamento deve seguir a ótica dos direitos obrigacionais previstos no Código Civil, o que
inviabiliza a inversão do ônus da prova.

 b) é aplicável na relação jurídica entre Inês e a instituição financeira, cabível a inversão do ônus da
prova, se preenchidos os requisitos legais e, em caso de nulidade da cláusula, todo contrato será
declarado nulo, tendo em vista que prática abusiva é questão de ordem pública.

 c) é aplicável na relação jurídica entre Inês e a instituição financeira, cabível a inversão do ônus da
prova caso a consumidora comprove preenchimento dos requisitos legais, sendo certo que a
declaração de nulidade da cláusula não invalida o contrato, salvo se importar em ônus excessivo
para o consumidor, apesar dos esforços de integração.

 d) não é aplicável na relação jurídica entre Inês e a instituição financeira, motivo pelo qual o
questionamento orienta-se pela norma especial de direito bancário, em prejuízo da inversão do
ônus da prova pleiteado, ainda que formalmente estivessem cumpridos os requisitos legais.

22) Q657353 
Provas: CESPE - 2016 - TJ-DF - Juiz de Direito Substituto
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Cláusulas Abusivas

De acordo com o entendimento adotado, de forma atual e prevalente, pelo STJ, assinale a
opção correta.

 a) A utilização dos dados extraídos dos registros do cartório de protesto, por órgão cadastral de
proteção ao crédito, desde que se trate de reprodução fiel, atualizada, objetiva e clara, não gera o
dever de reparar os danos causados ao consumidor, ainda que não tenha este sido previamente
cientificado da inclusão de tais informações na base de dados do órgão de proteção.

 b) Cabe ao órgão responsável pelo cadastro de proteção ao crédito, e não ao credor, a notificação
do devedor, antes de proceder à inscrição desabonadora, exigindo-se, para o fiel atendimento da
exigência legal, a prova de efetiva notificação do devedor, por meio de carta com aviso de
recebimento.

 c) Para a lícita utilização de escore de crédito, método estatístico de avaliação de risco que não
constitui banco de dados, exige-se o consentimento do consumidor, que terá o direito de solicitar
esclarecimentos sobre as informações pessoais valoradas e as fontes dos dados considerados no
respectivo cálculo.

 d) A inclusão do nome do consumidor em base de dados do órgão de proteção ao crédito, quando


fundada em informação verdadeira, extraída do cartório de distribuição judicial, não tem o condão
de ensejar a obrigação de reparar danos, desde que seja observado o dever de prévia notificação
do devedor.

https://www.aprovaconcursos.com.br/questoes-de-concurso/questoes/disciplina/Direito%2Bdo%2BConsumidor/assunto/Conceitos%2CConsu… 13/21
11/12/2019 Questões de Concursos e Perguntas de Concursos Públicos- Aprova Concursos

 e) Verificada, ao tempo em que fora realizada, a legítima inscrição do nome do devedor em


cadastro de proteção ao crédito, e, uma vez operado, em momento ulterior, o integral pagamento da
dívida, cabe ao devedor interessado postular a exclusão do registro desabonador, posto que a
negativação teve origem em ato realizado no exercício regular de um direito do credor.

23) Q494638 
Provas: MPE-SC - 2016 - MPE-SC - Promotor de Justiça - Vespertina
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Cláusulas Abusivas

Faculta-se ao consumidor, mesmo individualmente, requerer ao Ministério Público que ajuíze


ação para obter nulidade de cláusula contratual por desatendimento ao disposto no Código de
Defesa do Consumidor em face de violação ao justo equilíbrio entre os direitos e as obrigações
das partes, nos termos da Lei n. 8.078/90.

