Você está na página 1de 3

ANO 1º TURMA: BIMESTRE: 3° Bimestre ENSINO: Médio

Avaliação de Língua Portuguesa

PROF. Ueslene Coelho de Sousa Ramos DATA: / /

ALUNO (A):

Instruções:
1. Antes de entregar a prova verifique se o cabeçalho está devidamente preenchido.
2. Use caneta esferográfica de tinta preta ou azul.
3. Preencha tudo com letra legível.
4. Não dobre, não amasse nem rasure a prova.
5. Nas questões objetivas somente uma alternativa está correta.
6. O valor da avaliação é de 4,0 pontos
7. A redação que apresentar cópia do texto da Proposta de Redação terá o número de linhas copiadas desconsiderado
para efeito de correção.
8. O artigo de opinião deve ter no mínimo 7 linhas e no máximo 30.
9. O produtor de um artigo de opinião busca construir para os leitores uma imagem de si mesmo, mostrando seus
conhecimentos sobre o tema tratado, através da razão e da lógica, sustentando sua posição.
Habilidades:
1. Estabelecer relações entre o texto literário e o momento de sua produção, situando aspectos do contexto histórico,
social e político.
2. Relacionar informações, representadas em diferentes formas, e conhecimentos disponíveis em situações concretas,
para construir argumentação consistente.
3. Reconhecer os usos da norma padrão da língua portuguesa nas diferentes situações de comunicação.

1. O Teocentrismo (Deus como o centro de todas as Resolveu # tudo em ordem. Começou # não acatar
coisas) é uma característica medieval. Assinale a opiniões # razões indiscutíveis. # isso não vou # em
alternativa onde a característica do classicismo é dúvida a competência dele.
contrária ao Teocentrismo. _____________________________________________
_____________________________________________
a. antropocentrismo
b. concretismo _____________________________________________
c. arte universal
_____________________________________________
d. imitação grego-latina
e. confucionismo 4. Leia o texto I a seguir e responda à questão quatro.
TEXTO I
2. (PUC-SP) O Auto da Barca do Inferno pertence ao
movimento literário do Humanismo, em Portugal,
porque Gil Vicente:

a. critica a igreja pela venda indiscriminada de


indulgências e pela vida desregrada dos padres.
b. preocupa-se somente com a salvação do homem após
a morte, sem se voltar para os problemas sociais da
época.
c. equilibra a concepção cristã da salvação após a
morte com a visão crítica do homem e da sociedade
do seu tempo.
d. tem como única preocupação criticar o homem e as
mazelas sociais do momento histórico em que está
inserido. O texto faz parte da propaganda de um dicionário de
e. critica a Igreja, ao defender com entusiasmo os língua portuguesa.
princípios reformistas disseminados pela Reforma Sobre as marcas de correção presentes no texto, assinale
protestante. a alternativa correta.

