Você está na página 1de 11

Localização Brasil – DDA – Confguração no

SAP ECC
Introdução

O artigo mostra de forma simples os passos necessários para configuração do DDA – Débito
Direto Autorizado no SAP E!

onceituação do DDA

A "E#$A#A% – "ederação #rasileira de #ancos criou o DDA – Débito Direto Autorizado em


&''( para facilitar e aumentar a produti)idade das empresas e diminuir a impressão de boletos
bancários!

om a implantação do DDA as empresas ou pessoas f*sicas não precisam esperar o boleto
impresso c+egar, pode )isualizar o compromisso financeiro atra)és de sites ou cai-as
eletr.nicos e celulares, com isso, fazer seus pagamentos!

%o manual "E#$A#A% as informaç/es sobre o DDA estão localizadas item 0!&!0 #lo1ueto
Eletr.nico 2aptura de 3*tulos em obrança4 contemplado nos seguimentos 5 e 6 composto
pelo la7out de &8' posiç/es!

Pré-requisitos técnicos necessários

O DDA 9á está dispon*)el na )ersão SAP E :!' para todos os En+ancement Pac;ages! aso
ten+a uma )ersão inferior ao SAP E :!' é necessário bai-ar as seguintes notas abai-o!

%otas para solução de DDA<

=>?(8=> DDA P+ase & de)elopment

=>@=8?: DDA< Incorrect lengt+ of t+e "ield A0&&2structure B=#EC#A4

=:0'88& #$< $"E#A''< #razil DDA legal c+anges for #radesco

=>&(=&> #$< $"E#A''< DDA Cegal +anges for "E#$A#A%, Itau and #radesco!

=>=8(&& #$< $"E#A''< DDA Cegal +anges for "E#$A#A%, Itau and #radesco!

=:>&8=8 #$< DDA #razil< Incorrect selection of DDA documents

=:88>>' #$< +ec;man errors rectified for #razil DDA #radesco "ormat!

=:>(&0: #$< DDA Post Processing!

=::::(? #$< DDA Segment 5 and Segment 6 c+anges for "E#$A#A%!


=?'&:'( DDA< #razil DDA Itau file Fit+ no account Details!

=?88(=0 DDA< En+ancement point in program B=##$&' and $""O#$BDDA

=?=?&8? DDA< $"E#A''< DDA document 7ear different from file 7ear

=?8::=@ $""O#$BAG9B=bdme-+0G+0': s+ould be blan; in "E#$A#A% format!

Definição de objetivos

Hma )ez 1ue compreendemos o conceito do DDA e préGre1uisitos técnicos necessários )amos
começar a configurar o DDA no SAP E!

%esse artigo )amos trabal+ar com o banco Santander, onde usamos o DDA para capturar o
cdigo da lin+a digital para preenc+imento no campo $"'>CG#$DE descrito na imagem
abai-o!

J importante 1ue SAP E este9a contemplando o item da localização #razil no lin; abai-o
para 1ue o campo este9a com 8@ posiç/es!

+ttp<KKFi;i!scn!sap!comKFi;iKdispla7KCOCAK#arcodesLFit+L8@LdigitsLinL"#'&

Códigos de Barras com 48 dígios – !B"#

Ob9eti)o
O ob9eti)o desta página é esclarecer a razão pela 1ual o programa não aceita os cdigos de barras de 8@ d*gitos
no "#'&!

Misão geral
3er um con+ecimento mais amplo sobre o moti)o pelo 1ual o programa não o aceita pode a9udáGlo a e)itar

problemas com os usuários e também analisar outra solução para atender aos re1uisitos da sua empresa!
%as seç/es a seguir )ocN será capaz de entender mel+or esse processo!

Descrição de #oleto
#oleto é um documento financeiro, semel+ante a uma fatura prGforma, emitido por um banco e é usado para
faturar os clientes com o montante e-ato de)ido ao fornecedor especificando uma referNncia e uma data de
)encimento! Ele também tem um cdigo de barras 1ue pode ser lido em cai-as eletr.nicos e scanners, a fim de
identificar a referNncia para o pagamento! Para sistemas de informação é utilizada uma representação numérica
do cdigo de barras para identificar a referNncia!

As informaç/es no cdigo de barras impresso do boleto não é e-atamente igual aos d*gitos impressos nele! O

cdigo de barras representa 88 d*gitos e os d*gitos impressos 2denominados lin+a digitá)el4 podem ter 8? ou
8@ d*gitos 2esta informação contém os d*gitos de )erificação4!

%o #rasil e-istem dois tipos de boletos< G Banco Boletose Concessionárias Públicas Boletos
!

"#'& tela e estrutura


%a transação "#'&, o nmero do boleto 2nmero do cdigo de barras4 é inserido no item de lin+a do fornecedor
do documento a pagar da conta! %este caso, o campo é $"'>CG#$DE e tem apenas 8? como comprimento na
definição da estrutura!
%o programa padrão somente os boletos bancários podem ser usados!

As informaç/es no cdigo de barras de um boleto não são e-atamente iguais aos d*gitos impressos nele! O
cdigo de barras contém 88 d*gitos e os d*gitos impressos 2c+amados ampos Digitá)eis4 contNm 8? ou 8@
d*gitos!