 Errado

 Certo

24) Q355270 
Provas: UFPR - 2015 - Prefeitura de Curitiba - PR - Procurador
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Conceitos Bancos de dados e Cadastros de consumidores
Responsabilidade Civil

Sobre as práticas comerciais previstas no Código de Defesa do Consumidor, assinale a


alternativa correta.

 a) A inscrição do nome do devedor pode ser mantida nos serviços de proteção ao crédito até o
prazo máximo de cinco anos, independentemente da prescrição da execução.

 b) O fornecedor do produto ou serviço é subsidiariamente responsável pelos atos de seus


prepostos ou representantes comerciais.

 c) Equiparam-se a consumidor todas as pessoas, desde que determináveis, expostas às práticas


previstas no Código de Defesa do Consumidor.

 d) Salvo convencionado em contrário, o valor contido no orçamento terá validade pelo prazo de 30
(trinta) dias, contado de seu recebimento pelo consumidor.

 e) Os bancos de dados e cadastros relativos a consumidores e os serviços de proteção ao crédito e


congêneres são considerados entidades de caráter privado.

https://www.aprovaconcursos.com.br/questoes-de-concurso/questoes/disciplina/Direito%2Bdo%2BConsumidor/assunto/Conceitos%2CConsu… 14/21
11/12/2019 Questões de Concursos e Perguntas de Concursos Públicos- Aprova Concursos

25) Q613849 
Provas: VUNESP - 2015 - TJ-SP - Juiz Substituto
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Cláusulas Abusivas

Em tema de abusividade contratual, é correto a rmar que

 a) a nulidade de uma cláusula contratual abusiva não invalida o contrato, desde que não
caracterizada a onerosidade excessiva.

 b) é válida a obrigação cambial assumida por procurador do mutuário vinculado ao mutuante, no


exclusivo interesse deste.

 c) a estipulação de juros moratórios superiores a 12% ao ano, por si só, não indica abusividade.

 d) se admite limitação temporal de internação hospitalar do segurado em contrato de plano de


saúde.

26) Q555255 
Provas: FCC - 2015 - TJ-SE - Juiz Substituto
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Consumidor por Equiparação

Considere a hipótese de uma explosão ocorrida em um restaurante, que funcionava dentro de


um shopping center. A explosão foi causada por um botijão de gás, que cava na cozinha do
restaurante, e foi tão forte que feriu gravemente seus empregados, além de pessoas que
estavam jantando, empregados da loja vizinha, um segurança do próprio shopping center e,
ainda, pessoas que passavam pelo corredor. Levando em consideração as regras de
responsabilidade previstas no Código de Defesa do Consumidor-CDC,

 a) as pessoas que estavam passando pelo corredor e que não haviam adquirido qualquer produto,
não podem pleitear indenização, com base no CDC, contra o shopping center, posto não se
configurar relação jurídica de consumo.

 b) os empregados do restaurante podem pleitear indenização em juízo, contra o restaurante, com


base no CDC, posto serem vítimas de um acidente de consumo.

 c) o segurança do shopping center pode pleitear indenização em juízo, contra o restaurante, com
base no CDC, posto se tratar de vítima de um acidente de consumo.

 d) os frequentadores do restaurante que se feriram não podem pleitear indenização em juízo contra
o shopping center, com base no CDC, posto não se configurar relação jurídica de consumo entre
eles.

https://www.aprovaconcursos.com.br/questoes-de-concurso/questoes/disciplina/Direito%2Bdo%2BConsumidor/assunto/Conceitos%2CConsu… 15/21
11/12/2019 Questões de Concursos e Perguntas de Concursos Públicos- Aprova Concursos

 e) o segurança do shopping center pode pleitear indenização em juízo contra o próprio shopping,
com base no CDC, posto se tratar de vítima de um acidente de consumo.