3. Escreva a frase, substituindo adequadamente o # a) Trata-se de retificações, no plano semântico, das


pelas palavras propostas em cada item. palavras do léxico brasileiro.
Use pôr ou por. b) Referem-se às alterações ortográficas a serem feitas
na língua portuguesa.
1
c) São correções necessárias para a modificação da multiplicam-se, as desigualdades agravam-se, a
pronúncia dessas palavras. ignorância cresce, a miséria alastra. A mesma
d) São parte das mudanças sintáticas que deverão esquizofrénica humanidade capaz de enviar
ocorrer em breve no Português. instrumentos a um planeta para estudar a composição
e) Configuram sugestões de correção para que o texto se das suas rochas assiste indiferente à morte de milhões de
torne mais coeso. pessoas pela fome. Chega-se mais facilmente a Marte do
que ao nosso próprio semelhante.
TEXTO II Trecho do discurso de José Saramago ao receber o Prêmio Nobel de
Literatura.
CASAMENTO
Há mulheres que dizem: TEXTO V
Meu marido, se quiser pescar, pesque,
mas que limpe os peixes.
Eu não. A qualquer hora da noite me levanto,
ajudo a escamar, abrir, retalhar e salgar.
É tão bom, só a gente sozinhos na cozinha,
de vez em quando os cotovelos se esbarram,
ele fala coisas como ‘este foi difícil’
‘prateou no ar dando rabanadas’
e faz o gesto com a mão.
O silêncio de quando nos vimos a primeira vez
atravessa a cozinha como um rio profundo.
Por fim, os peixes na travessa,
vamos dormir.
Coisas prateadas espocam:
somos noivo e noiva.
Adélia Prado
TEXTO VI
TEXTO III
Parece estranho
CASAL
Sinto o mundo girando ao contrário
No quarto ela arruma a mala
Foi o amor que fugiu da sua casa
Na sala ele vê televisão.
E tudo se perdeu no tempo
Francisco Alvim
É triste e real
5. A relação entre homem e mulher é o tema dos dois
Eu vejo gente se enfrentando
poemas, que são contemporâneos. Contudo, a
Por um prato de comida
abordagem que fazem do tema é diferente. Assinale a
Água é saliva
alternativa que se refere apropriadamente a essa
Êxtase é alívio, traz o fim dos dias
diferença.
E enquanto muitos dormem, outros se contorcem
a. O primeiro revela intimidade e encantamento, e o
É o frio que segue o rumo e com ele a sua sorte
segundo, separação.
b. O primeiro é sensual, e o segundo ridiculariza a
Você não viu?
paixão entre homem e mulher.
Quantas vezes já te alertaram
c. O primeiro é casto, e o segundo idealiza a relação
Que a Terra vai sair de cartaz
entre homem e mulher.
E com ela todos que atuaram?
d. O primeiro tem caráter religioso, e o segundo expõe
conflito.
E nada muda, é sempre tão igual
e. O primeiro satiriza o desejo, e o segundo fala de
A vida segue a sina
tédio.
Mães enterram filhos, filhos perdem amigos
Amigos matam primos
TEXTOS MOTIVADORES
Jogam os corpos nas margens dos rios contaminados
por gigantes barcos
Leia com atenção:
Aquilo no retrato é sangue ou óleo negro?
TEXTO IV
Chega-se a Marte, mas não se chega ao próximo.
Aqui jaz um coração que bateu na sua porta
Neste meio século não parece que os governos tenham
às 7 da manhã
feito pelos direitos humanos tudo aquilo a que
Querendo sua atenção, pedindo a esmola de um
moralmente estavam obrigados. As injustiças
simples amanhã
2
(...) de sua formação, redija um artigo de opinião sobre o
Mais que um mero poema- Rosa de Saron' tema “Falta de amor ao próximo: uma síndrome
da atualidade”. Selecione, organize e relacione, de
PROPOSTA DE REDAÇÃO forma coerente e coesa, argumentos e fatos para
A partir da leitura dos textos motivadores acima e defesa de seu ponto de vista.
com base nos conhecimentos construídos ao longo

FOLHA DEFINITIVA
1. _______________________________________________________________________________________
2. _______________________________________________________________________________________
3. _________________________________________________________________________________
4. _________________________________________________________________________________
5. _________________________________________________________________________________
6. _________________________________________________________________________________
7. _________________________________________________________________________________
8. _________________________________________________________________________________
9. _________________________________________________________________________________
10. __________________________________________________________________________________
11. _________________________________________________________________________________
12. _________________________________________________________________________________
13. _________________________________________________________________________________
14. _________________________________________________________________________________
15. _________________________________________________________________________________
16. _________________________________________________________________________________
17. _________________________________________________________________________________
18. ___________________________________________________________________________________
19. _________________________________________________________________________________
20. _________________________________________________________________________________
21. _________________________________________________________________________________
22. __________________________________________________________________________________
23. _________________________________________________________________________________
24. _________________________________________________________________________________
25. _________________________________________________________________________________
26. _________________________________________________________________________________
27. _________________________________________________________________________________
28. __________________________________________________________________________________
29. _________________________________________________________________________________
30. _________________________________________________________________________________