Você está na página 1de 3

Mandala da Libertação e cura.

Para que a gente possa realizar esse trabalho com segurança é muito importante que
fiquemos no coração, porque se ficarmos na mente a energia que vai ser levada, fica presa,
nós a seguramos e não a deixamos ir. E a gente merece a benção da nossa cura por isso,
fechem os olhos e vamos respirar devagar e profundamente bem centrados no coração.
já que estamos aqui, vamos aproveitar este momento e entrar em contato com a nossa
essência. Vamos respirar devagar, nos acalmando. Vamos sentindo que estamos dentro do
peito, coloque toda a sua intenção no seu peito, no seu coração, sinta-se em contato com a
sua essência, fique com você pra que haja a libertação.
Nós vamos pedir ao querido Mestre El Morya dirigente do primeiro raio, o raio azul anil do
poder e da vontade de Deus que se ligue conosco agora que nós vamos fazer a oração de
cura que ele nos ensinou. Se você tiver vontade acompanhe-a no silencio do seu coração.

Deixo ir embora de mim todos os pensamentos, sentimentos e palavras que me ferem. Eu


perdoo todos os seres que me magoaram e me destrataram e desejo o melhor para todos.
Eu me perdoo por tudo que fiz de errado, Eu sei que quando penso, quando Eu sinto e
quando Eu falo eu produzo a minha vida. Eu mereço a benção da minha cura.
Eu sou serenidade, Eu sou paz, Eu sou amor. Eu sou a saúde manifestada em mim agora e
para sempre sustentada. 3x
Inspire devagar e profundamente. Vamos pedir agora que este corpo crístico, o Eu Superior
que nós falamos se aproxime do nosso coração, que nos traga sua luz bendita de paz e de
esperança a cada um de nós que estamos aqui reunidos, para aproveitarmos totalmente o
trabalho de libertação que vai ser realizado. Fiquem sentindo a paz nessa luz.
Ó Grande Espirito, mais uma vez nós pedimos a tua permissão para realizarmos este
trabalho onde nós decretamos a nossa libertação. Pedimos a proteção e o ancoramento do
Divino Espirito Santo e da Santíssima Trindade. Pedimos a presença dos queridos
guardiões, do povo vermelho, dos mestres da luz e do amor, dos irmãos das naves, o povo
das estrelas e os anjos e arcanjos do senhor. E voltados em coração e mente para o leste
na energia Sagrada do Fogo, nós vamos agora decretar:

Ó Grande espirito em teu nome nós aqui reunidos decretamos: Que toda a energia não
qualificada, obstáculos, impedimentos, sortilégios que vieram do leste e que estão
envolvendo a vida de cada um de nós que estamos aqui presentes e dos ausentes da Aldeia
Rosa Dourada que venha agora a energia das salamandras, do fogo sagrado, venham agora

/conversion/tmp/scratch/452631597.doc 1 de 3
as salamandras para queimar, consumir e limpar (3x) não sobrando nada que se possa
contar nenhuma estória.

Nos voltamos agora para o Sul. A energia da irmã agua. E chamamos os Elementais da agua
as Ondinas. Ó Grande espirito em teu nome nós aqui reunidos decretamos: Que toda a
energia não qualificada, sortilégios, trabalhos de magia, que foram realizados nessa agua
sagrada e que estejam atingindo a vida de cada um de nós aqui presentes e dos ausentes da
Aldeia Rosa Dourada que venha agora a energia das Ondinas, da Irmã Agua, venha agora o
elemento agua através das Ondinas para lavar, limpar e levar (3x) levando para tão longe
que jamais possa retornar.

Nos voltamos agora para o Oeste. A energia do Irmão AR. Os queridos Silfos Elementais do
AR. Ó Grande espirito em teu nome nós aqui reunidos decretamos: Que toda a energia não
qualificada, obstáculos, sortilégios, impedimentos, que estejam atingindo a vida de cada um
de nós aqui presentes e dos ausentes da Aldeia Rosa Dourada que venha agora a energia do
AR, dos Silfos. Venham Soprando, desligando e levando, (3x) levando para tão longe que
jamais possa contar nenhuma estória.

Nos ligamos agora a energia do Norte. Da querida Mãe Terra. Os seus queridos Elementais:
os duendes, gnomos, os elfos, espíritos das florestas e os nossos irmãos intraterrenos. Ó
Grande espirito em teu nome nós aqui reunidos decretamos: Que toda a energia não
qualificada, sortilégios, impedimentos, trabalhos de magia feitos no norte, neste solo
sagrado e que estejam atingindo e atrapalhando a vida de cada um de nós aqui presentes e
dos ausentes da Aldeia Rosa Dourada que venham agora os gnomos, duendes, elfos,
espíritos das florestas, os nossos irmãos intraterrenos e virem tudo de ponta cabeça e
direcionem essa energia pro fogo central da mãe, o seu magma sagrado e lá ele será
queimado, consumido e limpo (3x) não sobrando mais nada que possa contar nenhuma
estória.

Pedimos agora a limpeza das Egrégora dessas energias, pedindo ao querido Mestre St.
Germain, que dispense agora o pilar do fogo violeta libertador e transformador.
Começando com as Egrégoras do leste, vai descendo o fogo violeta sobre elas, e vai
(juntando, desligando, limpando), vai (girando, sugando, desligando), gira, suga, gira suga,
gira suga e entregue aos guardiões para que deem a finalidade permitida pelo grande pai.

/conversion/tmp/scratch/452631597.doc 2 de 3
Limpando agora as Egrégoras do Sul, Mestre St. Germain pedimos mais um pilar do fogo
violeta libertador e transformador descendo agora sobre as egregoras do sul, e vai descendo
o fogo violeta , vai (juntando, desligando, limpando), vai (limpando, desligando, girando),
gira, suga, gira suga, gira suga e entregue aos guardiões para que deem a finalidade
permitida pelo grande pai.
Limpando agora as Egrégoras do Oeste, Mestre St. Germain pedimos mais um pilar do fogo
violeta descendo agora sobre as egregoras do Oeste, e vai (girando, juntando, desligando),
vai (girando, juntando, desligando) gira, suga, gira suga, gira, suga e entregue aos guardiões
para que deem a finalidade permitida pelo grande pai.
E mais uma vez Mestre St. Germain na sua misericórdia pedimos mais um pilar do fogo
violeta descendo agora sobre as egregoras do Norte, da Mãe Terra e vai descendo o fogo
violeta, (envolvendo, aglutinando, girando), vai (ajuntando, desligando, girando), gira, suga,
gira suga, gira suga e entregue aos guardiões para que deem a finalidade permitida pelo
grande pai.

Agradecemos ó Pai Senhor da Vida pela sua misericórdia porque sabemos que mais uma
vez os nossos pedidos foram atendidos, porque eles são justos, agradecemos ao Divino
Espirito Santo e a Santíssima Trindade pela presença e por sua proteção.
Agradecemos a todo o povo vermelho, agradecemos aos nossos guardiões, agradecemos a
todos os irmãos das naves, o povo das estrelas, agradecemos aos Mestres da luz e do amor
e em especial ao Mestre El Morya, o Mestre St. Germain e agradecemos aos anjos e
arcanjos do senhor, com a plena convicção que tudo foi feito da melhor maneira possível,
nós encerramos apenas afirmando: Assim é, Assim se Faz e Assim Será. Agradecemos e
abençoamos por mais este momento de benção e misericórdia nas nossas vidas. (Que assim
seja!!!)

/conversion/tmp/scratch/452631597.doc 3 de 3

Você também pode gostar