27) Q355658 
Provas: CESPE - 2015 - TRF - 1ª REGIÃO - Juiz Substituto
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Práticas Comerciais Fornecedor Oferta e publicidade
Consumidor por Equiparação Responsabilidade Civil pelo Fato do Produto
Qualidade de Produtos e Serviços da Prevenção e da Reparação de Danos
Responsabilidade Civil pelo Fato do Serviço Consumidor Elementos da Relação Jurídica de Consumo
Serviço

No que diz respeito à relação jurídica de consumo, assinale a opção correta.

 a) O serviço, como elemento objetivo da relação de consumo, deve ser prestado pelo fornecedor
mediante remuneração direta.

 b) De acordo com o princípio da vinculação, a oferta publicitária é irretratável e ilimitável.

 c) Para que haja a responsabilização civil por fato do produto e do serviço, é necessário que a
vítima do evento danoso tenha prévia vinculação contratual com o fornecedor do produto ou do
serviço.

 d) O fornecedor equiparado é o terceiro intermediário ou aquele que auxilia na relação de consumo


principal, a exemplo dos bancos de dados nos serviços de proteção ao crédito.

 e) O consumidor potencial é toda pessoa física ou jurídica que adquire ou que utiliza o produto
como destinatário final.

28) Q338001 
Provas: FCC - 2015 - TJ-PE - Juiz Substituto
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Consumidor

Após introduzir no mercado de consumo um determinado modelo de liquidi cador, sua


fabricante descobre que, funcionando na potência máxima por mais de cinco minutos, o
aparelho pode vir a explodir. Nesse caso,

 a) compete a todos os entes federados que tomarem conhecimento da periculosidade do produto


informar os consumidores a respeito.

https://www.aprovaconcursos.com.br/questoes-de-concurso/questoes/disciplina/Direito%2Bdo%2BConsumidor/assunto/Conceitos%2CConsu… 16/21
11/12/2019 Questões de Concursos e Perguntas de Concursos Públicos- Aprova Concursos

 b) o fornecedor deverá imediatamente, no prazo máximo de 60 dias contados da ciência do fato,


comunicar a periculosidade do produto às autoridades competentes e aos consumidores, mediante
anúncios publicitários a serem veiculados na imprensa, rádio e televisão.

 c) compete ao fornecedor comunicar o perigo às autoridades competentes e aos consumidores,


mediante anúncios publicitários às expensas da União.

 d) desde que o fornecedor alerte sobre o perigo na forma prevista na lei, ficará isento de
responsabilidade perante consumidores por conta da explosão do aparelho, mas apenas em
relação aos fatos ocorridos após a divulgação do alerta.

 e) se o fornecedor conhecesse o perigo antes comercializar o liquidificador, ainda assim poderia


introduzi-lo no mercado de consumo desde que prestasse aos consumidores, de forma ostensiva,
as informações necessárias e adequadas a seu respeito, mediante impressos apropriados
fornecidos juntamente com o produto.

29) Q208254 
Provas: FGV - 2013 - OAB - Exame de Ordem Unificado - XII - Primeira Fase
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Práticas Abusivas
Bancos de dados e Cadastros de consumidores Cadastro de consumidores inadimplentes
Consumidor por Equiparação

O Banco XYZ, com objetivo de aumentar sua clientela, enviou proposta de abertura de conta
corrente com cartão de crédito para diversos estudantes universitários. Ocorre que, por
desatenção de um dos encarregados pela instituição nanceira da entrega das propostas, o
conteúdo da proposta encaminhada para a estudante Bruna, de dezoito anos, foi furtado. O
cartão de crédito foi utilizado indevidamente por terceiro, sendo Bruna surpreendida com
boletos e ligações de cobrança por compras que não realizou. O episódio culminou com
posterior inclusão do seu nome em um cadastro negativo de restrições ao crédito. Bruna
nunca solicitou o envio do cartão ou da proposta de abertura de conta, e sequer celebrou
contrato com o Banco XYZ, mas tem dúvidas acerca de eventual direito à indenização. Na
qualidade de Advogado, diante do caso concreto, assinale a a rmativa correta.

 a) A conduta adotada pelo Banco XYZ é prática abusiva à luz do Código do Consumidor, mas
como Bruna não é consumidora, haja vista a ausência de vínculo contratual, deverá se utilizar
das regras do Código Civil para ns de eventual indenização.

