Você está na página 1de 10

Redes de acesso e meios físicos

Q: Como conectar o sistema final


ao roteador de borda?
• redes de acesso residencial
• redes de acesso institucionais
(escolas, bancos, empresas)
• redes de acesso móvel
Lembre-se :
• a banda passante do canal de
acesso define sua capacidade
de transmissão de dados
• o compartilhamento reduz a
banda disponível?
Acesso residencial: redes ponto-a-ponto
• Modem discado
– até 56 kbps com acesso direto ao roteador
(ao menos em tese)
• ISDN: rede digital de serviços integrados 128
kbps com conexão digital ao roteador passando
pela rede pública de telefonia
• ADSL: asymmetric digital subscriber line
– até 1 Mbps de uplink
– até 8 Mbps de downlink
– geralmente é comercializado em taxas mais
baixas (Speedy)
– acesso ao roteador através de um backbone
Acesso residencial: cable modems
• HFC: híbrido fibra e coaxial
– assimétrico: até 10 Mbps upstream, 1
Mbps downstream
• rede de cabo e fibra liga
residências ao roteador do ISP
– acesso compartilhado das casas de
um condomínio ou de um bairro
– problemas: congestionamento,
dimensionamento
• deployment: companhias de
TV a cabo
Acesso residencial: cable modems

Diagrama: http://www.cabledatacomnews.com/cmic/diagram.html
Acesso institucional: redes de área local
• companhias/univ local area
network (LAN) conecta sistemas
finais ao roteador de acesso
• Ethernet:
– cabo compartilhado ou
dedicado conecta sistemas
finais e o roteador
– 10 Mbps, 100 Mbps, Gigabit
Ethernet
• deployment: instituições e
residências
Redes de Acesso Wireless
• acesso wireless compartilhado
conecta sistemas finais ao
roteador de acesso router
• wireless LANs:
– utiliza ondas de rádio base
– padrão IEEE 802.11 station
– e.g., Lucent Wavelan 10 Mbps
• wide-area wireless access
– CDPD: acesso wireless ao
roteador do ISP via telefonia
celular
mobile
hosts
Redes Residenciais
Componentes típicos de uma rede residencial:
• ADSL ou cable modem
• roteador/firewall
• Ethernet
• acesso wireless
wireless
to/from laptops
headend cable roteador/
do cabo modem firewall
acesso
wireless
Ethernet
(switched)
Meios Físicos
Twisted Pair (TP)
• enlace físico: meio de • dois fios de cobre
transmissão de sinais físicos isolados
que representam a – Categoria 3: taxas de
informação transmissão até 10 Mbps
• meios guiados: Categoria 5 : 100Mbps
– os sinais se propagam em Ethernet
meios sólidos com caminho
fixo: cobre, fibra
• meios não guiados:
– propagação livre: ex. rádio
Meio Físico: coaxial, fibra
Cabo Coaxial: Cabo de fibra óptica:
• núcleo de fio (portador de • fibra de vidro transportando
sinal) dentro de uma pulsos de luz
blindagem de fio (shield) • alta velocidade de operação:
– bandabase: um único sinal – 100 Mbps Ethernet
presente no cabo
– alta velocidade com transmissão
– broadband: multiplos sinais no ponto-a-ponto (e.g., 5 Gbps)
cabo
• baixa taxa de erros e
• bidirecional imunidade a ruídos
• era comum em redes de 10
Mbps Ethernet
Meio Físico: rádio
• sinal transportado como Tipos de canais de rádio:
campo eletromagnético • microwave
– canais de até 155 Mbps
• não há fios físicos
• LAN (e.g., waveLAN)
• bidirecional – 2 Mbps, 11 Mbps
• o ambiente afeta a • wide-area (e.g., celular)
propagação: – e.g. CDPD, 10’s Kbps

– reflexão • satélite
– até 50 Mbps por canal (ou vários
– obstrução por objetos canais menores)
– interferência – 270 ms de atraso fim-a-fim
– geosynchronous versus LEOS