$ BA%C$&

O #anco Santander trabal+a com os seguimentos G e H para disponibilizar as informaç/es do


DDA! %o seguimento G e-iste o campo cdigo de mo)imento remessa 1ue está na posição de
'=: até '=?!
Segue abaixo os códigos de movimento de remessa disponível no Santander:

'= Q Entrada de 3*tulos sem agendamento

'& Q Pedido de #ai-a

'( Q Protestar

0= Q Alteração de Outros Dados

?> Q Entrada de t*tulos blo1ueados

?: Q Entrada de t*tulos conforme con)Nnio

O campo Rcdigo de mo)imento remessa mais o campo Rbanco, agencia e Rconta bancaria
será a ponte ligação do DDA com SAP E!

Configuração do DDA

Mamos acessar as transaç/es de configuraç/es pelo o seguinte camin+o<

SPR! "#G ! Contabilidade $inanceira %nv&' ! Contab&bancária ! (ransa)*es contábeis !


Pagamentos ! +xtrato eletr,nico da conta-! +xecutar op)*es globais para o extrato de
conta eletr,nico&

Para configurar o ../ é necessário criar uma regra de lançamento, essa operação não será
contabilizada, mas faz parte da configuração!

riação de uma R+a)e para regras de lançamento!

Rriar c+a)e para regras de lançamento!

riação de uma R+a)e para regras de lançamento!

Rriar c+a)e para regras de lançamento!


A categoria de operação é utilizada para agrupar todos os cdigos Rmo)imento da remessa
1ue )em no ar1ui)o retorno do DDA ou e-trato eletr.nico com suas respecti)as regras de
lançamentos no SAP E!

Rriar categoria de operação!


Hma )ez 1ue a categoria de operação está definida precisamos atribuir o cdigo de mo)imento
de remessa do ar1ui)o DDA para o SAP E! Iremos utilizar o cdigo de mo)imento remessa
?:, 1ue será )inculado com a regra do DDA!

“Atribuir código processo a regras contabilização”.


Descrição dos campos rele)antes<

pera)0o externa: Esse campo de)erá ser igual aos cdigos de mo)imento da remessa do
ar1ui)o do e-trato DDA! Essa informação está dispon*)el no seguimento G do ar1ui)o na
posição de '=: até '=?!

Sinal: Sinal LKG do montante 1ue entra da informação do banco, estamos usando o sinal RGR!

Regra Contábil: %este campo é informando a regra de lançamento para a sua contabilização!

Algoritmo de interpretação< J o algoritmo em substituição do SAP E, basicamente é modo


de leitura das informaç/es! Iremos usar a R%en+uma interpretação!

(ipo de plane1amento transa)0o:%ão se aplica ao processo de DDA!

(ipo de processamento:Esse campo é usado para selecionar o tipo de processamento para


seu ob9eto correspondente no SAP E, no caso do processo do DDA será R#rasil< entrada no
documento e com dados brasileiros!

Apesar de o cenário de estudo estar tratando somente o código de


movimento remessa 76 essas confgurações podem ser adicionadas nas
confgurações á e!istentes.

O Tltimo passo para da configuração é atribuir U categoria de operação para sua conta
bancaria!
RAtribuir contas bancárias a categorias de operação!

Processando o DDA
Para processar o ar1ui)o do DDA utilizamos a transação ""B>, as informaç/es 1ue
processamos ficam dispon*)el na transação DDAB#$!

%a transação DDAB#$ ficam todos os documentos com seus detal+es de processamento com
sucessos ou erros!

R3ransação DDAB#$!

%a transação DDAB#$ teremos os seguintes status!

S- sucesso&
+- erro&

Detal+amento dos erros

G %P não correspondeV

DG Mencimento não correspondeV

AG Wontante não correspondeV

MG "atura não encontrada!

Opç/es de processamento dispon*)el na transação DDAB#$!

E-ecuta processamento manual dos registros!

$emo)er da tabela DDA os registros 9á processados ou com


erro!

Para 1ue o processamento do DDA se9a efeti)o e encontre os documentos de compras


correspondentes para atualização do cdigo de barra no SAP E, a pes1uisa é feita pelos
seguintes campos<

• %P

• Data de )encimento,

• Malor "atura
• %mero da "atura!

Evitando erros

%a disponibilização do ar1ui)o pelo banco com as informaç/es do DDA, aconsel+o 1ue


)en+am somente informaç/es referentes ao processo do DDA! Para 1ue nen+um e)entual erro
de processamento gere impactos nos processos do e-trato eletr.nico!

Outro ponto importante é 1uando um cdigo de mo)imento remessa não está configurado no
SAP E na opção Ratribuir cdigo processo a regras contabilização e esse cdigo este9a
contido no ar1ui)o de retorno do DDA! om isso, é gerado um erro de processamento
semel+ante U imagem abai-o e nen+uma informação do processamento do DDA é conclu*do!

RErro de processamento!

Detalhes técnicos

O SAP disponibiliza nos programas R$""O#$BDDA, $""O#$BDDABO'' com um


REn+ancement point $""O#$BDDABPOI%3 para ser usado no tratamento de informação na
+ora do processamento das informaç/es do DDA!

Conclusão

"oi descrito de forma pratica os passos necessários para configuração do DDA no SAP E,
caso alguém encontre alguma di)ergNncia, por fa)or, informe para correção!