 b) A pessoa exposta a uma prática abusiva, como na hipótese do envio de produto não
solicitado, é equiparada a consumidor, logo Bruna pode postular indenização com base no
Código do Consumidor.

 c) A prática bancária em questão é abusiva segundo o Código do Consumidor, mas o furto


sofrido pelo preposto do Banco XYZ con gura culpa exclusiva de terceiro, excludente da
obrigação da instituição nanceira de indenizar Bruna.

https://www.aprovaconcursos.com.br/questoes-de-concurso/questoes/disciplina/Direito%2Bdo%2BConsumidor/assunto/Conceitos%2CConsu… 17/21
11/12/2019 Questões de Concursos e Perguntas de Concursos Públicos- Aprova Concursos

 d) O envio de produto sem solicitação do consumidor não é expressamente vedado pela lei
consumerista, que apenas considera o produto como mera amostra grátis, afastando eventual
obrigação do Banco XYZ de indenizar Bruna.

30) Q158179 
Provas: FGV - 2012 - OAB - Exame de Ordem Unificado - VIII - Primeira Fase
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Ações Coletivas Cláusulas Abusivas Dos Contratos de Adesão

João celebrou contrato de seguro de vida e invalidez, aderindo 
a plano oferecido por conhecida rede particular. O contrato de  adesão,  válido  por  cinco 
anos,  prevê  a  possibilidade  de  cancelamento,  em  favor  da  seguradora,  antes  de  ocorrer 
o  sinistro, por alegação de desequilíbrio econômico- nanceiro.    

A esse respeito, assinale a a rmativa correta. 

 a) Os contratos de seguro ofertados no mercado de consumo, apesar de serem de adesão,


são regidos pelo Código Civil, e a eles se aplica o Código de Defesa do
Consumidor apenas subsidiariamente e em casos estritos.

 b) A cláusula prevista, que estipula a possibilidade de cancelamento unilateral do contrato


em caso de desequilíbrio econômico, seria viável desde que exercida
na primeira metade do contrato.

 c) O Ministério Público tem legitimidade para ajuizar demanda contra a seguradora, buscando
ser declarada a nulidade da cláusula contratual celebrada com os
consumidores, e que seja proibido à seguradora continuar a ofertá-la no mercado de consumo.

 d) A cláusula prevista no contrato celebrado por João não é abusiva, pois o seguro deve
atentar para a equação financeira atuarial, necessária ao equilíbrio econômico da
avença e à própria higidez e continuidade do contrato.

31) Q140700 
Provas: FGV - 2012 - OAB - Exame de Ordem Unificado - VII - Primeira Fase
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Cláusulas Abusivas

Martins celebrou negócio jurídico com a empresa Zoop Z para  o  fornecimento  de  dez 


volumes  de  determinada mercadoria  para  entretenimento  infantil.  No  contrato  restava 
estabelecido que Martins vistoriara toda mercadoria antes da  aquisição  e  que  o 
consumidor  retiraria  os  produtos  no  depósito  da  empresa.  Considerando  tal  situação 
ctícia,  assinale  a  alternativa  correta  à  luz  do  disposto  na  Lei  nº. 
8.078/90, de acordo com cada hipótese abaixo apresentada: 

https://www.aprovaconcursos.com.br/questoes-de-concurso/questoes/disciplina/Direito%2Bdo%2BConsumidor/assunto/Conceitos%2CConsu… 18/21
11/12/2019 Questões de Concursos e Perguntas de Concursos Públicos- Aprova Concursos

 a) A garantia legal do produto independe de termo expresso no contrato, bem como é lícito
ao fornecedor estipular que se exime de responsabilidade na hipótese
de vício de qualidade por inadequação do produto, desde
que fundada em ignorância sobre o vício.

 b) É nula de pleno direito a cláusula contratual que exonere a contratada de qualquer obrigação
de indenizar por vício do produto em razão de ter sido a mercadoria
vistoriada previamente pelo consumidor.

 c) O contrato poderia prever a impossibilidade de reembolso da quantia por Martins, bem


como ter transferido previamente a responsabilidade por eventual
vício do produto, com exclusividade, ao fabricante.

 d) A Zoop Z tem liberdade para estabelecer


compulsoriamente a utilização de arbitragem, bem como exigir o ressarcimento dos custos de
cobrança da obrigação de Martins, sem que o mesmo seja conferido contra o fornecedor.

32) Q172772 
Provas: VUNESP - 2012 - DPE-MS - Defensor Público
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Bancos de dados e Cadastros de consumidores
Cláusulas Abusivas

Leias as assertivas a seguir.

I. O Código de Defesa do Consumidor é aplicável à relação jurídica entre a entidade de


previdência privada e seus participantes.

II. É abusiva a cláusula contratual de plano de saúde que limita no tempo a internação
hospitalar do segurado.

III. As instituições nanceiras não respondem pelos danos gerados por fortuito interno relativo
a fraudes e delitos praticados por terceiros no âmbito de operações bancárias.

IV. É indispensável o aviso de recebimento (AR) na carta de comunicação ao consumidor sobre


a negativação de seu nome em bancos de dados e cadastros.

Está correto apenas o que se a rma em

 a) I e II.

 b) II e III.

https://www.aprovaconcursos.com.br/questoes-de-concurso/questoes/disciplina/Direito%2Bdo%2BConsumidor/assunto/Conceitos%2CConsu… 19/21
11/12/2019 Questões de Concursos e Perguntas de Concursos Públicos- Aprova Concursos

 c) III e IV.

 d) I, III e IV.

33) Q190350 
Provas: CESPE - 2007 - OAB - Exame de Ordem - 3 - Primeira Fase
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Proteção Contratual do Consumidor Cláusulas Abusivas

Considerando-se a relação jurídica em face da proteção contratual ordenada pelo CDC, é


correto a rmar que um consumidor que tenha comprado produto mediante pagamento em 10
prestações

 a) dispõe de até 7 dias para desistir da compra realizada, desde que ela tenha sido efetuada no
estabelecimento comercial do fornecedor.

 b) pode escolher, no ato da compra, se a garantia do fornecedor contra defeitos aparentes ou


ocultos que ocorram no produto adquirido será ou legal ou contratual.

 c) pode liquidar antecipadamente o débito em questão, total ou parcialmente, exigindo redução


proporcional dos juros cobrados.

 d) deve ser imediatamente indenizado caso o produto apresente problemas, preferencialmente


mediante abatimento do valor da indenização nas prestações vincendas.

34) Q237879 
Provas: CESPE - 2007 - OAB - Exame de Ordem - 2 - Primeira Fase
Disciplina: Direito do Consumidor - Assuntos: Contrato de consumo Cláusulas Abusivas

Em um contrato de consumo, não é considerada abusiva a cláusula que

 a) determina a utilização compulsória de arbitragem.

 b) estabelece a remessa do nome do consumidor inadimplente para bancos de dados ou cadastros


de consumidores.

 c) transfere responsabilidades a terceiros.

 d) estabelece a inversão do ônus da prova em prejuízo do consumidor.

https://www.aprovaconcursos.com.br/questoes-de-concurso/questoes/disciplina/Direito%2Bdo%2BConsumidor/assunto/Conceitos%2CConsu… 20/21
11/12/2019 Questões de Concursos e Perguntas de Concursos Públicos- Aprova Concursos

GABARITO:

1) C 2) C 3) E 4) E
5) C 6) E 7) C 8) A
9) A 10) D 11) D 12) B
13) A 14) D 15) A 16) D
17) Errado 18) A 19) Certo 20) A
21) C 22) A 23) Certo 24) A
25) A 26) C 27) D 28) A
29) B 30) C 31) B 32) A
33) C 34) B

https://www.aprovaconcursos.com.br/questoes-de-concurso/questoes/disciplina/Direito%2Bdo%2BConsumidor/assunto/Conceitos%2CConsu… 21/21